EUA Lançamentos Salões do Automóvel Sedãs Subaru

Subaru Legacy 2020 estreia nos EUA com várias mudanças

Subaru Legacy 2020 estreia nos EUA com várias mudanças

O Subaru Legacy 2020 fez sua estreia no Salão de Chicago. O sedã topo de linha da marca japonesa aparece com um visual bem mais leve e fluido, chamando a atenção para o conjunto ótico de duplo LED diurno, assim como projetores full LED. A grade mantém seu estilo, mas cromados somente nos frisos.


O para-choque do Legacy 2020 adota novas molduras laterais cromadas, faróis de neblina em LED, assim como as lanternas mais encorpadas e escurecidas. O para-choque traseiro ficou mais quadrado e ganhou duas saídas de escape cromadas. Com aspecto equilibrado, o sedã executivo ganhou também rodas de liga leve atualizadas.

Subaru Legacy 2020 estreia nos EUA com várias mudanças

Por dentro, o Subaru Legacy 2020 amplia o nível de qualidade com couro costurado na maior parte do painel, assim como portas, console e assentos. Difusores de ar cromados, detalhes em preto brilhante e outros materiais, trazendo mais sofisticação e luxo ao ambiente.


O sedã japonês adota bancos mais largos e envolventes, revestidos em couro Nappa, garantindo mais conforto. O painel conta agora com multimídia com tela vertical de 11,6 polegadas, dotada de sistemas Google Android Auto e Apple car Play. O dispositivo tem ainda HD interno, HD rádio, navegador GPS nativo e câmera de ré. Também reproduz imagens do EyeSight.

Subaru Legacy 2020 estreia nos EUA com várias mudanças

O sistema de som é Harman Kardon com 12 alto-falantes e alta definição. O Legacy 2020 vem ainda com alerta de faixa, alerta de colisão, faróis de LED com função curva, alerta de distração do condutor, detector de pedestres com frenagem automática, frenagem automática reversa, detector de pontos cegos, alerta de tráfego cruzado, entre outros.

Apesar de seu porte, o porta-malas tem somente 427 litros. De qualquer forma, pensando na segurança (e no IIHS), a Subaru proveu o Legacy 2020 com uma estrutura 70% mais rígida em termos de torção, sendo 100% mais resistente aos impactos laterais e traseiro, bem como absorção de energia 40% superior no caso de impactos frontais.

Só o isolamento acústico baixou o nível de ruído em 3 dB. Já na parte motriz, o Subaru Legacy 2020 tem um boxer 2.5 aspirado com 185 cavalos e 24,2 kgfm. A outra opção é um 2.4 Turbo com 262 cavalos e 37,7 kgfm.

Subaru Legacy 2020 – Galeria de fotos

Subaru Legacy 2020 estreia nos EUA com várias mudanças
Nota média 3.8 de 6 votos

  • Vitor C

    Achei o interior fantástico, agora o design da carroceria…chegou cansado.
    O anterior é muito mais bonito.

    • Edinaldo_Tapica

      Qual Subaru não foi lançado já com cara de velho? Acho que os designers tão pelo menos uns 10 anos atrasados… Falta personalidade, Subaru precisa de uma linguagem mais definida urgente: Só essa grade não basta, e se bastasse já tá sem sal há muito tempo.

      • Vitor C

        Concordo, para mim o que falta na Subaru se encontra na mazda, arrojo.
        Esse carro está longe de ser feio, mas quando se olha carros como mazda 6, insignia, 508, talisman e etc o Subaru fica extremamente antiquado.

        • RicLuthor

          Você falou uma grande verdade, o Mazda 6 é muito bonito, e os carros conceito da marca então nem se fala.

          A Subaru eventualmente desenha carros conceito muito bonitos, mas quando vão para a linha de produção, o conservadorismo para não dizer caretice, impera.

          • Zé Mundico

            Como falei aí em cima, não se trata de caretice mas sim de um conceito próprio de identidade. Assim como Mazda tem seus conceitos, a Subaru tem os dela, e essa diferença é que estabelece a identidade. São modelos voltados para um público mais conservador e exigente, ela sabe disso, investe nisso e não abre concessões para modismos.
            É questão de princípios mercadológicos, isso é definido há décadas.

            • Edinaldo_Tapica

              Se formos falar disso, a VW possui um family face extremamente sóbrio e com pouca evolução entre gerações, e vende, e como vende… Não se trata de personalidade conservadora, os Subaru atuais são feios mesmo! Conservador e Corolla ou Sentra, que mesmo assim possuem sua beleza e sua linguagem atual e clara. A Subaru parece carro chinês, não tem uma característica estética, não tem formalidade não tem conceito. Sou arquiteto, digo pelo escopo do design como arte, como uma seara que se estuda, se marca breafing, se desenha e se adapta até chegar a um carro de produção: Tudo pra ser reconhecido mesmo sem a logomarca. Tira a grade desse Subaru e isso não se mantém. Outros carros conservadores (para este público) se vende MUITO mais que o Legacy. Veja Camry, Accord e etc. Todos nipônicos …

              • Zé Mundico

                Ok, mas mesmo assim a Subaru tem uma identidade própria. Se é feio ou bonto, aí vai muito do gosto de cada um. Seu alvo é um público mais maduro, conservador e que não curte muitos babados e firulas, nem se preocupa com ousadias de design e conceitos estéticos pós-modernos. É questão de posicionamento mercadológico, acredite.

        • Zé Mundico

          Mas aí é que está o diferencial da coisa. A Subaru tem reputação de carro conservador, sabe disso, investe nisso e tira isso como diferencial entre outras marcas. Não se trata de ser antiquado, e sim de definir e desenvolver um conceito próprio de identidade.
          Já pensou se todo carro fosse igual?

          • Vitor C

            Uma coisa é sem conservador como um Passat, uma classe c um A4 e etc, outra é ser genérico e insosso. Esse carro parece que nasceu em 2013.

            • Edinaldo_Tapica

              E eu vou dizer mais: Antes feio do que sem sal, porque o feio é subjetivo, mas sempre vai ter personalidade. Acho meu Sentra 2008 (geração tiozão) mais bonito, formal e moderno que esse Legacy.

              • Ernesto

                Pra ver como as opiniões são simplesmente opiniões. Eu jamais colocaria um Sentra 2008 acima deste Subaru em tudo que você falou: mais bonito, formal e moderno. Forçou a barra, tiozão (brincadeira com a fama dessa geração do Sentra!)!

  • RicLuthor

    O interior evoluiu muito no visual e nos materiais, mas o design externo continua genérico. É um modelo elogiado mundialmente e merecia um desenho com mais personalidade e elegância.

  • cepereira2006

    Baita máquina. Entre os alemães “premiuns” pelados de entrada e esse carro, não teria dúvidas. Só escorregaram no desenho da traseira, mas a frente foi uma baita evolução para a marca, famosa pela feiura. O interior caramelo ficou carregado demais, optaria pelo interior clarinho, que ficou show. Se viesse para cá com um preço honesto iria para o meu radar.

  • Ueldes Damasceno

    É engraçado ver sedã ainda sendo lançadoReestilizado.

    • Darlon Anacleto

      Pois é, pensei nisso também. Ainda mais se tratando dos EUA.

      • Ueldes Damasceno

        Mas o que se vê quando há esses lançamentos é “mais do mesmo” sem novidades.

  • Darlon Anacleto

    É bacana, Ok, mas depois do Peugeot 508 fica difícil achar outro sedã tão bonito, tanto interna quanto externamente.

  • Victor Nunes

    O exterior lembra o Chevy SS.

  • Guilherme Martins

    Eu acho que o interior tá tipo… volvos atuais! Um copiar e colar.

    Quanto ao velho design, eu concordo… tá só… ok, mas eles atuam num mercado onde confiabilidade vem antes de design, então acredito que é isso!

  • CanalhaRS

    Eu gostei do conjunto.
    Seria carro para vender aqui entre 120 e 150 mil (a faixa do Fusion), mas como estamos no Brasil da CAOA…esqueçam…

    • fschulz84

      O Legacy da “atual” geração já estava sendo vendido por 180k em 2017, este não viria por menos de 200k :(

  • Piston head

    Tela vertical no painel é uma coisa horrenda, viu. Até a Subaru.

  • Yuri Lima

    Traseira lembra um Cruze. Inclusive a lateral

  • mjprio

    Acho um desenho bem clássico, elegante. No lugar do 2.5 aspirado, um 1.6 com turbo e injeção direta de uns 170/180CV e um 2.0 nas mesmas configurações com uns 220CV.
    Quanto ao painel esse marrom de fato ficou meio esquisito.

  • Debraido

    Inteiror “mamãe quero ser volvo”.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email