*Destaque Listas Top 10 Mercado

Top 10: carros completos até 40 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Você já deve ter conferido anteriormente por aqui um ranking com as melhores opções de automóveis seminovos por até R$ 20 mil ou R$ 30 mil. Agora, se você tem uma graninha extra e deseja trocar o seu possante por outro modelo mais novo e completo, há uma série de opções interessantes por até R$ 40 mil disponíveis em nosso mercado.



Selecionamos abaixo os 10 melhores carros por até R$ 40 mil, sendo todos eles com equipamentos básicos como airbag duplo, freios ABS, direção hidráulica, vidros e travas elétricas e sistema de som, considerando os modelos mais novos possíveis. Confira:

1) Volkswagen Polo Sportline 2.0 2012 – R$ 32,7 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Embora tenha ganhado recentemente uma nova geração totalmente moderna, o Volkswagen Polo da versão anterior continua sendo uma boa opção. Ele figura como o modelo mais em conta desta lista, na versão topo de linha Sportline equipada com um motor 2.0 litros flex de até 120 cavalos de potência e 17,3 kgfm de torque, associado a uma transmissão manual de cinco velocidades.

O hatch compacto é equipado de série com airbag duplo, freios ABS, alarme, faróis e lanterna de neblina, sensor de estacionamento traseiro, ar-condicionado automático, direção hidráulica, vidros, travas e retrovisores elétricos, banco do motorista com ajuste de altura, volante regulável em altura e profundidade, banco traseiro bipartido e rebatível, sistema de som com Bluetooth, volante multifuncional em couro, entre outros.

2) Fiat Bravo Absolute 1.8 2012 – R$ 33,7 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Outro automóvel que já saiu de linha em nosso mercado e aparece como uma boa opção por até R$ 40 mil é o Fiat Bravo na configuração Absolute, a mais “sofisticada” entre as variantes dotadas do motor 1.8 litro flex de 132 cavalos e 18,9 kgfm, com transmissão manual de cinco velocidades.

Ele oferece airbags frontais, freios ABS, faróis e lanterna de neblina, Isofix, sensor de estacionamento traseiro, ar-condicionado automático de duas zonas, direção elétrica, banco do motorista com ajuste de altura, volante ajustável em altura e profundidade, controle de cruzeiro, trio elétrico, banco traseiro bipartido e rebatível, porta-luvas climatizado, volante multifuncional, sistema de som com Bluetooth, entre outros.

Algumas unidades podem dispor ainda de seis airbags, monitoramento da pressão dos pneus, sensor de estacionamento dianteiro, bancos em couro, teto solar elétrico, sensores de luz e chuva, retrovisores externos com rebatimento elétrico, retrovisor interno eletrocrômico, navegador GPS, entre outros.

3) Fiat 500 Sport Air 1.4 AT 2012 – R$ 35,8 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Se você busca por um veículo de dimensões compactas, o Fiat 500 pode ser uma boa opção. O carrinho traz um moderno motor 1.4 litro 16V a gasolina, que rende até 105 cavalos e 13,6 kgfm, com transmissão automática de seis velocidades. E esta versão Sport Air é bem servida de equipamentos.

Há airbags frontais e laterais, freios ABS, faróis e lanterna de neblina, Isofix, assistente de partida em rampas, controles de estabilidade e tração, ar-condicionado, direção elétrica, trio elétrico, banco do motorista com regulagem de altura, volante ajustável em altura e profundidade, sistema de som, volante multifuncional, entre outros. Como opcional, ele oferecia teto solar elétrico, bancos em couro, retrovisor eletrocrômico, airbags de cortina, entre outros.

4) Nissan Sentra 2.0 AT 2013 – R$ 36 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Já entre os sedãs, a primeira opção deste ranking é o Nissan Sentra da geração anterior. O modelo na versão de entrada com motor 2.0 litros flex, que desenvolve até 143 cavalos de potência e 20,3 kgfm de torque, com uma transmissão manual de seis velocidades, tem preço médio de R$ 36 mil no mercado de usados.

O Sentra é equipado com airbag duplo, freios ABS, ar-condicionado, direção elétrica, banco do motorista e volante com ajuste de altura, controle de cruzeiro, banco traseiro rebatível, trio elétrico, sistema de som com conexão USB, volante multifuncional, entre outros.

5) Chevrolet Cobalt LTZ 1.8 AT 2013 – R$ 36 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Há também o Chevrolet Cobalt, que se sobressai pelo amplo espaço interno. O sedã na versão LTZ topo de linha oferece um motor 1.8 litro 8V flex, com potência máxima de 108 cavalos e torque máximo de 17,1 kgfm, atrelado a um câmbio automático de seis velocidades – há ainda modelos com transmissão manual.

O Cobalt é equipado com airbags frontais, freios ABS, faróis de neblina, sensor de estacionamento traseiro, ar-condicionado, direção hidráulica, trio elétrico, banco do motorista com ajuste de altura, volante com regulagem de altura, rodas de liga-leve, banco traseiro bipartido e rebatível, controle de cruzeiro, sistema de som com Bluetooth, computador de bordo, entre outros.

6) Ford Ka SEL 1.5 2015 – R$ 36,7 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Modelo mais novo desta lista, o Ford Ka na versão topo de linha SEL se destaca pela lista de itens de série bastante farta. O compacto oferece um motor 1.5 litro flex de 110 cavalos e 14,9 kgfm, com transmissão manual de cinco velocidades.

Nos itens de série, há airbag duplo, freios ABS, controles de estabilidade e tração, assistente de partida em rampas, alarme antifurto, faróis de neblina, ar-condicionado, direção elétrica, trio elétrico, banco do motorista com ajuste de altura, volante com regulagem de altura, banco traseiro bipartido e rebatível, sistema de som com conexão Bluetooth, volante multifuncional, computador de bordo, entre outros.

7) Hyundai HB20 Comfort Style 1.6 AT 2013 – R$ 37 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Rival do Ford Ka, o Hyundai HB20 surge na versão intermediária Comfort Style, que oferece um motor 1.6 litro flex de 128 cavalos e 16,5 kgfm, atrelado a uma transmissão automática de quatro velocidades.

O carro oferece airbags frontais, freios ABS, faróis de neblina, Isofix, retrovisores com repetidores de direção, ar-condicionado, direção hidráulica, banco do motorista com ajuste de altura, volante com regulagem de altura e profundidade, rodas de liga-leve, banco traseiro rebatível, sistema de som com entrada USB, volante multifuncional, entre outros.

8) Peugeot 208 Griffe 1.6 2014 – R$ 38 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Outro hatch de porte compacto é o Peugeot 208 na variante topo de linha Griffe, que oferece um motor 1.6 litro flex de 122 cavalos e 16,4 kgfm, com transmissão manual de cinco velocidades.

Este modelo oferece airbag duplo, freios ABS, faróis e lanterna de neblina, alarme antifurto, luzes de condução diurna, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, ar-condicionado automático, direção elétrica, ar-condicionado, bancos em couro, teto panorâmico de vidro, banco traseiro bipartido e rebatível, controle de cruzeiro, banco do motorista com regulagem de altura, volante ajustável em altura e profundidade, porta-luvas climatizado, sistema multimídia com navegador GPS, volante multifuncional, entre outros.

9) Renault Fluence Privilege 2.0 AT 2012 – R$ 39,5 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Em penúltimo lugar está o Renault Fluence. Um dos sedãs com melhores custo benefício do segmento em seu lançamento, o Fluence dispõe de bons equipamentos e motorização eficiente, que inclui um 2.0 litro flex de até 143 cv e 20,3 kgfm, com transmissão automática do tipo CVT que simula seis marchas.

O Fluence na versão topo de linha Privilege conta com seis airbags, freios ABS, controles de estabilidade e tração, faróis e lanterna de neblina, sensor de estacionamento traseiro, ar-condicionado automático de duas zonas, direção elétrica, banco do motorista com ajuste de altura, volante regulável em altura e profundidade, controle de cruzeiro, bancos em couro, sensores de luz e chuva, retrovisor interno eletrocrômico, chave presencial, partida por botão, sistema multimídia com navegador GPS, volante multifuncional, entre outros.

10) Chevrolet Spin LTZ 1.8 2013 – R$ 39,6 mil

Novo_Renault_Fluence_Privilege___ALTA__Imagem_01 Top 10: carros completos até 40 mil

Tem família grande e precisa de um automóvel para levar até sete pessoas? Então o Chevrolet Spin pode ser uma boa opção. Assim como o Cobalt, a minivan oferece um motor 1.8 litro flex de 108 cavalos e 17,1 kgfm, neste caso atrelado a uma transmissão manual de cinco velocidades – há ainda modelos com câmbio automático de seis marchas.

