Argentina Citroen Mercado Montadoras/Fábricas Peugeot PSA

PSA fala sobre picape média e plataforma CMP feitas na Argentina

peugeot-pickup-3

A PSA está investindo US$ 320 milhões em sua planta argentina de El Palomar, onde hoje são feitos os modelos Peugeot 308 e 408, Peugeot Partner, Citroën C4 Lounge e Berlingo. Com esse valor, a fábrica passará a ter capacidade técnica para produzir a plataforma modular comum (CMP na sigla em inglês), que foi desenvolvida em parceria com a chinesa Dongfeng, que é um dos três acionistas majoritários do grupo francês.


De acordo com o publicado no jornal Clarín, reproduzido pelo site Autoblog Argentina, a PSA pretende produzir essa nova base apenas em El Palomar, contrariando uma certa lógica, quando a própria montadora diz que a operação do Mercosul segue para uma plataforma única para todo seu portfólio e esta é a CMP. O motivo do investimento na unidade da Grande Buenos Aires, é um só: vendas. O mercado vizinho é para a PSA o dobro do que é o brasileiro.

Se aqui 308 e 408 têm vendas tão baixas que agora só atendem frotistas, no país vizinho eles vendem bem. O Peugeot 208, por exemplo, é um dos carros mais vendidos daquele país. Da mesma forma, a Citroën não fica atrás, embora agora conte apenas com o C4 Lounge na gama alta. Mas, os compactos que a PSA vende por lá são feitos em Porto Real-RJ. E esse é o filão dessas marcas francesas.

psa-platform


A PSA não diz nada sobre o que será feito em El Palomar, mas parece óbvio que as próximas gerações do 208 e do C3 poderão mudar de idioma futuramente. Na Europa, já se espera o Novo 208 sobre a CMP ainda este ano, tendo o mesmo destino o 2008. A empresa fala que os novos produtos estarão em segmentos hoje não ocupados pelas marcas, mas reconhece a queda nos volumes do segmento médio e a alta nas vendas de utilitários esportivos.

Modelos específicos para China e Mercosul não provocariam nenhum espanto em quem conhece o histórico recente da PSA. Gerações de sedãs surgiram primeiro no mercado asiático e depois apareceram aqui através de El Palomar, como acontecerá novamente nesta semana com o C4 Lounge 2019. Mas o que será de Porto Real? E a base PF1? Questões que a PSA terá de responder mais adiante. No entanto, outro caminho pode ser trilhado a partir da CMP.

Um desenvolvimento local, ou melhor, para a região China-América do Sul pode obter resultados importantes em termos de vendas, podendo ainda exportar tais produtos para países como Rússia, Irã e Índia, além da África, onde a PSA anda plantando pequenas operações em países sem nenhum histórico automotivo, como a Namíbia, que terá até Opel sendo montado localmente. A África é um mercado continental para a PSA com um milhão de veículos em 2025, estima.

Dongfeng-P16

Também é de lá que vem outra boa nova para a PSA em El Palomar. A empresa estuda a produção de uma picape média. Na Tunísia, a empresa começou a vender o modelo Peugeot Pickup, derivado de uma picape de baixo custo da Dongfeng, cópia de um Nissan. Obviamente esse modelo não será feito na Argentina e temos todos os motivos para crer nisso. Trata-se de um projeto antigo e com nível de segurança abaixo do patamar local.

Além disso, a Argentina tem fama de produzir boas picapes e a PSA, como único fabricante do Mercosul que vende mais lá do que aqui, jamais pensaria em vender um produto que estivesse tão abaixo dos rivais. Então, o que se pode esperar é um modelo novo, feito tanto para a Dongfeng quanto para a Peugeot, mas com níveis de qualidade, engenharia e segurança no patamar da concorrência, pelo menos. A Dongfeng P16 (foto acima) poderia ser um ponto de partida para isso.

[Fonte: Autoblog Argentina]

COMPARTILHAR:
  • Eduardo T. Küll

    A questão a ser respondida e que nem mesmo a imprensa dita especializada levantou é: SE FUTUROS 208 E C3 VÃO SER FEITOS NA ARGENTINA, O QUE SERÁ FEITO AQUI, EM PORTO REAL? Até agora nem um único site, seja os especializados, seja de revistas, de cadernos de jornais levantou esta questão.

    • Erasmo Artur

      Calma jovem.

      Tudo indica que Porto Real ficará com a fabricação dos derivados da moderna plataforma EMP2. A citroen já confirmou isso com a fabricação local do c4 cactus. A Peugeot estuda a montagem do 3008. Por tabela alguns outros EMP2 podem vir, como o 308 e C4 picasso.

      • Marcos

        O C4 Cactus é feito sobre a PF1 a mesma do 208 e C3. A fábrica de Porto Real deve ficar com os suvs compactos na faixa de 60 a 100 mil, é o que está apontando os movimentos da PSA.

        • Erasmo Artur

          Li na noticia do site motorone que é EMP2. Mas tou achando que é PF1 mesmo. Estranho.

          • Gomes

            Na Europa é PF1, mantém sentido fazer Cactus aqui com outra plataforma. O mais provável é que terão outro portfolio para a PF1 de Porto Real, ou até mesmo usar a estratégia usada por várias outras… fábrica o novo na Argentina e continua com o atual Aqui, num preço mais baixo…

            • oscar.fr

              Creio que é exatamente isso que vai acontecer. Até porque, a PSA não estaria nada errada em fazer isso. Os atuais 208 e C3 brasileiros podem muito tranquilimente superar os modelos de entrada das marcas rivais, enquanto as suas novas gerações, já produzidas na Argentina, deverão ser vendidas apenas com motores PureTech turbo.

  • 1 Raul

    Que pick up linda, parece aquela nova da Mercedes… sqn

  • Hoffmann

    Quando falam de picape da Peugeot me recorda a saudosa 504, que inclusive era feita na Argentina e foi vendida aqui com motor Diesel. Burro de carga que não reclamava de serviço, lembro da inscrição “1,3 Tonelada” na traseira. Um tio meu usou uma que tirou zero km na labuta por mais de dez anos e a danada era bem valente, nunca pediu arrego.

    E que picape bonita essa Dongfeng P16.

    • Luciano RC

      Essa Picape até hoje é boa pra trabalhar. Motor fraco, porém muito robusto e durável.

      • Unknown

        E eu considero o design dela muito bonito, ao menos para a época…

    • Cromo

      Ela venderia pouco aqui, mas como é muito valente, ajudaria muito na imagem da Peugeot, a fama teria sido ótima à marca.

  • No_Name

    Sombrio futuro para a fábrica brasileira da PSA…
    Tem um site que aponta para projetos low cost que supostamente já estariam em desenvolvimento.

    • E vai vender muito mais do que o 208 atual.

      Renault está aí para provar.

    • Jurandir Filho

      A fabrica de porto real vai ficar com a produção do C4 cactus que usa a mesma plataforma do 2008

    • Fernando W

      PEUGEOT deveria ter trazido o 301 para cá. Acho que venderia alguma coisa, pelo menos na média do 208.

    • Tem que vir com o 301 e manter o 2008 aqui.

  • Luciano RC

    Sabe porque ela vende bem na Argentina e não aqui? Por causa da gestão comercial que faz. A PSA do Brasil é um lixo em gestão. Precisa contratar gente competente para reverter isso.

    • Peugeot tem muita tradição na Argentina. Eles lideraram o mercado de lá por anos.

      • Luciano RC

        Deveria mandar pra cá os diretores e presidente… porque os daqui não sabem trabalhar.

  • Erivelton Freitas

    Meu medo é que fosse uma coisa bem tosca, tipo a Peugeot Pick-Up vendida na África, mas como a ideia já foi descartada pela matéria, então eu não vou esperar nada a menos que isso: https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcSeJyUH4dpTFtgxLETlQczQ3gJBNxiLzJuhldI9Q671Oii4EUXN

  • Marcus Vinicius

    Picape chinesa do mesmo porte da Hilux !

    • Mauricio Antonello

      Pela metade do preço

  • Alexandre

    kkk venha concorrência

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email