*Destaque Argentina Montadoras/Fábricas Renault Veículos Comerciais

Renault: nova geração do Kangoo já está sendo fabricada na Argentina

Renault-Kangoo-flagra-fábrica-Argentina-3 Renault: nova geração do Kangoo já está sendo fabricada na Argentina

A Renault já está fabricando em sua planta de Santa Isabel, na Argentina, a nova geração do Kangoo. O novo modelo nada mais é que a versão Renault do Dacia Dokker oferecido no mercado europeu – por lá, a Dacia figura como a marca de baixo custo da empresa. Trata-se da mesma estratégia já usada pela fabricante francesa com os modelos Sandero, Logan e Duster. O Renault Kangoo 2019 será apresentado em abril e é fruto de um investimento de US$ 100 milhões.



A nova geração do Kangoo irá substituir o modelo atual, que já soma duas décadas de mercado, e embora seja um veículo de baixo custo, será mais moderno e equipado que o atual. Nas imagens, o novo modelo da Renault aparece em duas configurações diferentes, sendo uma destinada ao transporte de cargas (sem as janelas laterais) e outra para o transporte de passageiros (com janelas laterais e vidro traseiro), sendo uma delas provavelmente na versão pseudo-aventureira Stepway oferecida lá fora, com rodas de liga-leve e detalhes plásticos espalhados pela lataria.

Renault-Kangoo-flagra-fábrica-Argentina-3 Renault: nova geração do Kangoo já está sendo fabricada na Argentina

Pelo menos por enquanto, ainda não há muitos detalhes a respeito do novo Renault Kangoo. Entretanto, sabe-se que as versões mais caras do utilitário serão equipadas com controle eletrônico de estabilidade (ESP), algo não ofertado nem como opcional por seus rivais, como é o caso do Fiat Fiorino e o Fiat Doblò, por exemplo.

Quanto à motorização, a expectativa é que o novo Kangoo seja equipado com o mesmo motor 1.6 litro SCe flex de quatro cilindros já usado nos modelos Sandero, Logan, Duster e Captur. No hatch e no sedã ele rende até 118 cv e 15,5 kgfm, enquanto nos crossovers a potência máxima é de 120 cv e o torque máximo, de 16,2 kgfm. No caso do utilitário, a transmissão será sempre a manual de cinco velocidades.

[Fonte: Argentina Autoblog]

Galeria de fotos do novo Renault Kangoo na fábrica

COMPARTILHAR:
  • Rodrigo

    Carro funcional. No Brasil essa moda não pega pois ainda segue a mentalidade de que carro é símbolo de status.

    • Luccas Villela

      Uma pena :(

  • Matthew

    Fiat Doblò já nao saiu de linha? Isso só confirma o cartel que é o Mercosul: o modelo da Fiat dominou o segmento por mais de uma década, quando encerra sua produção, misteriosamente a Renault resolve lançar a primeira novidade do segmento em anos. E como sempre, a parte da Dacia ser uma marca de baixo de custo só fica na esfera da produção, pois pro consumidor final será​ cobrado preço de Renault Kangoo europeu.

    • vicegag

      Baixo custo, só para que fabrica ( e também na qualidade percebida ), pois na hora de cobrar, o preço para o brasileiro, é preço de premium.

    • Cesar

      Mas qual das fabricantes aqui não tem essa política?

    • armtoos2

      Vamos lá…cartel, aqui??! As vendas são muito baixas aqui, pra fazer cartel neste segmento. É mais vantajoso fazer cartel na Europa, e lá, a Doblo é fabricada pela Renault. Assim como a Boxer e a Ducato, são fabricadas pela marca francesa.

  • CanalhaRS

    Enquanto não vier o Koleos, o mercado brasileiro será ocupado 100% por modelos Dacia ( nosso Captur na verdade é o Kaptur russo, que é Dacia). Infelizmente a culpa por isso não é só da marca francesa, mas também do consumidor (imaturo) brasileiro, que aceitou essa troca.
    Eu nunca aceitarei e nunca comprarei Dacia.

    • Thiago Maia

      Os Dacia têm seu valor. O problema está no quanto se cobra por ele.

      A meu ver, o Captur não deveria ter sido lançado, mas já haveria

      E o Kadjar deveria ter sido fabricado no Brasil em vez do Captur

    • edgar__rj

      A Renault do Brasil nunca vendeu tanto até ter os modelos Dacias disponíveis… Eu acho que no começo era aceitavel pelos preços bem em conta… Mas agora tem opções melhores pelo mesmo preço… A Dacia tem porte e qualidade tão boa quanto nossos fiats e Volks do mesmo segmento…

      • ViniciusVS

        Infelizmente ainda tem uma galera aqui com mente limitada, ficam mais preocupados com emblema que com o produto em si…

        • CanalhaRS

          Com certeza, quem aceita comprar Dacia com emblema Renault e pagar mais caro. Mente limitada, concordo 100%.

      • CanalhaRS

        “A Renault do Brasil nunca vendeu tanto até ter os modelos Dacias disponíveis… Eu acho que no começo era aceitavel pelos preços bem em conta… Mas agora tem opções melhores pelo mesmo preço… ”
        Parece que pensamos igual, não? Como eu citei lá em cima, o consumidor aceitou a troca.
        Quanto a comparação com a concorrência, não vejo da mesma forma, Acredito que em determinados modelos o nível se equipara, mas não com todos.
        Não tenho preconceito ou ódio com os modelos romenos. Só acho que a Renault deveria vender as duas linhas aqui, uma com a Dacia, a preços populares, e outra com seus modelos europeus.

        • Rogério R.

          Dê uma pesquisada. A Dacia sempre fabricou carros Renault sob licença desde a sua fundação como montadora em 1968 e isso durou até quando a Renault adquiriu totalmente a marca romena, ou seja, um Dacia sempre foi um Renault. A Renault qdo comprou de vez a Dacia em 1999 ela poderia ter extinguido a marca Dacia na europa assim como a Chrysler fez com a marca Simca, mas não, ela resolveu manter a existência do logo Dacia em respeito a história da marca romena. Acho que os logos dos Dacia Sandero/Logan 1 dizem algo:
          https://s1.cdn.autoevolution.com/images/testdrive/gallery/dacia-sandero-stepway-16-mpi-2009_26.jpg
          http://cartype.com/pics/1172/full/dacia-logan_emblem.jpg
          A verdade é que a robustez dos Dacia by Renault caíram mais no gosto do brasileiro acabando com aquele preconceito do início dos anos 2000 de que carro francês não prestava, pelo menos no caso dos carros Renault.

          • CanalhaRS

            Sim, tô sabendo da mudança de plataforma, mas isso, se acontecer, será daqui a 2 anos ainda. Não muda nada do que falei sobre o comportamento da Renault no Brasil.

            • Rogério R.

              Acho engraçado que ninguém reclama de Gol, Voyage, Onix, Prisma, Argo, Cronos,… carros que europeus nem conhecem pessoalmente, isso se tiverem ciência da existência de alguns deles, ao menos Sandero, Logan e Duster rodam por toda a europa. Aliás existem mais Sandero rodando pelo mundo do que Clio IV.

          • armtoos2

            Perfeito o seu comentário…absolutamente perfeito.

    • Cesar

      Bom então tu quer um coreano? Pela vossa lógica, Koleos é Samsung Motors.

      • CanalhaRS

        Cesar, colabora né? Você entendeu meu comentário…hehehehe…
        Koleos é um Renault de nível europeu e não um Dacia com emblema.

    • Marcelo Cordeiro

      Puro preconceito! O Duster, por exemplo é um modelo honesto. Ele nunca prometeu sofisticação, é um SUV de acesso robusto e com preço competitivo. O problema é a Captur que é feita por aqui na plataforma do Duster, tem conjunto mecânico de baixo custo, interior de Sandero e preço absurdo, portanto um embuste. Não acho que 100% da gama no Brasil deva ser Dacia, há espaço, por exemplo, para o Clio Europeu e o próprio Koleos, mas a Renault passou muito tempo no prejuízo com modelos similares aos vendidos na Europa e meio que ficou traumatizada. KKKKK

      • CanalhaRS

        Concordo com você que os modelos Dacia são carros honestos. O problema, como já citei aqui outras vezes, é que eles são vendidos como Renault (inclusive nos preços).
        Quanto ao espaço para produtos como o Clio, ele obviamente existe, mas por causa do posicionamento errado da Dacia, ele seria vendido a preço de hatch médio, e aí quem compraria? Entendeu agora o meu comentário?

  • Natanael Garcia

    PQP Esse carro já tem 5 anos. É muito atraso chegar só agora. Na Europa logo logo vai mudar.

    • Maycon Farias

      Lá fora ele, o Doblo e o Qubo são super atualizados e modernos.

      • Natanael Garcia

        Sim, digo que este mesmo modelo foi lançado em 2013, já vai chegar defasado.

      • Luciano RC

        O mercado aqui é esquecido nesse segmento. As versões Cargo conseguem vender mais que a de passageiros. Infelizmente, o consumidor não gosta do desenhos dessas Multivan.

  • Rogério R.

    A QR publicou recentemente um flagra da versão de passageiros em testes aqui.

  • Maycon Farias

    Lembrei da época do auge de vendas do Doblo e Kangoo, eram os SUVs do passado. Cheguei a achar esse tipo de veiculo maravilho, principalmente pela forma que as portas abrem, mas os anos passaram e as novas geracoes deles nunca chegavam. kkkkk

    • Luciano RC

      Vendiam pouco… e por ser carro multiuso, o seguro é caro. Complicado ter, é grande e bebe demais.

  • Dudu Pimentel

    Até quando a Renault vai ficar sem transmissões MT6 e AT6?

    • Eles já possuem CVT com emulação de seis marchas no lugar de um AT6, sendo tão moderno quanto.

      • Luciano RC

        No modo D, ele é mais econômico que um manual de 5 marchas.

      • Dudu Pimentel

        Só tem prá Fluence (que se não me engano, está prestes a sair de linha), Captur (1.6 SCe) e no máximo Duster…o Sandero e Logan tinham o Easy-R, semelhante ao Dualogic, mas devido à baixa procura por conta dos constantes trancos.

        • Fluence, Captur, Duster e Oroch possuem câmbio CVT atualmente. Logan e Sandero receberão após facelift, bem como novo Kangoo já deve vir com a opção.

          • Dudu Pimentel

            Ah, que ótimo…entaum o câmbio CVT está em quase toda a linha Renault…mas vale lembrar que somente o Captur 1.6 tem CVT…o 2.0 tem AT4

  • Samluzbh

    Gosto da Renault e da Dacia, mas que carro feio, agora fiquei na duvida se ele ou a Spin é mais feia

    • 4lex5andro

      De perfil a frente desse Kangoo lembrou a Spin em seu “esplendor”.

  • Luciano RC

    Se a versão Cargo vir com bom espaço e tiver uma plano de manutenção legal, ganhou o mercado deixado pela Doblo Cargo.
    Temos Doblo na empresa e seria péssimo migrar para a Fiorino.

  • Schack Bauer

    Espero que a Renô não demore um ano para trazer pra cá.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email

receber-noticias Notícias por email