Governamental/Legal Mercado Montadoras/Fábricas

OMC: Brasil tem 90 dias para encerrar Inovar-Auto

bmw-fábrica-serie-1 OMC: Brasil tem 90 dias para encerrar Inovar-Auto

As denúncias de protecionismo junto à OMC (Organização Mundial de Comércio), feitas por União Europeia e Japão, agora foram acatadas pela entidade que condenou o Brasil pela imposição de restrições à importação de automóveis em decorrência do Inovar-Auto e em outros seis políticas de incentivos nacionais que ferem as regras de comércio internacional.



Como pena, o Brasil terá 90 dias para encerrar o Inovar-Auto e os demais programas governamentais de subsídios em outros setores. Essa é a maior punição comercial imposta ao país desde que entrou para a organização. Considerado ilegal pela OMC, o Inovar-Auto impõe cotas de importação sem a cobrança de IPI majorado de 30%.

Para se ver livre dessa imposição, importadores ou montadoras precisam investir em pesquisa e desenvolvimento ou em produção local. Assim, a medida protege o produto nacional em detrimento do importado, sendo assim considerado anticompetitivo em termos comerciais.

Da data de publicação oficial da punição, o Brasil tem 60 dias para recorrer e é o que o governo irá fazer, visto que um recurso demandará pelo menos mais seis meses até novo julgamento. Nesse caso, o país garante que a discussão seja levada para meados de 2018. Até lá, legalmente o Inovar-Auto sai de cena – o que ocorrerá em 31 de dezembro – entrando em seu lugar a nova política industrial para o setor automotivo, chamada de Rota 2030. O recurso também permite ao país evitar legalmente o direito de retaliações comerciais por parte dos países denunciantes.

A Anfavea e outros setores já sabem que o Rota 2030 acabará com a imposição de cotas e com a cobrança de IPI de 30% para importados, alvo das denúncias feitas junto à OMC e que acabaram por gerar a punição atual. As montadoras e importadores defendem a nova política e aguardam com expectativa que ela ajude o setor a crescer novamente nos próximos anos. O novo programa terá vigência de 15 anos, dando assim mais estabilidade e segurança para investimentos no país.

No entanto, o Rota 2030 não isentará totalmente a cobrança adicional de IPI, de acordo com o jornal Estado de Minas. Uma proposta da nova política será levada ao Ministério da Fazenda com a proposta de que montadoras e importadores comercializem seus produtos no mercado nacional atendendo às novas normas de eficiência energética, segurança veicular e investimentos em P&D e na cadeia de fornecedores, bem como participação no programa de etiquetagem veicular do Inmetro.

Caso contrário, haverá um IPI adicional de 10%. Se houver consenso entre as empresas do setor, esse acréscimo no imposto será eliminado, conforme o governo espere que aconteça. Segundo Luzi Gandini, presidente da Abeifa, cada item citado acima representa 2% de IPI adicional.

Embora os incentivos fiscais sejam vantajosos para os fabricantes, atualmente as empresas do setor querem mesmo é evitar que isso volte a acontecer nos moldes do Inovar-Auto, dando assim uma sustentabilidade natural ao mercado. O governo também vê o assunto pelo mesmo ângulo, visto que desde 2010, o Inovar-Auto e outros seis programas de subsídios do governo geraram desoneração fiscal de R$ 25 bilhões. Por conta disso, Brasília busca encerrar esses incentivos, ainda mais quando o déficit das contas públicas nos próximos dois anos deve fechar em R$ 159 bilhões.

[Fonte: G1/EM]

Agradecimentos ao Lucas André e Rodolfo Guedes.

  • Pipo pipo

    Política populista que não ajuda ninguém, só nos causou atraso tecnológico e diminuição de mercado. Já vai tarde.

    • André

      A Kia agradece, acho que foi a marca mais prejudicada. Outras podem crescer como as chinesas, Suzuki, entre outras.

    • Deadlock

      Onde esses caras não merdejaram? Deveriam ter se preocupado com a produtividade (educação de qualidade, basicamente), para nos tornar competitivos sem artifícios. Preferiam “proteger” o mercado interno criando barreiras ilegais, e a produtividade caiu no governo Dilma. Trump está no mesmo caminho.

    • Fanjos

      Lacra 13…Lacra 45… Lacra qualquer Mer@# com Socialista/Social/Esquerdismo no nome, que vai ser sempre esse lixo.
      O problema é que aqui no Brasil temos 50 partidos diferentes….50 tons de vermelho!
      Só o NOVO é partido de Direita Liberal no país inteiro

      • Léo Dalzochio

        Exatamente, Fanjos. Desde 1985, 50 tons de vermelho. E pior ainda é ter que ouvir da boca de babuínos que vivemos numa “democracia”!

        • MauroRF

          Os militares erraram em combater os vermelhinhos apenas fisicamente, mas os deixou livres para difundir suas ideias nos meios acadêmicos, entre intelectuais etc. Daí hoje um monte de artista e professor ser esquerdista. É o marxismo cultural. E os esquerdoides estão conseguindo tudo com muito êxito, e um monte de gente não percebe.

          • Fanjos

            Se os militares da Ditamole HuEzeira tivessem seguido a logica do Titio Pinochet de levar comunista para passear de helicóptero até o oceano sem volta e tivesse apostado em liberalismo econômico em vez de protecionismo como os “espertos” fardados da época fizeram o país hoje seria outro, provavelmente muito melhor, talvez um dos melhores do mundo, mas não, alem de tratar os esquerdistas com carinho demais, ainda fecharam as barreiras e apostaram em Estado inchado e protecionismo pesado…deu no que deu.

            • MauroRF

              Exatamente, Fanjos. Não sei o que os levaram a seguir no caminho do protecionismo, acabaram sendo populistas sem querer. O que corrobora o que você disse é o que o Chile hoje. Quando fui lá, todos, sem exceção, diziam que o sistema educacional de lá era bom porque foi semente plantada pelo Pinochet. E ele não dava mole mesmo. Os índices de violência lá são baixos, comparados aos daqui principalmente.

            • Luis Burro

              Ah tah,eh q soh tem esquerdista e sempre foi governado por eles!

              • Fanjos

                Sim o HuEzil é um país Ultraesquerdista

        • Paulo Roberto Steindoff

          Os militares eram protecionistas ao extremo. Criaram centenas de estatais deficitárias. Fecharam o mercado automobilístico, fecharam o mercado de informática e nunca explicaram a estatização da Light!

          • Deadlock

            Essa é a nossa tragédia, milicos nacionalistas, mas o comunismo seria 100x pior. Comunista é criador de gado (ninguém pode pensar diferentes deles, que se acham seres superiores, kkkk), pagando ao povo uma miséria, quando não morrem de fome. Quando vejo esses líderes comunistas, vejo que são patéticos. Fidel Castro e sua ridícula vestimenta militar, Brejnev e seu uniforme cheio de medalhas, o ditador da Coréia do Norte falando e fazendo bobagens para achacar o ocidente. Trump, se for estadista, invadirá a Coréia do Norte, acabando com essa canalha.

            • Paulo Roberto Steindoff

              O Shigeaki Ueki , ministro das Minas e Energias, do Regime Militar, na época da estatização da Light, que sairia DE GRAÇA, soube enriquecer bem.

              • Deadlock

                É, estatização de graça, onde existe isso? Em Cuba? Venezuela? Shigeaki Ueki foi da parte final, na redemcratização, mas se for verdade o que vc falou, esse é exceção. O ministro dos transportes dos milicos morreu e a família nem tinha dinheiro para enterrá-lo. Compare com os ministros que controlaram o DNIT no governo esquerdista.

            • Luis Burro

              Nao eh pq algm diz q eh de tal orientacao politica q ele seja realmente.
              E q diferenca o Brasil,q eh fodastico,tem pra china alem da liberdade?O povo de lah se ferra tanto qnto o daqui.
              Alem disto,tdo q eh acesso e programa social soh comecou no tempo do pt,antes quase nem existia.
              Eles custearam tdo com dinheiro publico.Mas nao eh pra isto q servem os impostos?
              O q houve foi mah administracao por nao arrecadar mais do q gastou.

              • Deadlock

                Liberdade na ChIna? Só se for em Formosa.

                • Luis Burro

                  Me refiro ao brasil,soh temos isto de melhor q na china.

              • Ernesto

                Só começou no tempo do PT? Tá de brincadeira, não está?

