Finanças Governamental/Legal

Quais os benefícios do aumento de etanol na gasolina?

combustivel1-620x465 Quais os benefícios do aumento de etanol na gasolina?

Em entrevista ao Notícias Automotivas, especialista da Unica explica que maior ganho é do meio ambiente



Sueli Osório

Desde o dia 1° de maio, a quantidade de etanol anidro misturada à gasolina subiu de 20% para 25%.  A medida é mais uma tentativa da equipe econômica do governo de reduzir a inflação ao consumidor, já que o preço do álcool praticado nas refinarias é sensivelmente menor que o do derivado de petróleo. Mas será que o preço da gasolina tenderá a ficar mais baixo? E quais são os outros benefícios do uso do etanol, principalmente para o meio ambiente?

Entrevistamos o consultor de emissões e tecnologia da Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar), Alfred Szwarc, que respondeu a nossas questões:

Com a adição de 25% de etanol à gasolina, o preço da gasolina deve baixar?

O preço da gasolina comum é formado pela composição dos preços relativos da gasolina e do etanol. O preço final depende de como esses preços vão se comportar, não sendo possível dizer com precisão qual será o impacto final desse aumento de etanol no preço da gasolina. O que se pode antever, com certeza, é que o aumento do teor de etanol deve reduzir o prejuízo da Petrobras com a importação da gasolina.

Até que ponto vale a pena abastecer com etanol e não gasolina, do ponto de vista do preço do combustível e consumo?

Os veículos são homologados junto ao Ibama e Inmetro utilizando gasolina com 22% de etanol e saem de fábrica com essa calibração, o que torna variações do teor de etanol entre 20% e 25% marginais em termos de alteração no consumo do veículo, inferiores, inclusive, a variações causadas pelo uso do ar-condicionado ou descalibração nos pneus.

Continua valendo a relação de paridade de 70%, ou seja, se o preço do etanol for igual a 70% do preço da gasolina, em geral (essa relação pode variar dependendo do veículo) a seleção do combustível é indiferente sob o ponto de vista econômico. Se, entretanto, o etanol custar menos que 70% do preço da gasolina, compensa utilizar o combustível renovável.

Quais as diferenças do etanol hidratado para o etanol anidro?

O etanol hidratado, que é o produto disponível nas bombas dos postos de combustível, contem cerca de 5% de água, que é o teor usual existente no processo de destilação, usado na produção do etanol. Importante esclarecer que essa água já existe no produto, não é adicionada. O etanol anidro, que é misturado na gasolina, nada mais é do que o etanol hidratado que passou por processamento para reduzir o teor de água a aproximadamente 0,5%.

Que benefícios o abastecimento apenas com etanol traz ao meio ambiente? E quais os benefícios de adicionar 25% de etanol anidro à gasolina?

Em comparação com a gasolina disponível no mercado, o etanol apresenta uma concentração média 100 vezes menor de enxofre, o que se reflete no fato de que o etanol praticamente não gera a emissão dos óxidos de enxofre, importante poluente, para a atmosfera. Outra vantagem é que os compostos orgânicos gerados na queima dos combustíveis são consideravelmente menos tóxicos com o etanol. A emissão de partículas de carbono na faixa respirável também é substancialmente menor com o etanol.

Contudo, o maior benefício do uso do etanol é a enorme redução na emissão de gás carbônico (CO2), principal gás responsável pelo Efeito Estufa, que vem impactando o clima em todo o mundo. Em comparação com a gasolina, o etanol possibilita a redução de aproximadamente 90% da emissão de CO2 ao longo do seu ciclo de vida (produção, transporte e uso final). Estimativas da Unica indicam que o uso do etanol nos veículos flexíveis, de março de 2003 (quando esses veículos foram lançados no mercado) até março de 2012, evitou a emissão de cerca de 190 milhões de toneladas de CO2 para a atmosfera.

Para se conseguir esse mesmo resultado apenas com o plantio de árvores nativas seria necessário o plantio de aproximadamente 1,3 bilhão de árvores, e o resultado demoraria 20 anos para ser atingido (20 anos é o período do crescimento das árvores adotado no estudo, quando a absorção de CO2 pelo processo de fotossíntese é mais intenso). O aumento do teor de etanol na gasolina, de 20% para 25%, melhora o desempenho ambiental do combustível.

  • VictorHugo

    Lorota pura! Aumentam alcool na gasolina e tem a cara de pau de aumentar o preço!

    • yuri calmon

      Só com o GNV você pode ter certeza do que está comprando !!!B) KKK

      • Viníciusk

        E olha lá amigo, vai saber se não misturam até "pum" no GNV!! hahahahaha

        Piadas a parte, a ganância é tanta que realmente eu não acredito em mais nada que vendem. Sempre, mas SEMPRE, se já não conseguiram, um dia conseguem dar um jeito de adulterar pra ganhar mais.

      • Felipe Augusto

        nem isso , um posto proximo a minha casa aqui na zona norte do RJ , foi fechado pois estava misturando ar comprimido com gnv na hora do abastecimento.

    • bandaxadibar

      Nunca consegui abastecer meu carro frex porque aqui onde moro o álcool nunca foi mais em conta que a gasolina…..

    • Andrex2501

      Claro q existem benefícios, é que vcs estão sendo cabeça-dura! O único beneficio que contem e pros usineiros que detem o monopolio do combustivel e assim aumenta margem de lucro deles!! E o consumidor nessa brincadeira, dança como sempre!!!

      O carro bebe mais e a vida útil do motor é reduzida! Só aqui mesmo, nesse nosso mijo que ousam chamar de gasolina!!

      • AniBALL1975

        No meu carro ate tentei usar alcool no inicio, mas rodando so em estradas não compensa, cidade parece um V 8 de tanto que gasta essa balela da Unica e conversa para boi dormir, o governo sempre apoiando os que financiam as campanhas politicas

      • CharlesAle

        Andrex,fora a questão do consumo,que isso vária de carro para carro,mas posso falar de durabilidade,e te garanto que o motor a alcool dura tanto,ou até mais que um a gasolina,o álcool queima limpo,não suja o motor nem o óleo,tanto que eu sempre disse no meu antigo trabalho que o óleo para os carros só alcool não precisava ser a mesma do gasolina,é que teve mecânico que gosta de fazer videozinho do youtube que falou que álcool faz o motor durar menos,não é verdade,converse com um mecânico que já trabalhou com motores só álcool e pergunte qual que estava sempre limpo e em bem melhor estado na hora de desmontar,se o álcool,ou gasolina!!um abraço….

    • afonso200

      nos meus carros antigos que tenho, (pequena coleção de 4 dcarros) p/ dar umas voltas nos findi, já senti o carburador dando uma engasgada por causa do maldito alcool

      • Matheus_P

        Gasolina podium neles! Trate seu antigos do coracao com carinho! Hehehehe

  • Silvinn

    Qual o benefício? Ah… fácil, redução do preço né….de R$ 2,89999 para R$2,8988888!

    • rafa_marcao

      Enche o tanque senhor! Ta muito barato!

    • braZuca

      O pior de tudo é que pro meio ambiente não traz benefício nenhum. Vejamos o porque:

      Para obter o etanol é necessário a plantação de cana de açúcar. Para obter a cana de açúcar é necessário o desmatamento, ou seja, é melhor poluir o ar em determinada quantidade, mas deixar as árvores para o limparem novamente com a fotossíntese, do que derrubar as árvores para produzir um combustível menos poluente.

      Simples assim, fim do etanol! Todo mundo feliz (exceto os donos de usinas).

  • Bruno Shirasuna

    E é em nome do meio ambiente também que estamos te roubando!
    Sei que este fator pesa muito na nossa consciência, porém do que adianta ser mais um desses brasileiros que pagam fortunas em tributos e ainda recebem um produto que nem ao menos é o que é pedido? Se quero etanol vou lá e peço, porém é certo obrigar o consumidor a levar isso? Sem contar que isso pode causar danos aos motores de carros importados, dos quais não tem preparação para tanto etanol.

    • Barneyatomico

      Essa história de que álcool é muito benéfico para o meio-ambiente é balela. O que acontece é que com o plantio de cana, áreas imensas de vegetação nativa são destruídas para dar lugar ao plantio, formando os conhecidos desertos verdes. Isso destrói a fauna e a flora local, diminuindo drasticamente a biodiversidade, e tem efeitos muito mais danosos ao ambiente do que teria a falácia do aquecimento global, que só serve para alimentar a industria verde. Temos que parar de tentar acabar com o aquecimento (ou resfriamento) global, que é um fenômeno natural causado pelo, além de outras coisas, ciclo de Milankovitch (só procurar no google), ou seja, o homem nada, ou muito pouco, pode fazer sobre esse problema. Temos sim é que tentar achar soluções para problemas mais urgentes e que possamos resolver, como o desmatamento e a poluição.

  • VeioRanzinza

    Posso responder diretamente a pergunta?

    Nenhum benefício.

    Se eu quiser misturar, faço eu mesmo.

  • brunocriv

    É o único jeito de etanol entrar no meu tanque atualmente. Saudades do alcool a R$ 1,09

    • silasrana

      Saudades do etanol a 0,98 centavos, que já paguei a não mais que 6 anos atrás…

      • Renato_Duarte

        vcs são novos entao,,, me lembro que no ano de 1999 o alcool aqui em Goias custava miseros 0,39 centavos ,, meu pai tinha um passat gts poiter 1.8 e era muito feliz em ter um carro a alcool,, agora é só saudades

        • silasrana

          Me lembro vagamente dos 0,39 centavos por litro de etanol. Era criança ainda. Os 98 centavos foi o que paguei por litro no primeiro tanque que eu abasteci com meu próprio dinheiro!

    • Rafael1989

      eu lembro de viajar com meu pai e ver ele abastecendo a parati 89 pagando 0,76 no litro do alcool.

  • Alberto

    Dizem que os donos de refinaria começaram a ter dificuldade em pagar o IPVA dos Porsches, então a conta veio para o consumidor final, adicionando compulsivamente o produto deles à gasolina.

    Não é à toa que os carros no Brasil raramente passam dos 200 mil km. Com uma urina dessas no tanque, não dá pra esperar muito mesmo.

    • Tejolo

      Pode citar as fontes sobre a durabilidade? A minha frota roda 100% com etanol, e raramente algum motor precisa sofrer intervenção tipo retíica antes dos 350.000km, isso rodando em ambientes severos e muitas vezes com peso acima do recomendado pelo fabricante. Agora, se os postos adulteram o combustível o problema é outro.

      • netovski

        Quais modelos compõem sua frota?

        • CharlesAle

          Opa ,essa eu posso responder hehe,pois já fui encarregado de manutenção de frota,os carros flex que só rodavam no alccol,que eram vários unos e fiorinos,além de couriers,passavam fácil dos 300 mil rodados,só no alcool,pois o motor ficava sempre limpo,não era necessário descarbonizar,como nas demais a gasolina,e tinha outras 3 fiorinos de 94,na reserva técnica,que já beiravam os 400 mil rodados sem abrir o motor para nada,e eram a alccol original monoponto!!!

        • Tejolo

          Gol, saveiro, kombi, S-10, Ranger, Strada. se não estou muito enganado, hoje cerca de 40% da frota está entre 300.000 e 350.000km, e quase todos ainda originais. Incrivelmente as S-10 são as piores de todos, já fiz motor de três com pouco mais de 100.000km (flex). Estão desmanchando, coitadas. E não tem peça no mercado…. uma lástima.

          • dorovanius

            Quais são os mais resistentes dos carros de sua frota?

      • jaderf

        Mas frota é complicado de medir…assim como taxis, que mesmo com gnv conseguem rodar facil 500 milkm…esses motores rodam praticamente o dia todo, dificil do motor esfriar, entao está quase sempre na temperatura ideal de funcionamento. O que mata nos carros comuns é ligar demanha, andar no maximo 10km pra chegar ao trabalho, desliga, liga na hora do almoço com ele frio, anda 2 km até o restaurante, desliga, liga de volta, volta pro trabalho, desliga, liga as 6 ou 7 da noite já com ele frio denovo, chega em casa, desliga….isso mata o motor, por isso que é realmente como nosso amigo ali disse, pra chegar em 200 mil km INTEIROS, é raro…troca de oleo de 5 em 5 mil, e olha lá…se chegar…

        • CharlesAle

          Sim,o pessoal não entende que a melhor temperatura para durabilidade do motor é a normal de funcionamento,mesmo a pessoa que roda pouco para ir ao trabalho,deveria deixar pelo menos a ventoinha funcionar duas vezes antes de desligar,pois assim ele atingiu o pico de temperatura,preservando o motor e até o sistema de escapamento,que não fica úmido…..

        • Tejolo

          Concordo, mas no meu caso, a frota roda quase o tempo todo offroad, em carradores nem sempre bons, e com muita poeira. No meu caso, os segredos são: combustivel de procedência (o que não é comum em postos), trocas de óleos e filtros no tempo correto, e manutenções preventivas em dia. Caso contrário não resistiriam tanto tempo, pois cuidado na cundução não é o forte….

  • Alec_T

    Tudo na vida tem um benefício…

    Resta saber pra quem.

    No caso do mais etanol na gasolina, pra mim que não é.

    [Edit para os ecochatos]
    Eu não vou deixar de andar de carro para andar em onibus lotado e demorar 5x mais tempo para realizar minhas atividades cotidianas.

    • radiobrasilcombr

      Até agora não pintou um ecochato aqui… rsss Concordo com vc!

      • Daniel

        Também concordo!!!

      • Matheusbio

        Pois eu sou um ecochato, mas não existe um que aceite esse absurdo que é o valor desse combustível. Para as pessoas mudarem a consciencia, precisam ser estimuladas a isso e ver os benefícios que isso trará. Com uma frota de ônibus sucateada e mal funcionamento, com esses valores absurdos de alcool decididos por usineiros e paga-paus de governo (inclusive o próprio governo) fica difícil tentar mostrar os benefícios de se utilizar o transporte publico ou até mesmo abastecer com Alcool.

        Infelizmente é essa nossa realidade, o Brasil só afunda cada vez mais… Estamos vivendo num falso bem estar..

        Eu mesmo só coloco gasolina… Não tem condição de seguir o que você acha correto sabendo que está sendo roubado dessa forma descarada

        • hal_cwb

          Concordo, eu também gostaria de usar álcool (se realmente faz um bem maior), mas aqui na minha cidade (Curitiba), o Etanol é 1,99 e a gasolina 2,59. Como não posso esbanjar dinheiro eu vou pro combustível que compensa mais pra mim.

    • jonas perola

      Sou da mesma opinião apesar que eu uso moto no cotidiano nunca vou usar onibus que é um purgatório, o preço da gasolina é uma vergonha, mais com um tanque tenho autonomia de 320 Km, o que fico enfurecido é com seguro DPVAT de R$ 352,00 mais R$ 100,00 de IPVA que o governo me leva todo ano, o problema não é o imposto em si, mais da forma como é aplicado, tem muita ladruagem por parte do governo, tenho duas opções ou pago ou ela é presa numa blitz, estamos reféns desse governo corruPTo. :(

    • blindzector

      Todo Ecochato quer andar de V8 ou um V12!!!

  • Tcalmon

    Se existisse um jeito simples de retirar Etanol da Gasolina, me parece que seria melhor retirar. Tem carro lá fora fazendo 20 km/l. Aqui eu nunca vi um Flex que faça melhor que 12 km/l.

    Mesmo retirando aproximadamente 17% do volume que você comprou, compensaria demais usar carros com a regulagem para E10. 20*0,83 = 16,6 km. Problema é o custo para se fazer isso e se é de fato viável. Fora o fato de precisar de um carro lá de fora, que possui preços proibitivos por causa de impostos em cascata.

    Mas reparem, se houvesse um jeito simples de separar seria mais vantajoso jogar fora parte do combustível comprado e usar um carro Europeu do que usar um carro daqui.

    • Dragoniten

      Ka 2009 1.6, fazendo 12km/l com etanol, se apresentando, rs.

    • Castle_Bravo

      E vai aumentar o IAD ("octanagem") da gasolina com o quê depois? chumbo? ou pretende importar algum éter?

      O que acontece é que ao invés de todo o blá blá blá sobre os benefícios (muitos questionáveis…) do álcool no meio-ambiente, o entrevistado deveria ter falado na real necessidade do etanol na gasolina.

      • Tcalmon

        Mas eu não tinha falado de retirar todo o volume, apenas deixar o volume para o qual os carros do resto do mundo são projetados, 10%.

        • Castle_Bravo

          O problema é que para isso, precisaríamos fazer como no resto do mundo, passar a misturar além dos 10% de etanol mais ou menos 10% de algum éter (MTBE, ETBE, TAME, etc.) que são mais caros trazem junto cada um seu conjunto de novos problemas. Não há como deixar apenas 10% de etanol na gasolina, a octanagem para os motores atuais (aí inclui-se os não-flex) ficaria perigosamente baixa para o correto funcionamento.

    • DCald

      Corsa 1.4 fazendo 16,5km/l na gasolina e 12km/l no alcool…

    • Tejolo

      Muito fácil separar: mistura a gasolina com água, e retira a fase superior. Vai estar com gasolina com menos e 5% de etanol. O problema será separar o etanol da água depois, que ficará na fase inferior da mistura. Uso essa técnica no meu aeromodelo.

    • Edson Roberto

      O meu C3 faz até 14km/l no alcool (80km/h trecho plano e velocidade constante) e até 21km/l na mesma situação.

      Não é dificil fazer até 17km/l em ritmo normal de viagem com gasolina e bem comum com alcool fazer entre 11km/l e 12km/l nas mesmas condições. Na cidade com transito bem pesado cai para 8,5~9km/l. E eu já disse aqui que com Etanol aditivado fazia até 9,5~11km/l na cidade (rodando a 60km/h e com transito moderado). Tudo depende do rodar. Mas se eu não ligar para o consumo, eu posso piorar muito bem. Tanto que ficar esticando marchas no C3 é pedir para beber e baixar essas médias muito bem. Curiosamente com gasolina isso não é tão sentido.

  • daviddiniz

    Gasolina no meu carro APENAS no reservatório de partida a frio, pois se depender de mim é ÁLCOOL comum ou ÁLCOOL Aditivado para o motor queimar.

    Obs meu carro é Bi combustível mas penso seriamente em levar em uma oficina e pedir para "desligarem" o mapa de gasolina e melhorarem o de ÁLCOOL.

    • EuMeSmObYmYsElF

      ok, se você não liga para o quanto se gasta com o álcool para andar o mesmo tanto da gasolina parabéns.

      • Dragoniten

        Tem carros que são muito mais econômico no etanol do que na gasolina. Meu Ka faz 8km/l na cidade com etanol. Andando no mesmo ritmo na gasolina eu não consigo chegar nem nos 10km/l. Em estrada consigo médias de 12km/l com etanol e cerca de 14,5km/l na gasolina. Ainda acha que compensa mais a gasolina? Varia de carro pra carro, motor pra motor, não adianta generalizar.

    • Filipe_GTS

      Vc pode aumentar a compressao (baixando cabecote) do seu motor, remapear a injecao, adicionar filtro esportivo e retirar o catalisador (pois se retirar de carro flex da pane no sistema geralmente), o que certamente trara mais desempenho – e utilizar so alcool.
      Fiz isso num celta e ficou endiabrado. Coloquei tbm coletor dimensionado e escape 2". Mas o sist de partida a frio deu problema e mandei colocar um botaozinho como nos carros a alcool antigos pra injetar, resolveu. Consumo ficou aceitavel. Eu ia colocar tbm volante aliviado em 1,5kg mas vendi o celtinha antes disso.

    • jaderf

      sao paulo? claro….funciona, mas e o resto de país? o posto que eu abasteço aqui em Jlle ta 2,469 gasolina e 2,499 etanol…voce continuaria usando etanol? sem chance…

  • Castle_Bravo

    Esqueceram de falar na melhora da gasolina em si, os motores flexíveis pararam repentinamente de "grilar" após o retorno dos 25% de etanol à gasolina. O importante é isso, subir a resistência à compressão da gasolina, o resto é lorota, conversinha pra boi dormir, na hora de abastecer se o combustível A ou B estiver mais em conta, ninguém quer saber de CO², emissões de enxofre entre outras coisas.

  • João

    "O que se pode antever, com certeza, é que o aumento do teor de etanol deve reduzir o prejuízo da Petrobras com a importação da gasolina."

    Como citado no texto, o único benefício é da Petrobrás. Eu não entendo como um país com as reservas de petróleo como o Brasil, tem que importar gasolina…
    Aí fica forçando a gente a fazer conta pra usar Etanol, e além disso os produtores não conseguem dar conta de produzir o suficiente. Ô incompetência!

    • EuMeSmObYmYsElF

      falta de planejamento. pura e simplesmente isso. não temos a capacidade de refinar o tanto de gasolina que é consumido no país.

      • Pedro_Rocha

        O planejamento tem, mas o problema da Petrossauro é ser estatal e ser subjugada à politicagem, como refinaria em Pernambuco para ex-presidente fazer politicagem ou espremer o COMPERJ em Itaboraí para nutrir esse imenso curral eleitoral em vez de fazê-lo no norte-fluminense.

    • radiobrasilcombr

      Pq "parece" que o nosso petróleo não é o melhor para gasolina, me perdoem se estiver enganado, é o que lembro ter ouvido.
      O país produz petróleo, mas existem vários tipos de petróleo e o nosso não seria o ideal para gasolina… acho q é isso.

      • caique313131

        Todo petróleo tem uma fração que pode ser transformada em gasolina, o que muda é a qualidade dela. Dependendo da qualidade, pode-se obter uma gasolina já com uma octanagem relativamente alta, sem a adição de outros compostos químicos que, no geral, foram proibidos (principalmente o chumbo).

      • Pedro_Rocha

        O petróleo da Bacia de Campos, da qual sai mais de 80% do petróleo nacional, é de baixa qualidade e precisa de refinarias específicas para processamento, sendo que é difícil até mesmo arrendar refinarias no exterior para processá-lo. Então a Petrossauro é obrigada a comprar gasolina pronta.

        Com o pré-sal, que possui petróleo de melhor qualidade, a questão deve ser amenizada, além do COMPERJ e das refinarias da Região Norte e Nordeste, politicamente escolhidas.

    • andre luiz

      O país tem petróleo mas, não tem refinaria por total falta de comprometimento do governo em assuntos que realmente importam ao povo brasileiro.

      • cepereira2006

        Melhor construir estádios de futebol para o povo se alienar ainda mais.

    • vi0lator

      30 anos sem construir refinarias. Só isso que aconteceu.

  • Dragoniten

    Quase ia ter um treco quando comecei a ler a regra dos 70%. Que bom que colocaram que varia de carro pra carro, e a diferença não é pequena.

    Nos motores Rocam, pela alta taxa de compressão (12,8:1 no 1.0 e 12,3:1 no 1.6) a relação de consumo entre etanol e gasolina fica entre 78~85% dependendo do carro, utilização, motorista, etc.

    Pra todo carro o ideal é primeiramente testar 3 tanques seguidos com cada combustível e aferir o consumo antes de tirar conclusões sobre qual combustível é mais vantajoso se baseando apenas no preço.

  • Bruno Shirasuna

    E é em nome do meio ambiente também que estamos te roubando! Por favor, é claro que um representante dos produtores de cana vai falar apenas "vantagens! Sejam um pouco mais parciais da próxima vez, se querem ser vistos com mais seriedade.

  • oliveirajc

    Essa dica dos 70% é furada. Cada carro tem a sua. Basta pegar a ficha do Inmetro do seu carro e fazer o cálculo: http://www.inmetro.gov.br/consumidor/tabelas_pbe_

    E outra, a conta deve ser feita com relação à gasolina aditivada.

    • mgbalbo

      Eu diria que é em relação a uma premium, pelo nível de enxofre baixo. Quanto à tabela, você está dividindo a média do álcool pela média da gasolina indicada para o carro em questão ? No meu caso deu 0,79.

      • oliveirajc

        Isso, divide assim que dá certo. No meu carro é 65%, faz tempo que não dá pra usar álcool, e até prefiro assim

        Disse da aditivada pelo fator manter o sistema limpo, pois com álcool nem precisa ser aditivado dado a queima ser limpa.

        A premium sumiu do mercado, até porque ela nada mais era que a comum 95 RON européia mais o nosso etanol que aí dava 98 RON. Qualidade de premium mesmo só na Podium, pois está é a Super Plus europeía ( a premium deles de 98 RON), que mais o etanol vai a 102 RON. Pra entender melhor leia um comentário que fiz acima.

        • MDBruder

          Exato, nos meus carros e da minha familia nunca vi nada maior do que 65%, fica sempre na faixa entre 62-65%, dependendo da forma como o motorista "andou". E faz MUITO TEMPO que não vejo alcool com preço parecido com esse, sempre fica numa proporção acima dos 70%…

  • _Adriano__

    O beneficio é que terei que me preocupar com mais uma manutenção pq meu motor é somente a gasolina, ponto para o governo que ja me rouba em todas as partes e agora ajuda eu me ferrar. Se ta escrito gasolina na bomba tem que vender gasolina, sem nenhuma mistura, isso é enganação ao povo, muitos nem sabem da existencia de alcool na gasolina

    • caique313131

      Se você vai ter uma preocupação a mais com a manutenção do seu veículo, devido ao aumento do álcool misturado na gasolina, o problema, sendo sincero, é somente seu e está na sua cabeça. Não vai mudar em praticamente nada o funcionamento do motor. Carros destinados a determinados mercados já contam com uma própria adaptação para funcionar com a porcentagem de álcool incluída na gasolina de determinado país, e fazem isso com uma folga razoável. Sugiro informar-se melhor a respeito do funcionamento do seu carro.

      • _Adriano__

        Pois é cara eu to ligado, esta sendo falado isso na noticia, mas eu quis fazer um drama kkkkkkkkkkkkkkkkk

  • AndredeAzambuja

    No New Fiesta, pra valer a pena o etanol, só se tiver no máximo 60% do valor da gasolina…já calculei vários tanques e sempre rende no máximo 65% da gasolina e olhe lá.

    • Boblop61

      tenho um Polo desde novo, raramente utilizo etanol, pois, essa proporção de 70% nunca funcionou. De fato o carro fica mais gostoso de dirigir com o Etanol, mas não vejo vantagem alguma, somente quando se consegue alguma promoção…

  • Realidade

    "combustível, contem cerca de 5% de água, (…) essa água já existe no produto, não é adicionada'' ,Mentira moro no interior de sp, em minha cidade existem duas grandes usinas, cansei de ver carreta tanque, encostando cheia de água e jogando nos reservatórios. Alguem aqui trabalha em usina pode me explicar o que é aquela água sendo misturada então? Quem garante que na mistura nao tem muito mais agua do que o regulamentado…

    • YagoG.

      Pelo que eu sei, é água destilada. Não contém minerais e não gera corrosão.

    • Castle_Bravo

      Não trabalho em refinaria, mas não é mentira, estes 5% de água não são adicionados, são resíduos do processo de fabricação.

      Agora se realmente o que falas procede, vale uma denúncia, adulteração existe em qualquer combustível em razão da fraca fiscalização (até no GNV, como comentaram acima…), passivamente assistir a fraude sem tomar uma atitude é consentir ao crime.

  • radiobrasilcombr

    Alguém que tenha Captiva ou Malibu poderia tirar minha duvida… o Ecotec desses carros aceita mesmo até 85% de alcool na mistura?

  • Educhs

    Se a gasolina fosse pura e boa, e o diesel liberado em carros de passeio, o álcool estaria fadado ao fracasso. A única saída seria um preço muito baixo. Isso seria bom para todos, reduziria o consumo da frota nacional e com isso a necessidade de petróleo. Não seria bom para a indústria usineira e isso obviamente está fora dos planos do governo que procura o maior número possível de lobby empresário afim de se manter no poder. A população que se lixe.

    • Pedro_Rocha

      Se a gasolina fosse pura e o diesel liberado simplesmente a Petrossauro aumentaria de forma absurda os preços porque ela não teria como dar conta da demanda. Aí teríamos gasolina comum a 5 ou 6 reais e diesel a uns 4 contos.

  • Stilrl

    Beneficio é a PRATICIDADE. Como o GOL G5 1.0 VHT com etanol a 20% GRILA e a VW diz que isso é normal!!!

    Sempre, dez de ZERO abasteço GASOSA mais uma porcentagem de etanol pra não grilar. SEMPRE ASSIM R$ 60 de gasolina e 25 de etanol!

    • Viníciusk

      Mas você sabe porque os motores flex grilam?

      • Leandro

        Porque são umas bostas, grandes gambiarras.
        E ninguém venha dizer que não são, porque um produto novo que tem um problema sem solução e que já era de conhecimento da fábrica é uma gambi braba

      • armroots

        O famoso "gilado" é o barulho de pré-ignição, que ocorre em quase todos os motores flex, já ouvi em tudo que é marca e modelo de motor, sempre flex…e não é só a Volkswagen, são todas as marcas que dizem que isso é normal.

        A pré-ignição ocorre por algumas causas, em geral, aqui no Brasil, ocorre nos motores flex porque além da gasolina de baixa qualidade, os resíduos da queima do álcool que ficam no cilindro, devido a alta temperatura e pressão, ficam incandescentes e fazem a mistura ar-combustível explodir antes do ponto de detonação, forçando desta forma, o sistema, que vibra todo, daí o ruído.

        É uma explicação "tosca" para simplificar viu…

        • Stilrl

          armroots boa noite!

