Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Lançado em 2011, o Renault Sandero 2012 marcou a chegada da reestilização da primeira geração do hatch compacto no Brasil. Ele adotou um visual mais arrojado e melhorias no acabamento interno para se tornar mais competitivo.


Atualmente, ele pode ser encontrado no mercado de usados e atende bem quem busca por um carro compacto, mas com dimensões generosas e um espaço interno abundante. Além disso, tem bons motores e preços adequados para o padrão do segmento.

Confira abaixo mais detalhes do carro:

Sandero 2012 – novidades

Lançamento do Sandero 2012 reestilizado em maio de 2011

Em maio de 2011, o Renault Sandero recebeu a sua primeira reestilização. Quatro anos após a sua chegada ao Brasil, o hatch compacto recebeu retoques na dianteira, novas rodas, retoques na traseira e melhorias no acabamento interno.

Entre as novidades, o então Novo Sandero adotou formas inspiradas nos carros europeus da marca, como o Clio, além do Fluence. Entre as novidades, recebeu uma dianteira mais limpa, sem abertura de ar entre os faróis, com direito a uma nova tomada de ar no para-choque.

Na traseira, o carro adotou lanternas com novos refletores e dois “gomos” na cor branca, além de uma nova tampa do porta-malas com o nome Sandero no centro (logo abaixo do logotipo em formato de losango da Renault). As rodas e calotas também receberam novo desenho.

Pulando para o interior, o acabamento recebeu melhorias. As versões mais caras adotaram apliques em preto brilhante no painel e outros detalhes cromados. Além disso, os comandos dos vidros elétricos foram para as portas – antes, eles se posicionavam no console central.

Ainda como novidade, o Sandero 2012 passou a contar com novo sistema de som integrado ao painel, com entrada USB e conexão Bluetooth.

De resto, ele seguiu sem grandes mudanças.

Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Renault Sandero ganha câmbio automático em julho de 2011

Depois da linha reestilizada, a Renault anunciou a chegada do Sandero com transmissão automática em julho do mesmo ano. O hatch compacto automático recebeu uma caixa de quatro velocidades, que na ocasião era uma exclusividade do topo de linha Privilège com motor 1.6 16V Hi-Flex.

O novo modelo chegou com preço inicial sugerido de R$ 43,9 mil, uma diferença razoável frente aos R$ 40,4 mil cobrados pela marca na configuração 1.6 8V com câmbio manual.

A versão automática do então novo Renault Sandero trouxe uma transmissão projetada para durar mais de 300 mil quilômetros sem qualquer tipo de manutenção, segundo informou o engenheiro da Renault na época.

Esta caixa era a mesma do Mégane, com quatro marchas, trocas manuais pela alavanca e função “kick down”, que faz a redução de marcha de forma automática assim que o motorista pisa fundo no pedal do acelerador, para maior entrega de torque.

O câmbio conta com uma central eletrônica que consegue identificar vários parâmetros (como rotação do motor, abertura da borboleta, velocidade de acionamento do pedal do acelerador, velocidade do carro e carga do veículo) e se adapta ao estilo de condução do motorista.

Seu motor era diferente do Sandero manual. O Sandero Privilège automático passou a usar um 1.6 16V flex de até 112 cv e 15,5 kgfm.

Sandero Stepway automático estreia em novembro de 2011

Meses após a chegada do Sandero Privilège automático, a Renault anunciou a estreia do Sandero Stepway automático.

A versão automática do Sandero aventureiro foi anunciada em novembro de 2011, com preço de R$ 47.490 – o modelo manual custava R$ 44.990.

Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Sandero 2012 – detalhes

A primeira geração do Renault Sandero foi e ainda é uma referência em espaço interno e porta-malas. Ele se posicionava como o hatch compacto mais espaçoso. Se destaca em distância entre-eixos, largura e também altura. Além disso, seu porta-malas tem capacidade para 320 litros.

Nas dimensões, o hatch compacto tem 4,02 metros de comprimento, 1,74 m de largura e 1,52 m de altura, com distância entre-eixos de 2,59 m.

Ele se destaca também pela gama de motores de concepção simples e com boas doses de potência e torque. O Sandero 2012 marcou ainda a estreia da versão com câmbio automático pela primeira vez na linha.

Outro ponto que merece destaque é o rodar firme. Ele conta com uma suspensão robusta e com acerto projetado para as condições do solo brasileiro. Nas curvas, a carroceria não tem inclinação excessiva, o que não prejudica a estabilidade.

O Sandero também tem uma boa área envidraçada, o que facilita a vida do motorista em manobras. A posição de dirigir do carro é elevada, assim como acontece nos concorrentes Chevrolet Agile e Volkswagen Fox, que também apelam no quesito espaço interno.

Todavia, assim como outros carros do mesmo segmento, ele tem concepção simples. Não esbanja refinamento no acabamento interno e também não possui equipamentos de série em abundância. Até mesmo o Sandero Privilège e o Sandero Stepway, os topos de linha, dispõem de opcionais.

Para se ter uma ideia, a versão de entrada não oferecia recursos como ar-condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos e travas elétricas. Todos esses itens (que hoje são considerados básicos) eram opcionais. As versões mais caras tinham airbag duplo, freios ABS e sistema de som como opcionais.

Na sua procura por um Sandero usado, priorize por modelos com os itens básicos de conforto e segurança (embora seja um pouco complicado encontrar um exemplar com airbag duplo e freios ABS). Tais recursos melhoram demais a vida a bordo e também tornam o carro mais fácil para revenda numa futura troca.

Sandero 2012 – versões

A gama de versões do Renault Sandero 2012 conta com as variantes Authentique, Expression, Privilège e Stepway, sendo a primeira somente com motor 1.0 flex, a segunda com o 1.0 flex ou 1.6 flex e a terceira e a quarta com 1.6 flex ou 1.6 16V e câmbio automático.

Ao todo, o Sandero foi comercializado em sete configurações diferentes. Veja abaixo quais são elas:

  • Renault Sandero Authentique 1.0 16V
  • Renault Sandero Expression 1.0 16V
  • Renault Sandero Expression 1.6 8V
  • Renault Sandero Privilège 1.6 8V
  • Renault Sandero Privilège 1.6 16V AT
  • Renault Sandero Stepway 1.6 16V
  • Renault Sandero Stepway 1.6 16V AT

Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Sandero 2012 – equipamentos

Renault Sandero Authentique 2012

Equipado de fábrica com recursos como abertura interna da tampa do tanque de combustível, alarme sonoro de advertência de luzes acesas, dois apoios de cabeça traseiros com ajuste de altura, brake light, banco traseiro com encosto rebatível, painel de instrumentos com conta-giros, painel central com acabamento em preto fosco, para-sol do passageiro com espelho cortesia, porta-copos, preparação para som, protetor de cárter, rodas de aço de 14 polegadas com calotas, entre outros.

Opcionais: ar-condicionado ou ar quente, desembaçador do vidro traseiro, direção hidráulica, coluna de direção com ajuste de altura e limpador e lavador do vidro traseiro.

Renault Sandero Expression 2012

Recebe recursos como banco do motorista com ajuste de altura, frisos laterais na cor preta, iluminação no porta-malas, luz de leitura para o passageiro, maçanetas internas e difusores de ar na cor cinza inox, manopla da alavanca de câmbio com detalhe cromado, painéis de porta com inserto de tecido, painel de instrumentos com aros metalizados, para-sol do motorista com espelho de cortesia oculto, porta-copos e porta-objetos no console central traseiro, retrovisores na cor do carro, entre outros.

Opcionais: vidros dianteiros elétricos, travas elétricas das portas e do porta-malas, sistema de som 2DIN com entrada USB e conexão Bluetooth, comando satélite do sistema de som na coluna de direção, painel central na cor preto brilhante, freios ABS, ar-condicionado, airbag duplo frontal e alarme perimétrico.

Renault Sandero Privilège 2012

Recebe detalhes visuais cromados, rodas de liga-leve de 15 polegadas, banco traseiro com encosto bipartido e rebatível, coluna central com adesivo na cor preta, computador de bordo, bolsas porta-revistas nos encostos do bancos dianteiros, luz no porta-luvas, maçanetas externas na cor do carro, painel central em preto brilhante, retrovisores externos elétricos, vidros elétricos nas quatro portas, travas elétricas das portas e do porta-malas, entre outros.

Opcionais: câmbio automático, freios ABS e airbag duplo frontal.

Renault Sandero Stepway 2012

Agrega molduras pretas nas caixas de roda, bancos com revestimento Stepway, aerofólio traseiro, estribos laterais com acabamento na cor prata, faróis e lanternas com máscara negra, maçanetas externas na cor prata, maçanetas internas na cor cinza, monogramas Stepway na carroceria, painel de instrumentos com anéis vermelhos, para-choques exclusivos, suspensão elevada, rodas de liga-leve exclusivas aro 16, ponteira de escapamento cromada, soleiras de porta, entre outros.

Opcionais: volante revestido em couro, vidros traseiros elétricos, retrovisores externos elétricos, sistema de som 2DIN com USB e Bluetooth, comando satélite do som na coluna de direção, painel central na cor preto brilhante, freios ABS, airbag duplo frontal, alarme perimétrico, bancos com revestimento em couro, entre outros.

Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Sandero 2012 – preços

Logo abaixo, você pode conferir os preços do Sandero 2012 quando ele ainda era comercializado como carro 0 km pela Renault entre os anos de 2011 e 2012:

  • Renault Sandero Authentique 1.0 16V: R$ 28.700
  • Renault Sandero Expression 1.0 16V: R$ 31.300
  • Renault Sandero Expression 1.6 8V: R$ 33.600
  • Renault Sandero Privilège 1.6 8V: R$ 40.400
  • Renault Sandero Privilège 1.6 16V AT: R$ 43.900
  • Renault Sandero Stepway 1.6 16V: R$ 42.990
  • Renault Sandero Stepway 1.6 16V AT: R$ 47.490

Já a seguir, os preços do Renault Sandero ano/modelo 2011/2012 no mercado de usados, conforme a Tabela Fipe em outubro de 2020:

  • Renault Sandero Authentique 1.0 16V: R$ 18.820
  • Renault Sandero Expression 1.0 16V: R$ 21.240
  • Renault Sandero Expression 1.6 8V: R$ 22.240
  • Renault Sandero Privilège 1.6 8V: R$ 23.500
  • Renault Sandero Privilège 1.6 16V AT: R$ 24.730
  • Renault Sandero Stepway 1.6 16V: R$ 27.200
  • Renault Sandero Stepway 1.6 16V AT: R$ 28.200

Sandero 2012 – cores

O Renault Sandero 2012 pode ser encontrado no mercado de usados nas seguintes cores para a carroceria:

  • Azul Crepúsculo
  • Bege Poivre
  • Branco Glacier
  • Cinza Acier
  • Prata Etoile
  • Preto Nacré
  • Vermelho Vivo
  • Vermelho Fogo

Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Sandero 2012 – motores

As versões de entrada do Sandero saíram de fábrica com o motor 1.0 Hi-Flex, dotado de quatro cilindros em linha, quatro válvulas por cilindro (16V) e comando duplo de válvulas no cabeçote.

Ele consegue desenvolver 77 cavalos de potência com gasolina e 76 cv com etanol, a 5.850 rpm. Já o torque é de 9,9 kgfm e 10,1 kgfm, nesta ordem, a 4.350 giros. Este propulsor está acoplado a uma transmissão manual de cinco velocidades.

Já os modelos intermediários foram equipados com um 1.6 8V Hi-Torque, com quatro cilindros e duas válvulas por cilindro (8V). Ele rende 92 cavalos com gasolina e 95 cavalos com etanol, a 5.250 rpm, enquanto o torque é de 13,7 kgfm e 14,1 kgfm, respectivamente, a 2.850 giros.

A transmissão do Renault Sandero 1.6 8V também é exclusivamente manual de cinco marchas.

Por fim, o Sandero Privilège automático e o Sandero Stepway manual ou automático tinham como exclusividade o motor 1.6 16V Hi-Flex, de quatro cilindros e quatro válvulas por cilindro (16V).  Ele é mais moderno, com direito a duplo comando de válvulas no cabeçote.

O propulsor do compacto aventureiro consegue desenvolver 107 cv com gasolina e 112 cv com etanol, a 5.250 rpm, enquanto o torque é de 15,1 kgfm e 15,5 kgfm, respectivamente,  a 3.750 rpm.

O Sandero Stepway também usa um câmbio manual de cinco marchas, além do automático de quatro velocidades, com opção de trocas manuais pela alavanca e função “kick down”, que reduz uma marcha assim que o motorista pisa fundo no acelerador, priorizando a entrega de torque.

Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Sandero 2012 – consumo

A Renault divulga as seguintes médias de consumo de combustível do Sandero linha 2012:

Renault Sandero 1.0 16V Hi-Flex

Etanol

  • Consumo de 8,1 km/l na cidade;
  • Consumo de 8,6 km/l na estrada.

Gasolina

  • Consumo de 12,4 km/l na cidade;
  • Consumo de 12,8 km/l na estrada.

Renault Sandero 1.6 8V Hi-Power

Etanol

  • Consumo de 7,1 km/l na cidade;
  • Consumo de 12,7 km/l na estrada.

Gasolina

  • Consumo de 9,8 km/l na cidade;
  • Consumo de 12,7 km/l na estrada.

Renault Sandero 1.6 16V Hi-Flex Automático

Etanol

  • Consumo de 6,5 km/l na cidade;
  • Consumo de 8,7 km/l na estrada.

Gasolina

  • Consumo de 8,5 km/l na cidade;
  • Consumo de 10,5 km/l na estrada.

Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Sandero 2012 – desempenho

A Renault divulga de forma oficial os números de desempenho do Sandero 1.0 16V Hi-Flex, do Sandero 1.6 8V Hi-Torque e também do Sandero 1.6 16V Hi-Flex. Veja abaixo:

Renault Sandero 1.0 16V Hi-Flex

Etanol

  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 14,1 segundos;
  • Velocidade máxima de 161 km/h.

Gasolina

  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 14,2 segundos;
  • Velocidade máxima de 160 km/h.

Renault Sandero 1.6 8V Hi-Torque

Etanol

  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 11,7 segundos;
  • Velocidade máxima de 174 km/h.

Gasolina

  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 12,1 segundos;
  • Velocidade máxima de 172 km/h.

Renault Sandero 1.6 16V Hi-Flex

Etanol

  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 11,7 segundos;
  • Velocidade máxima de 171 km/h.

Gasolina

  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 11,9 segundos;
  • Velocidade máxima de 169 km/h.

Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Sandero 2012 – revisões e manutenção

O Sandero não é um carro com manutenção de custo elevado e de certa complexidade. Isso porque estamos falando de um carro que está no mercado desde 2007 e que nesta geração se manteve em linha até 2014.

Além disso, os motores do carro são compartilhados com outros modelos da Renault e também foram usados pela nova geração do Renault Sandero em seus primeiros anos de mercado. Logo, é fácil encontrar peças de reposição no mercado.

Você provavelmente não vai se deparar com exemplares do Sandero 2011/2012 com baixa quilometragem com facilidade no mercado de usados. Com cerca de oito anos de uso, é natural que estes exemplares tenham uma quilometragem mais elevada.

Todavia, ainda vale conferir os preços das revisões tabeladas da Renault para o Sandero de 40 mil até 120 mil km rodados. Veja:

Renault Sandero 1.0

  • Revisão de 40.000 km: R$ 675
  • Revisão de 50.000 km: R$ 454
  • Revisão de 60.000 km: R$ 840
  • Revisão de 70.000 km: R$ 454
  • Revisão de 80.000 km: R$ 2.018
  • Revisão de 90.000 km: R$ 454
  • Revisão de 100.000 km: R$ 506
  • Revisão de 110.000 km: R$ 454
  • Revisão de 120.000 km: R$ 1.008

Renault Sandero 1.6 8V

  • Revisão de 40.000 km: R$ 720
  • Revisão de 50.000 km: R$ 452
  • Revisão de 60.000 km: R$ 1.619
  • Revisão de 70.000 km: R$ 452
  • Revisão de 80.000 km: R$ 1.152
  • Revisão de 90.000 km: R$ 452
  • Revisão de 100.000 km: R$ 547
  • Revisão de 110.000 km: R$ 452
  • Revisão de 120.000 km: R$ 1.740

Renault Sandero 1.6 16V

  • Revisão de 40.000 km: R$ 745
  • Revisão de 50.000 km: R$ 527
  • Revisão de 60.000 km: R$ 948
  • Revisão de 70.000 km: R$ 527
  • Revisão de 80.000 km: R$ 2.606
  • Revisão de 90.000 km: R$ 527
  • Revisão de 100.000 km: R$ 564
  • Revisão de 110.000 km: R$ 527
  • Revisão de 120.000 km: R$ 1.128

Sandero 2012: preços, versões, motores, consumo, desempenho

Sandero 2012 – ficha técnica

Motor1.0 16V Hi-Flex1.6 8V Hi-Power1.6 16V Hi-Flex
TipoDianteiro, transversal e flexDianteiro, transversal e flexDianteiro, transversal e flex
Número de cilindros4 em linha4 em linha4 em linha
Cilindrada em cm³9991.5981.598
Válvulas16816
Taxa de compressão10:112:110:1
Injeção eletrônica de combustívelMultipontoMultipontoMultiponto
Potência máxima76 cv com gasolina e 77 cv com etanol a 5.850 rpm98 cv com gasolina e 106 cv com etanol a 5.250 rpm107 cv com gasolina e 112 cv com etanol a 5.750 rpm
Torque máximo9,9 kgfm com gasolina e 10,1 kgfm com etanol, a 4.350 rpm14,5 kgfm com gasolina e 15,5 kgfm com etanol, a 2.850 rpm15,1 kgfm com gasolina e 15,5 kgfm com etanol, a 3.750 rpm
Transmissão
TipoManual de 5 marchasManual de 5 marchasAutomática de 4 marchas
Freios
TipoDisco ventilado (dianteira) e tambor (traseira)Disco ventilado (dianteira) e tambor (traseira)Disco ventilado (dianteira) e tambor (traseira)
Direção
TipoHidráulicaHidráulicaHidráulica
Suspensão
DianteiraMcPherson, independente com barra estabilizadoraMcPherson, independente com barra estabilizadoraMcPherson, independente com barra estabilizadora
TraseiraEixo de torçãoEixo de torçãoEixo de torção
Rodas e pneus
RodasAço ou liga-leve de 15 polegadasAço ou liga-leve de 15 polegadasLiga-leve de 15 ou 16 polegadas
Pneus 185/65 R15185/65 R15 185/65 R15 ou 195/60 R16
Dimensões (mm)
Comprimento total4.0214.0214.021
Largura sem retrovisores1.7461.7461.746
Altura1.5281.5281.528
Distancia entre-eixos2.5912.5912.591
Capacidades
Porta-malas (litros)320320320
Tanque (litros)505050
Carga útil com 5 passageiros mais bagagem (kg)430430430
Peso em ordem de marcha (kg)1.0251.0551.117
Coeficiente de penetração aerodinâmica (Cx)0,380,380,38

Sandero 2012 – fotos

Leonardo Andrade

Leonardo atua no segmento automotivo há quase nove anos. Tem experiência/formação em administração de empresas, marketing digital e inbound marketing. Já foi colaborador em mais de sete portais do Brasil. Fissurado por carros, em especial pelo mercado e por essa transformação que o mundo automotivo está vivendo.