*Destaque *Featured Crossovers Lançamentos Suzuki

Suzuki Vitara 2017 é anunciado com opção de motor turbo e preços a partir de R$ 83.990

suzuki-vitara-2017-1 Suzuki Vitara 2017 é anunciado com opção de motor turbo e preços a partir de R$ 83.990

Pouco tempo após ter dado as caras no site oficial da Suzuki, a nova geração do Vitara acaba de ser anunciada de forma oficial pela montadora japonesa. A novidade chega às concessionárias na segunda quinzena de outubro com duas opções de motorização, diversos equipamentos tecnológicos e preço inicial de R$ 83.990, para fazer frente aos também japoneses Honda HR-V e Nissan Kicks, além do Jeep Renegade, Ford EcoSport, Peugeot 2008 e Chevrolet Tracker.



“Os modelos estão repletos de novidades e chegam como pioneiros no segmento, oferecendo os melhores índices de consumo da categoria, motor com start stop, que desliga automaticamente para poupar combustível e preservar o meio ambiente, e um sistema multimídia com 10” de última geração, Wi-fi e emparelhamento de celular. O Vitara tem tudo aquilo que os clientes modernos precisam: conforto, tecnologia, conectividade e desempenho”, garante Alexandre Zuccato, diretor de operações da Suzuki Veículos do Brasil.

suzuki-vitara-2017-36 Suzuki Vitara 2017 é anunciado com opção de motor turbo e preços a partir de R$ 83.990

Suzuki Vitara 2017 – visual

Para dar a impressão de se tratar de um modelo mais robusto, o novo Suzuki Vitara apresenta formas mais retas em todos os pontos da carroceria. Na parte frontal, o crossover compacto conta com faróis afilados e espichados, que formam conjunto com a grade, esta com elementos cromados em formato de “L” e o logotipo da montadora japonesa ao centro. Há ainda para-choque pronunciado, com uma enorme tomada de ar e LEDs diurnos nas extremidades.

Já nas laterais, o modelo apresenta uma enorme área envidraçada, além de linha de cintura elevada e um vinco que começa nas lanternas traseiras e termina na parte inferior da porta dianteira. E por falar nas lanternas, elas contam com iluminação simples e formato que invade a tampa do porta-malas, enquanto o para-choque é praticamente todo coberto por uma peça preta. Há ainda rodas de liga-leve de 17 polegadas calçadas com pneus 215/55 R17.

O interior, por sua vez, segue a linha minimalista da parte de fora. Assim como em praticamente todos os outros crossovers da categoria, o Suzuki Vitara 2017 abusa do plástico no acabamento. Há também saídas de ar redondas com contorno vermelho acetinado, que segundo a fabricante “estão em perfeita harmonia com o arrojado relógio no centro do painel”. O modelo dispõe ainda de bancos com acabamento premium em ultrasuede e costuras vermelhas.

suzuki-vitara-2017-15 Suzuki Vitara 2017 é anunciado com opção de motor turbo e preços a partir de R$ 83.990

Outro destaque é a nova central multimídia, que oferece uma enorme tela de 10 polegadas e comandos similares aos tablets, além de dispor de compartilhamento de internet do celular direto no aparelho, com a possibilidade de usufriuir de diversos aplicativos, como o Waze, YouTube e Spotify, ou ainda usar o aparelho como um hotspot e fornecer internet sem fio para todos os aparelhos que estiverem próximos. Há ainda Apple CarPlay, Android Auto e MirrorLink, sistema operacional Android, tem 16GB de memória interna, resolução de 1024x600px e três entradas USB.

A central multimídia tem equalizador gráfico de 10 bandas, cinco saídas RCA, potência de 22 W (RMS) e permite conectar acessórios como DVR, câmera frontal, TV Digital, entre outros. Ainda de acordo com a marca, o modelo oferece uma série de possibilidades de personalização. São 22 combinações de cores entre a carroceria e o teto e mais de 53 acessórios.

Nas medidas, são 4.175 mm de comprimento, 1.775 mm de largura e 1.610 mm de altura, com distância entre-eixos de 2.500 mm. A capacidade do porta-malas é de 375 litros ou 1.210 l com o banco traseiro rebatido.

suzuki-vitara-2017-5 Suzuki Vitara 2017 é anunciado com opção de motor turbo e preços a partir de R$ 83.990

Suzuki Vitara 2017 – equipamentos

A versão mais básica do Suzuki Vitara, a 4All, é equipada de fábrica com faróis com projetor, frisos laterais inferiores de proteção, grade dianteira na cor cinza, molduras das caixas de roda, skid plate dianteiro e traseiro na cor cinza, ar-condicionado manual, banco do motorista com ajuste de altura, banco traseiro bipartido (60/40), volante com ajuste de altura e profundidade, computador de bordo com sete funções, console central com porta-copos e tomada USB, controle de cruzeiro, nivelamento manual dos faróis, keyless, sistema start/stop, volante com comandos do sistema de som e controle de cruzeiro, sistema de som com MP3 player, USB e Bluetooth, airbags frontais, freios ABS com EBD, controle eletrônico de estabilidade, Isofix, entre outros.

Já a intermediária 4You agrega retrovisores com pintura na cor da carroceria, luzes indicadoras de direção e rebatimento elétrico, faróis de neblina dianteiros, grade dianteira na cor cinza, rack de teto na cor cinza, ar-condicionado digital automático, direção elétrica, trio elétrico, banco do motorista com ajuste de altura, paddle shifts, destravamento das portas e partida do motor sem chave, volante com revestimento em couro e comandos do limitador de velocidade, sistema multimídia com tela de 10 polegadas, Android Auto, Apple CarPlay, MirrorLink, conexão WiFi e TV digital, câmera de ré, sensor de estacionamento traseiro, entre outros.

Por fim, a topo de linha 4Sport se diferencia pelos retrovisores na cor prata premium, detalhe interno dos faróis em vermelho, faróis em LED, luz de rodagem diurna em LED, retrovisor interno eletrocrômico, pedais em alumínio, airbags laterais, de cortina e de joelhos para o motorista, assistente de partida em rampas, controle de descida, sensor de chuva e de luminosidade, sensor de estacionamento dianteiro, entre outros.

suzuki-vitara-2017-26 Suzuki Vitara 2017 é anunciado com opção de motor turbo e preços a partir de R$ 83.990

Suzuki Vitara 2017 – motorização

A nova geração do Suzuki Vitara está disponível com duas opções de motorização diferentes. Nas versões 4All e 4You, há um 1.6 litro flex aspirado de quatro cilindros, que rende até 126 cavalos de potência, a 6.000 rpm, e torque de 16,7 kgfm, a 4.400 rpm, com câmbio manual de cinco velocidades ou automático de seis velocidades (com paddle shifts para troca manual de marcha na versão mais cara).

Já a topo de linha usa um novo propulsor 1.4 litro turbo de quatro cilindros, dotado de injeção direta de combustível, com 146 cv, a 5.500 rpm, e 23,5 kgfm, entre 1.700 e 4.000 giros, acoplado a uma transmissão automática de seis marchas com paddle shifts e com opção de tração integral.

As versões 4You e 4Sport contam ainda com o sistema All Grip, que dispõe de quatro modos de condução para que o motorista possa escolher de acordo com as condições do peso e à sua maneira de dirigir, melhorando a performance no uso on-road e off-road.

O recurso consegue interpretar o movimento do motorista ao volante combinado com o micro escorregamento dos pneus no solo e modula a distribuição de torque entre as rodas e o esforço do volante. Caso necessário, o sistema aplica ainda frenagem de forma individual em qualquer uma das rodas para garantir aderência e tração.

suzuki-vitara-2017-54 Suzuki Vitara 2017 é anunciado com opção de motor turbo e preços a partir de R$ 83.990

Além de controlar a transmissão de força às rodas do eixo traseiro, a tecnologia consegue atuar em conjunto com os sistemas de motor, transmissão, TCS (controle de tração) e ESP (controle de estabilidade) e direção.

Nos modos de condução, há o Auto (proporciona maior economia de combustível em condições normais de uso e altera a tração 2WD para 4WD de forma automática, de acordo com as necessidades do terreno) e Sport (atua em diversos sistemas do veículo, altera o ponto de troca das marchas e as características de torque do motor, além de transferir torque para o eixo traseiro para promover melhor desempenho em curvas, privilegiando uma direção mais esportiva).

A lista inclui ainda o Snow/mud (otimiza o desempenho em pisos de baixa aderência como neve, lama ou outras superfícies escorregadias, e controla ainda a tendência ao sobre esterço e sub esterço, tornando a condução o mais estável possível mesmo nos pisos mais escorregadios) e o Lock (para uso off-road em piso de baixa aderência e uso da capacidade máxima para superar pisos escorregadios e irregulares, com torque elevado enviado para todas as rodas e uso combinado do sistema de controle de tração).

Todas as versões são equipadas com suspensão dianteira McPherson e traseira com eixo de torção.

Quanto à segurança, o novo Vitara dispõe de capô, para-choques e outras partes da carroceria com estrutura para absorção de impacto em caso de colisão contra pedestres. Além disso, os cintos de segurança têm sistema de pré-tensionamento e limitador de força, enquanto os pedais e a coluna de direção são colapsáveis, protegendo as pernas do motorista em impactos.

A carroceira do Suzuki Vitara incorpora o sistema TECT (Total Effective Control Technology) para proteção aos ocupantes com uso extensivo de aços de alta tensão nas peças mais importantes, tornando a estrutura leve e resistente e com deformações programadas, absorvendo e distribuindo a energia de eventual impacto.

suzuki-vitara-2017-57 Suzuki Vitara 2017 é anunciado com opção de motor turbo e preços a partir de R$ 83.990

Confira os números de consumo do novo Vitara:

Suzuki Vitara 4Sport 2017: 12,00 km/l na cidade e 13,70 km/l na estrada
Suzuki Vitara 4Sport All Grip 2017: 11,50 km/l cidade, 12,90 km/l estrada
Suzuki Vitara 4All MT 2017: 12,20 km/l na cidade e 13,00 km/l na estrada
Suzuki Vitara 4All AT 2017: 11,60 km/l na cidade e 13,20 km/l na estrada
Suzuki Vitara 4You 2017: 11,60 km/l na cidade e 13,20 km/l na estrada
Suzuki Vitara 4You All Grip 2017: 11,50 km/l na cidade e 12,90 km/l na estrada

Suzuki Vitara 2017 – preços

Confira os preços do novo Suzuki Vitara 2017:

Suzuki Vitara 4All MT 2017: R$ 83.990
Suzuki Vitara 4All AT 2017: R$ 89.990
Suzuki Vitara 4You 2017: R$ 94.990
Suzuki Vitara 4You All Grip 2017: R$ 99.990
Suzuki Vitara 4Sport 2017: R$ 107.990
Suzuki Vitara 4Sport All Grip 2017: R$ 112.990

Confira as opções de cores do modelo:

Azul com teto branco, azul com teto preto, bege com teto preto, branco, branco com teto preto, branco com teto grafite, branco com teto vermelho, cinza, cinza com teto prata, cinza com teto vermelho, cinza com teto preto, laranja com teto preto, prata, prata com teto preto, prata com teto grafite, prata com teto vermelho, preto, preto com teto branco, preto com teto grafite, preto com teto vermelho, vermelho e vermelho com teto preto.

Galeria de fotos do Suzuki Vitara 2017

  • Compro Vidro de Perfume Vaziou

    Gostei, e o preço ta valendo ainda mais hoje em dia esta no patamar .. Agora não entendo essa carnaval de cores!!

    • Na Moral!

      Quem tiver intenção de comprar, que compre agora.
      Não dou 6 meses, para os preços chegarem a mais de R$ 100 mil na versão de entrada.

      • rkimwb

        A versão de entrada sequer vem com trio elétrico. O preço está muito alto! Aposto que vai ser esquecido em pouco tempo, como todo Suzuki.

        • what_the_hell??

          Acho q a matéria está errada! Será possível um carro de 95k sem trio elétrico???? Em outros sites falam que tem sim!
          De toda forma, devemos lembrar que esse é o irmão menor do Grand Vitara! Por isso, deveria vir com preços menores q o irmão maior, e não com preços semelhantes!
          E com o preço da básica AT, se compra o Kicks ou Ecosport top, bem mais completos!!

          • Luis LC

            A GV ja ta se despedindo, esse veio pra ficar no lugar….muito triste isso

          • João Holmes

            Pela matéria a versão de entrada também não tem direção elétrica.

        • Ander33x

          Vem sim, olha ali na foto da versão mais simples os botões na porta, não tem CMM, veja que até o rádio é simples. Nas 2 outras versões já vem com a CMM (Central MultiMedia).
          https://uploads.disquscdn.com/images/eb17f8c61f244bb9c024695e63ef811f32210fa7bbf38d6b27518aa083e2f74f.jpg

    • Darwin Luis Hardt

      acho melhor colorir mais o trânsito do que preto, prata e branco. Muito sem graça. Dizem que carro colorido enjoa, eu já acho o contrário.

      • Compro Vidro de Perfume Vaziou

        O Azul e Dourado são cores lindas mas só vem com o teto em outra cor o que deixa o veiculo carnavalesco, já não bastar a Nissan ter colocado um teto branco no Kicks Azul, agora vem a Suziki fazendo o mesmo com o VItara ..

        Sobre o transito preto, prata e branco é simples, são as cores que não são cobradas, pq se quer algo diferente vai ter que pagar caro por isso e pasme ninguém quer pagar caro por isso é só olhar o transito

        • Linkera

          Negativo, o prata é sempre mais caro por ser metalizado e, em alguns casos, o branco e o preto também são cobrados por serem metalizados ou perolizados.
          A quantidade de preto e prata é devido a menor desvalorização na revenda por uma simples questão cultural. Quanto ao branco, se tem um volume até grande de oferta de carros nessa cor pois houve recentemente um boom de venda de carros brancos devido a uma tendencia mundial, por modismo mesmo, que estourou em meados de 2012.

      • Igor

        Eu acho que os carros de hoje em dia não se permitem serem coloridos, diferente do que acontecia antigamente, hoje os carros tem praticamente a mesma forma, o que permitia você ter carro roxo na rua por exemplo, poucos carros hoje ficam bonitos com cores fora do ”padrão” igual a Evoque, Soul, Mini Cooper e os esportivos…

    • Paulo Santos

      verdade

  • Ric53

    O design desse cara é MUITO JAPONÊS para o bem e para o mal

    • Darwin Luis Hardt

      a frente é animal. A traseira é aceitável, legalzinha

  • Ric53

    É tão feio e tão autentico que eu teria!! Explosão de sentimentos hahaha

    • ObservadorCWB

      Não sou contra nem a favor. Muito pelo contrário.

  • Leo

    1.6 aspirado…

    • Eduardo Gregório

      Ao menos tem a opção de 1.4 turbo por menos de 100 mil. Não que seja de grande comemoração, mas considero melhor que um ASX.

      • rkimwb

        A versão turbo parte de 108k.

        • what_the_hell??

          E manual (q, nessa faixa de preço, praticamente não se vende!).
          A turbo AT só na versão mais cara, de 113k!

          • cepereira2006

            Para vender bem teria que rolar um descontinho, saindo a 105k. Mas acho que não rola. Essa é a única versão que me atrai.

  • Elfo Safadão.

    E agora Kicks… cadê seu Deus?
    Falando sério, Kicks poderia ter a versão turbo com o 1.8 do novo Sentra americano

    • Cristiano_RJ

      kkkk… vai sonhando! A Nissan sequer colocou o 2.0 aspirado do Sentra brasileiro ou mesmo o 1.8 aspirado do Sentra americano, quiçá um 1.8 turbo e em um mercado onde tem gente que gasta seu latim para defender o desempenho do Renegade flex! Sabe quando virá o turbo? NUNCA! Aliás, nunca não, talvez quando a onda do downsizing estiver no fim e os híbridos e elétricos forem maioria aí a Nissan reconsidera.

      • Elfo Safadão.

        Tá bom, agora vá lá e toma o seu toddynho.

        • Cristiano_RJ

          Só falei verdades, mas isso te deixa chateado… Então, me vem com essa bobagem. Fazer o quê, né? Vida que segue. Continue sonhando com seu Kicks turbinado. Mas faça isso sentado!

          • Elfo Safadão.

            Ninguém aqui tá #chateado, acredite em mim, Nissan Kicks turbo foi apenas um sugestão de melhoria no carro, que custa o olho da cara com desempenho de Versa, nem ligo se vai ter ou não, até mesmo por que eu curto sedãs…
            E continue tomando o seu Toddynho e dando os seus chiliques…

            • Cristiano_RJ

              Continue sonhando e falando abobrinhas.

              • Elfo Safadão.

                Terminou toddynho…? Agora coma as sua trakinas… Depois escove os dentes e vá dormir…

                • Cristiano_RJ

                  Tsc, tsc, tsc… não preciso ficar aqui lendo esse tipo de bobagem. Talvez seja o melhor que você tem a postar. “Kicks turbo”, só rindo mesmo rsrsrsrs…

                  • Elfo Safadão.

                    Tá, boa noite e durma com os anjos…

  • raphael_ZZ

    Existirá um Grand Vitara ainda?

    • Victor Porto

      De acordo com o site deles, o Grand Vitara ainda continua sendo vendido, mas acredito que seja só até esgotarem os estoques, ficando somente esse no mercado..

    • Luis LC

      Infelizmente não….SUV de shopping, tendência de mercado

  • Victor Porto

    Na minha opinião, somente a traseira me causou estranheza, mas no demais, o carro ficou bem bacana, e esse design tem a vantagem de n cansar (vide a geração atual).. E pela faixa de preço dos concorrentes, ele não está tão caro assim..

  • expoJapãoAcelLondrina

    Suzuki vai fazer carro com a Toyota

  • Leandro

    Se o Vitara concorre com HRV e companhia, o S CROSS concorre com quem afinal? Eu pensava que ele que concorria com o HRV e o Vitara concorria com ASX, Captiva e afins.

    • V12 for life

      Já está se criando uma sub categoria, uns concorrem com os menos caros e outros com mais caros, a Renault fara o mesmo com o Kaptur sendo um Duster mais “refinado”.

      • Leandro

        A Honda com seu WRV que o diga, um Fit maquiado a preço de HRV no lançamento ano passado.

    • João Holmes

      No line up da Suzuki, Vitara é de categoria inferior ao S-Cross. Mas S-Cross 2017 vai vir também com esse motor 1.4 turbo e um facelift também de gosto duvidoso. S-Cross tem o mesmo tamanho do HRV e do Kicks. Já o Vitara é menor, porte do 2008. Você está confundindo com o Gran Vitara, esse é maior mesmo, mas vai sair de linha sem substituto a princípio.

  • GPE

    Feio e caro

  • V12 for life

    Melhor a Suzuki não criar muita expectativa. O carrinho sem graça.

  • Lyn

    Matou o s-cross da propria fabricante.
    Só para terem noção a top do scross sai a 109 com motor 1.6 e cvt Ja o vitara sai a 113 mil com motor 1.4 turbo e cambio at de 6 marchas.

    • Luis LC

      O Scross é maior e não é pouca coisa, ele tem espaço de sedan médio. Ano que vem chega novo Scross com esse motor

      • Lyn

        Valeu. achei que era o inverso. Devo ter confundido vitara com gran vitara.

  • Racer

    ““estão em perfeita harmonia com o arrojado relógio no centro do painel”.” Mas que baita arrojo…. Desenho sem graça, feito com régua e facão….

  • Fabricio Lima

    O carro esta bonito , só tem um detalhe essa grade frontal nao combinou com a frente do carro.

  • Fanjos

    Esse vai dar um flopão fantástico!

  • Yuri Rios

    E essa foto do painel monstrando pedal de embreagem e cambio automático? Pode isso, Arnaldo? haahah

    • Andrew B.

      Sabe,quando você quer um manual,use o pedal de embreagem.Quando quer comodidade,use o modo automático….heheh

    • Igor

      Obs: na versão manual não mostra os pedais kkkkkk

  • Cyro

    Entrou pra minha lista de compras…

  • Mauricio

    Esse “bigode” estragou o para choque dianteiro…

  • Airplane

    Será que agora a Suzuki voltará para o Brasil ?

  • Zé Mundico

    Taí um suv compacto com um preço decente. Bem acertado e completinho, é uma ótima opção para o mercado.
    Pena que a assistencia técnica da Suzuki é meio Mandrake,tá sabendo?

    • what_the_hell??

      Com menos espaço e equipamentos q o Kicks, não achei bom negócio não! O Kicks de 92k é bem completo (apesar da falta do piloto automático).

  • Jaspion

    como é feio….

  • Continua a ser uma marca se, graça, feio por fora como por dentro, qualidade muito baixa, muito sinceramente é carro que nunca comprava.

    • Luis LC

      Qualidade baixa???? Vc ta falando desse carro ai de cima???? Colocou o que no café hj de manha? KKKKKKKKK

      • Isso que você coloca no café é que está fazer mal. Sei bem o que estou falar, esta marca tem pouca ou nenhuma graça nos modelos que faz.

        • Luis LC

          Ok. Entendi. Com certeza vc nunca dirigiu um Suzuki. Minha dica, quando tiver a oportunidade, experimente o Swift Sport

  • Fabio Marquez

    Alguém explica como que conseguiram encaixar eixo de torção e tração integral nesse carro? Buguei aqui…

    • Luis LC

      No S-Cross já assim. O Suzuki S-Cross usa na dianteira sistema McPherson com mola secundária interna e atrás, eixo de torção, suavemente arqueado para permitir curso aos semi-eixos do diferencial traseiro (sistema similar ao do SX4 antigo).

      • Fabio Marquez

        Se dão a esse trabalho monstro para fazer essa lambança..bendito corte de custos.

        • Luis LC

          Cara, sinceramente não entendi!!!! Ta querendo dizer o que???

      • Cristiano_RJ

        O SX4 utilizava multilink na traseira.

        • Luis LC

          Não, na traseira usava um sistema independente, com barra de torção, amortecedores hidráulicos, molas helicoidais e barras estabilizadoras.

  • Henrique

    É melhor o S-cross, que é um pouco maior….

  • Yo soy Yo

    A Suzuki é muito conservadora, o carro ficou legal, mas só isso. O interior tá muuiito monótono e a exterior nem se fala. É um carro bom, assim como já era, mas é muuuito sem graça.

  • kravmaga

    Até que com motor 1.4 turbo não seria uma compra tão ruim mas acredito que a Chevrolet vai trazer logo para o Brasil a Tracker com o motor 1.4 turbo usado no novo Cruze. Aí a Suzuki não tem como competir.

    • Luis LC

      Pela qualidade ou capacidade de vendas?

      • kravmaga

        Pela rede pequena e por ser importado.

        • Luis LC

          Concordo plenamemte, mais pela rede e marketing (inexistente) da SZK do que por ser importado, creio eu!!!

        • Cristiano_RJ

          Pelo preço nada competitivo, pelo interior simplório…

      • Cristiano_RJ

        Pelo preço que embora eu esteja esperando o novo Tracker acima do justo (normal no Brasil), não acredito que não vá custar os mesmos R$ 108 mil que a Suzuki está pedindo pelo 1.4 turbo 4×2. É caro demais! Como disse antes, vi o carro no salão de Paris. O interior é simples, de carro de entrada. Veja o painel de instrumentos. É tosco. Não é carro para mais de R$ 100 mil em hipótese nenhuma. Não terá competitividade. A Suzuki sempre viaja no posicionamento dos seus produtos.

        • Luis LC

          Não acho os carros da SZK caros, considerando que fora o Jimny, são todos importados

  • Luis LC

    Decepção total, não que esse carro não seja bom, alias esse sistema All Grip é simplesmente uma obra prima da SZK mas substituir o GV por esse carinho de shopping não dá! RIP Grand Vitara, o último dos moicanos

  • Ainnem Agon

    Melhor valor da categoria.

    • Cristiano_RJ

      Sério? Qual versão você está se baseando e comparando com qual concorrente para afirmar isso?

  • Léo Faria

    A versão intermediária me atenderia muito bem mas ainda acho o preço salgado.

  • cepereira2006

    Agora vai. Tá outra coisa. Melhorou e modernizou.

  • Cristian Gutierrez

    e teto solar? nem na top?

  • João Holmes

    Deve ser muito apertado, o entreeixo de só 2,50m, 8 cm a mais que o up.

  • Vinicius Lima Santos

    Otimo preço comparado com os rivais. Unico porém é a rede de concessionária da Suzuki que deixa bastante a desejar. Se bater, espere alguns meses pra chegar peças.
    Ainda assim, será um ótimo no mercado de usados

    • Cristiano_RJ

      “Otimo preço comparado com os rivais”
      Quais são os rivais que você está pensando?

  • FocusMan

    Esse Vitara é feito na India? Alguém sabe informar? Está estranho esse preço.

    • Rodrigo Souza

      Esse veículo, assim como o S-Cross, é fabricado em Magyar na Hungria.

  • Pedro Neto

    hehehehe o mercado nunca esteve não farto com agora, e em plena crise

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend