*Featured Eventos SUVs Test Drive Troller

Novo Troller T4 – Impressões ao dirigir e detalhes da fábrica

novo-troller-t4-NA-impressoes-fabrica-59-700x466 Novo Troller T4 - Impressões ao dirigir e detalhes da fábrica

O Novo Troller T4 chega ao mercado brasileiro totalmente renovado e com potencial off-road ampliado, custando a partir de R$ 110.990. O jipe da Ford recebeu um visual bem mais moderno, parrudo e robusto, crescendo não só em tamanho, mas também em peso e performance.



Por fora, o Novo Troller T4 agrega um estilo mais condizente com sua proposta, destacando-se a grade inspirada na letra “T”, para-choques robustos com faróis auxiliares, lanternas traseiras em LED, rodas de liga leve aro 17 exclusivas, entrada de ar do motor elevada, tampa traseira articulada com estepe e para-lamas abaulados. A carroceria ficou mais encorpada e transmite maior sensação de segurança e também de conforto.

novo-troller-t4-NA-impressoes-fabrica-57-700x466 Novo Troller T4 - Impressões ao dirigir e detalhes da fábrica

Por dentro, a cabine mais ampla recebe um acabamento melhor que o do modelo antigo, destacando-se além do espaço maior, itens que ampliam o conforto e o entretenimento, tais como ar condicionado dual zone, direção hidráulica, computador de bordo com sete funções, sistema de áudio com CD/MP3/USB/Aux, teto solar duplo, trio elétrico, botão seletor de tração, entre outros. Digamos que, ao lado do modelo anterior, o novo utilitário é bem grande.

Com 4,09 m de comprimento, 1,97 de largura, 1,96 de altura e 2,58 de entre-eixos, o Novo Troller T4 pesa 2.140 kg e tem peso bruto total (PBT) de 2.560 kg. O Novo Troller T4 dispõe de suspensões dianteira e traseira por eixo rígido, molas helicoidais e amortecedores, freios a disco nas quatro rodas com ABS, diferencial de deslizamento limitado e tração com opções 4×2, 4×4 e 4×4 com reduzida.

Além disso, o Novo Troller T4 dispõe de uma ampla gama de acessórios e opcionais, que incluem guincho elétrico, dois tipos de pneus para off-road, protetores adicionais para chassi/conjunto motriz, snorkel, engates, entre outros. Além de novas opções de cores, o modelo se destaca especialmente com motor diesel 3.2 Duratorq da Ford com 200 cv e 47,7 kgfm. A transmissão é manual de seis marchas. O conjunto foi herdado da picape Ranger.

novo-troller-t4-NA-impressoes-fabrica-51-700x466 Novo Troller T4 - Impressões ao dirigir e detalhes da fábrica

Impressões ao dirigir

O Novo Troller T4 tem uma função específica e esta deve ser respeitada. O jipão cearense tem vocação nata para o off-road e é lá que ele manda bem. Apesar do bom acesso e espaço dianteiro, atrás é fatalmente apertado. Quatro adultos no máximo ficam razoalmente bem dentro do veículo.

O ideal é ter crianças ou pessoas de baixa estatura no banco traseiro, que inclusive é bipartido, ampliando o quase inexistente porta-malas, que tem somente 134 litros, mas que pode chegar a 558 litros com o banco rebatido.

Sem opcionais instalados, o Novo Troller T4 pode ser desconfortável na hora de dirigir, pois não há um apoio para o pé esquerdo (opcional), ficando um vão enorme que faz o pé quase que sumir por debaixo do painel. Quem não tem costume de apoiar o pé não terá problemas.

novo-troller-t4-NA-impressoes-fabrica-80-700x466 Novo Troller T4 - Impressões ao dirigir e detalhes da fábrica

A alavanca é alta e tem engastes duros, mas precisos. Como não se trata de um automóveis de passeio, essa característica não influi em seu desempenho. A embreagem, ao contrário, é macia. A direção hidráulica é firme, mas imprecisa em altas velocidades, assim como a suspensão voltada para fora de estrada, que deixa o veículo um pouco instável nessas condições. No geral é aceitável, pois o foco não está no asfalto.

O motor 3.2 Duratorq de cinco cilindros tem muita força disponível e na estrada basta manter quinta ou sexta marcha para ter um regime de funcionamento muito bom. A 110 km/h, o propulsor diesel está girando em 1.900 rpm. O alto torque torna a condução bastante prazerosa em conforto e ruído interno. Conseguimos marcar 9,3 km/litro na estrada, rodando a 110 km/h. A Troller fala em 12,3 km/litro na estrada e 9,8 km/litro na cidade. O freio a disco nas quatro rodas com ABS mostrou-se eficaz para o porte e projeto do veículo.

Já no fora de estrada, o Novo Troller T4 mostra sua verdadeira vocação. Com tração 4×4 engatada (pode ser acionada até 120 km/h), rodamos pelas dunas da praia de Cumbuco, Ceará. O utilitário saiu-se muito bem em todas as situações de terreno enfrentadas, inclusive uma área alagada. Subir e descer as grandes dunas da região foi bastante fácil para o veículo.

novo-troller-t4-NA-impressoes-fabrica-42-700x466 Novo Troller T4 - Impressões ao dirigir e detalhes da fábrica

Chegamos a usar a opção 4×4 reduzida e tambem com ajuda do Trac Lock (diferencial autoblocante), o Novo Troller T4 superou todos os obstáculos daquela belíssima região. A suspensão trabalha de modo a manter o veículo o mais firme possível sobre o terreno, especialmente em planos inclinados.

O modelo pode atravessar até 800 mm de água, embora não tenhamos enfrentado essa situação nas dunas e lagoas de Cumbuco. Para enfrentar ruas e estradas esburacadas, o Novo Troller T4 vai muito bem, mas é fora delas que realmente ele mostra o que pode fazer. Sem dúvidas, é um veículo que continuará como referência no segmento 4×4 no Brasil.

novo-troller-t4-NA-impressoes-fabrica-14-700x466 Novo Troller T4 - Impressões ao dirigir e detalhes da fábrica

Fábrica

Na vizinha Horizonte, a Troller ampliou e modernizou a planta de produção, que anteriormente tinha escala de produção reduzida e processo de fabricação bastante artesanal. Hoje, após R$ 215 milhões, a unidade já tem capacidade para fazer 250 veículos por mês, o que dá 3.000 ao ano. As novas instalações foram inauguradas oficialmente pelo governador do Ceará Cid Gomes e contou com a presença de autoridades regionais e diretoria da Ford.

