Chevrolet Recalls Sedãs Segurança

Onix Plus: Recall tem 19.050 carros envolvidos e começa dia 18

Onix Plus: Recall tem 19.050 carros envolvidos e começa dia 18

Diante de dois casos de incêndio e da detecção do problema no Chevrolet Onix Plus (confira a Avaliação NA), a General Motors já convocou um recall do novo sedã compacto, que se iniciará no próximo dia 18 de novembro e envolverá 19.050 veículos, de acordo com o site UOL.


A GM teria enviado o comunicado de recall para a Secretaria Nacional do Consumidor, conhecida como Senacon e que faz parte do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Nesta chamada, a montadora americana teria listado 16.737 unidades já comercializadas do Onix Plus, além de outras 2.313 que estariam nos pátios da empresa e da rede Chevrolet.

Estas últimas aguardam a reparação para posterior liberação de venda. Os números de chassi vão de LG100091 a LG139164. Todas as unidades produzidas entre 29 de abril e 6 de novembro deste ano, deverão comparecer aos revendedores para correção do problema.

A GM e os meios de comunicação no geral deverão fazer o comunicado oficial em breve. Enquanto isso, as entregas do Chevrolet Onix Plus continuam suspensas até a conclusão da reparação. O sedã compacto nem bem estreou e em seu primeiro mês, atingiu a sexta posição no ranking de vendas com mais de 6 mil unidades.


Onix Plus: Recall tem 19.050 carros envolvidos e começa dia 18

Pelo números vendidos até agora, ele teria em torno de 7 mil exemplares, contando ainda com as pouco mais de 600 vendidas no mês de lançamento.

No entanto, com os números divulgados acima, nota-se que o Onix Plus já está com um desempenho comercial muito bom, com mais de 16 mil vendidos. Nas parciais até o dia 7 de novembro, ele já está em quinto com 1.847 vendidos.

Apesar da boa aceitação, os dois casos de incêndio devem segurar um pouco a ascensão das vendas do produto. Em setembro, um exemplar do Onix Plus estranhamente pegou fogo na fábrica de Gravataí-RS. No último dia 30, outra unidade (foto acima) do sedã pegou fogo no interior do Maranhão.

Diante disso, a GM rapidamente suspendeu as entregas do modelo para investigar as causas, determinando que a solução será a atualização de um software de gerenciamento do motor.

[Fonte: UOL]

Onix Plus: Recall tem 19.050 carros envolvidos e começa dia 18
Nota média 3.9 de 7 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Cesar

    Tudo isso porque o Ônix estava botando fogo na concorrência.

    • Airplane

      É verdade que trocarão o nome do hatch, a ser lançado, para Fênix ?
      Faz sentido pois nascerá das cinzas do irmão sedã !

    • Ⓜ️arcelo

      Muitos recall´s diversos inclusive de veículos recém lançados inclusive mais graves ainda que este, é só verificar no site do procon. A diferença é que este tomou proporções maiores pela quantidade de unidades envolvidas e o destaque da mídia. Grave seria se a GM não encontrasse rapidamente a solução como de fato foi ou se esta solução não resolver o problema

  • Fernando Pattaro

    Palhaçada. O que teria tudo pra ser um em ótimo produto provavelmente se tornará um mico. Eu não teria coragem de comprar. Melhor pagar um pouco mais e pegar um carro mais seguro…

    • Ford Opala Attractive 200TSI

      Muito cedo para se concluir algo. A única coisa que temos certeza é que colocaram a venda com pressa demais.

      Em algum tempo saberemos se é um mico como o Kwid, cujas “economias” de projeto o tornaram um carro cheio de problemas, como mostra o teste de longa duracao da Quatro Rodas.

      • Cesar

        Kwid mico?
        É o quarto mais vendido normalmente.

        • Ford Opala Attractive 200TSI

          Num país em que o antigo Onix é o primeiro disparado, nao se pode duvidar de nada.

          • Cesar

            Exatamente.

          • Ronaldo Prado

            Fato

        • Verdades sobre o mercado

          Creio que o mico a que ele se refere seja sobre a qualidade do carrinho.

        • Thalles Ferreyro

          Kwid mico

      • afonso200

        95% das pessoas nem pesquisam direito sobre os carros, e vao la e comprarm e deu

      • Fizeram o desmonte do Kwid na edição deste mês de 4Rodas. Confesso que, pelo que vinha notando nos textos ao longo do teste, a avaliação final do carro até que não foi ruim.
        O veredicto final fala em excepcional confiabilidade do conjunto motriz (100% no desmonte) e acabamento bem fixado, apesar de simples nos materiais utilizados. Os poréns estão na durabilidade de pastilhas de freio e de alguns componentes da suspensão, algo já atacado pela Renault na linha 2020, pelo que diz a reportagem do desmonte.
        Segundo a própria 4Rodas, com medidas simples ele pode se tornar um bom produto.
        No mais, criticam o costumeiro pós-vendas relativamente falho da marca francesa. Mas é algo bastante comum no Brasil. Tirando Honda e Toyota, que costumam ser bem avaliadas no atendimento em revisões, o restante meio que fica na “vala comum”, com serviço que ficam aquém do ideal.

    • Fábio Henrique

      Pois vai ter q cortar mtos carros viu? Pq a quantidade de carros q tiveram recall por risco de incêndio e pegaram fogo sem ng fazer este alarde é grande.
      Vi dono de compass, ford ka, hb20 e até toyota tendo q engolir seco qd foram zuar sem saber kkkk

      • Roberto

        Já vi com meus próprios olhos Corolla pegando fogo. No mesmo estilo do Onix.

      • Airplane

        Problema aqui não é só o incêndio mas a quebra dos pistões, das bielas e do próprio bloco !
        Em resumo os motores estão abrindo o bico.

        • Fábio Henrique

          Mas é isso q causa o incêndio horas, agora só aguardar se com o recall ficará tudo ok

          • Airplane

            Vc acredita ?

    • Henrique12

      Eu acho que daqui uns tempos ninguém vai nem lembrar disso, e o Onix vai continuar vendendo igual água. Pra ter impacto negativo teria que haver mais que 2 incêndios.

    • Leonardo

      Resolvendo o problema, teria um tranquilamente.

    • Airplane

      Queimou o carro !

  • Alvarenga

    O povo nem liga, não vai afetar nada nas vendas e em um mes ninguem lembra mais que aconteceu.

    • FearWRX

      Exato. Assim como foi com o Kiwid que podia cair motor, ficar sem freio e mais uma que não lembro e a VW e seus 1.0 TEC que queimava óleo desde 0km, pra citar casos “recentes”.

      • Selsu Brass

        Amarok V6 baixa óleo desde zero.

      • fabio

        Esse da VW o pessoal nao esqueceu nao,,,lembram ate hoje

  • Rogério R.

    Lançarão duas novas versões para o Virtus e Onix Plus futuramente.
    Virtus Piscinão de Ramos e Onix Plux Vesúvio.

    • Matafuego

      Onix Plus Nero

      • Cardoso (não aquele)

        Poxa pior que Onix Nero é um nome muito dahora mesmo kkk

      • Samluzbh

        Pelo seu nick vc tem um Virtus, acertei, kkkkk

        • Matafuego

          Negativo, tenho um Chevrolet. A diferença é que não defendo marcas.

    • Mr. Pennybags

      Ônix Babilônia

  • Airplane

    Que fase, hein ?

  • Samuel Jesus de Sousa

    A GM disse que é apenas uma atualização de software, a revista QR disse que é quebra do bloco do motor… Acho que a GM não quis assumir a ideia de quebra do motor porque ficaria péssimo para a imagem dos motores turbos que ela fabrica.

    • Mateus Pinheiro de Carvalho

      uma programação incorreta da central eletronica pode comprometer o funcionamento dos componentes fazendo com que entrem em desordem de funcionamento ocasionando a quebra do bloco. essa programação incorreta tem haver com o clima e com o combustivel!

      • Roberto

        Exatamente. Sabe se lá que tipo de mijo tinha nesses carros

        • Heber do Valle Jr

          não faz muito sentido isso…. quais coincidências existiam no pátio da fábrica de Gravatai e no interior do Maranhão? O combustível era ruim na fábrica, temperatura, umidade eram iguais? A explicação não faz sentido algum…

          • Porto Velho

            Em Gravataí o fogo foi na parte interna, possivelmente ligado ao chicote da central multimidia ou do carregador por indução. A QR divulgou os informes da GM pras concessionarias citando isso. Já devem ter solucionado isso antes de entregar a primeira unidade aos clientes.

          • Roberto

            Motivos diferentes. No pátio foi problema na produção. No NE, problema no motor.

    • Cesar

      A QR está fazendo sensacionalismo barato. A quebra do motor é consequência e não a causa.

    • Malvino Jose Moreira Junior

      Sem falar que o carro foi lançado primeiro na China , só não sei se são os mesmo motores ! Então aqui com esse motores Flex a calibração é totalmente diferente né?

      • Paulo Lustosa

        Mesmo motor, mas com injeção direta.

    • Airplane

      A quebra do motor é que provoca o incêndio. É a causa do incêndio !

      • Paulo Lustosa

        Mas o que provoca a quebra do motor é o excesso de pressão do turbo que por sua vez quebra saia de pistão e quebra o bloco, aí o óleo entra em contato com o escapamento, que ao meu ver a GM foi infeliz em colocar alí, e começa a tudo pegar fogo. Tudo graças ao controle eletrônico do Wastegate.

        • Airplane

          A culpa é da má calibração feita pela equipe xing-ling da SAIC-GM !
          Erro primário de engenharia.

          • Paulo Lustosa

            Não, calibração do motor não tem nada a ver com a SAIC-GM, e sim com a GM européia em Turim, já que esse motor não tem nada de desenvolvimento da SAIC.

            • Airplane

              Não, os motores tem que ter nova calibração para cada novo tipo de aplicação (veículo/motor). As novas calibrações (uma para o turbinado e outra para o aspirado) deveriam tem sido exaustivamente testadas e adaptadas sob as diversas condições de vias (solo e relevo), clima e combustíveis dos mercados onde serão comercializados. Isto faz parte do desenvolvimento que, no caso, parece ter sido feito às pressas (nas coxas), né ? As consequências estão aí para quem quiser ver !

              • Paulo Lustosa

                Claro que tem que existir a calibração, mas nesse caso a culpa é exclusiva da GMB, pois na China e na Europa no cofre do Opel Astra K em 1.2L, o mesmo motor queima apenas gasolina e tem injeção direta e indireta de combustível e por lá, zero relatos de motor explodindo por falha em ponto de ignição com gasolina batizada.

              • Sino Weibo

                E porque na China não acontece o mesmo?

                • Airplane

                  O motor lá é outro, com injeção direta e a calibração, portanto, é outra também !

          • yurieu

            Carros no Brasil, ou é importado e não aceita combustível flex, ou é adaptado e pega fogo.

          • Sino Weibo

            Nossa vcs falam como se a SAIC só fizesse estes modelos pra GM, que seriam amadores kkk A SAIC é dona da MG inglesa, tem as marcas Roewe e Maxus com um monte de modelos, inclusive 100% elétricos, e não tem casos de incêndio. A própria GM já teve tais problemas em outros modelos.

            • Airplane

              Os motores e as plataformas são diferentes. A plataforma desenvolvida para o Brasil é a GEM (Global Emergent Markets), especificamente para países emergentes (subdesenvolvidos) e o motor, com injeção indireta, para o nosso combustível que também é diferente por ser misturado ao álcool .
              Os engenheiros da SAIC-GM não são amadores mas esta calibração, em particular, não ficou boa e deverá ser refeita. “Shit happens !”

            • fabio

              Os melhores MOTORES so tem duas montadoras no mundo que sabem fazer bem feitos: TOYOTA e RENAULT

              • Sino Weibo

                Os melhores motores são os da Rolls Royce, equipa até avião!

  • RicardoVW

    Q fiasco!

  • Cesar

    Agora quero ver o que tem a dizer o pessoal que criticava a Fiat e Renault pela demora em lançar seus novos motores.

    • Tosca16

      E a GM passou quanto tempo pra lançar algo novo? Até parece que a linha GM era moderna kkk.

    • Rogério R.

      Agora é compreensível da demora da Renault em lançar o 1.3 TCe aqui, ainda que o motor teve a ajuda da MB no desenvolvimento, mas com tecnologia Flex a coisa muda muito e somente aqui os motores usam E100.

  • d59

    Vou emprestar meu Onix ao Lula.

  • LL

    Todos os veiculos novos possuem algum recall, alguem lembra de uma exceção???

    • LL

      E…a GM foi muito rápida, diferente de outras…não acho que vá sujar a imagem do carro.

    • Airplane

      Só que esse é gravíssimo e revela projeto e qualidade xing-ling !

      • Paulo Lustosa

        Vários outros carros tiveram risco de incêndio e pelo menos a GM foi rápida em detectar para consertar. Quem lembra das Toro a diesel com filtro de óleo incorreto pegando fogo? Os Fiat Tipo com motor 1.6 com injeção monoponto de Uno argentino pegando fogo também? Que por sinal a Fiat fez um mega recall já quando o carro estava com reputação manchada no mercado. Ford Ka com recall em quase 150 mil carros com risco de pegar fogo. Onix, Prisma, Cobalt e Spin 2018 por causa de erro na caixa de fusíveis Ranger em 81 mil unidades que foi feito recall por conta de risco de pegar fogo. Prius com recall por conta de unidades pegando fogo também. Porsche com os primeiros Panamera também por risco de incêndio, VW com os Fox/Spacefox, Tiguan Allspace, Up!, Amarok, Gol e Voyage. Audi com os A4 e A5, Ferrari com as 458 Italia. BMW série 3 também com risco de incêndio. 400 mil unidades do Corolla para recall com risco de incêndio por causa dos Airbags da Takata. Até a Volvo teve carros que pegaram fogo e tiveram recall…

        • Airplane

          O problema com o Onix Plus é que está sendo logo no início da produção e se a GM não agisse rápido tomaria proporções gigantescas já que é um erro de projeto e não de fabricação. Qualidade xing-ling do projeto e do desenvolvimento !

          • LL

            Achei super rapida a ação (obrigação, porem não é o que ocorre aqui), pra mim tudo que vira recall e grave, senao não tinha essa necessidade, podia ser feito durante as revisões (recall branco).E quanto ao comentario preconceituoso sobre ser xing-ling, o dia que o Brasil tiver 1/3 da tecnologia atual da china, ou pelo menos estiver apontando crescimento como eles, já me dou por satisfeito. (os xing ling cresceram 6% no ultimo trimestre).

            • Airplane

              Quantidade não é sinônimo de qualidade !

  • Airplane

    Queimou o carro !

  • David Rocha Junior

    Chevrolet foi amadora igual a Boeing, lançando esse Ônix Max às pressas.

  • Dod

    Não vai afetar em nada a imagem do modelo, brasileiro é palhaço e aceita qualquer coisa de bom grado. E ainda passa pano!

  • Júnior Ferrari

    Agora irão utilizar isto para voltar com a obrigatoriedade do extintor.
    Não acredito que este episódio irá prejudicar as vendas, recall nunca é bom pois traz à tona algo que as montadoras não gostam de demonstrar: suas falhas, tanta engenharia envolvida para um resultado dessa grandeza.
    Nem a nota 0 em um item muito relevante desbancou as vendas do primeiro Onix.

  • Fabio Rovaris

    Não acredito em danos à imagem do carro prova disso que quando o Gol/Voyage G5 passaram por recalls de: motor (mais de 400.00 veículos com problemas), freio, sistema de partida a frio e rolamento da roda traseira.
    Nem todos esse problemas minaram a imagem dos Gol e Voyage.
    A propósito parabéns à GM por admitir o erro e não querer culpar o fornecedor de óleo do motor como a VW fez na época.

    • fabio

      Outras epocas se fosse hoje a “banda ia tocar diferente” Vide o exemplo do POLO e VIRTUS queima pé!

  • julio cesar zancan

    Cobaias são os q compram carro recém lançado.

  • El Cabron

    Um dos carros pegou fogo no pátio em Gravataí, não é gasolina adulterada que fez isso… Daqui alguns anos estes motores turbo, de todas as marcas, vão lembrar seus compradores de quão no limite técnico estão trabalhando…

    • Porto Velho

      Em Gravataí o fogo foi na parte interna do veiculo, possivelmente ligado ao chicote do carregador por indução. A Quatro Rodas divulgou um informe da GM aos concessioarias alertando sobre isso. Possivelmente o erro foi corrigido antes de entregar qualquer unidade aos clientes.

  • Borges Moreira

    Também vejo como normal em um carro recém lançado.

    Porém esse fato mostra o preconceito com determinadas marcas: lembro-me de um recall do então recém lançado Peugeot 3008: os comentários se resumiam que a afirmar que o recall comprovava que a marca não prestava. Quanta ignorância…

  • Guilherme

    Vingou o Marea !

  • Saymon Erickson

    Dar problema não é normal, claro, mas a GM foi rápida em admiti-lo e em anunciar o recall para breve.
    Que sirva de exemplo para outros fabricantes.
    Acho improvável que a imagem do carro fique “queimada” (que trocadilho infame kkkk) por conta desse problema.
    Quem não se sentir seguro, não tem problema. Basta comprar outro modelo. Felizmente há várias opções no mercado.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email