                • Luis Burro

                  Programa social sempre tem,mas em peso foi neste periodo.

        • duhehe

          Algumas mentiras propagadas pela esquerda: da que vivemos em uma democracia, em liberdade, com segurança, no capitalismo.

      • Gran RS 78

        Bolsonaro 2018!

      • É o que costumo dizer: no Brasil só temos variações de partidos à esquerda no Brasil. Chamar PSDB de direita é brincadeira de petista mal intencionado ou desinformado. O mais próximo que temos de uma “direita” em ação hoje é o caricato Bolsonaro. O partido Novo em gestação tem bases nas doutrinas liberais, mas ainda há que se ver se tende realmente para a direita do matiz ideológico.

        • MauroRF

          Onde eu assino, Ubaldir? Na mosca! Cara, eu sempre disse isso, o PSDB é a direita da esquerda (tá mais para socialismo fabiano, mas é socialista). Direita de verdade não tem hoje no Brasil, aliás, acho que nunca teve direito.

          • FHC e outros expoentes do PSDB são formados na escola Fabianista. Apenas adotaram uma vertente mais liberal na condução da economia, mas os programas assistencialistas, a agenda social forte e a queda para o populismo estão lá, sempre estiveram. Aliás, a América Latina toda sofre do mal da falta de dualidade política real. A alternância de poder, mesmo quando ocorre, representa mínima alteração no curso dos ditames ideológicos. Tirando Chile e Colômbia, poucas nações latinas apontam para um potencial abandono das práticas já seculares de esquerda populista que seguram a região no atraso.

            • Deadlock

              É, FHC percebeu que a sua teoria da dependência é mais um lixo produzido pela esquerda… FHC exilado, José Serra exilado, não caiam mais nessa…

            • MauroRF

              É bem isso mesmo, Ubaldir. E tem petista que fica falando que PSDB é de direita, que é a direita. Os caras são bem ignorantes mesmo (digo, os que os seguem sem saber o que estão fazendo, a cúpula petista sabe muito bem o que está fazendo). É uma disputa dentro do mesmo campo ideológico, na prática, com esse diferencial do PSDB que você apontou bem.

      • MauroRF

        Na mosca, Fanjos! Partido de direita mesmo não temos. Aliás, nunca tivemos direita mesmo. O PSDB é a “direita da esquerda” (típico socialismo fabiano, mas é socialismo). Um pouco agora com o Bolsonaro, mas ele precisa capitalizar melhor esse sentimento. Aliás, todos nós, exceto os bandidos e os esquerdoides, estamos de saco cheio desse politicamente correto, desse mimimi de direitos humanos, de defender bandidos, homossexuais etc. O que as minorias não entendem é que os esquerdopatas os usam como massa de manobra para atingir os fins. E estão conseguindo. E a mídia está vendida ao esquerdismo. Veja só, até nos EUA, bastou entrar o Trump, a imprensa começou o mimimi, um mimimi que ninguém via quando era o Obama. Para não ir longe, aqui em Santo André, a minoria “petética” foi lá tentar quebrar tudo na câmara semana passada, ameaçar a secretária de saúde e estão, nas redes sociais, inventando factoides, que nada está funcionando etc. Detalhe: quando era o prefeito deles de 2013 até ano passado, não abriam a boca, mesmo o desgraçado do Carlos Grana tendo roubado o que deu e destruído a cidade, coisa que o Paulo Serra, atual prefeito, está tentando consertar (e está conseguindo, com apenas oito meses de mandato). Claro que os petebas sabem que a cidade vai funcionar e que aí não terão mais chance de mamar no poder público. Como bem definiu o professor Villa, eles são sanguessugas, precisam do Estado para viver. E se eles não tiverem Estado para mamar… Aliás, em um grupo de FB, foi lançada uma campanha “Não contrarie um petista”. Se os caras ficarem falando, basta não responder nada. Eles vão ficar mais nervosinhos ainda, rs.

        • Filipe Augustus

          Infelizmente isso é verdade, Santo André estava um caos na mão do Rouba Grana, um pouco do que sofre São Caetano agora com o Auricchio, apesar dele não ser do PT, ele está tomando uma atitude idiota encima de outra, nem polícia a gente tem mais nas ruas! Não vejo um buraco ser tampado na rua e tudo em todos os sentidos está cada vez pior! Falando da minoria “petética” ou patética, eles adoram tumultuar em tudo que colocam a mão! Esse país precisa de uma grande libertação de todas essas amarras!

      • ALVIN_1982

        Se você se candidatar à Presidência com o Partido NOVO, já tem meu voto.

        • Fanjos

          Fanjos para presidente que vai prometer prosperidades automotivas diárias!

        • fschulz84

          Fanjos na presidência? Teremos aumento nos valores dos carros diariamente, via decreto hahahahaha

      • Alex Ruski

        Esqueceu o LIVRES!

    • Aliás, toda política populista não ajuda ninguém, além dos próprios governantes.

      • MauroRF

        Sim, isso mesmo, Tadeu! Sempre que ganha é a “cúpula”, ou você acha que o Maduro tá passando fome ou o Raúl Castro tá andando de carro velho? Stálin já fazia isso. Tudo farsa.

    • Gran RS 78

      Tbm esperar o que de uma Presidanta que nem consegue falar direito e de um partido corrupto sangue suga que acabou com o nosso país.

      • Paulo Lustosa

        Cara, pra mim, a nossa política não possui salvação. Não vejo um que escape, não temos partidos de direita, são todos, sem exceção, de esquerda, e sua grande maioria, são ladrões. Tá mais pra briga entre ladrões que briga de população contra corrupto.

  • V12 for life

    Parabéns OMC agiu tão rápido que faltam 90 dias para o super IPI cair automaticamente.
    Com isso da pra ver que não é só no Brasil que a burocracia atrapalha.

    • Fernando

      Sim. O Brasil ainda vai recorrer da decisão o que deve alongar o processo por mais tempo, e quando não houver mais como recorrer, o inovarauto já terá acabado a muito tempo.

  • Mr. Car

    Para deixar de ser besta.

  • Jad Bal Ja

    Mais uma herança deixada pela gerentona Dilma e o PT. Nunca o Brasil teve um governo tão incompetente e que deixou uma herança tão maldita quanto o que a ORCRIM legou ao nosso país.

    • Louis

      Essa muié deveria ser punida pelo mal que causou ao país. Quebrou uma nação, deveria no mínimo ter todos os bens confiscados, deixando só um apartamento minha-casa-minha-vida para ela morar.

      Qualquer pequeno empresário, se deixar uma dívida trabalhista, por exemplo, tem seus bens confiscados, inclusive previdência privada.

      • Abdallah

        E o pior, é que ainda existem pessoas que colocam essas pragas como sendo os salvadores do país.

      • Mr. Car

        Apartamento? Tu é bonzinho, heim? Devia deixar só com a roupa do corpo, e isto pelo bem alheio, para ninguém ter que sofrer o trauma de ver aquela coisa nua, he, he!

      • EDU

        PUNIDA ? RSSS Ela aposentou rapido ficou com uma boa aposentadoria , anda de Ford Edge modelo novo blindada e tem segurança acessores pagos por nos mais passagems areas pra saracotear por onde quiser dizendo onde for que sofreu GORPIIII como diz a super alfabetizada senadora quadrupede Fatima Bezerra. Punidos estamos sendo nos .

      • MauroRF

        Não só ela, mas o partido dela e todos esses com a mesma ideologia. Pior que o povão (mesmo os cegos que os apoiam) não enxergam que todos nós, inclusive eles, somos vítimas de tudo isso. Excluindo grandes empresários, políticos e banqueiros, tem alguém que leva vida boa neste país? Você não pode andar por aí que pode ser roubado ou morto, as leis não funcionam etc. O que prova o que estou dizendo é a própria professora lá do Sul, que apoia esse esquerdismo e foi ela mesma vítima disso. E pior que uma pessoa como ela não se toca de que ela nem ninguém vai ganhar nada com isso, apenas a cúpula do partido que ela defende é que terá vantagens. Excluindo alguém da turma do partido, alguém do povo está bem hoje? É duro.

      • Dario Lemos

        Louis, ela nunca geriu nada, aliás, nem tem condições de gerir uma barraquinha de esquina, tudo o que ela fazia era seguir as ordens da cúpula petista.