A fábrica recebeu um novo processo de pintura, assim como de fabricação de compositos de aço e fibra de vidro prensados a quente (SMC – Sheet Moulding Compound). Além disso, a parte de colagem de partes da carroceria é feita por um robô, apelidado de Robocop. Existem duas linhas de montagem. Uma é responsável pela carroceria e a outra pelo powertrain (chassi/motor/transmissão/suspensão/freios).

novo-troller-t4-NA-impressoes-fabrica-23-700x466 Novo Troller T4 - Impressões ao dirigir e detalhes da fábrica

As duas partes são unidas quase no final do processo e o veículo depois vai para a finalização de detalhes e inspeção final. A fábrica tem 95.000 m2 de área total, sendo 21.000 m2 de área construída.

Galeria de fotos do Novo Troller T4 e da fábrica de Horizonte/CE:

Viagem a convite da Troller.

4.0

  • Angelo_Jr

    Uma avaliação bem feita, sempre lembrando que este não é veículo principal da família, e sim um brinquedo motorizado (e com um baita de um motor). Fico triste pela perda do acoplamento manual da roda-livre, algo que, por mais que não seja cômodo, é infinitamente mais seguro para os trajetos feitos pelos jipeiros. Com certeza haverão kits para colocar a roda-livre manual e o sistema de engate da tração por alavanca, assim como já tinha para o outro. No mais, o melhor off-roader vendido no Brasil, considerando todos os fatores, desde ficha técnica até peças aftermarket. Também não vi espaço para colocação de um rádio PX ou PY, outro item muito útil em trilhas. No mais, venderá “muito”, como sempre.

    • Angelo_Jr

      Outra, agora que esse motor tá no Troller, vão descobrir rapidinho chipagens exageradíssimas como as que faziam no 3.0!

      • Edson Fernandes

        Mas com esse torque e potencia, precisa ainda de mais?

        • Angelo_Jr

          Precisa: não. Queremos: SIM!!

  • Bruno Silva

    Gostei do carro, no geral cumpre muito bem aquilo que se propõe a fazer. Fico feliz em ver ao menos uma marca nacional de “veículos” conseguir emplacar algum modelo. A TAC coitada, se der mole será comprada ou irá a falência, suas vendas não estão nada bem.

    • Pacheco

      Em todos esses anos nessa industria privada… eu so vi 3 tac na rua.

      • Alessandro Lagoeiro

        Heheh… Pica-pau feelings…

      • Jonathan Iury

        aqui no ceará é que tem mais

      • Edson Fernandes

        hehehehe,
        Eu só vi um em SP.

        Para a TAC o buraco é mais embaixo pois utiliza componentes de outras fabricantes e não tem uma isenção de impostos boa.

        Mas sejamos justos…. a empresa deveria também pensar em um carro que agregasse comercialmente falando mais pessoas interessadas. Investir em nicho não me parece tão interessante.

    • Jorge Osório Cortese Magalhães

      Se a TAC for comprada, ficará igual a TROLLER, que foi comprada pela Ford.

    • Daniel Blinkerbaum

      Com certeza, acho muito bacana ver uma marca nacional fortalecendo sua imagem, criando uma identidade, e conquistando aos poucos uma fatia do mercado, mesmo com a Ford no backstage.. Mesmo não sendo meu tipo de carro, parabéns a Troller.

    • Gran RS 78

      Só que a Troller foi vendida para a Ford, portanto ela não é mais nacional, infelizmente.

      • Bruno Silva

        Meu caro, a Troller pode ter sido vendida, mas ela foi fundada aqui, sua sede é aqui e o T4 é totalmente nacional. Seria o mesmo que falar que a Jaguar passou a ser indiana porque foi comprada pela Tata.

        • Gran RS 78

          O T4 nunca foi 100% nacional, afinal o painel e interior era o mesmo do Gol bola, a versão a gasolina, tinha motor ap VW. Quando a Ford comprou a marca, o Troller começou a usar interior do Ecosport, e agora na nova geração, usa muitas peças da Ranger, inclusive o motor.

          • Paulo Maia Maia

            Se voce for por esta filosofia esta meio fora da realidade, desde que indústria é indústria, fabricas compeças comuns de fornecedores, muitas desenvolvem peças juntas!! A volvo nunca deixou de ser sueca quando fez parte do grupo Ford! O C30 compartilha peças com o focus… Meu fiesta 97 tem uma lus de seta no paralama… É o mesmo componente usado no 206 e na mercedes classe A la da decada de 90…. Uma fabrica nao perde sua origem…

            • Edson Fernandes

              Acredito que estamos falando para onde o dinheiro vai.

              E também, a Volvo tirando o C30, sempre teve desempenho de itens proprios. Acredito que tudo isso ajuda a Volvo a se distanciar da Troller nesse aspecto.

    • Don Ramón

      E o Marruá, da Agrale, vende bem ou é exclusivamente militar? Esse também parece topar muito bem uma “não estrada”.

      • Carlos

        Edinho, o Marruá é off road puro. Não tem nada de luxo e conforto, o que o inviabiliza para uso diário quase que totalmente. E seu valor é altíssimo, como os 4×4 em geral, já que toda a parafernália de tração, etc tem sim seu custo. Ele basicamente é vendido para o exército, mas qualquer civil pode encomendar um. Inclusive há poucos dias começou a ser vendido na Argentina. É carro “macho” mesmo, um autêntico Shrek sobre rodas.Um trator disfarçado de carro. Aliás, pouco disfarçado…rsrsrs.

        • fabrio

          Se formos comparar Marruá vs. Troller, quem ganha no offroad?

  • zeuslinux

    Pode até ser voltado para off-road pesado mas tem que ter muito pouco amor pelo dinheiro para dar 110 mil reais num “bugre” desses.

    A Ford poderia fazer muito melhor do que isso se quisesse. Até o interior da Ranger mais simples parece caro de luxo perto desse Troller.

    • Marcos Vinicius Bittencourt

      Quem compra um carro desses quer diversão e não luxo.

      • Gran RS 78

        Não é bem assim, pois quem paga esse absurdo de 110 mil reais, tbm quer um carro confortavel para o uso diario, inclusive vejo vários Troller rodando nas cidades e mais limpo que o meu carro.

        • Marcos Vinicius Bittencourt

          Concordo com você. Se meu hobby fosse fazer trilha/aventuras eu gostaria que um carro tivesse o mínimo de conforto. Mas o brasileiro gosta de misturar as coisas, pra que ter um Troller para andar na cidade? Tudo bem é um carro como qualquer outro, mas para o dia a dia e para fazer uma aventura uma vez ou outra compra logo uma camionete 4×4 por esse valor e terá muito mais conforto e poderá fazer aventuras também. T4, Jimny, Wrangler foram feitos para andar fim de semana e em estradas não convencionais.
          É a mesma coisa que ter um 911 GT3 e reclamar do conforto, quer conforto compre um Panamera ou uma Cayenne.

