EUA Gadgets Samsung Segurança Tecnologia

Samsung anuncia caixa-preta misteriosa que conectará automóvel

samsung-car

Na conferência anual da Samsung, a Developer Conference, realizada em San Francisco/CA, a empresa sul-coreana apresentou um dispositivo bastante misterioso, que pode conectar um automóvel à rede mundial de computadores.

Val Zinchenko, diretor do programa Car Connected da Samsung, apresentou um dispositivo em forma de caixa com três polegadas que ficará fixada sob o painel do automóvel. Ela terá GPS, Bluetooth, hotspot Wi-Fi e sensor de movimento.

Com o dispositivo, o motorista poderá saber como foi sua condução, o quanto percorreu e quantas vezes acelerou e freou bruscamente, por exemplo. Além disso, a caixa-preta da Samsung indicaria excesso de limite de velocidade e possibilidade para bloquear ou desbloquear o veículo.

Na apresentação, o vídeo mostra o dispositivo acessando buzina do automóvel e o porta-malas através de um smartphone. A ideia é que o proprietário possa dar acesso à outra pessoa, um entregador da encomenda adquirida pela internet, por exemplo.

A Samsung fala que dos 900 milhões de carros em circulação no mundo, apenas uns 100 milhões são conectados. A ideia é que esse número suba para 400 milhões em 2020, quando a frota alcançará 1,4 bilhão. Em termos de segurança, a coreana promete “nível governamental” com os sistemas Tizen e Knox.

Polêmica

Apesar da proposta inovadora de conectividade, a Samsung pode enfrentar um grande problema. Mesmo com a possibilidade de redução do seguro, já que o veículo será rastreado em tempo integral, a tecnologia se mostra bastante invasiva em termos de privacidade, pois a empresa saberá sempre como o cliente dirige.

Muitos motoristas não estão preparados para serem vigiados por uma tecnologia, que pode influenciar no valor da cotação do seguro, por exemplo. Além disso, a proposta de compra online com entrega no automóvel gera várias questões, tais como: e se o entregador não fechar o carro direito? Existe a opção de travamento remoto, no entanto.

Ainda assim, essa e outras questões podem fazer o cliente se perguntar por que está adquirindo uma tecnologia que pode trazer dor de cabeça em termos de segurança. Para a Samsung, tudo o que se pode fazer com um smartphone, pode também ser feito com um carro conectado. Então, a ideia está lançada e agora é esperar os testes com o beta, que atualmente está privado, mas se tornará público ainda em 2016.

[Fonte: The Register via Ferd]





  • cepereira2006

    Brazucada vai hackear em uma semana, kkkk.

  • Mestre Fioda

    Eu não gosto de conectividade em automóvel. Já temos o Smartphone não faz muito sentindo ter no automóvel recursos que estão na sua mão. Além disso, quando estamos dirigindo temos que concentrar na condução. E as montadoras cobram caro por essas tecnologias.

    • sigma7777777

      Concordo. Além disso ocorre um aumento do consumo da bateria, o que reduz sua vida útil. Eu particularmente prefiro utilizar o celular apenas para tocar músicas via bluetooth e, claro, como GPS, daí que a utilização de um acessório de encaixe no painel do carro resolve todos os meus problemas. Prefiro guardar a grana da central multimídia para adquirir um celular moderno com tamanho de tela inclusive similar às das centrais e utilizá-lo dessa forma. Certamente alguns virão aqui argumentar sobre a relevância da central, mas para o meu uso moderado acho desnecessário.
      Já sobre a solução da Samsung, está mal planejada e com claros problemas à vista. Seria melhor ela amadurecer a ideia e aguardar por uma solução mais adequada ao desejo dos consumidores.

  • Tosoobservando

    É igual caixa-preta de aviao, vai ser muito util e no futuro indispensavel, vai evitar muito acidentes e poderemos analisar apos tudo que ocorreu de errado. ATe pra futuros processo de indenizações por defeitos nos carros sera muito utilizado.



Send this to friend