Elétricos Esportivos Europa Híbridos Peugeot

Peugeot vai eliminar sigla GTi de híbridos e elétricos esportivos

Peugeot vai eliminar sigla GTi de híbridos e elétricos esportivos

Após a primeira fase da eletrificação em massa dos carros, o mercado deverá vislumbrar uma segunda etapa interessante, que deverá buscar clientes de carros esportivos e entusiastas de alta performance. Algumas marcas já estão nessa fase, como Tesla e Porsche, por exemplo.


Entretanto, no futuro mercado de carros elétricos, as massas também terão seus modelos esportivos e todo mundo vai quer sua vaga no grid, inclusive a PSA. No entanto, diferentemente da Volkswagen, a Peugeot não seguirá com a famosa sigla GTi, que é bem representada em seus modelos 208 e 308, por exemplo.

Na marca francesa, a eletrificação se dá de duas formas: híbridos plug-in e elétrico puro. Para cada caso, haverá produtos diferentes no segmento de esportivos. No primeiro, a Peugeot focará em carros maiores e de boa representação, como o Peugeot 508 Sport Engineered.

Peugeot vai eliminar sigla GTi de híbridos e elétricos esportivos


Ele chega ao mercado com 350 cavalos, um pouco a menos que os 400 cavalos do conceito. Como se trata de um produto de margem maior, a PSA pode ainda aproveitar um propulsor 1.6 Puretech Turbo para ser mesclado com energia elétrica. Isso deve atrair o público que ainda não está pronto para eliminar totalmente o combustível de suas vidas.

No caso do Peugeot 208 GTi, seu futuro é ter um fim em breve. Para quem gosta de hot hatch, será uma perda grande na Europa, mas para a PSA, isso significará trazer uma proposta diferente, um esportivo baseado no e-208. Como a média de emissão precisa ser contida, carros de maior volume precisam ser mais eletrificados que os que menos vendem.

Ainda não se sabe qual será a identificação desse e-208 esportivo, mas sabe-se que terá em torno de 200 cavalos e baterias de 60 kWh, que até mesmo poderão reduzir seu porta-malas. Estima-se em 400 km sua autonomia. Não é uma diferença tão grande para o elétrico atual, mas a programação deve faze-lo mais rápido que o 208 GTi de hoje.

[Fonte: Foro Coches Eléctricos]

Peugeot vai eliminar sigla GTi de híbridos e elétricos esportivos
Nota média 4.7 de 3 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • eu não gosto de café

    Prius é taxi

  • Não puderam usar aqui no brasil porque a vw patenteou a sigla. kkkkkkkkkkkkkkk só aqui mesmo… poste mijando no cachorro.

    • Lucas Silva

      Ela não é a primeira que isso acontece, a Apple tbm teve o mesmo problema com a Gradiente porque ela tinha patenteado a marca IPhone.

    • Pior que é só no Br msm. No Chile ambas tem versões GTI vendidas.

  • Saraiva

    Que invocadinho ficou esse azul. Queria um rs

    • syfus

      2020 tu pega um … eu quero tb um azul

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email