Cupês Elétricos Esportivos Europa Porsche

Porsche Taycan será lançado oficialmente no dia 4 de setembro

Porsche Taycan será lançado oficialmente no dia 4 de setembro

O Porsche Taycan será lançado oficialmente no dia 4 de setembro, na Alemanha, China e Canadá, sendo feito através de transmissão simultânea via streaming. A marca de carros esportivos até disponibilizou uma página para essa apresentação ao vivo neste endereço eletrônico.


Com o contador girando, a estreia mundial do Taycan deverá ser o evento mais importante da Porsche nos últimos anos, já que marca um ponto de virada na história do fabricante germânico, que pela primeira vez terá um bólido 100 elétrico, embora não seja o primeiro carro elétrico a ostentar o nome da marca.

Porsche Taycan será lançado oficialmente no dia 4 de setembro

Dos primeiros Lohner-Porsche de 1900 até o Taycan, a Porsche se apoiou durante gerações sobre os motores boxer, inicialmente aparentados com a Volkswagen e depois seguindo seu curso de alta performance com a refrigeração a ar sendo abandonada apenas nos anos 90.


Agora, a Porsche entra numa fase onde os híbridos plug-in já não são mais suficientes o bastante para conter a pressão ambiental vigente na Europa e também na China. Apresentado por Mark Webber, ex-F1 e atual piloto oficial da marca, o evento revelará finalmente as formas do Taycan.

Porsche Taycan será lançado oficialmente no dia 4 de setembro

Por ora, o Porsche Taycan visto nos testes chama atenção por seu conjunto ótico frontal bastante desproporcional. Por isso, a marca deve levar o mistério até o fim, embora já tenha revelado muitos outros detalhes do produto, que estreia como um cupê de quatro portas.

O Taycan terá versões com potências entre 300 e 600 cavalos, usando um sistema elétrico de 800 volts com baterias de lítio de 80 kWh, podendo ser equipado opcionalmente com células de 96 kWh. Isso deverá garantir autonomia acima de 500 km na prática.

Porsche Taycan será lançado oficialmente no dia 4 de setembro

Indo de 0 a 100 km/h em 3,5 segundos, mas com velocidade final limitada a 200 km/h, o Porsche Taycan deverá ser recarregado rapidamente em estações de 250 kW no começo, já que mais adiante o padrão aumentará para 350 kW, permitindo cargas de 80% em menos de 30 minutos.

Porsche Taycan Prototype – Galeria de fotos

[Fonte: Foro Coches Eléctricos]

Porsche Taycan será lançado oficialmente no dia 4 de setembro
Nota média 3.5 de 8 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Rodrigo

    Esses faróis… me lembrou pessoas com conjuntivite. Espero que esse visual não seja o definitivo.

    • Luiz Ricardo

      Acredito que é camuflado essa parte dos faróis, reparando bem parece que está ligado, só que não

    • Jad Bal Ja

      O carro esta camuflado.

  • Josimar Genm Tavares

    Limitado a 200km/h sacanagem hein dona Porsche, ou não tem capacidade para passar disso? Que diferença então fará você comprar um de 600 cavalos de potência se está limitado?

    • Felipe Gomes

      Melhor segurar nossos carros à combustão , e guardar com todo o cuidado . Tudo aponta para um futuro com velocidade limitada em 180 Km/h!!!!!! Vai aparecer um monte de Mimimimi falando que não precisa de mais de q 150Km/h e q 200 Km/h já é muito. Esquece , velocidade nunca é muito! Aiimmm , mais assim vc vai morrer!!! Fo*****se!!

  • Guilherme Martins

    Obviamente o farol tá disfarçado, senão ia ficar igual aqueles 911 antigos ( nem tanto como gostaríamos…)

  • Eduardo 1981

    Caminho sem volta os elétricos.

  • leitor

    Quatro portas num carro desse! Vai ser carro de tiozinho!

  • Fanjos

    Que farol bizarro, mesmo camuflado da para ver que é muito estranho esses buracos, quem tem tripofobia, vai surtar

  • Libertario

    Estão querendo empurrar os elétricos goela abaixo.
    Acho difícil chegar nessa autonomia (500km) ainda mais com a velocidade que pode atingir, acho difícil conseguir conciliar vários pontos de recarga rápida nas estradas (não esquecer a diferença de padrões de conexões de plugs entre os vários elétricos existentes), bem como na prática ter uma capacidade de recarga tão alta em pouco tempo.

    Enfim, ainda vejo o motor elétrico bom para cidade e motor a combustível bom para estrada, portanto o hibrido plugin a melhor opção entre os dois mundos.

  • Murilo Gheller

    Sobre os faróis, tenho a impressão que é só uma pintura 3d ao redor do farol efetivamente.. se reparem, não existe vinco entre eles e a lata… mas se olharem o conjunto óptico interno, perceberão o vinco… ou seja, camuflaram com uma pintura 3d… muito bem feita, por sinal…

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email