  • Miguel

    Se isso não tivesse existido, me arrisco a dizer que talvez não estivéssemos pagando carro popular a 50 mil ou sedã a 100.
    Com mais concorrência de importados com um bom custo beneficio, quem sabe nossas montadoras poderiam ter tido mais receio de aumentar o preço de um carro a cada dois meses…

    • Talvez estaríamos pagando carro popular a 30 mil, mas sem dinheiro (ou emprego) para comprá-los.

      • Cláudio Modesto

        Sem emprego estamos agora, então seria melhor pagar 30 do que 50 mil, certo?

  • Alexandre

    Acho bom o governo e os “mamadores de tetas” (também conhecidos como montadoras) já irem calculando os prejuízos no médio e longo prazo porque é certeza que o Brasil será condenado pela OMC após esses 90 dias. Claro que terá aquele empurra-empurra (recorrer da condenação), mas no final das contas vai pagar o pato merecidamente. Só um país sem o minimo de competitividade global executa esses tipos de subsídios.
    Outro detalhe, jogar 25bi durante alguns anos nas mãos das montadoras enquanto estamos com déficits de escolas, estradas, hospitais é de deixar qualquer um indignado.

    • Schack Bauer

      Perfeita colocação.

  • SK15

    Por que só eu acho que nada mudará e os carros continuaram caros e ruins com ou sem Rota 2030, com ou sem Inovar Auto, com ou sem OMC?

    • 4lex5andro

      Não somente continuaram caros, como continuarão assim, caros e defasados, pra bem além de 2030.

    • Marco Aurélio Rodrigues

      Porque vc é realista!

    • Dario Lemos

      Você não está sozinho, eu não acredito em nada que venha dessa turminha aí.

  • Alvaro

    Muito bem, tem que acabar com esse vulgo “protecionismo” que está mais para um cartel das montadoras tradicionais, erroneamente chamada de brasileiras, fazendo lobby junto ao governo. A época, chamada de medida para “proteger a indústria nacional” da eminente invasão de marcas chinesas (Devido ao boom dos carros chineses, lembro-me a época de uma matéria de Quatro Rodas só sobre as montadoras chinesas que estavam prestes a entrar no mercado brasileiro).

    Embora, as medidas prometidas da nova equipe econômica no EUA, ao meu ver, não difere muito do Inovar-Auto impondo taxas de importação elevada para veículos oriundos do México. Não sei se há uma brecha que não infringe as diretrizes da OMC, resguardando a medida.

    • Os Estados Unidos dão risada da OMC, o tempo todo. Ninguém fará represálias contra o maior mercado consumidor do mundo – esqueça isso.

      • Alvaro

        Hahaha com certeza, sei que foi um questionamento ingênuo da minha parte. Mas né, queria saber se de repente, eles trabalharam em alguma brecha ou foi na base do medo mesmo, como disse.

      • Deadlock

        Mas, é claro, se é o maior mercado consumidor do mundo, todo mundo vai querer vender lá, porque os caras são bons e a população está rindo toa….

    • Medidas prometidas apenas alardeadas por Trump. mas que não passariam no congresso, ele não impôs nenhuma taxação, foi apenas ameaça.

      • 4lex5andro

        Sim, em governos democráticos não é tão fácil, não se pode governar por decreto.

        Isso, hoje, é típico de países a noroeste do Brasil.

  • Sasaki

    Se f*d* ai governo!!!

  • Eu falei que eles não iriam manter esse programa nem criar outro nos mesmos moldes, exatamente pq esse processo na OMC ja´existia, é loucura continuar com esse protecionismo, estes 25 bilhões se o Brasil fosse uma China teria criado umas 4 montadoras nacionais com ele kkk chega ser risonho como os politicos jogam nossa grana fora.

  • octavio cesar godoy

    cacete de país atrasado esse Brasil, protecionismo pra que? Só tem carroça aqui , lançaram o cruze novo imaginem, com mecanismo de farol para abaixar ou subir o facho, e sinalizador de seta no retrovisor. Fico indignado, meu Subaru Forester ano 2010 ja tem isso, e nem é o mais equipado. Não sei como nós brasileiros aguentamos isso, inclusive me incluo nessa tbem, mas por outro lado, é o que nos resta, comprar essas porcarias defasadas que temos aqui

  • Marcio Mendes

    O meu medo é que o Inovar Auto apenas mude de nome… Rola muito jabá e os interesses das “nacionais” são grandes. E o povo… Bem, o povo é aquele banana que aceita tudo e e ainda pede desculpas por estar de costas.

