História Tecnologia

O que é o ciclo Atkinson? Motor é usado normalmente em híbridos

O que é o ciclo Atkinson? Motor é usado normalmente em híbridos

Em 1882, James Atkinson (1846-1914) queria fabricar motores de ciclo de quatro tempos, mas por causa da patente já registrada em nome do alemão Nikolaus Otto, feita em 1876, o engenheiro britânico decidiu criar um novo tipo de motor para poder entrar no mercado que estava nascendo.


Assim, ele patenteou o ciclo Atkinson, que ao invés dos quatro tempos (admissão, compressão, expansão e exaustão), apresentava funcionamento com cinco estágios. A ideia era aumentar a eficiência energética em detrimento da performance. Assim, aumentando-se a fase de expansão e reduzindo a de compressão, obtinha-se melhor rendimento.

Para criar esse efeito, que precisava de apenas um movimento do pistão, enquanto o ciclo Otto necessita de dois movimentos para completar as quatro etapas, Atkinson criou um complexo mecanismo de articulação até o virabrequim, fazendo com que a compressão na câmara fosse diferente daquela da expansão.

O que é o ciclo Atkinson? Motor é usado normalmente em híbridos


No entanto, hoje em dia, fabricar um motor puramente de ciclo Atkinson seria totalmente inviável, ainda mais com a ordem geral de redução de custos de P&D. Assim, os propulsores Atkinson modernos, geralmente usados em híbridos, utilizam outro artifício para criar os cinco tempos.

Graças aos comandos de válvulas variáveis e de gerenciamento eletrônico, é possível simular o ciclo Atkinson em motores de ciclo Otto. Nesse caso, a ECU envia ordem para que as válvulas de admissão fiquem abertas durante a compressão, fazendo com que esta etapa seja inferior ao normal, enquanto a fase de expansão se mantém inalterada.

O que é o ciclo Atkinson? Motor é usado normalmente em híbridos

O objetivo primário é fazer com que a pressão na câmara de combustão na fase final de expansão seja igual à atmosférica. Assim, consegue-se menor consumo de combustível. Devido à menor quantidade de mistura admitida na compressão, o motor Atkinson oferece menor potência em relação ao ciclo Otto.

Caso o desejo do fabricante do veículo seja obter maior potência de um motor Atkinson, a saída é a introdução de um compressor mecânico, mas a partir daí, o propulsor será conhecido como um de ciclo Miller. Além dos híbridos, recentemente a Toyota lançou dois motores compactos de 1.0 e 1.3 litros, que também simulam os cinco tempos de Atkinson.

Agradecimentos ao Hélio Figueiredo pela dica.

O que é o ciclo Atkinson? Motor é usado normalmente em híbridos
Este texto lhe foi útil??

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email