*Destaque Lançamentos Linha 2018 Sedãs Toyota Vídeos

Novo Toyota Corolla 2018: preço, fotos, versões, consumo, desempenho e detalhes

toyota-corolla-2018-NA-10-1024x682 Novo Toyota Corolla 2018: preço, fotos, versões, consumo, desempenho e detalhes

O Novo Corolla 2018 foi anunciado na Argentina e já está sendo vendido também no Brasil. O sedã mais vendido do Brasil tem várias novidades para tentar continuar na ponta de seu segmento, vamos aos detalhes.



Nascido em 1966, o Toyota Corolla é o carro mais vendido da história com mais de 44 milhões de unidades emplacadas. A primeira geração surgiu naquele ano e durou até 1970, sendo chamada de E10. Seu aspecto parecia um Ford Corcel I. A segunda geração tinha um estilo parecido e continuou até 1974. Já na terceira, o sedã ganhou contornos mais retilíneos, mas ainda manteve o porte compacto.

A partir da quarta geração, o Corolla começou a crescer em tamanho. Nas quinta e sexta gerações, entre 1983 e 1991, o sedã da Toyota ganhou uma aerodinâmica mais eficiente. Mas, foi a partir da sétima que os brasileiros conheceram o modelo. Esta foi vendida até 1995, quando então surge a oitava e definitiva geração que chegou ao Brasil, onde a Toyota construiu uma fábrica em Indaiatuba-SP a partir de 1997.

Na nona geração, o Toyota Corolla se popularizou no Brasil, sendo a partir deste que o modelo ganhou fama de robustez, conforto e confiabilidade. Na décima, o sedã se mantém como um dos sedãs médios mais desejados e recebe pela primeira vez o motor 2.0, embora ainda portasse a velha caixa automática de quatro marchas.

Na atual décima primeira, o Corolla 2018 já esta em sua primeira atualização visual e chama atenção pelo câmbio CVT e sistemas de segurança adicionais, tais como sete airbags e os desejados controles de tração e estabilidade, bem como assistente de partida em rampa. O modelo também traz uma nova multimídia com tela de 8 polegadas, navegador e câmera de ré.

Novo Corolla 2018 – novidades

O Corolla 2018 chegou com poucas novidades, trazendo um design mais agressivo com faróis de LED e LEDs diurnos, além de lanternas em LED. O sedã médio da marca japonesa também traz um pacote de versões bem ampla, tendo ainda versões dedicadas aos frotistas e taxistas, bem como para portadores de deficiência física ou especiais, que se beneficiam de descontos estipulados por lei e assim ganham isenções até R$ 70.000.

A versão XRS é outra novidade, embora tenha sido lançada por aqui somente na décima geração. O apelo é esportivo, tendo spoilers integrados aos para-choques, difusor de ar traseiro, defletor de ar sobre o porta-malas, saias laterais, rodas de liga leve aro 17 polegadas, suspensão com ajuste mais firme, acabamento interno em couro e com tonalidade preta, entre outros.

Novo Corolla 2018 – detalhes

As novidades do Corolla 2018 incluem retoques no visual e no acabamento interno, além de novos equipamentos de série desde a versão mais básica. O Novo Toyota Corolla 2018 chega a mercado nacional com preços entre R$ 69.690 e R$ 114.990, contando agora com o tão aguardado ESP e também uma nova versão com detalhes esportivos, chamada XRS.

O que chama a atenção no Corolla 2018 são os para-choques atualizados, faróis full LED com LEDs diurnos, lanternas em LED redesenhadas, grade mais afilada, novas rodas de liga leve aro 17 polegadas, acabamento interior renovado, painel com alterações nos difusores de ar, ar-condicionado revisado, multimídia Toyota Play com tela de 7 polegadas e cluster com novo grafismo.

Todas as versões do Toyota Corolla 2018 tem sete airbags e também ESP.

Com 4,62 m de comprimento, o Novo Corolla 2018 tem 1,77 m de largura, 1,47 m de altura e 2,70 m de entre eixos, tendo 470 litros no porta-malas e mais 60 litros no tanque de combustível. O sedã médio da Toyota está em sua décima primeira geração e utiliza uma plataforma com aços de alta resistência e com estrutura leve, pesando entre 1.285 kg e 1.315 kg, dependendo da motorização.

O modelo possui suspensão dianteira do tipo McPherson com barra estabilizadora, enquanto a traseira ainda emprega o velho eixo de torção com molas e amortecedores telescópicos como na dianteira. Daí, o Toyota Corolla consegue parte de sua robustez e simplicidade mecânica, mas sem denegrir o conforto e a estabilidade, um casamento difícil quando se usa um eixo de torção na parte traseira.

Esse casamento entre componentes simples e resistentes, garante um carro com manutenção barata, sendo inferior ao de muitos carros mais baratos. Aqui, em torno de R$ 3.065 gastos até 60.000 km com revisões bem executadas pela rede Toyota, sempre bem avaliada em pesquisa de satisfação dos consumidores.

O Corolla 2018 assim consegue reduzir problemas mecânicos e dá aos proprietários maior satisfação ao longo do tempo. Esses dois fatores fazem com que o modelo seja bem avaliado na revenda, perdendo muito pouco do valor com o tempo de uso ou mesmo a quilometragem, que não precisa ser exatamente baixa para que o veículo mantenha um bom valor no mercado de usados.

Por conta disso, os números comprovam que o Toyota Corolla é um dos carros mais desejados do país, sendo o sétimo automóvel mais vendido em 2017, tendo emplacado até julho 35.437 unidades. No mês de julho, o modelo ficou em sexto com 6.250 exemplares. Anualmente, as vendas ultrapassam a capacidade instalada da fábrica de Indaiatuba-SP, que é de 70.000 carros.

A demanda pelo sedã, que não custa pouco, é tão grande que a montadora já tem projeto pronto para sua produção na fábrica de Sorocaba-SP, localizada há poucos quilômetros da unidade mais antiga. Essa segunda linha seria executada há algum tempo atrás, mas como o nível das vendas não se elevou ainda mais, a Toyota decidiu manter a produção do Corolla apenas em Indaiatuba. No entanto, se o mercado responder muito rapidamente, a empresa tem como iniciar uma segunda linha na outra cidade.

As vendas do Corolla vem obrigando a Toyota a regionalizar sua produção num triângulo industrial composto pelas cidades de Indaiatuba, Sorocaba e agora Porto Feliz. Nesta última, a montadora construiu uma fábrica de motores que irá alimentar a fabricação da décima segunda geração do sedã, que chega em 2019 sobre a plataforma modular TNGA, a mesma do Novo Prius e dos próximos Yaris e Vios, segundo rumores. Serão motores turbinados e com injeção direta para o próximo Corolla.

No momento, essa fábrica de Porto Feliz produz motores 1.3 e 1.5 para o Toyota Etios 2018 em Sorocaba, cuja planta tem capacidade para 108 mil carros por ano, mas com espaço suficiente para receber mais uma ou duas linhas de montagem, que provavelmente serão dos próximos lançamentos da Toyota. A unidade histórica de São Bernardo do Campo-SP, a primeira fábrica da Toyota fora do Japão, produz peças e componentes para os modelos fabricados no país, além de exporta-las.

Com estas instalações, o Toyota Corolla 2018 tem assegurado sua produção no país sob qualquer demanda de mercado, mesmo em tempos de crise, foi o único modelo do segmento superior e com preços acima de R$ 100 mil que se manteve entre os 10 carros mais vendidos do país, mesmo após a chegada dos utilitários esportivos, que se tornaram moda no país e no mundo.

Novo Corolla 2018 – motor

O Novo Corolla 2018 traz dois propulsores para a gama nacional. O primeiro é o 1.8 VVT-i Flex, que tem duplo comando variável de válvulas, quatro cilindros, injeção eletrônica indireta de combustível, bem como bloco e cabeçote em alumínio.

Além disso, há opção de transmissão continuamente variável (CVT) com simulação de sete posições de marcha, todas virtuais por conta da ausência de engrenagens, já que se trata de polias de aço. O motor 1.8 entrega 139 cv com gasolina e 144 cv com etanol, ambos a 6.000 rpm. Os torques disponíveis são de 17,7 kgfm e 18,6 kgfm, obtidos em 4.800 rpm.

Já no Novo Corolla 2.0 2018, o motor motor forte e desejado é o 2.0 VVT-i Flex, que também tem duplo comando variável de válvulas, quatro cilindros, injeção eletrônica indireta de combustível, bem como bloco, cárter e cabeçote em alumínio. Coletor de admissão é de plástico e o de escape feito em aço.

Este propulsor trabalha com a mesma transmissão continuamente variável (CVT) com simulação de sete posições de marcha, mas vem com programação para um modo Sport, dando ao modelo um performance melhor. O motor 2.0 entrega 143 cv com gasolina e 154 cv com etanol, ambos a 5.800 rpm. Os torques disponíveis são de 19,5 kgfm e 20,7 kgfm, obtidos em 4.800 rpm.

Novo Corolla 2018 – desempenho

O Toyota Corolla 2018 tem um bom nível de conforto, dirigibilidade e performance adequada. O sedã médio mais vendido do Brasil vem com bom conjunto quando equipado com o motor 1.8 e o câmbio CVT. O modelo se mostra bem econômico, fazendo 7,8 km/litro na cidade e 9,2 km/litro na estrada, quando com etanol. Porém, com gasolina no tanque de 60 litros, o sedã faz 11,4 km/litro em ciclo urbano e 13,2 km/litro no ambiente das rodovias e estradas. Ele também vai de 0 a 100 km/h em 11 segundos e atinge máxima de 186 km/h.

O motor funciona sempre com giro baixo e a aceleração é linear, dando ao condutor um conforto ímpar. Mesmo com simulação de marchas, o Corolla 1.8 CVT 2018 é um carro agradável de dirigir. A direção elétrica é bem leve e eficiente, assim como a atuação dos freios, que garantem equilíbrio dinâmico em situações de emergência. A suspensão tem um ajuste para o conforto, mas dá uma boa dose de firmeza quando necessário. Mesmo em curvas bem fechadas, dificilmente será necessário o uso dos controles de tração e estabilidade. O nível de ruído a bordo é muito bom, assim como a posição de dirigir, correta e sem vícios.

Já no Corolla 2018 com motor 2.0 e câmbio CVT, o conjunto motriz agora conta com ajuda de uma nova calibração da suspensão por conta do uso de rodas aro 17 polegadas com pneus 215/50 R17. O novo conjunto deu ao sedã um comportamento melhor, ficando mais neutro nas curvas e ganhando em estabilidade nas mudanças rápidas de direção. Mesmo com pneus série 50, o modelo prioriza o conforto, embora as alterações tenham afetado mais essa característica de leveza e maciez do Toyota, absorvendo menos as irregularidades do solo.

Na performance, o propulsor 2.0 VVT-i Flex tem uma boa oferta de torque em baixas rotações, garantindo saídas mais suaves e uma condução com baixo giro, o que permite economizar combustível  e reduzir as emissões. O motor geralmente trabalha na casa dos 1.500 rpm, dando ao Novo Corolla 2018 um conforto a mais para motorista e passageiros. Quando exigido, o 2.0 faz bem seu papel, elevando a rotação rapidamente e entregando um bom desempenho.

Mas, para quem ainda prefere um algo a mais, a Toyota reserva o botão Sport, que faz com que a rotação fique mais tempo em nível elevado, tanto nas retomadas quanto nas reduções, deixando o motor sempre cheio para saídas bem vigorosas. Mesmo não sendo um esportivo, o Novo Corolla 2018 é um carro que atende razoavelmente bem numa condução esportiva, embora a programação esteja toda voltada para economia e conforto. Direção e freios atuam da mesma forma que no 1.8.

Com essa motorização, o Corolla 2.0 2018 vai de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos e tem velocidade máxima de 199 km/h. Já o consumo é de 7,2 km/litro em vias urbanas e 8,8 km/litro em circuito rodoviário. Quando abastecido com gasolina, o modelo da Toyota faz 10,6 km/litro na cidade e 12,6 km/litro na estrada.

Corolla 1.8 CVT 2018

0 a 100 km/h – 11 segundos

Velocidade máxima – 186 km/h

Corolla 2.0 CVT 2018

0 a 100 km/h – 9,6 segundos

Velocidade máxima – 199 km/h

toyota-corolla-2018-NA-6-1024x682 Novo Toyota Corolla 2018: preço, fotos, versões, consumo, desempenho e detalhes

Novo Corolla 2018 – consumo

O modelo faz 10,7/13,2 km/litro na cidade/estrada com gasolina na versão 1.8 manual. Passando à versão 1.8 com câmbio CVT, o consumo é de 11,4/13,2 km/litro. No 2.0 CVT com gasolina, o sedã faz 10,6/12,6 km/litro, respectivamente. No etanol, temos consumos de 7,4/9,1 km/litro no 1.8, 7,8/9,2 km/litro no 1.8 CVT e 7,2/8,8 km/litro no 2.0 CVT, respectivamente em cidade e estrada.

toyota-corolla-2018-NA-27-1024x682 Novo Toyota Corolla 2018: preço, fotos, versões, consumo, desempenho e detalhes

Novo Corolla 2018 – versões

Novo Corolla 1.8 GLi manual
Novo Corolla 1.8 GLi CVT
Novo Corolla 1.8 GLi CVT Upper
Novo Corolla 2.0 XEi CVT
Novo Corolla 2.0 XRS CVT
Novo Corolla 2.0 Altis CVT

Novo Corolla 2018 – equipamentos

Novo Corolla GLi 2018 vem de série com direção eletroassistida progressiva; ar-condicionado com controle manual; chave do tipo canivete com comandos do alarme integrados; computador de bordo com seis funções (consumo médio e instantâneo, indicador Eco Drive, autonomia, velocidade média, tempo percorrido, controle de iluminação do painel e da temperatura externa); coluna de direção com regulagem de altura e profundidade; hodômetro e relógio digital; sistema de som com conectividade USB, para iPod® e similares, e dispositivo Bluetooth®; vidros e retrovisores com acionamento elétrico; volante multifuncional; entre outros.

Novo Corolla XEi 2018 oferece ar-condicionado digital; Smart Entry – sistema de destravamento das portas por sensores na chave; Push Start – sistema de partida sem chave (estes dois últimos são novidades para a versão); espelho retrovisor interno eletrocrômico; controle de velocidade de cruzeiro; rodas de liga leve aro 17”; antena shark fin; faróis de neblina dianteiros; acendimento automático dos faróis; painel de instrumentos com tela TFT colorida de 4,2”; sistema multimídia Toyota Play com tela LCD de 7” sensível ao toque e áudio compatível com DVD player, CD-R/RW, MP3, WMA e AAC e rádio AM/FM; sistema de navegação GPS; TV digital e câmera de ré; Bluetooth®; quatro alto-falantes e dois tweeters; entre outros.

Novo Corolla XRS 2018 vem com acabamento interno na cor preta; aerofólio traseiro com luz de freio em LED; saias esportivas laterais, frontal e traseira; ponteira do escapamento cromada; faróis dianteiros em LED; ajuste de altura do farol; e rodas diamantadas aro 17”, com acabamento em preto brilhante.

Novo Corolla Altis 2018 apresenta ar-condicionado dual zone (novidade); limpador do para-brisa com sensor de chuva; banco do motorista com regulagem elétrica de oito posições; espelhos retrovisores externos com rebatimento elétrico; e rodas diamantadas aro 17”, com acabamento na cor cinza.

Novo Corolla 2018 – preços

Novo Corolla 1.8 GLi manual – R$ 69.690
Novo Corolla 1.8 GLi CVT – R$ 69.990
Novo Corolla 1.8 GLi CVT Upper – R$ 90.990
Novo Corolla 2.0 XEi CVT – R$ 99.990
Novo Corolla 2.0 XRS CVT – R$ 108.990
Novo Corolla 2.0 Altis CVT – R$ 114.990

Novo Corolla 2018 – consumo

O modelo faz 10,7/13,2 km/litro na cidade/estrada com gasolina na versão 1.8 manual. Passando à versão 1.8 com câmbio CVT, o consumo é de 11,4/13,2 km/litro. No 2.0 CVT com gasolina, o sedã faz 10,6/12,6 km/litro, respectivamente. No etanol, temos consumos de 7,4/9,1 km/litro no 1.8, 7,8/9,2 km/litro no 1.8 CVT e 7,2/8,8 km/litro no 2.0 CVT, respectivamente em cidade e estrada.

Novo Corolla 2018 – manutenção e revisão

O custo de manutenção até 60.000 km é de R$ 3.065. As revisões programadas da Toyota podem ser parceladas em até três vezes e a mão de obra está incluída. A marca japonesa conta ainda com revisão expressa de até 60 minutos e revisão com preço fechado.

Revisão

Custo

Quilometragem

Preços 1.8

Preços 2.0

10.000 km

R$ 252

R$ 252

20.000 km

R$ 559

R$ 559

30.000 km

R$ 410

R$ 410

40.000 km

R$ 861

R$ 861

50.000 km

R$ 402

R$ 402

60.000 km

R$ 581

R$ 581

Novo Corolla 2018 – ficha técnica

Motor

Motor 1.8

Motor 2.0

Tipo

Dianteiro transversal, Gasolina e Etanol

Dianteiro transversal, Gasolina e Etanol

Número de cilindros

4 em linha

4 em linha

Cilindrada em cm3

1978

1986

Válvulas

16

16

Taxa de compressão

12:1

12:1

Injeção eletrônica de combustível

Multiponto

Multiponto

Potência Máxima Líquida (ABNT NBR 5484)

Gasolina: 139 cv @ 6000 rpm / Etanol: 144 cv @ 6000 rpm

Gasolina: 143 cv @ 5800 rpm / Etanol: 154 cv @ 5800 rpm

Torque Máximo Líquido (ABNT NBR 5484) 

Gasolina: 17,7 kgfm @ 4800 rpm / Etanol: 18,6 kgfm @ 4800 rpm

Gasolina: 19,4 kgfm @ 4800 rpm / Etanol: 20,7 kgfm @ 4800 rpm

Transmissão

Tipo

Manual 6 marchas / CVT 7 marchas

CVT 7 marchas

Freios

Tipo

Disco ventilado / disco

Disco ventilado / disco

Direção

Tipo

Elétrica

Elétrica

Suspensão

Dianteira

McPherson, independente com barra estabilizadora

McPherson, independente com barra estabilizadora

Traseira

Eixo de torção

Eixo de torção

Rodas e Pneus

Rodas

Liga Leve aro 16 polegadas

Liga Leve aro 17 polegadas

Pneus

205/55 R16

215/50 R17

Dimensões

Comprimento total (mm)

4620

4620

Largura sem retrovisores (mm)

1775

1775

Altura (mm)

1475

1475

Distância entre os eixos (mm)

2700

2700

Capacidades

Porta-malas (litros)

470

470

Tanque (litros)

60

60

Carga útil, com 5 passageiros mais bagagem (kg)

455

455

Peso em ordem de marcha (kg)

1285

1315

Coeficiente de penetração aerodinâmica (Cx)

ND

ND

Vídeo do Corolla 2018

Novo Corolla 2018 – fotos

5.0

  • Mario Nobile

    Continuará sendo líder facilmente, ficou ainda mais bonito e ainda mais caro….. sacanagem!

    • nãotemjornalistajapa.

      tem Civic tb

      • Mario Nobile

        Verdade, essa pode ser a chance do Civic voltar a vender mais com os novos preços do Corolla

  • zeh

    …um ‘ VIVA” pro Etios….eba!

    • nãotemjornalistajapa.

      tem Etios clube

  • Bruno Leite

    Afinal, qual valor da versão 1.8 GLi automática mais básica? R$ 69.990,00? Se for esta valendo.

    • Erasmo Artur

      Para o público o preço inicial é 90 mil.

      • Junoba

        E vai aumentar pra 95k daqui a alguns dias, a Toyota ja avisou.

    • Gustavo73

      Esse valor PCD.

  • Maycon Farias

    Belo vídeo. O que dizer desse carro… Esta perfeito!

    • Erasmo Artur

      Se você tiver uns 70 anos e dinheiro sobrando, está mesmo.

      • renato dantas

        Não precisa ter 70 anos e dinheiro para comprar o carro mais vendido no mundo, basta qualquer idade acima dos 18, habilitado e dinheiro para comprar no Brasil e melhor sedã médio é fato. tenho 46 anos e possuo um xei 16/16

        • Erasmo Artur

          Civic touring mandou um abraço. Muito mais carro.

          O fato de vc ter 46 anos só endossa o que eu falei. Carro pra senhorzinho.

          • Isaque Ribeiro

            Nem precisa ser o touring, o EXL já é melhor que todas versões do Corolla.

            • Erasmo Artur

              Exato.

              O corolla é muito simplório, sequer cogito um carro desse. Deixa pro pessoal de mais idade msm.

              Agora o civic touring encaro de boa.

              O exl só não rola pq depois que acostumamos com turbo é sem volta.

              • Jackson A

                Civic touring é a mesma coisa que rasgar $$$, nesse valor Fusion reina.

                • Erasmo Artur

                  Entendo. Mas já acho o Fusion uma baita barca pra quem anda 99% do tempo sozinho.

                  O fato é que o Corolla altis estará a 120 mil quando esses valores “promocionais” acabarem. Quem deixar de pegar o touring (ou o civic) para ir de corolla deve ter algum problema mental.

                  • Mateus

                    Tenho 23 anos, tenho um 15/16 e estou satisfeito. Não me considero em um carro de senhor por isso. Alias os modelos mais antigos tinham sim aparencia mais velha, mas o novo, pelo menos por fora não. E outra, acha o Fusion uma barca pra uma pessoa e o civic não? Faça-me rir

                    • Erasmo Artur

                      Sabe que o Civic é um médio e o Fusion é um sedã grande né? Que o Civic pesa 1300kg contra 1600kg do Fusion.

                      Não é só melhorando na aparência que a o corolla vai melhorar a reputação de tiozão, pessoal jovem prioriza desempenho, potência de motor e nível de equipamentos, justamente o que o corolla não tem. Pessoal com mais idade visa tranquilidade de manutenção, ponto forte do corolla.

                      Se você está feliz com seu carro bom pra vc. Pra mim ele não passa de um carro pelado.

                      Torça para nunca precisar do ESP, a propósito.

                  • Louis

                    E qual carro é para jovem feito você? Celta 2001?

                    • Erasmo Artur

                      Não vejo problema nenhum em pegar um celta, contanto que eu pague o preço de um carro simples como o celta. Não concordo em pagar um absurdo por um carro simples pensando só em revenda. Compro carro pra mim.

                      Quanto à sua pergunta, em momento algum disse que eu tinha um carro jovial. Pelo contrário, tenho um 3008 e, diferente dos donos de corolla que estão se doendo, não tenho problema em assumir que é um carro com jeitão da terceira idade. O que foi corrigido neste novo modelo, que é um carro que não virá barato, mas vem com recursos tecnológicos dignos para um carro lançado em pleno 2017 (2016 na verdade).

        • Maycon Farias

          Meu primeiro foi com 23, e agora estou com 30 e ainda sou cliente do carro. Não me sinto velho por isso. O modelo de 2014 em diante é extremamente mais jovem ainda (quem dera pudesse ter), não entendo até hoje essa taxação que eles fazem.

          • Wagner Lopes

            É bom variar e experimentar outras marcas, até mesmo para refinar os parâmetros de comparação.

        • Iran Borges

          Acho que você exagerou um pouco em dizer que é o melhor. Talvez seja em custo de propriedade, pois não dá dor de cabeça e é barato de manter. Não é o mais bonito, nem o mais confortável, nem o mais prazeroso, nem o mais forte/rápido, e talvez nem o mais seguro… é um carro honesto como máquina, e só. Na concorrência existem produtos melhores, mas que, infelizmente, não têm um pós-venda/assistência padronizados, de qualidade e eficientes que nem a Toyota. Por experiência própria, digo que o diferencial mesmo é a atitude da marca, porque a máquina é bem normal.

        • Junoba

          O Corolla é um carro para o público mais velho aqui no Brasil, na casa dos 40/50 anos, diferente de países desenvolvidos, que são para jovens.

      • beto

        Carro pra 3° idade.

    • nãotemjornalistajapa.

      eu tb gostei

    • Wagner Lopes

      Perfeito para brasileiro comprar.

  • Isaque Ribeiro

    Bonito. Mas ainda prefiro o Civic G10

    • nãotemjornalistajapa.

      eu gosto dos 2

  • Fanjos

    Compacto barato para países sérios, “banhado a ouro” para HuEzeiros

    • Iran Borges

      É mesmo… compact car nos EUA.

  • saulo

    Frente se parece com cruze ou é engano meu? nao vi o carro ao vivo ainda.

  • Erasmo Artur

    Agora que o corolla incluiu itens presentes a trocentos anos nos demais médios.

    Estamos em 2017, sensor crepuscular, tela colcorida tft no painel, keyless, etc já não são mais diferenciais (até mesmo GDI+turbo).

    Na minha opinião, equipamentos diferenciais para médios começam a ser:

    -Controle de cruzeiro adaptativo
    -Assistência de permanência em faixa
    -Frenagem de emergência
    -Faróis e lanternas full led
    -Câmeras 360

    Alguns médios já dispõem, não sei se algum possui todos.

    • VINÍCIUS FREITAS DE SOUZA

      O Civic 125 mil Edition tem .

      • nãotemjornalistajapa.

        tem teto solar?

        • Rodrigo

          Tem

      • Lucas086

        Dos itens que o amigo postou, o civic tem os full leds e a câmera. Já o Cruze ltz 2 tem os outros e não tem full led e nem câmera.

      • Hw2

        Civic tem Controle de cruzeiro adaptativo???

    • Iran Borges

      Eu gostaria de ter no meu carro a frenagem de emergência, sensor de chuva, sensor de ré (não gosto de câmera), monitoração de pneus, monitoração de óleo e auto hold. Controle de cruzeiro adaptativo não sei bem como é isso, mas parece interessante.

    • sigma7777777

      Enfim, quer um veículo semi-autônomo.

  • Heleno

    Uma das vantagens do Corola, em relação ao civil ainda era o menor preço, agora os dois custam praticamente o mesmo. Sem duvidas eu iria de civic, mesmo com essas mudanças no corola ainda acho o Civic muito mais agradável aos olhos.

  • Leonel

    Que ficou melhor, não há dúvida, mas ainda, como produto, vejo inferior ao Cruze e ao Civic. Particularmente, vejo Cruze como melhor produto e negócio.

  • HENRY ME

    Prefiro Cruze

  • Abel Neto

    Continua caro… mas parece que a Toyota acordou…

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend