Novo Sentra e-Power pode ser híbrido mexicano e chegar ao Brasil

Novo Sentra e-Power pode ser híbrido mexicano e chegar ao Brasil

A Dongfeng-Nissan lançará no Salão de Tianjin, em 29 de setembro, o sedã híbrido Sylphy e-Power, que estreia no segmento médio da marca, a tecnologia já empregada no Kicks da Tailândia.


Este modelo é o Nissan Sentra, fabricado em Aguascalientes, México. Recentemente, a filial local da montadora japonesa anunciou que terá em breve o primeiro modelo e-Power a ser comercializado no país.

Novo Sentra e-Power pode ser híbrido mexicano e chegar ao Brasil

O produto até poderia ser o Kicks, que também é fabricado lá, mas o custo pode ser proibitivo para a realidade mexicana, assim como certamente deve ser para o mercado brasileiro.

Contudo, o Nissan Sentra tem mais bagagem para agregar o peso dos custos extras do e-Power e poderia abrir caminho para outros modelos feitos por lá, como o próprio Kicks e o Novo Versa.

Novo Sentra e-Power pode ser híbrido mexicano e chegar ao Brasil

Assim como no crossover vendido na Tailândia, o Novo Sentra e-Power carrega um motor HR12DE 1.2 de três cilindros com aspiração natural e gasolina. No Sylphy, ele tem apenas 72 cavalos, mas o motor elétrico ao lado dele tem 136 cavalos.

Conta-se que o Sylphy e-Power tem consumo médio de 24,4 km/l, o que é muito bom. Dada a potência elevada do motor elétrico, a mesma dos modelos 100% energizados da Stellantis (PSA).

No caso do e-Power, o motor 1.2 não chega a movimentar as rodas, funcionando de fato como um gerador para alimentar o conjunto principal e uma pequena bateria sob um dos bancos dianteiros.

Novo Sentra e-Power pode ser híbrido mexicano e chegar ao Brasil

Com 4,649 m de comprimento, 1,815 m de largura, 1,445 m de altura e 2,715 m de entre-eixos, o Nissan Sylphy e-Power ainda não tem preço, mas deverá ser competitivo pela proposta.

Se for feito no México de fato, sua vinda para o Brasil ficará facilitada, permitindo até que o HR12 ou o HR10 modificado, atue por aqui com etanol. O último é fabricado em Resende, o que beneficiaria a produção nacional e a comunalidade com o Kicks e-Power Flex local.

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.