*Featured Asiáticos Lançamentos SUVs Toyota Vídeos

Toyota Corolla Cross: surge o anti-Compass que será feito no Brasil

Toyota Corolla Cross: surge o anti-Compass que será feito no Brasil

O Toyota Corolla Cross foi lançado oficialmente na Tailândia e tem a missão de representar o gigante japonês num segmento de SUVs abaixo do tradicional RAV4 e acima do crossover C-HR.


Com passaporte para o Brasil, o Toyota Corolla Cross deverá ter um alcance global, atendendo mercados como da China à América Latina, podendo mesmo chegar ao mercado americano.

Desenvolvido sobre a plataforma modular TNGA (GA-C), o Toyota Corolla Cross é menor que o RAV4 (GA-K), medindo 4,46 m de comprimento, 1,82 m de largura, 1,62 m de altura e 2,64 m de entre eixos, sendo mais próximo do C-HR.

Toyota Corolla Cross: surge o anti-Compass que será feito no Brasil

Orientado para ser o SUV do Corolla, esse Cross segue estratégia parecida com a do Yaris Cross, mas tem estilo próprio em relação ao sedã best seller mundial da Toyota.

O Toyota Corolla Cross chama atenção por seus para-lamas abaulados, que criam uma musculatura robusta para o SUV, que também traz um sofisticado conjunto ótico de LED com luzes diurnas e detalhes em azul, tendo lentes bem fluidas.

Toyota Corolla Cross: surge o anti-Compass que será feito no Brasil

Com olhar expressivo, o Corolla Cross chama atenção pela grade pronunciada e estilizada, que é suavizada em suas formas e fica longe do RAV4. Contudo, não há nada de Corolla nessa parte.

Aí surge uma questão: será esse o próximo visual do sedã médio da Toyota? Pode ser. O para-choque é bem envolvente e proeminente, tendo diminutos faróis de neblina e proteção inferior em cinza.

Toyota Corolla Cross: surge o anti-Compass que será feito no Brasil

Bem equilibrada, a carroceria do Toyota Corolla Cross apresenta linhas que reforçam a robustez, como as colunas C largas e com vigias. O detalhe do arco de teto dá um toque especial ao desenho deste utilitário esportivo.

Na traseira, as lanternas horizontais em LED possuem formas suavizadas. Se por fora ele tem uma boa presença, incluindo até opção de teto solar elétrico, por dentro, ele não traz surpresas. O habitáculo é o mesmo do Corolla.

Com exceção de duas barras em cinza no console, o restante do conjunto é do Corolla, inclusive a multimídia em tela de 7 polegadas e o ar condicionado automático, porém, este é dual zone.

Toyota Corolla Cross: surge o anti-Compass que será feito no Brasil

O cluster é análogo-digital e os bancos apresentam interessante padronagem vermelha para a Tailândia. Atrás, existem saídas de ar condicionado, que ampliam o conforto. Ele oferece até o modo Trail para o fora de estrada.

Tendo eixo de torção na traseira, o Toyota Corolla Cross mostra seu foco no baixo custo, embora possa ainda receber um conjunto multilink mais adiante, para ampliar o conforto. Os freios são a disco nas quatro rodas.

Já as rodas de liga leve podem ser de 17 polegadas com pneus 215/60 R17 ou aro 18 com pneus 225/50 R18. Incorporando tecnologias semelhantes às do Corolla, mas com porta-malas de 440 litros.

Toyota Corolla Cross: surge o anti-Compass que será feito no Brasil

Na mecânica, a Tailândia leva o conhecido 1.8 Dual VVT-i com 140 cavalos, além das versões híbridas, que usam o 1.8 Dual VVT-i de 99 cavalos e motor elétrico de 72 cavalos, totalizando 122 cavalos.

Por aqui, o mais provável será o uso do motor 2.0 Dual VVT-i do Corolla em sua versão flex, além do híbrido flex, usando assim os componentes do sedã feito em Indaiatuba-SP. Contudo, a produção se dará em Sorocaba.

Toyota Corolla Cross 2021 – Galeria de fotos

 

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Alaor

    Enfim um concorrente que tem potencial para desbancar a liderança do Compass, a Jeep vai ter que se mexer. O único pesar é que esse carro vai tirar vendas do Corolla e ajudar a minguar ainda mais o segmento dos sedans médios.

    • Ford Opala Attractive 200TSI

      Praticamente não tirará vendas do Corolla por dois motivos:
      Estará em outra faixa de preço (mais caro) e é destinado a outro público.
      Roubará vendas do Compass Diesel, Tiguan, CRV, etc

      • Alaor

        Este carro vem para concorrer com o Compass, meu amigo, a faixa mais cara já tem o RAV4. O Jeep parte da faixa dos 120 mil, o Corolla tem versões de mais de 140 mil reais, portanto, sim, vai roubar vendas do Corolla, é um fato. Não estou entendendo a lógica de preço de vocês para o Corolla Cross, tá todo mundo cravando que o carro vai chegar custando 160 mil, o que não faz sentido algum se tratando de um anti-Compass.

        • Edson Fernandes

          A explicação é porque normalmente os produtos da Toyota tem um preço maior que o da concorrencia. Eu imagino que para esse Cross, ela venha com a mesma politica do RAV4 aumentando rapidamente com o tempo o preço para disfarçar o preço de lançamento. Mas começar a partir de R$160000? Talvez esse seja o hibrido. O modelo de entrada certametne custará na casa dos R$120000.

          Prevejo inclusive as demais marcas perderam market share dos altinhos para esse lançamento.

          • Alaor

            Eu chuto na faixa dos 130 mil, preço próximo do Compass Longitude flex. Só para manter o padrão Toyota de preços acima da concorrência.

            • Edson Fernandes

              Sim sim, eu tbm imagino que será nessa faixa.

              A Toyota qdo lançou o RAV4 atualizado veio com preço competitivo. Eu acredito que essa estrategia possa existir para o Corolla Cross. Chuto a possibilidade de lançamento ter preços na faixa dos R$125000 que seria deveras atrativo perante o Compass.

        • Cláudio Modesto

          Não se esqueça dos Lexus. Colocar caro demais, já vai pra Premium.

    • McLovin

      Eu não consigo entender essa tara que o pessoal tem por algum lançamento “desbancar a liderança” de um modelo X, como se fosse tabela de campeonato de futebol. Só vejo desvantagens para o consumidor final: é um veículo claramente inferior à RAV4, destinado para mercados emergentes, porém com o mesmo range de preços do modelo concebido para os mercados desenvolvidos. Ou seja, paga-se o mesmo valor por menos sofisticação, “mas desbancou o líder, #xupa concorrência”. Eu particularmente não ligo a mínima se o carro com o qual eu me locomovo é o líder do segmento ou não. RAV4 tem vendas insignificantes (não mais que algumas centenas mensais), entretanto seria a última das minhas preocupações caso eu pudesse adquirir uma.

      Sobre tirar vendas do Corolla, difícil prever. O sedã médio já está com uma tabela bastante puxada. Esses crossovers são sempre muito mais caros do que os carros dos quais são derivados, e em se tratando de Toyota, não haverá a menor cerimônia por parte dela em jogar valores obscenos neste modelo, se considerarmos que já tem Yaris sedã a mais de 90 mil reais.

      • LL

        Melhor comentario que ja li aqui…

      • Natán Barreto

        Pensamos muito parecido. Foi exatamente o que eu achei no comentário que fiz acima.

      • TchauQueridos

        Realmente! O RAV-4 em poucos meses após o lançamento teve aumentos de 60 mil reais!
        Não duvido esse Cross ocupar essa faixa de preço que o RAV-4 que deveria ocupar!

      • Não é tara. É opinião e isso é inevitável quando se refere a um segmento cada vez mais concorrido. Não vi desvantagem nenhuma pro consumidor final. A sua comparação com o RAV4 foi desnecessária, pois, todos sabem que esse Corolla Cross é inferior a ele e essa é a razão do seu lançamento, pois quem reina nessa categoria é o Compasse e a Toyota não tinha um representante ali. Resumindo: a Toyota entra forte nessa categoria e quem ganha é o consumidor, por mais que os preços no Brasil sejam relativamente mais altos em comparação com o mercado internacional.

        • TchauQueridos

          A Toyota não tem nenhum representante pois após o lançamento do RAV4 subiu “apenas” 60 mil reais, virou noticia em vários sites, fez muito sucesso, não pelo produto e sim pela escalada dos preços.
          Assim como vai fazer com o Cross, vai lançar e subir tanto o preço que não vai ter concorrente.
          NOS EUA os preços de ambos são muito próximos (Compass e RAV4) porém no br parece q a Toyota quer vender RAV4 como SUV de luxo.