A versão LTZ oferece airbags frontais, faróis e lanterna de neblina, sensores de estacionamento traseiro, ar-condicionado, banco do motorista e volante com ajuste de altura, banco traseiro bipartido e rebatível, direção hidráulica, trio elétrico, sistema de som com Bluetooth, volante multifuncional, computador de bordo, entre outros.

5.0

COMPARTILHAR:
  • Eskarmory .

    Meio aleatória essa lista né…

    • Uranium

      ????

    • HugoL

      Acho que deveriam ter feito uma enquete para saber as melhores opções, pois spin e cobalt não entraria na minha lista de jeito nenhum. Misturou carros de varias categorias, sedan médios com hatchs. Fizeram uma salada de frutas.

      • Zé Mundico

        A lista não foi feito por modelos e sim tendo por referencia o valor de 40 mil.

        • Leandro Oliveira

          Bela resposta!

    • Gilberto DePiento

      Uma crítica que já fiz nas outras matérias. Acaba servindo mais como entretenimento, devido à falta de critérios lógicos e óbvios. Com até 40 mil no bolso, você prefere um Fluence, um 500 ou uma Spin? Teria sido mais útil se tivessem feito por categoria, especificando os equipamentos mínimos considerados, o valor Fipe etc.

    • Thales Sobral

      BEM aleatória. E lista de usados completos sem aquele BMW V8 de procedência revisado por mecânico de confiança não deve ser levada a sério.

      https://www.webmotors.com.br/comprar/bmw/540i/4-4-sedan-v8-32v-gasolina-4p-automatico/4-portas/2000-2001/7823262

  • delvane sousa

    O Fluence é a melhor opção a meu ver.

    • José Barbosa

      Dois defeitos sérios no Fluence: manutenção cara (lembro de dois colegas de trabalho terem comprado logo que lançou e reclamado do carro), e uma dirigibilidade que deixa a desejar. É preciso esterçar demais o volante. Fora isto, uma nave, mas por esta característica, eu jamais compraria um.

      • alannikit

        Manutenção de sedan…padrão. Dirigibilidade de sedan. No meu nunca tive isso de esterçar demais volante

        • José Barbosa

          Padrão em relação a carros mais caros que os demais da lista. Como eu dirigia em MG, com rodovias com MUITAS curvas, era um fato perceptível. Curvas que com QUALQUER carro eu fazia com 1/4 de volta ele demandava 1/2 volta. Até acostumar ele me deu alguns sustos.

          • Paulo Lustosa

            Nunca tive esse problema que relatou usando por uns 8 dias um Fluence Dynamique manual de um amigo, pelo contrário, achei o carro bem esperto e melhor de direção que o Linea que já tive.

          • alannikit

            Já dirigi por muitas serras e rodovias pelo RJ e não tive isso. Será que não estava com folga na direção no seu caso?
            Abs

        • Uislei

          Nem no meu. O grande problema do meu Fluence, era o consumo. Nunca fez + que 7,8 km/L de mijolina dentro de Salvador em trânsito moderado. Na estrada fazia 10,5 na mijolina. Era um bom carro, o meu veio com 6 airbags, o CVT era muito bom e ele era gostoso de dirigir.

          • RVM

            eu Tb achava o cvt bom… até q dirigi o do kicks… pqp..

          • fschulz84

            Exato… Para mim, o calcanhar de aquiles do Fluence é o consumo.

            Manutenção (o pouco que precisei fazer) não achei nada proibitivo… Um exemplo: Cai em uma cratera aqui em SP e precisaria trocar a bucha da bandeja… Como não vende somente as buchas originais, tive que comprar as bandejas inteiras na Renault. Achei que iria deixar uma quantia absurda, mas a vista, paguei R$ 360,00 o par.

            Para efeito de comparação, no mesmo dia que encostei no mecânico para trocar as bandejas, havia uma Fiat Idea para fazer o mesmo serviço e as concessionárias queriam cobrar 1300 nas bandejas originais. Resultado: O dono resolveu comprar paralelas por 500…

            No geral, manutenção periódica do Fluence tá bem dentro do aceitável para o segmento, eu tive antes dele um Focus Ghia 2009 e os itens de desgaste eram mais caros que o Fluence.

            No geral, pelo preço que paguei na época (37k, o meu é um Privilége 2011, comprado em Fevereiro de 2016 com 37000kms), foi a melhor escolha que pude fazer.

          • alannikit

            Pois é…tenho há 4,5 anos e o consumo só com gasolina aditivada sempre entre 9 e 9,6 km/l segundo o comp. de bordo. Sendo que uso majoritariamente em fds para lazer

        • RVM

          tive um… não dava tesao em dirigir… mas não achei nem caro nem ruim a dirigibilidade. carro justo

        • Itamar

          Alan, meu sogro comprou um Fluence Dynamique 2015 e não deu sorte.
          Logo que pegou o carro, deu uma pane eletrica que ficou dois meses na concessionaria.

          Quando pegou, vira e mexe ia pra renault para fazer reparos. Certa vez o carro chegou a desligar no meio da estrada.

          Depois de tantas idas e vindas e ameaçar um processo a dona renault, o carro tá novo.

          Tirando essa baita dor de cabeça acima, é um baita carro, anda super bem e é muito confortavel.

          • alannikit

            Que bom que resolveu. Falta de sorte do seu sogro.
            Abs

            • Edson Fernandes

              Eu dono de um 2011 privilege, digo que tbm não tenho problemas.

      • Leandro Oliveira

        Tenho meu Fluence há 6 meses e desconheço esse problema do volante, relatado por vc. O carro não possui, de fato, uma manutenção muito barata, mas também nao sofre quebras frequentemente, ficando na media dos concorrentes.

    • Uranium

      Mais conhecido como o último Renault que presta no Brasil.

      • invalid_pilot

        Sou mais o Kwid ! kkkkk

      • Ernesto

        Mas se você não considera os outros carros como Renault (Sandero, Logan entre outros), este também você não deveria considerar, já que o Fluence na verdade nasceu Samsung SM3.

        • Uranium

          O problema não é ser Renault ou não, o problema é ser uma porcaria, como são Sandero, Logan, Duster, Oroch e Duster gourmet. Não é o caso do Fluence, que embora tenha nascido Samsung, é um Megane III sedan basicamente, e independente disso é um bom carro.

    • Hugo Leonardo Dos Santos

      concordo

    • Silvio

      Não digo o melhor, pois tem carros para vários gostas na lista, mas é um ótimo carro.

  • João Holmes

    Esse ano peguei um C4 Picasso 12/13 por 40k. Nesse ano e por esse preço não tem nada mais completo. Para quem tem filhos pequenos é perfeito.

    • Luciano RC

      A C4 Picasso é um excelente carro, porém precisa comprar uma de procedência e cuidar com muito carinho. Ela usa muitas peças importadas e difíceis de achar. Eu sou apaixonado por ela, mas não sei se arriscaria comprar uma.

      • Daniel

        Depois da internet, essa justificativa de peça importada e difícil de achar virou só um jargão.

        • Luciano RC

          Achar você acha… problema é esperar ela chegar.

    • Eduardo Alves

      Cuide bem do cambio mandioca dela, nao vale nada. Esse cambio de 4 marchas da peugeot/citroen é uma lastima.

      • João Holmes

        Conheço bem a fama do câmbio, mas tem muito exagero injustificado. O kit reparo desse cambio custa R$ 1.500 mais R$ 1.500,00 de serviço. Ou seja, se acontecer de dar problema meu prejuízo é de no máximo R$ 3.000,00. Mas vou ter esse prejuízo apenas SE acontecer. Repito mais uma vez, SE vier a dar problema. Ao passo que a economia que tive por causa da desvalorização do veículo é real e bem maior que esse valor. Quanto ao câmbio em si funciona bem sem trancos. Mas de qualquer forma agradeço a você e a todos os outros que acabaram com a imagem do câmbio, pois foi só assim que puder pagar tão pouco num veículo assim.

        • FearWRX

          Já tive carro automático de 226.000 km e não me deu uma dor de cabeça. Foi embora com pouca coisa a mais que isso mas ainda funcionava liso. A única coisa que fiz foi trocar o óleo do câmbio e dos dois diferenciais por precaução.
          É aquele negócio, tudo papagaio, repete história que ouviram de vizinho e Internet e nunca tiveram algum pra poder falar alguma coisa.

          Um tio meu tem um C4 hatch com esse mesmo AL4 com 225.000 km e só teve que mexer num solenoide uma vez em toda essa idade. E antes desse ele teve um C4 VTR que vendeu com 221.000 km e se arrepende.

          Se você for pelo boca a boca você só compra Palio e Uno.

        • Wagner Lopes

          Se eu fosse ouvir papagaio de internet não tinha comprado meu 407 2009. Já tá com quase 90.000km e tive de trocar apenas óleo e dois retentores do câmbio. Continua liso seu funcionamento. Troque o óleo do seu de 40.000 em 40.000 km e seja feliz com este carro muito bonito, confortável e seguro que você comprou por preço de carrocinha “zero”.

      • Daniel

        Rodei mais de 98 mil km com uma Mégane Grand Tour com câmbio mandioca. Zero ressalvas. Aliás… Só alegrias.

  • honerb

    Tenho um Fluence há quase 6 anos e meio. Manutenção extremamente barata, pecas fáceis de encontrar(ate no mercado livre), seguro barato, confortável e seguro. Já pensei em trocar, desanimo com o preço de carro 0 km. Por enquanto vou ficando com ele sem perspectivas de troca.

    • Silvio

      Estou na mesma situação sua.
      Só não diria que a manutenção é extremamente barata, apenas não é cara como pensam alguns. O preço é normal, um pouco acima de carros populares obviamente.

      • Piloto

        Digo o mesmo. Já tenho um fluence há 4 anos, e com esses preços proibitivos dos 0km, sem chance de trocar por um bom tempo.
        Pra mim o ponto realmente negativo do carro é o consumo: muito alto!

        • Silvio

          Como o meu é manual, na cidade o consumo não assusta tanto. Agora em rodovia, com o pé pesadinho, a sede aumenta muito!

  • mjprio

    E o vendedor da Toyota querendo dar 31 mil no meu Versa SL 1.6 16/16!

    • leandro

      Mas na Toyota tem o que? Etios(feio) e Corolla(caro)… Quando alguém entra pra comprar o vendedor já enxerga logo um trouxa e então pensa: se colar, colou!

      • mjprio

        Ainda bem que nao colou comigo… na verdade eu queria que eles avaliassem meu carro apenas. Queriam 117 mil num corolla Altis.

        • Eduardo Alves

          Eu nao entendeo concessionaria. Se for pra fazer isso e melhor nem oferecer. Eu tinha um supermico thp ( 408) e numa eventual troca na Volkswagen, o vendedor foi franco e disse : Amigo, sugiro que venda por fora, aqui vao pagar um compo com agua e um pao velho no seu carro , fico ate com vergonha de pedir pra avaliar. Ele será repasse entao nao vao pagar nada .

          • Edson Fernandes

            Mas na Toyota é assim mesmo.

            Me lembro da “avaliação” do meu C3 2008: O cara foi no webmotors, olhou o C3 MAIS BARATO que tinha. Era um C3 todo ferrado custando seus R$14000 (e o meu na epoca era R$25000 de tabela e era a versão de topo) e eu pensando que iriam baixar uns R$4000… vem o cara e diz que pode me dar R$1000 a mais em relação ao mais detonado dos C3. Fiquei muito bravo com o cara.

      • Matheus

        Cara, nem me fala que vi ontem um Corolla zero ainda com calota e sem sensor de estacionamento. 2018 gente, para né… Mais de 80k…

    • invalid_pilot

      Vende particular – melhor coisa nesse caso seu

      Deve ter pago uns 50k nesse Versa – certo ?

      • mjprio

        57. Ele tem pack Plus (CMM, RLL 16, bancos e interior em couro, tapetes em carpete e ar digital)

    • Gilberto DePiento

      Concessionária geralmente é o lugar que oferece menos pelo usado, ainda mais se for dado como entrada.

    • Edson Fernandes

      Se vc for vender a esse valor, vende pra mim…rs

      • mjprio

        Kkkk

  • Leonardo

    Acho que poderia incluir também Azera 2011. Sem dúvida melhor carro nessa faixa de preço, tanque de guerra. Só o consumo que é puxado

    • invalid_pilot

      Se colocar o Azera – coloque o Fusion também

    • Eduardo Alves

      Assim como um tanque, quando quebra é bem caro
      Esses carros pra mim sao o que a classe media nao quer e o pobre ( eu ) nao da conta de manter

      • Edson Fernandes

        Azera? olha, estou para lhe dizer que esse carro tem preço de manutenção mais barato que um Jetta por exemplo. Ele é barato de mnater, vc sofre no combustivel, mas na manutenção não é realmente pesada não.

      • Matheus

        O problema é que muita gente ainda tem essa mentalidade de que esses carros quando quebram… Primeiro tem que saber comprar um usado, que ele simplesmente não quebra. Segundo, se procurar bem, verá que Azera não teve nenhum problema crônico. É só manutenção em dia e cuidar que não tem erro.

    • Matheus

      Verdade, realmente é uma nave. E o consumo é relativo pelo motor que se tem, uma pisada e o bicho decola.

  • Rodrigo Fonseca

    Spin é carro? é o pior automóvel que eu já tive o desprazer de dirigir na vida. Carro horroroso, péssimo, meu deus, como tem gente que compra isso?

    • Wagner Lopes

      E eu tive a tristeza de dirigir um prisma 2017 AT6 do meu irmão por 200km…nunca vi tanto barulho invadir a cabine. O câmbio tem 6 marchas mas fica totalmente perdido entre elas fazendo trocas incessantes e que chegar a irritar…fico imaginando como a pessoa em plena consciência aceita pagar 60K em uma carroça dessa…

      • Pedro154

        Zeronix e Zeroprisma nem carros são.

      • Joacir

        Eu tenho um Sonic sedan automático 13/14 comprei tem 1 ano e meio, com 24 mil km, paguei R$ 29.000, essa semana dirigir o prisma do vizinho,um automático, pagou 60 mil, cara que diferença, péssimo carro, barulhento mesmo, custou o dobro do meu, nem isofix tem.

        • Wagner Lopes

          Não tem comparação. São carros totalmente diferentes. Sonic é pra mercado americano. Tem qualidade de construção e segurança muito acima de onix que é low cost pra brasil…parabéns por dar valor ao seu $$$.

    • Robinho

      E saber que tínhamos a Zafira – um p* carro, tudo bem que bebia muito, mas a Spin é tão gastona quanto e pior mais feia, mal acabada e ruim de dirigir…aff, que retrocesso da GM.

      • Louis

        Zafira era caríssima, hoje partiria de 100k um carro daquele nível, Spin nasceu pra ser barata, tudo é baixo custo.

        • Robinho

          É, tem razão, mas não precisa ser tão baixo custo, um carro que nem custa barato.

        • invalid_pilot

          Ruim da Zafira era o cambio AT 4 marchas que jogava o consumo lá pra cima e era um cambio lento

          • Luciano RC

            O cambio AT4 da Chevrolet era mais gostoso de guiar que esse AT6 atual. Acho ele muito chato e indeciso.

            • invalid_pilot

              Ja dirigi uma Zafira AT e a Tracker 1,4 Turbo, digo que na rodovia a Tracker tem programação de câmbio bem mais condizente, na Zafira pro cambio entender e reduzir tem que dar kickdown e aguardar um pouco.

              • Luciano RC

                A vantagem do Tracker é ter o motor cheio sempre e um excelente desempenho. Pega um Cruze 1.8 e um Vectra 2.0 e percebe que o cambio do Vectra é até mais suave e gostoso de guiar. Nos modelos Turbo, o cambio ficou melhor ajustado. Não entendo como a Chevrolet consegue isso.

                • invalid_pilot

                  Turbo tem linearidade na entrega de torque – talvez seja ai o segredo.

                  Mas o AT6 é bem melhor que o AT4 de antes – e nem é só pela quantidade de marchas que falo.

                  Mas pra época da Zafira o AT4 era luxo e o que tinha no mercado.

                  • Luciano RC

                    Ainda acho que em ajuste, o AT6 é inferior ao AT4. Nunca se ouviu falar em problemas naquele cambio. Era maravilhoso. Ainda hoje é usado no Etios.

                    • invalid_pilot

                      Etios ta longe de ser benchmark de tecnologia e ou desempenho.

                      A questão não é confiabilidade, mas sim comportamento e prazer ao dirigir, hoje varios AT são melhores nesses quesitos.

                    • Luciano RC

                      Claro que existe. O CVT da Honda e Toyota são bem superiores. O Tiptronic da VW está muito bem acerto. Ainda acho o AT6 da Chevrolet o pior do mercado. Até o CVT da Renault/Nissan é mais gostoso.

                    • invalid_pilot

                      Melhor AT disponível no Brasil é o PDK da Porsche ( na minha opinião) , não disse que o AT6 da GM é o melhor de todos, mas é bem melhor que o antigo AT4 que ela usava – disparado.

                    • Luciano RC

                      O PDK da Porsche é realmente o melhor cambio que existe. Perfeito.
                      E eu discordo, acho o AT4 muito mais suave que o atual AT6. Não gostei do ajuste desse novo cambio da Chevrolet e acho que ela precisava melhora-lo.

          • Matheus

            Mas lembrando que a Zafira era um projeto Opel de 1999. E consegue ser melhor que a Spin de hoje em acabamento, segurança e por aí vai…

  • Carlos

    Ficaria com Fluence, 208 e talvez o Sentra. Já o Cobalt, Spin e Polo não entrariam nem no meu “Top 50” melhores opções. Eu não pagaria o valor descrito nesta matéria nem que fossem 0km.

    • Luciano RC

      Minha esposa teve um Sentra e disse que nunca mais compra Nissan. Manutenção péssima, tudo caro e não acha nada em lugar nenhum.

      • Edson Fernandes

        Não achava… agora com o mesmo powertrain do Fluence, é mais uma opção. O que pega na Nissan é amortecedor, ele custa uma cacetada.

        • Luciano RC

          A bucha do eixo traseiro estourou e ela teve que comprar um eixo novo, por que as buchas não dão troca. Será que é bom de manutenção?

          • Edson Fernandes

            Não entendi a pergunta. Eu quis me referir a peças que ambos os carros compartilham entre eles.

            • Luciano RC

              Só quis te mostrar que tem peças que você só se ferra no Sentra. Pequenos detalhes únicos dele que te deixam com vontade de tacar fogo no carro. Pensa que na época trocamos o Sentra pelo Fusion 2.5 e achamos a manutenção do Ford mais em conta.

              • Edson Fernandes

                Imagino. Tem peças mesmo no Sentra que o preço é de assustar. Felizmente não é assim no Fluence.

                • Luciano RC

                  Em algumas coisas, o Fluence é muito diferente do Sentra. Isso é bom, por que ele tem manutenção bem mais fácil e barata.

  • Joaquim Grillo

    polo em 1º com transmissão manual completo parei de ler ai, e outra o bravo sporting tem mais itens que o absolute e tá o mesmo preço o bravo sporting tem opção em um carro só de trocas de marcha no volante, automático e manual, dois tetos solares, som com potência alta 04 air-bags pode se encontrar até com airbag laterais de todos o mais completo da lista

    • Luciano RC

      Problema do Bravo Sporting é o Seguro. É considerado um esportivo. O Absolute tem a apólice mais barata e consegue achar tão equipado quanto.

      • Joaquim Grillo

        meu cunhado tem um 2014 paga 1400 de seguro em SP

        • Luciano RC

          Ele deve ter um perfil muito bom e muito bônus. Meu pai tem um Essence e o seguro é uma paulada.

        • Edson Fernandes

          O Bravo sporting só tinha 2 air bags e nunca teve opção de mais air bags.

          • Joaquim Grillo

            Tem sim 6 airbags painel banco e laterais e tem ar condicionado dual zone onde pode mudar a temperatura por região do carro

            • Edson Fernandes

              O Sporting nunca teve essa opção. Isso só era agregado a versão Absolute(o unico que vc poderia selecionar o pacote high safety)

  • Wolfpack

    Lista com porcarias somente. O brasileiro é um consumidor de segunda classe que paga caro por lixo. Tudo que é comercializado aqui é caro, ultrapassado e de péssima qualidade.

  • Zé Mundico

    Acho que o mais razoável seja o Sentra. Boa mecânica, bom espaço e confiabilidade.

    • Zergling

      Foi a minha escolha

    • Edson Fernandes

      Se o Sentra é para ti, ponha o Fluence junto.

  • Preso Por 1 Real

    O 408 THP ja esta batendo nessa faixa, acredito que seja o mais completo de todos dessa lista

    • Luciano RC

      O 408 2.0 At4 acha até abaixo de 35 mil na versão Griffe que tem mais itens do que se espera de um Sedan.

      • Edson Fernandes

        Mas aí o chamariz é o THP, por isso que ele chama atenção.

        • Luciano RC

          Na vdd esse que falei é o 2.0. Ainda um excelente carro.

          • Edson Fernandes

            Eu só teria se fosse o THP viu.

            • Luciano RC

              Eu teria o 2.0 Griffe fácil, principalmente hoje que com menos de 30 mil dá pra comprar um em ótimo estado.

  • invalid_pilot

    Acrescento Ford Focus GLX 2,0 AT – 2012 – se acha por 33k ~35k com quilometragem até 50k km

    Seria minha escolha num usadinho sem ser 1,0 e mais antigo.

    • Angelo Lucca

      Eu tenho um 2011 2.0 MT e vou te falar, vai ser difícil encontrar algo pra substituir numa futura troca, vou ter que por o dobro do valor dele para encontrar algo que atenda o que ele atende. E olha que ele vale uns 28 mil. Até 40 mil (acho que uns 37) vc encontra o 2013 Titanium MT que, se tiver bem cuidado, é pra guardar a sete chaves… os Focus AT MK 2,5 pecam no câmbio que não é muito confiável e acaba com o desempenho e consumo dele. O 2.0 MT anda bem e se vc souber tocar ele, tem um consumo excelente… Consigo médias de 10 a 11 na cidade rodando na gasolina.

  • Ricardo

    Faltou o Golf.

  • Fábio A.

    Dessa lista eu iria de Sentra ou Fluence. Mas o fato é que qualquer dessas opções, para o que eu espero e pro meu padrão de uso, é melhor que um 1.0 0 km.

  • Lucas086

    Um amigo pegou um 308 Thp 12/13 por 40 a mil a poucos meses, 37 mil rodados de um vendedor da Pug da minha cidade. Carro muito bom, o teto da uma vida ao carro, sem arrepedimentos por enquanto.

    • Luciano RC

      Um excelente carro. Perfeito.

  • Ramon Oliveira

    Iria de 208 Griffe manual completinho ou de num Fiesta 1.6 Titanium AT, que por sinal não está na lista (e o cobalt está, vai saber).

  • El Gato Negro

    Pra mim, dessa lista, fico com aquele modelo antigo do Sentra de olho fechado.
    Robusto, manutenção é dinheiro de pinga, confiável, espaçoso, bom acabamento, completo, macio para dirigir… excelente carro. É um pouco manco (143 cv), mas não quero tirar racha.

    • Angelo Lucca

      Cara, procure no FB os grupos de Nissan Sentra… Tem muita reclamação desse B16 com relação à peças, boa parte é difícil encontrar paralela e durabilidade, mesmo das originais, é uma lástima.

      • El Gato Negro

        Falo porque fui proprietário de um, de 2012 a 2014. Nunca tive dificuldade em encontrar peças ou enfrentei desgaste prematuro de itens originais. Se não fosse um sinistro ocorrido em 2014, estaria com ele até hoje, com certeza.

        • Angelo Lucca

          Que bom que você se deu bem com ele, nunca tive o carro, o B17 era uma das minhas opções de troca, porém quando entrei nesses grupos de proprietários para pesquisar, vi que segundo eles, existe muita dor de cabeça com peças e durabilidade delas, tanto no B16 quanto no B17, principalmente com relação à suspensão.

          • El Gato Negro

            Que coisa! Nunca imaginava que ele teria um índice tão alto assim de reclamações. E olha que eu achava a suspensão um dos pontos fortes do carro… mas enfim, parece que dei sorte mesmo! Abraço.

  • durango

    alguem ai pode falar sobre o cobalt automático?

  • Matheus

    O Azera 2011 poderia aparecer nessa lista… Que nave por 40 mil!

    • El Gato Negro

      Verdade! Nunca rodei com o carro (e acredito que eu dificilmente teria um Hyundai na vida), mas escuto muita gente falar MUITO BEM desse carro. É um excelente CxB, no ano que você citou. Para quem quer algo mais do que um sedan médio, talvez seja uma boa opção.

      • Matheus

        Isso mesmo. Temos uma Veracruz na família há 5 anos e é só alegria. Acho os Hyundai importados muito bons (falando em termos do carro em si). Um SUV zero que ofereça o que ela oferece passa dos 200k hoje.

    • Vattt

      Parece que é melhor que Ford Fusion no quesito conforto, durabilidade e oferta de peças!!!

  • Pessoal me ajudem.
    Fiat 500 sport air AT
    Alguem teve ou tem experiência com ele?
    Tenho um up! MPI e estou afim de pegar um 500.
    Abraço à todos

  • hddf

    Faltou i30

  • Angelo Lucca

    Não consideraria o Sentra, participo de uns grupos desse carro no FB e só tem gente reclamando e pedindo ajuda por conta das peças, que tem problemas de durabilidade (principalmente da suspensão) e em grande parte, só se encontra em concessionárias. Os modelos B17 (a partir de 2014) era minha opção de futura aquisição e teve grande parte dos defeitos crônicos resolvidos, porém, pelos comentários dos proprietários, vejo que ainda tem problemas e não vou pagar 50 mil num carro pra me dar dor de cabeça.

  • Andre Henrique Melo

    Quero ver colocar valores de manutenção e seguro.Vários destes modelos são uma bomba nos custos.Ate as CSS da própria montadora correm de comprar para colocar na revenda pós encalham.

  • Marcelo Duarte

    Faltou o Picanto nessa lista

  • afonso200

    Azera 2011 top por 38mil.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email