Esportivos Hatches Mercado Sedãs Volkswagen

Polo GTS e Virtus GTS prometem agitar segmento de compactos em 2019

Polo GTS e Virtus GTS prometem agitar segmento de compactos em 2019

O segmento de carros compactos possui poucos esportivos no mercado nacional. Com exceção de marcas premium, os produtos de fabricantes tradicionais se resumem ao Renault Sandero RS 2.0 e Peugeot 208 GT. Mas, a Volkswagen promete agitar esse segmento a partir de 2019, com a chegada de dois modelos que deverão estar no centro de conversas pelo Brasil afora.


Os Polo GTS e Virtus GTS pretendem resgatar uma sigla que se tornou icônica no Brasil dos anos 80, onde Passat GTS e Gol GTS fizeram dupla por apenas dois anos (com esta sigla, é claro), entre 1987 e 1988. Agora, o hatch mais recente da marca e o novo sedã, que surgiu com ele, terão a oportunidade de fazer jus à proposta GTS.

Polo GTS e Virtus GTS prometem agitar segmento de compactos em 2019

A Volkswagen já confirmou a motorização: EA211 1.4 TSI Flex. Este propulsor de quatro cilindros com turbocompressor e injeção direta de combustível, que entrega 150 cavalos e 25,5 kgfm. Nos dois casos, a transmissão será automática de seis marchas, o que vai contrariar muitos entusiastas, que preferem logicamente o câmbio manual, tal como oferecido nos dois concorrentes citados.


Apresentados como conceitos no Salão do Automóvel 2018, Polo GTS e Virtus GTS apareceram com faróis full LED, spoilers destacados e suspensão mais baixa, além de rodas esportivas aro 18 polegadas com pneus 215/40 R18.

Polo GTS e Virtus GTS prometem agitar segmento de compactos em 2019

Além disso, a grade personalizada com detalhes em colmeia e friso vermelho, que se estende até os faróis, dão um aspecto ainda mais exclusivo para a proposta. Nas rodas esportivas, até as pinças de freio ganharam tonalidade vermelha.

Apesar das semelhanças, Polo GTS e Virtus GTS possuem dois itens diferenciados. O hatch tem para-choque com difusor de ar e escape duplo cromado. No sedã, o porta-malas vem com defletor de ar preto e o para-choque é mais simples.

Polo GTS e Virtus GTS prometem agitar segmento de compactos em 2019

Essas são as principais características externas, enquanto internamente oferecem bancos esportivos e outros detalhes que remetem à esportividade. Espera-se que os Volkswagen Polo GTS e Virtus GTS tenham preços competitivos.

 

Polo GTS e Virtus GTS prometem agitar segmento de compactos em 2019
Nota média 4 de 5 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Gabriel

    “Volkswagen M gts e M gts sedan prometem agitar segmento de compactos em 2019″*

    • Incitatus

      Tira o M Gabriel, não serão ruins. Na real, a vw vai cobrar mais caro pelo polo gts que um golf highline há dois anos. E a galera vai babar de felicidade.

      • Gabriel

        Foi uma zueirinha com a VW que todo mundo diz que são todos iguais.
        Seria tipo Vw tamanho M (Polo) Tamanho P (gol) PP (up) G(Golf) e GG(passat)

        Talvez o único defeito nesses GTS seja a falta do cambio manual.

        • Incitatus

          Pra esse perfil tem o 208GT. E que certamente será mais barato.

  • Louis

    Bonito de se ver, mas na buraqueira estas rodas 18 e suspensão mais baixa devem pular igual cabrito…

    • Ford Opala Attractive 200TSI

      Fiz test drive duas vezes com o Polo MSI, que tem pneus mais altos, e mesmo assim não achei a suspensão confortável. Minha opinião.

      • Geruzzus Filho

        Isso vai depender do carro que você usa como referência. Se for um FUSION ou AZZERA, a do POLO é “dura” mesmo. Já um CIVIC, COROLLA, 308THP ou FOCUS, que já andei várias vezes, não vi diferença nenhuma, elas são tão confortáveis quanto as do POLO.

        • Incitatus

          Só que não. Tenho um civic, minha mulher um q3 e um polo tsi como carro da placa. É duro sim, as rodas são de 16 (avalanche), talvez as de 15 não seja tanto. Já com 17 não tem jeito, vai ficar um jegue. As rodas são os sapatos do carro. Tanto mais duro o sapato mais cansativo é, mesmo que lindas. Mas o perfil do carro é pra garotões (de qq idade), então tanto faz se é ou não confortável.

          • Geruzzus Filho

            Não sei dizer para o CIVIC atual, caso seja o seu, mas TODOS os anteriores em que já andei bastante não vejo diferença NENHUMA para o POLO aro 16. São iguais no conforto de suspensão.

        • PEDAORM

          Tenho Polo e Focus em casa. Nesse quesito o Focus da um banho no Polo, tanto em conforto quanto em comportamento dinâmico. É incomparável. Lógico que é uma covardia comparar carros de categoria diferentes, ainda mais um multilink com um eixo de torção.

          • PEDAORM briefly

          • Geruzzus Filho

            Dos Focus que andei não vi nada disso. Inclusive o da geração anterior ao “dente de vampiro” achei foi bem duro.

            • PEDAORM

              Não sou apenas em quem digo, Focus sempre foi referência nesse quesito, reconhecido por isso.

              • Edson Fernandes

                Conforto muito bom do Focus. Ele só não consegue ser mais confortavel em rodagem que carros ao estilo Corolla. Tirando ele, é o melhor mesmo.

                Porque conforto e esportividade em um carro só, essa proeza é no Ford sem duvida.

        • Ernesto

          Não há diferença? Olha, eu tenho um Corolla XEi 13/14 e fiz test-drive tanto no Polo Highline quanto no Virtus Highline e ambos são sim mais duros que o Corolla.

      • Verdades sobre o mercado

        Os VW sempre foram mais duros, mas o Polo é totalmente diferente da família Gol ou Fox, é bem mais macio, não tem comparação. Agora tem que ver com qual carro você está comparando, dentro da proposta (hatch compacto) não conheço nenhum mais macio.

        • Ford Opala Attractive 200TSI

          Ao contrário do que as revistas, blogs e canais avaliaram, eu não gostei tanto da dirigibilidade do Polo. Fiz um test drive em novembro de 2017 e depois outro em setembro de 2018 e nas duas vezes senti o mesmo. Acabei comprando um Argo 1.0 (até porque o preço estava bem mais baixo), e que absorve mais as imperfeições do solo. Concordo que o Polo é mais seguro, mas gostei mais do compacto da Fiat.

          • Ricardo Alexandre da Rocha Bri

            Só um Fiateiro doente para falar uma asneira dessa, e para comprar uma tranqueira da Fiat.

            • Ford Opala Attractive 200TSI

              É muita falta de educação mesmo!! Não se pode nem dar opinião q aparece uma pessoa intelectualmente desfavorecida para ofender.

              • Edson Fernandes

                E assim ele é o primeiro banido de 2019 por mim.

            • Fernando Gabriel

              Não vi fanatismo nenhum da parte dele, ele somente fez um TD em ambos modelos e gostou mais do Argo e comprou, nada de mais.Opinião é quem nem nariz, cada um tem o seu e vamos respeitar os narizinhos alheios, ninguém é igual a ninguém. Forte abraço.

          • Verdades sobre o mercado

            Por isso é muito importante o test-drive. Eu fiz tambem em ambos 1.0 e achei equivalentes em conforto de suspensão.

        • Edson Fernandes

          Desses 1.0 ou até 1.6 eu achei que C3, Argo, Polo, Sandero e Yaris são os macios “da galera”.

      • Incitatus

        Taí uma coisa que não consigo é ter impressões conclusivas num teste drive em que a gente anda no máximo 1km. Eu comprei o polo e só descobri de fato o que é o carro depois de um mês, apesar de só usá-lo às sextas e raramente no findi. Fiz bobagem é claro de comprar pela que diz a imprensa e um rolê no entorno da concessionária. Normalmente eu espero que algum conhecido compre e faço uma troca num findi. O mané fica com o meu e eu pego o dele. Test-drive de css com o vendedor a bordo falando e atrapalhando não rola.

        • Ou alugar. Se com os cupins e galera que não está nem aí, o carro se mantém, é sinal de que pode ser uma boa compra.

          Caso desse, é a EcoSport. Andei em uma 1.5 2018 e Achei muito bom o carrinho.

          • Incitatus

            Pra alugar normalmente só tem o basicão.

          • Edson Fernandes

            Quero ver achar um Polo TSI para alugar.

            • Esqueci o nome. Mas há um aplicativo que as pessoas disponibilizam seu próprio carro para terceiros.

              Creio que já tenha o Polo.

    • Rodrigo Pasini

      A suspensão vai ser mais alta, já foi noticiado isso.

      • Coelho

        Claro, caso contrário não suportará nosso terreno lunar, digo, ruas e estradas.

    • Dherik

      Nunca achei que diria isto para um carro deste segmento, mas lá vai: preferia que viesse com rodas 17″ e a VW fornecesse as 18″ como opcional. Devida ao terreno lunar das ruas brasileiras.

    • Claudecir

      Tenho o Polo 200 TSi, tive palio e novo Ford Ka. Suspensão esta ótima, os bancos são muito macios também. Carro com mais de 16000km rodados nada a reclamar.

      • claudecir_mees easy

      • Lucas Campos

        Com 16000km vai dar que problema? rsrs Fala com 100.000km

    • Marcus

      Pois é! Pneu com perfil 40… e pra Brasil… Fica bonito, mais estável e tudo mais, OK. Agora pensa em como esse carro vai ser duro! Lembrei de uma antiga frase de Jeremy Clarkson: “um fuzilamento deve ser mais confortável”.

    • Fernando

      exatamente. no Brasil mesmo a versão esportiva tem que ter no máximo aro 16… é só bonito, mas dor de cabeça na certa

    • Martini Stripes

      Por isso fiquei nas 16 no Polo

      • PEDAORM

        fiquei na duvida tbm por causa do conforto, mas as 17 razor ficam muito bonitas nele, visualmente distancia ele também tanto dos modelos mais simples, quanto do Gol. Além de tudo são baratinhas… Difícil correr delas para quem já esta optando pelo Highline.

  • Andre Studart

    Cara, esse motor com cambio manual e a dirigibilidade do polo vai ser um brinquedo e tanto

    • Rodrigo Pasini

      Não vai ser manual.

    • vicegag

      Gostaria de saber o motivo da VWB, em refutar o uso do câmbio manual nos TSI, um DSG ou manual seria mais interessante num carro com proposta esportiva como o GTS.

      • D34D P00l

        Se usasse cambio manual não ia vender nada, simples assim. Aqui no BR carros acima de um certo patamar (~70k) não vende nada se tiver que trocar marcha, eu mesmo não me vejo adquirindo um veículo com transmissão MT.
        Mas realmente uma transmissão DSG faz bem mais sentido prum veículo com apelo esportivo, principalmente pelas patinadas que os câmbios AT convencionais dão, que matam o senso de força do carro.

      • Oliveira

        quanto maior o valor do carro, mais preguiçoso o motorista vai ficando.. não quer trocar marcha, depois não quer estacionar, e ao final, nem dirigir mais quer.. haha

        e pode ser que tenha a opção manual, mas certeza que se tiver, a VW vai tirar algum equipamento junto..

        • Edson Fernandes

          Talvez a expectativa focada no conforto seja maior.

          E se for em SP principalmente, o transito pede por um cambio automatico. Agora, eu não reclamaria de um Jetta DSG ou Golf GTI.

          • Oliveira

            dirijo no trânsito de SP e não reclamo do MT, até gosto.. AT cansa a perna.. e preferia um Golf R.. quase 300cv e MT..

            • Edson Fernandes

              hehehehehe

              No meu caso minha perna esquerda (melhor, meu joelho) incha muito no anda-e-para. Como eu aluguei no mes de dezembro alguns carros, dentre eles manual, era uma delicia de tocar, mas qdo eu pegava transito, era um martirio. Não porque sou preguiçoso, é pq meu joelho doi com força.

              Pra mim o melhor dos mundos atualmente seria um carro automatico com auto hold, talvez a maior discrepancia da sua realidade…rs

              Mas em outro post até citei os tipos de carros que eu gostaria de ter. E pra mim eu adoraria ter um esportivo manual. (tanto que o 208 GT me brilha os olhos)

      • afonso200

        DSG só nas GTI

      • PrGirafales

        exatamente, quem tem quase 100k para comprar um carro seja ele esportivo ou SUV nao vai querer manual, isso é mercado, povo que pede esse carro nas redes socias e blogs de carro reclamando que nao tera manual, nao tem condições de comprar, é só fervo nas redes, a VW com certeza fez pesquisas de mercado para decidir por nao vender ele no manual, lembro quando erraram no lançamento dos golf 1.0 vendendo ele só manual na versao 1.0 tsi, se bobear tem golf 1.0 manual encalhado ate hj nas lojas

        Eu NAO compraria hj um carro nessa faixa de preço manual nem a pau, meus tres ultimos foram AT, e nao saio jamais para um manual nessa faixa de valor, e ja tive golf tsi 1.4, mesmo sendo at dava pra brincar muito bem com ele

        • Oliveira

          eu já sou o contrário.. não gosto de carro automático.. testei com conversor de torque, DSG, CVT, PDK e o automatizado I-motion.. PDK é, de longe, o mais suave; CVT o mais barulhento; e conversor o mais linear.. mas nenhum deles substitui o prazer e diversão que tive e tenho nos câmbios manuais.. nos carros que testei ambos os câmbios (EcoSport SE 1.5 e Golf 1.4 TSi), tive a mesma sensação: uma direção prazerosa e divertida nos MT, descendo do carro querendo dirigir mais; já nos AT senti apenas que foi suficiente pra me levar do ponto A ao B, e sai com dor na perna direita.. então pra mim, eu, Oliveira, só vou de câmbio MT..

          • PrGirafales

            a maioria vai de AT nesse segmento de preço, mas existem exceções como vc e por exemplo, meu pai com mais de 70 anos que tb nao gosta de carro AT, só que ele nao compra carro nessa faixa de preço no maximo um polo de entrada e manual, eu nessa faixa de preço nao compro manual, to no terceiro AT, agora um jetta com dsg6, anterior era um golf com dsg7 e meu primeiro que fez adotar o AT, um outro Jetta com tiptronic, porem tenho dois carros, meu carro de trabalho que é um basicao para largar em qq lugar é manual e se pudesse ser AT eu com certeza iria preferir, mas uso numa boa, porem prefiro atualmente um AT, eu acho que vai muito tb da idade, ja passei dos 40 e agora to preguiçoso mesmo kkkk, mas nos meus 20 e poucos com certeza iria preferir manual tb pelo prazer de trocar marchas e taos….. tenho carro desde os 18 anos e devo ter tido uns 20 carros ja e eram tudo manual, mas hj só AT se puder principalmente nessa faixa de preço de 80k +e a grande maioria dos consumidores nessa faixa prefere os AT

            • Edson Fernandes

              Eu te digo que se fosse preferir hoje seria assim:
              – Um carro basico AT para o dia a dia
              – Um carro estradeiro (que inclusive tenho um hoje)
              – Um carro esportivo MT (208 GT me brilha os olhos, é o carro perfeito para o meu perfil de carro que procuro de esportivo)

              Assim eu me sentiria completo em carros na garagem.

          • Ernesto

            Se você saiu com dor na perna direita num carro automático, o mesmo deve ocorrer num carro manual, não?

            • Oliveira

              não, pois no MT eu mexo ambas as pernas, e não me canso.. no AT, só mexo uma, e isso me cansa bastante..

              • Ernesto

                Desculpe, mas seu argumento não faz o menor sentido.

      • Gran RS 78

        Porque ninguém mais compra carro manual, especialmente os mais caros.

      • Andre Studart

        Por que não vende.. a Comunidade de carros clama por versões por cambios manuais, mas na prática ninguém compra, não vale o investimento.. Isso vale para o exterior também, onde versões manuais são cada vez mais raras.. E hoje em dia, com o absurdo de rápido que os automáticos são, muita gente prefere mesmo

  • Geraldo Xavier

    tudo isso por preço de jetta

  • MarcioMaster

    Noooossssa, vai dar uma agitada fantastica, imagina um virtus GTS?!!, Qta emoção, as pessoas vão parar para ver..SQN Jetta basicão 2.0 fsi manda lembranças.

    • Oliveira

      no acumulado:
      Jetta 3.999; Virtus 37.394..

      então . . .

      • MarcioMaster

        Nao me refiro a vendas, e sim ao fato de chamarem de GTS um carro com motor 1.4T e fiz uma comparação simples com o jetta que oferecia o 2.0T sem ser GTS e a pouco tempo atras com mesmo valor.

        • Oliveira

          no caso, GTS pois a proposta desse Virtus é ser um esportivo compacto, motor forte em um carro leve.. o Jetta usava o 2.0 TSi mas era um sedan médio.. era maior e mais pesado.. então, para ele, tinha sentido.. agora, caso o 2.0 TSi viesse para Polo e Virtus, eles seriam GTi, assim como na Europa.. lá o Polo tem o 2.0 TSi de 200cv..

    • Geruzzus Filho

      Se for assim, tem um monte de carros importados usados, mais potentes que esse JETTA e pelo mesmo preço. Eu não deixaria de comprar um POLO/VIRTUS GTS zeradão para comprar um JETTA usadão.

  • CanalhaRS

    Já estou esperando Polo e Virtus por R$ 100 mil (ou mais)…triste isso…

    • vicegag

      Ainda correndo o risco de caparem equipamentos mais caros, como estes faróis das versões mais caras do alemão.

    • Oliveira

      R$100 mil não sei se chega pois já batem no Jetta “básico”.. talvez próximo de R$95 mil..

      • MauroRF

        Talvez um teco abaixo do Jetta básico, mas aí eu não mediria esforços para pegar o Jetta (mesmo sendo “básico), pois é um médio, sem comparação.

        • Oliveira

          o problema é que o Jetta é mais caro que o Virtus e tem menos equipamentos que ele.. no site da QR saiu um comparativo, e o Jetta só tem a mais, AC dual zone.. fora isso, o Virtus tem bem mais itens, e isso é o que complica a vida do Jetta..

          • Matheus_P

            6 air bags, farol de led, luzes decorativas de led, retrovisor fotocromico…

          • Luconces

            O Virtus sem opcionais ainda sai devendo para o Jetta de entrada:
            – 2 airbags,
            – segunda zona para o ar condicionado,
            – freio de mão eletrônico,
            – sensor dianteiro,
            – faróis em LED

            De extra, o Virtus possui:
            – farol de neblina,
            – paddle-shifts,
            – iluminação e refrigeração do porta-luvas;
            – manopla em couro,
            – descança-braço com saída de ar traseira

            É normal ter médio de entrada menos completo do que um compacto top de linha.

    • Marcelo Henrique

      110 mil.

    • Lucas Campos

      Se custar 100mil, sou mais comprar um Civic 1.5T com 1 ou 2 anos de uso. Mas acho que o Polo vai custar uns 85k e o Virtus 90k.

  • EMJ

    Tirando o fator preço absurdo que sabemos que terá, espero que a volkswagen pelo menos revise o conteúdo de equipamentos e passe a oferecer o Teto Solar na linha Polo, especialmente no GTS

  • Aguiar Romero

    agitar a partir de 90k sem contar os opcionais?

    • Verdades sobre o mercado

      Pelo menos 95 no Polo e 100 no Virtus, sendo um pouco otimista

      • Aguiar Romero

        essa já é a faixa de preços do cruze e do jetta. a VW do Brasil gosta de atirar na própria cabeça com esse posicionamento tosco de seus produtos.

        • Verdades sobre o mercado

          São produtos de imagem, não são para vender volume. São para quem pode e quer exclusividade.

          • MauroRF

            Os próprios Sandero RS e 208 GT são exatamente isso, pouco se vê pelas ruas. A finalidade é ser carro de imagem, disse isso alguns comentários acima. Pelos preços que virão, tem o próprio Jetta “básico” na VW, além de sedãs médios da concorrência, como o Cruze.

            • Verdades sobre o mercado

              O 208 em qualquer versão já pouco se vê pelas ruas, imagine o GT, culpa da própria marca… uma pena.

            • Edson Fernandes

              Falando em 208, eu vi ontem um 208 GT PRETO. cara… tanta cor o cara me compra PRETO.

              Sério, me desanima essas coisas. Talvez o cara queira passar desapercebido, mas puxa, o preto é mto apagado. Só percebi que era um GT qdo ele passou por mim. (tem a sigla atras)

        • Lucas Campos

          Mas é isso msm… eles terão preço do Jetta de entrada. Porém são carros “esportivos”, e quem quer um, não quer um jetta de entrada.

    • Marciofilho Santos

      e acreditar que meu amigo pagou 93 num golf gti em 2014!!!

      • Marcus

        Mas não se esqueça de que os 93.000 de 2014 não equivalem a 93.000 em 2018. Seu amigo pagou o equivalente a cerca de 125.000 corrigidos. Ou seja, 35.000 a mais que esses futuros GTS. Indo nessa linha, em 1998 meu irmão pagou 33.000 num Vectra top 0 km… Rs

        • Marcelo Henrique

          De 2014 para cá, pode se contar na mão as categorias que tiveram mais de 25% de reajuste.

          • Thales Sobral

            Categoria de profissionais ou de carros?

          • Matheus_P

            Bem por aí!

    • Marcelo Henrique

      Chuto que completo vsi ultrapassar os 110 mil.

  • Afonso

    Golf gti vende 10 por mês o Polo talvez 15, que adianta carro ter 500 cv , velocidade máxima nas cidades 50 km, muito mimi por nada, fora Ipva caro, seguro caro, manutenção cara, multas caríssimas, desisti de ter carro esporte no Brasil ,ando de Uber e viajo de avião e cidades menores vou de excursão e minha vida agora é só alegria .

    • Felipe Rocha de Assis

      Cara, cada um sorri por onde lhe convém. Minha alegria é colocar o carro na estrada e pisar, levar para um track day e poder abusar, como você citou que sua vida agora é só alegria viajando de avião e fazendo excursões, a minha alegria é quando eu piso no acelerador e o carro me faz colar no banco, é isso que tira meu sorriso!

      • Afonso

        Quem gosta de correr em estrada só pode irresponsável, não respeitam as leis matando pessoas inocentes, e com certeza não tem amor pela vida, para quem não gosta de família, crianças e espero que ninguém da sua família sofra uma perda por um irresponsável, e na minha opinião devia existir pena de morte para quem tira racha nas ruas, mas como se diz cada um vive a vida que quiser mas que pague com conseguencias.

      • feliperochadeassis ):

  • D34D P00l

    Parecem que vão ser os lançamentos mais importantes de 2019, junto com o tcross.
    No entanto para mim, deveria ser utilizado o câmbio DSG banhado a óleo, as patinações que o tiptronic faz dão uma broxada, vc consegue sentir que o motor não ta ligado às rodas de forma direta.
    Digo isso tudo pq sou o dono de um Golf com o mesmo conjunto, que julgo ficar muito mais satisfeito caso o mesmo usasse um DSG.

  • Guh MDNS

    Espera-se preços competitivos???
    Se as versões “normais” ja são caras pra caramba, imagina essas versões “apimentadas”!!!
    A VolksWagen não faz jus a tradução do proprio nome (carro do povo) faz muito tempo!!!
    O que é lamentável, ja que seus produtos são muito bons!!!

  • Verdades sobre o mercado

    Título forçado. Serão carros de imagem que ajudarão a aumentar o desejo pelo modelo, onde quem não tem $$ para tanto acaba comprando uma versão mais barata mesmo. Não passará disso.
    Além disso faltou câmbio DSG e teto solar para uma diferenciação completa em relação às versões Highline.

  • Razzo

    A dupla Polo/Virtus GTS serão responsáveis pelo sepultamento da dupla Golf/Jetta aqui no Brasil.

    • Verdades sobre o mercado

      Nada disso. Os compradores atuais de Golf são aqueles que não aceitam (pseudo) SUV nem um veículo menor (Polo). Os antigos compradores de Golf já foram para os (pseudo) SUVs da concorrÊncia (a VW demorou). Quanto ao Jetta, também não vejo o comprador de sedan médio indo para um sedan “quase médio”, mais fácil irem para o T-Cross.

      • Razzo

        O que você está dizendo que o consumidor do Golf não aceitaria perder 6,9 cm de entre-eixos por um bom desconto, assim como o do Jetta não aceitaria perder 3,7 cm de entre-eixos pelo mesmo motivo ?

        • Oliveira

          Golf 1.0 parte de R$92 mil.. esse Polo, se vier por R$94-96 mil, já mata ele.. o mesmo para Virtus contra Jetta, a R$96-98 mil contra R$100 mil, respectivamente..

          • Razzo

            Comparando Golf 1.0 TSI contra Polo 1.4 TSI ?

            • Oliveira

              estou comparando valores, que é o que boa parte dos compradores irão fazer..

              • Edson Fernandes

                Quem andar nos dois produtos percebe de cara a superioridade do sedan médio. O tipo de rodagem do jetta mesmo é um destaque a parte do produto. É um produto gostoso de tocar e quem gosta de dirigir vai preferir o médio.

                Agora, é uma realidade: As pessoas irão comparar e a depender da prioridade, poderão comprar o compacto. E a VW fica alegre por isso.

        • Verdades sobre o mercado

          Quem compra Golf atualmente não está procurando desconto nem (pseudo) SUV ou Polo. só compra Golf hoje quem quer um ótimo carro e pode pagar por ele. Quanto ao Jetta, entre e ande nele e num Virtus e entenderá porque que o comprador de sedan médio não compra um Virtus. Só vai deixar de comprar um Jetta (ou Civic, ou Cruze ou Corolla) quem estiver com o financeiro curto.

          • MauroRF

            É bem isso mesmo. Médio é médio, e parte para sedãs compactos quem não consegue arcar com o médio. Infelizmente, muita gente está nessa situação hoje por conta da crise.

        • Fuscao

          O Golf é outro carro em relação ao Polo, não é só questão de entre-eixos, é um patamar acima em tudo. Vende pouco pelo preço e modinha de SUV de shopping.

          • Razzo

            Lamento te decepcionar, mas mecanicamente são equivalentes.

            • Fuscao

              Não são não. Claro que o conjunto motor-câmbio do Golf de entrada é igual ao Polo, mas fora isso é notável a diferença entre os mesmos ao guiá-los. Fora questão de acabamento, equipamentos e tudo mais. Outro carro.

              • Razzo

                Motor, câmbio, tipo de suspensão, direção, freios,… não é a toa que chamam o Polo TSI de mini-Golf.

                • Fuscao

                  Fora o motor e câmbio, que já falei, nada do resto que comentou é igual (suspensão tem outra calibração e peças não intercambiáveis, caixa de direção é totalmente diferente, inclusive em sua relação, freios totalmente diferentes, inclusive com cubo menor e furação diferente). Não é porque dois carros usam a “mesma” plataforma (Golf é MQB, Polo é MQB A0), que tem comportamentos e qualidade iguais. O Polo é diferente do Golf que é diferente da Tiguan que é diferente do Passat. Mesmo sendo parecidos em concepção o conjunto da obra é outro. Piloto de ficha técnica não vai conseguir discernir isso.

                  • Razzo

                    Só o Fuscão consegue “discernir” … kkkkkkkkkkkkk….

        • Alexandre Maciel

          Não sei qual é o argumento do colega mas, falando por mim, não aceitaria trocar o interior do Golf pela simplicidade do Polo. São carros que tratam o condutor de maneira bem diferente.

          • Edson Fernandes

            E se houver proximidade de preços (em uma eventual promoção de um para o outro) o Golf 1.4 por exemplo é uma opção mais atraente.

      • Oliveira

        Golf e Jetta já morreram cara, só olhar os números.. no acumulado, Golf vendeu 2.689 e Jetta 3.999.. um chery tiggo, chinês lá, vendeu 4.360, e é o vigésimo entre os SUVs mais vendidos.. hatch médio e peruas já estão mortas por aqui, infelizmente..

        • Verdades sobre o mercado

          sim, o volume é baixo, por isso afirmo que quem compra Golf atualmente não aceita outro segmento, pode até comprar um Cruze HB ou o em breve sepultado Focus, mas não compra carro da moda (pseudo-SUV). Quanto ao Jetta vendeu pouco pois o comprador de sedan médio não é bobo e sabia que a VW lançaria o modelo novo em breve, o problema é que a estratégia de lançamento foi fraca e agora o carro tá nas ccs e não tem compradores. A VW vai ter uma segunda chance de tentar emplacar o Novo Jetta quando lançar o 2.0 TSI, aí ela pode fazer algo interessante, senão vai ficar vendendo 5.000 a 6.000 por ano, quando a expectativa era 10.000 a 15.000.

          • Oliveira

            eu sou fã de VW, sempre gostei muito da marca, mas atualmente, não tem nenhum produto que me atraia.. o Golf era um ótimo carro, quando custava R$74mil e vinha muito bem equipado.. agora parte de ridículos R$92mil e com motor 1.0.. acho pouco provável que a VW consigo reerguer de fato os Golf e Jetta, mesmo com a chegada do 2.0 TSi nele.. e ainda tem a chegada do T-Cross, e ele vai levar uma boa parte dos compradores restantes deles.. SUV é tendência mundial, sempre torci o nariz pra eles, mas depois de dirigir um, entendi o porquê da preferência..

            • Marcos megdA

              Eu mesmo tive que mudar de segmento. Tive um Golf dessa primeira leva e foi fantástico. Se a VW nao tivesse cagado nele, eu trocaria Golf por Golf a cada 3 anos. Agora continuo na casa VW, mas com A3 sedan recém comprado

            • Edson Fernandes

              Não consigo entender pq a VW não manteve apenas o motor 1.4 TSI e 2.0 no Golf. Colocar o motor 1.0 o faz não ser tão atrativo principalmente pelos rivais existentes. Ele pode ter vairas coisas bacanas, mas o 1.0 TSI não é tão atrativo assim.

              • Oliveira

                sinceramente, não consigo entender 99% do que os executivos fazem com a marca.. parecem que não têm a mínima noção do que se passa no mercado.. se esse Golf 1.0 fosse mais barato que o Polo completo, venderia mais pois, R$92 mil no 1.0, R$113mil no 1.4 e R$144mil no 2.0 resultaram nessas vendas vergonhosas de 3.070 veículos no acumulado 2018..

                • Edson Fernandes

                  Eles não querem vender médios. O proprio mercado está mostrando que é melhor vc produzir carros altinhos e mais baratos que os médios e vender pelo mesmo preço e ter um preço inicial mais baixo para dizer ao consumidor: “Olha, o altinho é mais barato e “maior” que esses médios”.

                  E como em nosso mercado quem compra tais carros são pessoas mais leigas (generalizo porque existem quem tem a necessidade, mas a maioria não) e aí o resultado é um sucesso em vendas.

                  E eu concordo contigo. O Golf ainda que completo abrindo mão de alguns itens de conforto, poderia sim canibalizar as vendas das versões de topo do Polo com folga. Já o Golf 1.4 seria a ascensão natural de quem quer pular para o outro patamar.

                  Tanto que não faz sentido com o Cruze sendo vendido por volta dos R$90000 (preço praticado), tendo motor 1.4, algumas conveniencias, etc… o Golf 1.4 custar R$20000 a mais. Do GTI, te diria que isso é efeito da falta de concorrentes do mesmo nivel dele, então a VW coloca o preço que quer. Só que eu pelo meu perfil, iria preferir o Passat.

  • Valdek Waslan

    Golf e Jetta assim, respiram por aparelhos…
    pip pip pip….

  • Augusto

    Se tivesse uma opção manual seria interessante. O câmbio 6MT da VW é excelente, muito melhor que essa joça de patinatronic. Porque raios alguém compra um carro com pretensões esportivas e um cambio automático tão miserável? Não seria melhor comprar a versão normal então? Se é pra andar se incomodando com câmbio lento e ineficiente que engole o motor, seria melhor economizar uma grana e levar o 1.0 TSI que é uma versão muito mais equilibrada.

    • Oliveira

      porque brasileiro gosta de esbanjar, não liga para prazer ao dirigir.. prefere ficar sentado no carro, só usando uma perna e chama isso de conforto.. tem literalmente dezenas de modelos que lá fora, têm a opção de câmbio manual, mas aqui chegam somente na opção automático..

      • Matheus_P

        Na propria argentina tem focus 2.0 178cv com cambio manual

  • invalid_pilot

    Melhor opção de cambio para o GTS seria o DSG a Óleo, mas como DSG ta queimado por aqui a VW vai de AT convencional mesmo e já era.

    • Verdades sobre o mercado

      Se DSG estivesse queimado assim o Golf GTI, Passat e Tiguan não ofereceriam, é uma questão de custos mesmo.

      • Thales Sobral

        Esses dai sao importados..

        • Verdades sobre o mercado

          Jetta também é e não vem com DSG ou o Novo AT de 8 Marchas. Golf GTI é nacional.

          • Alexandre Maciel

            Exatamente. O pessoal ainda acha que o os carros com DQ250 são todos importados.

  • Rogério R.

    Prefiro um Sandero RS 2.0 MT6. Bem mais barato e bem mais divertido para dirigir.

  • MauroRF

    Será apenas um carro de imagem. Se os preços das versões normais já são altos, essas aí então… Some aí seguro bem mais caro por ser esportivo (e seguro de VW geralmente é alto), ou seja, como eu disse, carro de imagem, agregando valor ao modelo.

    • Verdades sobre o mercado

      Seguro caro de VW apenas o Golf, os demais tem valores na média ou abaixo dos concorrentes.

      • Alexandre Maciel

        Tudo depende de perfil. No meu perfil o valor do seguro de um Golf me surpreendeu.

  • Cláudio Modesto

    E vw vai ficar sozinha na festa? Cadê os concorrentes? Argo T-jet? Tem o PUG 208 em linha ainda, né?

    • Vinicius Vasques

      A disputa aí vai ser entre Polo GTS, Sandero RS e 208 GT mesmo.

  • Hugo Leonardo Dos Santos

    Se eu tivesse grana arriscaria no Virtus GTS e não iria de Jetta 250 TSI, pois o Virtus com certeza terá mais equipamentos de série e andará igual ou um pouco mais que o Jetta.

  • Marcelo Henrique

    Que ótimo, amanhã vou conferir o Sandero RS e o 208 GT.

  • Vitor

    A VW já sabe. O Golf GTI trazido pra cá nos anos 90 tinha essa descrição.
    Mas os tempos são outros, duas portas nem Sandero RS nem 208 GT tem, não será o Polo que terá pelo menos na minha opinião. Teto solar poderia ser opcional. Câmbio manual pelo jeito não terá.

  • Marcelo Henrique

    Mas e como o brasileiro mediano vai andar com os seus dois filhos, mulher, sogra, mãe, irmão e cunhada no mesmo carro?
    Tem que ter 4 portas, bancos inteiriços na frente e a atrás e automático ou com marchas na coluna de direção.

    • Vitor

      Acabou com a desculpa de muitos pra não levar a sogra.

      • Marcelo Henrique

        Ou leva a sogra, ou a mulher vai dormir de calça jeans por um mês.
        Ela aguenta, o homem não.

        • Marcelo Ecosta

          Desculpe, não resisti: quando a mulher aguenta um mês, é porque o homem não soube fazer direito até hoje… Hehehehe!

  • Ricardo Blume

    Uma bela de uma nave, mas eu chuto o seu preço na casa dos 100k, empurrando, desta forma, até o preço do Jetta para cima. Não sei mais nem o que dizer a respeito do Golf; eu só choro.

  • Ricardo

    Sem manual não compro.

  • PrGirafales

    vai vender meia duzia e encalhar, a unica coisa ai boa que tem que ter é o teto solar panoramico, FATO, o mercado muda, hj o cara que vai gastar 100k num carro jamais vai comprar um carro manual

    Veja, logico que tera quem compre, mas muita pouca gente essa é a realidade,

  • Danillo Santos

    “Espera-se que os Volkswagen Polo GTS e Virtus GTS tenham preços competitivos.”
    Isso eu não espero, porém quanto mais tipos de carro à venda, melhor para o mercado. Quem não gosta de suv, acha os modelos compactos muito mancos, acha sedã médio carro de tiozão pode parar de mimimi e assinar o cheque para um polo ou virtus gts. Problema que se a marca traz versões mais exclusivas e apimentadas a galera reclama que tá caro. Se a marca traz apenas versões com apelo esportivo no visual a galera reclama que tá querendo enganar o consumidor. Se a marca se restringe ao convencional galera reclama que não se destaca das concorrentes, que só traz lixo pra “banânia” e os carros top só ficam no primeiro mundo etc. E assim vamos passar 2019 igual 2018 e por aí vai…

  • marcos

    Esse Virtus GTS vai até tirar vendas de Corolla, Civic, Sentra, Cruze, e Jetta. Pois, esse Virtus ficou grande, imponente e com esse motor 1.4 Turbo e todos os opcionais, se tiver um preço competitivo, vai chamar a atenção de muita gente que estiver querendo comprar um médio de entrada como os que citei acima.

  • Carlos MP

    O que só os véi paia lembram é q todos os GT da VW tinham preços astronômicos. Se pagamos caro em carro pelado, imagina esse aí q vai ter fila de espera….

  • MonHoe

    Polo e Virtus GTS prometem matar o Golf e o Jetta de vez

    • Alexandre Maciel

      Desejo boa sorte para a VW. Digo isso porque o Polo, por exemplo, sequer calça o chinelo do Golf.

  • Incitatus

    Resumindo, a vw vai cobrar mais caro pelo polo gts que pelo golf highline há dois anos. E a galera vai babar de felicidade.

  • Gran RS 78

    O problema será quanto que a VW irá cobrar por eles, pois se hj um Polo Highline completo já ultrapassa os 80 mil, esse virá no mínimo por uns 95/100 mil reais.

    • Luconces

      Existe um buraco entre os 80 mil do Virtus e os 100 mil do Jetta 250 TSI.

      Um Virtus GTS deve custar entre 85 a 100 tranquilamente.

  • Sera que vem com a mesma batedeira/barulho do porta mala do polo 18/19

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email