          • Gran RS 78

            Ai que está: o Wranger é super confortável, equipado e totalmente adaptável para andar nas estradas, cidades e claro, para quem quer uma aventura radical 4×4. Agora eu te pergunto: Porque um Troller nao pode ter a versatilidade do Wranger? Ainda mais se formos analisar o preços acima de 110 mil reais, no mínimo ele tinha que ter o air bag e mais conforto.

            • Marcos Vinicius Bittencourt

              No caso do Wrangler o buraco é ainda mais fundo, começa em módicos 155mil!!!! Só que ele é bem mais confortável e vistoso por dentro.
              Só que até hoje só vi 1 Wrangler na rua e nunca vi ele sujo, já os T4…

          • Gran RS 78

            Não falei de conforto, e sim de segurança.

      • Vagnerclp

        E por hora tem dinheiro disponível. Este não é um carro único de família, então provavelmente a sua compra como um segundo ou terceiro carro é pra quem pode e quer e a grana gasta não faz a menor falta. Não é carro de carnê.

        • Marcos Vinicius Bittencourt

          Excelente comentário: Não é carro de carnê.

  • Wally

    Esse carro tem confiabilidade?? É um carro que voce compra hoje, amanha já tá dando um monte de defeitinho aqui e alí ou é coisa boa??

    • Robinho

      uhm acho que é bem confiavel sim, veja isto:

      “A Equipe Troller chegou com seus quatro carros ao fim do rally [BP]Paris-Dakar[/BP], o mais difícil do planeta, um deles em quarto lugar na sua categoria, e foi Campeã do [BP]Rally[/BP] dos Sertões, o mais desafiador da América Latina. Em 2001, a Equipe Troller conquistou para o Brasil o inédito título de Campeã Mundial de Rally na categoria T 3.2 Diesel, incluindo o título de vice-campeã do Paris-Dakar daquele ano, uma das provas do calendário. A Equipe Troller foi Campeã Brasileira de Rally Cross Country.” …fonte: http://aletp.com/2007/04/27/troller-historia-da-marca/

      Acredito que com a Ford a confiança é ainda maior devido a confiabilidade da marca em fazer picapes…

    • Angelo_Jr

      amigo, eu acompanhei durante alguns anos o fórum 4x4brasil, o maior de off-road da américa latina. Posso te garantir 2 coisas:

      – Troller sobe até em coqueiro;
      – Segundo dono de Troller é mais feliz que o primeiro.

      A fábrica tem um controle de qualidade baixíssimo, já vi casos de que o radiador veio amassado por erro na montagem, e não quiseram arrumar pois alegaram que foi ocasionado em trilha, num carro que mal tinha 1 mês. Mas, depois que arruma, ele aguenta muita coisa.

    • Carlos

      Rodrigo, tive 3 Trollers seguidos em minha vida, 2007/2008/2009. E desde então venho esperando a nova versão. Era meu carro único e usava diariamente aqui em Curitiba. Não é porque você compra um offroad que é obrigado a viver com ele enlameado (embora isso seja muuuuuuuuuuuuito bom!) e ao contrário do que os recalcados de plantão dizem, não há nada de mais em circular por ele em shopping centers, restaurantes e centros de cidade. Nunca tive sequer um problema grave em meus carros. Mesmo problemas de acabamento eram raros. Quando os utilizava em trilhas, era como diz o ditado: lavou, tá novo!. Imagino agora depois dessa evolução. Estou contanto os minutos pra voltar pra ele. Me deixou mal acostumado. Desde então, nenhum outro carro me satisfez. E tive carros excelentes desde então. Agora estou com um Golf alemão dessa última geração. E não vejo a hora de trocá-lo no Troller!

      • Vagnerclp

        Não dá pra ficar com os dois não?

        • Carlos

          Vagner, não é ser fanboy Troller, mas todos que compram troller em geral acabam amigos e viajando juntos, etc., então as histórias vão surgindo. Conheço pessoalmente vários casos de pessoas bem abonadas que possuem outros carros de super nível, tipo BMW X5, Volvo, etc., que compraram Troller como “brinquedo” e depois passam a andar quase só com ele. Tenho um amigo que a esposa desceu o sarrafo nele quando ele comprou um, pouco tempo depois ele vendeu o carro dela porque ela se apoderou do Troller e ele não conseguia mais usar. Acabou comprando outro pra ele, hoje tem dois, além dos outros carros. Eu sou solteiro e só uso um carro mesmo, então se comprasse o Troller e mantivesse o Golf, esse iria acabar estragando por falta de uso mesmo.

      • Edson Fernandes

        Carlos, me diz quando for vender pq dependendo do valor, pode ser interessante.

        • Carlos

          Edson, está à venda, porque já estou na lista de espera do novo Troller, na primeira leva que chegar em Curitiba, pois sou cliente antigo deles aqui e me deram prioridade. Já vou anunciar o Golf pra estar com o dinheiro na mão e não colocar ele na troca, porque sempre é fria isso né. Meu Golf é o Highline pacote elegance, câmbio DSG 7 marchas e teto solar, com rodas madrid, ontem completou 5.555 km. Zeríssimo.

          • Edson Fernandes

            Qual o valor e cor do carro?

            • Carlos

              Vermelho sólido, Edson. 82k. Pra um zero igual dá uns 10k a mais. Fora ipva, emplacamento, etc.

  • DGA

    Serve apenas como segundo carro, mas até nisso tá complicado (R$). A Suzuki oferece algo com uma proposta semelhante e CxB bem melhor.

    • fschulz84

      Exato… O Jimny para este segmento possui um CxB relativamente interessante.

    • saosao

      Vão dizer: “ah, mas o T4 é bem maior e mais potente que o Jimny…”

      E vc sabe, galera do 4×4 adora medir… rs

    • Marcelo Nascimento

      Entendo que o lugar certo to T4 são as trilhas pesadas. O Jimmy é páreo para ele?

      • Zelotes Universal

        O jimny é bem menor, mas tão valente quanto. Estou namorando um, modelo 4sport por 65k completo com snorkel e tudo. Tem motor 1.3 e não e flex e muito econômico e bom de dirigir, as vezes se esquece que é um jipe. Ele tem quase o tamanho de um clio, parece estranho pois é alto e importante vem com abs e ab2. Enfim um troller completo com todos opcionais custa 2 jimny ou até mais. Só para constar uso um clio 2010 no dia a dia. E óbvio que com o valor do jimny eu poderia comprar outro carro … Mas ele vai fazer o mesmo que meu clio .. O jimny, posso brincar com ele. E outra, vai ser meu brinquedo e era isso .. Melhor economizar a diferença do jimny contra o troller e guardar o dinheiro para comprar um apartamento e alugar … Gera renda, e não custo.

        • Edson Fernandes

          A pessoa para ter o Jimny tem quer menos de 1,80m, pois ele é muito apertado. Eu com 1,87m não consegui dirigir.

          Só do TR4 para frente que é aceitavel para minha altura.

        • GP

          Não tem como comparar a performance off road do troller com a do JIMNY , em tese a proposta é a mesma, na prática a coisa não é bem assim .

  • RX8

    Na minha opinião, as rodas deveriam ser mais parrudas, O resto ficou bacana!

  • Tito Mkb

    Por que Carros continuam tão pesados? 2T e pode levar no máximo 500kg….

    • Marcos Vinicius Bittencourt

      500kg deve ser no teto, olha o tamanho do porta malas.

  • Luis_Zo

    Sem Airbags, mesmo a lei dizendo que precisa. Ok Ford, se você faz isso com esse carro, significa que você é capaz de fazer qualquer coisa “errada” com todos os outros, e os clientes que se fcdam!

    • Resendemaster

      Economia besta da Ford que pode custar vidas. Quem tem esse carro roda na cidade as vezes. Já cansei de ver Troller rodando na cidade direto.

    • Luis Antonio Lima Santos

      Pessoal fala muita besteira sem saber. Esse carro é voltado para off-road, portanto, não é recomendado ter airbag, uma vez que, durante uma trilha, uma pancada mais forte em um buraco ou algo do tipo poderia acionar o airbag e causar um acidente.

      • ObservadorCWB

        No mundo todo uma coisa NÃO IMPEDE outra coisa. SE este veículo vier a ser exportado você verá a presença do Air Bag. Mania do brasileiro de se contentar com qualquer coisa, e olhe que desembolsa 110 conto. Justamente pela falta de postura consciente como consumidor é que engolimos preços e equipamentos como este exemplo.

        • Luis Antonio Lima Santos

          Cara, vc já fez alguma trilha na sua vida? Como não estou com tempo, vou colar a resposta de um colega de fórum 4×4. ” o limite de travessia de água (vau) dos jipes será diminuído até a altura do sensor do ABS, como acontece nos jipes que os possuem, como o Wrangler e outros. O sistema não pode ser submerso.
          Qualquer avaria no sensor, seja nos fios que ficam nas rodas ou no próprio sensor poderá provocar aumento na distância de frenagem no asfalto e inutilizará completamente toda a eletrônica (ABS, EBD, TCS, ESP e qualquer outro dispositivo que dependa do ABS). Em casos extremos, provoca inclusive a perda de potência repentina devido a leitura errônea de dados com a atuação dos controles de estabilidade.

          Airbag e ABS são ótimos acessórios de segurança para veículos que rodam no asfalto.

          O Airbag com certeza promove a segurança. Mas, deve poder ser explicitamente desligado em veículos fora de estrada. Existem diversos casos de acidentes em veículos com airbag devido ao acionamento indevido! Espero que as montadoras tenham esse cuidado. O airbag é acionado pela desaceleração brusca do veículo. Em alguns modelos existem sensores no parachoque, portas, e outras partes para auxiliar no acionamento. Em jipes, que obviamente trocam parachoques e sofrem diversas modificações, além de sofrerem desaceleração constantes na utilização fora de estrada como em dunas, entrada em água, atoleiros e outras coisas, o risco do acionamento indevido é grande e muitos acabam fazendo gambiarras para evitar o acionamento indevido, o que não é aprovado pelas montadoras, alegando possibilidade de avarias no sistema.

          ABS, por outro lado, é ótimo para asfalto liso molhado ou com gelo. Aqui no Brasil poucas estradas possuem asfalto liso! E pouquíssimos são os lugares que nevam! O ABS em um asfalto irregular, assim como em qualquer terreno fora de estrada provoca aumento da distância de frenagem! É um absurdo exigir que os veículos saiam com ABS, se nem mesmo asfalto bom eles possuem para andar aqui!

          Fazer o quê? A unanimidade vai achar que está mais segura! O engraçado é que já vi reportagem mostrando que no Brasil, veículos com ABS se envolvem muito mais em acidentes (inclusive fatais) do que veículos sem ABS. Por que será? Será que todos são loucos e abusam do veículo com ABS? Será que todos soltam o pedal ao sentir a tremedeira provocada pelo ABS em funcionamento devido a falta de conhecimento? Ou será devido as condições do piso? A unanimidade é burra!

          • ObservadorCWB

            Pode citar as fontes das pesquisas ? Desde quando ABS é feito para diminuir distância de frenagem ? Que eu saiba é feito para permitir dirigibilidade enquanto freia. Os auxílios de frenagem tipo BAS / AFU sim, são feitos para freiar pelo motorista. Minha indagação foi quanto ao AB. E CASO o Troller venha a ser exportado, a Ford dará um jeito. Se for assim prefiro este: http://www.youtube.com/watch?v=B7FThqI71aU Seu sonho de possuir um Troller está tirando a sua lucidez. Não consigo imaginar outro motivo para defender tão ferrenhamente um mero amontoado de plástico,lata e borracha. É apenas um veículo. Calma.

            • Luis Antonio Lima Santos

              ABS = Anti-lock BRAKING System, sua característica primaria é não deixar as rodas travarem para o carro parar em uma menor distância. Como característica secundaria vem a questão da dirigibilidade. http://en.m.wikipedia.org/wiki/Anti-lock_braking_system

          • ObservadorCWB

            Pode citar as fontes das pesquisas ? Desde quando ABS é feito para diminuir distância de frenagem ? Que eu saiba é feito para permitir dirigibilidade enquanto freia. Os auxílios de frenagem tipo BAS sim, são feitos para freiar pelo motorista. Minha indagação foi quanto ao AB. E CASO o Troller venha a ser exportado, a Ford dará um jeito. Você quis dizer sensores de deformação no lugar de desacelerão, estou correto ? Se for assim prefiro este: pesquise no you tube:JORDAN TANNER SCREAMIN 2 2011 COMPILATION VIDEO
            . Seu sonho de possuir um Troller está tirando a sua lucidez. Não consigo imaginar outro motivo para defender tão ferrenhamente um mero amontoado de plástico,lata e borracha. É apenas um veículo. Calma.

          • Marcelo Nascimento

            Então o cara que mora na cidade e precisa de deslocar até as trilhas é obrigado a abrir mão da segurança neste trecho (que pode ser longo, com estradas de pistas simples, etc) porque a fábrica assim decidiu, mesmo cobrando R$110 mil no carro?

            Acho que por este preço seria muito justo ter o AB com a opção de desligá-lo.

            • Luis Antonio Lima Santos

              Se a pessoa quer pegar uma trilha leve ou moderada de vez em quando, há inúmeras opções no mercado bem mais baratas e luxuosas que o troller. Troller é um veículo de nicho, para pessoas AFICCIONADAS por trilhas pesadas, que tem isso como um esporte. Para pegar trilhas pesadas vc tem que ter um veículo extremamente modificável e robusto, que não lhe dê dor de cabeça para consertar no meio do mato, por exemplo. Enfim, perda de tempo ficar discutindo com leigos.

              • Marcelo Nascimento

                Sim, sou leigo, por isso faço perguntas e discuto.

                Entendo que o cara que pensa em comprar o T4 nem pensa em comprar uma opção mais luxuosa e barata porque ele sabe o que ele precisa.

                Só que, na minha opinião, AB não é luxo. E acredito que mesmo os aficcionados que comprem um veículo de nicho tem direito a ter segurança nos seus deslocamentos para diversão. E porque seria necessário consertar AB desligado no meio do mato?

          • Daysan Medeiros

            Mostre as reportagens!!!!!! Antes de chamar a unanimidade de burra!!!

            • Luis Antonio Lima Santos

              Não chamei ninguém de burro, apenas colei a resposta que um colega meu de fórum 4×4 deu para outra pessoa que estava indagando sobre a mesma coisa.

          • Rodrigo Monteiro

            “O airbag é acionado pela desaceleração brusca do veículo”

            Esta certo isso? Sempre achei que era um sensor na estrutura do carro que ativava, por isso existe a maxima “Se o airbag ativou é PT no carro”… isso não devido ao custo de um air bag novo e sim que se ele ativou comprometeu a estrutura…

            Nunca ouvi falar de air bag acionou sem colisão.

            • Luis Antonio Lima Santos

              Não, amigo. Os airbags atuais são acionados pela desaceleração do veículo. Essa história de airbag ativar e dar PT no carro também é balela. Isso ocorre na maioria das vezes pq quando se coloca os preços de funilaria + pintura + novo painel (tem q ser trocado pq o airbag SEMPRE rompe o painel) + novos airbags (que são caros), fica inviável para a seguradora, mas não tem nada a ver com abalar estrutura do carro.

              • Edson Fernandes

                Não é sempre. Os atuais modelos em que existem capas proprias no painel, vc não estraga.

                Isso ajuda a reduzir o custo de manutenção e claro, evitar o PT.

          • Edson Fernandes

            Tá…. mas explica porque um Wrangler possui? Porque um Land Rover (Range Rover) possui? E são ambos para fazer trilha pesada (quer dizer, estão preparados para tal).

            Até mesmo a serie G da Mercedes, trocando as rodas originais, estão aptos a pegar uma trilha das pesadas e tem os tais aparatos.

            Se reparar até o Suzuki possui. Porque somente o Troller precisa ficar sem tal item? Ter eletronica embarcada não muda muito quando bem calibrado e protegido que é algo comumente feito para esses modelos. Não se trata somente de capa, se trata de um conjunto de proteção para não ter pane no sistema.

            Alias, eu nunca vi nenhum desses que citei reclamado por funcionamento irregular de algum sistema. Talvez no maximo um usado durante anos que deixou de ter a revisão feita, mas longe de ter apresentado alguma anormalidade.

            • Luis Antonio Lima Santos

              Kkkkkkkkk, Land Rover não dá problema? Kkkkk. http://www.dailymail.co.uk/news/article-2179067/Land-Rover-revealed-UKs-reliable-car-71-cent-years-old-break-year.html

              Caso vc não saiba Inglês, o Range Rover só foi eleito o carro MENOS confiável do reino unido, com toda sua eletrônica embarcada

              • Edson Fernandes

                Dá problema, o que eu quero dizer é que não dá tantos problemas no ponto que vc tocou: Dos air bags.

                Geralmente os problemas estão relacionados as bolsas inflaveis da suspensão que vivem a rasgar, mas fora isso, ele não dá problemas relacionados aos itens de segurança.

      • JPaulo10

        Antes de dizer que os outros falam “besteira”, por favor me explique por que o Jimny tem airbags, se ele faz os mesmos tipos de trilha e pode sofrer as mesmas pancadas.

        • Luis Antonio Lima Santos

          Vc já viu o Suzuki Jimny ser campeão do rally dos sertões e vice-campeão do Rally Dakar? Não, mas o troller já foi. Isso é pq o Jimny, apesar de ser um Ótimo veículo para trilhas, não consegue fazer as mesmas trilhas que um Troller. Pessoal, TROLLER é veículo de performance! Basicamente um carro de off-road profissional homologado para as ruas! Quer conforto e segurança? Compra um crossover

          • JPaulo10

            “… não consegue fazer as mesmas trilhas que um Troller”.???
            Qual a sua experiência para falar isso? Ou fontes?

            No Rally Paris-Dakar, os carros são completamente diferentes do usual. Um troller no raly é diferente do troller comum. Seria o mesmo que comparar um Touareg de passeio com os que venceram em 2009-11.
            O fato é que você tenta justificar a ausência de airbags, enquanto outros veículos off-road (JEEP Wangler, um deles, veja bem, J-E-E-P) o possuem.

            • Luis Antonio Lima Santos

              A questão é justamente essa, campeão. Os Troller que vc vê no Rally dos Sertões e Dakar são basicamente os mesmos que estão a venda nas lojas. Eles mal são modificados. Já os outros carros wue competem com ele passam por modificações pesadas. Enfim, estou me retirando da discussão pq é fo%@ ficar batendo boca com leigos

              • JPaulo10

                Sinta-se à vontade.

              • Edson Fernandes

                Vc vai me dizer então que uma L200 de Rally é o mesmo de produção? Porque ao contrário do que vc diz, até mesmo o Troller tem suspensão reforçada devido ao perigo que sofre para enfrentar as dificuldades.

                Uma suspensão “comum” não sofre a mesma adversidade que essas desse rally que até mesmo pela velocidade combinado com a altura, certamente não suportaria a medio prazo no evento as criticidades.

                • Luis Antonio Lima Santos

                  Edson, releia meu comentário. Eu disse que os Troller são BASICAMENTE o mesmo (ou seja, são modificados mas não tão modificados como uma L200, que do carro vendido nas concessionárias só tem o exterior mesmo, o resto é basicamente outro carro)

          • Luis_Zo

            Ou seja, um campeão do rally dos sertões NÃO precisa de airbag? Essa é sua lógica?

            Ahhh se as montadoras descobrem isso…

      • Gran RS 78

        Então me diga porque o Jipe Wrangler que tbm tem uma vocação fortissima para o uso fora de estrada possui esse importantissimo item de segurança?

