Peugeot Pickups PSA

PSA pode anunciar uma picape na próxima semana

Peugeot Hoggar

Já faz algum tempo que rumores falam de uma nova picape do grupo francês PSA. Após o fracasso da Hoggar no Brasil, a empresa teria novamente se interessado por um comercial leve desse segmento.

A intenção era fazer uma parceria com a Fiat e desenvolver um novo veículo, mas a italiana acabou casando com a japonesa Mitsubishi, que também é sócia da francesa em alguns modelos, especialmente elétricos.

Mas, como já se sabe, a PSA está substituindo os crossovers e SUVs de origem Mitsubishi por modelos próprios. No caso dos elétricos, a ideia agora é desenvolver seus futuros modelos em casa.

Então, sem perspectiva de unir-se novamente à Mitsubishi, que acabou fazendo um acordo com a Fiat, a PSA pode acabar fechando a Toyota. Como a Fullback já preencheu a lacuna da marca italiana, a Hilux poderia fazer o mesmo pela francesa. No entanto, o negócio já pode ter sido fechado, pois de acordo com o site Autocar, a PSA deve anunciar uma picape nova na semana que vem.

Se de fato for a Hilux, a PSA (Peugeot) poderia entrar no mercado de picapes médias na Europa, ainda mais após o lançamento dos comerciais leves Traveler e Spacetourer, feitas em conjunto com o Toyota ProAce. Mas, não devemos esperar nada nesse sentido no Brasil. Rumores também falam de uma variante Peugeot da Fiat Toro.

[Fonte: Autocar]





  • Franco da Silva

    Pq tem uma foto e citam a Hoggar se o assunto não envolve o Brasil?!

    • leomix leo

      Acho que é um feedbacks, para nos lembrarmos dessa bizarrice.

      • oscar.fr

        Bizarrice pois Cougar, Saveiro, Montana (!!) e Strada são verdadeiras maravilhas.

        • Bruno Wendel Marcolino

          Todas tem seus lados bizarros, mas a PUG se superou.

          • Pacheco

            A da Peugeot realmente foi um chute no escuro. O carro não tinha versões atrativas, não tinha nada inovador no segmento e uma durabilidade duvidosa. A unica coisa boa era a maior caçamba da categoria, que na vdd é somente no segmento de entrada que valorizam. A Strada está ai pra mostrar isso… as versões CD vendem metade e tem uma caçamba de enfeite.

      • Pedro Rocha

        Hoggar, a horrível, foi o maior erro de estratégia da PSA no Brasil. Se tivessem trazido o Partner 4×4 numa versão picape e com motor flex, a Peugeot teria um produto único no mercado (a produção da Pampa 4×4 foi encerrada em 1995) e superior à concorrência até hoje, pois nem a Oroch ainda tem versão 4×4.

    • Leonardo C.

      Pq associaram picape Peugeot e lembraram dessa “coisa” aí

    • Denis

      O Noticias Automotivas tem horas que AUMENTAM, mas NÃO INVENTAM. Por Isso!!!!! kkkkk.

    • A 504 Pickup teve maior sucesso que a Hoggar,

      • Denis

        Isso sim. Quando eu era “pequeno” via muito Peugeot 504, principalmente pelo seu empenho diversos…. Além da tradicional cabine simples, haviam a cabine dupla e a chassi cabine. A picape era vendida em duas versões: A GD era básica demais e trazia só o ar quente, banco do motorista com regulagem de altura e trava antifurto nas portas. Não apresentava de opcionais, e sua tração era sempre 4×2. Já a GRD, acrescentava o ar-condicionado, radio toca-fitas e bancos revestidos em veludo. Opcionalmente podia vim com o sistema de tração 4×4. Seu motor era um 2.3 movido a diesel que gerava 70 cavalos de potencia. O Peugeot 504 durou entre 1994 á 1999, sempre a serviço do trabalho.

        • DPSF

          Nunca vi uma dessa cabine dupla na rua. Acho q no brasil só importaram a simples.

          • Denis

            A cabine dupla foi importada unicamente no ano de 1997, em especial a versão GRD, a mais cara. No entanto, a tabela Fipe condiz que só havia a configuração cabine simples. Mas a cabine dupla existiu sim no Brasil, na qual define como uma raridade contida na atualidade.

            • Ainnem Agon

              Tu manja

            • Daniel

              achei uma 1996/1996 no webmotors

          • Victor Hugo

            Já vi em Rio Claro. Muito boa!

