Citroen Europa Hatches Mercado Peugeot

Peugeot 108 e Citroën C1 devem sair para criação de Stellantis

Peugeot 108 e Citroën C1 devem sair para criação de Stellantis

Assim como os motores diesel, os subcompactos também estão em extinção na Europa. A conta não anda fechando para algumas marcas e, enquanto o segmento vislumbra um futuro elétrico, os produtos comuns morrem.


De acordo com a Reuters, três fontes da PSA informaram que a montadora já decidiu pelo fim dos modelos 108 e C1 de Peugeot e Citroën, respectivamente.

A decisão ocorreu após o encerramento da parceria com a Toyota na produção de carros subcompactos, já que os dois modelos são derivados do Aygo. Além disso, a saída da dupla visa adequar a PSA à fusão com a FCA, criando assim a Stellantis.

Dos dois lados, mudanças já foram feitas e outras ainda devem ocorrer até a concretização do negócio, no primeiro trimestre de 2021.

VEJA TAMBÉM:

Para a PSA, será uma alívio se livrar dessa dupla, uma vez que o Euro 6D iria impor filtros mais caros para conter a emissão de CO2, o que impactaria diretamente na margem de lucro.

Peugeot 108 e Citroën C1 devem sair para criação de Stellantis

Outro ponto é que a PSA já tem projetos para substituí-los de fato e eles envolvem a plataforma modular CMP, especialmente relacionados com projetos como o SC24, um crossover compacto da Citroën.

Na Peugeot, o equivalente deverá ser o 1008, que também faria as honras da casa no segmento de utilitários esportivos baratos. Naturalmente, os dois novos produtos terão versão 100% elétrica e com bateria de 37 kWh ou menos que isso, algo proposto até para um 208-e mais em conta.

O Novo C3 europeu (SC21) também será 100% elétrico e compensará o preço maior com os incentivos. Com relação à mobilidade urbana, a Citroën tem o Ami, que leva a marca parisiense para um novo mercado onde a propriedade do automóvel pode ser deixada de lado.

Marcas como VW, Skoda e Seat ainda mantém seus pequenos, assim como a Toyota. Mas a eletrificação e a “crossoverização” os converterão em carros mais atraentes (comercialmente) logo mais.

[Fonte: Autoblog]

 

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

      Quem somos

      O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por 15 anos. Saiba mais.

      Notícias por email