Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

Se uma pessoa tem em mente adquirir um carro sedã, seja ele de porte compacto, médio ou grande, provavelmente ele precisa de um automóvel que entregue um bom espaço interno e porta-malas amplo para transportar até cinco ocupantes e suas respectivas bagagens com conforto e sem apertos.


Todavia, embora essa seja a proposta da maioria dos modelos do segmento, muitos acabam pecando nesses dois quesitos.

Atualmente, o mercado brasileiro dispõe de uma série de automóveis com bons espaço interno e porta-malas, com preços que partem da casa dos R$ 50 mil e podendo ultrapassar a quantia de R$ 1 milhão (como é o caso do luxuoso Mercedes-Maybach S 500).

Um dos destaques era o Chevrolet Cobalt, que tinha um porta-malas de 563 litros, o maior entre os sedãs produzidos no território nacional. Depois de sair de linha, ele deixou espaço para outros modelos espaçosos, como Arrizo 6 e Etios.

E se você estiver de olho em alguns deles e o porta-malas for uma das prioridades, confira abaixo um ranking dos sedãs com o maior compartimento para bagagens disponíveis no Brasil (no caso de modelos com a mesma capacidade de porta-malas, a colocação foi feita aleatoriamente):

1) Tesla Model S – 745 litros

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

O Model S é o único modelo desta lista sem importação oficial (diretamente pela fabricante), o que tem o maior porta-malas e também o mais caro do ranking. A Direct Imports, responsável por importar o sedã, vende o sedã elétrico com preços entre R$ 819 mil e R$ 1,2 milhão.

Confira as mais de 150 listas Top 10 que temos no nosso site!

O carro usa dois motores elétricos, sendo um no eixo dianteiro e outro no traseiro, que rendem, juntos, 510 cv. Segundo a marca, o carro vai de 0 a 100 km/h em 4,5 segundos e tem velocidade máxima de 240 km/h.

Mas vamos falar do mais importante (pelo menos nesta matéria): o porta-malas. O Tesla Model S tem um porta-malas de nada mais, nada menos que 745 litros. Ele é tão grande que consegue levar duas crianças em dois assentos extras instalados do lado oposto (ou seja, as pessoas acabam viajando olhando para o vidro traseiro). Todavia, o Denatran não permite que esses bancos sejam utilizados.

Além disso, como não há motor a combustão, sob o capô o modelo oferece outro compartimento de 150 litros.

Nas demais dimensões, são 4.976 mm de comprimento, 1.963 mm de largura e 1.435 mm de altura, com distância entre-eixos de 2.959 mm.

2) Toyota Camry – 593 litros

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

O sedã de luxo da Toyota, um de seus modelos mais caros no Brasil, é o segundo colocado nessa lista. Aliás, essa é uma tendência entre os cinco primeiros colocados: carros bem mais caros do que os sedãs que estamos acostumados a ver nas ruas.

O Camry é vendido por R$ 309.990 e oferece um excelente porta-malas de 593 litros. Renovado recentemente, ele vem com motor 3.5 V6 de 310 cv e 37,7 kgfm de torque, com transmissão automática de 8 velocidades e modo sequencial.

Suas dimensões mostram que, além de um bom porta-malas, o Camry também oferece um bom espaço para os ocupantes. São 4.815 mm de comprimento, 1.820 mm de largura e 1.480 mm de altura, com distância entre-eixos de 2.775 mm

3) Honda Accord – 574 litros

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

Fechando o trio de sedãs grandes, aparece o representante da Honda. O Accord, também renovado recentemente, tem um porta-malas ligeiramente menos que os outros modelos citados, mas também muito bom: 574 litros.

As medidas do japonês também agradam e refletem num ótimo espaço interno para até cinco adultos: 4.889 mm de comprimento, 1.862 mm largura, 1.460 mm de altura e tem 2.830 mm de entre-eixos. E você pode levar tudo isso para casa por R$ 257.900.

4) Chery Arrizo 6 – 570 litros

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

Um modelo recente em nosso mercado que surpreende pelo tamanho do porta-malas é o novo Chery Arrizo 6. São 570 litros no compartimento, num modelo que mede 4,67 m de comprimento e tem 2,65 m de entre-eixos. Ele tem apenas uma versão, a GSX, e é vendido por R$ 108.750.

5) Toyota Etios Sedan – 562 litros

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

Por apenas um litro de diferença em relação ao modelo da posição superior, o Toyota Etios Sedan ficou com a quinta colocação. O três-volumes compacto da fabricante japonesa se sobressai ainda pelas outras dimensões, com 4.265 mm no comprimento, 1.695 mm na largura e 1.510 mm na altura, além de 2.550 mm na distância entre-eixos.

Na motorização, há um 1.5 litro flex de quatro cilindros, que é capaz de desenvolver 102 cv com gasolina e 107 cv quando abastecido com etanol, a 5.600 rpm, e torque de 14,3 e 14,7 kgfm, a 4.000 rpm, associado a uma transmissão manual de seis velocidades ou automática de quatro marchas.

Os preços do Toyota Etios Sedan ficam entre R$ 62.490 e R$ 74.790. A linha do carro oferece ainda o modelo hatch, que dispõe de um porta-malas com capacidade para apenas 270 litros, ou seja, 292 litros menor que o do três-volumes, além de quase 50 cm a menos no comprimento e 9 cm a menos na distância entre-eixos.

6) Mercedes-Benz Classe E – 540 litros

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

Em sexto lugar está um modelo da Mercedes-Benz que foi introduzido recentemente em nosso mercado. A nova geração do Classe E oferece um porta-malas de 540 litros, além de 4.923 mm de comprimento, 1.852 mm de largura e 1.474 mm de altura, com distância entre-eixos de 2.939 mm.

O novo sedã está disponível apenas na versão E 250 (nas configurações Avantgarde, Exclusive e Exclusive Launch Edition), equipada com um motor 2.0 litros turbo de quatro cilindros, que rende 211 cv, a 5.500 rpm, e 36,7 kgfm, entre 1.200 e 4.000 rpm, com câmbio automático de nove velocidades. A nova linha tem preço inicial de R$ 422.900.

7) Jaguar XF – 540 litros

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

Outro modelo de luxo nessa lista é o Jaguar XF, sedã intermediário da marca (entre modelos que são todos luxuosos). Ele está disponível com várias opções de motor, como 2.0 de 250 cv  ou 300 cv, ou ainda o 3.0 V6 de 380 cv, todos com tração traseira.

Mas o que importa nessa lista são suas medidas. Com porta-malas de 540 litros, o XF tem 4.954 mm de comprimento, 1.987 mm de largura e 1.457 mm de altura, com distância entre-eixos de 2.960 mm. Os preços do sedã partem de R$ 356.950.

8) Honda City – 536 litros

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

Outro carro compacto a ocupar esse top 10 é o Honda City, que oferece um porta-malas com capacidade para 536 litros. O modelo mede ainda 4.455 mm de comprimento, 1.695 mm de largura e 1.485 mm de altura, com distância entre-eixos de 2.600 mm.

Na motorização, há um 1.5 litro flex de quatro cilindros, que desenvolve 115 cv com gasolina e 116 cv com etanol, a 6.000 rpm, e torque de 15,3 kgfm em ambos os casos, a 4.800 rpm. Ele trabalha em conjunto com uma transmissão manual de cinco velocidades ou automática do tipo CVT.

Em nosso mercado, o City está disponível com preços entre R$ 70.000 e R$ 95.000.

9) Audi A7 – 535 litros

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

As duas últimas posições em nossa lista voltam a ser de modelos mais caros. O nono colocado é o Audi A7, que tem um porta-malas com apenas 1 litro a menos que o Honda City, mas sendo bem diferente em todos os outros aspectos.

Ele mede 4.969 mm de comprimento, 1.908 mm de largura e 1.422 mm de altura, com distância entre-eixos de 2.926 mm. Na versão Performance, o Audi A7 tem motor 3.0 V6 de 340 cv e 51 kgfm de torque, com câmbio automatizado de sete velocidades.

O preço inicial do Audi A7 Performance no Brasil é de R$ 514.990.

10) BMW M5 – 530 litros

Top 10: os sedãs com maiores porta-malas do Brasil (lista)

Finalmente, na décima colocação temos o esportivo BMW M5, que impressiona não só pela força disponível debaixo do capô, mas também pelo espaço interno. Com medidas generosas, de 4.965 mm de comprimento, 1.903 mm de largura, 1.473 mm de altura e 2.982 mm de entre-eixos, o alemão ainda tem 530 litros de espaço no porta-malas.

Mas é claro que o M5 é lembrado pelo motor 4.4 V8, de 600 cv e 76,5 kgfm de torque, ligado ao câmbio automático de oito marchas. O preço inicial é salgado, partindo de R$ 775.950.

[Matéria publicada em 12 de julho de 2013 e atualizada em 17 de fevereiro de 2021]

Leonardo Andrade

Leonardo atua no segmento automotivo há quase nove anos. Tem experiência/formação em administração de empresas, marketing digital e inbound marketing. Já foi colaborador em mais de sete portais do Brasil. Fissurado por carros, em especial pelo mercado e por essa transformação que o mundo automotivo está vivendo.