  • Fanjos

    Beleza! Saímos de um governo comunista para um governo socialista fabiano….estamos “ótimos”!

    • Elfo Safadão.

      O Importante é prosperar, seja Dilmãe, seja o vampirão do Temer.

      • carroair30

        Mas convenhamos que pra escolher mulher o FDP tem bom gosto…..

  • Fabio Leite

    Vamos agradecer ao programa que fez carro pequeno custar 50 e sedan medio a 100 contos. Vlw!!! [Ironic mode off]

    • meneghelli1972

      E o problema nem é só esse, se pelo menos nossos carros tivessem a qualidade e segurança dos que são vendidos lá fora já seria menos pior, aqui na Banania pagamos muito mais e recebemos muito menos é tudo o contrário nessa ” NHACA”

  • Comentarista

    A verdade é que a indústria ‘nacional’ não tem competitividade nenhuma (altos impostos, custos trabalhistas, custo Brasil … ) Enfim,o Brasil não é um país fácil para se investir…
    E o povo, coitado, se vê sem alternativas pois tudo em sua volta tem o tal do jeitinho (pergunte para qualquer comerciante por menor que seja como ele faz para sobreviver… certamente alguma maracutaia ele faz)…

    É claro que não é justo cobrar 30% para importados… mas cair para 10% sem mexer na questão dos altos custos para uma montadora no Brasil, é fazer com que aos poucos não haja mais produção no país….

    E a mesma montadora que produz o carro no Brasil pode simplesmente deixá-lo de produzir por aqui, agravando ainda mais a questão do emprego que já está degringolando, e começar a importar veículos. Simplesmente baixar o imposto de importação não forçará a produção local ser mais competitiva… o problema está muito mais em baixo…ou em cima..

    • Concordo. A última vez que um político se recusou a aceitar esse jogo sujo das montadoras (Olívio Dutra, que recusou dar isenção fiscal para a Ford se instalar no RS) ele nunca mais se elegeu, nem para síndico de prédio.

    • Tecnicamente não so 30% para importados, são 35% do imposto de importação + 30% do IPI maior. Sem contar as limitações, algumas montadoras não podem trazer mais de 4.500 carros por Ano. Isso é muito pouco. Hoje estamos com importados não chegando a 2,5% do mercado, isso quebra alguma empresa “nacional”? Não, e nem antes quebrava. O fato é que estas empresas querem cada vez mais subsidios e isenções do governo, e sempre vão usar esse discurso de que irão embora. O país tem de parar de ser escravo destas multinacionais. Como eu disse antes, os 25 bilhões que o Brasil perdeu no período dava pra montar umas 4 marcas de elétricos por ex, já poderiamos estar na vanguarda mundial!

      • Esse discurso cola, principalmente para um Estado que precisa dar emprego.

        • engraçado que com esse discurso de 2011 pra ca o desemprego atingiu recordes e essa industria foi uma das mais atingidas, tendo 50% do seu parque ocioso e obsoleto, fabricas fechando, pessoas em lay off ou sendo demitidas etc.. Então o tiro saiu pela culatra ne

          • Verdade. Entretanto, quem faz legislação no Brasil acredita em conto da carochinha, logo…

  • Cyro

    SERÁ QUE TEREMOS REDUCAO DO PREÇO DOS AUTOMÓVEIS EM 2018?????

    • SK15

      Em sonhos teremos … (haha)

  • João Cagnoni

    Por causa da corrupção, muita gente enriqueceu com isso e o mercado continuou ruim ou pior que antes.

  • Vinicius

    Conversei com um vendedor da Kia. Está animado com o fim da palhaçada. Perguntei sobre o Cerato, se iria cair de preço. Pelo que entendi o preço continua o mesmo, mas “pode ser” que venha outro motor. E vem o Rio ocupar a camada inferior.

    • Rio vc quis dizer a camada inferior ne, ele está abaixo do Cerato, vai concorrer com Polo e Virtus provavelmente.

      • Vinicius

        Sim, errada de leve.

