*Destaque *Featured Lançamentos Mercado Segredos-Flagras

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Embora já estejamos praticamente na metade de 2018, o mercado automotivo brasileiro ainda reserva uma série de novidades que deverão chegar às ruas até dezembro deste ano. O Salão do Automóvel de São Paulo, que acontece em novembro, promete exibir uma série de novidades importantes, como é o caso do novo crossover compacto T-Cross da Volkswagen ou ainda uma leva de lançamentos de marcas premium como Audi e Mercedes-Benz.


Separamos abaixo cerca de 50 lançamentos previstos (boa parte deles já confirmados) para ainda este ano no mercado nacional. Confira:

Audi

Os 50 carros esperados até o final de 2018

A7 Sportback (nova geração) – apresentada no fim do ano passado, a nova geração do Audi A7 Sportback deverá dar o ar da graça por aqui no fim de 2018. Ele se sobressai pelo visual ainda mais agressivo e a cabine mais tecnológica. Por aqui, terá um 3.0 V6 TFSI de 344 cv e 51 kgfm, capaz de leva-lo aos 100 km/h em 5,3 s.


Os 50 carros esperados até o final de 2018

A8 (nova geração) – como o modelo mais caro e sofisticado da Audi, a nova geração do A8 é esperada para o 2º semestre. O sedã de luxo oferece uma série de recursos, como massagem para os pés dos passageiros e diversas telas sensíveis ao toque, além de itens de condução semiautônoma. O motor deverá ser um W12 de 6.0 litros.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

RS5 Sportback (nova geração) – versão esportiva do A5, o novo RS5 Sportback chega por aqui no segundo semestre. O carro contará com um motor 2.9 V6 biturbo de 444 cv e câmbio automático de oito marchas, suficiente para leva-lo de 0 a 100 km/h em 3,9 s.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

R8 Spyder (nova geração) – previsto para o 1º trimestre, o Audi R8 Spyder atrasou e ficará para o fim do ano. A versão “sem teto” do superesportivo será vendida por aqui em sua configuração mais potente, com um 5.2 litros de 610 cv e 57,1 kgfm. Ele acelera de 0 a 100 km/h em 3,2 s e alcança 330 km/h.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Q8 (modelo inédito) – mesmo que ainda não tenha sido apresentado, a aposta é que o Audi Q8 seja vendido no Brasil já a partir deste ano. O maior dos SUVs da Audi chegará para brigar com modelos como BMW X6 e Mercedes-Benz GLE Coupé. Espera-se que ele seja ofertado com motores de quatro ou seis cilindros, além de uma configuração híbrida e outra de alto desempenho (RS Q8).

Chery

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Tiggo 2 automático – para brigar com o JAC T40 CVT, o Chery Tiggo 2 automático chega às lojas em junho. O crossover compacto chinês (produzido localmente) usa um motor 1.5 litro flex de até 115 cavalos de potência e uma antiquada transmissão automática de somente quatro velocidades. Ele já pode ser encomendado nas versões Look e ACT, com preço inicial de R$ 66.990.

Chevrolet

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Spin (reestilização) – a Spin será a última da atual geração de compactos da Chevrolet a receber um novo visual. Seguindo o padrão do Cobalt, a minivan contará com formas mais harmônicas, sobretudo na dianteira, enquanto a traseira adotará lanternas horizontais invadindo a tampa do porta-malas. O interior poderá ficar um tanto quanto mais sofisticado. Manterá o 1.8 flex de 111 cv com câmbio manual ou automático de seis marchas. Sua estreia é esperada para julho.

Citroën

Os 50 carros esperados até o final de 2018

C4 Cactus (modelo inédito) – o primeiro crossover compacto da Citroën está prestes a ser lançado. Para bater HR-V, Creta e Kicks, o novo C4 Cactus apostará no visual arrojado. Deverá contar com o motor 1.6 litro flex aspirado de 118 cv com câmbio automático de seis marchas e o 1.6 THP turbo flex de até 173 cv, também com transmissão automática de seis velocidades. A versão mais cara do carro certamente chegará nos R$ 100 mil.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Jumper (nova geração) – a partir do fim deste ano, a Citroën voltará a participar do segmento de vans coma nova geração do Jumper. O modelo será comercializado em versões furgão e para passageiros, com um motor 2.2 litros turbodiesel de até 130 cavalos.

Ferrari

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Portofino (modelo inédito) – depois da 812 Superfast, a Ferrari prepara o lançamento da nova Portofino, seu superesportivo conversível que substitui a California T. O modelo usa um motor 3.9 V8 biturbo de até 599 cv e 77,4 kgfm, com câmbio de sete marchas e dupla embreagem, acelera de 0 a 100 km/h em 3,5 s e atinge máxima de 318 km/h. A Ferrari Portofino deverá custar cerca de R$ 2 milhões.

Ford

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Ka (reestilização) – a terceira geração do Ford Ka passará por suas primeiras alterações visuais. Mudam faróis, grade dianteira, para-choques, rodas e lanternas traseiras. O interior vai incorporar o sistema SYNC 3 com tela sensível ao toque tipo “flutuante” no painel. Outra novidade será o motor 1.5 flex de três cilindros usado no EcoSport com opção de transmissão automática de seis marchas com conversor de torque, além de um novo câmbio manual para os modelos 1.0 e 1.5. Deve chegar no início do 2º semestre.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Ka FreeStyle (versão inédita) – o Ka FreeStyle chegará como o aventureiro da linha, com plásticos e outros penduricalhos aventureiros por todos os lados. Já foi anunciado e terá bons itens como seis airbags de série, além do novo motor 1.5 com câmbio manual ou automático. Começa a ser vendido em julho por a partir de R$ 63.490.

Honda

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Accord (nova geração) – modelo mais sofisticado da Honda no País, o Accord ganhará uma nova geração no fim deste ano. O sedã médio/grande da marca está maior e ainda mais refinado e deverá chegar por aqui com um novo motor 2.0 litros turbo a gasolina, de até 255 cv e 37,7 kgfm, com câmbio automático de dez marchas.

JAC

Os 50 carros esperados até o final de 2018

T20 (modelo inédito) – seguindo a mesma receita do Kwid, o JAC T20 apostará num visual mais aventureiro semelhante ao dos SUVs, com direito inclusive a um estepe na tampa traseira. Na verdade, ele é uma versão mais “robusta” do JAC J2 que já foi vendido por aqui. Outros detalhes ainda são desconhecidos.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

T5 (reestilização) – para seguir vendendo bem entre os crossovers, a JAC irá promover mudanças no intermediário T5. O modelo contará com retoques visuais e no interior, com melhorias no acabamento e novos equipamentos. Além disso, ele poderá receber o motor 1.6 litro flex de 138 cv com câmbio automático do tipo CVT usados no irmão menor T40.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

T6 Pickup (modelo inédito) – a primeira picape da JAC no País já está praticamente confirmada, mas por aqui ela terá outro nome. A T6 Pickup estará disponível com cabine dupla, motor turbodiesel, câmbio manual ou automático e tração nas quatro rodas. Deverá brigar por preço com a Fiat Toro.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

T70 (modelo inédito) – o JAC T70 chegará como o maior crossover da marca chinesa no País. Com 4,79 metros de comprimento, o modelo deverá ser comercializado por aqui com um motor turbo (1.5 de 174 cv ou possivelmente 2.0 de 190 cv), com câmbio automático de série. Poderá custar na faixa dos 100 mil reais.

Jeep

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Wrangler (nova geração) – um dos jipes mais brutos do mercado está prestes a ganhar uma nova geração. O Jeep Wrangler 2019 já foi apresentado lá fora e chega ao Brasil possivelmente no Salão de São Paulo. Um dos destaques será o motor 2.0 litros turbo de quatro cilindros, capaz de entregar nada mais, nada menos que 373 cv, com tração 4×4 de série.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Cherokee (reestilização) – maior que o Compass, o Jeep Cherokee pegou a identidade visual do irmão menor para sua nova linha reestilizada. O modelo estreará por aqui no fim deste ano com uma aparência mais agradável e provavelmente com o mesmo motor 3.2 litros a gasolina de 271 cv com câmbio automático e tração nas quatro rodas.

Kia

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Cadenza GDI (nova geração) – a nova geração do sedã grande Cadenza estreará por aqui com um visual mais moderno, novos recursos e também um motor inédito. Trata-se de um V6 GDI de 284 cv, combinado ao câmbio automático de oito marchas. Deverá estar no Salão de São Paulo.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Rio (modelo inédito) – pode parecer piada, mas o Kia Rio deve, enfim, chegar neste ano ao Brasil. Para se posicionar acima do Picanto e enfrentar o VW Polo e VW Virtus, o modelo da marca coreana poderá usar um motor 1.6 de 128 cv com câmbio automático de seis marchas. Os preços devem começar na casa dos R$ 65 mil.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Stinger (modelo inédito) – conhecido lá fora pelo seu visual agressivo, o inédito Kia Stinger deverá chegar ao País para enfrentar os alemães BMW Série 3 e Audi A4. Por aqui, poderá usar o motor 2.0 litros turbo de 255 cv e 36 kgfm.

Lifan

Os 50 carros esperados até o final de 2018

X70 (modelo inédito) – a chinesa Lifan deve ampliar sua presença no segmento de crossovers com o novo X70, um modelo maior que o atual X60. Ele tem porte de Jeep Compass, mas deverá ser vendido na mesma faixa de preço de modelos como Kicks e Creta, com direito a um motor 2.0 de 140 cv e câmbio CVT.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

X80 (modelo inédito) – mostrado no último Salão de SP, o novo Lifan X80 será o maior modelo da marca em nosso País. Ele é esperado para junho e vai se destacar pelo interior capaz de levar até sete pessoas. O crossover médio contará com um motor 2.0 turbo a gasolina de 180 cv com câmbio automático de seis marchas. Sua intenção é enfrentar o Jeep Compass.

Mercedes-Benz

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Classe G (nova geração) – revelado no início deste ano, o novo Mercedes-Benz Classe G é esperado para o Salão de São Paulo. A nova geração do jipão alemão mantém o visual mais “rústico”, mas se sobressai pela dose extra de tecnologia, como as duas telas de 12,3 polegadas no interior. A versão G500 usará um motor 4.0 V8 de 422 cv e 62,2 kgfm, com uma nova transmissão automática de nove marchas e tração 4×4.

Mitsubishi

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Eclipse Cross (modelo inédito) – com lançamento previsto para novembro, o novo Eclipse Cross resgata parte do nome de um dos ícones da Mitsubishi, mas em forma de utilitário-esportivo. Com visual mais arrojado, ele ficará acima do ASX na gama da marca japonesa e terá como missão enfrentar o Compass na faixa dos R$ 130 mil. Lá fora, ele usa um motor 1.5 turbo a gasolina de 163 cv e 25,5 kgfm com câmbio CVT, além de um 2.2 turbodiesel.

Peugeot

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Boxer (nova geração) – assim como a Citroën com o Jumper, a Peugeot lançará a nova geração do Boxer.  O utilitário deverá ser importado da Itália em versões furgão e para passageiros, possivelmente com o motor 2.2 litros turbodiesel.

Porsche

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Cayenne (nova geração) – lançado lá fora há quase um ano, o novo Porsche Cayenne chegará ao Brasil provavelmente no Salão de São Paulo. O novo utilitário-esportivo ficou ainda mais moderno e sofisticado e será ofertado por aqui em três versões (3.0 V6 turbo de 340 cv, 2.9 V6 biturbo de 440 cv e V8 biturbo de 550 cv), todas com câmbio Tiptronic S de oito marchas e tração integral.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

911 GT2 RS (versão inédita) – a versão mais potente de todos os tempos da linha do 911 também já foi confirmada para o Brasil. O novo Porsche 911 GT2 RS chegará com um motor 3.8 boxer de seis cilindros, com até 700 cv e 76,5 kgfm, atrelado a um câmbio de sete marchas e dupla embreagem. O bólido vai de 0 a 100 km/h em 2,8 s e alcança 340 km/h.

Renault

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Alaskan (modelo inédito) – baseada na Frontier, a inédita Renault Alaskan aparecerá no Salão de São Paulo como a primeira picape média da marca francesa no País. O novo modelo será importado da Argentina, possivelmente com motor 2.3 litros turbodiesel de 158 cv ou 190 cv, com câmbio automático de seis marchas e tração 4×4.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Kwid Outsider (versão inédita) – se o Kwid já é considerado um SUV, imagina uma versão “ainda mais aventureira” do subcompacto? O Kwid Outsider, que foi apresentado como conceito no último Salão de São Paulo, aparecerá na edição deste ano do evento como modelo de produção. Ele deverá ostentar um visual mais “parrudo” e suspensão ligeiramente mais alta, além de decoração exclusiva no interior.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Koleos (modelo inédito) – a chegada do Koleos ainda é incerta. Porém, a aposta é ele que ele comece a ser vendido ainda neste ano. Para enfrentar modelos como Jeep Compass e Chevrolet Equinox, ele apostará em versões bem equipadas e com um motor 2.5 litros aspirado de 170 cv com câmbio automático do tipo CVT.

SsangYong

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Após uma ausência de quase três anos, a SsangYong voltará a vender seus carros no Brasil. A marca já prepara seu retorno, com direito a uma linha com três crossovers e uma picape. O primeiro deles será o crossover compacto Tivoli, com motor 1.6 a gasolina de 128 cv por R$ 84.990, enquanto o segundo será o XLV (versão de sete lugares do primeiro), com o mesmo motor e preço de R$ 97.990, e o terceiro, o Korando, com um 2.2 turbodiesel de 178 cv por R$ 129.990. Já a picape Actyon Sports, ainda sem preço divulgado, usará o mesmo conjunto do último crossover.

Toyota

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Yaris (modelo inédito) – como alternativa mais moderna e sofisticada ao Etios e aposta para enfrentar Polo e Argo, o Toyota Yaris será o grande lançamento da Toyota para este ano. Ele chegará em julho nas carrocerias hatch e sedã, possivelmente com versões mais potentes dos motores 1.3 e 1.5 usados no Etios, mas neste caso com a opção de transmissão automática do tipo CVT. O preço? Espere por algo a partir de R$ 60 mil.

Volkswagen

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Golf (reestilização) – para se manter atual no mercado, o Golf hatch e a perua Golf Variant receberão retoques sutis no visual, melhorias no acabamento interno e novos equipamentos, como painel de instrumentos totalmente digital e sistema multimídia com comandos por gestos. A versão GTI deve chegar aos 230 cv. Sua estreia é esperada para o início do segundo semestre.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

e-Golf e Golf GTE (versões inéditas) – além da linha reestilizada do Golf, a VW prepara o e-Golf, modelo totalmente elétrico de até 136 cv e autonomia de 300 km, e também o Golf GTE, um híbrido com até 204 cv. Eles deverão ser atrações no Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Gol, Voyage e Polo 1.6 MSI automático – tanto a dupla Gol e Voyage como o Polo receberão a opção de câmbio automático Tiptronic de seis marchas com conversor de torque. O primeiro a chegar deve ser o Polo 1.6 16V MSI, provavelmente no início do segundo semestre, enquanto o Gol 1.6 8V AT e o Voyage 1.6 8V AT deverão estrear meses depois.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

Jetta (nova geração) – uma das grandes novidades da VW para este ano é a nova geração do Jetta. O sedã médio está mais moderno, sofisticado e espaçoso, com direito à plataforma modular MQB. Por aqui, vai manter o 1.4 TSI flex de 150 cv, mas com o novo câmbio Tiptronic de oito velocidades, além do 2.0 TSI, agora com 220 cv, atrelado ao DSG de seis marchas e dupla embreagem. Deve estrear também no Salão de São Paulo.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

T-Cross (modelo inédito) – outra novidade importante esperada para o Salão de São Paulo é o T-Cross. O crossover compacto chegará para enfrentar HR-V, Creta e Kicks por a partir de R$ 80 mil, provavelmente com o motor 1.6 MSI flex e o 1.0 TSI flex já usados no Polo, com câmbio manual ou automático de seis velocidades.

Volvo

Os 50 carros esperados até o final de 2018

S90 (modelo inédito) – sedã topo de linha da Volvo, o novo S90 deve chegar ao mercado brasileiro no 2º semestre. Ainda mais moderno e sofisticado, o modelo deverá ser oferecido por aqui com motores 2.0 litros turbo de até 252 cv ou 320 cv, além do modelo híbrido T8 que entrega máxima de 400 cv.

Os 50 carros esperados até o final de 2018

V60 (nova geração) – a nova geração da perua Volvo V60 já foi anunciada em pré-venda e parte de R$ 199.950. O modelo começa a ser vendido em junho com motor 2.0 litros turbo de 254 cv e 35,7 kgfm, combinado ao câmbio automático de oito marchas.

Os 50 carros esperados até o final de 2018
Nota média 4.5 de 10 votos

  • Contador

    Uma pena não ter se quer boatos sobre o Focus e 308.

    • Zé Mundico

      Focus não sei mas o 308 já foi devidamente “abandonado” pela Peugeot no mercado nacional.
      Quem quiser um, tem que encomendar e aguardar um bom tempo prá receber. A Peugeot não tem mais interesse nele, essa é a verdade.

      • Contador

        Infelizmente parece que o Focus seguirá o mesmo caminho!

    • Rodrigo

      Vira e mexe vejo 308 Europeu rodando em São Paulo. Já vi 3: um azul, um prata e um preto. Acredito que sejam da PSA pois a placa é de Porto Real.
      Apesar dos modelos serem muito bonitos acredito que não venderiam muito por aqui em função do segmento. E importa-los da Europa sairia bem caro.

      • Contador

        Verdade!

      • 308 e 408 são importados da Argentina. Se mexerem na linha por lá, os modelos virão para cá.
        Agora, o 301 é que seria bastante itneressante…

        • Rodrigo

          No meu comentário me referi à versão européia

    • V8 Biturbo

      O Novo Focus foi lançado na Europa em Abril, deveriam lançar aqui no Brasil no segundo semestre.

      • Contador

        Seria uma boa!

    • Ricardo Blume

      Fiesta também.

      • Contador

        Bem lembrado Ricardo!

  • Baetatrip

    repetiu o JAC 2x?!
    A pick up da “nissan” ta lindissima e claro a Klasse G!

    • Ady Bastos

      Apesar de ser produzida na mesma da plataforma da Nissan Frontier (e também da nova Classe X), achei a Renaut Alaskan bem mais acertada “visualmente”, conjunto bacana de rodas, design no geral melhor do que Frontier.

      • sepchampions

        Tbm gostei da Alaskan, a unica coisa que não gostei foi a saída de ar xondicondici redonda nas laterais. Se puxasse pra um Losango ficaria muito mais bonito e estiloso.

  • JAG

    T6 Pickup -Deverá brigar por preço com a Fiat Toro Flex, pois sem confiabilidade do mercado fica difícil brigar com a diesel.

  • 110anosimigraçaojapa

    e o CHR?

    • Offline Mode ✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

      Até onde eu lembro, não tem previsão ainda :( E em algumas noticias dizem que a Toyota desistiu dele pro Brasil

    • artxin

      Pelo o que me lembro ele só vai ser lançado em 2019.

  • octavio cesar godoy

    aonde esta o pajero sport da mitsubishi? estou esperando para comprar, mas será que vem esse ano?

  • Robson Mauricio

    Esse Audi RS5 Sportback, com certeza, o mais lindo de todos!! Audi caprichou nele! O kia Stinger também muito bonito.

    • Dafomg

      Concordo. E o Honda Accord ficou um troço medonho.

      • Robson Mauricio

        Esqueci de comentar do A7 também, ficou muito belo.

    • Ⓜ️arcelo

      Stinger está animal, com certeza o mais empolgante de todos da lista.

    • E quanto ao V60? perfeito, e olha que não gosto de peruas

  • Paulo Monteiro

    No texto do Q8 colocaram “audi x6″…

  • Luconces

    Cadê os lançamentos da Fiat?

    A não… pera…

    • artxin

      A Fiat já tá pior que a Volkswagen, demora 2 anos pra lançar outra carroceria de um carro.

      • thi

        a fiat acabou amigo

        • artxin

          Legal, não sabia irmão

    • Rodrigo

      A Fiat agora aposta todas suas fichas na Jeep. Tirando a Toro agora ela só foca em modelos lowcost

      • Emanuel Schott

        A picape média provavelmente será Fiat.

        Mas ela deveria mesmo focar no mercado de baixo custo, deixando picapes pra RAM e SUVs pra Jeep.

      • Henry Sax

        Veja todos os produtos que a FCA deve lançar no Brasil até 2022:

        Fiat SUV compacto (menor do que o Jeep Renegade);
        Fiat SUV compacto (porte do Renegade);
        Fiat SUV de 7 lugares;
        Jeep SUV compacto (menor do que o Renegade);
        Jeep Renegade e Compass renovados;
        Jeep SUV de 7 lugares;
        RAM 1500;
        Jeep Cherokee renovado (já havia sido confirmado);
        Jeep Wrangler (já havia sido confirmado)

    • Emanuel Schott

      Dá Fiat provavelmente só o Uno que sofrera facelift esse mês.

      Picape do Mobi e novos motores só estão programados pro ano que vem.

      • Luconces

        O Argo se for para Europa, muda por completo.

        Fora que lá nem a plataforma vai ser a mesma.

        • Emanuel Schott

          Por completo duvido. No máximo vão adicionar itens de segurança que são obrigatórios por lá e aqui não.

          • Luconces

            O visual com certeza muda, já viu a matéria dos europeus comentando o visual do Argo.

            Eles teriam um design europeu mesmo.

        • Lucy Senna

          nah, não exagera. talvez – muito provavelmente – mudarão o desenho das portas.

          • Luconces

            Não exagerei. Já viu a matéria completa que fala o que os europeus acharam do Argo.

            Fora que hoje o Argo apenas conversa com o Mobi, ele não cabe dentro da identidade da Fiat italiana.

            Mudar o desenho das portas é mais caro do que trocar farois, lanternas e para-choques.

            • Lucy Senna

              talvez tirem aquele “chifrinho” do farol, ou mesmo o diminua. mas não ia ficar legal.

              as lanternas são italianas sim, ow. na traseira iriam tirar aquela logo gigante.

              • Luconces

                A projeção que fizeram para o Argo Way no NA ou no AS ficou muito boa a frente. Muito por perder o exagero da frente carregada.

                Ouso dizer que as lanternas são o único elemento italiano no carro. Porque o resto não tem nada de italiano.

  • Dante Alighieri

    Torço muito pela Kia, no sentido de ela conseguir vir competitiva. Esse Cadenza e Stinger são incríveis.

  • Emygdio Carlos

    Quase 50 modelos reféns da mesma matriz energética (importados pior ainda, pois são monocombustíveis e sofrerão com a nossa péssima gasolina)!

    Poucas montadoras despertaram ou são muito lentas para entenderem a necessidade de diversificação de seus produtos no sentido de combinarem propulsão elétrica (baterias de lítio, paineis solares e etc..) com os motores a combustão, a fim de que as pessoas tenham mais alternativas.

    Quem sabe, isso mude até a próxima paralisação de caminhoneiros, infelizmente!

    • Mr Tony

      Não compro carro monocombustível nem a pau, no caso gasolina. Daqui a pouco o (des)governo mete 40% de álcool na gasolina (oficialmente) e esses carros só poderão andar com Podium, Aí lascou-se.

      Ainda estamos no sistema de produção centralizada e de distribuição, e essa greve já mostrou o quando esse sistema é frágil. Ninguém incentiva a micro-geração de energia e até de alimentos. Minha cerveja já faço em casa, nunca mais pretendo comprar cerveja industrializada.

      No aguardo do Kicks E-power!

      • Emygdio Carlos

        Perfeito Mr Tony!
        Os motores monocombustíveis não foram projetados para receberem uma gasolina com a adição de 27% de etanol, por enquanto. Imagino se esse percentual subir para 40%.
        Lamentavelmente, temos que aguardar as novas tecnologias por mais alguns anos até que se tornem acessíveis, de fato, aos mais pobres.

        • afonso200

          solução pro alto teor de etanol é o GNV…….fico imaginando carros antigos de coleção, como cadillacs, lincols com motores 7litros usando essa gasolina com etanol, deve dar BO nas mangueiras e borrachas

          • Emygdio Carlos

            Bacana Afonso 200!

            O problema do GNV é ser da mesma matriz dos combustíveis fósseis, além de ser mais seco, sem muito poder de lubrificação, apesar de muito mais limpo.

            Acredito que a combinação de motores pequenos turbo flex com motores elétricos de media autonomia seria o ideal para mim.

            • Mr Tony

              O Kicks E-Power é o oposto, igual o I3. Motor de propulsão elétrico com motor pequeno a combustão mandando carga. Dizem que faz 32km/l

              • Emygdio Carlos

                Show!

                Autonomia muito boa.

            • Mr Tony

              Aqui no condomínio onde moro uns 4 vizinhos “abonados” tem carros antigos, tem um que tem 15, até um Itamaraty 1966, coisa linda! Não tem jeito, só na Podium mesmo! Brinquedo caro…

      • Lareiro

        Um dos problemas de geração de energia em casa é o alto custo. Já vi matérias sobre 2 ou 3 pessoas que têm carros elétricos em casa e colocaram painéis solares para geração de energia elétrica para abastecer seus carros, entre eles Outlander, i3 e Bolt. O custo, segundo eles, ficava em mais de R$25 mil.
        Outro problema nesse caso é que, seus carros, pela baixa autonomia, são impossibilitados de fazerem viagens mais longas.

        • Mr Tony

          Aqui esse tipo de solução é caro, é gourmet, não tem incentivos e viva o gás da Bolívia com a refinaria que demos de presente pra eles…

          • Lareiro

            Realmente, o Brasil (governo e população de um modo geral) ainda vê isso como produto para rico, e não como um caminho para o futuro.

    • Louis

      Eu só queria um QQ elétrico :-( ou algo similar, um subcompacto elétrico de baixo custo…. O dinheiro já está reservado.

      • Emygdio Carlos

        Legal Louis!

        Eu prefiro os veículos híbridos flex por conta da maior autonomia e alternativas de abastecimento.

  • edgar__rj

    Bons carros a caminho…
    A foto do Lifan X70 está com um JAC, …

  • Rodrigo

    O Koleos seria um forte candidato se não fosse esse motor 2.5
    E pensar que a Renault tem motores de vanguarda na Europa, mas aqui continua reticente com esses lançamentos sem a menor graça.

  • Deny Williams Cury Haddad

    Golf facelift trará de volta o Freio Eletrônico?

    • Rodrigo

      Não. Só no GTE e e-Golf que serão importados da Alemanha

      • Deny Williams Cury Haddad

        Rodrigo, esses importados da Alemanha chegam esse ano no Brasil?

        • Rodrigo

          Deny, as notícias indicam que sim. Mas os Golfs nacionais com facelift devem vir antes. Era pra ser Abril, depois Maio. Junho está aí já é nada deles ainda.

          • Deny Williams Cury Haddad

            Esse Golf facelift está virando lenda… RSSSS… Se ele está demorando, imagino o GTE e o e-Golf…

  • Valdek Waslan

    Oh….
    rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrs
    Faltou dizer que para esse ano, ainda esperamos da HONDA um motor decente na Fórmula 1
    e da Renault um carro melhor também na Fórmula 1.
    Eu sei… calma… eu sei que é carro de passeio, mas é que como os motores Honda, assim como os carros da Renault na Fórmula 1 estão mais parecendo carros de passeio, eu achei que valeria a lembrança.

    • Helder

      Red bull Renault ganhou a última corrida neh ?

      • Valdek Waslan

        Sim, RED BULL e não a equipe Renault, neh? É dela que estou falando.

  • No_Name

    Será engraçado a PSA trazer sua “Ducato” da Itália devidamente atualizada e a FIET continuar trazendo a sua defasada do México.

  • Erivelton Freitas

    C4 Cactus, Cadenza, Rio, Eclipse Cross e X80 são os únicos que me chamaram a atenção. Cada um deles parece ser único e tem uma coisa que me atrai demais!

  • Edu

    Não sou guloso, esse Kia Rio tava de bom tamanho prá mim.

    • Louis

      DEntre todos os listados, acho que é o único que desperta meu interesse.

      • Rafaelhsouza

        Somos dois, pretendo trocar de carro agora no segundo semestre, e a faixa de preço do Rio (entre 65-75k) está dentro do meu orçamento. Tive um Picanto por três anos e não tenho do que reclamar da marca.

    • Felipe Gonçalves

      Também achei sensacional! Agora, vir por 65k acho bem difícil. Picanto ”GT” está praticamente 60k, tendo sofrido aqui no Brasil, praticamente alteração estética. Se esse Rio vier com esse preço, com certeza será também sem controle de tração, estabilidade e apenas com os airbags frontais, assim como quase todos os outros carros da Kia vendidos por aqui. Fui fazer a revisão do meu veículo há 2 semanas e fiquei inconformado que a Sportage LX (que é mais de 100k) não tem esses itens que citei acima. Mesma coisa o Cerato de 80k.

      • Edu

        A Kia é uma boa marca mas peca nesse detalhes que você citou.

  • cepereira2006

    Fui seco a procurar o Ford Kuga.

    • El Gato Negro

      Eu desisti de esperar. Desde 2014, quando aluguei um na Argentina, que aguardo pelo carro. Nunca sequer um boato. É uma opção excelente para quem quer o conforto da Edge sem pagar uma exorbitância.

    • Ricardo Blume

      E eu a procurar algum elétrico/híbrido…

  • Marcus Vinicius

    A Honda deveria trocar o Accord pelo SUV Pilot e a picape

    Ridgeline

    daria um retorno financeiro maior !

  • afonso200

    Rio (modelo inédito) ….. estamos desde inicio de 2011 esperando o KIA RIO…..

  • afonso200

    Kwid mais alto ainda, e sem ESP vai capotar, kkkkkkkkk,,,,cade o KWID 100% eletrico que a renault tava falando

    • Lareiro

      Kwid mais alto ainda além de capotar, vai virar alvo mais fácil de raios nas estradas.

      Nossa, essa foi péssima…

  • El Gato Negro

    Estou aguardando para ver o Stinger de perto. Confesso que achava o modelo muito bonito pelas fotos, mas esse vermelho da matéria me fez rever a opinião. Comecei a achar ele meio “exagerado” no design, sei lá…

  • El Gato Negro

    Kwid Outsider. Meu Deus. Não sei nem o que falar…

  • Pablo Cesar

    Mercedes classe A?

  • Ricardo Blume

    Esqueceram da Mercedes Classe X.

  • Jean Magno

    Esse Kia Stinger é lindo de mais ao vivo, em visual ao menos não vi outro sedã mais bonito ainda, só jaguar e lexus vi dois que eu faria comparação.

  • matheus

    Falando em Picanto, o que vocês acham do carro? Manutenção, durabilidade, etc? Creio eu que o Rio pode não fazer muito sucesso justamente pelo próprio Picanto não vender quase nada aqui.

    • Rafaelhsouza

      Tive um por três anos…nada a reclamar. O pós venda também foi bom sempre que precisei…mas tem um detalhe, eu moro em São Paulo, onde a Kia tem uma rede de concessionarias razoável, dependendo da cidade a história pode ser diferente.

  • Paulino Lino

    Aguardando ansiosamente a chegada do T-Cross

  • Edu

    O Tiggo 2 AT já está no mercado por 59.990,00, pelo menos foi o que vi na tv. Parece ser um bom carro, conheço quem tem o Tiggo 1 e está satisfeito.

  • Abdallah

    Essa classe g da mercedes… me tira suspiros!

  • Danilo

    certeza que o RS5 Sportback chega ai no BR no seg semestre? Aqui na Alemanha nao tem nem no configurador da Audi pra ser pedido. Pode ate ser mostrado no salão, mas comercializado acho que so ano que vem. Por aqui nao tem nas css ainda.

  • thi

    da lista :classe g, todos da vw/audi ,todos da jac,volvo e porsche

  • Rubens

    E a Nissan com o XTRAIL= ROGUE=QASHQAI ?
    Este JAC T70 tá loko,meu

  • Diego G. de Lima

    Podem falar o que quiser da Honda, mas esses japas sabem fazer carros bonitos, me amarro no design dos carros deles.

    • thi

      eu já acho varios muito jaspion : novo civic(não acho bonito) e wrv são exemplos

  • André Luis Versiani

    O Kia Stinger é fantástico de bonito, que carrão!

  • Mauricio Mohr

    E a Pick up da Hyundai e os SUV’s da CAOA Chery?

  • Raphael Pscheidt

    A potencia do Wrangler está errada, infelizmente. São 100 cv a menos.

  • Chris

    Pra mim a maior dúvida ficará em quanto custará o Polo 1.6 At e o Yaris At de entrada.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email