Chevrolet Hatches História Matérias NA

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

O Onix LTZ é a versão topo de linha do hatch compacto da General Motors, que é o carro mais vendido do mercado nacional há três anos e que ajudou a colocar a marca Chevrolet no topo dos emplacamentos por aqui.


Essa opção tem um conjunto bem completo e serve de referência do produto no mercado, apesar do layout mais elaborado da versão Activ.

Lançado em 2012, o Chevrolet Onix surgiu como um sucessor do antigo Corsa C e utilizou uma variante localizada e de custo reduzido da plataforma global Gamma II da General Motors.

O modelo veio acompanhado posteriormente do sedã compacto Prisma, que substituiu o anterior, derivado do Celta que, por sua vez, era um desenvolvimento do Corsa B.


Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

Embora de início quase discreto, o Onix demorou a se impor no mercado.

Apostando não só num visual diferenciado, o hatch trouxe alguns itens de personalização, melhoria no acabamento e conectividade com o sistema MyLink, que colocou a Chevrolet na vanguarda da interatividade homem-máquina no Brasil.

No topo de tudo isso, estava o Onix LTZ, que concentrava a maior parte das novidades e dava ao Onix o pacote que muitos desejavam.

Conforme o tempo foi passando, este conteúdo melhor foi parcialmente distribuído para outras versões, como o Onix Effect, por exemplo.

Ainda assim, no geral, mesmo com o Onix Activ, o Onix LTZ ainda é o “suprassumo” do compacto, por enquanto…

Onix LTZ

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

O Chevrolet Onix chegou em outubro de 2012 e nas versões LS, LT e LTZ, sendo que esta última era a mais completa, bem como motores 1.0 e 1.4, com a segunda opção tendo câmbio automático como alternativa ao manual. O Onix LTZ só foi disponibilizado com propulsor 1.4 e opção automática.

Na época, o Onix LTZ chegou custando R$ 43.090 sem pintura metálica e com transmissão manual de cinco marchas. Mais adiante, receberia o câmbio automático com seis velocidades.

Com o passar do tempo, essa versão recebeu alguns melhoramentos, ganhando ainda uma atualização visual de meia vida.

Onix LTZ – Design

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

O Onix LTZ chegou com design diferenciado. O hatch compacto e topo de linha, tinha faróis com lentes azuladas, dando um aspecto personalizado ao modelo, que também vinha com grade cromada. O para-choque tinha detalhes em preto brilhante e faróis de neblina circulares.

As rodas de liga leve de 15 polegadas tinha acabamento em preto brilhante com partes diamantadas, antena no teto e lanternas escurecidas.

O Onix LTZ chamava atenção por não ter frisos cromados no restante do carro, assim como qualquer acabamento extra nas laterais e traseira.

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

Por dentro, o ambiente do Onix LTZ trazia um visual bem diferenciado, tendo cluster análogo-digital em cor Ice Blue, com computador de bordo e velocímetro digital. O volante de três raios não tinha ainda comandos remotos, mas o hatch já portava a multimídia MyLink.

Essa central de entretenimento tinha tela de 7 polegadas e sensível ao toque, portando os sistemas Google Android Auto e Apple Car Play.

Na ocasião, o aplicativo Waze não estava disponível, somente o Google Maps. A conexão era feita por meio da entrada USB. Os difusores de ar tinham detalhes cromados e o acabamento geral era preto.

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

Outro destaque era a tampa do porta-luvas, iluminado, que tinha abertura invertida, não tocando nas pernas do passageiro. Já os bancos eram bem envolventes e com costuras contrastantes, mas o banco traseiro bipartido tinha apenas dois apoios de cabeça e cinto de 2 pontos centralizado. As portas dianteiras não tinham puxadores em forma de alça, dificultando o manuseio.

Onix LTZ – Conteúdo e motorização

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

O Onix LTZ 2013 media 3,93 m de comprimento, 1,70 m de largura, 1,48 m de altura e 2,53 m de entre eixos. O hatch da Chevrolet tem 280 litros no porta-malas e tanque de 54 litros. Pesando 1.067 kg, o modelo chegou com motor 1.4 SPE/4, uma atualização do velho Família I da GM e com 8 válvulas por cilindro.

Com 1.389 cm3, o propulsor entregava 98 cavalos na gasolina e 106 cavalos no etanol, ambos a 6.000 rpm, tendo 13,0/13,9 kgfm a 4.800 rpm, respectivamente.

O câmbio manual de cinco marchas tem engates suaves, curtos e precisos. O consumo era de 7,9/9,6 km/l no etanol e 11,5/13,6 km/l na gasolina, respectivamente cidade/estrada. O Onix LTZ ia de 0 a 100 km/h em 10,4 segundos com máxima de 180 km/h.

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

No conteúdo, ar condicionado manual, direção hidráulica, pneus 185/65 R15, rodas de liga leve aro 15 polegadas, vidros elétricos nas quatro portas, retrovisores com ajustes elétricos, travamento central elétrico, multimídia MyLink com Android Auto e Car Play, volante com coluna de direção ajustável, banco do motorista e cintos dianteiros com regulagem de altura, porta-luvas iluminado, bancos com tecido diferenciado, banco traseiro inteiriço, 4 apoios de cabeça, 4 cintos de 3 pontos, 1 subabdominal, faróis de neblina, sensor de estacionamento, faróis com lentes azuis, antena no teto, freios ABS com EDB, cluster análogo-digital, computador de bordo, chave canivete, entradas USB e auxiliar, Bluetooth, alarme, entre outros.

Onix LTZ – Câmbio automático

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

Na linha 2014, em julho de 2013, o Onix LTZ recebeu transmissão automática GF6-3 de seis marchas e conversor de torque, sem modo Sport. A alavanca com seletor iluminado em Ice Blue, chamou atenção por ter botão de mudança de marcha manual ao lado do pomo, em local de manuseio ruim.

Além disso, o Onix LTZ 2014 ganhou também piloto automático com comando no volante. O hatch ganhou ainda indicador de marcha no painel e acabamento em couro, opcional, nos assentos.

A novidade reduziu o torque para 12,9 kgfm com gasolina. Com etanol, a aceleração de 0 a 100 km/h em 12 segundos com final de 171 km/h. O consumo era de 7,7/10,5 km/l no etanol e 8,9/13,3 km/l na gasolina, respectivamente cidade/estrada.

Onix LTZ – Atualização visual

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

Em julho de 2016, o Onix LTZ passou por uma atualização visual e mecânica.

Na mudança ocorreu na linha 2017, consistindo no rebaixamento do capô, assim como adição de uma nova grade remodelada e para-choque com molduras laterais proeminentes, mantendo os faróis de neblina anteriores.

As rodas de liga leve do Onix LTZ 2017 ganharam um novo desenho, agora totalmente diamantado e com 5 raios. Na traseira, as lanternas ganharam layout diferenciado com luzes simulando LED, além de para-choque atualizado com sensores de estacionamento.

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

Por dentro, o Onix LTZ recebeu modificação no desenho das portas, que agora possuem puxadores mais avançados. O volante multifuncional tem comandos de mídia e telefonia, assim como piloto automático e acabamento em preto brilhante, tendo couro costurado no aro.

A multimídia MyLink ganha o sistema OnStar, que permite acessar central de concierge e até navegação guiada por setas e pacotes de serviço.

Além dos aplicativos Waze e Google Maps, pode-se utilizar também o Spotify e o Siri da Apple. O banco recebeu novo acabamento em couro e tecido.

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

A direção elétrica substituiu a hidráulica, mas o Onix LTZ 2017 ganhou reforço estrutural, bem como novos rolamentos, pneus de baixa resistência à rolagem, atualização nos freios, lubrificante mais fino, proteção de bateria, alternador mais potente e outros componentes, a fim de reduzir o consumo.

Mas, a alteração principal foi o câmbio manual de seis marchas. Com ele, o consumo com gasolina chega a 14,9 km/l na estrada.

Em 2018, o Onix LTZ finalmente recebeu três apoios de cabeça no banco traseiro e cinto de segurança de três pontos, além de sistema Isofix e Top Tether para cadeiras infantis.

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto

Os bancos do Onix LTZ 2019 foram redesenhados e ganharam acabamento “Dark Galvanized”, enquanto o cluster passa a ter novo grafismo e iluminação em LED branco do painel “True White”.

O MyLink 2 atualizado tem ainda câmera de ré e as lanternas receberam lentes azuladas.

Onix LTZ: tudo sobre a versão topo de linha do compacto
Nota média 4.7 de 3 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Leandro

    O mylink do primeiro Onix não tinha conexão Android auto e Apple CarPlay, coisa que na verdade não tinha em nenhum modelo no mercado, isso lá em 2012. O mylink com essas conexões só surgiu com o facelift do modelo.

    • Hugo Leonardo Dos Santos

      Mas ele tinha um aplicativo pra poder usar o gps do smartphone, era um saco mas tinha e os concorrentes nem isso, Pra ouvir músicas pelo smartphone era tranquilo pois tinha bluetooth ou via usb. Hoje não tem diferença dos concorrentes mas a GM logo vem com alguma novidade.

      • SDS SP

        Meu pai tem um Ônix 2014 e esse aplicativo não funciona.
        O Mylink de primeira geração praticamente não tem funcionalidade. Só serve para câmera de ré.

    • Agnezmo

      veja “Gloria Bell” com qualidade (720p / 1080p) todos os filmes estão disponíveis e completos com a linguagem !!
      copie aqui: NEWPAGE10.BLOGSPOT.COM

    • Luconces

      Creio que apenas com o lançamento do 208 no ano seguinte que teve a conexão Android Auto e Apple CarPlay.

  • Ric53

    Tudo o que você precisa saber sobre o Onix: Carrinho medíocre no máximo.

    • El Gato!

      E na ocasião de seu lançamento, zerou o LatinCap. Chevrolet demonstrando toda sua preocupação com o cliente.

      • RodrigoABC

        Não defendendo o Onix, mas não seja papagaio de internet sem saber o que está dizendo. O Onix quando lançado tirou 3 estrelas no LatinNCap, assim como a maioria de sua categoria. Depois que o teste ficou mais rígido que o Onix perdeu e zerou, assim como outros de sua categoria. No terceiro teste o modelo já possuía as atualizações.

        • Retrato do Papai

          precisou ser reforçado pra receber as 3 estrelas, coisa que o até o velho fox fez com 16 anos de mercado nas costas huehuehue

          • RodrigoABC

            Não respondi na questão de tempo x pontuação. E sim sobre a informação errônea apresentada.

            E o Fox não tirou 4 pois não se vende mais a versão com ESC como foi vendido um tempo atrás. O Fox recebeu melhorias nesse “G3” (2015+) sutis e pontuais.

            OBS.: O Onix é feito na base do Sonic, esse último tirou 5 estrelas no EUA (e lá ainda tinha 10 airbags), então sobre receber reforço…. acho que o certo seria dizer “o reforços foram reinstalados” ou coisa do tipo.

          • Fernando Gabriel

            Quanto dedos o Fox precisou decepar para a VW mudar o sistema do Banco? kkk

        • El Gato!

          É verdade. Não foi no lançamento, foi na ocasião das mudanças de parâmetro do teste, com a inclusão de choque lateral. Você está certo. Agora, você está bastante equivocado na forma de se expressar, me chamando de “papagaio de internet”. Existem formas e formas de contribuir para um debate, ou corrigir uma informação. E você foi extremamente grosseiro.

          • RodrigoABC

            Pesquisa e verificação de informações, principalmente de artigos de blogs no Brasil, são fundamentais. Informações de “amigos” e redes sociais são discartáveis.

            • El Gato!

              “Discartável”? Descartável é o seu português.

        • Helio

          E UM CORSA COM MAQUIAGEM,

          • RodrigoABC

            Não é kkkkkkkkkkkkk
            Ele é feito na base do Gamma 2 (pela daewoo, Sonic, tracker, cobalt, etc) e o corsa é na base do Gamma 1 (pela opel, corsa e meriva)

            • Fernando Gabriel

              Nem adianta tentar explicar para quem acha que Onix é o Corsa. Outro dia aqui mesmo, teve um leitor que disse que a suspensão deles é a mesma…kkk

    • JOSE DO EGITO

      kkkkk que é isso !!!!

  • Tifanny

    veja “Captain Marvel” neste site! todos os filmes disponíveis, completos com linguagem !!
    copie aqui: GOGOSHOW9.BLOGSPOT.COM

  • Bruno Schat

    Quantas estrelas quesito segurança???

    • leandro

      Hoje conta com 3

  • Domenico Monteleone

    O que a Chevrolet tem contra rodas bonitas? conseguiram piorar na reestilização.

    • Gabriel Molina Pinheiro

      Po, pra você ver como essa questão de beleza é muito subjetivo, eu já acho essas rodas bem bonitas.

    • Fabão Rocky

      Eu achei essas mais bonitas q as do modelo anterior. Questão de gosto amigo!

    • Fernando Gabriel

      Pra mim, estas são melhores do que o modelo anterior.

  • Evaldo Avelar Marques

    Alguém que tenha Onyx automático pode relatar como é o carro no dia a dia? E como são os custos de manutenção?

    • Emerson Monteiro

      Possui um LTZ 13/14 por 1 ano, o câmbio tenta tirar leite de pedra pois é realmente notavel a limitação do motor 1.4. Na cidade ele cumpre o papel de proporcionar conforto no trânsito,
      procurando sempre jogar a marcha mais seguinte visando melhor consumo silêncio.No meu caso não apresentou trancos ou qualquer tipo de falha/defeito. Por falar em consumo, no trânsito com ar ligado e usando etanol é bem decepcionante.

    • Fernando Gabriel

      No modelo 2019, o Carro no dia a dia anda muito bem para a proposta urbana, é bem econômico(devido possuir 6 marchas e direção elétrica) e confortável.Manutenção costuma ser aceitável, pois o powertrain é antigo, mas com atualizações bem acertadas. O Câmbio dele é realmente “um”automático (O mesmo do Cruze da geração anterior) e não “automatizado” como é comum de encontrar nos compactos de entrada. Seguro não costuma ser caro, visual e design é algo de gosto pessoal, eu acho ele simpático com linhas simples, mas bem elaboradas (minha opinião) e é ótimo no mercado de revenda de usados.Eu recomendo, antes de adquirir, seja esse ou qualquer outro, alugar um exemplar em uma locadora por uma semana. É um gasto a mais, mas com certeza, voce terá certeza do que vai levar para sua garagem.

  • SDS SP

    A primeira versão do Mylink praticamente não serve para nada.

    • Licergico

      pois é , era apenas um radio com tela .

      • JOSE DO EGITO

        Podem falar o que for mais vender o dobro da soma do segundo e terceiro colocados nao é pra qualquer um.Esse ONIX tem a RODA ROXA mesmo !!

  • ocampi

    Farol monoparábola, painel sem mostrador de temperatura do motor, sem controle de estabilidade e tração…..nota zero em crash test….bacana este modo de locomoção….

    • MauroRF

      Foi retestado e agora tem 3 estrelas.

      • ocampi

        Gostei do “agora”, e os já produzidos/vendidos com nora zero ? Toma que o filho é teu…..rs só brasileiro compra isso mesmo.

        • Retrato do Papai

          torce pra quando bater sair ileso ou morrer na hora

        • Fernando Gabriel

          Foi no inicio de 2018, já tem mais de 1 ano. Farol mono até o Cruze anterior tinha.Controle de tração e estabilidade nessa faixa?

    • Joel Oliveira

      A falta dos controles de estabilidade e tração eu ainda entendo a crítica e é injusto nao ser ofertado, mas ausência de farol biparabólico e de mostrador de temperatura é irrelevante, até porque o carro vem com luz vigia de alerta no painel caso inicie aumento de temperatura e o Onstar tem a função de verificação direto no APP e notifica imediatamente.

      O modelo 2018 em diante já está com melhorias estruturais e ganhou 3 estrelas no LATINCAP.

      Na prática, pouco importa se tem 3, 4 ou 5 estrelas, pois os testes são feitos a 64km/h e quem anda nessa velocidade na pista? E num país onde ainda existem pessoas que andam sem o cinto e com os pés no painel…

      • Retrato do Papai

        você está coberto de razão… só tem gente acéfala nas montadoras, gastando milhões para deixa os carros seguros para um monte de gente irresponsável dirigir… você tem visão, merece um cargo de alto escalão numa montadora

      • ocampi

        Quanto ao farol monoparábola basta analisar a eficiência. Também existe o problema de que quando a luz baixa ou alta queima é necessário a troca da lâmpada inteira. Eu passo raiva quando o carro da minha firma queima o farol baixo e eu tenho que trocar a lâmpada inteira que já vem junto com o farol alto. São duas resitências na mesma lâmpada. O farol biparábola é muito mais eficiente e econômico quanto ao gasto de lâmpadas. Isso para quem planeja faz diferença.

      • ocampi

        Este país onde alguns andam sem cinto, não faz parte do meu cotidiano e APP para olhar temperatura do motor….tenha paciência garoto.

  • Tommy

    Os carros da GM eram tão desatualizados e parecidos em conteudo que quando surgiu o Onix ele se sobressaiu, mas logo chegaram compactos melhores e o Onix ficou tão desatualizado quanto os GM antigos.

    • TchauQueridos

      E ainda vende!

    • Fernando Gabriel

      Igual ao HB20 e sua novíssima direção hidráulica.

  • Benedict Benedito

    Texto patrocinado pela Chevrolet, assim você fica mais informado ao comprar essa carroça no feirão.

  • Little John

    Se é o mais vendido, logo, pressupõe-se que seja o melhor carro do Brasil.

  • Unknown

    Que vídeo amador. rs

  • TchauQueridos

    “Os bancos do Onix LTZ 2019 foram redesenhados e ganharam acabamento “Dark Galvanized”, enquanto o cluster passa a ter novo grafismo e iluminação em LED branco do painel “True White”.”
    Pelo menos saiu aquele painel laranja horrível!
    De azul já podia ter ido pra branco, igual a VW fez.

    • Fabão Rocky

      O laranja horrível continua na versão Joy.

    • Joel Oliveira

      A cor laranja continua nas versões JOY. Na versão reestilizada segue branco, como no CRUZE.

    • Fernando Gabriel

      Iluminação Laranja é exclusiva da Versão Joy.

  • Luís Paulo

    Tenho um LTZ 2016/17 comprado semi novo com 15 mil km.
    Rodei em torno de 7 mil km em 5 meses e tenho gostado do carrinho.
    Sei que ele não é o supra sumo da categoria mas tem bons recursos e uma boa funcionalidade.

    • Fabão Rocky

      Tenho um LT 1.0 2017. Tô gostando mto tbm!!!

  • Danilo

    nossa nem vou dormir de tanta modernidade e tecnologia que possui esse carro maravilhoso. Em 2001 iria ser uma beleza.

  • afonso200

    só botar youtube Opiniao Sincera Onix, vai ver que a atualizaçao (de leve) de 2017 ele perdeu itens com acabamentos e iluminação do porta malas

    • Fernando Gabriel

      O modelo 2015 já vinha sem a iluminação

  • Natán Barreto

    Sabemos que é caro pelo q cobra como qualquer carro no Brasil, mas tbm não podemos negar que a GM revolucionou o mercado de compactos no Brasil com o Onix, assim como a Hyundai com o HB20.
    Puxou toda uma geração de compactos mais espaçosos, com certa tecnologia, design arrumadinho (Etios não), câmbio automático de verdade e o kit sobrevivência (ar/dh) desde a versão básica e ainda uma multimídia, ainda impensável pra 2012/2013.
    Lembremos que até menos de 10 anos atrás o brasileiro só andava em carro básico. Juntando o fato de que a Chevrolet é uma das 4 grandes “confiáveis” no consenso geral e o carro ofereceu o que as pessoas não tinham, que era o mínimo de conteúdo. Daí tanto sucesso.
    Antes os carros mais equipados na mesma faixa de preço se resumiam a Peugeot/Citroen que sofriam de desconfiança e mais recentemente aos chineses que sofrem de mais desconfiança ainda.
    O Onix com todos os seus defeitos (principalmente no consumo e segurança), agregou o mínimo por um preço que dava no bolso da galera. E ainda agrega.
    As outras dormiram no ponto enquanto a GMB foi esperta.

  • A-MG

    Saudades desses videos do canal. Sempre via todas essas analises.

  • Helio

    ESSE PAINEL DE MOTO KKKKK ADORAM O ONIX

    • Fernando Gabriel

      Moto mesmo era o do Sonic, fora aquelas lanternas e faróis que pareciam que arrancaram as lentes…kkk

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email