S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

A S10 Midnight chegou para completar a linha da picape com um toque a mais em seu visual. Além disso, apresentava aos brasileiros a série Midnight Edition, que depois apareceria em vários outros modelos da marca.


O lançamento dessa novidade ocorreu em 2018, exatamente no ano seguinte à renovação visual que a picape da Chevrolet havia recebido e trazendo ainda novos itens de segurança.

Enquanto alguns gostaram da nova versão, outros torciam o nariz para o preço superior apenas por detalhes estéticos. O que ninguém podia negar é que a picape não passava despercebida nas ruas.

Confira todos os detalhes da S10 Midnight!

S10 Midnight – detalhes

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

A quantidade de modelos Chevrolet dentro da série Midnight Edition nos Estados Unidos sempre foi enorme, o que indicava que o público por lá apreciava essa roupagem escura e os detalhes diferenciados.

Por outro lado, os brasileiros só foram conhecer esse tipo de acabamento com o lançamento da S10 Midnight, o que ocorreu em abril de 2018, quando a novidade chegou por R$ 166.690.

A intenção da marca era clara: testar a receptividade do nosso mercado a essa série especial (que na picape virou uma versão fixa na gama de versões por algum tempo) para depois lançar outros modelos com o mesmo estilo.

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

Falando sobre a S10 Midnight, a customização aparecia com várias partes pintadas em preto, como grade, logotipos, rodas e emblemas. A própria carroceria seguia esse estilo e era oferecida apenas na cor metálica Ouro Negro.

Além disso, a marca também decidiu emprestar alguns itens de outras versões para deixá-la ainda mais encorpada e chamativa, além de tentar justificar o preço mais elevado.

Isso ocorreu com a adição do santoantônio, estribos e capota marítima da versão mais cara S10 High Country, lembrando que a S10 Midnight era baseada na simplificada versão LT. Além disso, a configuração LTZ também emprestava as rodas de 18 polegadas e os faróis com luzes de LED.

Esse conjunto certamente fazia da S10 Midnight a versão mais chamativa na linha da picape da Chevrolet, o que atraía consumidores que a usariam quase que exclusivamente nos centros urbanos.

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

Em seu interior, o tema era o mesmo, com o revestimento do teto e das colunas pintado em preto, painel com detalhes em preto brilhante e bancos com o acabamento Jet Black. Até o volante tinha um revestimento especial nessa versão, mas mantinha o logo dourado.

Em sua lista de equipamentos, ela também vinha com controle eletrônico de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas e freios ABS com assistente de frenagem de emergência.

Além disso, também era equipada com a central multimídia MyLink com Android Auto e Apple CarPlay (mas com a tela menor de 7 polegadas), sensor de estacionamento, ar-condicionado, retrovisor eletrocrômico, entre outros.

Nesse aspecto, podemos destacar que o preço sugerido era alto pelo que a S10 Midnight oferecia. Ela ficava devendo mais airbags, uma multimídia com tela maior e especialmente a câmera de ré, essencial para um veículo tão grande.

Além disso, a falta de ajuste de profundidade e comandos do som no volante (que vinha apenas com os botões do piloto automático) prejudicava a ergonomia para o motorista. Detalhes que poderiam ter sido facilmente solucionados pela Chevrolet, pois estavam presentes em outras versões.

O acabamento, apesar de chamativo pelo tom escurecido no exterior e interior, também ficava devendo na qualidade. Mas isso era visto em toda a linha da picape, que optava por algo mais espartano até mesmo nas versões mais caras.

Com 5.361 mm de comprimento, 1.874 mm de largura, 1.781 mm de altura e entre-eixos de 3.096 mm, a S10 Midnight era chamativa no tamanho, tendo ainda uma caçamba com 1.061 litros e capacidade de carga de 1.134 kg.

Leia também sobre a S10 High Country.

E a concorrência?

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

A Chevrolet não mirou em alguma concorrente específica ao lançar a S10 Midnight, mas o segmento tinha outras opções com visual diferenciado que podemos dizer que foram suas rivais mais próximas.

Uma delas foi a Ford Ranger Sportrac, lançada em agosto de 2017 no Brasil com preço sugerido de R$ 159.990. Ela vinha com visual diferenciado no exterior, como as rodas de 17 polegadas pintadas em cinza, santoantônio, estribos e adesivos.

Baseada na configuração XLS, ela tinha motor 2.2 turbodiesel de 160 cv e 39,3 kgfm de torque aliado ao câmbio automático de seis marchas (e com tração 4×4). Se era menos potente, oferecia mais segurança que a S10 Midnight, pois vinha com sete airbags.

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

Outra concorrente dessa versão da picape da Chevrolet era a Toyota Hilux SR Challenge. Lançada em outubro de 2017, ela custava R$ 161.990 e tinha motor 2.8 turbodiesel de 177 cv e 45,9 kgfm. Assim como as concorrentes citadas acima, vinha com câmbio automático de seis velocidades e tração 4×4.

Ainda mais chamativa no visual, a picape japonesa tinha rodas de 17 polegadas pintadas de preto, faróis e lanternas escurecidos, grade escurecida e adesivos nada discretos. Por dentro, o acabamento misturava detalhes em vermelho e preto.

Além dos itens que a S10 Midnight também oferecia, ela ainda vinha com câmera de ré, volante multifuncional, ar-condicionado digital e até airbag de joelho para o motorista.

A linha Midnight no Brasil e lá fora

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

Depois que a Chevrolet apresentou a S10 Midnight, outros modelos da marca por aqui receberam a mesma roupagem exterior escurecida, numa lista que deve continuar crescendo com o passar dos anos.

O Tracker Midnight foi o primeiro, ganhando essa versão em sua linha 2019 (lançada em outubro de 2018). Ela chegou para ficar entre as versões Premier e Premier II, com preço sugerido na época de R$ 105.690. O motor era o 1.4 turbo de 153 cv e 24,5 kgfm de torque.

Outro SUV que recebeu essa versão foi o Equinox, que deixava de lado o poderoso motor 2.0 turbo para adotar o 1.5 turbo nessa opção. Com isso, o câmbio era o automático de seis marchas e a tração era dianteira.

Algum tempo depois, foi a vez do Onix Plus receber essa novidade em sua linha 2021. A marca decidiu colocar esse visual apenas no sedã, enquanto o Onix hatch recebeu a configuração RS.

No caso do Onix Plus Midnight, o motor usado é o 1.0 turbo de 116 cv e 16,8 kgfm de torque, com câmbio automático de seis marchas. Baseado na versão Premier, ele vem bem equipado, além de ter todas as partes cromadas substituídas por peças em preto brilhante.

Depois de todos esses lançamentos, o Onix Plus Midnight é o único que sobrevive em 2021. Por outro lado, a Chevrolet nos EUA oferece esse acabamento como um pacote de personalização, e ele está disponível para a maioria de seus modelos.

S10 Midnight – novidades

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

A S10 Midnight acabou antecipando algumas novidades que apareceram na linha 2019 da picape, lançada em maio de 2018 (mês seguinte à apresentação da versão especial com acabamento escurecido).

Uma dessas novidades veio no quesito segurança, com a adoção de controle de tração e estabilidade como item de série para todas as versões, assim como já acontecia na S10 Midnight. Infelizmente, porém, os airbags laterais e de cortina continuavam restritos à versão High Country.

Outra mudança, que também afetou a picape dessa matéria, foi a adoção de estepe aro 18 para as versões Midnight, LTZ e High Country, ou seja, aquelas que também tinham rodas nessa medida. Em relação à motorização ou visual, nenhuma mudança.

Exatamente um ano depois, em maio de 2019, foi a vez da linha 2020 ser apresentada, e novamente com mudanças pontuais. Com isso, a S10 Midnight recebeu o apoio de cabeça central do banco traseiro como item de série.

Como você já deve saber, a linha atual da Chevrolet S10 2022 não tem mais a opção Midnight, que saiu do configurador a partir da linha 2021. Na época, a marca não fez qualquer anúncio referente a isso, apenas retirando essa versão de seu site.

S10 Midnight – versões

A S10 Midnight chegou como uma nova versão para a linha da picape, e não apenas uma série especial. Mesmo assim, ela acabou durando pouco tempo, sendo retirada a partir da linha 2021.

  • S10 Midnight 2.8 Diesel

Cores disponíveis: seguindo o estilo da versão, a picape era vendida apenas na cor metálica Ouro Negro.

S10 Midnight – equipamentos

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

S10 Midnight 2.8 Diesel – motor 2.8 turbodiesel de 200 cv e 51 kgfm de torque, com câmbio automático de seis marchas e tração integral temporária.

ITENS DE SÉRIE: airbag duplo, assistente de partida em rampas, ar-condicionado, ajuste de altura do volante, capota marítima, central multimídia MyLink2 com tela de 7 polegadas com Android Auto e Apple Carplay, comfort closing, controles eletrônicos de tração e estabilidade, desembaçador do vidro traseiro, direção elétrica com revestimento premium e ajuste de altura, estribos laterais, grade frontal pintada em preto, faróis com máscara negra e luzes de LED, faróis de neblina, freios ABS com EBD e assistente de frenagem de emergência, logotipo Chevrolet pintado em preto, OnStar (pacotes Safe e Protect), painel com detalhes em preto brilhante, piloto automático, rádio com Bluetooth e USB, retrovisores com ajuste elétrico e setas integradas, retrovisor interno eletrocrômico, rodas de 18 polegadas de liga leve escurecidas com pneus Bridgestone Dueler II 265/60, santantônio com pintura especial, sensor de estacionamento traseiro, sistema de monitoramento de pressão dos pneus, vidros e travas elétricos, revestimento do teto e colunas em preto, bancos com tecido no estilo Jet Black, entre outros.

OPCIONAIS: nenhum.

S10 Midnight – preços

Confira abaixo o preço de lançamento da S10 Midnight em 2018, bem como seus valores em outros anos (de acordo com a tabela Fipe):

  • S10 Midnight 2.8 Diesel – R$ 166.690 (lançamento em 2018)
  • S10 Midnight 2.8 Diesel – R$ 170.564 (2019)
  • S10 Midnight 2.8 Diesel – R$ 175.590 (2020)

S10 Midnight – motor

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

Havia uma certa expectativa sobre a estratégia da Chevrolet em relação à S10 Midnight, pois ela poderia lançar a picape com um preço inferior e apenas com o motor flex, apostar nas duas motorizações ou ficar apenas com o propulsor diesel e um preço mais elevado.

A escolha da marca foi pela última opção, lançando essa versão por aqui unicamente com o motor 2.8 turbodiesel. Esse propulsor tem disposição longitudinal, turbocompressor e injeção direta de combustível, além de duplo comando de válvulas no cabeçote.

Sem qualquer diferença em relação às outras versões movidas a diesel, a S10 Midnight entregava 200 cavalos de potência a 3.600 rotações por minuto e ótimos 51 kgfm de torque a 2.000 rpm, sempre associado ao câmbio automático de seis velocidades e com tração 4×4.

Por falar na tração integral temporária, ela continuava com uma operação bem simples (através do botão giratório posicionado entre os bancos) e com três modos: 4×2 (tração traseira), 4×4 (integral) e 4×4 reduzida (com bloqueio do diferencial, para situações onde se exige mais da picape).

S10 Midnight – desempenho

S10 Midnight: equipamentos, motor, preço, revisão e detalhes

Veja os números de desempenho da S10 Midnight, tanto em sua aceleração de 0 a 100 km/h como também na velocidade máxima alcançada:

  • S10 Midnight 2.8 Diesel – 10,3 segundos e 180 km/h

Se o valor da S10 Midnight ficou mais elevado pela escolha do motor diesel, por outro lado isso deixava essa versão em uma posição de vantagem sobre suas rivais em termos de desempenho.

Vale lembrar que, naquela época, suas rivais Hilux e Ranger tinham motores menos potentes. A picape da Toyota vinha com um 2.8 de 177 cv e a da Ford aparecia com o 2.2 de 160 cv (ainda que houvesse o 3.2 diesel, mas num preço superior).

Já a representante da Chevrolet no segmento oferecia 200 cv e um excelente torque de 51 kgfm, tornando a condução da picape até certo ponto divertida. Suas reações a qualquer toque no acelerador impressionavam pela resposta rápida e os freios também respondiam muito bem.

No final das contas, a S10 Midnight tinha um conjunto mecânico que acompanhava seu visual, sendo uma picape bem vigorosa em trechos urbanos ou rodoviários, além de ser valente no fora-de-estrada.

S10 Midnight – consumo

Confira também o consumo da S10 Midnight em trechos urbanos e rodoviários:

CONSUMO CIDADE

  • S10 Midnight 2.8 Diesel – 8,7 km/l

CONSUMO ESTRADA

  • S10 Midnight 2.8 Diesel – 10,6 km/l

Os números acima ficavam dentro da média do segmento, mas no dia a dia era possível obter um consumo ainda melhor na estrada, chegando a 13 km/l. Em contrapartida, dentro da cidade era fácil ver o ponteiro despencar com uma média entre 6 e 7 km/l se o pé direito fosse mais pesado.

S10 Midnight – manutenção e revisão

Revisão

Custo

Quilometragem Preços 2.8 Diesel 4×4
10.000 km R$ 464
20.000 km R$ 1.128
30.000 km R$ 1.316
40.000 km R$ 1.152
50.000 km R$ 832
60.000 km R$ 1.636
Total R$ 6.528

S10 Midnight – ficha técnica

Motor

2.8 Diesel

Tipo Dianteiro longitudinal, Turbo e Diesel
Número de cilindros 4 em linha
Cilindrada em cm3 2776
Válvulas 16
Taxa de compressão 16,5:1
Injeção eletrônica de combustível Direta
Potência Máxima Líquida (ABNT NBR 5484) Diesel: 200 cv @ 3600 rpm
Torque Máximo Líquido (ABNT NBR 5484) Diesel: 51 kgfm @ 2000 rpm
Transmissão
Tipo Automática 6 marchas
Tração
Tipo 4×4 com reduzida
Freios
Tipo Disco ventilado / Tambor
Direção
Tipo Elétrica
Suspensão
Dianteira Braços sobrepostos, barra estabilizadora
Traseira Feixe de molas
Rodas e Pneus
Rodas Liga Leve aro 18 polegadas
Pneus 265/60 R18
Dimensões
Comprimento total (mm) 5361
Largura sem retrovisores (mm) 1874
Altura (mm) 1781
Distância entre os eixos (mm) 3096
Capacidades
Porta-malas (litros) 1061
Tanque (litros) 76
Carga útil, com 5 passageiros mais bagagem (kg) 1134
Peso em ordem de marcha (kg) 2016
Vão livre do solo (mm) 228

S10 Midnight – fotos

Viny Furlani

Formado em Gestão de Negócios, trabalha no segmento automotivo há mais de 17 anos. Em 2009, passou a escrever avaliações e notícias sobre carros, totalizando mais de 2.000 artigos, em vários sites. Além das matérias escritas para o NA, também cuida das mídias sociais do site.