Segurança Tesla

Tesla Model X recebe nota máxima no teste do Euro NCAP

Tesla Model X recebe nota máxima no teste do Euro NCAP

Se antes as ações da Tesla despencaram com o lançamento do Cybertruck, agora, a empresa tem motivos para comemorar. O utilitário Model X acaba de receber nota máxima no teste de colisão do Programa Europeu de Avaliação de Carros Novos, o Euro NCAP. Com a notícia, suas ações subiram ligeiramente.


A avaliação do Model X foi muita elogiada pela entidade e comemorada pela montadora de Elon Musk. O Euro NCAP comentou que o Model X obteve o melhor desempenho da rodada.

O carro conseguiu 98% de proteção de ocupantes adultos, porcentagem classificada como “impressionante” pelo Euro NCAP. Para crianças, a entidade deu classificação de 81%. No caso de usuários vulneráveis na estrada (pedestres), o Model X recebeu avaliação de 72%.

Com isso, o veículo se tornou um forte candidato ao prêmio Best in Class deste ano. O prêmio é responsável por divulgar os carros mais seguros do mundo.


Tesla Model X recebe nota máxima no teste do Euro NCAP

No teste, o Tesla Model X recebeu classificação “boa” para proteção dos joelhos e fêmures do motorista e passageiro. O nível de proteção também foi semelhante para os ocupantes de outros tamanhos e para aqueles que vão sentados em posição diferente. A boa pontuação segue o caminho do Tesla Model 3, que obteve o mesmo índice do Model X no início deste ano.

A Tesla, que tem costume de colocar seus modelos no pedestal, disse que era impossível “inverter” o Model X durante os testes de colisão como do Euro NCAP. Segundo a empresa, eles conseguiram quebrar uma máquina no momento em que testava a força do teto do carro. A montadora chegou a classificar que o veículo era o “o SUV mais seguro já fabricado”.

De fato, isso chama a atenção, pois alguns casos de “proteção extrema” do Model X foram registrados. Um proprietário disse que “quer a sua família de volta em um Tesla” após sair vivo de um grave acidente. Em outra situação, no ano passado, um homem informou que foi salvo pelo veículo após um avião colidir com o seu Tesla Model X.

[Fonte: UOL]

Tesla Model X recebe nota máxima no teste do Euro NCAP
Nota média 5 de 1 votos

Darlan Helder

Darlan Helder

Darlan Helder, natural de São Paulo, é jornalista e fotógrafo. Escreve na internet sobre o universo automotivo desde 2011. Além disso, atua com produção de conteúdo para plataformas digitais em agências de comunicação.

  • Bruno B3

    Imagina uma colisão frontal (na velocidade dos veículos nos testes) entre um Onix (modelo fabricado antes de 2018 né, hehe) e Tesla Model X, qual o resultado? kkkkkkk

    • G. de F.

      Um “choque”… Rsrs

    • Amauri José da Cunha

      Passa com um trator sobre uma lata de cerveja vazia e tu vai ter uma amostra do resultado.

    • Sino Weibo

      Eu já vi acidente com o Prisma (que é a mesma coisa do Onix mas versão sedã) e posso te garantir que o resultado não foi nada agradavel, o motorista literalmente perdeu a cabeça por causa da coluna C do carro, e a falta de airbags.

  • Miguel

    Bonito, moderno e seguro. Come to brazillll!!! Rsss

    • th!nk.t4nk

      Essas são as qualidades. Mas infelizmente o Model X é também o modelo mais problemático da Tesla, gerou um monte de processos de proprietários sobre a marca. Creio que o Model Y vá ser um crossover beeem mais acertado, ainda que menor. Este sim penso que teria espaço no Brasil, nem que seja com poucas lojas em SP e RJ.

  • Natán Barreto

    Quem tiver interesse, no Webmotors tem vários a venda com preços em torno de 500 mil.
    Já o Model 3 a partir de 260 mil, zero quilômetro. Comparando a concorrência e aos preços do Brasil, até que não tão caro

  • Luconces

    Model S, 3 e X são os carros mais seguros já testados pelo órgão americano também. Lideram a lista de carros testados.

    Pobre Volvo que já foi referência em Segurança hoje está ameaçada pela concorrência toda.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email