_Destaque _Featured Lançamentos Peugeot SUVs Test Drive

Novo Peugeot 3008: Impressões ao dirigir

novo-peugeot-3008-impressões-NA-1 Novo Peugeot 3008: Impressões ao dirigir

O Novo Peugeot 3008 finalmente chegou ao mercado brasileiro, apresentando design diferenciado, acabamento exclusivo e um conjunto sofisticado, mas preservando a dupla 1.6 THP e câmbio automático de seis marchas. O preço de R$ 135.990 visa atender uma faixa de preço onde a marca francesa vê como concorrentes New Tucson, Novo Sportage, Tiguan, Compass e Q3. O fabricante sediado em Porto Real estuda uma versão mais barata (Allure), mas ainda vai demorar para chegar.



De acordo com a Peugeot, em duas horas, 50 unidades de pré-venda do Novo 3008 foram vendidas. Os 30 primeiros levaram o e-Kick, um patinete elétrico com 12 km de autonomia e 25 km/h de máxima. A marca irá aumentar o número de unidades de pré-venda para atender a demanda pelo crossover, que chega com bom nível de equipamento, entregando teto solar panorâmico, rodas aro 19, multimídia com tela de 8 polegadas, cluster digital de 12,3 polegadas, ambiente em LED azul, Android Auto e Car Play, MirrorLink, faróis full LED, lanternas em LED, bancos em couro, massageador com cinco padrões, entre outros.

novo-peugeot-3008-impressões-NA-16 Novo Peugeot 3008: Impressões ao dirigir

Medindo 4,45 m de comprimento, 1,84 de largura, 1,62 de altura e 2,67 de entre eixos, o Novo Peugeot 3008 apresenta um ambiente espaçoso e porta-malas com 520 litros. O visual incorpora a imagem do leão, tendo frente curvada e dotada de faróis que remetem à agressividade, assim como a grade fractal. Na traseira, o padrão de lanternas com garras triplas também é outra marca da Peugeot. Os frisos cromados no teto destacam a parte superior.

Por dentro, o Novo Peugeot 3008 envolve o condutor com o i-Cockpit 2.0, que passa uma impressão de luxo, mas também de exclusividade em relação aos concorrentes, deixando de empregar couro no painel e portas para dar ênfase ao tecido, que acabou dando uma aparência realmente muito boa ao conjunto.A instrumentação digital configurável necessita não só de um comando no volante, mas também do uso da multimídia, a fim de torna-la mais pessoal.

novo-peugeot-3008-impressões-NA-39 Novo Peugeot 3008: Impressões ao dirigir

 

Teclas inspiradas em piano na parte central e a parte elevada no túnel substituem os anteriores comandos e alça lateral, preservando assim a essência do 3008. O mesmo vale para o frigobar entre os bancos, que mantém geladas bebidas ou lanches. Mas, agora o Novo 3008 tem uma tela de entretenimento fixa e perde o HUD, já que o cluster ficou mais alto e acima do volante Sportdrive, que tem um formato bem achatado e com visual esportivo.

Destaque também para a alavanca de câmbio em formato de joystick. Não é mecânica, tendo comandos puramente elétricos para acionamento da transmissão. Carregamento por indução para smartphones com essa tecnologia também está presente, assim como o massageador dos assentos dianteiros, que são regulados em cinco tipos de operação e mais três níveis de intensidade. Essa funcionalidade trabalha por certo tempo, pausa e retorna em seguida, continuando assim por toda a viagem.

novo-peugeot-3008-impressões-NA-70 Novo Peugeot 3008: Impressões ao dirigir

O motorista ainda tem ajuste elétrico do assento com duas memórias, mas ambos os bancos dianteiros possuem extensor do assento, dando ainda mais conforto nas viagens. A iluminação em LED na cor azul chama atenção nas portas, espaço para smartphone e porta-copos, também estando presente no lado direito do túnel central. Porém, é envolvendo o teto solar panorâmico que ela chama mais atenção. Faltou fileles de LED sob a cobertura central do porta-malas, mas a mesma está presente sob a tela da instrumentação.

Quem vai atrás, tem espaço apenas bom e difusores de ar. Há top tether também no assento do passageiro, possibilitando a fixação de cadeiras infantis, além do Isofix no banco traseiro bipartido. Este, por sinal, pode ser rebatido de forma automática através de comandos nas laterais do porta-malas, que tem bom espaço e estepe fino oculto, agregando também um assoalho ajustável em altura. A tampa não tem fechamento elétrico. O pareamento do Bluetooth não funcionou como deveria em dois aparelhos muito diferentes e há somente uma entrada USB.

novo-peugeot-3008-impressões-NA-74 Novo Peugeot 3008: Impressões ao dirigir

Impressões ao dirigir

O Novo Peugeot 3008 é feito sobre a plataforma modular EMP2, que corta 100 kg de peso em comparação com a antiga PF2. Como já havíamos experimentado essa base no Citroën C4 Picasso da atual geração, tínhamos uma ideia de como ela seria. O resultado não foi diferente. O SUV da Peugeot se mostrou um carro igualmente agradável ao dirigir. Ele não passa a impressão de quem tem seus 1.567 kg.

A dirigibilidade é o ponto alto do carro, que conta com assistência elétrica e um bom acerto da suspensão que, embora tenha ficado mais macia que no antigo 3008, não permite que o veículo role a carroceria nas curvas. Há controles de tração e estabilidade, assim como assistente de partida em rampa. As rodas aro 19 são calçadas por largos pneus 235/50, que ajudam nesse comportamento. Em pisos irregularidades, o Novo Peugeot 3008 filtrou razoavelmente as imperfeições. Em relação ao antigo, melhor muito.

novo-peugeot-3008-impressões-NA-44 Novo Peugeot 3008: Impressões ao dirigir

Para somar ao pacote, o Novo Peugeot 3008 vem ainda com um bom nível de ruído e o já conhecido motor 1.6 THP de 165 cv e 24,5 kgfm a partir de 1.500 rpm, somente abastecido com gasolina. Não poderia faltar também o câmbio Aisin de seis marchas e dotado de mudanças de marchas manuais nos paddle shifts e modo Sport. O propulsor responde prontamente e mesmo em subida de serra, mantém uma rotação adequada entre 1.500 e 2.200 rpm.

Trabalhando folgado, o THP apenas usa seu torque em baixa para uma condução agradável, sem a necessidade de ser esgoelar o motor nas subidas e por tempo prolongado. No plano, desenvolve muito bem a 2.000 rpm na sexta marcha e rodando a 110 km/h. O modo Sport atua apenas no câmbio, reduzindo uma ou mais marchas se for o caso, a fim de extrair tudo do propulsor. Retomadas também são muito boas, assim como as saídas.

novo-peugeot-3008-impressões-NA-63 Novo Peugeot 3008: Impressões ao dirigir

O câmbio tem engates suaves e transição de marchas adequada. No acionamento da alavanca estilosa, é necessário atenção para não deixa-la em Drive, visto que ela funciona dando-se toques para frente e para trás, a fim de mudar as posições. O Parking é feito por um botão no topo, enquanto o modo manual fica na base. Um botão lateral funciona de trava. Ela também não permite trocas manuais, feitas apenas no paddle shifts, que são fixos, sendo ruins em caso de curvas onde seja necessário alterar a marcha.

A Peugeot apresentou números de consumo, sendo 9,4 km/litro na cidade e 9,6 km/litro na estrada, obtidos pelo Inmetro. Em sua classificação, o instituto deu nota A na categoria e C na geral. Na vida real, os números devem ser melhores, mesmo que o Novo 3008 não tenha Start&Stop para uso urbano ou roda livre na estrada, como alguns utilitários presentes no mercado. Os freios do modelo são adequados à proposta e a vida a bordo é igualmente positiva, ainda mais com relaxamento do massageador.

novo-peugeot-3008-impressões-NA-50 Novo Peugeot 3008: Impressões ao dirigir

Por conta da tecnologia empregada, o Novo Peugeot 3008 poderia dispor de alguns recursos de segurança a mais, tais como alerta de colisão e mudança de faixa com correção, mas tem sensor de estacionamento com câmera de 180 graus que pode cobrir parte dos pontos cegos.

No mais, o modelo vem ainda com uma posição de dirigir muito confortável e com um cockpit envolvente, que dá uma sensação melhor ao volante. Os principais comandos estão à mão e a configuração do painel não exige malabarismos durante a viagem. Pena não ter um GPS nativo, sendo o motorista obrigado a usar o Google Maps, no caso do Android Auto. Car Play e MirrorLink também estão presentes.

novo-peugeot-3008-impressões-NA-72 Novo Peugeot 3008: Impressões ao dirigir

No geral, o Novo Peugeot 3008 se mostrou um carro muito agradável em vários sentidos, mesmo que em sua categoria, não venha com tração nas quatro rodas e muito menos uma suspensão multilink na traseira. O conteúdo oferecido pela versão única – que parece ser a Griffe lá fora – é muito bom, assim como o ajuste do veículo, especialmente com o uso de pneus mais largos. O conjunto mecânico nem precisa ser mencionado, mas um Aisin de oito velocidades traria um rendimento ainda melhor. Quem sabe na atualização de meia vida.

Novo Peugeot 3008 2018 – Galeria de fotos

Leia avaliações, notícias sobre carros e compare modelos em NoticiasAutomotivas.com.br.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Send this to a friend