Governamental/Legal

Pedágio urbano em São Paulo é defendido por especialistas

pedagio-urbano-em-sao-paulo-e-defendido-por-especialistas Pedágio urbano em São Paulo é defendido por especialistas







No seminário denominado “Mobilidade Urbana”, organizado pelo Instituto de Engenharia e pela Fundação Dom Cabral, de Belo Horizonte/MG, discutiu entre outros assuntos a implatação do pedágio urbano na cidade de São Paulo.

O tema é polêmico, já que afetará a vida de muitos pessoas que utilizam o carro e outros veículos na capital paulista. O prefeito reeleito Gilberto Kassab é contra a idéia de tal instrumento para reduzir os congestionamentos na cidade.

Os especialistas em engenharia de tráfego reunidos no seminário, propuseram várias idéias para implantação do sistema, defendendo sua utilização como forma de redução de congestionamentos e redução no tempo dos traslados feitos pela cidade.

Entre as várias opções, estão a implantação de cobranças por volume de tráfego, valor do IPVA(quanto maior, maior a taxa para ser paga), também levou-se em consideração a cobrança apenas se houver congestionamento, além de outras opções.

Foram discutidas também as excessões para veículos de portadores de deficiências físicas ou veículos elétricos, além da utilização dos cerca de R$1,8 bilhão arrecadados anualmente com a cobrança na cidade, para investimento em transporte público.

O que você, leitor do NA, pensa à respeito disto? Para reduzir os congestionamentos em São Paulo, somente teríamos como opção o uso da cobrança pedagiada?

Fonte: Uol Notícias.



  • LFSP2

    Eu considero a solução, mas tem um problema, nos países em que o pedágio foi implantado já tinham transporte coletivo bom e organizado, primeiro organizem o transporte coletivo para depois começarem a cobrar pedágio urbano.

  • tvs0043

    1. Já derrotamos a MarTAXA porque senão o pedágio era 100% certo de acontecer. Não sei com o Kassab.
    2. Isso é coisa de ambientalista (leia-se idiotice).
    3. O Transp. Público com qualquer prefeito foi é e sempre será uma porcaria, além da falta de investimento, há as pessoas vândalas.
    4. Deve-se fazer obras principalmente beneficiando os carros, como fez o Maluf, o Jânio, entre outros (leia-se alargar avenida, melhorar a marginal), o transp. público merece investimento.
    5. O Pedágio não vai ser investido em transp. público mer*a nenhuma, vai pro bolso dos políticos ladrões
    6. O Pedágio só piora o trânsito (diga-se pedágios da Anchieta-Imigrantes no Verão, já viu como fica em semana entre natal e ano novo?)
    7. Em algumas áreas (são várias) é muito mais viável pegar o carro do que transp. público, chega mais rápido e COM CONFORTO.
    8. Em avenidas com áreas verdes ou terrenos baldios ao lado, deve-se criar novas pistas, pois assim o meio-ambiente fica bom do mesmo jeito devido à diminuição da concentração de carros (congestionamento)
    9. Quem falar que em NY não se usa carro, estamos no BRASIL, e problema deles se eles forem incapazes de melhorar o trânsito de lá.

  • rafael..d

    alem de pagar ipva mais caro
    ter q pagar pedagio mais caro eh sacanagem viu
    nas estradas pedagio eh por tipo de carro nao por valor do mesmo…
    e concordo com o primeiro comentario
    organiza o transporte publico
    e paga com a arrecadaçao

  • Kaique L. Andrade

    [Comentario #117696 sera citado aqui]

    Concordo. Vários comerciais falando para aderimos ao transporte publico, só que pensa bem: Não tem onibus para os poucos que o usa, imagina se um dia todos os motorista decidem deixar seu carro em casa para ir de “buzão”… Já deu pra pra ter uma ideia, né?

  • Siena

    PEDAGIO REDUZIR O CONGESTIONAMENTO ???? NAO SEI DA ONDE TIRARAM ESSA IDEIA!!!
    Com certeza soh vai eh AUMENTAR…e mais impostos pro bolso dos politicos ladroes….EEEE BRASIIIIIIIIL SIL SIL

  • tvs0043

    [Comentario #117702 sera citado aqui]

    [Comentario #117703 sera citado aqui]

    2

  • fr_amaral

    [Comentario #117702 sera citado aqui]

    Concordo!

  • Alex Issao

    isso até parece piada, pq não proíbe andar de carro de uma vez ?

  • FK

    esse blog gosta de falar sobre o transito de são paulo precisa ver ideias novas ,com tanta ideia boa ,precisa de ver o transito de outras cidades não só de sampa. são paulo vem copiando muitas ideias ,mas vem errando muito ,aquela ponte que vem sendo ponto turistico ,não tem passagem para pedestres ,é um erro ,sendo um ponto turistico so pra ser visto e observado dentro de carros ,como vão tirar fotos em movimento?

  • rafael..d

    a ponte estaiada nao tem passagem de pedreste pq nao eh essa a intençao
    e com certeza nao deve haver nenhum pedestre q tenha a necessidade de passar por la

    ela foi feita para desafogar o transito
    apesar de haver muitas outras obras melhores pare serem feitas do q aquela

  • luky

    5. O Pedágio não vai ser investido em transp. público ****a nenhuma, vai pro bolso dos políticos ladrões (2)

    Isto é a maior verdade…. caso idêntico com o que ocorreu com a CPMF, que era pra ter sido investida na saúde pública.

    Se os 40 bilhões anuais de CPMF tivessem mesmo ido pra saúde esses anos todos, nós teríamos no Brasil um sistema público de saúde de dar inveja ao resto do mundo!

    Da mesma forma, essa roubalheira que é o tal do pedágio.

    Já pagamos impostos demais nesse país. Além do IPVA exclusivo dos veículos, se a parcela de ICMS e IPI que é devorada pelo leão no preço dos automóveis 0km fosse investida 100% no trânsito, mais uma vez estaríamos morando numa Alemanha cheio de autobahns e livre de pedágio.

    Na década de 1920, o presidente Washington Luís já dizia: ‘Governar é construir estradas’

  • Claudio

    *A cidade não anda porque esta inchada!
    *É mais fácil para eles cobrar pedagio pra tirar carros das ruas do que trabalhar sério fazendo o que realmente precisa!
    *Que adianta isso, se continuam fazendo cada vez mais prédios uns mais altos que os outros, ninguém peita o ramo da contrução,vai ficar que nem NewYork, nem taxi resolve!
    *Por acaso alguém vai diminuir o imposto de quem andar menos?
    * Os políticos pra variar, desviam dinheiro,não fazem o trabalho de casa, e a cidade fica um caos! Se cada um que entrasse em São Paulo tivesse feito algo decente polo tranporte, hoje a cidade seria um espelho de modernidade para o mundo e não esse lixo!
    Vender carro e cobrar imposto todo mundo quer, agora se vamos conseguir rodar com esses carros ai é problema nosso!
    * Lindo não, e depois nas eleições eles vem com a mesma conversa mole, pedindo votos, cambada de….

  • yasu

    Se o transporte público fosse de qualidade eu acho que até engoliria o pedágio.

    Mas o trânsito é ruim pq o transporte público é péssimo, por mais que eu demore 1 hora de ir para casa ao trabalho que fica a 20kms de distância se eu fosse de ônibus levaria 1:40 e ainda ficaria espremido com um monte de gente em ônibus lotados.

    Imagina só se eles cobrarem pedágio o número de pessoas que vão começar a usar o transporte público vamos ter congestionamento pra subir no ônibus daí.

    Invista em transporte público de qualidade, daí conversaremos sobre a necessidade ou não de um pedágio, cobrar pedágio agora é só mais uma penalização na sociedade.

    Como se já não fosse o suficiente o fato de ter de pagar um seguro de automóvel altíssimo por culpa da falta de segurança, um IPVA caro para andar em rua esburacada e congestionada, teriamos que pagar ainda o pedágio.

  • wotan

    SE aqui tivesse a rede metro igual a de Londres, aí sim poderia se discutir esse pedágio, o negócio não é dimimuir o transito é arrecadar cada vez mais.

  • wilber

    Em uma cidade sem transporte coletivo que preste, essa idéia é tão idiota que deveria ser acompanhada com a proibição de venda de veículos.

    Como farão as pessoas pra chegarem aos seus destinos sem transporte, por que ônibus e metrô não tem.

    Vejam se na região central o trânsito é só de brasilia e chevette ou são carros novos.

    A Conclusão é, mais uma idéia pra tungar a nossa grana, cambada de VAGABUNDOS!

    E os carros da Câmara, Assembléia Legislativa, Prefeitura, Promotores, Juízes e viaturas do Governo do Estado vão pagar o pedágio? Certamente NÂO! E vão ficar carregando apadrinhado pra tudo quanto é canto.

  • Jassa Murtab

    Expecialixos dizem:
    “Entre as várias opções, estão a implantação de cobranças por volume de tráfego, valor do IPVA(quanto maior, maior a taxa para ser paga), também levou-se em consideração a cobrança apenas se houver congestionamento, além de outras opções.”

    Se a moda pega isso tem de se espalhar para todo o brasil. Imaginem eles só querem “resolver” a situação de congestionamento assaltando o bolso do proprietário do automóvel. IPVA, Licenciamento, Seguro Obrigatório, Pior Gasolina do Mundo e a mais cara, buracos nas vias, falta de segurança, isso é muito pouco!
    Realmente ainda temos que adquirir os piores e mais caras carroças do mundo.

    Cobrança de pedágio? Só mesmo brasilóides para abraçar esta fatídica idéia! :hauhau: :banana:

  • Luis.J.R.

    Acho que vou para o interior mesmo?Porque morar na capital tá uma b***.Agora investir pessado em transporte publico ninguem quer. :asner:

  • Pereira

    idéias para melhorar o transito:

    1 – aumentar o numero de corredores de ônibus e colocá-los em mais avenidas principais de grande porte como a 23 de maio (corredor norte-sul), incluir corredor em avenidas grandes que ainda não possuam (ex: vital brasil e corifeu de azevedo marques; inajar de souza (ida e volta))

    2 – adequar os corredores para que todos sejam centrais, mesmo em avenidas que já possuam corredor na direita, e principalmente, incluir nas avenidas de grande porte pagamento antecipado (no ponto, como é feito em Curitiba), com ônibus de maior porte (bi ou tri articulados) nestes corredores grandes

    3 – aumentar o numero de vias aéreas como o elevado costa e silva em avenidas como a radial leste

    4 – aumentar o numero de linhas intra-bairro circulares afastados do centro expandido, evitando que muitos precisem se deslocar para o centro(ex: limão – cachoeirinha – jaçana ou (saopemba – são mateus – itaquera)

    5 – fazer corredores exclusivos para motos nas principais vias da cidade

    6 – mais metro (chover no molhado….)

    7 – mais trens para as cidades vizinhas, evitando que veículos da grande sp venham a entrar no centro (ex, cotia – sp, ao longo da rodovia raposo tavares)

  • Dr. guilherme

    1) Pedágio (progressivo) 2)diminuição do ipva e dos impostos (carro mais barato, pois brasileiro compra lixo a preço de mercedes) 3) Implantação de corredores em duas faixas em cada sentido, sobrando apenas uma aos carros 4) Linhas expressas de onibus luxuosos e sincronização dos faróis com os ônibus, para que eles não parem 5) Implantação de passarelas coerentes e vias para bicicletas 6) aproveitamento de ruas para levar fluidez ao tráfego (proibição de estacionar na rua)
    Resumo: todos poderemos ter um carro de melhor qualidade em casa para viajar, sair com a namorada, carregar uma bagagem maior, levar namorada ao motel etc. No entanto, só vamos utilizar o carro uma ou duas vezes por semana e nos outros dias apenas usarei um onibus de qualidade e rápido, lendo um livro.


Send this to a friend