Europa Hatches Renault

Renault Clio 2020 tem primeiro teaser revelado na França

Renault Clio 2020 tem primeiro teaser revelado na França

A nova geração do Renault Clio acaba de ganhar seu primeiro teaser. Esperado para o Salão de Genebra, em março, o compacto da marca francesa aparecerá antes do evento suíço com a plataforma modular CMF-B, o que lhe permitirá reduzir os custos de produção, assim como ocorreu com seu desenvolvimento.


Lançado há 20 anos no Brasil, o Clio nos deixou e não deverá retornar, mas no mercado europeu, ele continua tão forte quanto antes. Agora, atualizado, o hatch terá sua revelação mundial em 28 de janeiro (nesta segunda), quando mostrará um estilo dentro do esperado, com grade frontal em “V” e logotipo da Renault sem novidades.

Renault Clio 2020 tem primeiro teaser revelado na França

Nas poucas imagens do teaser, o Clio 2020 apenas mostra detalhes que não revelam como ele realmente é. Apenas o painel deve receber texturas com efeito 3D, enquanto o restante do conjunto é bem convencional. Sabe-se que o modelo será mais leve e espaçoso, assim como sua estrutura mais rígida promove maior segurança e dirigibilidade.


Na Europa, haverá tanto motor aspirado SCe quanto o turbinado TCe, talvez até com a opção 1.3 TCe de 163 cavalos e 25,5 kgfm. O propulsor 1.2 TCe com 120 cavalos será o principal da gama. O diesel 1.5 dCi deve ser retirado dos principais mercados. Em seu lugar, versões híbrida e híbrida leve para compensar as emissões.

Renault Clio 2020 tem primeiro teaser revelado na França

O Clio 2020 também deverá ampliar a conectividade com opções de multimídia, como a R-Link atualizada. Na segurança, frenagem automática de emergência com detector de pedestres deverá ser padrão, assim como controle de cruzeiro adaptativo e alerta de faixa.

Além da Europa, o Clio 2020 deve chegar ao Sudeste Asiático, mas não será vendido na Índia e nem na China, podendo apenas ser comercializado na Rússia. Por aqui, o sucessor do Sandero deve ser uma evolução do mesmo, mas longe da Dacia. O novo hatch da Renault será feito na França junto com o Nissan Micra da atual geração.

Renault Clio 2020 tem primeiro teaser revelado na França
Nota média 4.8 de 5 votos

  • th!nk.t4nk

    Esse Clio das imagens (2012) ainda é bonito, mas deixou de ser a estrela que era na época. Acho a versão perua interessante, porque é barata e bem espaçosa. Se não fosse essa febre por SUVs, a família Clio poderia ter tido seu espaço no Brasil.

    • Raimundo A.

      Há tempos que as SW começaram a perder terreno aqui. Diria que começou com a oferta dos monovolumes, pois quem queria um veículo familiar via no monovolume algo melhor e este tem uma visão interna mais alta, similar a de SUVs. O problema é que continuamos com vias ruins e a vaidade de ter algo maior e chamativo está longe de acabar.

      SUVs com preço menor foram ganhando terreno e enterrando cada vez mais as SW, como também os monovolumes que passaram a sobreviver ganhando versões com apelo aventureiro. Contudo, se não são melhorados e a marca lança algo mais cara de SUV, o monovolume começa a perder a graça por não ter aquele apelo fora de estrada.

      Há bom tempo, SW está praticamente restrita as marcas premium aqui e vendem pouco. Me agrada quando vejo em rua próxima uma MB C180 Touring geração antiga, mas traz menos apelo que um SUV ou projeto de SUV MB GLA. Na Europa permanece a oferta ao meu ver pelo histórico de boa vias. As pessoas não precisam de veículos altinhos para vencer lombadas, buracos, pisos irregulares mesmo asfaltados, etc. Além disso, por muito tempo a boa oferta mantém público fidelizado e não deixaram de ter a evolução das minivans.

      • RodrigoABC

        “O problema é que continuamos com vias ruins….”

        Isso pra mim é o maior problema. A última SW que entrou aqui em casa foi uma Ipanema. Depois dela foi uma Palio Adventure, o motivo da adventure e não uma weekend “normal”? A vias e ruas.

        Hoje tenho um new Fiesta, mas me vejo no futuro com um StepWay, Cross, ou qualquer aventureiro urbano justamente por causa das vias. Não chega a ser um SUV ou crossover como kicks pra cima, mas pelo menos não é baixo para ficar raspando ou sofrendo com as vias.

        Depois de ter carro baixo e sofrer com as ruas, a pessoa começa a involuntariamente ir para um carro mais alto.

        • th!nk.t4nk

          Então, mas esse problema das vias ruins pode ser solucionado com uma perua com suspensão reforçada/elevada. Algo nos moldes dos “Allroad” na Europa (peruas crossover), só que ao invés de focar em neve, seria pra enfrentar os desníveis do pavimento. A FIAT até teve uma boa ideia na época com a Weekend Adventure (ok, desconsiderando o excesso de plásticos), mas a VW matou a ideia depois colocando um preço surreal na SpaceCross. Imagem por imagem, o cidadão médiu preferiu ir de Ecosport e afins. O resto é essa situação a que chegamos…

        • Gran RS 78

          Gosto é gosto, pois as ruas sempre foram ruins no Brasil, e eu continuo gostando e tendo carros baixos.

          • RodrigoABC

            Meu carro atual raspa até ao sair de casa. Coisa que o de irmã por exemplo não raspa (e nem é esses cross da vida). Além disso, já tive carro debaixado com Eibach por uns 4 meses, tirei pois era complicado andar (já é ruim atualmente, imagina rebaixado).

            As ruas sempre foram ruins, concordo, mas a paciência de desviar, alterar rota, passar devagar, essa a gente não tem.

        • Emilio

          Exatamente o que eu penso… SUV é besteira pra quem anda só na cidade, no entanto, está dificil andar com carro “normal”. Daí os pseudo aventureiros caem bem pra enfrentar os desniveis das ruas. Em Brasilia esse problema é menos critico mas Fortaleza, por exemplo, é cruel.

  • Eskarmory .

    Aqui ficamos com um pandeiro…

  • Domenico Monteleone

    Por aqui seria um produto interessante na faixa de mercado do Polo, ela tem um potencial enorme. Mas na maioria das vezes as montadoras não confiam no produto que elas tem.

    • Gran RS 78

      Confiar elas confiam, o problema é o consumidor brasileiro, que é diferente dos consumidores do resto do mundo, pois compram modelos ultrapassados, principalmente em motorização, então porque as montadoras colocariam produtos refinados por aqui?

      • Vinícius

        Verdade, eu duvido que, se o Sandero tivesse vendendo há um tempo um volume pífeo (que é o que ele merece), não teria vindo um veículo muito mais interessante.

        • Matthew

          Não tenho nada contra o Sandero em si. Mas considerado que é um modelo concebido para ser de baixo custo, o custo dele no Brasil é uma fábula, como tudo. 60 mil taokeis num Logan 1.6 é dose…

          • D34D P00l

            Exato, o problema dele não é qualidade em si, é a qualidade x custo. Ele é BEM pior do que Onix, HB20 e Ka por exemplo.

            • Matthew

              Como se não bastasse vender um modelo de baixo custo, a Renault BR ainda demora mil anos pra atualizar a linha. Deveriam se espelhar no que a Ford fez com o Ka: dá um tapa no visual baseado na versão Turca, acrescenta a transmissão automática CVT, e versões com pacotes consistente de equipamentos, já que hoje na República das Bananas estes compactos têm de cobrir um “range” que vai das opções mais populares até as mais “luxuosas”.

  • Victor

    Equipe do Noticias Automotivas,seria interessante se vocês colocassem legenda nas imagens que acompanham as matérias. Por exemplo, nesta matéria, em nenhum momento é afirmado se as imagens são de projeções do novo Clio ou do Clio anterior. Contudo, parabéns pelo sítio, visito todos os dias.

    • th!nk.t4nk

      Verdade. Esse das fotos é o Clio 2012. Bem velhinho, mas quem não conhece pode até achar que é o 2020 hehe.

      • Felipe Gonçalves

        Foi o que achei kkk

  • Davidsandro18

    Estive em Portugal agora em janeiro, e aluguei um Clio 4 com motor 0.9 turbo, e digo que até seria um concorrente interessante na categoria do polo e demais, tendo boa posição de dirigir e um desenho agradável. Era uma versão intermediária, tendo multimídia, start-stop, chave cartão e algumas outras coisas mais.
    Mas aqui a Renault tá mais focada nos Dacia nos modelos de entrada, ficando bem difícil do nosso mercado ter o verdadeiro Renault Clio, vão dar aquela requentada no Sandero pra tentar reposiciona-lo na gama e aumentar o preço.

    • D34D P00l

      Espero sinceramente que o mercado não absorva. Não sei se é inerente da plataforma, mas Sandero tem Logan tem algumas simplificações que são exclusivas deles, não sendo replicadas nem por carros de entrada daqui, como a porta recortada no teto(aliás, até o Kwid me passa mais sensação de refinamento que esses 2).

      • Samluzbh

        Isso é apenas característica de projeto, vários carros já usaram esse estilo da porta “cobrir’ a lateral do teto até o Golf.

  • Diego

    A geração atual parece super recente, sempre torcia o pescoço quando via um nas ruas.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email