  • Schack Bauer

    Pode ter certeza que embora o inovarauto acabe, a patota da Anfavea vai dar um jeito de manter o acordo caracu, onde eles entram com a cara, e a gente com o resto.

  • O problema todo acontece pq o governo não pretende desonerar e dar livre concorrencia ao setor, preferem manter os altos impostos, fechar o mercado e continuar alimentando o cartel. Realmente o Brasil não tem condições de concorrer por igual com os grandes países no quesito tecnologia, nem mesmo com a China. Ano que vem vamos ter enxurrada de carros chineses, principalmente Suvs, é bem provavel que as montadoras vão apelar ao governo usando a velha tatica de que vão fechar fábricas e ir embora. Cabe ao governo ser uma Austrália e bater o pé ou ser o mesmo Brasil de sempre e fechar novamente o boteco pra elas. Mas se vão comprar algum importado, comprem em 2018 pq se no fim do ano o Lula entrar, pode saber que em 2019 terá Novo Inovar Auto, maior e mais potente, pra ser implantado, com a benção de montadoras com muita propina multimilionária, obvio hehe

  • Dreidecker

    “Como pena, o Brasil terá 90 dias para encerrar o Inovar-Auto e os demais programas governamentais de subsídios em outros setores. Essa é a maior punição comercial imposta ao país desde que entrou para a organização. ”
    –> Como pena, a antecipação de 1 mês no término do Inovar-Auto !! Saiu barato a patetada do PT !!!

  • Paulo Roberto Steindoff

    O Brasil produzia 4 milhões de veículos, criaram o Inovar Auto para estimular a produção nacional e esta caiu 50%. Jênios.

  • Matafuego

    Vai tarde essa desgraça! Só serviu para ajudar os amigos do rei e aumentar o preço dos veículos para o consumidor.

  • Jose Silva

    Brasil é muito complicado. Os custos tributários, trabalhistas, impostos efeito cascata inviabiliza qualquer investimento no pais, e quem investe aqui acaba tendo que vender seu produto caro por causa das cargas tributarias, trabalhistas e etc. Muita gente aqui tem a cara de pau de dizer que o carro no Brasil é caro porque as montadoras lucram absurdo… Rapaz, tem que lucrar d+ mesmo para pagar altos impostos, conta de luz cara, conta de agua cara, efeito cascata de impostos em toda produção, carga tributaria trabalhista que é um absurdo onde um funcionário que fica aborrecido e chato e não trabalha mais faz com que a empresa tenha que pagar todos os direitos trabalhistas de merda para um funcionário vagabundo que não são poucos. Chegue em uma VW, FIAT, GM, FORD e outras e faça um estudo de caso de quanto essas montadoras perdem em dinheiro com desligamento de funcionários vagabundos que não trabalham e geram custos absurdos de demissão ! Isso só existe aqui.

    E quanto mais caro um carro é, mais o governo vai faturar com impostos. Hoje na linha de produção até a venda final do produto somando os impostos gerais e efeito cascata um carro zero km tem cerca de 60% do seu preço em IMPOSTOS ! outros 25% a 30% é o seu custo de produção e o resto é LUCRO !

    Ou seja, empresa produz, paga impostos, paga funcionários e todas as outras contas caras e lucra por carro vendido cerca de 10% a 15%, já o governo que não faz nada lucra no mínimo 60%. A muita gente aqui culpando o tal do LUCRO BRASIL. Lucro brasil meu OVO, é LUCRO GOVERNO só se for, e inacreditável ainda conseguem fechar o ano devendo quase 200 bilhões !

    • Dario Lemos

      Na verdade, José Silva, tudo está interligado como elos de uma corrente, seja impostos, cargas tributárias, altos lucros, etc… Eu não vejo como culpado um ou outro, tudo que você mencionou encarece as coisas neste pedaço de terra. Ah, sem deixar de mencionar a índole e modo de agir e pensar do cidadão brasileiro.

  • Luis Burro

    Tlvz devessem incentivar com vantagens a compra de modelos nacionais.Mas de quase nd adianta isto pq nao temos uma representante nativa.
    Na china eh facil tem trocentas.E se eu nao me engano pra vender lah tem q se associar a uma local.Aonde nao tem protecionismo nisto?

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend