Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

O Polo 2014 chegou ao mercado com aumento de preços e pequenos retoques, adicionando melhorias no acabamento e novas calotas nas versões de acesso. Não se registram mais mudanças no hatch compacto da VW.


Nesse caso, ele recebeu nova padronagem de tecido nas portas e assentos, deixando o ambiente mais aconchegante. Na Sportline, o Polo adicionou tear duplo ao centro do estofamento e costuras vermelhas nas laterais.

Novas rodas de liga leve aro 15 polegadas com cinco raios eram ofertadas para a versão Sportline.

Os bancos em couro passaram a ter revestimento em cor cinza com bordas pretas. Fora isso, não teve outras alterações, permanecendo com cinco versões, sendo duas de acesso sem denominação, uma focada na economia e duas “esportivas”.

As duas primeiras tinham um acabamento mais simples e opção de câmbio automatizado I-Motion, carecendo de alguns itens como, por exemplo, rodas de liga leve. A BlueMotion tinha algumas modificações para focar na economia.

Tinha alterações na aerodinâmica, pneus de baixa resistência à rolagem, grade diferenciada e acabamento exclusivo, além de relação longa da transmissão e partida a frio com pré-aquecimento.

No Polo Sportline, o visual tem apelo esportivo com faixas decorativas, rodas de liga leve, retrovisores pretos e outros detalhes de acabamento e conteúdo. Esta versão também tinha opção do câmbio automatizado I-Motion.

Já sem opção 2.0 há algum tempo, o Polo 2014 contava apenas com o propulsor EA111 1.6 VHT Flex com 101 cavalos na gasolina e 104 cavalos no etanol, além de 15,4/15,6 kgfm a apenas 2.500 rpm.

O propulsor EA113 2.0 8V Flex anterior continuava presente no VW Polo Sedan, o sucessor do VW Virtus, tendo sido um motor que equipou New Bettle e o VW Jetta.

Além disso, tinha transmissão MQ200 de cinco marchas, mais a automatizada ASG AQ200 da Magneti Marelli, sendo uma versão diferente da Dualogic usada pela Fiat até então.

Fabricado em São Bernardo do Campo com o Polo Sedan, o Polo 2014 era feito em uma linha de montagem bem mais moderna que aquelas que faziam as gerações recentes da Saveiro, além de Gol.

Tinha soldas à laser e processo de montagem da carroceria totalmente automatizado, além de um processo de galvanização do aço estampada da estrutura, que permitia dar uma garantia mais longa contra corrosão perfurativa.

Feito sobre a plataforma PQ24, o Polo empregava mais aços resistentes e tinha plataforma mais rígida, permitindo melhor dirigibilidade e segurança, com uma célula de sobrevivência com melhor deformação.

Elogiado por ter um padrão de acabamento e montagem de qualidade alemã, o Polo (veja também Polo Beats: detalhes e desempenho) sofreu com os preços altos. Além disso, a VW negligenciou o produto ao não oferecer uma caixa automática de quatro ou cinco marchas.

O motivo talvez fosse o Golf, mas este era de um segmento acima. Preço pode até ser. Ainda assim, o câmbio automatizado foi um alento para quem queria mais conforto, embora não fosse a melhor opção.

Apesar do bom desenho, o Polo 2014 tinha espaço interno mediano e porta-malas pequeno, com apenas 250 litros, perdendo até para o Fox. Tendo suspensão dianteira McPherson com subchassi e eixo de torção atrás, era equilibrado.

Lançado em 1975, o Polo teve sua história iniciada ainda na NSU, que tinha um projeto de hatch compacto abaixo do clássico K70, que virou o primeiro VW com motor refrigerado a água.

Desenvolvido pela equipe do designer alemão Claus Luthe, o projeto virou o Audi 50, mas a marca alemã tinha neste um preço alto e a VW aproveitou para ter um produto de acesso, mais barato que Golf e Passat.

Assim, surgiu a primeira geração, aparentada com o Audi 50, durando então até 1979, embora ele e o sedã Derby, tenham sido estendidos até 1981 no chamado Polo Mk1F. Na segunda geração, o hatch ganhou até uma perua, chamada Combi.

Esta geração, assim como do Golf, ficou 13 anos em produção na Alemanha, algo que aqui é quase natural, mas que no mercado alemão não era tão comum, dada a enorme concorrência na Europa, especialmente de Peugeot, Citroën e Fiat.

Longevo, o Polo ficou nove anos na terceira geração, que aqui foi materializada na forma do Polo Classic, um sedã desenvolvido com base no Seat Córdoba, mas da mesma geração que o hatch europeu.

Aqui, o Polo Classic entrou no lugar do Voyage – cuja geração G2 chegou a ser pensada – e a produção durou até 2009, mas na Argentina. Foi estranho, visto que enquanto o Polo de quarta geração era feito no Brasil e o anterior no país vizinho.

Aliás, Polo Classic e Polo Sedan conviveram no Brasil a partir de 2002, mas após 12 anos de produção, essa geração com base na PQ24 foi tirada de linha em 2014, sendo este Polo 2014 o último ano/modelo do hatch, surgida ainda em 2013.

Muitos lamentaram sua saída, mas a VW tinha outros planos. Na Europa, o Polo IV – que foi a geração mais difundida no mundo com produção em nove países, sendo três da África – o hatch acabou substituído pela quinta geração.

Aqui, a VW tinha planos para uma nova geração do Gol, que unificasse o segmento de entrada, mas os planos foram cortados por Wolfsburg, que liberou a sexta geração, que chegou aqui em 2018 como o Novo Polo.

Este trouxe a matriz de arquitetura de ferramentas modulares MQB-A0, um nível abaixo da MQB-A1 do Golf e das outras duas, que envolvem as A2 e A3, esta acima do Passat, como no caso do Atlas.

A atual geração do Polo mudou os rumos da VW no Brasil ao modernizar a histórica fábrica da Anchieta e introduzir um sedã inédito, o Virtus. Ele também derivou o T-Cross e o recente Nivus, o atual SUV mais em conta da marca.

Destes, apenas o T-Cross é feito em São José dos Pinhais, mas agora o Polo será também produzido em Taubaté, onde levará a matriz MQB para o futuro sucessor de Gol, Voyage, Fox e up!.

Bem diferente do Polo 2014, o hatch atual tem motor EA211 1.0 de até 84 cavalos – existiu um Polo 1.0 2003 com 70 cavalos – 1.6 MSI de até 117 cavalos e 1.0 TSI com até 128 cavalos, além do esportivo Polo GTS com 150 cavalos no 1.4 TSI.

O futuro do Polo está em questão devido às boas vendas do Gol e da ascensão do Nivus, que é aparentado com o hatch. A missão da VW será destacá-lo com uma versão aventureira (Polo Track) e uma boa redução de preço.

Polo 2014 – detalhes

Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

O Polo 2014 tinha um estilo baseado na atualização do Polo Vivo da África do Sul. A frente tinha faróis duplos com base reta e facho baixo circular com piscas integrados. A grade retangular com dois frisos unia o conjunto ótico.

O para-choque tinha grade inferior com moldura central envolvente e espaço para faróis de neblina nas extremidades. Com maçanetas e retrovisores na cor do carro, o Polo tinha colunas pretas e antena no teto.

Atrás, as lanternas compactas tinham acabamento preto brilhante envolvendo a lente principal, que era circular e com friso cromado, bem como lente branca nos piscas e luzes de ré.

O para-choque traseiro tinha arco com suporte de placa e refletores na base. A tampa do bagageiro tinha vidro plano e limpador, bem como lavador e desembaçador. A tampa tinha uma maçaneta para abrir.

As rodas eram de aço aro 15 polegadas com pneus 185/65 R15, recebendo novas calotas integrais. Na versão BlueMotion, tinha faróis com máscara negra e grade aerodinâmica com acabamento em preto brilhnate e emblema alusivo.

Toda a parte inferior da grade era preta, tendo ainda faróis de neblina. Ele trazia ainda rodas de liga leve aro 14 polegadas com pneus 165/70 R14, de baixa resistência à rolagem, que permitiam reduzir o arrasto e o consumo.

Maçanetas e retrovisores eram na cor do carro, sendo que os espelhos externos tinham repetidores de direção. Outro ponto no Polo 2014 em sua versão BlueMotion, além de colunas pretas e vidros verdes, era o defletor de ar na tampa.

Maior que o do Polo Sportline, ele era envolvente e lembrado o do esportivo Fiat Uno 1.5 R, por exemplo. Contudo, era na cor do carro e sua função era frugal: reduzir o consumo.

No caso do Polo Sportline, os faróis eram escurecidos e a grade em preto brilhante com frisos cromados. O para-choque tinha acabamento preto na base com faróis de neblina e mais cromados sutis.

Os retrovisores eram em preto brilhante com repetidores de direção, enquanto as rodas podiam ser de liga leve com novo desenho, agora com cinco raios. Os pneus eram 195/55 R15, que permitiam maior estabilidade.

