Manutenção

O que é freio ABS?

Freio ABS: saiba tudo sobre o sistema.

O que é freio ABS?


Desde 2014 todos os carros novos precisam sair de fábrica com freio ABS de série, bem como airbag. Um avanço importante que torna esses equipamentos itens básicos e essenciais para a segurança, assim como o cinto.

Embora o Brasil seja considerado uma das principais potências em fabricação de veículos da América Latina há décadas, o atraso dessas obrigatoriedades só mostra como estamos em desvantagem quanto à segurança automotiva.

O que é freio ABS?


Enquanto os Estados Unidos e países Europa exigem ABS e airbag em 100% das novas frotas há mais de 15 anos, por aqui, a lei brasileira que faz essa exigência acaba de completar 5 anos.

A nossa vizinha Argentina segue os passos do Brasil, com implantação da lei apenas em 2014.

O que é freio ABS?

Não há dúvidas de que o freio ABS (Anti-lock Braking System – em inglês) se tornou um marco para o setor automotivo.

Seu desenvolvimento ocorreu na Alemanha no ano 1978 pela gigante Bosch e pela Daimler – empresa controladora da Mercedes-Benz.

O que é freio ABS?

Obviamente que o primeiro carro a ter a tecnologia não poderia ser de outra fabricante, portanto, o Mercedes Classe S W116 foi o primeiro veículo do mundo a receber ABS.

Na época, a montadora alemã oferecia apenas como opcional e com um preço alto.

A partir dos anos 80 a Mercedes passou a entregar ABS de série em todos os seus modelos.

O que é freio ABS?

Aqui no Brasil, o primeiro automóvel a receber freios ABS foi o Volkswagen Santana, mas só em 1991; posteriormente o Chevrolet Ômega passou a ser equipado.

O que é e como funciona o freio ABS

O que é freio ABS?

Desde os anos 90, o freio ABS foi ganhando melhorias: redução de peso, tamanho e perda da vibração no pedal. Também ganhou identificação no painel.

O sistema de hoje atua com sensores eletrônicos e inteligência para comparar cada uma das rodas com a velocidade do veículo.

Monitorando a aceleração do carro, ao perceber que uma roda tende a travar, ele atua aliviando a pressão de freio.

Durante a condução, sua tecnologia eficiente impede que o automóvel derrape ou tenha perda de aderência com o solo em situações inesperadas.

O que é freio ABS?

Na prática, isso significa que, mesmo pisamos no freio, o motorista conseguirá desviar de obstáculos na pista sem o perigo de rodar/derrapar com o carro.

A derrapagem sempre foi a causadora de grandes tragédias no trânsito. Logo, veículos equipados com ABS podem ter redução de risco de acidente fatal em aproximadamente 40%.

Mesmo com a pista molhada, o ABS não deixa o condutor sob risco. Ao dirigir em condições de solo molhado, o sistema faz com que o veículo pare 42,4 metros após a freada. No freio convencional são 53.

Desse modo, o Anti-lock Braking System proporciona melhor desempenho do que o comum em dias de chuva.

Como o ABS sabe que é hora de atuar?

O que é freio ABS?

Como informamos no tópico anterior, a tecnologia ABS monitora a velocidade do carro e das rodas; ela faz essa verificação 20 vezes por segundo com o auxílio de sensores.

Quando o motorista pisa no freio, os sensores atuam coletando a informação e transmite para o controle Anti-lock Braking System.

Ao detectar que uma das rodas está prestes a travar, o sistema entra em ação em milissegundos, impedido que o travamento ocorra.

O que é freio ABS?

Para manter o veículo estável e sob controle, o ABS trabalha na modulação da frenagem de cada roda de forma individual.

Enquanto todo esse mecanismo funciona evitando um acidente, o motorista pode não perceber, entretanto, em algumas situações, poderá ocorrer trepidação no pedal, que é normal.

O que é freio ABS?

A trepidação ocorre, pois, a contenção e a liberação das rodas é feita pelo bombeamento do fluido de freio. Não é recomendado tirar o pé quando começar o tremor, senão poderá comprometer a frenagem.

