Condução autônoma Elétricos Governamental/Legal India Mercado Montadoras/Fábricas

Para preservar empregos, Índia quer proibir carros autônomos

india-2 Para preservar empregos, Índia quer proibir carros autônomos

O governo da Índia quer proibir a entrada de carros autônomos no país. O objetivo é preservar o emprego no país, que tem um grande número de desempregados. Por ano, a Índia perde em média 22 mil motoristas, necessários para atuação no transporte de passageiros.



Para a Índia, tecnologias que tiram o emprego das pessoas – em um país onde o desemprego é alto – precisam ser impedidos. A fim de resolver a queda no número de motoristas, o governo pretende abrir 100 centros de formação de condutores, que deve acrescentar anualmente 5 mil profissionais ao mercado de trabalho.

Além disso, a Índia quer impedir a importação de carros elétricos pelo mesmo objetivo. O governo quer que as montadoras produzam estes veículos no país e assim gerem empregos, sustentando uma nova indústria que será a base do setor automotivo nacional, visto que 2030 será o ano em que as vendas de carros a gasolina e diesel serão proibidas.

[Fonte: Hindustan Times]

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Send this to a friend