EUA Minivans Volkswagen

Rumores indicam que a Kombi voltaria a ser produzida nos EUA??

volkswagen-microbus-concept-2001-1 Rumores indicam que a Kombi voltaria a ser produzida nos EUA??







O modelo todo moderninho das fotos é o VW Microbus Concept 2001, que iria ser produzido em série a partir de 2005. Só que o projeto nunca passou da fase de “conceito”. Hoje a Volkswagen tem outros modelos, diferentes, dentre eles a Routan, que é uma Dodge Caravan, e não tem a metade do carisma de uma Kombi.

O jornal Sydney Morning Herald relata que a VW está estudando a possibilidade de criar uma Kombi do século 21, toda moderna, como aquele conceito.

volkswagen-microbus-concept-2001-2 Rumores indicam que a Kombi voltaria a ser produzida nos EUA??

Alguns executivos da Volkswagen citaram que produzir essa Kombi na Europa não está muito nos planos da empresa, mas que ela ser feita nos EUA é possível, em um futuro não muito distante.

Bom, acho que eles deviam deixar esse conceito aí de lado e fabricar a nossa Kombi por lá. Nosso modelo é muito mais retrô!

[Fonte: Sydney Morning Herald]



  • wotan

    Simplismente, MARAVILHOSA!

  • xande1998

    eh realmente aqui os modelos “retrô” são bem aceitos pelo povo….

    :clown: :clown: :clown:

  • J0hnHGT

    Malditos NAZISTAS!!! Para o mercado norte Americano, eles reestilizam praticamente a Kombi inteira, parece praticamente um novo projeto!

    Para nós, reles brasileiros do Terceiro mundo, vendem uma Kombi com o mesmo projeto júrassico de mais de 50 anos, um Lixo! :asner:

  • wotan

    [Comentario #100969 sera citado aqui]

    Discordo de vc, nós temos os carros que MERECEMOS, a culpa não é dos “nazistas” a culpa é do POVO BRASILEIRO e do governo que elegeu.

  • wotan

    Quem tem $ importa carros do primeiro mundo.

  • antoniokings

    Depois da Robust, agora nova Kombi. A VW só dá bola fora! Por isso, as outras empresas estão crescendo no mercado com lançamentos, diria, mais realistas. Por falar em mercado, a FIAT continua disparando. Parece que as vendas do GOL voltaram ao seu patamar normal.

  • rodrigoneves

    O que os nazistas têm com isso? :eyess:

    Essa Kombi não foi reestilizada, é um projeto inteiramente novo. E não se esqueça que já tivemos a Caravelle à venda no Brasil, uma Kombi moderna nos moldes de Boxer / Jumper / Ducato, mas que não vendeu nada justamente por ser mais cara do que a Kombi atual.

  • Angel

    Esse carro ficou com o visual bastante futurista, ficou super bonita e continuou funcional como tem que ser. A vw nao poderá produzir a atual kombi no brasil eternamente, tomara que esse modelo algum dia entre no lugar da atual.

  • rdish

    Perae gente, a foto do post é de um CONCEITO QUE NÃO FOI FABRICADO. E a matéria fala de uma NOTÍCIA NÃO OFICIAL sobre o INTERESSE da VW em fabricar uma versão mais moderna da Kombi nos EUA, em um FUTURO PRÓXIMO.
    Mas já tem gente reclamando…
    Sei que o brasileiro tem um complexo de inferioridade absurdo, mas ai é exagero…

  • evotremex

    entre a dinokombi brasileira e esse conceito é 1000 vezes o conceito, ficou muito bonito.

  • gabrielhpantoja

    Falem pra concorrência lançar um carro mais barato que a Kombi para este mercado. Enquanto os concorrentes não tiverem capacidade, a Kombi será assim.

    Menos de 40k num carrega-tudo como a Kombosa é um preço muito considerável pelas empresas.

    A economia agradece.

  • J0hnHGT

    Mas é triste verificar que o nosso país é relegado o segundo plano, se aqui a Kombi vende tão bem, poderiam ter colocado esse projeto em primeiro plano para ser apresentado a nós… Esse ressentimento nazista já era pra ter acabado, aposto que se fosse a Argentina o país com a grana na mão aqui na AL, já teriam botado o projeto em produção… :humpf:

  • DarK_FlooD

    [Comentario #100969 sera citado aqui]

    Praticamente?

    É um projeto novo.. tem nada a ver com a ‘Dinokombi’ especulada acima, aesuhsue

  • Jassa Murtab

    [Comentario #101002 sera citado aqui]

    Relegado por muitos motivos. É corrupto, imoral e de um povo leviano. Os fabricantes estão coberto de razão porque não se pode confiar demais na economia de um país que tem seus altos e baixos vulneraveis em excesso.
    A Peugeout é uma delas. Não achou necessário investir no mesmo modelo do 207 europeu, achou melhor reestilizar o 206 nacional e vendê-lo pois, segundo ela, reestilizando iria vender bem e pelo visto deu certo. Apostou na mediocridade e da sangria desatada do povão endividado por um carro novo e a fórmula deu certo. Tenho visto muitos na rua,

  • LAC15

    Aos Empresários e Investidores Brasileiros.

    Não tenho a certeza do que vou dizer:

    Acredito que as Leis que regulamentam as Marcas e Patentes no Brasil, permitem que um projeto “conceito” não utilizado. Possa ser copiado a partir de 10 anos da sua apresentação.

    Temos vários carros nacionais, os chamados “fora-de-série”, alguns em produção e outros não mais, onde eram copiados projetos de carros mundiais que já haviam saido de produção, há alguns anos ou décadas, Ex: Miura, MP Lafer, Chamonix, e, em especial os carros RÉPLICAS DA http://www.kitcar.com.br, com as Lamborguinis, Ferrari F40, Porsches e etc.

    Portanto, se o projeto original do Conceito da Kombi é de 2001, interessados em lucros e apaixonados por carros, com capital financeiro disponível, poderiam iniciar os estudos e em 2011 lançá-la no Brasil, desde que, realmente em 10 anos podessam ser copiados este estudo de design.

    Seria uma antecipação ao projeto da VW Mundial, que demorou e nunca resolveu fabricá-la, mesmo tendo enorme aceitação e aprovação desta projeção de modelo pelos consumidores de todo o mundo.

    Seria um excelente produto exportável, desde que seja oferecido com acabamento aprimorado, motor de qualidade e potência, pacotes de segurança e tecnoligia modernos.

    Porém o público seria não o de carga de transporte, mas sim o público que gosta muito de Mini Vans, como Picasso, Scenic, Zafira…

    Os empresários e investidores do Brasil, precisam se movimentar para antecipar essas tendências e mudar o quadro automotor do país, pois a pouco anos e décadas atrás, a indústria automotiva Chinesa, Coreana e Indiana, não tinham um ramo nacional definido em seus países. Bastaram o empenho de empreendedores de outros ramos, como o empresário do ramo de minérios “TaTa Motors da India”, para que pudesse tornar realidade estes sonhos.

    Não adianta pensarmos que algum dia as coisas relacionadas com lançamentos automotores, serão diferentes, porque não serão. Pois os fabricantes, costumam primeiramente lançar produtos em seus países de origem, o que é lógico e natural.

    Por acaso seria pensável a GM lançar o Corvette no Brasil e depois nos EUA, ou a Ford lançar o Mustang no Brasil e depois nos EUA? A Hunday lançar sua Tucson no Brasil e depois na Coréia? A Toyota lançar o Corolla no Brasil e só depois lançar o mesmo no Japão, que já existe por lá a mais de 30 anos?

    É óbvio que são seus países, suas culturas, seus povos, portanto o privilégio inicial são deles, e somente depois é que virá para o Brasil. É claro que não deveria demorar tanto para chegar, isto quando chega aqui.

    Já pensaram em fabricar qualquer utilidade doméstica, fora de sua região? Sei que para toda regra, existe a excessão, porém o natural é vermos primeiramente ser privilegiada a nossa região e depois expandir para as demais regiões. O mesmo acontece na indústria, também salvo excessões.

    Somente será mudado esta situação, no dia que existir fabricantes automotivos genuinamente brasileiros com grande projeção, não somente com carrocerias, mas com motores também. Sei que existe a Agrale, a Embraer (assim como a Rolls Royce e BMW, que fabricam turbinas de avião a jato), e algumas outras nacionais seja do ramo automotivo ou aero-espacial, mas:

    O importante é não vendê-las como fez a Troller.
    O importante é baixar os tributos, para que elas tenham aumento de lucratividade nas vendas em quantidades e não em unidades.
    O importante é acreditar e começar.

    Acorda Brasil, vote melhor.

  • LAC15

    Correção de Erros notados:

    Realmente em dez 10 anos, “possam”.

    Pacotes de Segurança e “tecnologia moderna”.

    No dia “em” que

  • Guilherme Guimaraes

    [Comentario #100997 sera citado aqui]

    Concordo plenamente!

  • Raimundo

    Eh uma especulacao q pode se tornar verdade. Na hipotese desta Kombi ser feita no Mexico, vira pra com status semelhante ao New Beetle e PT Cruiser. Aqui, com a saida da Kombi, q tem outras finalidades, devera chegar a Crafter, veiculo multiuso vendido na Europa com carrocerias picape simple e dupla e furgao curto e longo com teto baixo e alto, situando no segmento da Sprinter. Este veiculo, por sinal, ja tem a frente da linha de caminhoes Constellation.

  • V8

    prerfiro a nossa! :tong:
    essa parece coisa do futuro do pretérito!!

  • Gomes

    O modelo futurista é até bonitinho sim, mas sinceramente acho demais para o Brasil. Um dos comentários acima comparou com New Beatle ou PT Cruiser, concordo…
    Eu espero só que a VW pelo menos dê um pouco mais de carinho a nossa velha “Cinquentona” e mude alguns detalhes, como por exemplo a forração interna e as maçanetas internas das portas, que ainda são as mesmas de sempre e o forro de papelão prensado…
    O carro ganhou radiador, mas cadê o marcador de temperatura, que é de extrema importãncia?? Principalmente na Kombi q tem motor traseiro com radiador lá na frente a metros de distância e ainda uma má fama dos tempos em que era a diesel e vivia esquentando.
    Bem, além de mito, ela ainda atende às necessidades de muita gente, apesar de está já ultrapassada.

  • Luciano

    Dava até pra vender umas verduras na feira… :assob:

  • Marcelo Faria

    [Comentario #100970 sera citado aqui]

    Concordo, o povo brasileiro é burro, mas muito burro, se contenta com qualquer porcaria, qualquer reestilização feita nas coxas, e ainda por cima paga impostos astronômicos e parece nem se importar, então tem é que comprar carroça e pagar por carro de luxo sim!!! :banana: :banana: :banana:

  • tiago brito

    [Comentario #100973 sera citado aqui]

    e tanta bola fora, que a vw passou a ford e ja a 3ª maior montadora do mundo, enquanto a fiat não passa da 6ª procure se informar melhor antes de fazer comentarios :zzz: :zzz:

  • Luis.J.R.

    Só nos eua vai ser produzida essa kombi
    mesmo?Porque aqui, nem pensar!Bom, mais mesmo assim
    parece que a vwb acho que daqui 2 ou 3 anos pode
    aposentar a kombi e lançar uma van alemã no lugar
    dela! :upp:
    http://volksfans.blogspot.com/search/label/Kombi

  • antoniokings

    [Comentario #101089 sera citado aqui]

    A VW só ultrapassou a Ford porque seu aumento foi fortemente baseado nos mercados da China e Brasil, onde a Ford ainda não é tão forte.
    Por outro lado, a Ford levou um grande tombo no mercado americano que caiu muito como um todo. Nesse mercado, a VW é inexpressiva e, pelo que parece, vai ser sempre assim.

  • antoniokings

    Além disso, referia-me ao que ela faz no Brasil.
    Abandonou o segmento de carros grandes (último foi Santana). Nos hatchs maiores, modelo defasado (Golf). Polo e Polo Sedan, vendem em média 2.000 carros por mês (e estão caindo). Parati é jurássica e a Kombi é do tempo do Big Bang. Por isso que ela vem se aproximando da casa dos 20% de mercado.
    Enquanto isso, teremos Livina, Fit Sedan e etc…

  • Robinho

    [Comentario #101142 sera citado aqui]

    Concordo a VW só passou a Ford porque tanto esta como a GM a Crhysler e até a Toyota está sofrendo com o mercado Americano…

  • antoniokings

    Acabei de ler no site da ABRAC:

    Volkswagen ampliará a produção para 1.250 veículos
    ‘ A Volkswagen do Brasil vai investir na unidade de São Bernardo para ampliar a produção de 1.100 para 1.250 veículos por dia, cerca de 13% de crescimento da capacidade produtiva da fábrica.

    “A nossa expectativa é que sejam gerados mais empregos com essa ampliação. Apesar da cadeia toda receber investimentos, o setor de pintura receberá a maior alteração”, comentou o vice-coordenador da comissão de fábrica Luiz Carlos da Silva Dias, o Luizão. O valor do investimento não foi revelado, mas a empresa confirmou a ampliação.

    Uma das linhas que passarão por mudanças é a Kombi. Essa linha, que no passado chegou a se cogitar seu fechamento, hoje produz 100 veículos por dia e chegará a 120 com as alterações. “A demanda da Kombi é muito alta. O que produzir, vende”, disse o sindicalista. Outro setor que terá novidade é a linha do Gol Geração 4.

    Para efetuar as modificações, cerca de 900 trabalhadores ficarão na próxima semana em casa com os dias descontados no banco de horas.

    Olha as novidades !

  • JoaoV27

    Gostei muito!!!Se essa kombi viesse pro Brasil…
    aiai…. :inluv: :inluv: :inluv:

  • Sandro

    PRO BRASIL SÓ VEM OS LIXOS !

  • aline

    essa era a kombi que nao foi aprovada coloca a outra que parece um caminhão


Send this to a friend