É importante destacar que, para o ABS entrar em ação, é preciso pisar fundo no pedal do freio.

Quais as diferenças entre um freio comum e o ABS

O que é freio ABS?

Agora, quais são diferenciações entre o freio comum e o ABS?

Os dois sistemas possuem duas pastilhas que são responsáveis por dar pressão no disco de freio, fazendo com que o carro possa parar.

A principal diferença está no bombeamento do fluido de freio até chegar às pastilhas.

No sistema ABS, o fluxo de fluido de freio enviado para as rodas, é controlado a fim de evitar que ocorra o travamento de uma delas, propiciando melhor dirigibilidade e estabilidade do automóvel, consequentemente reduzindo a distância de parada.

O motorista, porém, pode efetuar força máxima de frenagem que a tecnologia do freio ABS irá garantir a eficiência de frenagem de modo totalmente seguro.

As vantagens dos freios ABS

O que é freio ABS?

Podemos mencionar muitas vantagens que os freios ABS proporcionam; veja:

  • Propicia parada gradual do veículo fazendo com que não haja o travamento das rodas;
  • Mesmo após a frenagem, o condutor conseguirá realizar manobras e desviar de obstáculos;
  • Pista molhada, grama ou areia: o carro não irá derrapar;
  • O ABS é um equipamento de segurança, ou seja, permitirá que não ocorra o travamento da roda, evita derrapagem, consequentemente diminuindo o risco de acidentes graves, principalmente em rodovias.

Problemas e manutenção no freio ABS

O que é freio ABS?

Normalmente os freios costumam dar sinais de que algo está errado e é nessa hora que você deve procurar um especialista. A trepidação constante no pedal, volante e barulhos são alguns dos indícios.

O ABS possui inteligência para alertar o condutor. A luz (amarela/alaranjada) no painel é o indicativo. Se ela acender uma vez ou mais é necessário procurar uma assistência para analisar o que houve.

Os especialistas alertam que o primeiro passo é averiguar as pastilhas.

Seja ABS ou comum, a atenção com esse equipamento deve ser periódica, logo, ao detectar problemas, procure uma oficina imediatamente.

Carros antigos: posso instalar freios ABS?

O que é freio ABS?

No Brasil, todos os veículos já saem de fábrica com freios ABS desde 2014.

Se você tem um modelo anterior a esse ano da implantação, saiba que é possível fazer uma adaptação e instalar.

Confira com a montadora se eles têm as peças e se fazem a instalação. Antes de a lei entrar em vigor, muitas delas vendiam como opcional.

O custo varia muito, podendo iniciar em R$ 1.500 e ir até R$ 3 mil.

O que é freio ABS?
Nota média 5 de 5 votos

  • leandro

    Parece bobagem, mas no trânsito do dia-a-dia e em rodovias, sempre fico de olho se o veículo que está atrás é muito antigo e não possui ABS.

    Preconceito? Não! Precaução! Infelizmente em uma situação de emergência veiculos sem ABS só vão parar quando pegarem tua traseira!

    Procuro deixar passar ou troco de faixa…

    Não estou duvidando da capacidade do motorista, mas é fato que a capacidade de frenagem é menor…
    Já fui vítima, assim como também quase já peguei a traseira de um quando tinha um carro sem ABS.

    Em rodovia faz toda a diferença.

    • Ricardo

      Sempre quando freio bruscamente minha primeira reação é olhar no retrovisor temendo um mané!

      • Louis

        Em rodovias o ideal também é não colar no carro da frente e tentar antecipar a freada do trânsito. Se andar colado, mesmo que você veja que o trânsito está parando e consiga frear mais forte, o de trás pode estar distraído e afundar sua traseira. Como eu sempre mantenho boa distância do carro da frente, já começo a frear mais cedo para que o de trás de mim veja.

        • leandro

          TB faço a mesma coisa! Tenho que dirigir pensando no idiota detrás que fica colado! Pior que nem é pedindo passagem, é mal costume mesmo de gente que anda cheirando a traseira alheia kkkk

    • Louis

      Se o carro de trás tiver frenagem automática de emergência, pode ficar tranquilão hehehehe

    • Eng Turbo

      Isso me lembra daquele barulho assustador, quando vc está na rodovia com chuma e ouve aquele xiado chegando atrás, logo apos vc realizar uma redução brusca……

    • MauroRF

      Nem precisa ser em rodovia, em cidade mesmo isso ocorre. Ano retrasado, frearam seco na minha frente, eu já tinha veículo com ABS e freei com força, não travou roda e parei bem perto do carro da frente. O carro detrás de mim era um Palio Fire antigo: resultado, ele freou com tudo, travou roda e encostou na traseira do meu carro. Deu só uma arranhadinha de leve, mas poderia ter sido fatal. Se ele tivesse ABS, não teria encostado na traseira do meu carro.

  • Ricardo

    É verdade que os ABS atuais não trepidam o pedal?

    • Fanjos

      Interessante a pergunta, meu Ka anterior trepidava bastante quando pisava firme, já o meu atual o Golf não trepida nada ,mesmo que sente o pé em baixo

  • Eric Ribeiro

    Na verdade o primeiro carro a contar com freios ABS foi a linha Imperial, subsidiária de luxo da Chrysler Corp. em 1971, sendo opcional no Imperial LeBaron 71, chamado de Sure-Brake System.

  • Piston head

    Não dá para acreditar que se tornou obrigatório apenas em 2014!

    • Fanjos

      ESP ainda não é obrigatório e mal acrescenta US$ 50 dólares em cima dos valores do carro

      • Dario Lemos

        O que dizer daqueles que acham o ESP desnecessário? Até parecem que são ases ao volante.

        • Fanjos

          Por mim alem do ESP o carro já deveria ter piloto automático 100% autônomo para me levar para onde eu quiser enquanto jogo no celular.
          Agora sim tem gente que acha que até o ESP é “besteira”, principalmente uns donos de Vovorollas de um tempinho atras, isso porque o carro tinha “excesso de estabilidade” e não precisava.

  • Luis Burro

    Todo dispositivo q aumente a segurança é sempre bem vindo mas será q o pessoal sabe como utilizá-los corretamente?
    Acho q nas autoescolas deveria ter um curso mais completos sobre o uso correto dos equipamentos!

    • Eskarmory .

      Auto escola mal sabe ensinar a dirigir, quem dirá ministrar qualquer treinamento adicional.

  • Raimundo Nonato

    Meu primeiro carro 0km foi um novo Palio 2012. Na época paguei 1500 reais pra colocar Airbag e ABS.
    O vendedor da Fiat ficou falando comigo que era bobagem, seria melhor comprar a cor prata que ia facilitar a revenda

  • P500

    Já me livrei de acidente duas vezes graças ao ABS. Não saio de casa sem ele. Próximo carro, terá que ter ESP, Air Bag de cortina e tração 4×4 (tive que desviar de um cachorro a 130km/h e notei bem a falta do ESP e tração nas 4).

    • Fabio Assunção

      Tirando carros muito caros (como os Audi com tração Quattro), a maioria dos carros que se vendem como tração nas quatro rodas na verdade utilizam um artifício de tração sob demanda, que, acredito eu, não seja tão eficiente para situações de emergência…

      • P500

        Concordo totalmente. O carro que tenho em vista, é um Subaru Forester. 4×4 “de verdade” full time.

    • Unknown

      E daria para tirar o ABS para sair? rsrs

  • Luís Tiago Júnior Fernandes Kl

    Para os incautos, a sigla ABS pode levar até a prejuízos. Lembro-me que há menos dois anos atrás, uma grande oficina aqui da cidade oferecia mais ou menos a seguinte promoção: “Pastilha de freio para modelos populares (Gol, Palio, Uno etc.) sem ABS, R$ 100,00; para modelos com ABS, R$ 150,00”. Here is Brasil zil zil

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email