_Destaque Mercado Veículos Comerciais

Toro amplia vantagem na disputa com Strada e Saveiro é a segunda nas parciais de julho

fiat-toro-black-jack Toro amplia vantagem na disputa com Strada e Saveiro é a segunda nas parciais de julho

A picape Toro está seguindo forte rumo à liderança de vendas entre os comerciais leves em 2017. O modelo abre uma importante vantagem para a irmã Strada faltando um dia útil para encerrar o mês de julho. A diferença de 1.540 unidades entre as duas, faz com que a mais nova se distancie na primeira posição.



De janeiro a junho, a Toro vendeu 24.686 unidades, enquanto a Strada emplacou 24.027. Se a picape compacta “grande” da Fiat manter o ritmo até esta segunda (31), pode fechar junho com pouco menos de 5.000 unidades, o que é um feito e tanto para uma picape que nem é do segmento de entrada.

Já a Strada parece em uma crise existencial, tendo perdido a segunda posição nas parciais de julho para a Saveiro. A ex-líder não se renova há algum tempo e é a mesma desde os anos 90, não tendo recebido uma geração nova de fato. A picape leve da VW já está na quarta geração e recentemente atualizou-se para ficar distante da família Gol, mas já se sabe que terá uma irmã maior com a base MQB A0. Ou seja, mais adiante pode sofrer com fogo amigo da mesma forma que a rival da Fiat.

Volkswagen-Saveiro-Pepper-2018-2 Toro amplia vantagem na disputa com Strada e Saveiro é a segunda nas parciais de julho

E no restante do grupo? A Hilux volta à ponta no segmento médio, sempre com a S10 no encalço. A Ranger já estacionou na sexta posição, não dando muito espaço para a Montana, que já despencou há algum tempo e voltou a vender bem nos últimos meses. A picape da GM é outra leve que não se renovou e continua com foco no trabalho. Sem ameaça da Oroch, segue seu caminho sem muitas pretensões.

Já a Amarok agora parece que engatou a “oitava” deixando para trás a L200, com a qual vinha disputando há bastante tempo. O V6 3.0 TDI ainda não chegou e espera-se uma reação por parte dela nas vendas. No caso da Fiorino, a multivan da Fiat está bem longe as rivais francesas e mantém a sucessão da Kombi como o utilitário mais popular.

No segundo pelotão, a Master está muito bem na liderança das vans, já não tendo mais a ameaça da Ducato, que deixou de ser produzida junto com as primas francesas. Note que, mesmo não sendo mais feita, a Ducato ainda consegue emplacar mais de 200 unidades. A importação mexicana será necessária para manter um bom ritmo nas vendas.

Outro detalhe importante é que no Top 20 de julho, a Sprinter – que inaugurou o segmento como ele é hoje – não aparece. Apenas a van menor, Vito, surge na última posição. O HR mantém a posição de líder dos caminhões leves, que em setembro recebe o V260 da JAC como mais um concorrente. Apesar de renovada e esperando por mais versões, a Nova Frontier continua longe das picapes rivais do segmento médio.

Confira abaixo os 20 comerciais leves mais vendidos nas parciais de julho de 2017:

  1. Toro – 4.834 unidades
  2. Saveiro – 3.615
  3. Strada – 3.294
  4. Hilux – 2.914
  5. S10 – 2.555
  6. Ranger – 1.455
  7. Montana – 1.382
  8. Amarok – 1.179
  9. Fiorino – 953
  10. L200 – 760
  11. Master – 633
  12. Oroch – 598
  13. HR – 312
  14. Frontier – 242
  15. Ducato – 218
  16. Daily 3514 – 161
  17. K2500 – 151
  18. Partner – 85
  19. Kangoo – 74
  20. Vito – 64

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Send this to a friend