Híbridos Hatches Preços Sedãs Toyota

Toyota aumenta preços de Corolla, Yaris e Yaris Sedan em julho

Toyota aumenta preços de Corolla, Yaris e Yaris Sedan em julho

A Toyota aumentou os preços dos modelos Corolla, Yaris e Yaris Sedan em julho. A alta chega a R$ 2.000 no caso da dupla de compactos da marca japonesa e de até R$ 2.900 no sedã médio.


Nesse novo aumento da Toyota, apenas as versões XL Live não tiveram acréscimo nos preços, sendo que o Yaris hatch custa R$ 68.490 na versão 1.3 manual e R$ 69.990 na CVT. Já o Yaris Sedan custa R$ 69.990 nas duas versões, mas com motor 1.5.

Todas as versões do Yaris hatch subiram R$ 2.000, com exceção da XLS Connect, a topo de linha, que custa agora R$ 88.990 ante R$ 87.190, alta de R$ 1.800.

Toyota aumenta preços de Corolla, Yaris e Yaris Sedan em julho

No Yaris Sedan, a XL Plus Connect agora alcança R$ 79.990 ante R$ 77.990, num aumento de R$ 2.000. A XS Connect subiu R$ 1.400, custando agora R$ 85.990. Por fim, a topo de linha XLS Connect sai por R$ 91.990 antes R$ 90.190, alta de R$ 1.800.

O Corolla agora parte de R$ 107.990, num acréscimo de R$ 2.000 e se distancia do rival Civic, que também teve aumento essa semana. A XEi ficou R$ 2.300 mais cara e começa agora em R$ 119.290.

A versão Altis Premium e a Altis Hybrid, pulam para R$ 137.890 ante R$ 134.990, numa adição de R$ 2.900. O mesmo em relação ao Corolla Altis Premium Hybrid, que alcança elevados R$ 145.390.

Há seis meses, o Corolla custava de R$ 99.990 a R$ 130.990, quando teve o primeiro aumento da nova geração.

Toyota Yaris, Yaris Sedan e Corolla – Preços

  • Toyota Yaris XL Live 1.3 MT – R$ 68.490 (sem aumento)
  • Toyota Yaris XL Live 1.3 CVT – R$ 69.990 (sem aumento)
  • Toyota Yaris XL Plus Connect 1.3 CVT – R$ 76.990 (antes era R$ 74.990)
  • Toyota Yaris XS Connect 1.5 CVT – R$ 82.990 (antes era R$ 80.990)
  • Toyota Yaris X Way Connect 1.5 CVT – R$ 86.990 (antes era R$ 84.990)
  • Toyota Yaris XLS Connect 1.5 CVT – R$ 88.990 (antes era R$ 87.190)
  • Toyota Yaris Sedan XL Live 1.5 MT – R$ 69.990 (sem aumento)
  • Toyota Yaris Sedan XL Live 1.5 CVT – R$ 69.990 (sem aumento)
  • Toyota Yaris Sedan XL Plus Connect 1.5 CVT – R$ 79.990 (antes era R$ 77.990)
  • Toyota Yaris Sedan XS Connect 1.5 CVT – R$ 85.990 (antes era R$ 84.590)
  • Toyota Yaris Sedan XLS Connect 1.5 CVT – R$ 91.990 (antes era R$ 90.190)
  • Corolla GLi 2.0 – R$ 107.990 (antes era R$ 105.990)
  • Corolla XEi 2.0 – R$ 119.290 (antes era R$ 116.990)
  • Corolla Altis Premium 2.0 – R$ 137.890 (antes era R$ 134.990)
  • Corolla Altis Hybrid 1.8 – R$ 137.890 (antes era R$ 134.990)
  • Corolla Altis Premium Hybrid 1.8 – R$ 145.390 (antes era R$ 142.490)
Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Hugo Leonardo Dos Santos

    NOVENTA E DOIS MIL REAIS NUM YARIS XLS SEDAN 1.5. Caraca, tem que ser fã doente pra pagar isso num Yaris, estou sem palavras.

    • Denis

      O mais bizarro é a oferta do Yaris Sedan XL Live 1.5 que custa R$ 70 mil tendo os dois tipos cambio no mesmo valor….. É por isso que os carros de transmissão mecânica estão indo pro brejo. Desse jeito está fácil pegar o CVT.

      • Hugo Leonardo Dos Santos

        Pois é, estranho, então mata as versões manuais e oferece só CVT

        • Denis

          Lembrei da época em que o Corolla GLi era ofertado por duas versões de cambio pelo mesmo preço. E vemos o quanto Corolla se valeu do cambio automático, o mesmo caminho que está indo o Yaris. Parece que é proposital isso que a Toyota faz.

      • renato dantas

        A tendência do mercado é a curto prazo extinguir o câmbio manual e junto vai a embreagem, atuador, platô e demais peças.

      • Verdades sobre o mercado

        Isso é para ter uma versão PCD dentro do limite de 70.000

    • MonHoe

      Faz tempo na minha cidade que não olho um Yaris sedan novo so Onix, Virtus e HB20S

      • Hugo Leonardo Dos Santos

        Pior é que nesse preço leva o Cruze LT e Sentra SV nas promoções

    • T1000

      Quanto mais aumenta mais vende. Aumenta mais q tá barato

  • MFerrari

    Sei que as fábricas precisam pagar suas contas, que a única fonte de renda é da venda dos veículos; mas está na hora de governo e montadoras se unirem para encontrar um caminho que mantenha a sustentabilidade financeiras das fábricas sem penalizar tanto o consumidor. Essa escalada de preço vai “envelhecer” nossa frota e forçar a negligência na manutenção; fórmula perfeita para aumentos nós acidentes.

    • Lucio Adriano Mendonça

      Acho que elas ganham muito dinheiro também com a venda de peças genuínas. No Brasil não duvido ganharem também com financiamentos.

      • JFX

        Hoje já ganham mais aplicando em fundos (inclusive títulos da dívida pública) o dinheiro da venda do que com a própria venda

        • Ricardo Silva

          Com a selic no valor que está? quem ganhou dinheiro ganhou, quem não ganhou, agora tem que trabalhar … E no mais, isso não seria culpa da empresa, e sim, culpa de um pais bagunçado …

          • JFX

            A hiper-financeirização do capitalismo não tem a ver com a bagunça do Brasil.
            O que eu quero dizer é que hoje as grandes empresas preferem usar o lucro para especular na bolsa do que reinvestir no incremento da produção dos seus próprios produtos

            • Sino Weibo

              Será que é por isso que a China vem dado certo nesse caso?

              • JFX

                A China deu certo porque escravizou a população, obrigando-os a trabalhar 12h por dia, 6 dias por semana

                • Sino Weibo

                  Ninguem ascende tecnologicamente como a China vem fazendo, apenas com escravos.

                • T1000

                  Sério que você acredita nessa história pra boi dormir de trabalho escravo???

    • Ricardo Silva

      Deixa o CEO e demais executivos apenas 1 ano sem receber bônus, já resolve o problema … apesar que a maioria prefere que empresa quebre, e que os funcionários sejam demitidos do que tomar tal atitude …

    • Rogério Silva

      Solução seria o governo parar de interferir/proteger essas empresas e deixar entrar mais competição no país.
      Ficar pedindo para um ajudar o outro foi como chegamos nessa situação.

      • MFerrari

        Ninguém falou em ajudar, ou proteger, vc entendeu errado, vou tentar ser mais claro:
        Governo deveria melhorar o ambiente de negócio, diminuir a regulamentação do setor, reduzir burocracia, promover estabilidade e garantias jurídicas e, principalmente, abrir o mercado via acordos comerciais. Isso vai promover a competição. Subsidiar é sempre a pior escolha

    • Verdades sobre o mercado

      Não tem escalada de preços. O que tem é nossa economia fraca. Isso faz com que tenhamos a sensação que os preços dos automóveis aumentam além da inflação, mas na média ao longo do tempo isso não ocorre.

    • fsjal

      governo e montadoras? deixa meu dinheiro fora disso.

      se o brasil não fosse um país tão fudido com a quantidade de impostos, baixa produtividade e falta de segurança jurídica (tudo isso por causa do……….governo) não chegaríamos nesse ponto.

  • Zé Mundico

    Ganha a montadora que mantem a sua lucratividade e ganha o proprietário do Toyota usado, que vê o seu precioso Corolla usado valorizando na garagem.
    O problema é que o Corolla é um excelente carro, talvez o melhor da praça na sua faixa. Confiável, resistente, confortável, manutenção fácil e dentro da faixa, assistência técnica eficiente e com bom nível de segurança. Enfim, tudo isso tem preço, querem mais o que?
    Quem não puder comprar um, compre um desses genéricos chineses menos caros e vá arriscar ter um carro se desmanchando em poucos anos e sem peças de reposição. E perdendo o “valor de revenda” (um invenção brasileira) na frente de outros modelos até mais simplorios e baratos.

    • Hugo Leonardo Dos Santos

      Tem opções boas no mercado como Jetta e Cruze que são um pouco mais baratos e tem mais tecnologia embarcada, e são tão seguros e confiáveis quanto. Agora justificar pagar muito mais por ser Toyota é ingenuidade e ser refém da montadora. Outra coisa é comprar carro pensando em desvalorização, então compra um terreno e deixa valorizar. Quem tem grana não está nem aí pra desvalorização, quem pensa em desvalorização na troca nunca sai de Corolla e Onix.

      • Marcelo Amorim

        Passei uns dias com um Cruze LT e me surpreendi o quao bom ele é.Muito injustiçado no mercado.

        • Hugo Leonardo Dos Santos

          meu sogro tem um, eu teria um também fácil

        • Cesar

          Os que reclamam é por conta da dor de cotovelo de não terem um.

      • D34D P00l

        O Jetta até que vai, mas o Cruze é mais barato porque é um projeto mais barato.
        Não tem suspensão independente, não tem ACC, não tem acabamento, não tem leds, não tem qualidade de montagem e tem 3 anos de garantia. Adicionalmente é o menos seguro da categoria também.
        Penduricalhos são baratos pra montadora, um projeto de qualidade que é caro.
        É positivo ter uma marca mais focada em equipamentos e preço em favor do refinamento, afinal é o que o consumidor comum mais valoriza, só não da pra comparar com o preço projetos mais caprichados.

        A GM é assim em todas categorias que atua, um preço aparentemente melhor mas oriundo de um projeto muito mais simples que a concorrencia: Onix vs Polo, Equinox vs Tiguan, Cruze x Corolla, Tracker x Renegade/TCross/HRV.

        • Edson Fernandes

          O Jetta 1.4 tbm não tem suspensão independente.

        • RodrigoABC

          Suspensão independente e leds nem creio que seja um diferencial na compra. Hoje até mercedes tá deixando as independentes apenas para as versões top do classe A, por exemplo. A VW também usa eixo de torção no golf básico na mk7, assim como Ford no Focus. São carros de entrada (ok, no Brasil até um moby é luxo hoje em dia) em seus países e o consumidor na maioria não liga para o tipo de suspensão, basta apenas agradar, ele nem percebe no dia a dia.

          Farol em led é bom, concordo…… mas vai quebrar um para ver o $$, será que compensa tanto pagar a mais por isso (e se preocupe não, o seguro também sobe… não é besta)??

          ACC ok, é item de segurança (o que pode atrapalhar muito visto que ele pode tomar uma decisão por você, como já presenciei quando passava numa poça de água relevante e a água levantada enganou o ACC), para dispensar o ACC basta largar o telefone ao dirigir (sabemos que hoje é fácil ver alguém teclando ao dirigir). Até kicks lá fora tem ACC e aqui no Brasil não, então também é uma escolha da montadora.

          Qualidade de montagem tá ok para a categoria, Corolla mesmo nunca foi referência até a geração passada e sinceramente, a maioria do público não percebe ou acha que vale a pena pagar por um alinhamento de milímetros numa peça. Se quiser um bom acabamento, compre carro acima de 200mil reais.

          Já a segurança…. é economia que sim podemos questionar, lá fora tem 10 Airbags e aqui no máximo 6.

          • D34D P00l

            Você falando do acabamento e alinhamento só confirmam o que eu explanei.
            Sim algumas montadoras metem a faca nas cestas de peças mas acho que não é o caso, o seguro é relativamente barato.
            Meu ponto é, se for pra ter um carro sem ligar pra acabamento nem suspensão, melhor pegar um polo por exemplo que vai ter um estrutura melhor, um preço menor e o painel digital. Se desembolsar mais uma grana pega o gts que tem leds e anda até mais que o cruze.

            • RodrigoABC

              Se for pegar um carro pequeno e ligar para suspensão, pega um “premium”. Sinceramente, cruze e corolla e jetta não deixam de serem carros pequenos lá fora e estão todos no mesmo nível. Não adianta exigir um acabamento e suspensão de um carro de 200 a 300mil reais num carro de 120mil reais. Se quiser rir, faça rir. Simples (ah, a economia é cerca de 100 euros pela suspensão por eixo de torção por carro, então vou você paga a mais ou então a montadora corta em outro lugar e isso em larga escala faz diferença)

              Como falei, até as classe A da MB estão deixando de usar sistema sofisticado de suspensão, muitos estão pois é um custo que raramento o consumidor vai perceber, a massa que compra não sente a menor diferença no dia a dia e a montadora não vai ficar aumentando seu custo num carro pequeno por um público irrelevante e não-sustentável)

              Sobre a cesta de peças, o seguro é “relativamente barato” para o caso do led, pelo menos meu último seguro a franquia de farol/lanterna cobrou 1mil reais em cada lanterna para trocar….. preferi comprar um material de sucata/desmanche por 1/4 do valor. Farol/lanterna em led dificilmente vai custar menos de 2mil reais no Brasil (quando dólar ainda custava uns 4,00) e isso reflete sim no custo do seguro e nas peças (e olha que tem muita seguradora dificultando a troca dos elementos em led pelo seu custo).

              Sobre a estrutura, por que a do polo é melhor? Só por causa de uma sigla MQB (plataforma modular para REDUÇÃO de custos)? Há muitas estruturas tão boas quanto sem precisar ser modular (a do fiesta “não brasilleirado” é um exemplo), ford trouxe um carro 10 anos atrás tão bom quanto. Se for comparar golf/cruze ou golf/corolla vai ver que no geral estão bem equilibradas e seus níveis de segurança idem. Uma plataforma não precisa ser modular para mostrar que é boa, apenas para mostrar que é barato de produzir em larga escala por dar possibilidade de uso em vários veículos. Simples!

              Em resumo: tanto faz, no final, pegar cruze, sentra, jetta, corolla, focus, lounge, e etc. A diferença no final vai ser o gosto do consumidor e a montadora tenta capturar a maior quantidade possível de pessoas, o termo “melhor” é algo subjetivo.

              • D34D P00l

                O polo teve 5 estrelas no NCap, o Cruze só 4, ambos com 4 airbags.

              • T1000

                “preferi comprar um material de sucata/desmanche por 1/4 do valor.”
                Comprando peça roubada e achando que fez bom negócio parabéns pra você.

      • Edson Fernandes

        Percebe que o consumidor Toyota pensa exatamente como o comentário acima?

        Se eles soubessem que muitas vezes é mto mais caro manter um Corolla que um rival…

        • D34D P00l

          Na verdade nem de perto.
          Para o meu perfil, o seguro do Corolla está 2,6k contra 5,5k do civic touring, contra 6k do cruze, e f… 8,5k do Jetta.
          Fora as peças de reposição que são preço de banana se comparadas ao Jetta e Cruze. Só comparar o preço do farol led do corolla que é mais barato que o farol amarelo do cruze (por isso o seguro é mais barato imagino).
          Isso fora o consumo da versão híbrida aliado ao desconto de ipva.

          • Edson Fernandes

            Na verdade é uma junção de coisas. Se o seguro esta nessa faixa pra vc, é porque vc tem uma idade e reigão onde mora propensos a roubo. Ou então area muito populosa com alto risco de roubo.

            Isso sem contar que pode existir historicos, melhor dizendo, isso é um geral e não somente da sua pessoa.

            No meu caso que tenho um Fluence, eu paguei na ultima vez, 1900 de seguro. Ele tem farol de xenonio, 6 air bags, ESP, blablabla.

            Sobre preço de peças de manutenção: A ideia é ter uma média e até onde sei, o custo do Cruze é um dos melhores. O do jetta sempre será mais caro de fato. A Vw parece não esquentar a cabeça com isso, acho isso ruim, pois cogito a compra do jetta e confesso até que os recursos que ele possui em versão R-Line me atraem muito. Mas na hora do seguro eu farei uma cotação e verei qual deles vai me interessar mais.

            Mas veja que esses carros até por seguradoras são tratados como uma especie de esportivos, já que uma serie de donos que acham que motores turbo são para carros esportivos. Mas no meu caso eu precisarei ver qdo realmente for adquirir um desses carros.

            • D34D P00l

              Sim, mas no mesmo lugar e pessoa onde o Jetta custa 8,5k, o corolla custa 2,6k. É muita diferença.
              O Cruze e o civic estão mais parelhos, mas se lembrar que o custo real do Civic é mais alto, o seguro do Cruze é relativamente caro.

              • Edson Fernandes

                Aí como eu disse, vai de cada perfil. Tenho que pesquisar o meu qdo for comprar para tirar essa duvida. Nesse momento se eu for por vc, não é valido pq onde vc mora e tudo mais pode influenciar.

          • T1000

            Umas pilhas recarregáveis em baixo do banco, e o pessoal chama de híbrido kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

        • Michel Soares Pintor

          Na prática não é bem assim. 38 anos, Solteiro, Ipiranga, ZS/SP, Corolla 2,95k mesmo com 2PT.

          • Edson Fernandes

            Eu acho que aí vai de pessoa para pessoa.

            Teve amigo que teve 1 PT e sequer mudou a cotação para o novo carro. Teve amigo que nem conseguiu fechar seguro que cobrisse 100% da FIPE. A questão de seguro é complicada.

            Eu perdi toda minha bonificação por um erro da Porto Seguro. E no final, o preço sem bonificação ficou mais barato que com a bonificação. Dá para entender?

    • Eng. Mecânica 2014

      Ganha como? O IPVA aumenta ano após ano, o seguro aumenta e o valor do zero equivalente também aumenta. O dono de Toyota que só troca por outro Toyota é o que mais sofre com desvalorização no mercado inteiro. Tenho uma Hilux 14-14 com 54 mil km, novinha, deve valer uns 104 mil. Sabe quanto eu teria que desembolsar pra comprar uma top zero km? mais 110 mil fucking reais. Quer maior perda de dinheiro que essa? (lembrando que peguei ela usada de um amigo por um valor irrecusável).
      Quem comprou SW4 em 2015 a 190 mil hoje tem que pagar 270. Quem pegou Corolla XEI em 2017 a 85 mil hoje tem que arcar com 125 mil e por aí vai. Enquanto isso, as outras montadoras elevam os valores dos seus produtos de forma menos acelerada e conseguem dar altos descontos no ato da venda, com isso, justificando a tal da “alta desvalorização” dos não japoneses.
      A título de exemplo: Hoje se consegue na beira do caixa, Cruze LT 2020 a 88 mil reais em qualquer GM. Sabe quanto custa um bom 2017 usado? Na faixa dos 70 mil. Depreciação, justa e equivalente a de um similar nipônico com um veículo igualmente robusto, mais econômico, equipado e consideravelmente mais rápido que o asmático GLI.

      • renato dantas

        Apenas para esclarecimento, o IPVA não aumenta pois trata-se de percentual, Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais são de 4% sobre o valor do veículo, Espirito Santo, Santa Catarina é de 2% e por ai vai.

        • RodrigoABC

          Não aumenta, mas para baixar é a “conta gotas” rsrsrsrsr

        • Zé Mundico

          A arrecadação do IPVA aumenta sim, pois é calculada sobre o valor de mercado do bem, que tende a subir.
          Outro imposto que aumenta é o ICMS, sempre calculado sobre o valor de nota fiscal.
          Portanto, o maior interessado em aumento de preço de carro é o governo, pois quanto mais caro mais ele arrecada

        • Eng. Mecânica 2014

          Aumenta sim, pois o imposto se baseia no valor tabelado do veículo que, acredite se quiser, está subindo mês após mês.

          • renato dantas

            O IPVA não aumenta porque é um percentual, claro que o VALOR do IPVA pode ficar maior ou menor depende do ano do veículo.

          • renato dantas

            Os veículos NOVOS sofrem aumentos constantes o IPVA permanece no caso do sudeste em 4%, só haverá aumento de IPVA se o estado passar de 4 para para 4,1% ai sim houve aumento.

      • Selsu Brass

        Hahahah, falou o dor de cotovelo com a Toyota, e ainda diz que tem Hilux 14-14 kkkkkkkkkkkkkk Compre de outras marcas e seja feliz então.

        • Sino Weibo

          Daqui uns dias com o valor de um Toyota aqui vc compra um Tesla.

          • Selsu Brass

            Não é obrigado a comprar Toyota. Compra quem quer.

            • Sino Weibo

              Com essa arrogância toda, ja ja essa montadora cai e vai embora do país. Isso ja ocorreu antes. Eles não pensariam duas vezes em sair, se nao estiver tendo lucros exorbitantes.

              • Selsu Brass

                Fazer o que né, se quiserem ir embora do Brasil, vida que segue. P mim não mudaria nada, só uma montadora de veículo a menos operando no Brasil.

        • Eng. Mecânica 2014

          Fazer uma análise racional dos custos que envolvem um carro agora se chama dor de cotovelo. Analfabeto é complicado…

          • Selsu Brass

            Lidar com analfabeto e retardado é bem ruim mesmo. Todas as marcas desvalorizam, só que umas bem mais que as outras e na hora de trocar, tem uns modelos que nem com pai de santo dentro os caras aceitam na troca ou venda no dinheiro.

            • Eng. Mecânica 2014

              Justamente, analfabeto eu já tinha atestado que você era, agora retardado… precisou de mais um comentário seu. Eu tenho um Toyota, seu animal, e reconheço suas qualidades, mas isso não me impede de reconhecer que seus custos de compra e manutenção são bastante elevados e, em alguns casos, maiores que o de muitos concorrentes. Mas isso pra fã de marca é como levar um tiro no peito.

              • Selsu Brass

                Dialogar com analfabeto e retardado e fodas heim. Tem um Toyota o engenheiro retardado hahahah Deve ser lavador de peças em uma oficina e se diz engenheiro hahahaha. Venda a Toyota então e compre de outra marca então retardadis.

      • Zé Mundico

        Bem lembrado. Ganha também o governo com aumento da arrecadação de IPVA.
        Mas quem tem uma Hilux sempre terá vantagem na venda (ou troca) diante do proprietário de uma Ranger, S-10 ou Frontier, por exemplo. O importante é considerar que o aumento do modelo zero sempre vai valorizar o usado por tabela.
        Você está colocando na conta uma coisa que pouca gente lembra, que é a perda do poder aquisitivo. Resumindo, quem tinha 100 mil reais cinco anos atrás para torrar numa Hilux, dificilmente terá 200 mil hoje para comprar a mesma Hilux zero.

        • Selsu Brass

          Nota dez p seu comentário. Esse tal de Eng mecânico deu p implicar só com a Toyota. Todas os modelos desvalorizam, mas tem uns que é que nem jogar dinheiro fora pela janela. Sei que carro não é investimento, agora, ver em dois anos derreter todo suas economias p comprar um carro indo embora e ter que vender um rim p poder comprar outro, p mim tb não serve.

          • Eng. Mecânica 2014

            Você é analfabeto funcional, volte ao ensino fundamental, por gentileza! Meu comentário foi em cima do dono de Toyota que só troca o carro por outro da mesma marca… Vai, com um esforço você entende, não é tão difícil assim.

            • Selsu Brass

              Hahhahaha, falar com engenheiro e ainda analfabeto funcional é dose heim. E eu me referi na perda do poder de compra do povo brasileiro que despencou, como o colega Zé Mundico escreveu, mas vc como engenheiro retardado não captou hahahah. Volta p faculdade engenheiro lavador de peças kkkkkkk.

    • Sino Weibo

      Bom nessa escalada de preços desculpa, mas o Corolla vai ter o fim que teve o Fusion, pelo menos aqui, e eu vou assistir de camarote!

      • Verdades sobre o mercado

        Em março de 2018 o Corolla AT mais barato custava 66.000. Aplica-se a inflação e chega-se ao valor corrigido de 129.000, ou seja, proporcionalmente hoje o Corolla é mais barato que há 12 anos.

        • Eng. Mecânica 2014

          66 mil reais em janeiro de 2018, atualizados pelo IPCA, não ultrapassam os 72 mil reais atualmente.

          • D34D P00l

            Ele provavelmente queria dizer 2008.

          • Verdades sobre o mercado

            Erro meu. Março de 2008. Editado. Obrigado

        • Sino Weibo

          O que isso tem a ver, analise o mercado e as opções, há 12 anos tinha Compass? Tinha Renegade? Tinha essa onda e oferta de SUVs que estão matando todos os outros segmentos? A diferença do mercado é esta. Por ex. se já tivéssemos tido Inovar Auto e as chinesas já vendessem aqui como no restante da America Latina, o quao disruptivo isso seria, pq vc teria SUVs e sedans de marcas chinesas vendendo abaixo disso, pois o ticket médio deles é entre $12 e $18 mil dólares, além dos elétricos. Não seriam líderes ainda, mas faria uma baita diferença no mercado, como faz na China.

          • Verdades sobre o mercado

            O que tem a ver é que tem um monte de comentário reclamando que os fabricantes aumentam demais, é um chororô danado, mas na verdade ao longo do tempo os preços se mantém ou até reduzem como o exemplo que dei. Logicamente que quando um veículo é lançado ou renovado e faz muito sucesso os fabricantes aumentam um pouco mais, mas quando ele vai chegando mais para o final do ciclo de vida acaba segurando o preço. Quanto ao seu comentário concordo exceto a parte inicial pois apesar de não ter os SUVs, o segmento era bem mais concorrido

            • Sino Weibo

              Sim mas esse mercado de sedans vem sendo engolido pelo de SUVs, e como os sedans médios, por estes motivos que vc encala, estão ficando com preços surreais, em comparação com outros segmentos e diante da oferta de SUVs relativamente mais em conta, que tem sido a preferência, e assim como o segmento de sedans grandes sucumbiu a deles, este segmento será o próximo, bom esta é minha análise, pelo fato dos preços estarem subindo muito e também pela própria oferta de SUVs que irá aumentar, com a VW lançando Tarek, a própria Toyota lançado dois SUVs abaixo do RAV4, a Jeep com o Compass de 7 lugares e novos motores (esperamos que os preços se mantenham competitivos), a Nissan que vai trazer finalmente, seus SUVs melhores, aparentemente, e a CAOA Chery com as ofertas do Tiggo 8 e futuramente novo Tiggo 7. Quando a pessoa olha pra estes modelos e pelo mesmo preço praticamente está um sedan médio, ela opta por eles.

      • D34D P00l

        Eu acho que a Toyota não arromba no preço a ponto de matar o produto, como VW e Honda fazem com certa frequência.

        • Sino Weibo

          Tu ainda acha que não? A toyota só vende bem pq não tem SUVs na faixa, senão já tinha matado há muito tempo ou pelo menos caido pela metade, como a Honda.

          • D34D P00l

            Sim, eu acho que por estratégia da marca mesmo.
            Ela cobra X no Corolla, porque estima que Y consumidores vão comprar. Quando tiver o SUV, ela vai ajustar esse preço para o patamar de venda que ela julgue adequado.

            O que eu falo, é que na história recente, não tem caso de modelo da Toyota, que foi como o Golf da VW, que tinha a moral de cobrar 114k em 2017 num modelo com eixo de torção, banco de tecido e farol amarelo e que obviamente foi rechaçado com força pelo mercado. Up! idem.

      • Rogério Silva

        Eles logo lançam um Corolla suve ou algo do tipo que não passe de um yaris levantado, vendem pelo mesmo preço que o Corolla básico hoje e terão lucro bem maior que hoje.
        Todas as outras estão fazendo isso.

        • Sino Weibo

          Sim mas já estão fazendo ne, o Corolla Cross, mas esse vai vir no segmento do Compass, e vai roubar vendas do Corolla, agora um SUV menor baseado no Etios parece que demora mais.

  • Paulo Roberto Steindoff

    Lei da Oferta e da Procura. Como a oferta é pequena os preços sobem. Igual ao preço dos carros na Venezuela.

    • MonHoe

      Esse não conhece as “leis” que imperam no Brasil

    • Claudio

      Quando a oferta é grande, os preços sobem também.

  • Wilson Alves

    Há um certo exagero por parte da Toyota, pois o dólar continua instável…

  • Rotciv

    92 mil num Etios 😨

  • Saulo Parente

    145 em um Corolla, 92 em um Yaris, brincadeira !!

  • Os trouxas, enquanto tiver esse tipo, os preços vão subir,

  • mjprio

    Cara, vendo essa tabela absurda de preços e que, além de perceber que os valores sao surreais, a diferença entre um projeto de primeira linha, com suspensão independente nas 4 rodas, motor 2.0 e injeção direta, e um refinamento construtivo digno de 1 mundo e outro, feito pra paises emergentes, com eixo de torção, o velho freio a tambor, peças tortas e enjambradas, puxada por um anêmico motor de 105 cv é de 16 mil reais.
    Se isso ja é ruim, ontem passei numa css da VW e um Tcross 1.0 e suas limitações de um projeto compacto estava apenas 1000 reais mais barato que um Jetta1.4…

    • Edson Fernandes

      E ainda assim o Tcross é mais vendido. E veja que ainda é o 1.0 TSI. Eu to vendo que eu acho que irei comprar o jetta como proximo carro mesmo.

      • daneloi

        Tô pensando em ir de jetta também, mas com medo de aumentar ainda mais pelo fato de ser importado

        • Edson Fernandes

          No meu caso seria usado mesmo. Então fica que eu iria de encontrar com o valor que estou em mente naquele determinado momento. Sei que vou ter que dar meu carro e praticamente + o valor da venda do meu carro e mais um pouco…rs , mas pelo menos no futuro ficaria com um carro mais atualizado. Mas isso é para pensamento futuro de compra.

      • mjprio

        O meu único receio em relação ao Jetta é o fato de ele ser ruim de revenda(nem digo o preço e sim a liquidez). Sem contar que esses motores TSI costumam fazer surpresas desagradáveis. Mas como carro eu acho ele muito bonito. Dizem que é um “Virtusão” mas eu nao acho. Acho ele clássico como o Sentra e o Corolla, mais sóbrio que o Civic que parece um batmóvel.
        Talvez se eles fizessem um 2.0 16V com injeção direta e uns 170CV e uns 21kg de torque como no modelo da Toyota eu ficasse mais tranquilo. Nem me importaria se o desempenho fosse pior que o do 1.4 TSI

        • Edson Fernandes

          Perceba que não existe esse motor em linha da VW e tbm, que tendo uma linha de motores inclusive produzidos aqui, não faz sentido desejar um motor aspirado.

          Eu justamente já gostaria do jetta porque um dos atrativos é justamente o motor turbo. Na variação flex eles corrigiram uma série de coisas e o alcool (combustivel) ajudaria na questão de evitar os problemas caracteristicos da injeção direta.

          Mas veja que interessante, vc citou carro aspirado de injeção direta né? Saiba vc que o Corolla que tem injeção direta e indireta, tem tido os mesmos problemas de motores turbo.

          E veja que coisa, o Focus que teve injeção somente direta, nunca deu dor de cabeça aos donos nesse aspecto.

          • mjprio

            Eu sei que a VW nao tem esse motor. Na verdade eu só fiz uma suposição. O lance é que apesar de ser um motor bastante premiado, tem apresentado problemas aqui no Brasil. Entretanto nao sabia quebo novo Corolla estava tendo problemas com a gasolina.
            Agora uma coisa é certa: tem que ver que gasolina.o sujeito tem colocado no carro, pois ja vi muito bacana parando o carrão no posto sem bandeira pra por gasolina barata e cheia de solvente. Aí nao tem bico que aguente

            • Edson Fernandes

              Se tem no Jetta, vai ter no Corolla.

              O negocio aqui é te dizer que o problema pode ocorrer. No caso do Corolla é mais alarmante porque na cidade o cidadão utilizará mais a injeção indireta que em teoria não iria carbonizar tanto o coletor e nem a camara de combustão. Mas aqui vale dizer que talvez o sistema de injeção desses carros precisem de uma adaptação maior, mas todos os carros que tiveram sua mudança para flex(exceto up tsi) melhoraram muito.

              O proprio Polo/Virtus 1.0 TSI não me deixa enganar de estar tranquilo. Assim como Golf (1.0 TSI e 1.4 TSI flex), Jetta 1.4 TSI flex(antes era a gasolina), TCross 1.0 e 1.4 flex… e por aí vai.

              Mesmo podemos dizer da PSA com seu 1.6 THP flex.

              • mjprio

                Mas o que ouvi em relação nao só ao Jetta, mas também a linha TSI, são problemas em relação a bomba d’água, que teria baixa vida útil. Outros reclamam de barulhos metálicos na fase fria, etc…

                • Edson Fernandes

                  Como eu disse… na linha a gasolina exceto o up tsi. O Polo teve problemas mas não esse.

  • Luiz

    Em seis meses o Hybrid subiu 15 MIL REAIS… SURREAL!

    • Pablo Lee Peter

      O Civic aumentou isso em um dia! kkkkk EStao disputando quem tem o maior preço

  • CanalhaRS

    Vou esperar (deitado) pelas reduções de preço, quando o dólar cair.

    • Renato Almeida

      Somos 2. Quando o real valorizar, vão alegar que produzir no Brasil ficou caro. E dá-lhe mais aumento.

  • André Pira

    Tá indo na onda da Honda…🤑🤭

  • Renato Almeida

    Mais uma contribuindo para o efeito bola de neve: poder de compra do brasileiro despenca, o preço do carro sobe. O final do filme todos sabem… vendas baixas e montadoras em Brasília pleiteando mais incentivos, enquanto demitem funcionários…

  • Pablo Lee Peter

    A disputa é pra saber quem vende mais, ou que tem o preço mais alto? Pois parece que ficou com inveja do aumento de 15.000 do Civic…Ai é pra galera que diz que carro não valoriza! kkkk

  • renato dantas

    Alguém “pode” explicar o porquê da Toyota cobrar quase 92.000,00 estalecas por este carro?
    “Toyota Yaris Sedan XLS Connect 1.5 CVT – R$ 91.990 (antes era R$ 90.190)”,pergunto mais e vende?.

    • Joao Victor

      Respondendo as duas perguntas, porque tem idiotas, verdadeiros analfabetos financeiros que compram…

  • Verdades sobre o mercado

    Yaris X Way – 86.990, isso explica porque nunca vi um na rua, e olha que a ccs Toyota local é bem forte. Depois o Nivus que é caro…

  • fsjal

    kkkkkkkkkkkkkk nem vi os preços mas se tratando de toyota, vim aqui deixar minha risada kkkkkkkkkkkkkkk

  • Junior Siqueira

    Sou sensato, não reclamo aumento de marca nenhuma, afinal não posso opinar, pois nao tenho dinheiro mesmo, ao contrario da maioria que reclama, com certeza devem ser ricos e comprar carros muito melhores por preços mais em conta.

  • DANIEL PIROLLI

    Repetindo o que comentei na noticia do civic, essas duas marcas acham que vendem ouro, só pode!!!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por 15 anos. Saiba mais.

Notícias por email