          Sim eu acho um absurdo o povo andando com o carro pré-detonando, meu carro fez isso uma fez, e agora sempre coloco um pouco de etanol pra que isso não ocorra mais.

          A VW diz que não há reparo a ser feito, culpa a mijolina, ou é batizada ou pq o governo alterou a quantidade de etanol.

  • mgbalbo

    Vou falar por mim… Eu uso etanol pelo simples fato de que a gasolina hoje é um lixo. Que o etanol tem menos enxofre, é FATO. Então se for pra comparar com uma gasolina premium como a Podium, o etanol é mais vantajoso, basta ver o preço. Não sei vocês, mas me da dó de colocar gasolina comum. É MUITO RUIM. Posso não estar 100% correto mas não vou usar gasolina enquanto não melhorarem a qualidade. E quando afirmarem que mudou (2014 é o prazo não?) vou pedir pra fazer análise.

    • CharlesAle

      O álcool só perde porquê ele não tem o poder calorífico do álcool,por isso gasta mais,mas que eu considero,fora a questão do consumo,o álcool bem melhor para o motor que a gasolina;sua queima limpa,e por tabela,sujando bem menos o motor,já é uma grande vantagem…

    • MDBruder

      Perdão, mas, eu sempre coloco gasolina aditivada (e não a de alta octanagem) no meu carro e já fiz a comparação diversas vezes. O carro ANDA MUITO MAIS com a gasolina aditivada (consumo, rendimento, potência) do que com álcool. Ainda assim, quando comparo com o álcool, ele não chega em 70% do rendimento nunca.

      • YagoG.

        Você é a primeira pessoa que eu vejo dizer que gasolina faz o carro ter mais rendimento do que álcool. Ah, não acredite na balela de 70%, seu carro deve ter um consumo próximo nos dois. Um exemplo talvez seja que R$25 reais de álcool ande mais que R$25 de gasolina.

      • cepereira2006

        Qual é o seu carro?

  • Eddu13

    Aumentam a quantidade de etanol na gasolina (para queimar mais rápido) e o preço também.

  • bilharinho

    Essa mentira que etanol polui menos precisa acabar. Apesar da queima de fato produzir menos poluentes eles se esquecem das queimadas na maioria das lavouras de cana. Acaba que a menor poluição no automóvel é compensada pela poluição na produção. Mas o lobby no governo e usineiros oculta isto.

    • eduardo82br

      Mentira não é. Leia o texto novamente:

      "Contudo, o maior benefício do uso do etanol é a enorme redução na emissão de gás carbônico (CO2), principal gás responsável pelo Efeito Estufa, que vem impactando o clima em todo o mundo. Em comparação com a gasolina, o etanol possibilita a redução de aproximadamente 90% da emissão de CO2 ao longo do seu ciclo de vida (produção, transporte e uso final). "

      A redução de emissões é considerada em todo o ciclo de produção. Além do que, em 2016, as queimadas em canaviais será proibida no estado de SP – por acaso, o maior estado produtor.

      • _oliveira

        Então já entra no cálculo da redução de CO2 a eliminação das queimadas que só ocorrerá em 2016?

        • eduardo82br

          As queimadas são irrelevantes para a emissão de CO2 (veja minha resposta abaixo, sobre o ciclo do carbono) . O problema das queimadas está relacionado à saúde pública: queimadas deixam o ar mais seco e jogam material particulado na atmosfera.

      • mvnascimento

        Opa! Ele disse produção, transporte e uso final do ETANOL, defendendo o lado dele. Ele não mencionou o plantio e colheita da CANA. Não deveria ter mencionado?

        • eduardo82br

          "Ao longo do ciclo de vida" – para mim isso inclui do plantio, passando pelo processamento da cana, transporte para os postos e consumo.

      • bilharinho

        O que eu quis dizer é exatamente isto. Que eu NÃO CONCORDO com estas afirmações. Para mim ou etanol é uma enganação. Tão ou mais poluidor do que os combustíveis fósseis.

        • eduardo82br

          Já que não concorda, dê argumentos razoáveis. Dizer que o etanol polui mais por causa de queimadas é um contra-senso. Basta lembrar da aula de ciências da tia Rosana na 5a série, na qual ela fala sobre o ciclo do carbono.

          Para a planta crescer, ela precisa de carbono que está na atmosfera, logo ela irá absorvê-lo. Quando a planta morrer (queimada ou não), o carbono que ela absorveu será jogado novamente na atmosfera. E como diria Lavosier: na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma.

          No caso dos combustíveis fósseis, vc está tirando um monte de carbono que estava enterrado e jogando para a atmosfera. Isso é fato.

          • jersaosp

            ué e na cana não é o mesmo, além de acontecer 2x na colheita e na queima já do combustível… Só quem morar em cidades onde tem plantação de cana sabe o quão poluente ela é… além de deixar a qualidade de ar péssimo deixa fuligem em toda a cidade!!!

          • Castle_Bravo

            Pelo que percebe-se de outros comentários, isso parece ser muito complicado de ser entendido, acho que pensam que o carbono "nasce" da terra, ou vem do adubo, da água, sei lá.

            • eduardo82

              É, interpretação de texto é algo complexo.

      • Renato_Dantas

        Estão culpando também as vacas e os bois pois eles peidam muito e isso está afetando a camada do tal ozônio.

    • silasrana

      Cara, eu faço engenharia de materiais na USP e é exatamente isso que é pregado pelos professores. Se formos considerar de ponta a ponta o ciclo de carbono e outros poluentes do etanol, essa história de combustível verde cai por terra em menos de meia hora de aula.
      Isso, pra mim, é uma grande jogada do governo. Em meu carro só entraram 4 tanques de etanol para que eu tivesse uma ideia do consumo com este combustível. Não pretendo usar novamente (a menos que o preço caia MUITO – o que não deve acontecer).

    • Rox_

      A queima da cana emite CO2, assim como a do etanol, porém esse átomo de carbono não surgiu ali por mágica, e sim pela fotossíntese. Acho que isso já explica.

      • cepereira2006

        A cana também retira carbono da matéria orgânica presente do solo. Não é só da fotosíntese. Assim, se você fizer queimada, queimar o bagaço da cana e queimar o combustível, estará, sim, emitindo mais carbono na atmosfera do que retirando.

        • Rox_

          Na natureza nada se cria, tudo se transforma, certo? Queima de vegetais emite CO2, decomposição, respiração, emissões vulcânicas, entre outros. O que gera a contrapartida? Apenas a fotossíntese das plantas e organismos que realizam tal reação. Ou seja, ao menos em teoria, esses valores de emissão e absorção devem ser iguais. De onde vem essa matéria orgânica que a cana utiliza? A maior parte vem de vegetais mortos, ou seja, que em algum momento se utilizaram do CO2 atmosférico para crescer. Além disso, em fases de crescimento, os vegetais absorvem uma quantidade muito grande de CO2. A grande diferença disso para os combustíveis fósseis é que eles não retornam ao subsolo para formar petróleo novamente, mas se acumulam, enquanto as plantas absorvem esse CO2 para crescerem novamente. Não quero dizer com isso que o etanol seja perfeito, ele gera alguns resíduos difíceis de serem trabalhados(que em breve poderão ser aproveitados com eficiência), demanda grandes áreas para plantio, o que acaba por destruir a vegetação nativa e afetar a fauna, mas em questões de emissão de CO2 ele é, sim, bem mais vantajoso.

  • Emanuel

    Benefício?? Como assim?

    • Herumor_

      essa matéria foi destinada à petrobras e aos usineiros, não para os leitores ;)

  • zzzepa

    aumentam o valor na bomba e aumentaram quantia na gasolina…os preços, sobem sem motivo (alcool)…é ladeira abaixo..isso é patifaria…se voçe consumir só gasolina , vai levar pra casa uma quantia de alcool. indesejada….consome alcool forçado…isso é nosso governo…as usinas riem à toa..

  • JPaulo10

    O técnico Alfred Szwarc disse que o álcool é ecologicamente correto, mas não abordou os efeitos da queima dos canaviais antes da colheita, do esgotamento do solo por plantios sucessivos ou pelas adubações químicas, tãopouco os resíduos da produção de açucar e álcool.
    A reporter não poderia contatá-lo para melhores explicações?

    • Renato_Dantas

      Cê esqueceu da mão de obra escravizada pois o maquinário não trabalha sozinho.

      • jaderf

        e olha que é aonde a gente mais houve falar de mao de obra escrava…

  • Franco

    Não entendi bem esta frase "o aumento do teor de etanol deve reduzir o prejuízo da Petrobras com a importação da gasolina"
    Então como as empresas de petroleo dos EUA estão fazendo, pois lá mais de 40% da gasolina é importada e a qualidade do petroleo lá nem se compara com a nossa e ainda por cima o preço lá é a metade do nosso.
    Para se ter uma ideia da qualidade da gasolina lá, as oficinas raramente tem maquina de limpeza de bicos, tem carros que rodam a vida toda sem limpar nada, enquanto aqui quando o Etanol e a Gasolina são combustiveis de pessima qualidade com excesso de agua e sujeita, sem falar nas adulteraçãoes que são feitos nos postos.

    • vi0lator

      Só que a gasolina vendida na porta da refinaria aqui é mais barata que a vendida na porta das refinarias dos EUA. Só que lá o TOTAL de impostos até chegar no tanque do carro não passa de 16%. Aqui o total de impostos passa de 53%, sendo que o maior é o ICMS, que pode chegar a 33% do valor na bomba.

  • Morpheus_RJ

    Ele também esqueceu de dizer que a água é anti-detonante e potencializa mais ainda o poder de redução da temperatura da câmara de combustão que o álcool já tem naturalmente. No entanto, ela também reduz mais ainda o poder calorífico do álcool, ou seja, faz aumentar o consumo. O álcool hidratado seria perfeito se pudéssemos ter carros 100% a álcool, que poderiam ter taxa de compressão de quase 14:1 com a tecnologia atual, ou até maiores se fosse utilizada injeção direta. O problema é que aqui é mais "intiligente" fabricar esse carros "FREX" engana trouxa que não são econômicos nem com gasolina e nem com álcool e ainda limitam o introdução das tecnologias mais modernas de motores.