Havia um defletor de ar preto no topo da tampa do bagageiro, além de faixas decorativas nas laterais. Por dentro, o acabamento do Polo 2014 era quase todo preto, com colunas e teto claros.

O painel tinha a parte central com detalhes em cinza, assim como os difusores de ar laterais. O volante era o mesmo do Passat e tinha aplique metálico, além de acabamento em couro e comandos multifuncionais, tendo ajustes na coluna.

O cluster tinha instrumentos analógicos, displays digitais para computador de bordo e hodômetros, além de velocímetro e conta-giros em mostradores grandes, bem como nível de combustível e temperatura da água.

Na parte central, dois compartimentos escondiam os porta-copos retrátis, um item exclusivo do Polo dentro da gama VW. Havia um porta-treco no alto e sistema de som integrado 2din com display digital.

Este vinha com CD/MP3/USB/SD e Bluetooth. Logo abaixo, como opção para a Sportline, o ar condicionado automático com display digital era um pequeno luxo. A alavanca de câmbio ficava bem centrada, mesmo a I-Motion.

O porta-luvas era de bom tamanho e acima dele, como no volante, bolsa de ar infláveis (airbag). O Polo 2014 tinha ajustes de altura para o banco do motorista, além de vidros elétricos nas quatro portas e travamento central elétrico.

Havia também ajuste elétrico dos retrovisores próximo da maçaneta cromada e chave-canivete com telecomando. Os bancos eram em tecido de padronagem simples na versão de entrada e com detalhes em azul no BlueMotion.

No Polo Sportline, os bancos tinham sua própria padronagem, mas a VW ofertara assentos e portas com acabamento em couro cinza, mas com laterais (dos bancos) em preto, assim como costuras vermelhas.

O espaço interno era bom na frente e mediano atrás, tendo ainda luzes de leitura, espelhos iluminados nos para-sois, retrovisor interno eletrocrômico, alças no teto e luz temporizada, assim como dos faróis.

O banco traseiro era bipartido e tinha apoio de cabeça, além de cintos de 3 pontos, exceto para o quinto passageiro. Já o porta-malas tinha 250 litros e iluminação, podendo ser aberto pela chave.

Polo 2014 – versões

Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

  • Volkswagen Polo 1.6
  • Volkswagen Polo 1.6 I-Motion
  • Volkswagen Polo BlueMotion 1.6
  • Volkswagen Polo Sportline 1.6
  • Volkswagen Polo Sportline 1.6 I-Motion

Equipamentos

Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

Volkswagen Polo 1.6 – Motor 1.6 e transmissão manual de cinco marchas, mais ar condicionado, direção hidráulica, colunas de direção ajustável, vidros elétricos nas quatro portas, retrovisores elétricos, travamento central elétrico, rodas de aço aro 15 polegadas, pneus 185/65 R15, freios ABS com EDB, airbag duplo, cintos dianteiros com pré-tensionadores, sistema de áudio 2din com CD/MP3/USB/SD/Bluetooth, computador de bordo, lavador e limpador do vidro traseiro, desembaçador traseiro, para-brisa degradê, vidros verdes, faróis duplos, retrovisores e maçanetas na cor do carro, entre outros.

Volkswagen Polo 1.6 I-Motion – Itens acima, mais transmissão automatizada com mudanças manuais na alavanca e modo Sport.

Volkswagen Polo BlueMotion 1.6 – Itens do 1.6 manual, mais grade aerodinâmica em preto brilhante, faróis com máscara negra, faróis de neblina, defletor de ar traseiro, rodas de liga leve aro 14 polegadas, pneus 165/70 R14 de baixa resistência à rolagem, retrovisores com repetidores de direção, acabamento interno com padronagem diferenciada com tecido em portas e bancos, econômetro, indicador de mudança de marcha, transmissão com relações longas e partida a frio com pré-aquecimento.

Volkswagen Polo Sportline 1.6 – Itens acima, mais faróis escurecidos, grade com frisos cromados, detalhes cromados no para-choque, rodas de liga leve aro 15 polegadas, pneus 195/55 R15, piloto automático, sensor de chuva e crepuscular, retrovisor interno eletrocrômico, faixas decorativas, defletor de ar traseiro, retrovisores em preto brilhante, bancos em couro em dois tons, volante e alavanca em couro, volante multifuncional, ar condicionado automático, entre outros.

Volkswagen Polo Sportline 1.6 I-Motion – Itens acima, mais transmissão automatizada com mudanças manuais na alavanca, paddle shifts e modo Sport.

Preços

Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

  • Volkswagen Polo 1.6 – R$ 47.810
  • Volkswagen Polo 1.6 I-Motion – R$ 50.600
  • Volkswagen Polo BlueMotion 1.6 – R$ 52.210
  • Volkswagen Polo Sportline 1.6 – R$ 50.900
  • Volkswagen Polo Sportline 1.6 I-Motion – R$ 53.690

Polo 2014 – motor

Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

O Polo 2014 era equipado com motor EA211 1.6 VHT com bloco de ferro fundido e quatro cilindros, tendo 1.598 cm3 e entregando 101 cavalos no derivado de petróleo e 104 cavalos no combustível vegetal.

Ambos eram obtidos a 5.250 rpm e o torque surgia a apenas 2.500 rpm, sendo uma herança dos velhos motores da VW, especialmente do EA113 2.0 8V, que permanecia no Polo Sedan.

O torque do 1.6 VHT de 15,4 kgfm na gasolina e 15,6 kgfm no etanol, suficiente para um desempenho mediano para o Polo, embora com bom torque em baixa rotação.

A transmissão era manual de cinco marchas e o automatizado era conhecido como ASG, tendo sistema de engate e acionamento de platô/disco através de atuador eletro-mecânico com gerenciamento eletrônico.

Este dispositivo monitorava velocidade e o curso do pedal do acelerador, além da rotação do motor e outros dados, acionando o garfo da alavanca de mudança e o cabo da embreagem, fazendo a troca.

Tinha função de redução, mas não havia o creeping, como da Fiat, deixando o carro solto quando sem aceleração, o que dificultava algumas manobras, especialmente em ruas muito inclinadas.

O I-Motion saiu de cena no Fox e no up!, tendo equipado Gol, Voyage e SpaceFox.

Desempenho

Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

  • Volkswagen Polo 1.6 MT – 11,2 segundos e 189 km/h
  • Volkswagen Polo 1.6 AMT – 11,4 segundos e 185 km/h

Consumo

Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

  • Volkswagen Polo 1.6 MT – 6,3/8,2 km/l e 9,5/12,2 km/l
  • Volkswagen Polo 1.6 AMT – 6,2/8,1 km/l e 9,4/12,1 km/l

Polo 2014 – manutenção e revisão

Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

A Volkswagen tem plano de manutenção do Polo 2014 com revisão a cada 10.000 km ou seis meses, sendo que a partir de 2018, as revisões passaram a ser tabeladas e por tempo, condicionadas a 12 meses.

Isso era uma antiga reivindicação dos clientes, que eram obrigados a fazer revisão a cada seis meses por tempo, além de que os proprietários não precisam mais cotar preços nas revendas, já que os valores são os mesmos em todo o país.

No caso do Polo, o modelo 2014 não tem mais valores listados no site da VW, devendo os donos buscarem informações em mais de uma revenda para verificar se os preços dos serviços são os mesmos.

Na revisão, normalmente são trocados óleo do motor, filtro de óleo, filtro de ar do motor, filtro de ar da cabine, velas, correia dentada, correia em V, fluído de freio, entre outros.

Também é feita inspeção em vários itens do carro, como suspensão, direção, freios, parte elétrica e itens de segurança, bem como podem ser contratados alinhamento, balanceamento, funilaria, pintura, higienização, entre outros.

Polo 2014 – ficha técnica

Polo 2014: fotos, detalhes, consumo, desempenho, preço, motor

Motor1.6 8V
Tipo
Número de cilindros4 em linha
Cilindrada em cm31598
Válvulas8
Taxa de compressão12,1:1
Injeção eletrônicaIndireta Flex
Potência máxima101/104 cv a 5.250 rpm (gasolina/etanol)
Torque máximo15,4/15,6 kgfm a 2.500 rpm (gasolina/etanol)
Transmissão
TipoManual de 5 marchas ou automatizada de 5 marchas
Tração
TipoDianteira
Direção
TipoHidráulica
Freios
TipoDiscos dianteiros e tambores traseiros
Suspensão
DianteiraMcPherson
TraseiraEixo de torção
Rodas e Pneus
RodasLiga leve aro 15 polegadas
Pneus185/65 R15
Dimensões
Comprimento (mm)3.890
Largura (mm)1.651
Altura (mm)1.489
Entre eixos (mm)2.465
Capacidades
Porta-malas (L)250
Tanque de combustível (L)50
Carga (Kg)463
Peso em ordem de marcha (Kg)1.125
Coeficiente aerodinâmico (cx)0,34

Polo 2014 – fotos

https://www.youtube.com/watch?v=d__y3jtJSpo

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.