Listas Top 10 Mercado

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

O Inmetro divulgou uma lista dos 10 carros mais econômicos do Brasil em 2019. Como teve mais lançamentos este ano, eles impactaram nos resultados em termos de consumo de 2018, de acordo com o instituto nacional de metrologia, que liberou a lista com os mais frugais do mercado nacional.


Nesse caso, é interessante notar que entre os 10 modelos listados, apenas um não é elétrico ou híbrido. O restante é compostos por um modelo com zero emissão da Renault e carros de luxo, desde hatches e sedãs até superesportivos, passando obrigatoriamente pelos SUVs.

Isso terá um impacto ainda maior no meio do ano, pois, alguns modelos elétricos que estarão sendo entregues e vendidos normalmente. Estes ainda não entraram na listagem. Quando chegarem, empurraram os híbridos para fora do Top 10 dos carros mais econômicos do Brasil.

Confira abaixo a lista do Inmetro para os 10 carros mais econômicos do Brasil em 2019:


1) Renault Zoe

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

O compacto elétrico da Renault já está no mercado por R$ 149.990 e tem consumo energético de 0,65 MJ/km, equivalente a médias de cidade/estrada de 32,2 km/litro com gasolina e 26,7 km/litro de etanol. A emissão de CO2 é 0 g/km.

2) Volvo S90

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

O sedã topo de linha da marca de luxo sueca chega ao mercado nacional como o segundo carro (disponível para o consumidor) mais econômico, segundo números do Inmetro. O S90 T8 Plug-In Hybrid tem consumos de 21,3 km/litro na cidade e 25,6 km/litro na estrada, tendo eficiência energética de impressionantes 0,88 MJ/km e com somente 56 g/km de CO2. O preço sugerido é de R$ 365.950.

3) Porsche Panamera

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

O sedã de estilo cupê da marca de esportivos tem duas versões híbridas no Brasil, sendo uma com motor V6 2.9 Biturbo e outra com o V8 4.0 Biturbo. O primeiro tem consumo energético de apenas 100 MJ/km e emissão de 61 g/km de CO2. Além disso, faz 17,8/25,7 km/litro, respectivamente cidade e estrada. Seu preço inicia em R$ 529.000.

No caso do V8, o Panamera tem consumo energético de 1,12 MJ/km e 69 g/km de CO2. Faz 16,4/22,3 km/litro, respectivamente. Este parte de R$ 1.233.000.

4) BMW 530e

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

Oferecido no pacote iPerformance, esta variante do sedã de luxo da BMW tem motor 2.0 Turbo de 184 cavalos e mais um propulsor elétrico de 95 cavalos, entregando assim 252 cavalos. Ele tem consumo energético de 1,05 MJ/km e emissão de 65 g/km de CO2. Os consumos são de 20,9 km/litro na cidade e 21,9 km/litro na estrada, ambos com gasolina. Seu preço inicia em R$ 328.950.

5) Volvo XC60

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

Este SUV da Volvo compartilha o mesmo powertrain híbrido com os S90 e XC90, tendo assim um motor 2.0 Drive-E de 320 cavalos e um propulsor elétrico de 87 cavalos, somando assim 407 cavalos. Com consumo energético de apenas 105 MJ/km e emissão de CO2 de 67 g/km, o modelo tem consumo urbano de 19,2 km/litro e rodoviário de 20 km/litro. Seu preço sugerido é de R$ 299.950.

6) Toyota Prius

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

O híbrido da marca japonesa é referência no país e custa R$ 125.450 e esta em sua quarta geração, sendo a segunda a ser vendida no Brasil. O liftback tem consumo energético de 1,15 MJ/km e médias de 17 km/litro na estrada e 18,9 km/litro na cidade, com gasolina. Emite 71 g/km de CO2.

7) Volvo XC90 T8

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

O luxuoso SUV híbrido plug-in da marca sueca tem preços a partir de R$ 399.950 e vem com motor 2.0 Turbo e outro elétrico, entregando consumo energético de 1,30 MJ/km e consumos de 15,5/17,4 km/litro, respectivamente estrada e cidade. Sua emissão de CO2 é de 79 g/km.

8) Ford Fusion Hybrid

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

O sedã executivo e híbrido da Ford, importado do México e atualizado recentemente, custa R$ 182.990 e tem 1,31 MJ/km de consumo energético, além de médias de 15,1/16,8 km/litro com gasolina na estrada e cidade. A emissão é de 81 g/km de CO2.

9) Lexus ES 300h

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

O sedã de luxo da marca japonesa, que pertence à Toyota, chegou no final de 2018 e já sobe para as primeiras posições em eficiência energética. Com 1,32 MJ/km e emissão de apenas 81 g/km de CO2, o modelo híbrido tem motor 2.5 Atkinson e consumos de 16,3 km/litro na cidade e 15,5 km/litro na estrada. Tem preço sugerido de R$ 239.990.

10) Renault Kwid

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019

O subcompacto 1.0 da Renault é o único carro convencional neste Top 10 e em breve deixará a lista, pois, chegarão mais elétricos e híbridos, especial os modelos JAC iEV40, Nissan Leaf e Chevrolet Bolt, sem contar o retorno do BMW i3. Ele parte de R$ 32.790 e seu consumo energético é de 1,39 MJ/km, tendo médias de 14,9/15,6 km/litro com gasolina e 10,3/10,8 km/litro com etanol, respectivamente cidade e estrada. São 86 g/km de CO2 lançados na atmosfera.

TOP 10: Os carros mais econômicos do Brasil em 2019
Nota média 4.1 de 10 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Cássio

    Para se ter um carro realmente bom e econômico, só mesmo um híbrido ou elétrico. Pois de resto, é só carro popular.

    • Marcelo Amorim

      E olhe lá,tem carro 1.0 que no anda e para do transito consome muito,mais até que motores maiores.

      • fssantos

        fora que até uns anos atrás os carros pareciam ser mais econômicos, olhando essa lista só os carros realmente pequenos tem um consumo realmente animador mas de fato ainda parece abaixo do esperado…

        • Edson Fernandes

          Isso é fruto do brasileiro que olha cavalaria ao invés de um conjunto bem acertado. Hoje um carro 1.0 tem que ter performance super além da expectativa para ser aceitavel.

          No passado com os motores “sem giro final” eles eram inclusive até silenciosos de motorização.

          Mas enfim… a variação de rotação hoje em dia nos motores atuais, causa um consumo absurdamente alto nos carros atuais.(não que o aumento de giro não cause aumento de consumo, mas digo que qualquer variação que se faça de usar 100 a 200rpm a mais do que um regime baixo de rotação, causa um consumo desproporcional ao esperado pela motorização)

  • Faheina

    Esses números do zoe são mais que fantástico Apesar de puramente elétrico. Sonho de consumo literalmente. Rs

    • MonHoe

      Com um Zoe desses eu conseguiria andar uns 3 dias sem carregar

      • Felippe2010

        eu rodaria o mes inteiro kkk

        • fssantos

          pois é também sou dessa, rodo o mês inteiro sem precisar recarregar…

  • Chasseur

    Os números de consumo do Lexus CT 200h estão corretos? Se estiverem estou decepcionado.

  • sigma7777777

    Civic Touring é bem econômico na estrada se souber pisar, acelerando progressivamente.

  • SK15

    Tive um 208 1.2 Puretech por 1 ano e meio e serio por mais que tentasse nunca consegui esse números na gasolina, e esse foi um dos motivos de eu ter feito a compra e foi bem decepcionantemente pra mim …. já no Álcool ele fazia 10km/l de boa …

    • Lucas g.

      Cara, esses números não condizem com a realidade de todas as pessoas. Moro numa cidade praticamente plana, e quando não existe transito é possível fazer 20 km/L. Já com o transito não passa de 10. É relativo, mas por ai da pra ter uma ideia do quão econômico é o carro. Vê, mais uma incoerência, mesmo com aquele consumo, o zoe é ainda mais econômico pelo valor do seu “combustível”.
      Tenho certeza que é possível fazer esses números ou ate melhores na estrada

    • mpol

      Já andei com um desse da minha mãe, fiz 17km/l na estrada com álcool, é bem econômico. Carro com tudo em dia e condução conservativa fazem milagres :)

    • fsjal

      Tive um e fazia 14 na cidade com gasolina, sem muito esforço. Ar ligado, andando normalmente.
      No álcool eu fiz 9 uma vez, na mesma rotina.

      Sinto saudade do carrinho.

    • Davi Millan

      Eu fiquei com um 208 1.2 da Unidas por alguns dias quando recebi da VW (longa história). Digo que achei o carro muito econômico (14,7km/l na cidade e 22km/l na estrada) e tem um desempenho até que aceitável, bem longe do sofrível. Para quem precisa trafegar todo dia com o carro pela cidade e não vai viajar e levar família e malas, achei bem coerente o carrinho. Teria um se a Peugeot não fosse tão FDP em retirar as barras de proteção lateral.

  • Clementino Zelador

    Boa tarde, estou vendendo meu chevette 88, carro econômico, original, toca fita roadstar, aro magnético, motor retificado na oficina da polícia militar e documentação em dia até 2004, ipva isento e no estado que se encontra. Troco por terreno ou barraca de lanche nas imediações do centro. Estudo proposta de emprego e cesta básica.

  • Henrique Vefago

    Erro! No lugar do XC90 colocaram uma foto do XC60.

    • Gurgelando

      É… e estou achando que o Move Up! da lista é o msi.

      • UPTSI

        MSI é mecânica 1.6, o UP! aspirado é MPI

  • Marcus Vinicius

    Faltou o Nissan Leal e o Chevrolet Bolt

    • Flight_Falcon

      Não foram testados ainda.

  • Luis Burro

    Errata:A foto do Volvo é do XC60!
    Estes elétricos só comprnsam pra cidade mas tão muito caros ainda,100 mil já tava de bom tamanho,compensa mais pegar um híbrido!

  • Edson Fernandes

    Desses carros eu devo dizer…. Eu de cara pensaria no Prius e Fusion.

    Dos subcompactos/compactos é incrivel como esse motor firefly da Fiat (pelo menos comigo) é economico! Fazer mais de 12km/l na cidade e mais de 14km/l na estrada rodando a 3500rpm em 120km/h foi fantastico. (rodei em um Uno)

    Creio que o Argo seja bem agradavel e me fez enxergar com outros olhos a melhoria que a Fiat aplicou ao Uno em relação a revestimento acustico. Pena que a fabricante é relutante com relação a segurança.

    Dito isso, os demais dependem de uso de pouca rotação para se consumir pouco. Se houver um aumento necessário porém um pouco maior que o regime de maior economia, o consumo vai para casa do chapeu. Tanto que é facil ver mtos motores 1.3 até 1.6 do mercado serem mais economicos pelo tipo de uso que é feito.

    • fschulz84

      Eu adicionaria o Lexus CT200h na lista. Vi um recentemente no Shopping Vila Olimpia, parece que o modelo 2019 está com um design interessante e pelo preço, acho que vale a pena!

      • Edson Fernandes

        Depende. Pra mim o CT200H só serve o modelo de topo dele. Pq o de entrada é extremamente mal equipado.

        Ele tem exatamente o mesmo mal que o RAV4 nos itens de série. A diferença é que o RAV4 não tem nenhuma versão bem equipada.

    • Davi Millan

      Não consigo gostar do Prius… Eu iria de Fusion sem pensar muito. Ter uma bela barca e ainda econômica é ótimo.

      Agora sobre os vagalumes. Eu andei em um Argo 1.0 recentemente e digo que ele é bonzinho. bem diferente da porcaria depressiva Rivotril sobre rodas do Palio 1.0.

      • Edson Fernandes

        Então, meu problema com o Fusion é justamente seu tamanho aliado a sua baixa altura. Meu tio tem um, eu gostei demais, mas para meu uso, seria impossivel te-lo. Iria acabar com ele.

        Então o Prius mesmo sendo mto inferior, ainda se encaixaria na minha necessidade.

        Sobre os compactos, me agradou tbm o Argo. Tanto que eu teria esse Fiat. E faria uma lista abaixo do Argo que eu descartaria por N motivos. A Fiat acertou bem no Argo, mas está canibalizando os Mobi e Uno de sua linha.

  • Ricardo

    Lixos de consumos, culpa do lixo de combustível e lixo de motores flex.

  • Dherik

    Estou para falar que o up! TSI é mais econômico que alguns da lista aí. Recentemente, em um famoso canal do Youtube, foram de Campinas Até Brasília (mais de 1000 KM) com um único tanque de gasolina do up! TSI (tanque de 55 litros).

    E voltaram no álcool, fez um pouco mais de 700 KM.

    • DevXav

      Sim, é..
      Eu tenho um A1 1.4 TSI 122cv e ele também é mais econômico que alguns dessa lista aí..

    • Davi Millan

      Eu tinha um e quando ele funcionada ele fazia essas médias mesmo. Era um carrinho beeeeem econômico.
      Hoje tenho uma Variant que também é bem econômica fazendo entre 10 e 12 na cidade e facilmente faço entre 16,7 e 18,8km/l na estrada.

  • Davi Millan

    Só é possível comparar estando todos sob uma mesma metodologia de pesquisa. Se você consegue fazer isso em um March 1.6, com certeza faria mais se tivesse algum desses acima.

  • Guilherme Martins

    Zoe… quem tem 150 mil pra dar num carro, num tá muito preocupado em quanto ele vai gastar não… e a galera rica e “consciente “ anda de Uber/metrô.
    Não ter carro, podendo ter, hj que mostra que vc é moderno…

  • Marcelo Dos Santos

    Vendo ford fiesta hatch 2011 – 1.0 completo , Primeiro dono impecável!
    Interessado só chama …..

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email