O que economiza mais nas descidas? Ponto morto ou marcha engatada?

economia combustivel ponto morto
economia combustivel ponto morto

Você sabia que descer com o carro em ponto morto pode fazer o carro gastar mais combustível?

Sim, a tal da banguela, ou seja, descer longos trechos com o carro em ponto morto, somente economizava combustível na época dos carros equipados com carburador.

Nesta situação, realmente, a economia era real.

Mas hoje, em uma época onde os carros tem seus sistemas mecânicos controlados por pequenos computadores, ou seja, a central eletrônica do motor, é melhor descer estes trechos com uma marcha engatada.

Quando o carro desce com marcha engatada, a história é outra. O sistema corta o combustível, pois sabe que o carro está em movimento sem precisar acelerar. Isso é chamado de “cut-off”.

Ele sabe que o carro continuará em movimento, por causa da inércia, então não é necessário injetar nada de combustível, gerando a maior economia possível.

Além de economizar combustível, essa técnica também ajuda a frear o carro de modo mais seguro e eficiente, onde o freio motor ajuda o sistema de freio nas rodas.

Vantagens e desvantagens de descer em ponto morto

Essa prática traz mais pontos negativos do que benefícios. Além do que já citamos, a respeito da economia de combustível, dirigir em ponto morto piora a segurança.

O veículo fica mais solto, por não ter a força do motor. Isso dificulta ações emergenciais, aumentando o perigo de acidentes.

Além disso, essa prática desgasta mais rápido o sistema de freios, que fica sozinho com a tarefa de ir segurando o veículo e mantendo a sua velocidade mais estabilizada.

Isso significa mais gastos com manutenção no futuro, anulando a suposta economia de antes.

Benefícios Descrição
Freio-motor Reduz a velocidade usando o motor, economizando freios.
Controle em descidas Melhora a aderência e segurança do veículo em declives.
Eficiência na condução O sistema de injeção eletrônica corta a alimentação de combustível, economizando recursos.

Benefícios da marcha engatada

Usar a marcha engatada oferece o benefício do freio-motor. O motor ajuda a diminuir a velocidade sem frear tanto. Nos declives, os freios sofrem menos e a condução é mais eficiente.

Manter marcha engatada dá ao condutor mais controle em descidas. Isso evita perder a aderência. Sabe-se que isso mantém a segurança mais alta e a viagem mais estável.

Mas é claro, se seu carro é antigo e tem um carburador, descer na banguela economiza sim combustível, principalmente se estivermos falando de um motorzão V8.

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.




Autor: Eber do Carmo

Fundador do Notícias Automotivas, com atuação por três décadas no segmento automotivo, tem 18 anos de experiência como jornalista automotivo no Notícias Automotivas, desde que criou o site em 2005. Anteriormente trabalhou em empresas automotivas, nos segmentos de personalização e áudio.