Elétricos EUA Tecnologia Vídeos Veículos Comerciais

Nuro R2 é o primeiro carro autônomo autorizado a circular nos EUA

Nuro R2 é o primeiro carro autônomo autorizado a circular nos EUA

Até agora, todos os carros autônomos nos EUA tinham autorização para circular somente em determinados locais, como São Francisco, regiões de Califórnia e Meio-Oeste, assim como na já famosa e secreta base militar próxima do Vale do Silício.


Contudo, Google com a Waymo, Apple com o Titan e mesmo a GM com a Cruise Automation não conseguiram até hoje, um licença nacional de livre circulação.

Já a desconhecida startup Nuro, porém, é a primeira empresa da história do país a obter uma certificação federal nos EUA para circular livremente com um veículo autônomo. No ano passado, ela recebeu um aporte de US$ 940 milhões do Soft Bank.

Nuro R2 é o primeiro carro autônomo autorizado a circular nos EUA

Não estamos falando de um carro normal com o motorista apenas observando, mas do R2, um simpático entregador de mercadorias, que não tem espaço para nenhum ser humano.

Focado na entrega de compras de supermercado, mercearia e outras do gênero. Com o R2, a Nuro começará os testes em Houston, Texas, mas já testa a tecnologia em um Toyota Prius no Arizona, em parceria com a empresa Kroger.

Rodando a 40 km/h, o pequeno veículo irá até os endereços registrados e abrirá suas portinhas para as compras mediante desbloqueio do usuário do aplicativo de entregas.

Nuro R2 é o primeiro carro autônomo autorizado a circular nos EUA

O Nuro R2 tem formas arredondadas e um radar LiDAR com designador laser de varredura em 360 graus, tendo ainda câmeras e outros sensores para enxergar o ambiente em volta e um localizador GPS de alta precisão para orientação.

Produzido em Michigan pela Roush, o Nuro R2 vai circular livremente em qualquer lugar dos EUA, porém, existem obrigações legais da empresa com a NHTSA, que foi o órgão que liberou a licença federal.

Nuro R2 é o primeiro carro autônomo autorizado a circular nos EUA

Esta autorização é temporária e tem validade de dois anos, sendo que nesse período, a Nuro terá de enviar relatórios de operação da condução autônoma para monitoramento dos federais.

Ainda que tenha que prestar contas regularmente sobre a operação do R2, a Nuro pode dispor de até 5.000 exemplares circulando pelos EUA.

A concessão da licença para a Nuro pode indicar que a NHTSA vai liberar a mesma para outras empresas do setor, ainda que sejam de veículos de baixa velocidade, como o R2.

[Fonte: Tech Crunch]

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Cesar

    Tem certeza que isso é um carro?

    • th!nk.t4nk

      Velocidade máxima de 40 km/h. Só consegue rodar pelas ruas de bairro, e olhe lá. Não é um veículo pra fazer entregas na cidade toda, é apenas uma tentativa inicial de fazer pequenas entregas na comunidade. Pros subúrbios é bem adequado.

  • awatenor

    É um robô, claro, mas com rodas.

  • Maycon Farias

    Muito bom. Sucesso!

  • Cromo

    O futuro chegando. Aqui talvez isso não ia dar certo, a bandidagem ia dar um jeito de parar e roubar as compras deste veículo, ou até o veículo inteiro.

    • Ele poderia ter um mecanismo de auto-destruição. Mas as diversas câmeras dele inibiriam a bandidagem e o vandalismo.

      • Edson Fernandes

        Creio que compensa mais ser blindado do quee sse dispositivo. Pois o mesmo explodindo daria margem para a empresa “ver pessoas de bem” explodindo “do nada”.

    • José Cláudio

      Aqui não vai dar certo tão cedo porque as ruas são mal sinalizadas e cheias de buracos. A inteligência artificial vai ter que ficar um pouco mais esperta antes de vir pra cá…

  • Eduardo 1981

    É o início do futuro.

  • zekinha71

    Aqui os rappi e os ifuck iam meter fogo nesse concorrente.

  • Oliveira17

    Eh o inicio do desemprego em massa, e os idiotas batem palmas com essa “tecnologia” como se fosse algo benefico ao ser humano, isso enquanto nao forem prejudicados. Para uma minoria privilegiada pode ate ser “boa”.

    • th!nk.t4nk

      Dá uma olhada nos 2 países com maior nível de automação do mundo, Japao e Alemanha. Veja como está o índice de desemprego destes países: estao entre os mais baixos do mundo. Os empregos podem e devem ser criados na area de desenvolvimento de produto, na pesquisa, TI, etc. Nao adianta defender emprego blue-collar pra sempre, eles irao acabar aos poucos. Desde que sejam substituídos corretamente, nao é problema algum.

    • Na época do lançamento das máquinas a vapor, da eletricidade, dos ATMs, computadores, e internet diziam a mesma coisa: desemprego em massa.

    • Rodrigo Ultramari

      os carroceiros reclamam até hoje da criação do automóvel, veja só

  • Thales Ricardo Santos

    Isso aí é um Up TSI de ré, só que mais bonito.

  • Douglas

    Essa porcaria a 40 km/h vai é atrapalhar o trânsito.

  • Ruberlan Santos

    Uber, Rappi e iFood não deixam um robozinho desse circular por aqui.

  • Bikudin

    R2 D2 melhorado

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email