SW4 2019: preços, versões, motor, consumo, detalhes, fotos, etc

O SW4 2019 é o utilitário esportivo mais vendido do mercado nacional em sua categoria, sendo esta a que envolve os SUVs de chassi de longarinas com carroceria sobreposta.

O modelo da Toyota é fabricado em Zárate, Argentina, onde chega junto com a picape média Toyota Hilux. Modelo de longa data, o SUV japonês caiu no gosto dos consumidores, devido à robustez e confiabilidade mecânica.


Além disso, o pós-venda da marca japonesa ajuda o produto a ter um bom valor de revenda, especialmente da versão diesel. Bem equipado para sua proposta, o Toyota SW4 2019 é um veículo que leva 5 ou 7 pessoas com muito conforto.

O modelo surgiu em 2004, sendo ligado aos Toyota 4Runner (nos EUA) e Fortuner (Ásia), tendo sido originalmente produzido no Egito, Índia, Indonésia, Cazaquistão, Malásia, Tailândia, Venezuela, Vietnã e, naturalmente, Argentina.

Com apenas duas gerações em 25 anos, o SW4 2019 pouco evoluiu em termos técnicos, mantendo a mesma característica de chassi de longarinas em “U”, suspensão de duplo braço na dianteira e eixo rígido na traseira.

Além disso, tem carroceria autoportante apoiada em coxins sobre as travessas do chassi. Outra característica é o conjunto motriz com propulsor e transmissão em longitudinal, podendo ter caixa de transferência e redução no 4×4.

Na geração anterior, o SW4 2019 carregava um motor diesel 3.0 de 163 cavalos, que evoluiu para 171 cavalos. Contudo, na segunda geração, o propulsor passou a ser o 1GD 2.8 de nova geração, lançado em 2015.

Com ele, o Toyota SW4 passou a dispor de 177 cavalos e 45,9 kgfm, bem como teve a caixa automática evoluída para seis marchas. O modelo ainda manteve o propulsor 2.7 a gasolina ou flex.

Conhecido como 2TR, esse motor tem 159 cavalos na gasolina e 163 cavalos no etanol, ambos com 25 kgfm. Nessa mecânica, ele possui câmbio manual de seis marchas e o mesmo automático do diesel.

Disponível nas versões SR, SRV, SRX e Diamond, o SUV da Toyota tem versões 4×2 Flex e 4×4 Diesel, dispondo de vários itens de conforto e segurança, chegando mesmo a ter sete airbags e controles de tração e estabilidade.

Além disso, multimídia com tela de 8 polegadas, bancos em couro, banco do motorista elétrico, ar condicionado automático, entre outros.

Feito para longas viagens, o Toyota SW4 2019 tem um bom espaço interno e chama atenção pelo enorme espaço para bagagens. Suspensão com molas e amortecedores, muito macia e resistente.

SW4 2019 – detalhes

O Toyota SW4 2019 tem linhas bem fluidas, especialmente na frente pronunciada e envolvente, com grade cromada com dois frisos e barras verticais. O para-choque tem um vinco profundo para refrigeração.

Molduras laterais proeminentes possuem acabamento cromado, bem como faróis de neblina, grade inferior central e ângulo de entrada de 29º.

Faróis de LED com luzes diurnas em LED possuem desenho fluido. Nas laterais, linhas de cintura alta e carroceria suave, bem como maçanetas cromadas e colunas B e C pretas. As vigias laterais possuem inclinação negativa.

Isso permite que os para-lamas traseiros tenham uma elevação característica. As grandes vigias laterais tem colunas estreitas. Na traseira, as lanternas em LED possuem desenho fluido e cortadas pela tampa do bagageiro.

Uma barra cromada conecta as duas lanternas e tem o nome SW4 2019 em baixo relevo. A tampa tem vigia ampla e com moldura para placa. O para-choque é pronunciado e corte por causa da tampa, tendo ainda refletores.

No teto, vincos pronunciados reforçam a estrutura, tendo ainda barras longitudinais no teto, além de abertura elétrica padrão na versão Diamond. O modelo traz ainda estribos de série para facilitar o acesso ao veículo.

As rodas são aro 17 polegadas em liga leve com pneus 265/65 R17 na versão Flex, enquanto a Diesel tem aro 18 polegadas com pneus 265/60 R18. Na versão Diamond, as rodas possuem desenho diferenciado.

Esta versão topo de linha apresenta ainda para-choques mais pronunciados, com protetor central em cinza e molduras pretas. Os estribos são mais proeminentes e barra cinza na traseira. O defletor de ar na tampa tem prolongamento.

Na traseira, o para-choque possui acabamento preto e protetor central em cinza. A versão SR tem aspecto mais simples, embora não totalmente focado no trabalho, apesar das versões de uso policial, feitas pela Toyota.

A SRX é mais luxuosa e com visual moderno, enquanto a Diamond é totalmente focada no luxo. Por dentro, o SW4 2019 tem um painel moderno e quase com duplo cockpit, num conjunto bem completo.

Com cluster de boa visibilidade, o SUV tem um conjunto com conta-giros, velocímetro e nível de combustível, além de computador de bordo bem completo.

O volante em couro tem detalhes em madeira (vermelha na SRX e preta na Diamond) no aro das versões SRX e Diamond, bem como comandos de mídia e telefonia, além de computador de bordo.

O piloto automático fica em uma haste na coluna de direção. Além disso, também existem paddle shifts para trocas manuais. Esta pode ser regulada em altura e profundidade, tendo assistência hidráulica.

O SW4 2019 traz ainda botão de partida, bem como difusores de ar bem distribuídos, sendo os centrais junto com um típico relógio digital, que remete os anos 80.

A parte central tem revestimento em couro marrom na SRX e bege na Diamond, tendo ainda couro costurado sobre o porta-luvas superior, sendo que ainda existe um porta-luvas maior na parte inferior.

Um botão metálico abre o primeiro porta-luvas e vem com a descrição da versão. Na parte central, a multimídia Toyota Play tem tela de 8 polegadas sensível ao toque, tendo reprodutor de CD, DVD, MP3, USB, auxiliar e TV Digital.

Vem ainda com Bluetooth, câmera de ré e sistema de som JBL com 10 alto-falantes e um subwoofer. O painel tem ainda um display “1din” do ar condicionado dual zone.

O dispositivo tem ainda ventilação ajustável para as demais fileiras, com difusores de ar no teto. Abaixo do ar condicionado, no painel, o SW4 2019 vem com seletor de tração (4×2, 4×4 e 4×4 com reduzida).

Neste display inferior, existe ainda o comando para controle de descida e bloqueio eletrônico do diferencial. O seletor do câmbio automático é do tipo escada e vem com mudanças manuais, assim como modo Sport.

Com acabamento em cinza e couro nas portas, o utilitário esportivo vem com comandos dos vidros elétricos bem posicionados, assim como dos retrovisores elétricos e seu rebatimento elétrico.

Os bancos são em tecido na SR e em couro nas demais, sendo marrom na SRX e bege na Diamond. Bem espaçoso por dentro, o ambiente do SW4 2019 traz também segunda fileira com ajuste de distância e inclinação dos encostos.

Isso permite o acesso à terceira fileira, que pode ser rebatida no assoalho e vem até com proteção lateral dos airbags de cortina. O SUV tem ainda dois airbags laterais e dois frontais, além de um para joelhos do motorista.

Todos os assentos possuem cintos de 3 pontos, sendo a segunda fileira com Isofix. Na frente, o assento do condutor tem ajuste elétrico, mas na Diamond, o do passageiro também é elétrico. E mais, possuem ventilação no lugar de aquecimento.

No bagageiro, são 253 litros com os sete lugares instalados, além de 900 litros com apenas cinco assentos. O volume fica ainda maior com esta segunda fileira rebatida.

Na versão Diamond, o Toyota SW4 2019 traz um sistema de abertura e fechamento automático da tampa, tendo sensor para detectar a presença de pessoas no curso da peça e sensor para abertura e fechamento com movimento sob o para-choque.

SW4 2019 – versões

SW4 2019: preços, versões, motor, consumo, detalhes, fotos, etc

O SW4 2019 vinha com uma boa composição de versões, sendo que a SR é a mais simples, tendo ainda uma versão manual, mais apta para frotistas ou forças policiais.

A SRV tem um padrão de acabamento parecido com a SR, porém, mais equipado. Já a SRX é mais luxuosa, tem um acabamento superior. A Diamond é um adicional premium para a SRX, tendo um visual bem elegante.

  • Toyota SW4 SR manual flex 5 lugares
  • Toyota SW4 SR automática flex 5 lugares
  • Toyota SW4 SRV automática flex 7 lugares
  • Toyota SW4 SR automática diesel 5 lugares
  • Toyota SW4 SRX automática diesel 5 lugares
  • Toyota SW4 SRX automática diesel 7 lugares
  • Toyota SW4 SRX Diamond automática diesel 7 lugares

Equipamentos

SW4 2019: preços, versões, motor, consumo, detalhes, fotos, etc

Toyota SW4 SR manual flex 5 lugares – Motor 2.7 Flex, transmissão manual de seis marchas, mais tração 4×2, ar condicionado, direção hidráulica, coluna de direção ajustável em altura e profundidade, vidros elétricos nas quatro portas, retrovisores elétricos, travamento central elétrico, freios a disco nas quatro rodas, freios ABS com EDB, airbag duplo, controle de tração, controle de estabilidade, assistente de partida em rampa, rodas de liga leve aro 17 polegadas, pneus 265/65 R17, difusores de ar para a segunda fileira, modos Eco e Power, multimídia Toyota Play com tela de 8 polegadas, DVD/CD/Bluetooth/USB/TV digital/GPS, airbags laterais, airbags de cortina, airbag de joelho, câmera de ré, controle de reboque, faróis com luzes diurnas em LED, estribos, chave canivete, sensor de estacionamento, controle de cruzeiro, entre outros.

Toyota SW4 SR automática flex 5 lugares – Itens acima, mais transmissão automática de seis marchas.

Toyota SW4 SRV automática flex 7 lugares – Itens acima, mais dois lugares adicionais com rebatimento dos encostos, lanternas em LED, retrovisores com rebatimento elétrico, ar condicionado automático, banco do motorista com ajuste elétrico, partida por botão, acesso sem chave, retrovisor eletrocrômico, entre outros.

Toyota SW4 SR automática diesel 5 lugares – Itens da versão SR Flex automática, mais motor diesel 2.8 GD e câmbio automático de seis marchas, tração 4×4 com reduzida, controle de descida e bloqueio do diferencial.

Toyota SW4 SRX automática diesel 5 lugares – Itens da SR diesel e SRV, mais acabamento em couro marrom nos bancos e portas, painel com acabamento em couro, luz de leitura em LED, rodas de liga leve aro 18 polegadas, volante com acabamento em madeira vermelha, pneus 265/60 R18, volante com paddle shifts, entre outros.

Toyota SW4 SRX automática diesel 7 lugares – Itens acima, mais dois lugares adicionais.

Toyota SW4 SRX Diamond automática diesel 7 lugares – Itens acima, mais volante com acabamento em madeira preta, acabamento geral em couro bege, sistema de som JBL com 10 alto-falantes e 1 subwoofer, rodas de liga leve exclusivas, para-choques mais proeminentes, defletor de ar maior, entre outros.

Preços

SW4 2019: preços, versões, motor, consumo, detalhes, fotos, etc

  • Toyota SW4 SR manual flex 5 lugares – R$ 154.380
  • Toyota SW4 SR automática flex 5 lugares – R$ 168.140
  • Toyota SW4 SRV automática flex 7 lugares – R$ 181.690
  • Toyota SW4 SR automática diesel 5 lugares – R$ 231.770
  • Toyota SW4 SRX automática diesel 5 lugares – R$ 250.890
  • Toyota SW4 SRX automática diesel 7 lugares – R$ 256.610
  • Toyota SW4 SRX Diamond automática diesel 7 lugares – R$ 264.990

SW4 2019 – motor

SW4 2019: preços, versões, motor, consumo, detalhes, fotos, etc

O SW4 2019 era oferecido com motores 2.7 Flex e 2.8 Diesel, sendo o primeiro da família TR, enquanto o segundo faz parte da linha GD.

O propulsor flex é o 2TR-FE, um motor grande de quatro cilindros e que foi lançado originalmente em 2004. Trata-se de um motor de aplicação comercial, não sendo indicado para uso em automóveis.

Construído em alumínio, o 2TR-FE tem cabeçote com 16 válvulas, acionadas por dois comandos variáveis para as quatro válvulas de cada cilindro.

Geralmente aplicado em SUVs e picapes, o 2.7 Flex tem injeção eletrônica com tecnologia bicombustível, aplicável apenas nos motores que são enviados ao Brasil a partir do Japão.

Tendo taxa de compressão de 12:1, o 2TR-FE é um motor que entrega 159 cavalos na gasolina e 163 cavalos no álcool, bem como 25 kgfm nos dois combustíveis. Estes são obtidos em 5.000 rpm e 4.000 rpm, respectivamente.

No SW4 2019, este motor 2.7 Flex tinha transmissão manual de seis marchas, além de automática com a mesma quantidade de velocidades, sendo que a primeira foi retirada do portfólio do SUV.

Por ser um motor pesado, seu consumo é elevado e seu rendimento no utilitário esportivo da Toyota é sofrível. A outra opção é o propulsor 1GD-FTV, que é um motor de ciclo Diesel e bem recente, tendo sido lançado em 2015.

Feito para a atual geração da Hilux e SW4 2019, o 2.8 diesel tem 2.755 cm3 e 15,6:1 de taxa de compressão, tendo sua construção empregada com a tecnologia Superior Thermal Efficient Combustion (ESTEC).

Esta permite um rendimento térmico de 44%, um dos mais altos em motores diesel dessa aplicação no mundo. O 1GD é o maior da linha, que tem ainda o 2GD 2.4 litros, não oferecido no Brasil.

Tendo injeção direta Common-Rail e turbina de geometria variável, além de intercooler, o 2.8 diesel do SW4 2019 entrega 177 cavalos a 3.400 rpm e 45,9 kgfm entre 1.600 e 2.400 rpm.

Com este propulsor, que fora atualizado em 2020 para 204 cavalos, o SUV da Toyota tem um bom desempenho e muita economia, trabalhando sempre com uma caixa automática de seis marchas e tração 4×4 com reduzida.

Desempenho

O desempenho do SW4 2019 é mediano, dado seu porte e peso, tendo motor fraco com bicombustível, que permite ao SUV alcance próximo de 15 segundos para ir até 100 km/h, bem como passa apenas um pouco de 160 km/h.

No caso do motor diesel, o SUV tem um desempenho pouco melhor, indo de 0 a 100 km/h em pouco mais de 12 segundos e com máxima limitada em 180 km/h.

  • Toyota SW4 2.7 Flex 4×2 – 14,7 segundos e 163 km/h
  • Toyota SW4 2.8 Diesel 4×4 – 12,6 segundos e 180 km/h

Consumo

No consumo, a versão 2.7 Flex tem valores elevados por conta de sua baixa capacidade de lidar com o peso do SW4 2019. Por isso, na gasolina, nem consegue fazer 6 km/l na cidade e nem chega aos 9 km/l na estrada.

Com álcool, os números são ainda piores. O SUV chega perto de 5 km/l na cidade e passa pouco de 7 km/l na estrada. O tanque de combustível com 80 litros ainda garante uma boa autonomia.

No diesel, o consumo é melhor, fazendo 9 km/l na cidade e 10,5 km/l na estrada, o que poderia ser melhor, dada as características do propulsor, que poderia passar de 12 km/l na rodovia, pelo menos.

  • Toyota SW4 2.7 Flex 4×2 – 4,9/7,1 km/l e 5,9/8,5 km/l
  • Toyota SW4 2.8 Diesel 4×4 – 9,0/10,5 km/l

SW4 2019 – manutenção e revisão

SW4 2019: preços, versões, motor, consumo, detalhes, fotos, etc

As revisões da Toyota são feitas a cada 10.000 km ou 12 meses, o que vier primeiro. No SW4 2019, a programação não é diferente, mas os preços das revisões variam de acordo com a motorização.

Por seu um veículo grande e pesado, o SUV tem um custo de manutenção elevado, com R$ 5.617,80 para revisões até 60.000 km no motor 2.7 Flex, enquanto a diesel 2.8 chega a R$ 7.601,07.

Com um serviço pós-venda premiado, a Toyota emprega um time de profissionais altamente qualificados e um  atendimento considerado como de excelência, independente do modelo do veículo.

Tendo trocas regulares de lubrificante, filtro de ar, filtro de óleo, filtro do ar condicionado, filtro de combustível, correia em “V”, velas, entre outros, são substituídos com frequência padrão das revisões.

Revisão 10.000 km 20.000 km 30.000 km 40.000 km 50.000 km 60.000 km Total
2.7 Flex R$ 400,80 R$ 810,00 R$ 705,00 R$ 1.599,00 R$ 684,00 R$ 1.419,00 R$ 5.617,80
2.8 Diesel R$ 755,07 R$ 1.188,00 R$ 1.320,00 R$ 1.923,00 R$ 1.023,00 R$ 1.392,00 R$ 7.601,07

SW4 2019 – ficha técnica

SW4 2019: preços, versões, motor, consumo, detalhes, fotos, etc

Motor 2.7 Flex 2.8 Diesel
Tipo
Número de cilindros 4 em linha 4 em linha
Cilindrada em cm3 2694 2755
Válvulas 16 16
Taxa de compressão 12:1 15,6:1
Injeção eletrônica Indireta Flex Direta
Potência máxima 159/163 cv a 5.000 rpm (gasolina/etanol) 177 cv a 3.400 rpm (diesel)
Torque máximo 25 kgfm a 4.000 rpm (gasolina/etanol) 45,9 kgfm a 1.600 rpm (diesel)
Transmissão
Tipo Manual ou automática de 6 marchas Automática de 6 marchas
Tração
Tipo 4×2 4×4 com reduzida
Direção
Tipo Hidráulica Hidráulica
Freios
Tipo Discos dianteiros e traseiros Discos dianteiros e traseiros
Suspensão
Dianteira McPherson McPherson
Traseira Eixo rígido Eixo rígido
Rodas e Pneus
Rodas Liga leve, aro 17 polegadas Liga leve, aro 18 polegadas
Pneus 265/65 R17 265/60 R18
Dimensões
Comprimento (mm) 4.795 4.795
Largura (mm) 1.855 1.855
Altura (mm) 1.835 1.835
Entre eixos (mm) 2.745 2.745
Capacidades
Porta-malas (L) 900 (5L) 253 (7L) 900 (5L) 253 (7L)
Tanque de combustível (L) 80 90
Carga (Kg) 610 (7L) 655 (5L) 590 (7L) 620 (5L)
Peso em ordem de marcha (Kg) 1.845 (5L), 1.890 (7L) 2.100 (5L), 2.130 (7L)
Coeficiente aerodinâmico (cx) ND ND

SW4 2019 – fotos

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.