Novo Peugeot 3008 terá estilo de SUV-cupê em 2023

Novo Peugeot 3008 terá estilo de SUV-cupê em 2023

O Novo Peugeot 3008 chegará em 2023 e terá um novo estilo de carroceria. Desta vez, o foco será num perfil de cupê. Inicialmente tendo começado como uma mescla intrigante de minivan e crossover, o produto passou a ter cara de SUV e isso o tornou um sucesso na Europa.


Por lá, vendeu até agora 800.000 unidades em quatro anos, sendo esse o limite de produção do 3008, indicando que o que se faz, vende. Segundo o site L´Argus, o projeto é conhecido como P64, tendo ainda ao lado do P74, o sucessor do atual Peugeot 5008, que deixou de ser vendido por aqui.

No design, as colunas C serão mais inclinadas, assim como as vigias laterais, dando ao SUV uma pegada mais esportiva. Isso pode indicar que a Peugeot poderá converter o 5008 (P74) em um SUV propriamente dito em estilo, deixando-o com menos cara de crossover ou minivan.

Essa seria uma resposta para alguns concorrentes na Europa e ainda levando sete pessoas. Além disso, o Novo Peugeot 3008 manterá seu porte, exceto se a marca tiver como alvo um produto entre 2008 e 3008, de modo a pegar Nissan Qashqai ou Skoda Karoq.

Novo Peugeot 3008 terá estilo de SUV-cupê em 2023

Contudo, o que se sabe até agora é que o layout das garras triplas de LED atuais seguirá na próxima geração, que terá outra novidade, um cluster-infotainment em tela única com seis botões touchscreen i-toggle, que poderão ser configurados.

Espera-se ainda pelo aumento de conectores USB e USB-C, bem como mais aplicativos e funcionalidades de entretenimento. Fabricado sobre a plataforma STLA Medium, o Novo 3008 será feito em Sochaux, França, onde haverá somente uma linha de produção modular que reduzirá o tempo de fabricação de um carro de quatro para seis horas.

Além de híbrido plug-in, o Novo 3008 será elétrico, com um ou dois motores, tendo potências de 170 a 245 cavalos, além de baterias de lítio de 87 kWh e 104 kWh. Pelo tamanho, a Peugeot indica que o crossover será bem mais caro, contando com autonomia de 400 a 700 km.

Mais duas coisas serão alteradas no 3008. Sairá o motor diesel 1.5 BlueHDi de 130 cavalos e a caixa automática Aisin de oito marchas será trocada por uma DCT de sete marchas, feita pela Punch, que fechou parceria com a Stellantis.

[Fonte: L´Argus]

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.