        • Luis Antonio Lima Santos

          Pq o Troller foi feito levando em conta os gostos dos usuários do T4. Basicamente, os usuários do T4 gostam de modificar o carro para torná-lo um monstro devorador de trilhas. Colocar itens como airbag, ainda que possa desativá-lo, iria dificultar nossas vidas na hora de modificar o carro.

          • Gran RS 78

            Menos por favor, pois existem muitas pessoas que pegam trilhas pesadas nos EUA com o Wranger, e nem por isso o modelo não deixa de lado o Air bag. Acho que muitos que tem o Troller, tbm acabam usando o modelo em pista e cidade.

            • Gabriel

              os wranglers utilizados em trilhas pesadas no EUA, de original possuem somente carroceria e motor, pois suspenção, eixos, diferencias, caixa de transmissão, etc são trocados kits prontos para ele. Somente quem o utilizada em cidade e campo o mantém totalmente original, no maximo com uma troca de pneus

              • Gran RS 78

                Então a Troller poderia oferecer uma versão desse tipo que vc menciou, exclusivamente para trilhas pesadas. O T4 é vendido com pneus para serem usados na cidade, mais um motivo para ele ter o air bag. A marca vende nas concessionárias os pneus para estradas de terra como opcionais. O modelo tem uma vocação para o uso severo no off road, então ele poderia ter o pneu para esse tipo de terreno de série, afinal como muitos defenderam ele sem o air bags justamente por ser um carro para trilhas.

                • Gabriel

                  Se a Troller fizesse isso, essa versão não iria vender quase nada, pois todos apaixonados por carro e esportes motorizados que competem ou tem algum veiculo como hobby, gostam de montar e deixar do seu jeito. Seguindo o seu pensamento, porque a VW não lança uma versão do Gol para Km de Arrancada?

      • Luis_Zo

        Ou seja, você leva teu jipe pra trilha num reboque certo??????? Ou ele vai voando pelo asfalto? Ou você tem um hotel no meio do mato pra deixar teu jipe pernoitando, e quando quer fazer trilha vai em outro veiculo? (com air-bag?)

        Me pergunto quem aqui fala besteira sem saber…

        • Luis Antonio Lima Santos

          Os brasileiros passaram 70 anos sem airbag e estão vivos. Tenho certeza que consigo levar meu carro da cidade para a trilha sem bater. Basta ser prudente… Como já falei acima, o T4 é um veículo de performance.. Vc já viu um carro de rally profissional com airbag? Não. Mesma coisa com o Troller, ele basicamente é um veículo de competição homologado para andar nas ruas

          • Luis_Zo

            Ok, os brasileiros estão há mais de 500 anos sem ter 100% de tratamento de esgoto e estão vivos. Porém muitos ainda vem morrendo por nao ter acesso a esgoto, assim como aqueles que vem morrendo por não tem acesso a airbags. Ou seja, essa sua afirmação não faz sentido nenhum.

            Ferraris também são basicamente veículos de competição homologados pra andar nas ruas, e tem airbags.

            A pergunta é: você já viu se 100% dos motoristas de Troller são pilotos profissionais???? E mais, profissionais então não morrem em acidentes????

      • Luis_Zo

        Entrevista com o Presidenta da TAC:

        4% dos compradores pretendem fazer uso off road do veiculo (Stark)

        Se for 10 vezes maior o numero de compradores de Troller que pretendem fazer uso off road, estamos falando de 40%

        Ainda sobra 60% rodando no asfalto… SEM AIR-BAG!!!!

        “Pessoal fala muita besteira sem saber”… ok!

        http://www.4x4brasil.com.br/forum/geral-off-topic/21793-novo-jipe-brasileiro-tac-stark-236-print.html

        • Luis Antonio Lima Santos

          Já respondi antes, quer um veículo pra fingir que faz off road? Compra um EcoSport, um Duster, Hilux SW4 etc. Vc terá bem mais luxo e conforto que num Troller.

      • Zelotes Universal

        Basta colocar um botão que desativa o airbag ….

        • Paulo Vendetta

          Bingoooooooooo!!!!!
          Simples né colega.

          E o Luis Antonio Lima Santos chamando todo mundo de leigo e mandando argumentos bem fracos. E ainda pegando ar nas discussões. Bem hilário. kkkk

    • Marcio

      Na verdade existe uma brecha na lei em relação aos carros off road, é o caso, a ford não é obrigada a colocar airbags no troller, é uma pena.

      • Gran RS 78

        Acho que em pleno ano de 2014 uma empresa como a Ford tinha que colocar os air bags mesmo que não tivesse nenhuma lei que a obriga-se, ainda mais em um carro de 110 mil reais.

      • Luis_Zo

        Poisé Marcio, mas é aquela história: olha o esforço pra achar uma brecha na lei, ao invés de usar o esforço pra colocar um airbag.

        Se uma empresa faz isso, o que impede ela de fazer esforços só pra encontrar brechas, colocando indiretamente seus consumidores em perigo?

        Se tiver vontade leia sobre a “teoria das janelas quebradas”, grandes delitos começam com pequenos.

        • Marcio

          Mas todas fariam isso se pudessem, é fato.
          No caso da linha ford, ao contrário, os carros estão muito seguros, é a linha mais atual do mercado, plataformas modernas, uso de aço de alta resistência e com a chegada do ka e saida do fiesta rocam todos os carros serão atuais e mundiais.
          Mas esta estória do airbag do troller é mesmo uma sacanagem, lamentável.

  • bedotRJ

    O jipe tá muito bacana. Com a mão da Ford, ele perdeu aquele ar de carro de fundo de quintal e incorporou qualidade estética e construtiva à sua valentia para o off-road. Só acho que deveria custar um pouco menos. Pelo preço do T4, é quase possível levar prá casa um Suzuki Jimny e um Duster 4×4. Não estou comparando a capacidade off-road deles à do Troller, mas ambos são suficientemente valentes para boa parte deste tipo de utilização, além de funcionarem um pouco melhor como carros de uso diário. A 110k, o Troller será um veículo de mercado bastante restrito, com margem de lucro provavelmente estratosférica para a Ford.

    • Robinho

      acredito que este “mercado restrito” faz parte da estratégia da Ford, por isso o preço “nas nuvens”, mas que é um carrão, isto é inegável, um pena ser para poucos…

    • Zelotes Universal

      Com certeza. Pega o Duster e usa ele para rebocar o jimny em viagens longas. Sonho de consumo. Eu acho que não vale 110k no troller.