    • armroots

      Perfeito colega, só fazendo uns complementos:

      – Os bicos injetores dos carros flex, são os mesmos dos veículos a álcool, ou seja, 20% mais vazão.
      – O álcool gera bem mais resíduos em sua queima do que a gasolina, e é um resídio que parece uma manteiga, isso entope todo o sistema de exaustão (blow by – TBI) e também, como é altamente corrosivo, as velas vão pro pau mais cedo, raros são os carros flex que não falham com menos de 30 mil km por problemas de velas ou cabos de vela.
      – Aumentando o percentual de álcool na gasolina, os problemas tendem a aumentar, pois a gasolina é solvente dos resíduos da queima do álcool .
      – Não teremos benefício nenhum com a adição de mais álcool, pois aqui no Brasil, preço não abaixa, o que vai acontecer é o preço se manter estável e o pessoal lucrar mais com isso.

  • PEDRO_HAWK

    Aqui em Fortaleza a "gasolina" realmente baixou. Antes colocava de R$ 2,69 a 2,75 e agora abasteci de R$ 2,54 (dizem que tem posto vendendo a R$ 2,51 mas não fui procurar).

    Só sei que com 25% de álcool no tanque, eu posso dizer que meu carro monocombustível virou um "meio flex".

    • alexhmoraes

      Aqui em Belo Horizonte teve uma tímida queda também

      Etanol – R$ 1,855
      Gasolina – R$ 2,649

      mas tem postos vendendo a mijolina a 2,629

    • YagoG.

      Posso estar errado, mas se não me engano o álcool e gasolina do nordeste não tem do sudeste. Os preços tendem a baixar mesmo.

  • Magnus

    Pra mim não tem benefício nenhum , muito pelo contrário . . . eu tenho saudade da década de 90 . . . Eu andava de Galaxie 500 V8 . . . . . gasolina era 90 centavos e o álcool 35 centavos . . . eu era feliz e não sabia!!!!!!

  • Lexus GS300

    Por isso que não me canso de dizer quão lixo é esse país. Um alto intitulado especialista procura justificar tal benécie para o lado ecofascista, enquanto nós, proprietários de automóveis sofremos com os prejuízos que tal maldita mistura causa aos componentes do motor. Tudo vale para beneficiar os cumpadres.

  • Renato_Dantas

    A minha matemática é a seguinte: o etanol custa a metade do preço da mijolina eu uso, acima disso etanol nem pensar.

    • YagoG.

      Verifique o consumo nos dois combustíveis, você pode estar perdendo potência ou dinheiro mesmo.
      Aqui no NA já foi postado uma tabela que te ajuda qual o melhor combustível utilizar; dê uma pesquisada.

  • Renato_Dantas

    Estão culpando também as vacas e os bois pois eles peidam muito e isso está afetando a camada do tal ozônio, imaginem que só no Brasil temos mais de 25.000,000 de cabeças de gado peidando adoidado, quanto gás desperdiçado.

    • jaderf

      poderia canalizar e vender como gnv….

    • CharlesAle

      Pois é Renato,Isso é o tipico assunto que ecochato defende,aliás,como os agricultores,que estão salvando a exportação do País,já que na Indústria a coisa cai ano a ano,são perseguidos neste País,aonde eles acham que dá para alimentar uma população inteira comedora de carne??além de exportar carne para alimentar outras nações?eles não dão solução,mas sempre vem com temas absurdos para prejudicar a agricultura do País,e ainda temos um governo que recebe sem terras,mas não recebe agricultor,fica mais difícil ainda

      • Renato_Dantas

        É vero, um dia vamos mudar isso com a força do voto se os brasucas souberem votar.

    • Stilrl

      Melhor comentário do dia!

    • Manoel

      25 milhões de cabeças só o MS já tem.

  • Vinicius

    Temos mais de 200 milhoes de cabeças de gado e sem contar outros animais herbívoros que aumenta o efeito estufa

    • Lexus GS300

      O maior sonho dos ecoterroristas é a dizimação da raça humana e sua subsistência que é o caso dos animais que criamos. Os automóveis e o estilo de vida de nós revolta e muito essa trupe peçonhenta.

    • SilenceBass

      Pois é… imagina os "finados" dinossauros, enormes, soltando seu gás metano por milhões e milhões de anos, e HÁ ! Estamos aqui vivos p/ fazer piada disso, ha-ha.

      Ecochato é um pé no saco, pior mesmo é papinho desse tipo p/ enganar e vender produto.

  • CristianoCPB

    Todo mundo já está cansado de saber que o etanol é bom para o governo e não para nós consumidores…
    Os produtores fabricam açucar ao invés de etanol por causa do preço no exterior, então enfiam pela nossa guela para reduzir a perda que o estado pode ter com o investimento que foi feito(mal feito) para subsidio deste combustível.
    E assim também a Petrobrás compra menos 5% de gasolina lá fora reduzindo o prejuízo dela.
    Eu só me pergunto porque com investimentos de 4 refinarias novas(RNEST,PREMIUM 1 E 2, COMPERJ) nenhuma tem foco em gasolina…

  • TacodeSinuca

    Deveria ter a opção da compra da gasolina 100% pura,mesmo que mais cara para quem quisesse….

    Bando de insetos parasitas que estão no governo

    • Mascarado

      Tacodesinuca para senador? Tente se eleger para fazer uma lei la então.

      • TacodeSinuca

        Eu falo que com 35 anos vou me candidatar para presidente, mas no máximo de 6 meses de mandato os caras vão dar um tiro na minha cabeça por aquilo que eu iria fazer =/

        • Mascarado

          Cara, só se faz alguns omelete quebrando alguns ovos.
          No pain, no gain.

    • alexhmoraes

      Existe essa gasolina, nos postos Petrobras a PODIUM ela é 99% pura.

      • TacodeSinuca

        Será mesmo???
        Toda gasolina vendida em postos brasileiros contém álcool – ou melhor, etanol – pois é determinação legal.
        O que diferencia a gasolina Podium da gasolina comum é a Octanagem e a emissão de enxofre no ar. Enquanto a gasolina comum tem uma octanagem em torno de 87 RON a gasolina Podium tem por volta de 95 RON, gerando assim um melhor desempenho e menor consumo para o veiculo, mas somente nos casos em que o motor for de alto rendimento.

      • KzR

        A Podium foi realmente concebida para ser uma gasolina pura, mas no final ela acabou recebendo a mesma quantidade de álcool que as outras.

    • KzR

      Se pelo menos houvesse uma gasolina com baixo teor de álcool, algo em torno de 10 a 12% já seria ótimo, já que uma certa quantidade de álcool é necessária para aumentar a octanagem da gasolina e estabilizar o composto orgânico, algo que o chumbo tetraetila fazia antigamente.

  • RJr

    Benefício para quem vende combustível…

  • pumagtb

    Pra quem tem carro principalmente monocombustivel (gasolina) nenhum beneficio e sim um prejuízo no decorrer do tempo. O etanol é sim uma ótima fonte de combustível ecológico o problema é o governo que não sabe o que faz, no meu ver muito amador, pois um tempo atrás falava que iria "conquistar" o mundo com o etanol brasileiro e agora a situação está desse jeito e outra o litro do etanol era pra valer R$ 0.50 centavos e no máximo R$ 1.00 Real, se eu não mim engano o valor do litro de combustível mais de 50% é só impostos então não precisa falar mais nada.

    • alexhmoraes

      O problema é que se o Governo investir e incentivar o uso do Etanol, praticamente não vai mais se vender Gasolina aqui no Brasil, isso vai fazer o que com a Petrobrás imagina, o Brasil anda sempre na contra mão de tudo que for melhor pra sociedade, Brasil até hoje nao tem Metrô descente nas grandes capitais, mas todo mes recordes e recordes em vendas de automóveis, redução de IPI e etc… onde vamos parar eu nao sei mas já ta dando pra perceber que os maiores centros urbanos estão parando com a quantidade de veículos nas ruas…..

      • SilenceBass

        Isso que você falou abre um parêntese: se tivéssemos visão e fossemos governados por quem realmente quisesse que este país fosse de 1o. mundo, seria extremamente benéfico esse disparate do uso do etanol.

        Veja:

        se a "desculpa" é de que o preço do etanol é abusivo (e é mesmo) e isso é feito p/ frear seu uso (em consequência diminuindo uso da gasolina e, digamos, importância da Petrobrás), oras… que o país continue sendo o que é, só que de forma burra: exportador ! Que ganhasse dinheiro, e MUITO, só exportando, tando barris de petróleo pro resto do mundo, quanto sua tecnologia do Etanol.

        Esse país tem tanto potencial e é mal explorado que chega a deprimir, e quem paga a conta é quem tá aqui dentro, infelizmente.

      • cepereira2006

        Metrô em São Paulo? Melhor fazer um estádio pro curintia. E viva o molusco com cérebro de camarão!!!

    • KzR

      Concordo, quanto maior a quantidade de álcool na gasolina, maior será o consumo de combustível como também o desgaste das peças que não foram projetadas para a queima do etanol. No fim esse papo de emissão não tem muito fundamento. Os carros conseguiriam rodar muito mais emitindo a mesma quantidade de poluentes.

  • DrJose_Dentista

    Eber nao sei se vc vai ler mas seria interessante tb uma entrevista com um eng automobilistico. para ele tb dar uma opiniao sobre este assunto pois como se diz na entrevista este senhor esta vendo so o lado dos usineiros e do governo. abracos e parabens pelo blog

  • cristian

    Mas é claro! Vamos colocar mais etanol na nossa gasolina que já não é lá aquelas coisas e salvar o meio ambiente! Enquanto isso, retiramos milhões de litros de petróleo do pré-sal, abaixamos IPI de carro novo e incentivamos o mercado automotivo, aí não investimos nada em ciclovias ou melhorias no transporte público. O meio ambiente agradece! – A cara de pau de certas pessoas é absurda. Não dá pra entender o Brasil, tá tudo, MUITO errado.

    • alexhmoraes

      Eu acho que o Metrô poderia ser uma saída melhor

      • cristian

        metro está incluso em transporte público.

  • guihounter

    uma dúvida… e os carros movidos só a gasolina, como ficam??? quais danos podem acontecer a curto e longo prazo?

    • alexhmoraes

      Cara no longo prazo algo vai acontecer sim…. de cara você vai sentir é que o consumo vai aumentar um pouco.

    • Castle_Bravo

      Pouco ou nenhum desconhecido, pois há décadas a quantidade etanol misturada à gasolina varia no Brasil e agora voltou aos níveis de antes de 2011.

    • KzR

      Teoricamente têm-se desgaste mais acentuado de peças do motor e na prática um perceptível aumento do consumo, em torno de 2,5 km/L +/- 0,5.

  • jcamazano

    Blá blá blá…..

  • eduardo_ogg

    Deixei de usar álcool há 6 meses e é impressionante como deixei de precisar fazer limpezas no sistema de admissão e como o carro se comporta melhor. O preço pode empatar na bomba, mas na manutenção o álcool fica mais caro.

    • Stilrl

      Amigo os entendidos dizem que a mijolina e que suja o sistema de INJEÇÃO e que o etanol limpa.

      Eu aboli o uso do tanquinho no meu GOL G5 pq aquilo é uma fabrica de borra!!!!

      • KzR

        Antes eu achava isso, mas se o álcool limpa… limpa o que? Talvez a cabeça do pistão e cabeça das válvulas pois é lá onde se acumulam as crosta resultante da queima da gasolina, o conhecido processo de carbonização. E sabe-se lá o que ocorre com a crosta quando o álcool é queimado dentro da câmara de combustão. A gasolina aditivada já possui aditivos para limpar bicos e hastes de válvulas. O etanol pode provocar ressecamento dos componentes.

        Eu deixei de abastecer o tanquinho de partida a frio, já que só uso gasolina. Tem problema em deixar a gasolina que está lá envelhecer?

    • KzR

      Também é pelo fato da central eletrônica ter se ajustado ao uso mais frequente de gasolina e assim se acerta o avanço de ignição. Dessa forma o rendimento na gasolina melhora bastante e o carro funciona mais uniforme. Se você reparou, quando abastecia com álcool e depois gasolina e vice-versa, o comportamento do carro muda, ora ficando mais fraco, ora mais forte, ora engasgando (a fim de evitar detonação). Deixei de usar o álcool há um bom tempo.

      • eduardo_ogg

        Exatamente isso que notei. O carro funciona muito mais redondo. Ainda mais sendo um motor "moderno" da GM.
        E nada de componentes ressecados

        • KzR

          O maior benefício além da economia é a vida útil maior dos componentes. Seu motor é o Família II (que equipou o último Vectra por aqui)?

  • Gori

    Os benefícios são para os USINEIROS amigos do Govero
    !!!

    • alexhmoraes

      Falou tudo!
      Assim como tudo no Brasil é apenas troca de interesses dos grandes

  • macaense

    Bom, eu vou ser sincero: eu estou pouco me lixando pro meio ambiente e ponto. EU não quero pagar a conta pra ter menos emissão de CO2, combustível "verde" etc, eu não tenho condições financeiras pra isso. Essas montadoras têm capitais de bilhões de dólares e conhecimento técnico suficiente pra desempenhar esse papel.
    Etanol aqui a R$ 2,40 e vem um cara desses falar em menor emissão de poluentes, meio-ambiente e blá blá blá. Vai se catar.

    • Thiago

      O que eu acho legal é que o governo está investindo bilhões em álcool, quando o mundo todo sabe que é uma tecnologia defasada (década de 70) que o ideal é os carros elétricos…
      Tenho um carro a gasolina importado e agora terei que usar esta gasolina "batizada" para abastecer meu carro. Com certeza virão problemas mecânicos que eu terei que tirar do meu bolso para resolve-los.
      Há muito tempo não entra carro flex na minha garagem… Só servem para aumentar o consumo do carro que originalmente é a gasolina..

      • macaense

        Pois é, eu pretendo fazer isso também quando trocar de carro

    • alexhmoraes

      Apoiado !
      Caraka onde tu mora? aqui em Belo Horizonte o Etanol R$1,855

      • macaense

        Interior do RJ, Macaé

  • Rodrigo Luís

    Trabalho numa Usina de açúcar e álcool e vou relatar aqui o que acontece DE VERDADE no mercado nacional: Lula e Dilma descobriram o pré sal. Pronto. Perceberam que quando aconteceu isso, o Lula e o governo Petista NÃO FEZ MAIS PROPAGANDO DO ETANOL BRASILEIRO NO MUNDO? Que coisa não? Mal sabem vocês o perrengue que a Usina aqui está passando, e quantas usinas já fecharam… Tudo por falta de subsídio do governo! E porque o álcool está caro? Simples: pouca oferta. O que o usineiro prefere? Produzir açúcar (mais rentável) e tentar sobreviver, ou produzir álcool que tem um custo de produção mais alto? Diga-se, o álcool sai daqui da bomba custando em média R$ 1,30, JÁ COM IMPOSTOS! Outra coisa: quer culpar alguém? Culpem as DISTRIBUIDORAS pois essas sim, são verdadeiras ATRAVESSADORAS. O lucro maior ficam com eles… Não é nem com donos de postos, nem com usineiros. Ah, verdade… Qual é a maior distribuidora do país? PETROBRÁS.
    Touché.

  • Herumor_

    já posso chamar meu monocombustivel de frex então? ¬¬

    • alexhmoraes

      Quase isso, mas como ele não é flex oficialmente e não foi preparado pra tal combustível essa mirtura louca ai, vai trazer danos ao motor num futuro próximo!

  • Hugo

    O beneficio é para o governo e para a Petrobrás que só da prejuizo ao nosso pais. É uma empresa que só suga os coitados brasileiros, nossa gasolina lá fora é mais barata que aqui de dentro … resumindo o povo paga a conta de novo eheheh

  • Louis

    Pessoal, vamos parar de mimimi,
    a gasolina aqui é um lixo, todos sabemos, mas é inegável que o álcool é mais limpo e traz benefícios ecológicos em relação à gasolina.
    Agora, sobre os preços, aí são outros 500… E o motivo que levou o governo a aumentar o % do álcool não é ecológico, mas sim para diminuir a importação de gasolina.
    Eu usava mais álcool aqui em SP, mas hoje estou na gasolina porque meu carro falha muito com álcool em dias frios.

  • Pedro

    Eu estou pensando aqui… essa briga toda entre o Etanol e a gasolina eu lendo os comentaristas eu vejo assim, com a "lixolina" estamos jogando CO2 e tantos outros poluentes juntos com ela na atmosfera, com o Etanol considerando todo o ciclo para produção tambem estamos jogando CO2 e outros poluentes juntos com ele na atmosfera também, quer dizer, com gasolina e etanol estamos jogando CO2 (duplamente) do mesmo jeito, concluindo que é balela e papo furado essa história de combustível "verde" e apelação de benefícios para nós CONSUMIDORES. No final das contas estamos mesmo é "ferrados" pagando combustível (leia-se etanol E/OU gasolina) MAIS CARO e financiando o conluio do Governo com os Usineiros plantadores de cana de açucar. Se eu estiver pensando certo ou errado, por favor peço que me corrijam ou digam algo O QUE eu não entendi.

  • adauto

    é que nossos DESgovernantes são tão falsos que deveria estar escrito na testa deles "MADE IN CHINA"…….

  • emerson_ss

    Tudo tem um preço ambiental. Produção do etanol tem um preço ambiental, produção de baterias de carros elétricos que não emitem CO2 também tem um preço ambiental. Etanol na gasosa não tem nada a ver com benefício ambiental, tem a ver com máfia.

  • CanalhaRS

    Benefícios???? HUAHUAHUAUAUHAHA

  • Marco

    Gostaria que fizessem uma reportagem sobre os prejuízos da mistura do álcool na gasolina! Será que os motores que não são flex, como os dos carros importados, aceitam bem a mistura?

    • macaense

      E pior ainda, que tal os carburados?

  • alexhmoraes

    Galera parem de pre-conceito com o Etanol, ele da de 10 na nossa Gasolina que é um lixo.
    O único problema que ainda vejo no Etanol é que o Governo deveria investir mais nele, reduzir um pouco dos impostos e incentivar seu uso, tenho um VW POLO SPORTLINE 1.6 sempre usei Gasolina, mas com essa adição ai o consumo deu uma alterada, uso carro para ir ao trabalho e faculdade meu trajeto diário é em estrada e urbano, isso dá 90km por dia! aqui em Belo Horizonte os preços estão assim: Etanol 1,855 e Gasolina 2,649 rodei uma semana com gasolina e outra com Etanol pra ver, e no meu caso o Etanol ficou melhor com R$50,00 abasteço 26 Litros e rodo 270km já com a Gasolixo eu consigo 18 Litros e rodo 250km

  • rdcotta

    só tomamos ferro, acho um absurdo isso. o que acontece é que pago R$ 3,04 por um litro de gasolina Vpower mas na verdade estou levando apenas 750 ml de gasolina e 250 ml de etanol, acaba que meu carro ja esta rodando menos com este ultimo tanque.
    pior coisa que inventaram foi esta bosta de misturar etanol na gasolina, só perdemos.
    coisa de jeitinho de Brasileiro mesmo, tapar sol com a peneira.

  • Daniel Ramos

    Perai, eu li "benefícios" nesse titulo? sem comentários,
    acho que BENEFICIO é uma palavra que o brasileiro conhece só de longe, sempre que saimos "ganhando" em algo saímos perdendo o dobro em "outro"…
    ou seja, sempre tomamos no R***
    No brasil não se existe beneficios, apenas ilusões…

  • kikofar

    Não consigo imaginar benefício algum para o brasileiro, me desculpem, mas não acredito nessas falácias vindas de Brasília.

  • Rodrigo

    Cada carro possui um consumo distinto entre gasolina e álcool. Sendo assim, a conta dos 70% é só uma forma (às vezes equivocada) de mensurar.
    O correto é calcular o custo por km rodado com cada um dos combustíveis.

    Há alguns programinhas para smartphones que já calculam isso automaticamente, porém para quem não tiver acesso a eles, pode usar a fórmula abaixo:

    Custo por km = valor do combustível / consumo médio

    Exemplo: consumo médio na gasolina = 10 km/l / consumo médio no etanol = 8 km/l / Valor da gasolina = R$2,80 / Valor do etanol = R$1,90

    Custo por km (gasolina) = (1×2,80)/10 –> Custo por km (Gasolina) = R$ 0,28 por km rodado
    Custo por km (etanol) = (1×1,90)/8 –> Custo por km (etanol)= R$ 0,24 por km rodado

    • Chico chicote

      Pode crer , esse 70% é muito genérico. Alguns motores são otimizados para o Alcool, como é o caso do Rocam( Até a cabeça do pistão foi usinada para isso) , que quando rodam na gasolina tem um rendimento inferior da teoria do 70%.

  • MuttleyBrasil

    Não faz diferença pra quem tem flex. E o meu carro que é só gasolina? Aí eu tomo na cabeça né? Porque essa aí pode ter certeza que não é álcool anidro, ou seja, estão colocando mais água no meu motor. Conclusão, não estão aumentando só o álcool, mas a água também. E até onde eu sei, motor à combustão não queima água. Afe

  • gerente2003

    Na verdade não existe gasolina pura (já vem com 20% ou 25% de álcool já misturado). Fora o chumbo tetra etila, as cetonas, benzinas, solventes, e outros.
    As usinas deveriam vender álcool anidro pelo preço do álcool hifratado (até bem mais barato, aliás).
    Pelo que entendi nós pagamos pelo litro de álcool 5% de água. Em 100 litros nós pagamos 5 litros de água. Será que o consumo com álcool anidro não seria bem melhor? Será que realmente são só 5% de água. Já repararam a quantidade de água que sai pelo escapamento? E a vida útil do sistema silenciador?
    E os motores flex não conseguem ser econômicos com álcool nem gasolina.
    Basta ver um Audi moderno fazendo 16 km/l com gasolina, com motor de mais de 100 cv.

  • gerente2003

    Benefício só para os usineiros.
    Deveria existir (na verdade já existe) uma política e fiscalização mais rigorosa.
    Afinal é usina de álcool ou fábrica de açúcar?
    Basta ver que muitas usinas de álcool estão produzindo açúcar (preço mais vantajoso)
    Alguém lembra-se de caminhões/tratores movidos à alcool? Mercedes Benz e Valmet bem que tentaram.

  • Aqui em São Paulo tem que aumentar o preço pra 10 reais o litro, assim o povo para de usar o carro, para de comprar carroça, e passar a cobrar um transporte coletivo descente.

    • Castle_Bravo

      Todos felizes esmagados no ônibus e no metrô, que lindo! gasolina é demanda inelástica, transporte público nunca substituirá os automóveis, com tua "brilhante" ideia todo o transporte da cidade entraria em colapso, pois quem não pudesse ou não quisesse pagaria muito caro o combustível e quem abandonasse os automóveis padeceria num transporte coletivo porco, que diga-se de passagem é financiado com dinheiro da prefeitura aí em São Paulo, quanto mais ônibus e metrô nas ruas, mais o contribuinte paulistano (tendo carro ou não…) pagará de impostos.

  • marcfreitaz

    No Fox 1.6 2011 Flex que temos aqui em casa, tem que abastecer com Etanol e com Gasolina, variando. Se abastecer só gasolina o carro fica morrendo, aqui e acolá.

  • arianoneves

    Meu carro ta bebendo muito mais, e não é flex! Ta bom que é um v6, mas antes eu fazia 6,5 e agora fez 5,1! Tenho um scanner de injeção e observei que os parametros estão todos alterados, o tempo de injeção maior para compensar a mistura pobre! Não sei, suspeito também que aqui em Recife o pessoal anda adulterando a mijulina com força! tá muito estranho, abasteci hoje e a gasolina nem cheiro de gasolina tem!

  • Ric53

    e os motores turbo como ficam??

  • Eng.autmobili

    Em suma, prejudica os motores monocombustíveis antigos, pois não possuem a capacidade de ajustar a ignição (atraso e adianto) para a pressão máxima no PMS evitando a batida de pino detectada pelos knocks sensors presente nos motores flex. Sem esse auto ajuste da ignição, a mistura ar-comb pode detonar muito antes do PMS causando um trabalho a mais para compressão (perca de potencia) ou muito depois ocasionando queima incompleta jogando CO na atmosfera.

  • TONYSILVERIO

    Benefício??????????? deve ser piada, e de péssimo gosto. Na prática não passa de aumento de preço e uma vergonha…num pais onde se gaba de tirar petroleo do pre sal ainda temos que colocar essa garapa no tanque dos carros…..fala sério!!!!!

  • fabioalisson

    Não há vantagem alguma. Aumentando a porcentagem de alcool na gasolina, aumenta-se sensivelmente o consumo. Uma vez que não vi os preços abaixarem, vantagem mesmo só existe para o dono do posto e a rede de distribuição.

  • Felipe

    Se tivessem preocupados com o meio ambiente, trariam veículos com downsizing, carros híbridos, elétricos e não essa merda de gasolina da qual somos obrigados a comprar.

  • Edson Roberto

    Agora também entendo porque meu mecanico disse que carros flex tem a tendencia de terem de ser regulados a cada 10000km.

    Duvida… Blow by – TBI é o mesmo componente? E MAF?

    Ainda que na internet e no clube do Marea fale a respeito (são itens comuns quando se compra um Marea onde recomendam fortemente a verificação), gostaria de uma explicação mais facil de compreender pois acho que meu conceito sobre TBI é errado.

    Eu costumo fazer a limpeza de injeção a cada 20000km. Acho 10000km muito cedo.

    • armroots

      Não Edson, Blow by é uma coisa, o TBI é outra…o TBI é o corpo de borboleta, sendo que a maioria hoje é eletrônico e fica no sistema de admissão do motor. Já o blow by é o famoso "respiro" (tipo uma caixa de gordura do motor) que faz a retirada dos resíduos da queima nas câmaras de combustão do motor, ele faz parte do sistema de exaustão já, mas ainda dentro do motor.

      Sobre o funcionamento correto do TBI não sou a pessoa mais indicada para te informar, meu conhecimento é limitado, devem ter outros colegas que podem te ajudar melhor.

      Quanto a fazer regularmente uma limpeza dos sistemas de injeção-exaustão do motor a cada 20 mil…não tem necessidade de fazer a cada 10 mil não, mas se puder fazer, claro, é sempre melhor.

    • armroots

      Edson, o TBI e o Blow by são coisas diferentes…o TBI nada mais é que o corpo de borboleta, que na época dos carburadores era acionado via cabo, o TBI é um sistema mais moderno, e é todo eletrônico, e é ele quem regula a passagem de ar que vai para o motor, faz parte do sistema de admissão. Já o Blow by (também conhecido como respiro) é o sistema de "exaustão", por assim dizer, do motor, mais ou menos com uma caixa de gordura…ele retira os resíduos dos gases da queima para não retornarem ao motor, ele fica ainda dentro do motor e não deve ser confundido com o sistema de escapamento.

      Sobre o TBI, vocÊ encontra muita coisa no youtube e na internet mesmo…mas se quiser posso te ajudar melhor..e me desculpe pelas explicações mais implistas, mas é uma maneira mais fácil de entender.

      Sobre a limpeza, não há essa necessidade de se limpar a cada 10 mil, mas se puder fazê-lo, será sempre melhor…mas com 20 mil já está de bom tamanho.

    • ChicoFCarvalho

      TBI é o chamado "corpo da borboleta" que se abre e fecha para admitir ar para o motor. A válvula "Blow By" também chamada de PCV é uma válvula que permite a "ventilação" do motor equalizando a pressão do óleo. Os gases gerados pelo "blow by" (resíduos da queima incompleta do combustível que penetram através dos anéis de segmento dos cilindros e se misturam ao óleo do motor, retornam ao coletor de admissão através dessa válvula pra serem novamente queimados pelo motor. Quanto mais velho e contaminado estiver o óleo, maior serão os gases que passarão por essa válvula e se tornarão o principal responsável pela sujeira acumulada na TBI. No YouTube há uma sequência de vídeos explicando o funcionamento e a importância da PCV. (http://www.youtube.com/watch?v=rs6YtHUscCA). Outro vídeo que mostra a TBI (http://www.youtube.com/watch?v=iV_XccTiOZo)

    • ChicoFCarvalho

      TBI é o chamado "corpo da borboleta" que se abre e fecha para admitir ar para o motor. A válvula "Blow By" também chamada de PCV é uma válvula que permite a "ventilação" do motor equalizando a pressão do óleo. Os gases gerados pelo "blow by" (resíduos da queima incompleta do combustível que penetram através dos anéis de segmento dos cilindros e se misturam ao óleo do motor, retornam ao coletor de admissão através dessa válvula pra serem novamente queimados pelo motor. Quanto mais velho e contaminado estiver o óleo, maior serão os gases que passarão por essa válvula e se tornarão o principal responsável pela sujeira acumulada na TBI. No YouTube há uma sequência de vídeos explicando o funcionamento e a importância da PCV. (http://www.youtube.com/watch?v=rs6YtHUscCA). Outro vídeo que mostra a TBI (http://www.youtube.com/watch?v=iV_XccTiOZo). O MAF é um sensor de massa de ar, necessário para medir e informar à ECU a quantidade de ar admitida de tal forma a permitir a correta injeção de combustível para otimizar a queima nos cilindros. Esse sensor também fica no coletor de admissão.

    • ChicoFCarvalho

      TBI é o chamado "corpo da borboleta" que se abre e fecha para admitir ar para o motor. A válvula "Blow By" também chamada de PCV é uma válvula que permite a "ventilação" do motor equalizando a pressão do óleo. Os gases gerados pelo "blow by" (resíduos da queima incompleta do combustível que penetram através dos anéis de segmento dos cilindros e se misturam ao óleo do motor, retornam ao coletor de admissão através dessa válvula pra serem novamente queimados pelo motor. Quanto mais velho e contaminado estiver o óleo, maior serão os gases que passarão por essa válvula e se tornarão o principal responsável pela sujeira acumulada na TBI. No YouTube há uma sequência de vídeos explicando o funcionamento e a importância da PCV. (http://www.youtube.com/watch?v=rs6YtHUscCA). Outro vídeo que mostra a TBI (http://www.youtube.com/watch?v=iV_XccTiOZo). O MAF é um sensor de massa de ar, necessário para medir e informar à ECU a quantidade de ar admitida de tal forma a permitir a correta injeção de combustível para otimizar a queima nos cilindros. Esse sensor também fica no coletor de admissão.

    • ChicoFCarvalho

      TBI é o chamado "corpo da borboleta" que se abre e fecha para admitir ar para o motor. A válvula "Blow By" também chamada de PCV é uma válvula que permite a "ventilação" do motor equalizando a pressão do óleo. Os gases gerados pelo "blow by" (resíduos da queima incompleta do combustível que penetram através dos anéis de segmento dos cilindros e se misturam ao óleo do motor, retornam ao coletor de admissão através dessa válvula pra serem novamente queimados pelo motor. Quanto mais velho e contaminado estiver o óleo, maior serão os gases que passarão por essa válvula e se tornarão o principal responsável pela sujeira acumulada na TBI. No YouTube há uma sequência de vídeos explicando o funcionamento e a importância da PCV. (http://www.youtube.com/watch?v=rs6YtHUscCA). Outro vídeo que mostra a TBI (http://www.youtube.com/watch?v=iV_XccTiOZo). O MAF é um sensor de massa de ar, necessário para medir e informar à ECU a quantidade de ar admitida de tal forma a permitir a correta injeção de combustível para otimizar a queima nos cilindros. Esse sensor também fica no coletor de admissão.

    • ChicoFCarvalho

      TBI é o chamado "corpo da borboleta" que se abre e fecha para admitir ar para o motor. A válvula "Blow By" também chamada de PCV é uma válvula que permite a "ventilação" do motor equalizando a pressão do óleo. Os gases gerados pelo "blow by" (resíduos da queima incompleta do combustível que penetram através dos anéis de segmento dos cilindros e se misturam ao óleo do motor, retornam ao coletor de admissão através dessa válvula pra serem novamente queimados pelo motor. Quanto mais velho e contaminado estiver o óleo, maior serão os gases que passarão por essa válvula e se tornarão o principal responsável pela sujeira acumulada na TBI. No YouTube há uma sequência de vídeos explicando o funcionamento e a importância da PCV. (http://www.youtube.com/watch?v=rs6YtHUscCA). Outro vídeo que mostra a TBI (http://www.youtube.com/watch?v=iV_XccTiOZo). O MAF é um sensor de massa de ar, necessário para medir e informar à ECU a quantidade de ar admitida de tal forma a permitir a correta injeção de combustível para otimizar a queima nos cilindros. Esse sensor também fica no coletor de admissão.

    • ChicoFCarvalho

      TBI é o chamado "corpo da borboleta" que se abre e fecha para admitir ar para o motor. A válvula "Blow By" também chamada de PCV é uma válvula que permite a "ventilação" do motor equalizando a pressão do óleo. Os gases gerados pelo "blow by" (resíduos da queima incompleta do combustível que penetram através dos anéis de segmento dos cilindros e se misturam ao óleo do motor, retornam ao coletor de admissão através dessa válvula pra serem novamente queimados pelo motor. Quanto mais velho e contaminado estiver o óleo, maior serão os gases que passarão por essa válvula e se tornarão o principal responsável pela sujeira acumulada na TBI. No YouTube há uma sequência de vídeos explicando o funcionamento e a importância da PCV. (http://www.youtube.com/watch?v=rs6YtHUscCA). Outro vídeo que mostra a TBI (http://www.youtube.com/watch?v=iV_XccTiOZo). O MAF é um sensor de massa de ar, necessário para medir e informar à ECU a quantidade de ar admitida de tal forma a permitir a correta injeção de combustível para otimizar a queima nos cilindros. Esse sensor também fica no coletor de admissão.

  • Caulazaro

    Tinham que perguntar… qual o mal essa adição a mais de etanol fará para os motores de carros importados que não passam por uma "nacionalização" dos componentes.

  • Rafael1989

    To pagando 3 reais no litro da gasolina ( moro a 100km de Betim-MG ), 25% de alcool, 50% de gasolina, 25% de solventes.
    Meu carro fazia 20 na estrada, agora nao passa de 15.

  • Ivan_Correia

    Pergunta pro sistema de escapamento do meu carro qual o beneficio dessa bosta de alcool na gasolina!

  • TKGaliza

    O etanol tinha tudo para ser um ótimo combustível se estivesse em mãos de um país inteligente. Porem por se tratar de Brasil, nunca vai vingar. Se pararmos pra pensar, o combustível aumenta o desempenho do carro, é menos poluente, e o processo de extração e destilação é mais rápido que a gasolina. Porem não existe investimento correto neste país. Quando abasteço meu carro com gasolina, é nítida a queda de potencia, as vezes sinto o carro " amarrado "

  • CoroNeL

    Não trata-se somente da discussão Gasolina vs Etanol.
    Não trata-se somente de emissões de CO2.

    Petroleo NÃO é RENOVÁVEL!!!
    Sim, VAI ACABAR!!!

    É BOM termos alternativas… mesmo toscas igual ao Etanol.
    Ambas são péssimas, poluídoras e afetam meio ambiente das formas mais variadas.

    Ainda vamos rir, quem viver mais uns 30 anos, da ideia idiota de usarmos motores a combustão…

    O que teremos no futuro nos carros?
    – Motores eletricos girando 2.000 km ou mais com um "tanque";
    – Baterias mais leves e de maior capacidade;
    – Motores mais "potentes" que os atuais a combustão.

    Da onde vai vir tanta energia? Olhem para cima durante o dia… um tal de Sol manda pra Terra mais de 1000 vezes mais energia que usamos hoje, só não temos tecnologia, AINDA, para explora-lá adequadamente.
    Hoje é caro e ineficiênte gerar energia solar (e ja melhorou muito de 20 anos pra cá).

    Só queria lembra-los do quanto "ATRASADOS" estamos, seja por causa da Indústria do Petróleo ou de falta de interesse/investimentos.

    O que eu faço?
    Porcaria por Porcaria eu fico com a mais barata pro meu bolso!

  • W_Costa

    Só significa uma coisa: aumento embutido de 5% na gasolina…, quem usa só ela vai pagar mais…, o carro vai andar menos e etc…, quanto ao ganho pro meio ambiente, pura hipocrisia do governo, se quisessem carros limpos aumentariam a qualidade da gasolina aumentando proporcionalmente a autonomia e/ou lançariam carros híbridos (elétricos/flex) ou ainda elétricos acessíveis com autonomia similar (ou maior) aos tradicionais à combustão, queremos sim preservar o meio ambiente, mas também queremos carros acessíveis e com boa autonomia. Com certeza esse bendito "ouro-branco" $rende$ bem ao governo a ponto de financiar as industrias para produzi-lo…, por fim o único fim do governo continua sendo o mesmo: $LUCRO$, porque então não investe em tecnologia afim de elevar a autonomia com Etanol para uma média de 15km/l?

    • KzR

      Assino em baixo. O etanol para render mais e preciso que um motor tenha taxa de compressão por volta de 15:1. Atualmente nos flex estamos em torno de 12:1. Muito mais que isso aumenta o risco de detonação com gasolina (algo que a central eletrônica já atua mexendo na mistura e avanço de ignição), já que ela explode mais fácil em compressão maior pois já explodia com taxa menor (não consigo entender como o rendimento com álcool pode ser melhor que o da gasolina). Dessa forma, os motores exclusivos a álcool poderiam voltar e seriam mais econômicos.

      Mas como o governo usa o etanol na gasolina para ajustar seu preço, tanto para baixo como para cima, e como o preço desse é bastante variável, a depender da intenção dos usineiros de produzir mais álcool ou açucar, motores modernos só a álcool só parecem bons na teoria.

  • W_Costa

    Concordo…

  • blindzector

    Petroleo infinito Já!

    kkkkkkkkkkkkk… alguem faz um cheat ai para termos isso?

    Bem zoação a parte, sim o petroleo vai acabar e toda akela EcoBalela vai começar… sabe o que eu acho… DEMORARAM para achar solução para o Petroleo! So isso qe digo!

  • Stilrl

    SRS HÁ ALGO QUE NÃO ENTENDO

    SÊ O PROPOSITO DO CARRO FLEX É APROVEITAR O MELHOR CUSTO BENEFICIO DOS 2 COMBUSTÍVEIS.

    PORQUE CONTINUA A SE MISTURA ETANOL A GASOLINA EM 20%?

    ISSO NÃO TEM SENTIDO ALGUM NA PROPOSTA DO CARRO FLEX!!!!

    • cepereira2006

      É para o usineiro ganhar sempre. Ferro neste povo.

  • Andre Dias

    O maior benefício é para quem produz cana de açucar. Não há tempo ruim.

  • KzR

    Esses argumentos até são válidos para a defesa, mas mascaram o outro lado da verdade. Se é preciso plantar para amortizar o impacto da gasolina, então por que já não o fazem em grande escala? Gasolina com menor percentual de álcool renderia mais e os carros poderiam rodar mais emitindo a mesma coisa, o que implicaria em redução de emissão por quilômetro rodado. Se nossa média de consumo fosse menor como o da Europa, os impactos seriam menores e por aí vai.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend