Audi Europa Hatches Projeções

Próximo Audi A1 aparecerá com MQB A0 em Genebra

audi-a1-2018-projeção Próximo Audi A1 aparecerá com MQB A0 em Genebra

A próxima geração do Audi A1 será apresentada em 2018 no Salão de Genebra. O hatch de entrada da marca de luxo alemã agora passará a adotar também a plataforma modular MQB A0, a mesma do Volkswagen Polo e outros modelos do grupo VW, entre eles o Seat Ibiza, que foi o primeiro.



Uma projeção do site francês Auto-Moto mostra como esse novo Audi A1 deverá se parecer. Mais largo e baixo, o compacto premium não deverá ficar muito distante de Polo e Ibiza em seu forma geral, mantendo também o DNA que o caracteriza desde o seu lançamento em 2010.

Mas, entre as novidades, a mais importante será a ausência da versão de duas portas. O motivo é a queda nas vendas de hatch pequenos com duas entradas, daí o motivo pelo qual o Volkswagen Polo 2018 e o Seat Ibiza 2018 deixaram essa opção de lado. Mesmo sendo de luxo, o Audi A1 2018 deverá ter apenas quatro entradas, conforme dizem as fontes europeias, ficando assim apenas o A1 Sportback.

Atualmente com 3,95 m, o Audi A1 2018 deve chegar com algo em torno de 4,05 m, além de ver seu entre-eixos subir de 2,46 m para 2,56 m, o mesmo do Novo Polo. Já em termos de largura, deve ficar apenas um pouco mais largo, pois atualmente tem 1,74 m. Mas, o que vai mudar mesmo é o espaço interno, mais generoso atrás, assim como o porta-malas.

No visual, faróis full LED de lentes complexas e dotadas de LEDs diurnos centralizados e horizontais, deverão marcar o modelo, assim como a enorme grade hexagonal. O Audi A1 2018 também ganhará um novo conjunto ótico traseiro de LED, cujo desenho não deve ir muito longe do que se vê atualmente.

Colunas C mais estreitas, assim como ampliação da área envidraçada poderão estar presentes, assim como vincos mais marcantes e novas maçanetas de alça com abertura vertical, como visto no Audi Q5. Por dentro, o painel deve usar e abusar de telas digitais, sendo o Audi Virtual Cockpit opção junto com a multimídia MMI com tela fixa de 8 ou mais polegadas. O ambiente deve ficar ainda mais minimalista e mais esportivo.

Na mecânica, o Audi A1 2018 deve fazer amplo uso do motor 1.0 TFSI, começando pela versão de 82 cv (sim, com turbo), bem como uma intermediária de 95 cv e outra com 115 cv. Além disso, o 1.5 TFSI de 150 cv e uma variante S1 2.0 TFSI com 252 cv são esperados, além do diesel 1.6 TDI. O DSG de 7 marchas deve aparecer no 1.0 TFSI a partir de 95 cv, enquanto o de seis marchas estará no S1, que também deve chegar com tração Quattro.

[Fonte: IAB/Projeção: Auto-Moto]

 

  • Natán Barreto

    Ou seja, vai chegar do tamanho do antigo A3 e numa proposta diferente. Antes ele batia de frente com Mini (apesar desse ter crescido e ficado uma aberração).

  • Ygor Soares

    Espero que melhorem e muito…. pois hoje cobram muito caro pelo que oferece!

    • Nicolas_RS

      E com certeza vai continuar, hoje o Audi A1 bate facilmente os 70 mil reais USADO, imagine agora com o Polo, vai vir próximo dos 100 mil.

  • TT 230

    Polo com Soft touch.

    Vai ser fabricado no Brasil? Terá (também) o powetrain do Polo? E o precinho? Deve partir de 100 mil.

    • G.Alonso

      Na verdade o Polo na Europa tem soft touch no painel também.

      • Bruno Silva

        Só na versão Highline, todos os outros são plástico duro.

        • G.Alonso

          Mas tem.

        • João Martini

          Eu entrei em um Polo beats na França e tinha.

      • TT 230

        Me refiro ao nosso mercado. A principal diferença entre Polo e A1 vai ser o acabamento.

        • Ygor Soares

          Além do ótimo acabamento você terá o péssimo atendimento da Audi Brasil e o preço absurdo de revisão e peças.

    • th!nk.t4nk

      Soft touch é o de menos. O A1 atual já se diferencia bem do Polo em termos gerais de fabricação. Tem melhor isolamento acústico, vários aspectos mecânicos exclusivos e acabamento bem superior (de qualidade dos bancos até detalhes de montagem). O próximo deve manter ou até aumentar essa distância pro Polo, ao que tudo indica. Eu sei que muita gente só olha a “casca” e itens de série, mas nos mercados onde o A1 vende bem de fato o povo é chato com detalhes construtivos, coisas que no BR ninguém dá valor.

      • Luis Burro

        Ué,mas não é isto q o diferencia ser Premium?Se não tiver pra q compra lo?

        • th!nk.t4nk

          Seria. Mas como disse, no BR dão mais valor ao visual, marca e itens de série. Aspectos construtivos, detalhes de montagem/acabamento e de projeto a maioria nem considera, infelizmente.

      • TT 230

        Com certeza. Foi apenas uma definição rápida do que será o A1. Olha que já fico imaginando os títulos das matérias quando for lançado no Brasil. Rsrs

        O Polo é um carro bem construído, os encaixes são bons e o A1 pode ser montado no Brasil com o mesmo conjunto mecânico do Polo – assim como ocorre entre A3 e Golf. Então o A1 teria o Plus da ainda mais apurada construção que atende ao padrão europeu de segurança, airbags de cortina, acabamento melhor, status e exclusividade. No mesmo powertrain, quanto vai custar tudo isso a mais aqui no Brasil comparado com o Polo? Essa é a pergunta.

    • Edson Fernandes

      Prefiro o 1.4 TSI mesmo.

  • Ricardo

    Estava precisando de uma nova geração! Um dia terei!

  • Bruno

    Que frente horrível… Igual a do novo A8, com certeza deve ser um ótimo carro, mas aquela frente, pqp

    • Luis Burro

      Só q no A8 não fica tão feia e estranha!

    • Luis Burro

      Acho q devia ficar mais como o A5!

      • Bruno

        concordo

  • Luis Burro

    Nossa,mas se ficar com esta frente acabaram com o carro!
    Alias,tao acabando com todos esticando-os deste jeito,só pq curto um carro compacto!

  • Isaac Ferreira Santo

    Lembro da primeira e unica vez que entrei no banco de trás de um AUDI A1. Logo pensei, Putz, mais apertado que o meu PUNTO. Que porcaria

    • th!nk.t4nk

      É carro feito pra andar sozinho, no máximo com um amigo. Aqui na Alemanha é um dos preferidos dos universitários. Isso nao torna o carro ruim, é a proposta dele (nao é carro pra família).

  • PEDAORM

    A atual geração só não entrou como usado na minha garagem, pelos inúmeros problemas confiabilidade desse Stronic7 aliado a negação da Audi em fazer algo a respeito.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend