Tecnologia

Qual é a vantagem do freio de estacionamento eletrônico?

honda-hr-v-ex-avaliação-NA-57 Qual é a vantagem do freio de estacionamento eletrônico?

Muitos carros atualmente estão saindo de fábrica com sistema de freio de estacionamento eletrônico ou eletromecânico. Mas quais as vantagens e desvantagens dessa tecnologia?



A principal vantagem é a eliminação do esforço no acionamento do freio de estacionamento, em comparação com o dispositivo puramente mecânico, que embora possa variar em sua forma de acionamento (pedal, manete ou alavanca), exige algum esforço do motorista para seu acionamento.

Outra vantagem do eletromecânico é o aproveitamento de espaço na cabine. Como se trata apenas de um botão, este pode ser instalado em qualquer lugar no habitáculo. Em alguns carros, por exemplo, ele fica no painel, geralmente em posição próxima que outrora ficava o destravamento de dispositivos que utilizavam pedal.

No console, o arranjo vai depender da marca, modelo e proposta. Além disso, é esteticamente mais atraente. Porém, o uso de sistema eletrônico no acionamento não permite modular sua atuação nos freios como num sistema mecânico.

Mas há risco em acionamento acidental? Em caso de acionamento em altas velocidades, o sistema eletrônico detecta a velocidade do veículo e em razão dela, evitando assim o travamento repentino das rodas. Nesse caso, o veículo irá desacelerar suavemente, evitando assim a perda de controle e um possível acidente.

Geralmente o botão trava os freios ao ser acionado para cima ou para fora de seu compartimento, enquanto o destravamento ocorre no sentido inverso, sendo feito isso como medida de segurança. Alguns modelos liberam o freio de estacionamento eletromecânico de forma automática quando o veículo é engatado. Da mesma forma, alguns acionam o freio de estacionamento com o câmbio em P (Parking).

[Fonte: Revista Quatro Rodas]

Leia avaliações, notícias sobre carros e compare modelos em NoticiasAutomotivas.com.br.

  • saulo

    A desvantagem é que fica complicado dar cavalo de pau…..rs

    • RAPHAEL ZANARDO

      Cavalo de pau é um ritual de acasalamento que nos foi tirado… É como tirar as penas coloridas de um pavão…

      • NaoFaloComBandeirantes

        Kkkkkkk! Melhor comentário de todos!

      • Thales Sobral

        Foi imposição dos governos, para reduzir a taxa de natalidade. Com o aumento de carros, se mais motoristas aprendem essa manobra de acasalamento, a população ia crescer muito rapidamente. Pode ver que na India, onde os carros são mais simples, a população não para de crescer.

    • ViniciusVS

      Qual a vantagem em fazer cavalo de pau? kkkkkk

      • leomix leo

        Vantagens não tem, só prejuízos, (pneus, amortecedores, buchas de suspensão, é tudo mais vão procurar saco) mais já fui salvo, graças ao freio de mão manual. Certa vez precisei sair de uma situação de risco e o freio de mão me ajudou na frenagem, se não fosse ele, poderia ter colidido com um louco que estava em minha frente.

        • Cristiano_RJ

          Hoje, com o ABS em todos os carros, acionar o freio de mão é um contrassenso total. Lembrando que em alguns modelos, o ABS também vem com BAS, que é o sistema de auxílio à frenagem de emergência.

          • BrPb

            Os policiais usam muito o freio de mão convencional para as manobras em perseguições. Nesse caso travar as rodas é essencial. No resto, o botão é mais um item de ostentação. Eu uso muito o HR-V e o sistema faz um ruído alto e chato quando é acionado. No Fusion não tem ruído. Já o botão do brake hold do HR-V é raro de sentir necessidade.

          • O Pato

            Desde o dia que testei o abs em poças de água e remendos no asfalto não confio mais no sistema. Pelo menos se não estiver em condições ideais (asfalto seco e nivelado).

    • kravmaga

      Não é só para se exibir. Já vi piloto de rally usando o freio de mão para fazer curvas bruscas em altas velocidades.

      • 4lex5andro

        Mas são situações que fogem do cotidiano. Talvez um uso parecido com o rally, só em viaturas em perseguição, o que é algo que não é tão frequente.

      • Daniel

        Se vc tem uma L200 quadrada, o freio de mão manual faz vc economizar algumas horas da sua vida que vc desperdiçaria fazendo manobras…

  • Mr. Car

    Na boa? Pelo lado do aproveitamento de espaço, até tudo bem. Pelo lado do “menor esforço” é frescura mesmo, e das grandes, he, he! Ainda pelo lado do aproveitamento de espaço, é por isto que sou fã de alavanca de câmbio na coluna de direção. No assoalho até é mais ergonômico para um manual, mas com o advento dos automáticos, só há vantagem.

    • Hugo Leonardo

      “Carro meu, puxo o freio de mão eu” hehe

      • Mr. Car

        Tipo isso, he, he!

    • ViniciusVS

      De fato essa do esforço foi o maior exagero que eu já li. kkkkkk

      Acho legal câmbio na coluna, desde que a alavanca seja pequena, aquele câmbio do Prius “joystick” também é interessante.

    • rgrigio

      Sempre há a questão da “acessibilidade”… Pode ser útil em alguns casos…

    • Cristiano_RJ

      Acho que é mais uma questão estética (já ouvi falarem que acha “chique”), do que de praticidade mesmo. A não ser que o freio de mão eletrônico esteja em conjunto com o Auto Hold, que segura o carro em sinais sem precisar pôr o pé no freio. Aí sim, acho interessante.

    • npor03

      Depende. Tem que pensar nas mulheres também. A minha vive reclamando que puxo demais o freio de mão do carro dela. kkkk

  • Ronaldo Prado

    o freio de mão da kombi não exigia nenhum esforço e não ocupada espaço no console.

  • Louis

    Vantagem: estética.
    Desvantagem: mais um equipamento eletrônico com potencial para dar problema.

    • Luis_Zo

      Que medo dessa eletrônica.

      Melhor jogar o smartphone fora e voltar pras cavernas!

      ;)

      • Louis

        Smartphone trouxe inúmeras utilidades. Já o freio elétrico/eletrônico faz praticamente a mesma coisa que a alavanca.

        • Luis_Zo

          Ué, smartphone também faz praticamente a mesma coisa que o tijorola quando eu preciso conversar com alguém…

      • Olha, se partirmos do princípio que a maioria dos smartphones começa a dar problemas com dois anos de uso (travar, bateria não dura….) isso pode sim ser um problema nos automóveis com anos de uso. É como televisão, antigamente as de tubo de imagem duravam em média 20 anos, depois tivemos as de plasma com duração algo próximo de 10 anos. Atualmente as de LED possuem vida útil menor ainda. Naturalmente a qualidade de imagem não se compara.

        • Thales Sobral

          Opa, TV de LED dura pouco é? Talvez se ficar exposta ao tempo…. Mas em uso interno, dura bastante também.

    • Ancelmo Henrique

      Falou tudo, infelizmente…

  • CidFreitas Gurgel

    A polícia civil do estado da Paraíba recebeu viaturas renegade. Aí está um grande problema com a falta de alavanca de freio de mão. Quando em perseguição, geralmente é preciso de usar o mesmo, aí complica e muito.

    • Artur

      O problema vai ser o Renegade conseguir perseguir alguma coisa (se for da versão flex)! Rsrs

      • No_Name

        Kkkkk! É uma piada total, não há critérios técnicos para escolha de viaturas nesse país e assim nosso suado dinheiro vai sendo desperdiçado dia após dia.

        • kravmaga

          Viaturas policiais deveriam todas ter motorização e estabilidade acima da média, justamente para poder perseguir carros.

          É ridículo também perseguir bandidos com aquelas Hilux que capotam à toa.

          • Leo

            Aqui em Brasília capota uma Pajero Dakar da PM por semana. Eles odeiam o carro.

    • ViniciusVS

      Acho que viatura deveria ser veículo especial. No caso do Renegade com o 2.4 Flex da toro e câmbio manual, apesar que hoje a viatura ideal no meu ponto de vista seria o Etios X Hatch MT6 com algumas adaptações como motor 1.8, rodas sem calota etc…

      Um carro robusto, ágil, com manutenção simples e pequeno por fora.

      • kravmaga

        Que nada. Viaturas policiais de perseguição deveriam ser hatches ou sedãs médios com motores 2.0 aspirados para cima ou turbinados e com ESP.

        • Gustavo73

          E policiais treinados para pilotar tais viaturas.

        • ViniciusVS

          Acho que um compacto com motor de carro médio é melhor opção levando em consideração as ruas apertadas e claro que o ESP é um dos itens básico.

          Turbo eu acho desnecessário, já que esse tipo de carro foi feito para moer no dia a dia e o custo de manutenção de carro turbo é bem maior, tem que ser um motor robusto, confiável e principalmente barato.

          Não faz sentido nenhum um sedan como viatura, o ideal é um Hatch pequeno para passar em qualquer espaço, motor forte com bastante torque, direção elétrica ou hidráulica leve, cambio manual, AB, ABS, ESP.

          Para uma viatura de apoio ai sim qualquer coisa com porta malas maior e mais alto para colocar os meliantes como Spin por exemplo, no caso o sedan médio não serve também.

        • Louis

          Mas os SUVs também são úteis, porque precisam passar direto em lombadas, subir em canteiros, correr na estrada de terra…Coisas que sedan sofreriam mais.

  • Racer

    Acho que a principal vantagem é o acionamento automático, ao colocar o carro em P, bem como a liberação automática. Tem gente que gosta de deixar o carro segurando só na caixa. A questão do espaço também é boa, mas não é tão relevante. Já o esforço, se o cara tem alguma dificuldade….é porque já deve andar se arrastando.

    • ViniciusVS

      Sistema Anti manobrista.

  • Ediomar

    Como é que ficam os magrão nas manobra de madruga kkk,brincadeiras a parte,pra mim não tem problema nenhum em puxar o freio de mão do modo tradicional,se está pesado ou ineficiente,leva no mecânico,geralmente é cabo desfiando ou regulagem.

  • kravmaga

    Eu já tive um carro com freio de mão eletrônico e, sinceramente, não vi vantagem nenhuma, pelo contrário. Exigia um ajuste do freio de estacionamento em todas as revisões do carro, pelo menos no modelo que tive (Captiva).

    O freio de mão, além de servir para travar o carro ao estacionar, ainda serve justamente como um freio de emergência num caso de pane do carro, por ser puramente mecânico e simples, e ainda permite certos “abusos” como fazer cavalo de pau para quem é piloto.

    É, ao contrário do que muitos pensam, há modelos com freio de mão convencional mas que seguram o carro automaticamente ao parar em ladeiras p.ex. Esse recurso não implica no freio de mão ser eletrônico. O Jetta tem freio de mão manual mas segura o carro em ladeiras.

    • Racer

      Em um passado remoto, já me livrei de um acidente, por causa do freio de estacionamento…..se fosse eletrônico, já era.

    • Cristiano_RJ

      É que esse recurso de segurar em ladeira, o Hill Holder, está associado ao câmbio e não ao freio de mão. A maioria dos carros automáticos hoje em dia já o possuem. A minha 120i também tem alavanca de freio de mão convencional, mas possui o Hill Holder. O que vejo como vantagem do freio de mão eletrônico é o Auto Hold, que dispensa que você fique com o pé no freio quando estiver parado em um sinal, por exemplo.

  • Yuri Lima

    O problema é quando a bateria pifa, ou o sensor da pau.

    Numa emergência (mesmo sendo algo danoso ao carro), com o sistema manual dá pra fazer o carro pegar no tranco. Com esse aí não.
    Tem coisas que a tecnologia é muito bem vinda. Em outras eu ainda sou meio quadrado.

  • Alessandro Aguiar da Silva

    Minha HRV teve problemas nesse freio de estacionamento. Fora trocado as duas pinças…
    Excesso de ruído com apenas 25mil quilômetros….
    Muito prático, tanto para travar e destravar. Mas aumenta a manutenção…

  • Marcio Souza

    E como seria o bom e velho drift?

  • BTRJ

    Faltou falar da função auto hold ou brake hold, que segura carro automático engatado em Drive sem necessidade de o motorista permanecer com o pé no freio, o que, para mim, é uma das características mais interessantes desse sistema de freio.

    • Lukoh

      Nem todos tem o Auto Hold junto com o freio mão eletrônico…. ex: novo Ford Edge.

    • Thales Sobral

      Auto Hold não precisa ter freio de mão eletrônico..

  • Rodrigo

    Tirando o autohold em carros automáticos até agora não vi vantagem no freio de estacionamento eletrônico, a não ser a estética e o ar de modernidade.

  • Isaque Ribeiro

    Pelo jeito, todos que frequentam o site são pessoas ”normais” rss. Ninguém vê vantagem no freio de mão eletrônico, já eu, vejo muitas, facilitou minha vida e muuuuito, sou tetraplégico, não tenho movimento nos dedos, não consigo acionar o botão da alavanca para soltar o freio, só conseguia puxar no meu antigo carro, um Hyundai i30. Hoje tenho um Honda Civic 2017 e para soltar o freio de mão, basta estar com o cinto de segurança e acelerar que já libera. Fora o sistema brake hold que é outro item muito útil e que ajuda muito..

  • Fabio I.

    Vantagem? Nenhuma. Mas é legal.

  • Ricardo

    Rola dar cavalinho com esse botão? :)

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend