Carros mais vendidos Mercado

Os carros mais vendidos em 2018

Os carros mais vendidos em 2018

O mercado nacional vendeu 2.470.654 de automóveis e comerciais leves em 2018, sendo um ano de alta de 13,74% em relação a 2017. A GM sagrou-se líder com 17,58%, seguida de longe pela VW com 14,90% e Fiat com 13,18%. A Ford conseguiu se manter na quarta posição com 9,17%, enquanto a Renault comemorou a quinta posição.


Destaque para Chery e Volvo, que cresceram muito em 2018, especialmente a primeira, que ganhou nova vida com a CAOA. Já entre os automóveis, o Onix superou qualquer rival com mais de 210 mil emplacamentos, tendo HB20 e Ka como escudeiros. O Gol foi outro que surpreendeu, emplacando mais que o Prisma.

O Polo quase cumpriu a promessa de estar entre os 5 mais vendidos, tendo Kwid e Argo logo atrás. O Compass sagrou-se o SUV mais vendido, colocando o segmento dentro do Top 10 de 2018, que fechou com o Corolla. O Creta se manteve bem na vice-liderança dos utilitários esportivos e o Virtus mostrou a força de um novo sedã compacto no mercado.

Os carros mais vendidos em 2018


Entre os hatches médios, o Cruze liderou, com o Golf em segundo, por pouco. Nos esportivos, chamou a atenção as vendas do Mustang, que somaram 988 unidades em 2018, quando teve vendas bem expressivas nos primeiros meses. O ano também marcou o fim do Celer Sedan com 47 exemplares. Outro chinês, o Lifan 530, não vendeu mais que 388 unidades.

Nos comerciais leves, a Strada não teve rivais, assim como a Toro. A Saveiro ainda ficou em terceiro, mas com a Hilux vendendo mais, o ano de 2019 deve ser difícil para a picape leve da VW. A van Master liderou com folga, assim como o HR entre os caminhões leves. Destaque para a chegada do Delivery Express da VW.

Então, confira abaixo as 21 marcas, 80 automóveis e 50 comerciais leves mais vendidos em 2018:

Marcas

1º GM 434.364 17,58%
2º VW 368.200 14,90%
3º FIAT 325.726 13,18%
4º FORD 226.437 9,17%
5º RENAULT 214.914 8,70%
6º HYUNDAI 206.667 8,36%
7º TOYOTA 200.116 8,10%
8º HONDA 131.592 5,33%
9º JEEP 106.945 4,33%
10º NISSAN 97.505 3,95%
11º PEUGEOT 23.674 0,96%
12º MITSUBISHI 22.133 0,90%
13º CITROEN 20.336 0,82%
14º M.BENZ 14.365 0,58%
15º KIA 11.723 0,47%
16º BMW 11.369 0,46%
17º AUDI 8.677 0,35%
18º CHERY 8.639 0,35%
19º VOLVO 6.834 0,28%
20º LAND ROVER 6.754 0,27%
21º SUZUKI 4.656 0,19%

Automóveis

1º GM/ONIX 210.458
2º HYUNDAI/HB20 105.506
3º FORD/KA 103.286
4º VW/GOL 77.612
5º GM/PRISMA 71.735
6º VW/POLO 69.584
7º RENAULT/KWID 67.320
8º FIAT/ARGO 63.011
9º JEEP/COMPASS 60.284
10º TOYOTA/COROLLA 59.062
11º RENAULT/SANDERO 52.401
12º FIAT/MOBI 49.491
13º HYUNDAI/CRETA 48.976
14º HONDA/HR-V 47.959
15º NISSAN/KICKS 46.812
16º JEEP/RENEGADE 46.344
17º VW/VIRTUS 41.634
18º VW/FOX/CROSS FOX 39.260
19º FORD/KA SEDAN 39.027
20º FORD/ECOSPORT 34.497
21º VW/VOYAGE 32.683
22º HYUNDAI/HB20S 32.155
23º FIAT/CRONOS 29.307
24º NISSAN/VERSA 27.993
25º TOYOTA/ETIOS HB 27.847
26º HONDA/FIT 27.359
27º RENAULT/CAPTUR 26.504
28º GM/TRACKER 26.100
29º HONDA/CIVIC 25.942
30º GM/SPIN 25.192
31º RENAULT/DUSTER 23.579
32º RENAULT/LOGAN 22.471
33º GM/COBALT 21.488
34º TOYOTA/ETIOS SEDAN 21.207
35º VW/UP 20.563
36º GM/CRUZE SEDAN 19.828
37º TOYOTA/YARIS HB 18.584
38º FIAT/SIENA 17.470
39º FIAT/UNO 15.151
40º HONDA/CITY 14.900
41º HONDA/WR-V 14.797
42º FORD/FIESTA 14.505
43º TOYOTA/YARIS SEDAN 13.674
44º TOYOTA/HILUX SW4 13.481
45º NISSAN/MARCH 11.947
46º PEUGEOT/2008 9.745
47º HYUNDAI/IX35 8.525
48º PEUGEOT/208 7.092
49º CITROEN/C3 6.378
50º VW/TIGUAN 5.771
51º KIA/SPORTAGE 5.648
52º VW/SPACEFOX 5.573
53º CITROEN/AIRCROSS 5.565
54º GM/CRUZE SPORT6 5.535
55º MITSUBISHI/ASX 5.379
56º FIAT/DOBLO 5.297
57º CHERY/TIGGO 2 5.197
58º HYUNDAI/TUCSON 5.179
59º GM/EQUINOX 5.089
60º MB/CLASSE C 5.041
61º FORD/FUSION 4.497
62º NISSAN/SENTRA 4.422
63º VW/JETTA 4.403
64º FORD/FOCUS SEDAN 4.256
65º TOYOTA/RAV4 4.221
66º BMW/X1 4.091
67º GM/TRAILBLAZER 3.853
68º LR/DISCOVERY 3.788
69º CITROEN/C4 CACTUS 3.351
70º BMW/SERIE 3 3.269
71º CITROEN/C4L 3.229
72º AUDI/Q3 3.209
73º CHERY/QQ 3.176
74º FIAT/WEEKEND 3.165
75º VW/GOLF 3.070
76º MB/GLA 2.956
77º FORD/FOCUS 2.933
78º VOLVO/XC60 2.917
79º JAC/T40 2.871
80º PEUGEOT/3008 2.844

Comerciais leves

1º FIAT/STRADA 67.227
2º FIAT/TORO 58.477
3º VW/SAVEIRO 45.920
4º TOYOTA/HILUX 39.278
5º GM/S10 31.761
6º FORD/RANGER 20.552
7º VW/AMAROK 18.766
8º FIAT/FIORINO 13.547
9º RENAULT/OROCH 13.409
10º GM/MONTANA 13.106
11º MITSUBISHI/L200 10.766
12º RENAULT/MASTER 7.193
13º NISSAN/FRONTIER 6.325
14º HYUNDAI/HR 4.310
15º FIAT/DUCATO 3.029
16º KIA/K2500 2.481
17º IVECO/DAILY 3514 2.068
18º M.BENZ/SPRINTER 313 1.321
19º VW/EXPRESS 1.312
20º PEUGEOT/PARTNER 1.268
21º RENAULT/KANGOO 1.265
22º CITROEN/JUMPY 1.171
23º PEUGEOT/EXPERT 902
24º RAM/2500 678
25º M.BENZ/SPRINTER 633
26º IVECO/DAILY 30S13 334
27º CITROEN/BERLINGO 293
28º M.BENZ/SPRINTER 415 181
29º IVECO/DAILY 163
30º JAC/v260 160
31º EFFA/K01 136
32º FIAT/UNO 88
33º IVECO/DAILY 5516 78
34º LIFAN/FOISON 77
35º M.BENZ/VITO 50
36º EFFA/K02 37
37º CITROEN/JUMPER 35
38º EFFA/V21 32
39º EFFA/V22 27
40º TOYOTA/BANDEIRANTE 24
41º FOTON/AUMARK 3.5-14DT 23
42º M.BENZ/SPRINTER 311 22
43º FORD/F150 21
44º JAC/T8 19
45º VW/KOMBI 17
46º M.BENZ/SPRINTER 515 15
47º RELY/RELY PICK-UP 13
48º PEUGEOT/BOXER 9
49º M.BENZ/RIBEIRAUTO 8
50º AGRALE/AGRALE MARRUA 7

[Fonte: Fenabrave]

Os carros mais vendidos em 2018
Nota média 4 de 4 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Danilo

    E saiu a matéria tão esperada! Surpreendente como o Onix tem um papel importantíssimo dentro da marca e como o Gol ainda vende.

    • Incitatus

      Danilo a FCA foi quem se deu melhor. Seus modelos que mais vendem, a Toro do lado fiat, e, renegade e compass do lado jeep, são carros que tem um lucro agregado muito alto, ao contrário de carros de entrada. Claro que a concorrência não vai deixar barato, a vw em especial. Mas por enquanto, ela se deu bem em prever a tendência do mercado.

  • Ricardo

    Somando-se Gol, Polo, Fox e Up, encosta-se no Onix, 207 mil, respeito ao consumidor.

    • Pedro I

      Soma com o Golf que empata com o Ônix. O Ônix vende a soma de todos os hatches da VW.

    • Ford Opala Attractive 200TSI

      Se a GM tivesse só o Ônix, mesmo assim estaria em quinto lugar entre as montadoras!!

      • Verdades sobre o mercado

        Onix sem Prisma não faz sentido, então somando Onix e PRisma seria a 4a montadora com grande folga sobre a 5a.

        • Ford Opala Attractive 200TSI

          Terceira, vc quis dizer , atrás apenas da VW e Fiat

          • Verdades sobre o mercado

            Correto.

    • Flavio de Castro

      não achei o golf… e quem viu o gol em 2014 e agora.. um gm vendendo 3x mais..

      • Ricardo

        Gol ainda tem lenha para queimar, se lançar uma geração verdadeiramente nova e com bom preço acredito que volte ao 1º lugar.

  • Lopes

    E a Kombi depois anos ainda aparece nos topics 45º. Imaginem se investissem na ‘nova’! Tomara que a parceria entre VW e Ford sai uma nova kombosa… Só o nome tem grande peso! Seria sucesso…

  • Pedro I

    Hatches Médios:

    1- GM Cruze: 5.535 unidades
    2- VW Golf: 3.090 unidades
    3- Ford focus: 2.933 unidades
    4- Peugeot 308: 434 unidades

    O segmento dos hatches Médios está próximo do fim.

    • O Focus já se despede esse ano, né…

    • Felipe Rocha de Assis

      Se os preços desses carros fossem mais próximos da realidade e do que realmente condiz o carro quem sabe as coisas seriam diferentes..

      • Robson

        O problema maior nem é tanto o médio (que sim, tem preço alto) é que o setor de baixo foi esticado e a gente tem hoje hatchs como Polo, Argo, Yaris beirando os 80 mil reais

        • Verdades sobre o mercado

          O problema maior dos médios são os (pseudo) SUVs, os compradores de médios foram para eles, este fenômeno iniciou-se bem antes de hatches compactos chegando a 80 mil reais. Em tempo: Argo de 80 mil vendeu alguma coisa nos primeiros 6 meses após o lançamento, pois depois disso as vendas ficaram altamente concentradas nas versões 1.0 e 1.3 (ticket médio na faixa de 55 mil).

          • Robson

            Sim é exatamente isso, mas o colega citou ali preço, e montadora nenhuma vai vender hatch médio por preço menor que o praticado atualmente, quando tem compactos batendo na casa de 80 mil dentro de casa, mesmo que o ticket médio deles não seja esse. Os hatches médios estão fadados a morrer no nosso mercado (e em muitos outros), não tem entusiasta de carro suficiente pra sustentar eles, e o comprador médio vai preferir o suposto espaço maior do “SUV” por praticamente o mesmo preço.

            • Verdades sobre o mercado

              perceba que quem tem hatch compacto beirando os 80 mil reais (Fiat, VW e Toyota) nem tem (pseudo) SUV ainda, e tem também os casos de Nissan, Jeep e Hyundai que tem (pseudo) SUVs mas não tem nem médio nem compacto de 80mil. Os compactos de até 80 mil surgiram como uma lacuna no mercado e são posteriores à forte queda dos hatches médios. Atribuir a queda das vendas dos médios ou seus preços aos poucos compactos de até 80 mil não faz sentido.

              • Robson

                Mas eu não atribui a eles, a queda é totalmente por conta dos pseudo SUV. Mas a questão preço, que o colega lá do primeiro comentário citou serem fora da realidade, onde eles talvez pudessem ser vendidos mais barato para voltarem a vender melhor, é inviabilizada pelo preço dos compactos. O pulo de categoria hoje não passa mais pelo hatch médio, que vive num limbo, vai direto para o SUV, e esse efeito já respinga nos sedãs também.

                • Felipe Rocha de Assis

                  O meu ponto é exatamente esse, eles começaram a subir desde os compactos e hoje estão todos com preços exorbitantes onde não se viabiliza comprar um hatch no lugar de um SUV!

                  • Robson

                    Só um entusiasta talvez fizesse essa opção, mas se analisar friamente, não compensa. O hatch médio é ótimo, mas pra vender que seja daqui 4, 5 anos, você fica com um mico na mão (no sentindo de ter uma queda ainda mais forte no preço dele usado), e convenhamos que é grana demais desembolsar 90, 100 mil em um carro para não se importar com o mercado dele para quando você quiser trocar. Eu detesto os SUV´s e dificilmente teria um, mas no cenário atual, entendo a escolha das pessoas por eles.

                    • Felipe Rocha de Assis

                      Exatamente, eu particularmente não sou fã de SUV’s, porém, com o preço dos hatchs na lua, fica inviável. A questão do preço reflete sim no cenário, na minha opinião, claro.

              • Fernando Gabriel

                O mercado é muito louco, um hatch compacto a quase 80 mil e um Cruze LT a quase 80 mil nas promoções da GM e o povo ainda vai no pior.

                • Verdades sobre o mercado

                  Mas aí é uma questão de promoção x preço de tabela, sendo que o hatch médio muitas vezes é preterido até pela versão sedan. Agora difícil é explicar up move aspirado custar o mesmo que um Fiesta, ambos na tabela

      • BillyTheKid

        Acredito que não seja esse o problema. A Tracker tem o mesmo powertrain, mas é menos equipada, bebe mais, é menor em praticamente todos os aspectos e ainda assim vende 5x mais que o Cruze hatch.

        Sabe porque o Cruze vende menos? Simplesmente porque não é um “SUV”. Se ele fosse mais alto e chamassem de “SUV médio” poderia vender até mais que a Tracker…

        • Felipe Rocha de Assis

          Exatamente amigo, pro carro tá custando mais caro que um SUV, vc não acha que o errado é o preço não?

          • Verdades sobre o mercado

            Não necessariamente, o Cruze oferece bem mais que o Tracker.

            • Felipe Rocha de Assis

              É o mínimo que ele faz, custa mais caro.

              • Fernando Gabriel

                Depende. Compara Tracker Premier 1 (LTZ) e o Cruze LTZ 1 e verá que o Cruze é ligeiramente mais barato, com acabamento muito superior, fora espaço, dirigibilidade, etc, etc…

        • Gran RS 78

          Disse tudo. Eu fui ver a Tracker e o Cruze sport6, e quando entrei neles não tive dúvidas: Comprei o Cruze sport6 , pois ele é infinitamente melhor em todos os aspectos, principalmente no acabamento e espaço interno, e ainda paguei 15 mil reais a menos por ele.

          • Fernando Gabriel

            Se eu te disser que a Tracker é um Onix bombado altinho com motor turbo do Cruze, acho que te deixaria feliz. Parabéns pelo Cruze, escolha sensata em meio a um mercado louco.

      • Incitatus

        O único fora da realidade é o golf. Os demais estão dentro da média se comparados aos respectivos sedans. Na vdd todos os carros estão caros. Ou ainda, todos têm impostos exorbitantes.

        • Verdades sobre o mercado

          Realmente o Golf está fora. Se o Confortline fosse 1.4 TSI estaria na média. Provavelmente em breve Golf só fica o GTI e GTE mesmo. Quanto a preços exorbitantes, não é privilégio dos automóveis, qualquer produto industrializado vendido no Brasil é caro frente a renda que temos. Nosso automóveis custam o mesmo que na Europa (e ainda são menos equipados) mas veja a diferença de renda …

        • Felipe Rocha de Assis

          Todos estão, exato.

      • Vinícius

        Eles são muito superiores a Polo, Yaris, Fit, são bem superiores aos SUVs compactos. Será que o problema está no preço deles ou será que está na supervalorização que damos aos SUVS compactos que custam o mesmo?

        • Fernando Gabriel

          Exato, Vinicius. Os SUVs são a moda do momento, mas eu vejo eles como um Pato; Nada, Voa, Anda e Grita. Mas não fazem nada disso direito, como deveria ser. Os Sedãs e Hatch’s médios, são muito superiores, mas…

          • Ernesto

            Já foi comentado inúmeras vezes as vantagens dos “SUVs” em relação aos demais carros e uma delas, creio que a principal, é a altura, tanto em relação ao solo (ruas esburacadas ajudam muito nessa escolha) e a própria altura para entrar/sair do veículo (pais com filhos pequenos que andam em cadeirinhas para crianças têm maior facilidade devido a altura). Inclusive esse último ponto mostra como no início dessa onda, proporcionalmente quem mais comprava Ecosport eram mulheres.

        • Felipe Rocha de Assis

          O problema está no preço de toda indústria automobilística brasileira!

      • FocusmanBA

        As pessoas aceitam pagar no Sedan o mesmo preço do Hatch. O problema do Brasil é o brasileiro…

        O custo de produção de um hatch é maior que o de um sedan em média. Na maior parte dos paises do mundo, hatches valem mais do que sedans.

        Já aqui, a fabrica tem que vender o carro por um preço mais barato.

  • Zé Mundico

    Tava vendo aqui: Ford e Hyundai penduradas no pincel com apenas praticamente um modelo cada….tá difícil a vida dessas duas…..

    • Verdades sobre o mercado

      Ford: Ka, Ecosport e Ranger – 3 modelos Hyundai: HB20 e Creta – 2 modelos

      • Zé Mundico

        Cá prá nós, a Ford paga as contas é o com Ka, da mesma forma que a Hyundai escapa com o HB20,,,,,

        • Verdades sobre o mercado

          Creio que você esteja enganado. Ka e HB20 tem volume mas certamente a margem de lucro é menor, fora o valor do veículo que também é bem menor. Creta, Ecosport e Ranger certamente tem grande contribuição no resultado destas marcas. Arrisco dizer que Ka + Ka Sedan dão no máximo o mesmo resultado bruto(margem de contribuição) de Ecosport + Ranger

        • Gran RS 78

          Acho que o Creta é muito mais vantajoso para a Hyundai, no quesito ganho por unidade vendida, que o HB20.

        • FocusmanBA

          Acho que vc está enganado. Carros de entrada praticamente não dão lucro. Eles existem para viabilzar rede de concessionário.

          • Zé Mundico

            O lucro por unidade é pequeno mas a escala é grande.
            Concessionária não vive de venda de carros e sim da oferta de peças e serviços . A comissão da concessionária é pequena, varia de marca para marca.

          • MauroRF

            Fala, Focus, tudo bem? Estou faz 1 ano com a Eco Titanium 17/18 e estou satisfeito. Lembra quando te perguntei do Focus, o que iria acontecer com ele? Infelizmente, o Focus sai de linha neste ano. Eu tive três, foi o melhor carro que tive e, se o Focus fosse continuar, provavelmente teria pego ele no lugar da Eco. Embora a Eco seja muito gostosa de guiar e bem completa. O nível de equipamentos dela é muito bom.

            • FocusmanBA

              Fala MauroRF! E ai beleza meu caro? Que bom que esta gostando do Eco. Infelizmente também estou triste com esse fato do Focus sair de linha. já tinha um tempinho que eu sabia disso, mas n podia falar.

              É uma pena que o mercado esta se pausterizando, forçando todos a usarem o mesmo tipo de produto em nome da economia de escala.

              Grande abraço!

              • MauroRF

                Fala, Focus! Tudo beleza, e vc? Sim, estou gostando bastante, carro muito bom, não tive nenhum problema, o que tive de “probleminha”, como alguns ruídos, corrigiram na concessionária agora na revisão. Carro bem completo, ar que gela bem, o som Sony é muito bom, fora os mimos e, principalmente, a segurança.

                Por mim, iria de Focus, mas mesmo sem você falar que sairia de linha, eu não apostei no Focus pela sinalização da Ford, ou seja, ela atualiza e coloca um AT convencional na Eco (e eu já sabia que colocaria no Ka) e mantém o PowerShift no Fiesta (e acabou de eliminar as versões PS do Fiesta) e no Focus. Com isso, pelo menos para mim, ela sinalizou que não apostaria nesses modelos. Sendo assim, eu e a esposa aqui saímos à caça de algo primeiro que fosse bom em segurança, depois, que tivesse o máximo de mimos possível. Nas comparações, a Eco Titanium levou a melhor. Fiquei meio “receoso” de apostar num SUV, mas estou gostando sim, principalmente por não raspar e enfrentar as buraqueiras melhor que um carro “baixo”. Mesmo assim, se soubesse que o Focus teria futuro (ou pelo menos uma sobrevida), teria investido nele. Só quem tem ou já teve para opinar que o carro é um prazer enorme ao dirigir. Quem sabe eu ainda não compre um MK3 usado para usar de vez em quando.

                Na sua opinião, como acha que ficará o mercado de peças para o Focus? Acha que, em poucos anos, pode ser complicado achar peças? Pergunto porque, caso eu pegue um Focus, não gostaria de ter esse problema, digamos assim.

                Sim, concordo, é uma “pasteurização” mesmo, e daqui a pouco todos andarão de SUV apenas. Será que a Ford não trará mais SUVs para cá, como se especula no caso do Territory? No nosso caso aqui, pelo visto, o Fiesta sairá de linha, e o que eles farão com a planta de São Bernardo? Será que não a reaproveitariam para montar um SUV? É uma unidade tradicional aqui no ABC, uma pena eles “jogarem fora” isso.

                Grande abraço!

                • FocusmanBA

                  Opa, estou muito bem graças a Deus! Feliz que está gostando da Eco, a versão reestilizada dela ficou muito boa, é outro carro realmente em relação ao apresentado em 2012 e quem tem sempre elogia.

                  Quanto ao Focus, acho que teremos peças em abundancia no mercado, já que ele foi um dos carros mais vendidos do mundo durante anos e tem muita peça de reposição boa e barata a venda hoje. Já comprei até peças de acabamento com boa qualidade e custo infimo quando comparado com as peças originais.

                  Grande abraço!

      • Dherik

        GM não está pior ou quase igual elas?

        • Verdades sobre o mercado

          Não, GM tem S-10, tem Cruze, tem Spin, tem Tracker, tem Cobalt, nenhum deles vende mal.

    • Dherik

      GM não está pior?

    • Gabriel Torque

      Mas Hyundai só produz HB20 e Creta, você queria que ela vendesse o que ? Kombi ?

      • Vinícius

        Hyundai vende tudo que fabrica… deve estar bem difícil mesmo, acho que querem que comece a vender os veículos dos outros fabricantes kkkk

    • Vinícius

      Tá difícil a vida da Hyundai mesmo… com uma planta com capacidade de 180.000 veículos por ano, vendendo mais de 180.000 ao ano (HB20, HB20S e Creta), deve estar difícil, pois devem estar trabalhando pra caramba rs

      • Zé Mundico

        Acho que você não entendeu direito, não estou me referindo a quantidade de carros vendidos e sim a quantidade de modelos no cardápio. A hyundai sobrevive praticamente de apenas um modelo, que já está meio cansado e desatualizado.

        • Ernesto

          Um modelo? Está falando de qual dos dois? HB20 ou Creta? Pois ambos vendem muito bem.

          • Zé Mundico

            Quem paga as contas é o HB20.

            • Ernesto

              Você viu quantos Cretas são produzidos?

  • JOSE DO EGITO

    Parabens a GM que soude fazer um carro que agrada uma boa parcela dos consumidores aliado a isso um preço competitivo e as outras que nao chegam nem perto em vendas fica a liçao do que é competencia

    • Zé Mundico

      Depois passa na tesouraria prá receber o vale.

      • JOSE DO EGITO

        Contra numeros e fatos nao ha argumentos

        • Zé Mundico

          O fato é que o Onyx só agrada por ser o mais barato da faixa, qualidade não é o forte dele.

          • JOSE DO EGITO

            sera que é por ser o mais barato??? quanto a qualidade vcs fanaticos pela VW sabem que o acabamento do ONIX e superior ao do POLO cobrando 10.000 reais a menos

            • Zé Mundico

              Calma bebê, quem está parecendo fanático da GM é você, nem da Vw eu falei. Não fica se entregando assim que fica feio. Tá gostando do Onyx?

              • JOSE DO EGITO

                Nao tenho ONIX e nem cogito ter ,mas reconheço que é um excelente carro por um preço menos abusivo . Respondendo a sua pergunta ,quando houver a oportunidade de alugar um te falo se gostei ou nao.

            • Incitatus

              Nem a pau Nobre José do Egito, o ônix com acabamento melhor que polo só se forem aos pés da esfinge. O polo pode não ser, e não é, um minigolf como diz a vw. Mas o ônix tem que melhorar muito pra chegar no nível do polo. Em qualquer quesito. E olha que não sou fanboy da vw. Dos pequenos os únicos que rivalizam em acabamento com o polo são argo, 208 e lá atrás o hb20. Isso sem entrar no mérito do design interno. Que no ônix é uma aberração se comparados aos que citei.

              • Verdades sobre o mercado

                Para quem está acostumado com lombo de camelo, acabamento do Onix é Top ! :)

                • Lucas

                  kkkkkk coitado do rapaz.

              • JOSE DO EGITO

                E vou alem o painel de portas do KA é infinitamente melhor do que o do POLO cobrando os mesmos 10.000 a menos

          • Vinicius

            Não acho que apenas o fator preço seja o diferencial do Onix.
            Pelo menos na minha região, Ka, HB20 e Onix tem preços próximos, sendo que Gol, March e até Sandero são mais baratos (preço de compra) em versões equivalentes.
            Tem alguma outra coisa que explica esse sucesso… Não sei o que é, mas tem.

            • Incitatus

              Simples nobre Vinicius. O Ônix carrega a tradição da rede gm, e das grandes foi o primeiro completinho (ar-direção-vidros, e não apenas o multimídia, mas também). Na vw e fiat tudo era opcional e sem multimídia. Sem contar a garantia que no caso da vw era uma piada. O Ka levou desvantagem por ser apertado. Fiat e vw erraram não somente por criarem produtos basicos demais, mas com propostas de design que já nasceram datadas como as novas gerações de gol e pálio. Então, quem buscava algo completinho de marca tradicional foi de gm. Se vende bem novo, vende bem usado. Meio que tostines, vende mais porque é crocante ou é crocante porque vende mais?

              • Vinicius

                Concordo. O Onix chegou e ajudou a difundir a questão de que carro popular poderia ser “completo” e “tecnológico”, assim como o HB20. Por isso digo que não é apenas o fator preço que faz o Onix ser um sucesso de vendas.

          • Mas no segmento de entrada creio eu que o preço ainda é um dos fatores determinantes. E dizem que a GM também é boa no financiamento e na avaliação do carro usado se esse for da mesma marca.

          • Gran RS 78

            Entre em um Onix, ou compare do lado de fora com os concorrentes dele, ele agrada por ter um porte mais avantajado que um Hb20 ou um Ka por exemplo, e tem um interior bem interessante tbm.

    • Verdades sobre o mercado

      Não acho que preço seja diferencial tão grande assim no caso do Onix. A verdade é que a GM acertou na veia com o Onix quando inovou oferecendo CMM em veículo desta categoria, quando era algo que só era ofertado em veículos de categoria bem superior, aliado logicamente a um belo design encorpado que transmite a sensação de um veículo maior, também uma estratégia de lançamento (lá em 2012) muito bem executada onde o veículo chegou com preço bem competitivo fazendo com que o carro tivesse ótima aceitação e quando a situação estava “dominada” a GM passou a aumentar o preço para ter retorno financeiro maior por algum tempo e gerar uma gordura para queimar quando fosse necessário para manter o nível de vendas.

      • JOSE DO EGITO

        Vc esta certo ,tudo isso contribuiu para o sucesso do ONIX,as outras montadoras poderiam ter feito e nao fizeram

        • Verdades sobre o mercado

          Não é fácil acertar “na veia” com um produto e chegar ao topo, se fosse fácil o Gol não tinha ficado 27 anos na liderança. Certamente a VW deve estar querendo este lugar de volta com o Novo Gol (4a geração) que chega em 2020, mas terá que ter algum diferencial importante para derrotar o Onix, não será fácil.

      • MarcioMaster

        Te ajudando, ainda veio o cambio at6.

        • Verdades sobre o mercado

          verdade, ou seja, a GM conseguiu reunir todos os anseios do mercado no timming correto e para ajudar tem uma rede de css capilarizada e atende relativamente bem tanto em vendas quanto pós-vendas.

  • Bela matéria! Vlw, Ricardo de Oliveira! Estava aguardando por esse post, hehe.

    Incrível ver que mesmo com todas as críticas e problemas a Ford conseguiu se manter com relativa folga no 4º. lugar.
    Com todas as mudanças em curso, como avanço dos concorrentes, descontinuação do Focus (hatch e sedan), possível descontinuação do Fiesta Sedan e com o Fiesta Hatch caindo pelas tabelas, acho que esse foi o último ano da marca do oval azul na sua “eterna” posição no ranking e devemos começar a ver mudanças mais significativas já a partir desse ano de 2019…

    • Pedro I

      Trocando o Powershift pelo AT6 a Ford dá mais uns anos de vida para Focus e Fiesta.

      • Dherik

        Este AT6 que a Ford usa agora é Aisin?

        • Incitatus

          Não posso afirmar com certeza, mas o que sei é que os ats da que a ford usa são os mesmos da gm. Eles desenvolveram as caixas juntas.

      • Acho difícil ela fazer isso. Num momento em que os concorrentes investiram pesado (Polo, Argo, Novo HB chegando, Novo 208 chegando no ano que vem), acho uma pena que a Ford não tenha sequer cogitado trazer a nova geração do Fiesta.
        Com certeza ele brigaria com boas condições nesse segmento.

      • Incitatus

        Poderia ser V. Majestade. Mas não havendo demanda, não há porque investir.

    • Fabio

      Dei uma olhada no site da Ford porque queria ver informações sobre o Fiesta 1.0 Ecoboost (só curiosidade) e descobri, para minha surpresa, que não existem mais Fiesta Sedan, Fiesta com motor Ecoboost, Fiesta Titanium nem Fiesta com câmbio Powershift! Os únicos modelos, segundo o site, são o SE, o SE Style e o SEL, todos hatch, 1.6 e com câmbio manual.

      A morte está próxima…

      • Verdades sobre o mercado

        Fiesta 1.6 pelo mesmo preço de Ka 1.5 e ainda por cima é mais equipado. Realmente vão aproveitar para tirar o último sumo da fruta (assim como a VW está fazendo com o Fox, porém com mais sumo).

      • Corri no site pra conferir e é isso mesmo… Uma pena!

  • Gabriel

    Somando as vendas de Golf+focus+focus sedan + Jetta ainda não da o que vende de cruze.
    Nos médios só vão continuar vivos Corolla Civic e Cruze, sendo o Cruze o único com versão hatch, e suponho que com a aposentadoria de focus hatch e golf, por diminuir a concorrencia, o cruze hatch pode vender um pouco mais, (7 ou 8 mil no máximo em 2019)

    • Pedro I

      Cruze deve sair de linha em breve, pois não terá nova geração.

      • Felipe Rocha de Assis

        Cruze não passa de 2021.

  • Eng Turbo

    Depois de mais de 1 década na liderança, a FCA caiu para 2º, praticamente empatada com a GM.
    Com o lançamento da linha GEM com os motores CSS, basta saber como será a precificação dos novos Onix/Prisma. Caso a GM mantenha a politica agressiva de preços, continuará líder absoluta. Se subir os preços, assim como a VW fez com os modelos realmente modernos (up, MQB) a FCA volta a liderar, com folga.
    Agora é esperar pra ver ;)

    • Airplane

      A VW é que está em 2º (segundo) lugar, de acordo com a matéria.

      • Verdades sobre o mercado

        Normalmente os torcedores Fiat somam as 2 marcas. Sob o ponto de vista de empresa está correto, mas sob o ponto de vista de vendas & mkt está errado. Jeep: absoluto sucesso desde o lançamento do Renegade. Fiat: com exceção da Toro, é um erro atrás do outro desde 2014 pois perdeu 50% de participação de mercado no segmento automóveis.

        • Eng Turbo

          Fornecedores somam, conforme é a realidade, diferentemente dos dados divulgados.
          FCA é uma empresa unica, mesmos motores, etc
          O msm ocorre com a PSA
          Isso ja não se aplica para a Renault/Nissan/MIT, pois os motores, plataformas, e ate mesmo a engenharia por incrivel que pareça, não se conversam.

          Me chamar de torcedor da Fiat chega a ser engraçado, pois se vc acompanhar os meus comentário irá perceber que sou critico deles, pelos produtos absurdamente simples e sem tecnologia embarcada.

          • Verdades sobre o mercado

            Eu não disse que você é torcedor da Fiat(apesar de que da forma como escrevi realmente dá a entender isso), eu afirmei que Torcedores da Fiat normalmente somam as vendas das 2 marcas. Na sequência explico que faz sentido sob a ótica de empresa (que foi a sua visão).

        • Airplane

          Concordo, pois fazem uma análise distorcida da realidade e não reconhecem a perda de mercado da fiat.

          • tiago

            Existe a perda por falta de inovação e investismento, com certeza.
            Agora não dá pra negar que parte da perda é cessão para venda de Jeeps que são mais lucrativos para a compania.

        • tiago

          A verdade é que as duas formas estão corretas, ora.
          Tanto pode ser interessante ver a venda da marca isolada como do grupo.
          Por que alguém seria torcedor por considerar a posição do grupo? Eu hein…

      • Incitatus

        O Eng está correto Airplane. A FCA é a soma do grupo, que incluí fiat, jeep e iveco. Praticamente dá empate técnico entre gm e fca.

        • Airplane

          A matéria trata da comparação entre marcas e não entre conglomerados.
          FCA não é marca !

        • Eng Turbo

          O caso da FCA gera discussões infinitas. Para fornecedores, engenharia, desenvolvimento, etc…enfim, todos envolvidos na fabricação dos veiculos, FCA é uma coisa unica.
          Para especialistas da internet, Fiat e Jeep são separadas ;)

          • Gabriel Torque

            Principalmente quando são fanboys da VW, aí não pode juntar

            Mas juntar venda do gol G4 e G5 podia. Somar venda de gol, fox, up e polo pra chegar perto do onix pode. Vai entender, o mundo pra eles sempre gira a favor da VW …

            • Ernesto

              A própria Fiat fazia isso com o Palio, não?

          • Pete Alves

            Mas principalmente, para os consumidores no Brasil, Fiat e Jeep são separadas. Pois a Jeep goza de um status por aqui, que não tem nos EUA por exemplo, sendo vista por muitos incautos, até como marca premium – talvez muito em função da aurea criada pelos jogadores de futebol e celebridades com seus Cherokee nos anos 90 – enfim, algo bem diferente do que a Fiat representa.

            • Eng Turbo

              Vc tem toda razão. Uma grande duvida da FCA foi no lançamento da Toro, se seria Fiat ou Jeep. Como ela é praticamente o Renegade com caçamba, acharam melhor usar Fiat pela vasta rede de concessionarias em detrimento da imagem, que poderia ser alavancada pelo “Status” da Jeep.
              O caso da FCA é realmente interessante e deve ser levado em consideração.

          • Ernesto

            Eng Turbo, aqui que eu saiba não é um fórum de fornecedores, engenheiros, etc, e sim pessoas comuns comentando sobre o mercado automotivo.

            • Eng Turbo

              Na realidade, os dados tecnicos e em “avanço” vem de pessoas ligadas diretamente ao mercado. Ja identifiquei pessoas de varias montadoras e autopeças aqui no forum, com informações extremamente privilegiadas, coisa que eu fiquei sabendo em uma reunião e no dia seguinte ja estava sendo comentado aqui no forum. Sei que a ideia inicial é referente ao mercado final, de clientes, interessados e curiosos do setor automotivo (O que é muito bom) porém não podemos descartas opiniões de pessoas que estão envolvidas internamente nos dados de produção.

              • Ernesto

                Eng Turbo, também trabalhei neste setor, mais especificamente numa multinacional de autopeças. Mas como falei, a maioria aqui é de pessoas comuns, por isso certas discussões nem deveriam ser levantadas.

    • Anti-Hater

      Não adianta somar Fiat+Jeep+Iveco se a Jeep carregou o grupo sozinha. A Fiat está perdendo valor de mercado e número de vendas a passos largos e sua previsão vai passar é muito longe da realidade, a não ser que você imagine que a Jeep vai crescer proporcionalmente as quedas da Fiat ;)

  • klaus

    Observe-se que tem um abismo de quase 100 mil entre Fiat e Ford

    • Fabio

      Eu sempre tive curiosidade de saber o ranking por faturamento bruto, que no fundo é o que interessa (bom, o que interessa mesmo é lucro, mas o faturamento dá uma ideia maior do “tamanho” de cada empresa). Vender 210 mil Onyx é legal, mas a Jeep vendeu 107 mil unidades só de Renegade e Compass, que são modelos caros. Juntando com as vendas da Toro, com certeza dão um belo faturamento para a FCA, mesmo ela não tendo nenhum modelo entre os campeões de vendas. A Toyota aparece em sétimo lugar, mas certamente fatura mais do que Hyundai e Renault, que quase só vendem carros baratos. Deve faturar mais do que a Ford também.

  • Gabriel

    40º TOYOTA/BANDEIRANTE 24
    43º FORD/F150 21

    Alguém pode me confirmar se esses são via importação direta?

    • Sergio c

      São veículos placas duas letras antigas ou que estavam em algum órgão federativo(forças armadas e outros) mas não foram emplacados, ficando como viaturas operacionais. Agora, após a venda p um cidadão comum, este foi até um Detran p emplacamento, por isso esses números acima.

  • Renato Almeida

    Honda sentindo o efeito da sua política de preços nas alturas para produtos que não necessariamente entregam mais do que os concorrentes. Vendas muito abaixo do projetado em todos os modelos. Acredito que em 2019 a Toyota seja outra que deva cair pelo mesmo motivo, mesmo com a chegada do novo Corolla.

    • leomix leo

      Amigo, sinto lhe informar que Toyota vale cada centavo de aumento, segundo os especialistas, a marca é grife é só rico pode ter ela(aqui no Brasil).

  • José Eduardo D’Acampora Guazzi

    FIAT com a dupla da JEEP – Renegade/Compass deve esta dando risada pois usam mesma base, + a Toro, custam mais de 80mil e venderam muito, combinando os 3 dao quase 170mil unidades com alto valor agregado.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email