Etc Fiat Governamental/Legal Hatches Segurança

Stilo e as rodas que se soltam: Ministério Público instaura processo

fiat-stilo-rodas-que-se-soltam-4 Stilo e as rodas que se soltam: Ministério Público instaura processo







Quando muitos leitores do NA disseram que esses casos de rodas do Fiat Stilo se soltando eram apenas especulação, que não havia prova, que os donos dos carros exageraram e bateram em alta velocidade, por isso que soltou as rodas, etc, sabíamos que não era nada disso. Que se o problema tinha acontecido em vários carros, era realmente o caso de um problema sério de fabricação, o qual a Fiat deveria agir logo e fazer um recall.

Mas, como toda montadora sacana que se preze (vide a Volkswagen no caso do Fox), a Fiat nem quis saber. Disse que não tinha nada de errado com as rodas desses Stilo, e que ela não era responsável. Os acidentados não gostaram da reação da Fiat. A dona do Stilo que viu sua filha sofrer um traumatismo craniano que o diga. Ou o rapaz que teve seu amigo morto.

fiat-stilo-rodas-que-se-soltam-5 Stilo e as rodas que se soltam: Ministério Público instaura processo

Mas o governo está dando seus passos para fazer a Fiat pagar. O Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC), do Ministério da Justiça, instaurou na última sexta-feira um processo administrativo contra a Fiat Automóveis, em função de um “aparente defeito” no eixo da roda traseira do modelo Stilo. De acordo com nota publicada pelo ministério, a montadora terá dez dias para apresentar a defesa, por não ter realizado o recall do produto.

De acordo com o órgão do governo, nos autos do procedimento administrativo constam relatos sobre a ocorrência de oito acidentes envolvendo o veículo Fiat Stilo, causados pelo desprendimento da roda traseira. Entre os casos, foi constatada, inclusive, a morte de uma pessoa. Após o recebimento da denúncia, o DPDC notificou a Fiat Automóveis, para que apresentasse esclarecimentos no prazo legal.

fiat-stilo-rodas-que-se-soltam-7 Stilo e as rodas que se soltam: Ministério Público instaura processo

Após o processo de investigação, a Fiat poderá receber multa de até três milhões de reais, se for comprovado que introduziu no mercado veículos que trazem risco à saúde e à segurança do consumidor, sem que tenha realizado recall na data do conhecimento do defeito — como estabelece o artigo 10 do Código de Defesa do Consumidor (CDC).

Uma diretora do DPDC, Juliana Silva, disse que é um fato grave a empresa se recusar a fazer recall. O Código de Defesa do Consumidor tutela com propriedade a saúde e a segurança do usuário, que tem proteção administrativa, civil e penal.

fiat-stilo-rodas-que-se-soltam-10 Stilo e as rodas que se soltam: Ministério Público instaura processo

Vejamos o que acontecerá. Mas as pessoas que sofreram o trauma de ver seu carro capotar, do nada, estão um pouco mais perto de receber uma compensação. Por mínima que ela seja.

[Fonte: G1]



  • pedro faleiro

    E foi vc éber, aqui no NA que ajudou a espalhar essa notícia. PARABENS AO NA POR MAIS ESSE FEITO. agora esperamos que aconteça como aconteceu no caso fox, onde, através da justiça, a volks foi obrigada a realizar o recall. Que sirva de exemplo e mostrem às demias montadoras que brasileiro não é bobo não!

  • celiorjunior

    Desculpe usar este espaço pra essa pergunta.

    Alguem sabe qual foi o preço final do leilão on-line do Chevrolet Prisma Jump??

    Não encontro este dado em lugar algum. :?: :?: :?: :?: :?: :?: :?: :?: :?:

  • Supra

    E cadê o nariz de palhaço? É bem merecido.

    Não é a primeira vez que a Fiat tem postura arrogante quanto a defeitos de fabricação. Só espero que dessa vez ela leve uma bela multa, e aprenda (e as outras montadoras aprendam pelo exemplo também)

  • Guilherme Guimaraes

    É impressão minha ou todos (ou pelo menos a grande maioria) os Stilos fotografados sem roda traseira são Sporting ou tem roda aro 17″ original?? oO

  • IGAUM

    A Fiat poderia ter evitado isso, mas… a mentalidade aqui no Brasil nao deixa.