          • Sino Weibo

            É interessante a comparação, pois analisando na Thailandia, não tem RAV4 à venda, e esse Corolla Cross está mais em conta que o C-HR.

          • Alaor

            Mesmo antes dos aumentos, o RAV4 nunca foi capaz de fazer frente ao Compass, sempre custou bem mais caro, assim como todo o resto do segmento (3008, Tiguan, Equinox, Tucson), porque o Compass é um pouco inferior a todos estes em porte. O verdadeiro concorrente na faixa de cima dos SUVs médios seria o Cherokee, porém ele foi abandonado no Brasil em detrimento das versões a diesel do Compass nacional, o que até se justifica no caso específico do Brasil. Da mesma maneira, o Corolla Cross será inferior, menor e virá mais barato que o RAV4, é óbvio. Com o dólar a 5, 6 reais, você queria que a Toyota baixasse preço do RAV4? Todos os importados estão disparando de preço, não são só os Toyota.

            • Edson Fernandes

              Só lembrando que a Jeep consegue se manter agressiva em seus preços e por isso vende(tatica da Fiat só que para ter os reais descontos vc tendo conta PJ melhor ainda)

              • Alaor

                Mérito da FCA. A Toyota e outras vão seguir o mesmo caminho: dois SUVs médios, um mais barato, outro mais caro. Só que no caso da FCA, ao invés de usar o Cherokee na faixa de cima, vende o Compass diesel nacional, o que foi uma ótima sacada para o nosso mercado.

                • Edson Fernandes

                  Na verdade eu acho que o se sobressai é a marca. Aqui no Brasil a Jeep tem uma visão de “carro importado” e para muita gente isso é bom.

                  E outro ponto a favor é o fato de não terem até hoje um compacto de entrada, o que faz não nivelarem a marca por baixo.

                  Entretanto, se fosse eu na faixa de preços do Compass Diesel iria naquele que melhor me ofertar itens além de um bom produto.

        • Miguel

          Quem ganha é a Toyota, a gente só leva! Kkkkkk

        • Alaor

          Exatamente isso meu caro. É questão de concorrência, modelos dominando segmentos sem esforço significa falta de concorrência à altura, isto nunca é bom para o consumidor. O cara fala com toda a certeza do mundo que este carro custará tão caro quanto o RAV4, sem qualquer embasamento. Mas não adianta, o povo gosta é de discurso inflamado estilo Balanço Geral, gente metendo o pau em produtos que nem existem ainda, isso é que é legal. Não dá para esperar pensamento lógico de um povo que não sabe interpretar textos.

      • Freaky Boss

        é inferior ao RAV4 sim, mas o preço também é. Então está tudo certo. E vai usar a plataforma do corolla e sua mecânica, ou seja, não é um troço porco para emergente não.

        • Não sei se vai custar menos. Tá com cara que vão colocar esse a um preço pouco abaixo do RAV4 atual, e daqui dois meses já está custando a msm coisa, o RAV4 a preço de SW4, e por aí vai…

          • Ernesto

            RAV4 é importado. Por acaso você levou em consideração isso? Viu quanto o dólar valorizou em relação ao Real desde o início da Pandemia?

      • Alaor

        Belo e inflamado discurso. Meter o pau em carros que nem existem ainda realmente dá muito ibope… Pior que não surpreende a quantidade de likes, não é a toa que esse país está do jeito que está.

        Já que nem você, nem ninguém aqui entende, vou explicar. Não é “tara” por desbancar a liderança, tabela de campeonato de futebol ou qualquer outra analogia barata, meu amigo. É simples questão de concorrência, se um modelo domina mais da metade de um segmento com o pé nas costas, é porque não tem concorrente à altura, e o modelo que é líder tende a surfar na onda colocando preços cada vez mais altos. Um bom exemplo é o Compass Limited, que foi lançado por R$124.990 e hoje custa mais de R$ 150 mil, porque vende horrores sem dificuldade. Outro bom exemplo é a SW4, que pulou dos 200 para os 300 mil em questão de meses

        Quanto ao carro da matéria em questão, ele não é exclusivo de mercados emergentes, a própria matéria diz isso. O RAV4 custará mais caro por motivos óbvios, é um carro superior, da mesma maneira que o Cherokee é superior ao Compass.

      • Marcio Souza

        Fanboys: torcem por marcas e seus produtos.

      • Eric Santana

        Normalmente um carro líder de mercado tem menos desvalorização, e vc perde pouco dinheiro na venda. Mtos não ligam mas é um diferencial.

    • Jeanphil

      Ficou legal esse SUV… mas como competir com o Compass sem uma versão Diesel 4X4??

      • Freaky Boss

        boa questão. Pelo menos entre quem gosta, por uso ou por status, de um SUV 4×4, Compass vai continuar reinando….Nem corolla cross nem o VW Tarek vão roubar essas vendas

      • Miguel

        As pessoas estão delirando se acham que esse carro é superior ao Compass em alguma coisa, ainda mais na versão diesel.
        Logo o Compass chega com motor turbo, então o único defeito da versão flex acabou.

        Agora se estão dizendo que ele chega com PREÇOS de Compass Diesel, aí acertaram! KKKKKK

      • Alaor

        Maior parte das vendas do Compass são nas versões flex. Embora as diesel também vendam bem, mesmo tirando elas do total o Compass continuaria líder.

      • Edson Fernandes

        Aí a pergunta pode ser inversa, que produto no mercado que terá opção hibrida fora do Corolla Cross?

        Está bem claro pra mim que ter o recurso 4×4 (ou AWD) não é fator importante nesse nicho de mercado. E se a pessoa quiser, tem outros produtos da Toyota.

        • Jeanphil

          Concordo, a Toyota é a única que oferece a opção híbrida (ainda que meio manca) entre as marcas mais “populares”. De repente, não vale o investimento em um projeto 4X4 Diesel nessa categoria…

          • Edson Fernandes

            E na boa? Eles tem SW4 e Hilux para essa finalidade. Não acredito que irão fazer isso para o Cross.

            Só vamos mirar um pouco em seus concorrentes:
            – Equinox
            – 3008
            – Tiguan
            – Territory (futuro)

            Citei alguns que me vieram a cabeça. Se observar, nenhum tem motor a diesel. Seique o compass e o Ford são um degrau abaixo, mas será nesses que eles estão mirando tbm.

            E a exemplo da Tiguan e Equinox, a versão de topo é com motor 2.0 turbo. Perceba que não há para ambos motor diesel e para os demais tbm, ainda que alguns tenham AWD.

            Então não acredito que a Toyota só criaria tal variante para nosso mercado. Isso teria que ser mto especifico.

            E pense: Tirando a tração AWD, a parte de economia que um hibrido e unico nessa faixa de preço, não teria outro. Ela já tem um diferencial aí.

            Não precisa de outro. Portanto te digo, não terá variante diesel para esse carro porque a de topo será a hibrida com foco na economia de combustivel.

            Eu confesso não me interessar nesse produto e até teria um Compass diesel, mas olharia os rivais de preço semelhante para determinar qual me dá mais por menos.

    • Hiboria

      Nao acredito que ira impactar muito o Compass, vejo que ele se apoia em vendas diretas (PCD), por ser montado no brasil e possuir pecas importadas o desconto de IPI barateia bastante o modelo, o que nao acontecera com esse Toyota.
      Outro ponto eh o modelo diesel, que possui um consumo relativamente baixo para estrada, um familiar possui um Longitude e em viagem chega a fazer 16-17km/l, sem falar no 4×4 que para quem tem um sitio, rancho e encara estradas leves ajuda em dias de chuva e talz.
      Acredito que ele incomodara o segundo pelotao e as vezes podera afetar um pouco os valores, mas conhecendo a Toyota ela nao ira entrar para brigar em preco, portanto acho que ficara embolado com HR-V, Creta,, Tucsson, e afins, enquanto o Compass ira continuar na frente, ainda mais com os novos conjuntos mecanicos que estao para chegar.

      • Freaky Boss

        pois é…tem essa questão de 4×4 mesmo…parece bobeira, mas tem bastante gente (pelo menos em alguns estados do BR) tem sítio etc, vai fim de semana, pega estrada de terra, e olha para o 4×4 como um ítem de valor. Topa pagar um pouco mais…Um pega um usado. Nem o corolla nem o tarek vão embarcar nisso

        • Hiboria

          E olha que nem paga muito a mais por isso nao, se considerar, por exemplo o Compass Longitude Diesel, na faixa dos 150 mil, um honda HR-V tourin na faixa de 142 mil, a diferenca eh praticamente zero, para um veiculo 4×4 com motor diesel robusto.

        • Edson Fernandes

          Meu tio mora em sitio e tem um Sandero Stepway. Eu tenho um Fluence e por fim meu pai tem um Versa. E todos esses passam por lá.

          A unica diferença é que quase chegando na porteira da casa do meu tio, tem um morrinho que se vc for com tudo, para carros mais baixos raspa(está aí porque meu tio tem um Stepway), mas indo devagar vc vai na boa.

          E sinceramente… tem muitos locais que vc nõa precisa da tração nas 4 rodas para essa finalidade. E sim, desde epoca que tive um Uno ELX e C3, eu vou lá tendo chovido e com lama(há um trecho em que é fechado por arvores ao redor então qdo chove vira um lamaçal) e ainda assim passo na boa. Como disse, só não pode ir com tudo andando como se fosse asfalto, mas vc vai na boa.

          Se as pessoas realmente precisassem assim de 4×4, elas teriam que colocar pneus especificos, talvez amortecedores personalizados e até parachoque menos pronunciados.

          A grande ideia é fazer valer a diferença de preço entre a versão flex e diesel. Porque se for só pelo motor é meio dificil justificar a grande diferença de preço.

          • Freaky Boss

            pois é, acho que a questão da altura do solo é importante mesmo. Porque se agarra, o carro fica na lama. Fora as poças de água. Meu pai tem um sítio e teve 2 palio adventure…E a estrada do sítio na época da chuva fica ruim…Passa caminhão de leite, transporte escolar , etc. Só o fato de ser um carro um pouco mais alto já ajudava MUITO. Mas é um somatório de coisas….Quanto mais vc somar, mais vc escapa do barro: carro alto + 4×4 + pneu de uso misto , etc.

      • Alaor

        O grande trunfo do Compass é o preço baixo frente a todos os outros concorrentes. As versões a diesel também ajudam, mas o grosso das vendas mesmo é do Longitude flex. Esse Corolla Cross não vai custar 160 mil na versão de entrada como estão cravando, a Toyota vai querer algum volume com este carro. Eu chuto 130 mil no de entrada 2.0 (faixa do Longitude), até uns 185-190 no híbrido mais completo. Acima disso já tem o Rav4.

        • Hiboria

          Concordo com vc. Por isso ainda acho q o líder será o Compass. A Toyota vem para se consolidar em segundo com um volume razoável e uma boa margem.

    • Guilherme Martins

      Eu acho que “se vê” no estágio de ter um sedan que no nosso país significa: “fiz por merecer” mesmo outro estilo do mesmo carro e custando o mesmo , não o afastará de seguir seu curso cultural. Pra uns o sedan significa: hora de sossegar o facho , ter a estabilidade de um homem de meia idade e ter um carro bom, mas comum. Apenas que é “sisudo”. Já o Cross pra muita gente vai significar: Isso é meu início ( lembre-se pra uns um Mercedes é um luxo, pra outros só um dos carros que ele anda) e o objetivo mesmo ( o que representará: cheguei lá) será um Classe S/Bentley

  • Baetatrip

    Até ficou legal….!
    Porém vai roubar os compradores do Compass flex 4×2…
    A versão 4×4 a diesel vai continuar…!
    Como o amigo Alaor está certo…..
    Essa versão de saltinho do Corolla vai matar o verdadeiro nome do sedan….!
    Fico pensando: Qual é a lógica de carro altinho e oferece RWD e não AWD?
    + Seguro em geral..!

    • Raimundo A.

      Você quis dizer FWD, pois a tração é dianteira. RWD é traseira e AWD é nas quatros rodas sob demanda.

      • Baetatrip

        Errei as silgas…! hehehe

    • Edson Fernandes

      Não acredito que irá afetar o COmpass. Creio que irá afetar mais os altinhos médios. Pois na pratica esse Compass Longitude é sempre comprado com grandes descontos.

  • Fellipe Z

    o painel é meio sem vergonha né?
    mas n ta feio nao
    só essa forma externa achei meio sei la. n lembrou tanto o corolla nao..

    • McLovin

      Painel é ctrl+c ctrl+v do Corolla espichado verticalmente, e a frente genérica de automóvel asiático — a meu ver lembra muito carro da Mazda, sobretudo o conjunto óptico dianteiro. Algumas projeções feitas por designers brasileiros pareciam mais promissoras.