        • Pedro Rocha

          Creio que foi o melhor produto que a Peugeot teve no Brasil. Essa picape foi sonho de consumo em sua época, pois tinha melhor preço se comparada às concorrentes D20 e F1000.

          • Pacheco

            Carregava 1 tonelada e o motor era voltado pra ser duravel. Era ruim de desempenho, mas arrochava carga e aguentava o tranco.

        • Pacheco

          A danadinha é fraca e falam que tem uma manutenção cara, mas aguenta o tranco e levava 1 tonelada. Acha algumas rodando por ai.

      • leomix leo

        Meu pai teve uma dessa, na cor vinho. Era muito ruim o câmbio. Duro pra caramba e a suspensão mais dura que a de um uno eletronic que minha mãe tinha. Na época meu pai tinha um monza e me lembro que quando saia de dentro dela e entrava no monza, parecia que tinha saído do inferno para o céu.

  • Marco Antônio

    Essa toro PSA é só rumor. Só pra alimentar comentários e ibope. kkk

  • Jorge

    Peugeot Hilux

  • Leonel

    Nem lembrava que este carro existia…haha

  • Felippe

    Será que a Peugeot vai conseguir consertar o design da Corollux?

  • zekinha71

    Tem que ser uma sucessora da 504, que era guerreira, pois a Hoggar foi uma piada mal contada.

  • pedro rt

    deveriam ter colocado a foto da peugeot 504, essa era picape de verdade e nao esse remendo mal feito da hoggar…

  • Hadson Nobre

    Essa parceria com a Fiat não causaria espanto. Basta ver a Doblô e a Ducato e suas versões similares da Peugeot e Citroen.

  • Victor Hugo

    Não vi nem um comentário que informa ao certo por que a Hoggar era tão ruim. Achava ela bonita! Mas não conheço nada do carro!

    • Marcello Machado Eiras

      na minha opinião oque pesou contra a Hoggar foi a fama que a peugeot tem de manutenção cara principalmente em um carro desses

    • Rodrigo

      Eu tive uma e hoje está com meu pai, 80.000km e nenhum problema mecanico, revisões tranquilas, grande caçamba e motor que aguenta bem, acho que foi a má fama da ®enault foi que descontinuou a Hoggar, não a picape em si.

      • Tiago A M Ferreira

        Má fama da Peugeot, e não Renault. Está última, aliás, está demorando demais com versões mais simples, voltadas aos frotistas, e até mesmo a 4×4.
        Com relação a essas 504, me desculpem a sinceridade, mas eu e minha família temos loja de auto peças e essa pick up, apesar de alguns diferenciais em sua época, é uma “bomba” em questão de manutenção.
        Lembro-me perfeitamente de ter vendido há alguns anos uma bomba dágua de uma 504 e o motor era de Pajero, devido a parceria das empresas.
        O mesmo já aconteceu com o Laguna com motor Volvo, outra “maravilha” em termos de facilidade de peças.
        O que realmente dificulta as coisas aqui no Heuesil, em termos de veículos para trabalho, é a questão $$ e tempo de reparo.
        A Kombi era rústica, antiquada e insegura, mas bastava ligar e encontrar a peça na hora.
        A versão flex já era um pouco mais difícil, tinha peças só dela e mais caras, como coroa e pinhão, mas mesmo assim não chega a ser absurdo, não.

  • Filipo

    Uma Hilux Peugeot seria o veículo da PSA mais confiável dos últimos tempos!

    • Pacheco

      Não duvido da capacidade da Peugeot em estragar a Hilux. KKKKKKK

  • Martins Junior

    Outra…a Peugeot já se queimou!
    O mais estranho é que assim que começaram as vendas da Hoggar, se iniciaram também diversas teorias do carro. Nem tentaram recuperar o investimento fazendo uma versão com cabine estendida ou facelift, agora querem lançar outra? kkkkkk

    • Pacheco

      Já imaginou a bizarrice que seria uma 208 Hoggar? KKKKK

      Pra mim o carro errou em ter a frente do 207, versões totalmente fora da concorrencia, falta de cabine estendida e inovações num segmento onde Strada sempre está colocando uma cereja no bolo.

  • jkpops

    picape da peugeout quem comprou teve que hoggar no lixo kkkkkkkkkkkkk



Send this to friend