    Agora aguenta…. se for pro JN…. ai ta na do saci!!! :pao:

  • armroots

    Cadê aqueles caras agora falando que são casos isolados!?!?! Cadê aqueles caras defendendo a montadora agora!?!!? Cadê os caras que diziam que era perseguição do site?!?! Ta aí pra quem quiser ver…e eu e vários colegas falamos, não existem tantas coincidências, e muito menos falhas em automóveis causadas por “esforço excessivo aplicado pelo motorista”…está mais do que provado que foi um total descaso da FIAT e que a montadora sabia do problema…que inclusive causou até uma morte. Cadê aquele carinha que defendeu a FIAT dizendo que ela era líder de mercado e não sei mais o quê!?!? O povo brasileiro ta aprendendo a lutar por seus direitos…meus parábens Éber e todos os colegas que comentaram e vamos enaltecer os colegas que tiveram a coragem de expor os seus casos aqui no site…chega de tudo acabar em pizza nesse país.

  • LSFP

    Parabéns Eber, te acusaram de tendencioso, de querer prejudicar a FIAT(as acusações vem sempre dos puxa-sacos das montadoras, igual no caso do fox corta-dedos)mas o que aconteceu depois só confirmou uma frase que eu gosto de dizer:
    “Só o tempo dirá”
    E o tempo disse que você estava correto e suas denúncias eram válidas
    Daqui a pouco os puxa-sacos vão dizer que você está querendo prejudciar a fiat
    Curioso que muitos desses puxa-sacos te elogiaram quando o caso do fox foi denunciado
    E os volkistas que te criticaram hoje estão te elogiando pelas denúncias
    Existem muitos hipócritas aqui

  • Moriath

    Talvez seja o pior defeito da historia do mercado nacional de veiculos, realmente é lamentavel a Dona FIAT ainda não se pronunciar pelo caso. Mas não é nenhuma supresa porque FIAT é isso mesmo.

    A FIAT MATA !!!

  • armroots

    Esqueci uma coisa…se ficar provado que foi falha do componente, que deve ser facilmente constatada; além de multa a montadora vai ter de pagar uma indenização às vítimas e também a família da vítima fatal que ocorreu em um dos casos. Parabéns FIAT, quis botar a sujeira embaixo do tapete e vai sair pior do que a encomenda, simplesmente porque se recusaram a fazer o recall..agora vão gastar muito mais…por mentalidade pequena.

  • Carlos Medeiros

    É … agora não aparecem os torcedores do fiat futebol clube. :clown: :clown: :clown:

    Lógico que nenhuma montadora tá livre de problemas…. mas o lance desprezivel da fiat não foi esse e sim fazer vistas grossas e negar que ela tivesse alguma responsabilidade sobre os fatos das rodas se soltando do nada.

    Vamos ver se o MP faz o trabalho dele :clapp: :clapp:

    Nós consumidores agradecemos… :banana: :banana:

  • Anderson Puff

    ADORO FIAT STILO É UM CARRÃO, MAS NO MOMENTO SÓ QUERO UM RECALL DO MEU URGENTE, essa ficou feia para a fiat, realmente é evidente que pelas fotos os carros perderam a roda antes de bater

  • Rodrigo joi

    Mas ainda não contrataram um laboratório para fazer um laudo “isento”?? Tipo um IPT, USP, sei lá …
    Para acabar com essa novela … acho que a fiat deveria se prontificar a pelo menos chamar os proprietários e verificar se há problemas ou se foi apenas algumas peças fornecidas com problema … assim fica essa enrolação que não tem fim e acaba por ficar essa palpitação ….

  • IGAUM

    Gosto dos Fiats….eu odiava ate certo tempo atras…mas depois de fazer muitos tests drive e ler muito à respeito, me convenci. Pois o acabamento e a qualidade é justa(dentro nossos carros injustos).

    Tenho uma Fiat strada 1.4…com 1 ano ainda por fazer… só gastei 65 reais com oleo e filtro, e só.

    A Fiat poderia NÃO SE SUJAR COM ISSO…mas COMO TODA MONTADORA BRASILEIRA…fez o mesmo…

    Não é só a Fiat…SÃO TODAS! Fiat chegou em 1977… Vw bem antes…em 1950(sei la)… e nem por isso tem mais respeito.

    Alias…no Brasil é ao contrario… nao é a montadora q tem respeito pelo consumidor…e sim o consumidor q ENDEUSA a montadora…por isso estamos nessa situação.

    Com certeza, na proxima troca de carro irei pensar em outras marcas. Alias acho q todos deveriam fazer o mesmo. :cool:

  • Vento

    Parabéns ao NA e ao MP!, tem que por esse povo prá trabalhar mesmo Eber, pagamos e pagamos caro pelo salário dessa turma!!
    E a FIAT que de seus pulos, tem que cobrar da empresa que fornece os eixos também, vai virar uma bola de neve, cabeças vão rolar!!
    Tenho FIAT mas jamais defenderei esta ou aquela marca simplesmente por paixão!!

    Abs;

  • cabronez

    É tinha gente já decretando que o NA estava sendo tendencioso, etc…
    Acho que vai ser muito, muito, muito difícil conseguir alguma coisa da FIAT, ela irá lutar até o ultimo recurso na justiça, não cederá fácil e tentará de todas as formas abafar o caso. O possível recall do Stilo seria muito custoso, pois não poderia ser uma gambiarra como a do Fox, além disso assumir um traumatismo craniano e uma morte é algo bem difícil, seria uma mancha imensa na imagem da FIAT perante o publico. Torço para que as vitimas tenham algum tipo de justiça ou indenização, mas acho que para a pessoa que teve traumatismo e para a que morreu isso não adiantará nada, como sempre aqui no Brasil os oprimidos são os consumidores e contribuintes que são os que deveriam ser tratados como rei, já que somos nós que somos a fonte do dinheiro, porém no Brasil quem é o maior ainda leva vantagem, Brasil ainda é a terra dos coronéis.

  • renato

    verade seja dita, esses problemas são recentes. os stilo antigos não apresentavam esse defeito.

  • Will.

    Éber, poderia me dizer por quais cargas d’agua q vc tirou as 3 materias dos Stilos q soltaram as rodas?

    Como ja afirmei N vezes aqui no NA, eu nao sou filho de nenhum dono de montadora pra defende-las. Nao sou dono de nenhuma. Quem defende montadora não sabe o q fala.

    Parabens pela denuncia. É como disse: Nao importa se é GM ou Lambo, Porsche ou Mini, Mazda ou Seat, Ferrari ou VW, Fusca ou 645 Ci, Gol ou GT40, tem q denunciar td.

    E a justiça vai dar sua sentença e dai sim poderemos dizer se a Fiat teve culpa ou nao.

    Abraço!

  • gabrielhpantoja

    e cadê o tão famoso :clown:, que sempre aparece já na chamada das outras montadoras sacanas?

  • LAC15

    [Comentario #89641 sera citado aqui]

    Olá amigo, contrataram sim. A principal responsável pelo processo administrativo instaurado pelo Ministério da Justiça através do seu departamento responsável pelo consumidor, A agente de turismo do Stilo capotado, contratou um laboratório ou Instituto idôneo para efetuar tal perícia. Não foi contratado um mecânico comum, porém foi contratado um profissional da área de um laboratório ou Instituto.

    Não me recordo onde li isto, mas caso encontre, colocarei aqui.

  • LAC15

    Parabéns Caro Éber, o NA. Demonstra com esta matéria publicada, buscar sempre a verdade com retidão, imparcialidade e honestidade.

  • Rodrigo joi

    [Comentario #89672 sera citado aqui]

    Não sei se saiu algo novo, mas o laudo que eu já li em vários links era apenas um laudo visual, feito por um engenheiro competente, mas sem avaliar aprofundadamente o produto, por isso coloquei o IPT, USP, UNICAMP, são locais onde existem laborátorios muito bem equipados e com condições de testar a fundo materias e ter uma posição mais firme sobre o que realmente ocorreu…
    Pelo menos em outras áreas da engenharia, seja pericial, trabalhista, estrutural, etc, o laudo é feito a pedido de um JUIZ de “direito”, então tornasse um LAUDO PERICIAL que tem fé pública e digamos, mais bem respeitado…

    Acho que deve-se pensar em algo desse gênero, mas enquanto isso não sai, a fiat poderia convocar e verificar isso…. sei que são poucos Stilos que tem freio a tambor na trazeira (todos os modelos envolvidos tem freio a tambor na trazeria), verifica, se estiver ok, blz, se não, troca, enquanto isso o processo continua até sair o resulatado final … poh, não é tão difícil!?

  • DEMILSON

    Existe um detalhe que ninguém mencionou ainda. Existem testemunhas que trafegavam logo atrás de alguns dos Stilos que se acidentaram e que presenciaram o desprendimento da roda do veículo. Que desculpa a FIAT vai criar para negar isto? A FIAT está protelando porque sabe que se assumir o erro, terá em seu histórico a responsabilidade sobre a morte e a perda de audição devido a traumatismo craniano de uma pessoa, o que manchará por um longo tempo sua reputação. Mas não adianta correr! Quanto mais a FIAT demorar para resolver o problema, maior dimensão ele terá e mais ela perderá com isso. Afinal de contas, tantos acidentes acontecendo com veículos do mesmo modelo e data de fabricação parecidos, não podem ser meras coincidências como a FIAT alega.

  • Rodrigo joi

    [Comentario #89694 sera citado aqui]

    Pois é, tudo deve ser avaliado, testemunha é muito relativo, a ex-diretora da anac (denise abreu) testemunhou que a Dilma Roussef fez lobi para a venda da varig …. outro … pegaram um cara com dolares na cueca e nenhum deles foi preso ou preocessado.
    Um prefessor certa vez disse – “vc arruma 10 testemunhas a favor e os outros arrumam 10 testemunhas contra” … quem esta dizendo a verdade? Não se pode ter certeza sem outros elementos, nisso que digo que um laudo feito por um “instituto” de prestigio poderia exclarecer melhor ….
    Não estou dizendo que isso é mentira, nem que é verdade, mas no direito o que vale é o resultado final (que ainda não se sabe), só testemunhas não é o suficiente, pois pessoas podem menitr, a elas, se somam laudos, confissão, etc que quem estuda direito deve saber muito mais que eu …
    Também acho que quanto mais a fiat ficar enrolando pior é, faz o recall enquanto se avalia o que realmente aconteceu … :angre:

  • Rafael FM

    vou comprar o amarelão e vou deixar okm ,, :hauhau: :hauhau: :hauhau: :hauhau: :banana: :banana: :banana: :banana: :banana: :banana:

  • Leo Senna

    Sei que este site não é jurídico e, portanto, não tem nenhuma obrigação de saber o que significa a instauração de procedimento administrativo no caso em tela. Só gostaria de esclarecer que a instauração do mesmo não quer dizer, em absoluto, que haja culpabilidade, ou não, do ente indiciado (no caso a Fiat). Trabalho no Ministério Público não me custa nada esclarecer que boa parte dos prodecimentos iniciados no M.P. terminam ARQUIVADOS por falta de provas. Não estou afirmando que a Fiat não tem culpa nos aparentes episódios, afirmo, apenas, que a instauração do P.A., por si, não quer dizer que os fatos imputados contra a montadora são verídicos. Fica o esclarecimento!

  • LAC15

    [Comentario #89683 sera citado aqui]

    Oi amigo vc. tem razão, foi uma notícia como a que vc. menciona. Mas lá constava maiores detalhes sobre o perito contratado. Não mencionava sobre o trabalho e a forma periciada, mas sim sobre a contratação.

    Concordo tbém que a Usp e outras que vc. citou teria com certeza maior respaldo, agora não sei dizer o trabalho do perito resumiu a análise visual. Pois quem alega o fato da análise apenas visual é a Fiat, a título de defesa. Mas se a análise foi realmente visual, com certeza não terá o mesmo critério da análise passado por testes mecânicos.

    :drinkk:

  • MSOF

    LAMENTÁVEL ESSA DA FIAT…MONTADORA QUE LIDERA O MERCADO EM VENDAS, NÃO PODIA DAR UMA DESSA…SEU SÉRGIO MARCHIONE QUE TOME PROVIDÊNCIAS, POIS SE PREOCUPAM TANTO COM A IMAGEM DELES NA EUROPA E SE ESQUECERAM DO BRASIL, E O PIOR DE TUDO, O PRESIDENTE DAQUI É BRASILEIRO, SENHOR CLEDOVINO BELINI, PODERIA RESPEITAR MAIS SEUS CONSUMIDORES…SAFADO…ESTÃO IGUAIS A POLÍTICOS, ESTAMOS NA BERLINDA… :down:

  • LAC15

    Para a Fiat é comum fazer isso com brasileiros.

    Quem não se lembra do Fiat Ferrari solta roda, que deixou o Rubinho sem roda dianteira e com a suspensão quebrada, não podendo terminar um GP.
    Depois a Fiat Ferrari, alegou que era esforço excessivo do brasileiro que atacava muito as zebras.

    Igualzinho, a Fiat Betim, que alega que é excessivo ataque as lombadas no brasil.

    Repetem as mesmas situações: Desprezo a brasileiros, culpa nas costas do modo de condução dos motoristas/piloto, negar até a morte, e sempre soltando rodas e deixando na mão.

    A diferença é que na F1 tem enorme segurança em todos os sentidos, já no Stilo Stileta Famílias não.

    Vergonha Fiat.

    Cadê os Fiateiros, não vejo umzinho se quer.
    :banana: :banana: :banana:

  • mauricio

    Boa a reportagem. Acredito que seja um lote de peças que tenham causado o problema. Não podemos generalizar. Nenhuma montadora iria fabricar veículos que causam morte! Devemos brigar pelos nossos direitos. As montadoras não têm respeito pelo consumidor brasileiro, acreditam que é um consumidor burro, ignorante, basta ver a campanha da VW com o “novo” Gol. Produto com péssimo acabamanto e muito caro.

  • LAC15

    [Comentario #89728 sera citado aqui]

    Concordo :drinkk:

  • Luis.J.R.

    É bem provavel que a fiat faça o recall?”Bom espero”?As motadoras tem mesmo ter mas respeito com o consumidor!E o consumidor também tem que aprender lutar por seus direitos. :angre:

  • helmygalindo

    Eu ja tive este mesmo problema, igualzinho! Com minha Palio Weekend. Eu tinha acabado de trocar o rolamento da roda traseira e o rolamento sem mais nem menos quebrou e jogou minha roda fora. O pior que não houve aquele barulho típico de rolamento gasto, ele simplesmente quebrou do nada!

    Quando isso acontece, o tambor da roda traseira se quebra e todo o fluido de freio vaza deixando o carro quase sem controle dependendo da velocidade. (comigo aconteceu a 60Km/h numa BR, e pareceu que eu tinha furado um Pneu e ficado sem freio de repente)

    No meu caso, a oficina onde fiz o serviço teve de concertar toda a parte mecanica quebrada no acidente e me disseram que se eu quisesse poderia processar a fabrica dos rolamentos (NSK) que vendeu um produto defeituoso. O problema é que, eu retirei o rolamento da caixa e vi que estava novo! Ele parecia apenas um pouco mais “amarrado” que o antigo, mas o vendedor disse que era normal!

    No meu caso, a oficina onde fiz o serviço teve de concertar toda a parte mecanica quebrada no acidente e me disseram que se eu quisesse poderia processar a fabrica dos rolamentos (NSK) que vendeu um produto defeituoso.

    Olhando pelas fotos, tenho 90% de certeza que o problema se deu sim no rolamento da roda traseira desses carros. A culpa pode não ser diretamente da montadora, que como nós é uma consumidora dos fornecedores. Mas é a Fiat que deve se responsabilizar pelos acidentes, já que foi ela quem entregou o produto pronto para os clientes da marca. Depois ela que se vire pra processar a fabrica de rolamentos (que acredito seja a nsk).

  • helmygalindo

    [Comentario #89823 sera citado aqui]

    SÓ PARA CONSTAR, ESTE ACIDENTE ACONTECEU COMIGO EM MAIO DE 2007 E O ROLAMENTO TRASEIRO DA PALIO WEEKEND É O MESMO USADO NO FIAT STILO SPORTING 1.8 E A FIAT USA ORIGINALMENTE ROLAMENTOS NSK EM SEUS CARROS!

    Pra mim o caso ta resolvido! Foi um lote de rolamentos defeituosos destribuidos pela NSK.

  • Metralha

    Acho bom a Fiat tomar uma atitude rápido!
    O Stilo continua vendendo muito. Essas notícias parecem não abalar a venda do médio. O Fiat continua abrindo vantagem em cima do rival Golf. Se realmente houver problema nas rodas, teremos acidentes em cascata.

  • alessandro_170

    [Comentario #89713 sera citado aqui]
    Volkista com certeza…

  • Marcelo L Bahls

    Pelas fotos dos carros notei q eles estão sem a campana ou tambor de freio traseiro, então eu pergunto, soltou os parafusos q prendem a roda ao tambor ? ou houve um rompimento total? isso parece ser um problema muito grave, ñ adianta a montadora por a culpa nos condutores dos veiculos e nem em buracos e lombadas, é um total desrespeito aos consumidores brasileiros.

  • marco

    q ano do fiat stilo q a roda se solta ?


Send this to a friend