  • dallebu

    Legal como um todo, porém uma imagem chamou minha atenção.
    https://www.noticiasautomotivas.com.br/novo-troller-t4-impressoes-ao-dirigir-e-detalhes-da-fabrica/#

    As longarinas do chassi, na parte em que ficam ao lado do motor, são uma clara adaptação, pois dá pra ver claramente que são perfils soldados bem toscamente fazendo um perfil em “S”.
    Isso reduz drasticamente a resistencia contra impactos em relação as classicas longarinas retas em uma batida.
    Até o motor teve que ficar inclinado…

  • Jonathan Iury

    Devia chamar esse carro de t5 e deixar o atual t4 com um CxB melhor, na faixa de 85k

  • CorsarioViajante

    Quem gosta e faz trilha e está com dinheiro no bolso, manda ver!
    QUem gosta e faz trilha e está com orçamento curto, jimny.
    QUalquer outra alternativa, procure…. Outra alternativa! rs
    Sò eu achei o visual muito feio?

    • João

      Poxa, você achou mesmo muito feio? Eu achei que deu uma melhorada. Ficou mais atual, sem cara de anos 90. Mas…acho que esse volante de Ranger deveria ser mudado para um de 3 raios, mais esportivo.

      • CorsarioViajante

        Achei mesmo! rs Talvez com o tempo acostume.

  • Eduardo

    Bom, eu só acho que DEVERIA ter airbags com a opção de desativação manual, assim como geralmente os carros tem para o air-bag do carona. Vai pra trilha? Desativa e seja feliz!

    A Ford não ter colocado é uma baita mancada, aí realmente vemos que se não fosse obrigatório ninguém colocaria.

  • Tosoobservando

    A Ford nao aprendeu nada tendo sido dona da Land Rover, ou o mercado brasileiro mesmo que o consumidor é ignorante e eles sabem? Olha o que o Suzuki Jimny oferece de serie (sim possui airbags) e custa metade do preço desse ae: Conexão externa para entretenimento inclui tomada com entrada auxiliar e inclui conexão USB.

    Porta traseira dobradiça simples.

    Bluetooth inclui telefone.

    Portas motorista, passageiro e abertura à frente.

    Cobertura do estepe maleável.

    Estepe em liga leve e normal.

    Rodas dianteiras e traseiras em liga leve 15 com 5,0pol de largura.

    Vidros elétricos na dianteira com acionamento em um só toque.

    Limpador do pára-brisa com intermitência fixa.

    Vidros verdes.

    Vidro traseiro fixo com anti-embaçante e limpadores do pára-brisa com ciclo constante.

    Retrovisores das portas do motorista e passageiro com ajuste elétrico na pintado.

    Retrovisor interno.

    Ar condicionado.

    Transmissão manual com cinco velocidades no assoalho com relação normal / reduzida MR60 e manual.

    Suspensão
    tipo eixo transversal (beam) e dianteira com barra estabilizadora, roda
    tipo rígida e molas helicoidais, suspensão tipo eixo transversal (beam)
    e traseira com roda tipo rígida e molas helicoidais.

    Direção Assistida.

    Volante de direção.

    Banco traseiro com capacidade para dois lugares, encosto simétrico, com assento inteiriço, voltado para frente e manual.

    Bancos dianteiros individuais, sem ajustes para motorista para passageiro, manual e manual.

    Revestimento dos bancos em tecido.

    Cintos de segurança traseiros no assento do motorista e do passageiro.

    Cintos de seguranca no assento do motorista e do passageiro com pré-tensionador e ajuste na altura.

    Com ajuste na altura nos bancos dianteiros, dois apoios de cabeça com ajuste na altura nos bancos traseiros.

    Airbag dianteiro para motorista e passageiro.

    Bagageiro.

    Pintura normal.

    Travamento central remoto.

    Pneus: dianteiros, traseiros, 205 x 70 S e 92.

    Luzes de neblina traseira.

    Faróis de neblina dianteiros.

    Controle dos faróis manual.

    Faróis lâmpada halógena.

    Acabamento de luxo com pintado na cor do veículo no painel.

    Conta-giros.

    Dois hodômetros parciais.

    Painel instrumentos.

    Tração parcial, 4×4 e com seleção manual.

    Capacidade
    de carga: banco traseiro normal – até altura dos vidros (litros): 113,
    banco traseiro rebatido – até o teto (litros): 816 e medida do
    fabricante.

    Espelho de cortesia para motorista e passageiro.

    Cinzeiro na dianteira.

    Especificações de SUV: ângulo de entrada (°): 37,0 e ângulo de saída (°): 46,0.

    Imobilizador.

    Pára-choques pretos, dianteiros e traseiros.

    ABS.

    Dois freios à disco.

    Tomada com saída 12v dianteira.

    Friso lateral preto.

    Proteção inferior da carroceria o motor motor.

    Equipamento de som AM / FM com CD no painel CD Player com leitor de MP3.

    Dois alto-falantes.

    4 assentos com configuração 2+2.

    Carroceria com três portas tipo SUV entre eixos curto e SUZ JIMNY.

  • Paulo Maia Maia

    Essa estrutura Tubular me parece de primeira qualidade, sabemos que estas estruturas são utilizadas em carros de competição, seria este, um dos motivos da não adoção do airbag? A estrutura tubular é reforçada pela carroceria de fibra de vidro, a fibra de fidro é um compósito (que é a união de dois materiais (fases) para criar uma terceira mais resistente). Essa construção se assemelha muito aos carros da stock car por exemplo. Queria ver os resultados de um crash test com ele… Seria interessante avaliar essa “célula de sobrevivencia” do Troller.

  • johnnyburanelo

    por 60 a 80 vc acha Jeep Wrangler seminovos , com 10 a 20 mil km rodados só na cidade!
    identicos aos zero km
    prefiro muito mais gastar uns 60 nun wrangler, que é infinitamente superior, e economizar ótimos 50 paus

    • Carlos

      Compra o Wrangler baratinho. Mas é bom ter um bom aporte de dinheiro depois para bancar o consumo e custo de manutenção, amigo. Procura se informar a respeito. Preço de peças, revisões, hora de oficina, seguro, etc.

    • Zelotes Universal

      O wrangler com pneu normal faz no máximo 6 km/l na estrada …. E mais uma, manutenção e seguro proibitivos. Um vidro traseiro na CSS chega a custar 7k ….

      • Carlos

        Tem muita gente que pensa igual o Johnny, Alexandre. Acha que ter carro é só ter o valor da compra. Isso aconteceu muito com a Alfa 164, por exemplo, e hoje a bola da vez é o Audi A3 hatch modelo antigo. O resultado é um bando de carros velhos importados totalmente detonados, faróis queimados, vidros rachados, motores com gambiarras feitas pelo mecânico da esquina, rodas e pneus fora das especificações originais, e pior, sem seguro (aí detonam teu carro super bem cuidado, fazendo cacas e não tem dinheiro nem pra pagar o seu nem o deles!!!) porque o cara que se julga inteligente por comprar um importado usado super desvalorizado não tem dinheiro pra fazer a manutenção como deve ser. E dá-lhe pau velho parando no meio da rua e atravancando nosso trânsito caótico…

  • Pomarola

    Curti demais a verde e pra mim a nova T4 é o offroad mais bonito do mundo.

  • Raul Fontana

    achei bacana o novo t4, mas o visual ainda nao me agradou, muito plastico, que nem presisava existir, mas eu não ligo pra visual mesmo, quanto ao air bag, eu nao ligo muito tambem, claro seria bom se tivesse, ai era só questão da ford colocar uma maneira de desativa-lo pra fazer uso no off-road(que é a ideia do veiculo), mas se isso te incomoda tanto, junte mais dinheiro e compre um wrangler, só que o t4 mostrou-se melhor nas trilhas do que o wrangler, enfim se ainda assim te incomodar o fato do t4 não ter air bag, vai comprar um tucson caramba kkkk

  • Fernando Delboni

    Legal, o externo ficou perfeito, faltou um pouco de qualidade no interior, exageraram de mais, usaram quase tudo do interno da nova ranger, mas ficou robusto com um visual moderno. ligeiramente parecido com Jeep da Toyta o Fj Cruiser.

  • Carlos

    Pôxa, nenhuma foto do amarelo dakar! Tô na fissura pra ver a cor do meu novo Troller! Ansioso pelo brinquedo novo!

  • Cristiano Junior

    eu vi uns 15 troller passando pela BR 116 aqui em fortaleza e tinha umas rangers seguindo e tirando foto , massa demais

  • David Diniz

    Um carro de R$ 110mil e ter CD player? Que coisa arcaica…

    • Carlos

      Possuo um GOLF alemão 2014 com CD player. Não vejo nada de errado. Aliás acho inteligente isso. Carro que se preze permite acesso do maior tipo de mídias possíveis. Meu GOLF possui leitor de cartões SD, entrada USB, conexão por bluetooth e CD player. Nada a reclamar. E o Troller tem CD com esses adicionais também. Só não estou certo se possui leitor SD. Nada de errado nisso.

    • Carlos

      “Por dentro, a cabine mais ampla recebe um acabamento melhor que o do modelo antigo, destacando-se além do espaço maior, itens que ampliam o conforto e o entretenimento, tais como ar condicionado dual zone, direção hidráulica, computador de bordo com sete funções, sistema de áudio com CD/MP3/USB/Aux, teto solar duplo, trio elétrico, botão seletor de tração, entre outros. Digamos que, ao lado do modelo anterior, o novo utilitário é bem grande.” Texto retirado da reportagem acima. Basta ler…

      • David Diniz

        O rádio do meu carro não possui CD player somente USB,Aux e controla dispositivos android e iOS (não tem Bluetooth por que não faço questão desse recurso) e vários carros(HB20,Fiesta sem o Sync Linha renault com media nav e o Mylink da GM) não tem Leitor de CD.

        • Carlos

          ou seja… vantagem alguma. Eu pelo menos posso escolher livremente a mídia que vou usar, sem ter que me obrigar a usar as que o carro determinar. Ponto para quem dá opções ao invés de restringi-las.

          • David Diniz

            Você vive preso ao passado é? CD e CD player são coisas arcaicas que já deveriam estar no museu ao lado da fita cassete e de toca fita.

          • David Diniz

            Pelo jeito você tem apego ao passado não é? Na Minha opinião CD e CD player já deveriam estar no museu ao lado da fita cassete e do toca fita.

            • Carlos

              Não vou nem responder. Não vou discutir com quem gosta de se limitar. Meu “carro de 110 mil” terá e usarei à vontade, com a mídia que tiver vontade, sem me restringir..

          • ViniciusVS

            Injusto mesmo, carro deveria vir até com fita k7,

  • Héber Cristiano

    Não sou muito fã de Jipe, mas esse aí eu compraria sem pensar 2 vezes. Bonito e moderno.

  • Augusto

    110 mil por isso é não ter amor pelo dinheiro!!!!

  • Pedro Paulo ()

    Carro com porta luvas traseiro.
    Mas se rebater os bancos, a história é outra.

  • Gabriel

    Aposto que essa maioria que está criticando pela falta de Airbag e abs, não tem condições de comprar um ou nunca se sujou de lama em uma trilha, acha que dar zerinho na grama e subir uma duna é ser trilheiro. Como jipeiro, digo que o sonho de 90% de nossos colegas é ter condições de comprar um e prepara-lo para trilha, basta vocês darem uma pesquisada nos Jipes Clubes pelo brasil qual o veiculo predominante em tais clubes e se os proprietários sentem falta de abs e airbag, ou se estão insatisfeitos com o mesmo. O foco da Troller são os off-roaders de verdade, aqueles que possuem o espirito da lama, quem possui esse espirito estaria criticando se houvessem tais acessórios de segurança, assim como já ouvi comentários a respeito do novo Troller, dizendo que ele possui muita frescura, pois a maioria que compra o seu jipe, no minimo do minimo 1 modificação irá fazer. Então se você não é o publico alvo da Troller, não perca seu tempo criticando e falando asneira, seria a mesma coisa que pai de família com 3 filhos querer opinar as divergências de um carro esportivo de 2 lugares. Cada veiculo possui seu nicho, caso você não possua conhecimento de tal ou não faz parte do mesmo, se informe antes de sair pela internet falando besteira.
    Pelo que percebo nos sites automotivos e videos que acompanho, só existem campões mundiais, pilotos e engenheiros profissionais e afins por trás de cada comentário que leio. Como filho de jipeiro, que cresceu nesse meio e estudante de Engenharia Automotiva, tenho muito caminho pela frente até ter conhecimento e experiencia que admiro em vários “old-school” que convivo em nosso Jipe Clube, onde estudo e onde trabalho. Quem não possui o espírito off-road jamais irá entender a paixão pelo mesmo, como um membro de nosso clube fala para seus amigos que não são do meio: ” Quer fazer uma fortuna? compre um jipe”.

    • Luis Antonio Lima Santos

      Falou tudo, amigo. Mas não adianta discutir com esse tipo de gente que não tem conhecimento do assunto e fica falando asneira. Não perca seu tempo precioso tentando fazê-los entender algo tão simples e vá pra lama brincar!

  • Roberto Roberto

    Bom! a julgar pelas nossas estradas, ruas e lombadas urbanas. O troller cai bem..rs

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend