Chevrolet Segredos-Flagras SUVs

Novo Tracker já está indo rumo aos concessionários Chevrolet

Novo Tracker já está indo rumo aos concessionários Chevrolet

Nas cercanias da fábrica da General Motors em São Caetano do Sul, algumas unidades do Novo Tracker já se acumulam nos pátios, enquanto em outras áreas mais isoladas, as unidades de testes também vão se juntando para aposentadoria. Ainda assim, o novo SUV compacto da Chevrolet começa a ir rumo aos concessionários.


Um flagrante do usuário do Instagram @rcarminati, reproduzido pelo jornalista Jorge Moraes, revela que o Novo Tracker já está embarcando. O utilitário esportivo compacto deverá chegar aos revendedores ainda este mês para formação de seus estoques, com previsão de lançamento no final de fevereiro.

Novo Tracker já está indo rumo aos concessionários Chevrolet

Tal como ocorreu com Onix Plus e depois com o Novo Onix, a GM não vai deixar uma lacuna de dias ou semanas para os interessados irem buscar ou testar o Novo Tracker. O modelo é prioridade em um ano que se espera ter um aumento maior na venda de SUVs. Então, perder tempo não é uma opção.

Com aparência mais leve e jovial que o modelo anterior, importado do México, o Novo Tracker já está sendo feito no ABC e chegará ao mercado com uma gama ampla de versões, justamente para ir do PCD até além dos R$ 100 mil. Para isso, deve apresentar versões de acesso (sem designação, exceto “Turbo”), LT, LTZ e Premier.

Novo Tracker já está indo rumo aos concessionários Chevrolet

A expectativa é que o Novo Tracker chegue com dois motores, sendo o Ecotec 1.0 Turbo de 116 cavalos e até 16,8 kgfm, usado nos Onix e Onix Plus, bem como o mais recente Ecotec 1.2 Turbo, que no México (a bordo do Onix Plus) tem 132 cavalos e 19,5 kgfm. Este propulsor tem injeção indireta, diferente do divulgado no Oriente Médio, que tem 139 cavalos.

O mesmo ocorre com o propulsor dos Onix e Onix Plus, que na China tem opção de injeção direta no Tracker e entrega 125 cavalos. Se a GM pensar pelo lado do custo, assim como da logística, o 1.2 Turbo Flex pode chegar como o 1.0 Turbo Flex atual, ou seja, sem injeção direta. Como já vimos nos irmãos menores, o propulsor – mesmo atualizado – se comporta bem.

Novo Tracker já está indo rumo aos concessionários Chevrolet

Transmissão automática de seis marchas é mandatória, mas podemos esperar por uma ou duas versões do Novo Tracker com câmbio manual de seis marchas. Preço? A GM já indicou que não haverá um Onix Activ novamente, pois entende que os clientes querem ir direto ao SUV. Então, o próximo lançamento deve abraçar uma faixa de preço abaixo de R$ 70.000.

[Foto: @rcarminati_/Jorge Moraes]

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Danilo Vieira

    Se a versão de entrada vir mesmo abaixo de 70 mil reais, a concorrência que se prepare, pois ele dará muito trabalho.

    • Raimundo A.

      Duvido que venha, mas se for, será PCD. Uma coisa é o Onix Activ e outra é um SUV nova geração. A GM deve ter ganho e muito com o Onix e Prisma antigos para lançar a nova geração bem mais equipada sem aumento de preço, mas já ganhou aumento. Normal.
      Se o Tracker mais em conta começar em R$ 75k será bem interessante considerando que pode em segurança vir tão bem equipado quantos os Onix NG.

      • Roberto

        A GM sempre vendeu versões PCD/Venda Direta para o público do varejo. E assim o manteve no Onix, com a versão AT6 TURBO, sem letra (deveria se chamar LS por ser mais simples ou Advantage, como a antigo versão de entrada AT)

        • what_the_hell??

          Pelo contrário, a GM faz tempo que não enquadra os veículos medianos (leia-se Cruze e Tracker) na faixa de isenção (70mil).

          O que ela faz é dar descontos somados à isenção do IPI que independe do preço do carro! Mesmo com esse desconto, o preço dos carros sempre ficou bem acima dos concorrentes que se enquadram na dupla isenção: Captur, Kicks, Creta, Renegade e hoje o T-cross se encontra na faixa de 53-57k, enquanto os GM ficavam perto de 70mil já após a isenção e o desconto!

          • Roberto

            Em compensação, o antigo Onix Advantage era em torno de 54k… e o atual veio a 55.590.
            Está na loja para pronta entrega? provavelmente não, mas você pode encomendar neste preço.
            Vá na Jeep encomendar um Renegade a 69.990…

      • Roberto

        um Ka (que é minúsculo) 1.5AT6 Freestyle custa em torno de 65k… realmente não faz sentido lançar um Onix Activ se é possível fazê-lo com o Tracker.

        • Daniel

          Duvido que o preço normal (não incluindo PCD) seja menor do que da EcoSport ou Duster… Sempre essa promessa de preço baixo e depois vem a realidade.. Preço do Pacote de maior vendagem deve ficar em 100 mil…

          • Edson Fernandes

            Terá sim 69990….rsr

      • Edson Fernandes

        Olha…. se esse Tracker vir com os mesmos itens de segurança do Onix nois moldes do Onix, acredito que faça sucesso.

      • Com certeza…

        Tu sabe que qualquer pessoa pode comprar a versao PCD??

    • Carlos AM

      Acredito que a estratégia será a mesma do lançamento do Onix Plus.
      No lançamento anunciarão este valor na faixa de R$ 70k para causar aquele boom e após o lançamento irão ir reajustando os valores.

    • Eric PB

      Acredito q vao lancar no preço em q ja se vende a atual. Se todas as fabricantes lançam novos produtos mais caros q os atuais e a GM fez o oposto com o onix e isso gerou burburinhos, acredito q vão praticar o mesmo. (vale lembrar q isso em cima do preço de tabela, pois era sabido que os onix e prisma antigos eram vendidos com bons descontos ante a tabela e eu acho q isso não está sendo praticado por enquanto na nova geração).
      Aqui em Curitiba estão ofertando a tracker antiga geração a 83900,00 LT. Se a nova vier por 89,000 (preco tabelado da antiga tracker) o pessoal vai achar q tá um preço honesto. Se vier algo abaixo dos 80k será versão bem pé de boi, algo abaixo da lt atual… como uma LS. Mas não acredito nesse posicionamento da GM…só espero que a qualidade dos plasticos de cabine e densidade de bancos melhore em relação ao onix.

  • Annita Fingenberg

    Se a GM não salgar os preços tem tudo para ser o novo líder do segmento.
    Fico triste com a Ecosport, pioneira do segmento e não se meche para lançar um nova versão.

    • Gran RS 78

      Na verdade a Ford se mexeu com a Ecosport, mas foi para trás, pois na versão Titanium sem o estepe pendurado, acabou com o motor 2.0 e colocou um 1.5 aspirado das demais versões, mesmo esta custando acima dos 100 mil. Agora ela retirou o belo farol com projetor e leds diurnos das versões mais vendidas, para colocar um mais simples, o que matou e muito o visual e principalmente a praticidade dos leds diurnos e segurança de uma iluminação melhor com o projetor.

      • Thiago

        Ford já morreu faz tempo.

  • El Gato!

    Para quem não se importa com desvalorização, ou seja, vai “casar” com o carro por bastante tempo e utilizar ao máximo o que ele oferece, é uma excelente oportunidade de fazer um bom negócio com as unidades modelo 2019. Um carrinho honesto, com conjunto mecânico satisfatório, que pode sair com um preço bem bacana.

    • Ricardo Silva

      realmente o preço está bom, mas achei o interior do carro muito apertado, tanto pra quem vai nos bancos atrás, quanto para o motorista, é confortável, mas apertado … quando será que sai essa nova versão?

      • Edson Fernandes

        Ta aí um problema pra mim. Tenho 1,87m me senti super apertado nesse Tracker atual. Mas só entrei nele e nunca andei. MAs pelo espaço, não optaria por ele nunca.

        • MonHoe

          Falam do interior do T-Cross mas o do Tracker parece muito mais de carro popular

          • Gran RS 78

            Nada a ver. O acabamento do Tracker é melhor que o do T-Cross, que parece de um Gol.

            • Eskarmory .

              Pois é. Interior do Tracker é de compacto sim, mas é razoável em visual/materiais e montagem. Já o T-cross tem o interior barato, feio e mal acabado.

            • MonHoe

              Desculpa mas não, o interior do tracker parece carro popular, desde o volante, ao cluster, ao design, a falta de ar digital empobrece que é um interior que poderia servir no Onix e ninguém sentiria diferença, a versão LT deixa ainda mais pobre, eu sentei em todos os SUVs compactos do mercado não faz 3 meses d lembro que o melhor em acabamento foi o Renegade

              • Paulo Lustosa

                Design e equipamentos não define a acabamento, qualidade dos plásticos, costura de bancos, conforto das espumas dos bancos, montagem e arremate sim, e nisso o Tracker é melhor, além de ser superior mecanicamente.

                • MonHoe

                  Plásticos são a mesma coisa, só muda a tonalidade, conforto de banco eu achei igual o único melhor nisso foi o Kicks, de melhor mesmo só a mecânica, pq a cabine da muita impressão de carro barato

              • Gran RS 78

                Vc está confundindo as coisas, pois acabamento e materiais é uma coisa, visual é outra. O acabamento do Tracker é superior ao T-Cross sim, é só vc entrar nos dois para conferir isso. Visualmente, o T-Cross é mais bonito, com o cluster digital, etc, mas na qualidade dos plásticos, o Tracker está um nível acima dele, inclusive tem uma faixa de couro no painel e lateral de portas. O melhor acabamento dessa categoria é o do Tiggo 5x, depois vem o Renegade e Ecosport na sequencia.

                • MonHoe

                  Então você nunca entrou neles, pq eu entrei no T-Cross comfortline com cluster analógico e mesmo assim o carro deu a impressão de ser mais caro, o interior da Tracker não é de um carro de 80 mil, que dirá mais de 100, a VW usa um plástico de cor mais clara que da mesmo a impressão de ser inferior, mas é só tocar que é a mesma coisa, muda um acabamentozinho aqui, uma forma ali, mas qualidade geral nenhum é bom fora o Renegade, mesma coisa o Polo com os rivais. Plástico macio só o Renegade mesmo, o resto tem acabamento ruim igual

                  • Gran RS 78

                    T-Cross deu a impressão de ser mais caro? Vc só pode estar brincando comigo, pois até o Gol passa uma melhor impressão que ele.

                    • MonHoe

                      Eu não sei que trauma você tem com Volkswagen mas o desenho do interior do T-Cross é melhor, colocar o interior do Tracker no Onix não vai destoar em nada

              • Luis Fernando Pozas

                Concordo que o melhor acabamento seja o Renegade. Mas o T Cross está entre os piores… É uma impressão de plásticos do gol!

              • José Eduardo D’Acampora Guazzi

                Depois do facelift da atual geração a tracker perdeu o ar extremamente pobre de onix, pelo comentario só viu o interior antigo. Quanto a falta de ar digital concordo que é um penalti ao carro.

          • Edson Fernandes

            Concordo. Com um adendo: Falta itens de conforto na atual tracker que inclusive o T-Cross pode ofertar. E no espaço interno o T-Cross surpreende.

      • Jamilson Junior

        Previsto para Março.

    • radiobrasil

      Eu fiz o mesmo com o Equinox LT 2019… peguei no final do ano passado, MOTORZÃO 2.0T mais barato do que se esperasse a LT 2020 com 1.5T!

  • Ricardo Silva

    Qual a previsão de lançamento?

    • Eduardo Andrade

      Final de fevereiro estará nas CSS.

  • Claudio

    Vai ser o novo líder do segmento. Vai vender que nem pão quente !!!

  • what_the_hell??

    Na minha opinião só deveria vir com o motor 1.2, para gerar economia em escala e apresentar um diferencial de ser um produto com um desempenho um pouco (provavelmente bem pouco) melhor que a maioria dos concorrentes!

  • Leonardo Correa De Castilhos

    A versão atual do tracker podeira continuar, e se chamar tracker Joy!!

    • Piston head

      Hahahaha. Mais fácil essa nova ser a Joy que a anterior.

    • Sidney Rufino

      Jamais!

  • Sidney Rufino

    Provavelmente continuará apertada. Deveria ter o entre-eixos do Onix Plus (pelo menos). T-Cross ganha no quesito espaço.

  • Gran RS 78

    Será que a Gm vai fazer essa mancada de colocar um motor turbo sem injeção direta e com menos potência que o modelo atual? Espero que isso não seja verdade, pois o motor da atual Tracker, o 1.4 turbo é um dos diferenciais do modelo perante alguns concorrentes diretos, tanto no quesito desempenho com baixo consumo de combustível.

    • radiobrasil

      No Equinox Lt que sobrava motor com o 2.0T até vai, trocar pelo 1.5T pra “baratear”, mas essa do 1.4T pra 1.2T nao sei nao… Os quase 5kg adicionais de torque do 1.4 farão falta no 1.2

      • Paulo Lustosa

        Vale lembrar que tem a questão de ter ficado 300kg mais leve, nisso pode compensar a falta do 1.4 em um primeiro momento, embora acho que ele depois possa ganhar o 1.3T de 163 cv cotado pro Cruze.

  • Piston head

    Cor cinza, gostei.

  • Fabiano Navas

    Que traseira sem graça…

  • Jonatas Pietr

    Ficou bonito, não dá para negar. Agora, sendo rabugento, não entendo essa modinha SUV… Não passam de hatchbacks com uma carroceria exageradamente cheia de plásticos e um pouco mais altos. O que mais estranho é que os carros ficam cada vez mais altos, enquanto os pneus ficam cada vez mais baixos (rodas largas e pneus de perfil baixo). Era tão mais confortável encarar as ruas esburacadas e de paralelepípedos em pneus mais altos, sem tanto medo de estragar o pneu. Mas acho que agora o que importa é só a forma, não a função…

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email