_Destaque _Featured Crossovers Salões do Automóvel SUVs

Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

crossovers-suvs-salao-2016-1 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

Os crossovers e SUVs são tendência em todo o mundo. E no Salão do Automóvel de São Paulo, que estará aberto ao público até o dia 20 de novembro no São Paulo Expo, o cenário não poderia ser diferente: todas as montadoras exibem pelo menos um veículo do segmento, seja ele já um modelo de produção ou um conceito que antecipa uma novidade para os próximos anos.



Selecionamos os principais lançamentos de crossovers e SUVs em suas versões de produção no Salão de São Paulo. Confira:

Chery Tiggo 2

chery-salao-2016-3 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

O Tiggo 2 será o terceiro modelo da Chery a ganhar produção nacional na planta de Jacareí (SP) e deverá chegar às ruas em meados do primeiro semestre de 2017. O modelo tem como base o compacto Celer, usando a mesma plataforma e motorização do hatch, e mede 4,20 metros de comprimento e 2,55 m de distância entre-eixos.

A novidade contará com o motor 1.5 litro flex de até 113 cv, com transmissão manual de cinco marchas, e itens como airbags frontais e laterais, freios ABS com EBD, controle de estabilidade (ESP), direção hidráulica, ar-condicionado, trio elétrico, teto solar, rodas de liga leve diamantadas, sensor de estacionamento, multimídia, entre outros. O preço estimado é de R$ 50 mil a R$ 55 mil.

Chevrolet Tracker 2017

novo-tracker-2017-branco-salao-1 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

Para ganhar sobrevida diante dos novos modelos do segmento, o Chevrolet Tracker chega à linha 2017 com visual renovado e mecânica inédita. Entre as mudanças, o carro ganhou faróis afilados com projetores e LEDs diurnos, que formam conjunto com a nova grade, além de uma ampla tomada de ar, para-choques com novo formato e lanternas traseiras em LED.

Há ainda um painel totalmente redesenhado no interior, com direito a uma porção central revestida em tecido e painel de instrumentos com elementos analógicos e digitais. Entre os equipamentos, o crossover adotou sistema multimídia MyLink com Apple CarPlay e Android Auto, sistema OnStar, alerta de ponto cego, direção elétrica, destravamento das portas e partida sem chave, entre outros.

O motor é o mesmo do Cruze, um 1.4 turbo de até 153 cv e 24,5 kgfm, com câmbio automático de seis marchas.

Honda WR-V

honda-wr-v-salao-2 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

O novo Honda WR-V não é bem um crossover, e sim uma versão aventureira do Fit. Todavia, como ele chegará para se posicionar na porta de entrada da linha de utilitários-esportivos da marca, resolvemos considera-lo. A novidade se diferencia do monovolume convencional pela dianteira mais robusta, com faróis, grade e para-choques exclusivos, moldura nas caixas de roda, saias laterais, rack de teto, lanternas traseiras com novo formato e tampa do porta-malas redesenhada. Há ainda rodas com novo desenho e suspensão elevada.

O modelo da Honda começa a ser vendido nos primeiros meses de 2017, provavelmente com o mesmo motor 1.5 litro flex de até 116 cv e câmbio automático do tipo CVT, com preços na casa dos R$ 70 mil.

Hyundai Creta

hyundai-creta-branco-salao-1 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

O Creta deverá ser a grande aposta da Hyundai para o ano de 2017 no Brasil. O modelo será construído na fábrica do HB20 em Piracicaba (SP) em diversas versões de acabamento e com preços acima de R$ 80 mil, tudo para incomodar os rivais (leia-se Renegade, HR-V e Kicks).

A linha nacional do novo Hyundai Creta contará com o motor 1.6 litro flex de até 130 cv e 16,5 kgfm e o 2.0 litros flex de até 166 cv e 20,5 kgfm, sendo o primeiro com transmissão manual ou automática, ambas de seis velocidades, enquanto a segunda dispõe apenas da caixa automática.

A lista de equipamentos do carro na configuração mais completa oferecerá sistema multimídia com Apple CarPlay, Android Auto e navegador GPS, seis airbags, controles de estabilidade e tração, assistente de partida em rampas, faróis direcionais, destravamento das portas e partida do motor sem chave, direção elétrica progressiva, ar-condicionado automático digital com saída para o banco traseiro, banco do motorista com ventilação, entre outros.

Hyundai Tucson 2017

hyundai-new-tucson-NA-6 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

Outro lançamento da Hyundai para o ano que vem no País é a nova geração do Tucson, que irá se posicionar acima do Tucson e do ix35, com produção na planta da CAOA em Anápolis (SP). O carro estará disponível em breve por a partir de R$ 138.990 com direito a um inédito motor 1.6 litro turbo a gasolina de 177 cv e 27 kgfm, com transmissão automatizada de sete marchas e dupla embreagem e tração dianteira.

A versão de entrada trará botão de partida e acesso sem uso de chave, ajuste de altura e profundidade da coluna de direção, ar-condicionado Dual Zone, central de entretenimento com tela touch de 7 polegadas, Android Auto e Carplay, sensor crepuscular, retrovisores externos com desembaçador, rack de teto para bagageiro, ESP, TCS, assistente de partida em rampa e declives, Isofix, seis airbags e bancos em couro com ajustes elétricos.

Já o modelo GLS, ainda sem preço divulgado, acrescentará painel de bordo Supervision 4.2 TFT, grade hexagonal dianteira cromada, faróis com projetor e fita em LED, lanterna traseira em LED, teto solar panorâmico com sistema antiesmagamento, maçanetas cromadas e retrovisor externo com luz de cortesia.

Por fim, o Top, limitado a 30 unidades, adicionará espelho retrovisor interno eletrocrômico, abertura do porta-malas por aproximação, bancos dianteiros com aquecimento e resfriamento, faróis Full LED, moldura cromada dos vidros, assistente de estacionamento, detector de ponto cego e faixo de luz direcional para curvas.

Jeep Renegade 2017

jeep-renegade-limited-flex-2017-salao-2 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

O Jeep Renegade está sendo mostrado no Salão na linha 2017, que recebeu aprimoramentos. O motor 1.8 flex do carro passou por mudanças, com a adoção de coletor de admissão variável, partida a frio sem tanquinho auxiliar, sistema start/stop, alternador e bomba de combustível inteligentes, óleo de baixo atrito, entre outros. Há ainda monitoramento da pressão dos pneus, indicador de troca de marchas no painel de instrumentos e pneus “superverdes”.

Este propulsor está 7 cv mais potente, chegando a 139 cv, enquanto o torque subiu para 19,3 kgfm. Segundo a marca, o carro está 10% mais econômico dependendo da versão.

Há ainda a nova versão Limited Flex, a mais cara entre os modelos flex, que dispõe de itens como bancos em couro, sistema keyless, grade dianteira, retrovisores externos e barras de teto pintados na cor prata, rodas aro 18, faróis de xenônio, sensores de chuva e luminosidade, painel de instrumentos com tela TFT de 7 polegadas, retrovisores com rebatimento elétrico, entre outros.

Kia Niro

kia-niro-salao Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

Este é o único utilitário-esportivo de produção com motorização híbrida à mostra no Salão. O Kia Niro, embora tenha visual compatível a de um automóvel movido a combustão, é equipado com um motor 1.6 litro a gasolina de ciclo Atkinson e outro elétrico, que rendem 146 cv e 27 kgfm de torque, com câmbio automatizado de seis marchas e dupla embreagem.

Todavia, o Niro não deverá ser vendido no Brasil.

Lifan X80

lifan-x80-NA-5 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

Depois do X60, que se posiciona como o chinês mais vendido do País, a Lifan vai apostar no X80, um modelo maior que está sendo estudado para fazer frente ao Chevrolet Trailblazer e ao Toyota Hilux SW4, com preço na faixa dos R$ 120 mil. O veículo tem 4,82 m de comprimento, 1,93 de largura, 1,76 de altura e 2,79 de entre-eixos, além de capacidade para levar até sete pessoas.

O motor que equipa o novo SUV é um 2.0 litros turbo, que rende 181 cv e 28 kgfm, com transmissão automática de seis velocidades e tração dianteira. A lista de equipamentos contempla seis airbags, controles de estabilidade e tração, assistente de partida em rampas, controle de descida, luzes diurnas de LED, Isofix, teto solar, sistema multimídia com GPS e DVD, banco do motorista com ajustes elétricos, entre outros.

Mitsubishi ASX 2017

mitsubishi-asx-2017-salao-2 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

O Mitsubishi ASX está no Salão com novo visual, alterações no acabamento interno e novos itens de série. O crossover na linha 2017 adotou uma nova grade dianteira, que forma conjunto com os faróis, e para-choque com novo desenho, além de interior com opção de acabamento na cor bege, sistema multimídia, nove airbags, controles de estabilidade e tração, bancos dianteiros com aquecimento, teto solar, entre outros.

Na motorização, há o mesmo 2.0 litros aspirado de 160 cv, com câmbio automático tipo CVT.

Peugeot 3008 2017

peugeot-3008-salao-1 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

A nova geração do 3008 é a principal atração da Peugeot no Salão do Automóvel de São Paulo. O utilitário-esportivo perdeu os ares de minivan e agora exibe uma aparência condizente a de um crossover. Além do visual, o carro se sobressai pela ampla tecnologia, marcada pelo painel de instrumentos com tela TFT configurável e sistema multimídia com tela sensível ao toque de oito polegadas e navegação em 3D.

No Brasil, o novo Peugeot 3008 será equipado com o motor 1.6 THP a gasolina, que desenvolve 165 cv e 25 kgfm de torque, com transmissão automática de seis marchas.

Porsche Cayenne S E-Hybrid

Porsche-Cayenne-S-E-Hybrid-1 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

A Porsche exibe no evento o novo Cayenne S E-Hybrid, versão híbrida plug-in do utilitário-esportivo, equipada com um motor V6 sobrealimentado de 333 cv, combinado a outro elétrico de 95 cv, com 416 cv de potência combinada e 60,2 kgfm de torque, associado a um câmbio Tiptronic de oito marchas.

De acordo com a empresa, o carro vai de 0 a 100 km/h em 5,9 segundos e alcança velocidade máxima de 243 km/h (ou 125 km/h no modo elétrico).

Renault Captur

novo-renault-captur-1 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

O Captur será lançado em breve pela Renault para atuar no segmento de crossovers compactos, se posicionando acima do Duster (ambos os modelos compartilham a mesma plataforma). O carro já está disponível em pré-venda com preços entre R$ 89 mil e R$ 95 mil e começará a ser entregue em março do ano que vem.

O novo modelo da Renault já tem produção nacional no Paraná e conta com duas opções de motorização: 1.6 SCe com câmbio manual de seis marchas ou automático CVT X-Tronic e 2.0 litros com transmissão automática de quatro velocidades.

Renault Koleos

renault-koleos-salao-do-automovel Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

No caso do Koleos, trata-se do novo carro topo de linha da Renault no Brasil, também com chegada marcada para o ano que vem. O utilitário-esportivo será equipado com um motor 2.5 litros de 182 cavalos de potência e 23,7 kgfm de torque, acoplado a um câmbio automático tipo CVT e tração nas quatro rodas.

Entre os equipamentos, há seis airbags, alerta de ponto cego, sistema de estacionamento autônomo, multimídia com tela de 8,7”, com 13 alto-falantes Bose premium, teto solar panorâmico, painel customizável, operação de alguns comandos “hands free”, entre outros.

Suzuki Vitara

suzuki-vitara-2017-36 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

A grande estrela da Suzuki no Salão do Automóvel é o novo crossover compacto Vitara, que chega para brigar com Honda HR-V, Jeep Renegade e Nissan Kicks. O novo modelo já está disponível nas concessionárias e conta com uma gama de seis versões e duas opções de motores, sendo o primeiro um 1.6 litro de 126 cv e 16,7 kgfm, com câmbio manual de cinco marchas ou automático de seis, e o segundo um 1.4 litro turbo de 146 cv e 23,5 kgfm, com transmissão automática de seis velocidades.

Suzuki S-Cross 2017

suzuki-s-cross-turbo-salao-1 Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

Além do Tracker, o novo Suzuki S-Cross também estreia com motorização turbo, neste caso restrito à versão topo de linha. A versão 2017 do crossover está de cara nova, com faróis redesenhados, nova grade com borda e filetes verticais cromados, para-choques com novo formato e novas rodas.

O motor turbo é um 1.4 litro a gasolina, o mesmo do novo Vitara, que entrega até 146 cavalos de potência e 23,5 kgfm de torque. As demais versões usam o 1.6 litro aspirado flex, de 126 cv e 16,7 kgfm. Entre os equipamentos, há controle de cruzeiro, direção elétrica, controles de estabilidade e tração, seis airbags, ar-condicionado de duas zonas, sistema multimídia com tela sensível ao toque de oito polegadas e WiFi, entre outros.

Toyota RAV4 2017

toyota-rav4-2017-salao-do-automovel Salão do Automóvel 2016 tem enxurrada de crossovers e SUVs

O Toyota RAV4 também recebeu mudanças para a linha 2017. O crossover adotou um novo visual, marcado pelos faróis mais afilados, interligados à grade em preto piano destacando o logotipo da montadora ao centro, além de para-choques redesenhados e lanternas traseiras com novo layout interno. A lista de novidades inclui também novas rodas de liga-leve e novos detalhes de acabamento interno.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend