*Destaque Matérias NA

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

Nem precisamos reforçar que o Brasil é um país com um clima para lá de convidativo quando o assunto é pegar aquela praia ou se divertir na piscina. Porém, a situação não é tão agradável assim quando o assunto é a vida a bordo em um automóvel. Vamos combinar que as condições ficam piores quando a temperatura está elevada demais, sendo que em muitos casos é preciso ligar o ar-condicionado “no último”. E para a nossa felicidade, há uma série de automóveis que vão além.


Há diversos modelos que oferecem alguns outros recursos, como saídas de ar extras (como as traseiras para o banco da segunda e/ou terceira fileira) e até mesmo bancos com ventilação/resfriamento. Podemos citar ainda os automóveis que oferecem aquecimento dos assentos, algo não tão interessante no nosso País. Separamos abaixo os carros mais em conta com ventilação nos bancos. Confira:

1) Hyundai Creta Prestige 2.0 AT – R$ 102.580

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

O automóvel mais em conta do Brasil equipado com sistema de ventilação nos bancos é o Hyundai Creta. A versão topo de linha do crossover compacto, a Prestige com motor 2.0 litros flex de até 166 cavalos de potência e 20,5 kgfm de torque, associado a uma transmissão automática de seis velocidades, custa R$ 102.580 e oferece banco do motorista com ventilação.


Nos demais itens, há seis airbags, controles de estabilidade e tração, assistente de partida em rampas, monitoramento de pressão dos pneus, bancos e volante em couro, direção elétrica, chave presencial, sensor de estacionamento traseiro, piloto automático, saída de ar para o banco traseiro, sensor de luz, sistema multimídia com Android Auto, Apple CarPlay e navegador GPS, entre outros.

2) Ford Fusion Titanium 2.0 EcoBoost AT – R$ 138.900

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

Já o segundo lugar é equipado pelo Ford Fusion, que se posiciona como um dos sedãs médios/grandes mais equipados do País. A versão Titanium do modelo, que usa um motor 2.0 litros turbo a gasolina, que entrega 248 cv e 38 kgfm máximos, com transmissão automática de oito marchas e tração dianteira, dispõe de bancos dianteiros aquecidos e refrigerados de série.

Entre os outros principais equipamentos, o Fusion Titanium 2.0 EcoBoost AT conta com faróis full LED, sistema de som premium Sony com 12 alto-falantes, sensores de luz e chuva, farol alto automático, alerta de tráfego cruzado, monitoramento de ponto cego, sistema de permanência em faixa, banco do motorista com ajuste elétrico em 10 posições, oito airbags, cintos de segurança laterais traseiros infláveis, partida remota do motor pela chave, entre outros.

3) Jeep Cherokee Limited 3.2 V6 AT – R$ 185.000

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

O segundo crossover/SUV desta lista é o Jeep Cherokee, que dispõe de bancos dianteiros com ventilação de série a partir da versão Limited. Esta configuração é dotada de um motor 3.2 V6 Pentastar de 271 cv e 32,2 kgfm, com transmissão automática de nove marchas.

Há ainda itens como faróis de xênon, câmera de ré, banco do motorista e retrovisores com memória, navegador com mapas em 3D, sistema de som premium com nove alto-falantes, subwoofer, amplificador de 12 canais e 506 watts, tampa do porta-malas com acionamento elétrico, teto solar panorâmico, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, chave presencial, entre outros.

4) Lexus NX 300 Luxury 2.0 AT AWD – R$ 225.400

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

Há também o Lexus NX 300 na versão Luxury, que ocupa a quarta posição neste ranking. O crossover médio da fabricante premium japonesa em sua configuração intermediária é dotado de um motor 2.0 litros turbo a gasolina de 238 cv e 35,7 kgfm, com transmissão automática de seis marchas e tração dianteira. Ele oferece bancos dianteiros com ventilação, ajustes elétricos e aquecimento.

O Lexus é equipado ainda com sistema multimídia com tela de 10,3 polegadas, oito airbags, faróis e lanternas em LED, sensores de luz e chuva, teto solar elétrico, retrovisores externos com aquecimento e memória, chave presencial, ar-condicionado de duas zonas, coluna de direção com ajustes elétricos, entre outros.

5) Ford Edge Titanium 3.5 V6 AT AWD – R$ 249.800

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

Outro carro da Ford que aparece nesta lista é o Ford Edge. Oferecido em versão única de acabamento, ele traz um motor 3.5 V6 a gasolina de 284 cv e 34,6 kgfm, com um câmbio automático de seis velocidades e tração nas quatro rodas. Bem equipado, o crossover médio conta com bancos dianteiros aquecidos e refrigerados com ajustes em 10 posições.

Há também bancos traseiros aquecidos, ajuste elétrico da coluna de direção, teto solar panorâmico, sistema SYNC 3 com Android Auto e Apple Carplay, DVD no encosto de cabeça dos bancos dianteiros, assistente de estacionamento, monitoramento de ponto cego com alerta de tráfego cruzado, sistema de permanência em faixa, oito airbags, cintos traseiros laterais infláveis, piloto automático adaptativo com alerta de colisão, tampa do porta-malas com acionamento elétrico por sensor de presença, câmera frontal com visão 180º, entre outros.

6) RAM 2500 Laramie 6.7 AT 4×4 – R$ 264.900

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

A única picape desta lista é a grandalhona RAM 2500, oferecida somente na versão Laramie com motor 6.7 litros turbodiesel de 330 cv e 104 kgfm, com transmissão automática de seis marchas e tração 4×4 com reduzida. O utilitário oferece bancos dianteiros com ajustes elétricos, aquecimento e ventilação de série por R$ 264,9 mil.

Há ainda seis airbags, câmera de ré, chave keyless, painel de instrumentos com tela TFT de sete polegadas, sistema de som premium Alpine com nove alto-falantes e um subwoofer, partida remota do motor pela chave, sistema multimídia com tela de 8,4 polegadas, vidro traseiro de acesso à caçamba com acionamento elétrico, volante aquecido, controle de cruzeiro, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, entre outros.

7) Kia Quoris 3.8 V6 AT – R$ 269.900

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

A Kia Motors também marca presença nesta lista com o sedã Quoris, o mais refinado da marca por aqui. Ele é ofertado somente em uma versão, que usa um motor 3.8 V6 a gasolina de 294 cv e 36,5 kgfm, com transmissão automática de oito marchas. Há bancos dianteiros e traseiros com opção de aquecimento e resfriamento, ajustes elétricos e também ajuste lombar elétrico no assento traseiro, tudo de série.

O sedã oferece ainda ar-condicionado automático digital de três zonas, descansa-braço central traseiro com controle do sistema multimídia, ar-condicionado e dos bancos, sistema de entretenimento traseiro com duas telas de 9,2 polegadas, sistema de som Lexicon, retrovisores externos com aquecimento, faróis de xênon, sete airbags, teto solar duplo panorâmico, sistema com câmeras dianteira e traseira, entre outros.

8) Lexus ES 350 3.5 V6 AT – R$ 274.800

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

A Lexus repete a sua aparição neste ranking com o sedã ES 350. O modelo é outro que conta somente com uma versão de acabamento, que é equipada com um motor 3.5 V6 a gasolina de 277 cv e 35,3 kgfm, com câmbio automático de seis marchas e tração dianteira. Ele possui bancos dianteiros com ventilação e aquecimento de série, além de ajustes elétricos para 10 posições.

O ES 350 dispõe também de teto solar elétrico, ar-condicionado digital de três zonas, chave keyless, faróis e lanternas de LED, sensores de luz e chuva, acabamento interno em couro e madeira, coluna de direção com ajustes elétricos, retrovisores externos com aquecimento e memória, 10 airbags (duplo frontal, duplo lateral dianteiro e duplo lateral traseiro, duplo de cortina e duplo de joelho dianteiro), câmera de ré, entre outros.

9) Chevrolet Camaro Cupê SS 6.2 V8 AT – R$ 310.000

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

O Chevrolet Camaro aparece como o único esportivo desta lista. O muscle-car na configuração cupê é dotado de bancos dianteiros com ajustes elétricos, aquecimento, ventilação e memória para o motorista de série. Na motorização, o carro oferece um 6.2 V8 a gasolina de 461 cavalos e 62,9 kgfm, com transmissão automática de oito marchas e tração traseira.

Há ainda oito airbags, alerta de ponto cego e de movimentação traseira, faróis de xênon, head-up display, diferencial de deslizamento limitado, ar-condicionado de duas zonas, carregador wireless para smartphones, câmera de ré, retrovisores externos com memória e aquecimento, chave presencial, teto solar elétrico, iluminação ambiente em LED, rodas de 20 polegadas, entre outros.

10) Range Rover Velar HSE 2.0 (250 cv) AT – R$ 377.300

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados

Por último, mas não menos importante, o Range Rover Velar é um dos modelos mais recentes deste top 10. O SUV em sua versão HSE, equipada com um motor 2.0 litros turbo a gasolina de 250 cv e 37,2 kgfm, com transmissão automática de oito velocidades e tração nas quatro rodas. Ele tem preço elevado, mas oferece bancos dianteiros com 20 modos de ajuste, climatização, massagem e memória de série.

Há também bancos em couro Windsor, sistema de som Meridian, piloto automático adaptativo com assistente em congestionamentos e frenagem de emergência inteligente, Park Assist, controle de frenagem em curvas, tampa do porta-malas com acionamento por gesto, coluna de direção com ajuste elétrico, sistema de entretenimento InControl Touch Pro Duo, monitoramento de fadiga do motorista, assistente de manutenção de faixa e de pontos cegos, seis airbags, entre outros.

Top 10: carros mais baratos com bancos ventilados
Nota média 5 de 1 votos

5
  • Munn Rá : O de Vida Eterna

    Correção do título : Top 10: carros menos caros com bancos ventilados

    • Itamar

      perfeito! rsrs

  • Lucas

    Podemos dizer que “baratos” não combinou nada com esse título aí.

  • Edu

    Esse Fusion completasso deve ser um tesão para dirigir, trocaria qualquer outro sedã nacional por ele.

    • th!nk.t4nk

      Olha, infelizmente passa longe disso. É um carro bom pra ficar alguns dias, mas ele é o lanterninha de sua categoria em qualidade de projeto (tive um por 2 anos), repleto de falhas de projeto irritantes. Mas tem uma grande vantagem, é o mais barato também (tem que ser, neste caso!). Já se for comparar com Corolla, Civic, Cruze e outros de categoria inferior, sem dúvida o Fusion dá uma surra neles. No fim é tudo uma questao de custo x benefício mesmo.

      • Dalton

        Também tenho um e ele está longe de ser esse desastre todo, ainda mais um “carro pra ficar alguns dias”.
        Como todo modelo ele tem seus defeitos (Ford BR, estou falando de você) e como disse, algumas falhas, pois não foi tropicalizado. Mas é um excelente custo/benefício na categoria. Não tem defeitos crônicos e a manutenção rotineira tem um valor bastante razoável.

        Enfim, como todo carro no Brasil ele é caro mais ainda assim bem mais barato que os concorrentes diretos, com uma rede ampla, seguro num bom valor. Geralmente nestes top 10 ressaltando recursos “raros” que o site vem fazendo ele sempre aparece, o que demonstra que o carro é bem equipado num bom valor. Pode notar que neste não tem nenhum concorrente direto dele com esse (não que seja lá muito útil, mas tem…).

        Mas o que me assustou nesta lista é ver que com 01 Edge quase se compra 02 Fusion, isso porque o primeiro é o SUV do segundo…

        • th!nk.t4nk

          Nao disse que o Fusion é um desastre, apenas que ele é o lanterna de sua categoria na minha experiencia pessoal. Mas no Brasil pelo que vejo está bem ruim de opçoes, entao é uma escolha válida sem dúvida. E pelo menos de motor o Fusion é muito bem servido, IMHO. Quanto ao Edge concordo também, nao faz sentido um carro que tem o mesmíssimo pack tecnológico do Fusion custar quase o dobro. Talvez seja resíduo ainda da política de cotas.

      • pedro

        Quais são essas falhas irritantes?

        • th!nk.t4nk

          Em primeiro lugar a eletrônica: sensores de funcionamento bem aleatório (desde sensor de chuva até de estacionamento, com funcionamento nada consistente), SYNC 3 que continua lento e bugado, tecnologias implementadas pela metade (ACC pouco confiável, por vezes só detectava o carro da frente muito em cima!). Depois vem a ergonomia bizarra (experimente tentar coisas como ajustar o encosto de cabeça sem ler o manual), bancos que me deixavam quebrado ao fim de uma viagem mais longa (espuma de baixa qualidade), e por fim instabilidade em altas velocidades (muita sensaçao de insegurança com qualquer mínimo vento lateral acima de 150 km/h), o que pra mim era um ponto bem crítico. Nenhum concorrente tem tantas falhas de projeto assim. Dito isso, ao menos ele é o mais barato e oferece muitos equipamentos por pouco dinheiro. Mas vale a pena? Hoje eu diria que nao. Preferiria pegar um carro menor do segmento premium, até mesmo menos equipado (abriria mão de alguns itens sem problemas), a ter que lidar com as falhas de projeto do Fusion novamente.

          • pedro

            Sensores: deve ter tido o azar de pegar um defeituoso então. Nos que eu andei isso nunca aconteceu e foram vários de locadora, pois quando tenho processo em outros estados normalmente eu alugo um Fusion, só não pego quando não tem disponível.

            SYNC 3: é o sistema de infotenimento automotivo mais rápido do mercado. Inclusive a AE afirmou que é o melhor até R$ 100.000. Eu andei com o Mustang que usa o SYNC 3, achei maravilhosa, principalmente porque depois dele eu peguei um Maxima, o que me decepcionou totalmente, pela lerdeza. A rapidez para recalcular rotas do SYNC 3 é incrível. A respeitada Consumer Report,v.g., afirmou que ele é simples, rápido e fácil de usar.
            Vento: olha eu nunca senti isso no Fusion. É um carro muito estável. E também sinceramente nunca li nada próximo disso que você afirmou, fiquei até curioso sobre isso.

            Bancos: realmente não posso afirmar que elas não tem qualidade, isso só o tempo diz, mas foi a primeira coisa positiva que eu notei no Fusion ao sentar nos bancos, sem falar que o Fusion, salvo honroso engano, é o ÚNICO carro no Brasil até R$ 160.000,00 a ofertar COURO VERDADEIRO, nos concorrentes é sempre material sintético, alguns combinados com couro onde encosta o corpo. Só o couro vai te garantir uma vida de durabilidade do assento.

            • th!nk.t4nk

              Sistema mais rápido até 100 mil eu até acredito. Mas comparando com os concorrentes (Insignia, Passat, etc.) que são quase instantâneos, está entre os mais lentos sim. Nao é porque o sistema da Nissan é ainda pior, que o da Ford automaticamente fica “bom”. A meu ver aí depende dos parâmetros de comparação que você tem. Quanto a estabilidade, andando nas estradas brasileiras e americanas a 110 km/h é beleza mesmo. Agora vem dirigir aqui nas Autobahnen européias. Me desculpe, mas é um carro muito instável acima de 150-160 km/h sim senhor (além de muito barulhento a essa velocidade). Eu gostava do meu Fusion apesar de tudo, tive ótimos momentos com ele, mas era um carro que me limitava na estrada e me cansava em viagens longas. Pra cidade era bom, exceto pelos sensores pouco robustos (lentos de reação, reflexo da eletrônica barata) e do SYNC 3 deixar a desejar (e sei que nao sou apenas eu quem pensa isso, todos meus colegas aqui da empresa que já tiveram contato com ele afirmaram o mesmo). Por fim sobre o couro: o fato de ser verdadeiro nao é vantagem mais, por incrível que pareça. As boas alternativas sintéticas hoje em dia esquentam menos, duram igualmente bem e exigem menos cuidados. Na verdade no Brasil vejo ainda o antigo endeusamento do couro animal, como se todo carro acima de 100 mil tivesse que ter pra ser “luxuoso”. Acredito que isso irá mudar em algum momento, mas a meu ver é reflexo do grande atraso do mercado local.

              • pedro

                Bom, se você está falando da Europa, aí já não posso opinar, primeiro porque lá não existe Fusion e sim o Mondeo, o que obviamente deve ter calibrações específicas e os concorrentes a mesma coisa, daí já começou errado. Mas eu nunca li nada elogiando o sistema da VW assim como li (em várias publicações) elogiando o sistema da Ford, logo, a lógica é que o da Ford é melhor, porque se destacou.
                Única vantagem do sintético é que não precisa matar um animal, no resto o couro merece o endeusamento e os sintéticos só são usados porque são materiais mais baratos, só isso.

  • Duh

    Queria que indagassem a Ford sobre o preço do Edge, msm para a tabela de valores Brasil, o preço dele ultrapassa a barreira do absurdo.

    • Mr. Pennybags

      Tb reparei isso. Edge mais caro que lexus!

    • what_the_hell??

      E o pior é que ao ver a Edge numa mesma matéria que o Fusion Ecoboost, percebemos que ela custa perto do dobro do Fusion e oferece o que a mais que justifique esse preço absurdo?? O motor, apesar de mais potência (36cv), chega a ter menos torque que o 2.0 do Fusion (3.4 kg a menos)!!!

      • oloko

        E nos eua para edge vir com esse motor 2.0 do fusion custa mais 800$ haha, se a ford tivesse colocado esse motor ao invés do v6 ela seria mais eficiente e poderia vir mais barata

    • Ⓜ️arcelo

      A ford abandonou ela, não quis tirar do portfólio, por isso arremessou os preços dela lá pra cima, assim ninguém compra.

      Tinha que ser a preço de Equinox para ser competitivo, caso contrário…

  • Wellington Myph13

    Çaçenhora hein?! Parte de 100mil pra ter um banco ventilado, caraca… Entrei achando ser surpreendido e achar algo abaixo de 80mil que eu não soubesse, mas era a partir do Creta mesmo que eu já imaginava…
    Ainda bem que o Ar condicionado já da conta, kkkk

  • Fabio

    O Fusion tem 6 marchas, não 8.

  • Apopololo

    Nada melhor que ficar com o bumbum fresquinho.

    • rafael morozini

      Ou quentinho pra quem gosta né … kkkkk

    • Elizangela Oliveira

      Pagando um miséria por isso..

  • 1 Raul

    Lembrei daqueles mercedes 1513 com um ventiladorzinho no painel…

  • afonso200

    queria saner quem pega uma SW4 ao em vez de uma RAM…os preços sao quase identicos.

    • ObservadorCWB

      R. os ignorantes. E antes que alguém venha dizer que estou sendo desrespeitoso, ignorante á apenas alguém que ignora/desconhece algo. Neste caso os predicados da RAM. Mas….sempre há um mas….Anos atrás indiquei uma SW4 para um parente do Mato Grosso, ele está feliz com a barca até hoje. Naqueles tempos a motorização Diesel e o número de CSS mais próximas da cidade dele apontavam a Toyota como escolha mais lógica.

    • Luciano RC

      A RAM é caminhão. Não roda em vários locais… o publico é obrigado a comprar picape média.

    • Chris

      O pós venda com relação ao RAM fala mais alto pro lado da Toyota, mas eu também não pegaria a sw4, iria de blazer acho… sem contar que a ram nem entra na maioria das vagas, seja de prédios ou shoppings, se torna um sacrifício sair com ela.

    • what_the_hell??

      São propostas bem distintas! A RAM é bem mais difícil de se andar, sobretudo na cidade, Aí seria um carro restrito ao uso rural o que, pelo preço, torna inviável aqui no BR.

      Não gosto da SW4 e acho absurdos os preços cobrados pela Toyota em TODOS seus carros, mas eles tem uma boa rede de ccs e fez fama de ter uma manutenção barata, o que não é muito certo em relação à RAM, que apenas há pouco tempo ampliou a rede de ccs.

      Em outras palavras, para quem roda muito e tem que pegar alguns trechos de terra/lama, a SW4 ainda é uma opção válida, apesar do preço alto.

  • Luciano RC

    Está ai um item legal, mas que não faz falta se você tiver um carro com excelente ar condicionado. Um sistema de ar bem projetado e eficiente, resfria o carro em menos de 2 minutos, mesmo após ter ficado horas no Sol. Minha HR-V gela o carro em menos de 2 minutos, mesmo quando deixo o dia todo exposta ao Sol.

    • Leonardo azevedo

      Mesmo que o ar condicionado seja excelente, em dias muitos quentes as costas que ficam encostadas no banco ficam suadas. É ai que esse item entra.

      • Luciano RC

        Vai tempo para ele esfriar, igual acontece com o ar condicionado. E um banco de couro bem cuidado, não fica grudando.

    • what_the_hell??

      O melhor ar condicionado de carro que tive até hoje foi o do Grand Vitara (2015)! Impressionante como gelava rápido!!

      • Luciano RC

        Os modelos da Honda aqui de casa gelam muito bem. Chevrolet nem tanto… sempre demorou mais.

  • zekinha71

    Pra ser peitoreiro de carro tem que ter muita grana.

  • Mario Nobile

    Uma bolsa de gelo nas costas resolve o problema, e custa muito menos…..

    • Elizangela Oliveira

      E funciona da mesmíssima maneria.

  • Unknown

    Um item quase que desnecessário, em minha opinião. Um luxo excessivo!

    • th!nk.t4nk

      Sei lá heim. Imagina que você tem um cargo executivo e mora no Rio de Janeiro. Imagina também que você precisa se deslocar a trabalho durante o dia. Ah cara, eu gostaria de ter essa frescura (literalmente) sim haha. Suar com roupa social é uma desgraça.

      • Unknown

        Acredito que um simples ar condicionado eficiente, já não deixa a pessoa suar… mas com certeza existem casos e casos… tem pessoas que tem sudorese excessiva!

  • Elizangela Oliveira

    Quem paga R$270mil num Kia que não se vê em lugar algum?

  • oloko

    Porque a hyundai só colocou ventilação no banco do motorista? Qual a dificuldade de colocar nos 2 bancos dianteiro? E o fusion tem 6 marchas não?

  • Matheus Amorim

    Boa parte dos itens de conforto de carros mais caros são plenamente possíveis de viver sem, tanto que, geralmente, não determinam uma compra. Mas esse tal de banco ventilado seria um fator determinante para mim, viu. Para esse clima 40° do nordeste, seria um sonho.

    • Esquilo Tranquilo

      Aí no nordeste deve ser foda hein, mas aqui no sul tá complicado pois a cada verão pioram as temperaturas e a sensação térmica, ta cada vez mais difícil viver aqui kk. Cairia muito bem o banco ventilado ´por aqui tbm

    • Roberto

      Não só no Nordeste. Moro no Sudeste, mas depois que você anda num carro equipado com esses bancos, percebe a maravilha que é! Principalmente em viagens de mais de 1h, no qual o ar condicionado esfria o rosto, peito, etc, mas as costas ficam aquecidas em contato constante com o banco.
      Deveria ser vendido como opcional em todos os modelos. Quem sabe no futuro isso se torne realidade!

  • Davi Millan

    Ah! O famoso ventila “forébis”… Meu sonho de consumo é ter um carro com isso! Trocaria fácil um carro maior (Compass) ou com Turbo (Tracker) para ter um Creta e poder andar por aí com o bumbum e as costas fresquinhas!
    Não dêem risada, eu sofro de hiper-hidrose… :/
    kkkkk podem dar risada sim.

  • Ⓜ️arcelo

    Faltou o Mustang 299k

  • Rudi S Junior

    Nossa, muito importante isto.

  • Liberio

    Bizarro que é mais fácil encontrar carro com aquecimento no banco que ventilação… Isso em um país tropical!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email