Hatches Mercado Peugeot Sedãs

Peugeot 308 e 408 saem do mercado brasileiro

Peugeot 308 e 408 saem do mercado brasileiro

A Peugeot deixou de comercializar os modelos 308 e 408 no mercado brasileiro. A dupla argentina, feita em El Palomar, região próxima de Buenos Aires deixa o Brasil após muitos anos de presença. Em 2018, o hatch médio vendeu 434 unidades, enquanto o sedã emplacou somente 739 exemplares.


Com volumes tão baixos, a marca francesa retira as ofertas do mercado, centrando-se somente nos modelos 208, 2o08, 3008 e 5008, bem como na multivan argentina Partner, que tem boas vendas por aqui. Os novos comerciais leves Expert e Boxer também reforçam o time de produtos de trabalho da empresa no país.

A Peugeot deverá vender os estoques de 308 e 408, mas garante a assistência técnica e garantia dos que já foram vendidos. A dupla de médios continuará a ser feita em El Palomar, atendendo o mercado vizinho, mas isso não deve ocorrer por muito tempo, visto que a planta passará a fazer os carros com plataforma modular CMP em 2020.

Peugeot 308 e 408 saem do mercado brasileiro


Nos últimos anos, após o facelift, os Peugeot 308 e 408 estavam sendo oferecidos na versão Business para frotistas, que tinha preço de R$ 69.990, sendo equipados com motor 1.6 THP Flex de até 173 cavalos e câmbio automático de seis marchas. As versões Griffe também eram oferecidas, tendo conteúdo melhor.

O Peugeot 308 chamava atenção pelo visual esportivo e volumoso, tendo ainda teto panorâmico como destaque, assim como painel com cluster claro e multimídia com tela retrátil. Já o 408 se destacava pelo amplo habitáculo, graças ao entre eixos longo, tendo ainda porta-malas espaçoso.

Com a saída destes dois produtos, a Peugeot passa a atuar somente nos segmentos de hatch compacto e utilitários esportivos, segmento que vem crescendo nos últimos anos. O 208 é feito em Porto Real-RJ e deve permanecer nacional até a chegada da nova geração, que será feita na Argentina. Já o Peugeot 2008 deve seguir por aqui, embora a próxima geração também seja feita sobre a CMP.

Peugeot 308 e 408 saem do mercado brasileiro
Nota média 5 de 3 votos

  • Dieizon Guidetti

    Tenho um, é um bom carro. Demorou até muito para sair do mercado.

    • Rafael Schissi Teixeira

      Também tive um (408 Griffe THP), excelente carro, assim como as concessionárias na região que eu moro (SC). Mas o mercado realmente não ajudava (alta desvalorização e dificuldade de venda).

    • André

      Eu concordo, o 408 é espaçoso, confortavel, gostoso de dirigir e tem um ótimo motor. Tinha a versão Business por 69900,00, e nem precisava ser pcd. Mas realmente, o projeto já estava cansado, tem opções bem mais modernas. O C4 Lounge deve seguir o mesmo caminho por ser da mesma plataforma.

    • Nicolas

      Tive um 307 2005 e 2007, creio que surgiram em 2002 no Brasil. Na época eram tops, lembro que fiquei maravilhado quando entrei pela primeira vez. Mas desde 2002 o chassis é praticamente o mesmo, 16 anos, morrer de velhice.

  • MauroRF

    Seriam estes, principalmente os Griffes THP, uma boa opção de usado agora?

    • loociano

      Sim, são carros muito bem equipados, espaçosos e com um motor excelente. Vc acha o último ano com “cara antiga” (e mais equipamentos, como ar condicionado nos bancos traseiros, que foram perdidos no facelift, entre outras coisas), 2015, por 50mil. Com essa grana, da pra comprar um… Ka 1.0 completo?

      • T1000

        Com essa grana a pessoa escolhe se quer dormir com uma mulher ou com um mecânico.

        • BMWM

          Já teve um?

        • leomix leo

          Isso só acontece se vc for negligente com a manutenção.

        • TchauQueridos

          Boa!

      • Lucas

        50 mil um 2015? Joga 40 no peito do dono que sai fácil. Mas é um bom carro, realmente.

        • Eng Turbo

          308, 408 e C4 Lounge 2015 ta na faixa de 40k…isso os modelos THP Top de linha!!

          • Pedro Mueller

            Os modelos abaixo de 2016 não valem a pena, são muito beberrões.

        • Pedro Mueller

          Ah tá, me diga quem entrega um 308 inteiro, acima ou igual a 2015 por 40k. Pode até comprar alguma porcaria, mas um modelo pra não se incomodar, com bx km e manutenção em dia não sair por menos de 48k.

          • Lucas

            Pior que tem. Infelizmente, já que é um carro que com toda a certeza vale bem mais que 40 mil. Estou procurando um carro de até 50 mil pro meu filho e já encontrei alguns 308 2015 com baixa km nessa faixa de preço, assim como um C4 Lounge THP 2015 com 15 mil km por 42 mil reais., Alguns Sentra top de linha 2014 e com baixa km também saem por pouco mais de 40 mil. Todos são boas opções, porém injustiçados.

      • TchauQueridos

        50 mil vou de Civic LXR.
        Se o PUG em linha já encalhava, imagina agora.
        Não vende, tem que doar.

        • Pedro Mueller

          Civic LXR 2012 de vovô? Ou um 308 THP 2015/16 com ESP? Me desculpa….
          Se for falar de civic venha me falar num EXR pelo menos não essas carroças LXR 1.8.

    • Cássio

      Vai ter a resposta a essa pergunta quando for vendê-lo.

  • Airplane

    RIP (Rest in peace) !

    • JOSE DO EGITO

      PSA inicio do fim aqui no Brasilllll

      • Junoba

        É uma reestruturação da empresa. Estão focando em SUVS, o mercado mais rentável atualmente.

        • thewes

          Aham, senta lá. Essa conversa da reestruturação existe há dez anos. Primeiro, era o 307 que mudaria o status da marca. Nada mudou. Depois, o 308/408. E nada mudou. Aí, vieram com o papo do 308 europeu. Nada. Depois, o super 2008 faria a empresa sair do buraco. E segue no buraco…

      • Robert Dniro

        Até o leão da marca se você reparar bem ele faz um gesto com as patas “ó se fud…” , rsrs, brincadeira rsrsrs.

        • JOSE DO EGITO

          sinceramente eu nunca vi um leao tao delicado como esse do logo da PUG !!

      • Pedro Mueller

        Concordo, a PSA só faz bobagem aqui e na Argentina. 2008 sendo engolido pelo próprio primo Cactus. E a PSA insiste em fazer 208 e 2008 sem ESP (modelos AT)

  • SDS SP

    Bons carros, mas já estavam moribundos há tempos. Impressionante ter durado até agora em nosso mercado.
    RIP…

    • Cláudio Modesto

      Nosso mercado é moribundo.

      • Zé Mundico

        Na verdade nosso mercado é até “movimentado”, o problema é que é pobre.

        • leitor

          Ou seja, sem o mori.

  • Mr Tony

    Bons conceitos saindo como esses carros, o Focus…Mercado tá ficando chato….

    • 4lex5andro

      Depois do fim das peruas, os sedans são o próximo alvo, é a era dos SUV. Complicado.

  • Alexandre

    Tive um 308. Não tenho saudades nenhuma. Dele fui pra um A3 e depois Classe C, tb pq teria? hahaha. Mas o principal motivo que o detestava era a péssima qualidade do som…

    • Cláudio Modesto

      Os falantes eram de papel, eu troquei por Pioneer quando tive um.

    • Pedro Mueller

      Está comparando banana com maça.

  • Cláudio Modesto

    Uma pena.
    Logo o 208 sai tmb. Não atualizam o carro, fica defasado 10 anos.
    Pq não trouxeram o 308 europeu na mesma época que a vw trouxe o MKVII?

    • Luconces

      Pq as vendas dos médios já não eram as melhores e a tendência era SUV.

      Segmento dos médios deve ficar restrito ao Golf.

      • Dherik

        Pelo caminhar das coisas, só vai sobrar o Cruze Sport6

        • Luconces

          Até a GM resolver tirar de linha… Por hora a VW foi a única que não fez nenhuma menção em parar a produção do Golf.

          • Dherik

            Mais ou menos. Vão deixar o gti e trazer o elétrico, mas por preços estratosféricos. No México vão parar de produzir e no Brasil, com a chegada do TCross, vão priorizar a producao do SUV. Acho que o 1.0 e 1.4 turbo duram mais este ano só.

            Ps.: Adoraria estar enganado.

            • Luconces

              Sim mas a VW disse que se fosse ofertar, seria apenas o importado. Produção apenas Made in Germany!

            • D34D P00l

              Eu vi algo naquele blog VW que eles já pararam a produção dos 1.0 e 1.4.

              • Dherik

                A notícia é sensacionalista, não confie naquele blog. Pararam a produção dos 2018, não quer dizer que pararam toda a produção. Todo ano isto acontece em algum momento com qualquer carro. Mesmo com o risco do Golf parar de ser fabricado (o que não seria novidade para ninguém), a notícia é sensacionalista.

              • Cássio

                Aquele blog da VW anunciar uma coisa dessa? num credito!

          • Eskarmory .

            É até uma ironia, pois ignorou o Brasil por quase 10 anos no que diz respeito do Golf quando pulou duas gerações antes de trazer o novo (Milagrosamente). Agora tem chance de ser uma das únicas vendendo um modelo do referido segmento.

          • Pedro Mueller

            COnheço gente de dentro da plnata da VW de SJP e digo que é questão de tempo.

        • Pedro Mueller

          Cruze HB? o carro não vende nada, até o Cherry Tiggo vende mais,.

    • fsjal

      Eu adoraria ver o 308 novo rodando por aqui, mas entendo a posição da marca.
      O mercado de hatch médio morreu no Brasil. Nem o Golf deu jeito (o preço alto contribui). Não tem pq investir num carro que não vai vender.

    • Pedro Mueller

      208 sai tbm? 10 anos? o 208 entrou aqui em 2013.
      308 europeu fio? Golf não vende nada, Focus morreu e Cruze GM plasticaria estão agonizando no mercado.

  • Rodrigo

    Um outro modelo da PUG que acho deixou de ser oferecido é o 2008 Griffe THP. Pelo menos não aparece mais no site.
    Saiu mesmo?

    • Luconces

      Não, ele está dentro da Griffe mas ainda apenas manual.

      • Rodrigo

        Não tá não. Tenta configurar. Se estiver me ensina pois eu realmente não achei.

      • Rodrigo

        Desconsidere. Fui configurar de novo e encontrei a opção.

  • Marcus Vinicius

    Boa oportunidade de a peugeot trazer da França o novo 308 GTI !

    • Faheina

      Sonhar não custa nada
      Não trouxe a civil vai trazer a esportiva e muito mais cara?
      🎶Its impossible🎤

    • Zé Mundico

      De ilusão também se vive…..rsrsrsrs

  • FREDRED

    PSA, foquem em SVUs eu dou a dica grátis do que deve ser feito com o 208.
    Active: mantenha do jeito que está.
    Active Pack: tire de linha
    Allure: com motor 1.2 turbo/aspirado automático/manual.
    Griffe: com motor 1.2 turbo de 130 cv at
    Gt: mantenha do jeito que está.

    • Luconces

      Adiciona as barras laterais mais ESP em todas versões que fica show.

    • Edson Fernandes

      Allure 1.2 turbo: Se já tivesse eu teria trocado de carro.

  • Domenico Monteleone

    Mais dois carros que só faziam sucesso aqui no NA.

    • Junoba

      Pois é. É igual mulher, diz que gosta de homem manso e bonzinho mas na hora H fica com o malandro. Kkk

    • Edson Fernandes

      Alguns compram como eu comprei um Fluence que já foi queridinho por aqui.

      • fschulz84

        E eu tive dois dos “queridinhos”: Fluence e 208

        • Edson Fernandes

          heheheheheeh

          Mas se for pensar assim… eu tive um Uno…. e tbm um C3… aí é tudo “lixo” para o mundo do NA comments…rs

      • thewes

        Legal! Fluence foi um sonho de consumo. Mas peguei o 308 thp na época. Os “excluídos” são bons carros, ainda mais se você entender ou tiver um mecânica de confiança. Aí, é só alegria.

  • RKK

    Peugeot 308 tinha até um ótimo powertrain com motor 1.6 THP + câmbio AT6, o problema era a defasada carroceria e direção hidráulica.
    Quanto aos produtos remanescente (208 e 2008), é bom a PSA melhora-lo se não quiser sair fora do mercado: introduzir controle de estabilidade ESC/ESP e barras de proteção lateral.

    • fsjal

      É eletro-hidraulica a direção. Mas comparado a uma direção elétrica, parece que nem assistência tem. É bem pesada.

      • Unknown

        Igual a da Duster, um chumbo!

      • T1000

        O que diferencia uma direção é a calibração do sistema, não se é hidráulica ou elétrica.

      • Edson Fernandes

        Posso estar errado, mas o 308 tinha progressão no peso, ao contrário do Duster que é sempre pesada.

        • andrei Pereira

          Sim. A direção fica mais pesada a medida que a velocidade aumenta.

        • fsjal

          Eu acho pesado o tempo inteiro kkk

          • Edson Fernandes

            Mas tem progressão…kkkkk

    • andrei petreira

      Carroceria defasada em relação a Europa, mas, ainda superior a vários modelos novos no BR. Materias de ótima qualidade, seguro, boa rigidez torcional, quem aqui já teve certamente deve ter escutado “que porta pesada.”

  • Zé Mundico

    Tive um 408 por quase 1 ano e só posso dizer que o carro era uma nave. Completo, confortável, os bancos pareciam sofá de suíte, motor presente e suspensão decente. Tá certo que o consumo era apenas razoável, fazia uns 7 km/l na cidade, mas na cidade respondia bem e na estrada era um foguete.
    Durante 1 ano só tive problemas de regulagem e acertos de acabamento e tive que remapear o módulo, mas tudo dentro do convencional.
    Só tive que vender porque precisei de um carro maior para a família. Caso contrário, não teria nenhum problema em ainda estar com ele.

    • e3965

      Que isso, amigo, que família é essa que um 408 não deu conta e precisou de um carro maior?

      • Zé Mundico

        Patroa com duas crianças. Depois você vai ver como é bagagem de mulher, parece uma mudança, se bem que o porta mala do 408 é enorme.
        Mas comecei a viajar para serras e precisava de mais espaço para trazer a feira da quinzena. Aí peguei um Outlander.

        • T1000

          Rapaz admita q vc estava afim da Outlander, pq no passado a gente viajava de gol quadrado 4 pessoas com bagagem para 1 semana e cabia tudo. Tinha familias que viajavam de fusca e cabia.

        • Edson Fernandes

          Vc não precisava de um carro maior. Vc trocou por gosto vai….

          • Zé Mundico

            Pior que precisava mesmo, mas surgiu uma oportunidade imperdível e não deixei passar. Juntou a fome com a vontade de comer…

    • Junoba

      7km/l é um consumo bem exagerado pra um sedã médio.

      • leomix leo

        Em minha cidade o venerado Corolla no etanol não passa de 5km/L, e uns 8 na gasolina, não tem diferença, na estrada se andar igual a um Coroa faz 9/10km/L com etanol e 12/13km/L na gasolina, nada fora do normal, a galera que fala que ele é econômico não sabe o que é carro econômico.

        • Edson Fernandes

          Pois é…rs

          E depois dizem que o Fluence é beberrão e faz a mesma média do Corolla…rs

  • Dherik

    Estou começando a ficar bem preocupado.

    Todos os hatches médios deixando o mercado ou perigando de sair. Com a chegada dos elétricos, aplicativos e carros autônomos, parece que o fim dos carros a combustão será triste e melancólica, com um monte de SUVs rodando por aí até definharem.

    Não é um final digno para este ciclo da indústria automotiva. Malditas SUVs!

    • Eskarmory .

      Era apena uma conjectura, mas se tornou real.

    • T1000

      Fica tranquilo que carro elétrico vai demorar a pegar no Brasil. O sistema elétrico do país não suporta.

      • 4lex5andro

        Pois é, com as chuvas irregulares no país, o parque hidro-energético já sofre risco de apagão, se houver um up da demanda via carros/ônibus elétricos vai demandar uma oferta que o Brasil provavelmente não tem.

  • BMWM

    Boas opções no mercado de usados.

  • Claudio Fiorini

    Se é para deixar de ofertar modelos que não vendem nada, então não sei o que a Peugeot ainda está fazendo no Brasil.

    • e3965

      Isso é, se for para tirar carros da linha que nao vendem bem, então tem que tirar todos.

    • Zé Mundico

      Mas o objetivo da montadora não é vencer campeonato de venda de carros e sim de lucrar com o que vende.

      • JOSE DO EGITO

        Todo mundo sabe que PSA é DEFICITARIA no Brasil

        • Edson Fernandes

          Não é não. Para os olhos do mercado a impressão é essa. Para o movimento da fabrica não.

          Para eles, eles estão felizes em saber que vendem o que tem de demanda. Pense que eles tbm tem vendas significativas na Argentina. Isso ajuda demais a diminuir qualquer situação de risco. Logo, naõ estão tão mal assim.

        • andrei Pereira

          Pq não vende como as outras? Nem sempre quantidade significa lucro, a GM ta ai com o onix e chorando arrego p governo.

  • Tom Costa

    Tenho há 1 ano um 408 manual 2.0 2012. Comprei beeem desvalorizado, então não tem muito o que cair ou perder. Um carro excelente na mão de quem cuida do carro. Peguei com 67.000km e está com 80.000km, fora coisas de desgaste natural, o único defeito foi a tampa de válvulas, que custou 400,00 e troquei em casa. Talvez eu anuncie sem pressa daqui a 1 ano. Não sei porque brasileiro tem tanto mimimi com carro francês, é um carro, não um trator agrícola.

    • Junoba

      Vale muito a pena comprar esses carros por causa da desvalorização, e os preços cairão mais ainda com o fim da linha. Pra quem precisa de um carro bom e bararo, mas na importa com a revenda, é um excelente negócio.

      • Dherik

        Exato. Estou de olho nos Focus agora. Não me agrada mais motor aspirado, mas pode aparecer um bom negócio.

        • Edson Fernandes

          E pensar que se a Ford ofertasse por R$85000 o titanium plus (hatch) eu compraria mesmo 0km.

    • Zé Mundico

      Pois é. Brasileiro é tão obcecado com essa conversa de desvalorização que não consegue entender que o preço que você paga a menos HOJE já é o ganho que você tem quando for vender AMANHÃ.
      Assim, comprando barato HOJE você já antecipa e dilui a revenda no futuro.
      Mas vai explicar isso para os “jênios”………

      • André

        Sem contar o custo do investimento inicial, principalmente pra quem vai financiar, quanto mais caro, mais juros e o valor do carro aumenta mais ainda.

      • Tom Costa

        Antes desse, tive um C3 2010 exclusive. Usei quase 3 anos, comprei por 16.000 e vendi por 15.000. O 408 comprei por menos de 26.000 e na fipe estava 33.000. Quando for vender, anuncio na fipe e pego 24-25.000. Mas tem gente que vive reclamando de depreciação mas só compra carro okm, aí compra por 100.000 e vende por 60.000 e fica chorando pitanga.
        Custa muito pro brasileiro entender que carro é sinônimo de despesa, mas acham que é investimento.

    • Edson Fernandes

      E mesmo trator agricola precisa de estar bem revisado, pq senão quebra tbm!

  • Mauro Banqueiro

    Franceses e seus carros que sofrem preconceito….

    • Unknown

      Não à toa…

      • Mauro Banqueiro

        E o fim deles

        Em qua, 13 de fev de 2019 13:26, Disqus <notifications@disqus.net escreveu:

  • fsjal

    Já era esperado.
    Comprei meu 308 no final de 2017 já esperando que isso ocorresse em 2018.
    Já sabia que seria casamento, mas não me arrependi. Comprei um belo carro por um ótimo valor.

    • Dherik

      Se o desconto foi bom, vale à pena. Quase fiz o mesmo, mas não gostei do preço e não fechei.

      • fsjal

        Paguei 70 mil no Roland Garros 17/18, que é o Griffe com adesivo…. menos do que eu pagaria num Fit EX. E não dá nem pra comparar os carros.

        • Edson Fernandes

          Essa versão é legal pelos bancos com detalhes em tom claro. Pra mim, seria a perfeita versão em minha escolha.

          E 70k 0km mesmo sendo desse periodo? Otimo!

          • fsjal

            Comprei em novembro/2017. Achei o preço excelente e nada nessa faixa de preço oferecia o que o 308 tem.

            Quantos aos bancos, se fossem só detalhes em tom claro estaria bom, mas o banco é inteiro em cinza claro. Péssimo. Suja demais.

            • Edson Fernandes

              Eu já gosto. Meu Fluence tem bancos cinza claro e não suja com essa facilidade não. Por isso é um destaque do carro que eu cito sempre.

        • andrei Pereira

          Se a sua intenção era pegar um carro bom e barato. Ta aí

  • leitor

    Os carros estão muito caros. Além disso a qualidade do que se dispõe no Brasil é inferior. Então ficam aqueles que em suas categorias despertam mais interesse. Onde o mercado é mais desenvolvido os carros são escolhidos por algum diferencial. No Brasil o diferencial é ter o carro. Assim, ter detalhes secundários não significam muito no Brasil.

    • Zé Mundico

      Essa é justamente a nossa conta que não fecha:

      + liseira do consumidor
      + crédito caro (juros)
      + baixo investimento tecnológico
      + obsessão tributária do governo
      ______________________________
      = mercado limitado a modelos básicos, caros e de baixa qualidade.

      Ou como já dizia o profeta Zé Limeira : ser pobre é um aprendizado de gerações, inclusive das futuras.

  • leitor

    Falam que a plataforma ou projeto são antigos. Se fossem novos como estaria o mercado pra os mesmos?

    • Dherik

      Não muito diferente. Mas confesso para você que quase comprei um (usado) e isto pesou na minha decisão de não comprar

      • 4lex5andro

        No sul, basta atravessar a fronteira com o Uruguai que se encontra o modelo atual do 308, importado.

    • leitor

      Não quero dizer que não devam ser renovados. Mas só serão renovados se valer a pena. Esse caso no Brasil é um pouco diferente e mais difícil nos países de origem. Projetos novos no Brasil só são bons para quem busca mais e pode ter um carro novo. O carro ainda é muito caro por aqui. Além do povo ter pouco dinheiro.

  • andrei petreira

    O que será que contribuiu mais a marca ou a categoria?

  • 4lex5andro

    Foram o 408 e o 307 reestilizado que saíram do país.

    O Peg. 308 não saiu do Brasil por quê na verdade nunca veio.

    • Edson Fernandes

      Então tá bom… o 408 que é um 307 sedan , nunca existiu também.

      • 4lex5andro

        Exato. São só reestilizações de carros já existentes. O fabricante vai e dá um nome ”novo” e fica tudo ”serto”.

        • Edson Fernandes

          Na verdade esse foi justamente o erro com esses carros. Foi um facelift que quiseram colocar outro nome. E esse nome custou caro: Ninguem aceitou que eles custassem muito mais por ser o mesmo carro anterior.

  • Janrier Wendel

    Tenho com 408 THP 2012 vermelho( acho mais bonito que o reestilizado) desde zero e hoje está com 100mil Km e não troco por carro nenhum. Confortável, não da manutenção, um foguete na estrada e um ótimo acabamento. Coloquei som da Rockford Fosgate porque o som era ruim no mais tudo original. Pensei várias vezes em trocar pela idade mas gosto demais do carro. Por enquanto não vendo. Faltava mesmo era uma nova geração.

  • Fabiana Grassi Castro De Olive

    Cadê a fonte da materia? Não tem nada na Sala de Imprensa

  • Paulo

    Minha esposa tem um 408 thp flex 15/16, pegou 0km e vai fazer 3 anos agora em abril se não me engano.
    Reclamação foi apenas uma, barulho na porta dianteira do passageiro, resolvida em revisão junto com outras coisas que eles acharam e a gente nem tinha percebido, depois fui ver como eles descobriram outros barulhos, a “pista” de testes deles é tipo solo lunar! rsrs
    No mais, revisões com valor tabelado, nunca empurraram nada, atendimento educado e prestativo, chegaram a trocar as palhetas sem me cobrar e carro entregue sempre muito bem lavado.

    Na compra, eu considerei um bom negocio, pagaram tabela no fusion 12/12 entregue e com a diferença de valor que paguei, o 408 saiu por 74.000 reais. Lembro que de tabela era anunciado por 91.500 ou 92.500 na cor branco perolizada que foi o comprado.
    Agora em relação a venda, faz mais ou menos 1 mês que minha esposa começou de olhar algumas coisas e já fizeram algumas avaliações no 408, as melhores ficaram entre 52 e 56 mil reais e por acaso o que ela mais gostou foi justamente onde pagam 56 mil.
    Baseado no que falam por ai, não achei que o 408 foi mau negocio.

    • Marcelo Martins

      Tenho um 17/18 e tb muito satisfeito com o carro e com o atendimento na css .!!!
      Lamento que não vão mais vender no país, perdemos uma ótima opção por preconceito e pré-conceito dos brasileiros que só criticam sem base e sem conhecer o carro …

  • Faheina

    Que eu saiba a importação deve ser do país de origem.
    Fosse assim. Todas iriam. Fazer o jeitinho brasileiro pra embol$ar ainda mais

    • 4lex5andro

      Certo, então, pode ser que haja essa restrição legal {importar do país de origem}. Mas entretanto, não seria ”jeitinho” se fosse permitido legalmente, pelo contrário, poderia beneficiar o consumidor final.

      • Faheina

        Como não é permitido o comércio via país atravessador. Permanece o proibido. Segue o baile

  • Alessandro Rodrigues

    Ver dono de Pug tentando vender o peixe é uma maravilha. Mas nem o marketing da Coca-Cola pra ajudar nesses 50k pedidos aí.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email