      • Edson Fernandes

        E se eu te disser que ele lembra o Corolla sedan? Vc acredita? Pra mim tirando a parte de faixa prata na grade, ele lembra muito a frente do Corolla só que esticada. Principalmente pelo desenho do farol.

    • Mr. Pereba

      Acho que essa estranheza vem pelo fato de que essa linhagem de estilo geralmente apresentam formas do carro são todas anguladas, com vincos retos, porém nesse modelo tanto os vincos da porta, quanto a grade, os faróis e as lanternas tem elementos curvos e abaulados. Acho que casariam muito melhor nesse carro vincos, faróis e lanternas com elementos retos e angulados, como os do Lexus, por exemplo.

  • Claudio

    De traseira e de perfil até que ficou legal. Agora essa frente, tem alguma coisa estranha aí.

    • truco

      coloca no google imagens: peixe bagre.
      Vc vai entender o que tem de estranho

      • Gabriel Molina Pinheiro

        A frente lembra um pouco os Infiniti. Talvez se esses plásticos pretos fossem cromados ou na cor do carro ficariam melhor.

  • Jhon

    Olhando de frente parece que o carro foi montado pegando partes de modelos completamente diferentes. Paralamas, faróis, grade, coluna C, teto, parece que uma coisa não conversa com a outra.

    • Edinaldo_Tapica

      Pois é. Carro horrível, se vender é por swr Toyota. Definitivamente não entendo porque não trazem os designers da Lexus. Toyota segue com seu design previsível, insosso, e sem elegância, quem diria, justamente o que eu achava da VW até uns 5 anos atrás. A família Polo (Virtus, T-Cross e Nivus) é acertadissima

      • Saraiva

        Dizem que o Design da VW é clássico, atemporal mas num comparativo de hatchs parece que o polo já tem mais de 5 anos. É a impressão que passa ao ser colocado ao lado de Onix e hb20.
        PS não tou dizendo que seja mais bonito ou feio. Só a impressão que passou.

        • Natán Barreto

          O design das alemãs em comparação a outras acaba sendo mais atemporal, por serem sóbrios sem muitos rebuscados.
          Se você olha um Passat 2011, um Tiguan 2012, eles são bem acertados até hoje perante a concorrência.
          Perfeitamente se encaixam em 2020, com cara sóbria, powertrain TSI de 200cv e baixo consumo.
          Da uma olhada no Fusion, Azera, Sonata, Malibu, Accord, Camry ou nos SUVs da mesma época.
          Motores imensos, design rebuscado que hoje já enjoou e não tem os mesmos equipamentos úteis de segurança e infotenimento.

          Em relação ao Polo, acho que ele continua batendo de igual com o Onix só. O resto tá tudo defasado, até o HB20 que chegou e não tem tamanho pra brigar com o Polo sem ser a fanbase fiel.

  • Haggard

    Até que ficou legal, só a traseira que achei meio sem graça.
    Agora… se o Corolla Altis custa o que, uns 150,000? Esse aí eu chuto por “módicos” 199,000…

    • McLovin

      R$ 189.990,00 bate fácil

    • Fábio Prates Rocha

      Mas esse preço não ficaria muito próximo do que é o RAV-4, que é muito mais carro? Não duvido que a Toyota salte o preço do RAV-4 para 230k >
      Me sinto mais pobre do que sou nesse país. kk

      • Navaman

        O RAV4 já está na faixa 218k (S) a 240k (SX).

    • Raimundo A.

      Esse valor só se for no híbrido e ainda estaria muito caro não tendo tração 4×4, pois até então é 2WD gasolina e híbrido. Quem pensar um pouco buscando desempenho verá muito mais negócio pagar por um Compass diesel 4×4 ainda mais se a Toyota aqui manter a mecânica do Corolla, ou seja, 1.8 híbrido.

    • Edson Fernandes

      R$140000 né ?

  • Salim Mahmood

    o fim dos concorrentes

  • Salim Mahmood

    agora a toyota e lider o resto aconcelho aposentar

    • delvane sousa

      Menos né. Nessa categoria há cmcorrentes de peso e ninguém aí vai dominar fácil não.

    • Eng. Mecânica 2014

      O cara torcendo pra que uma marca monopolize o mercado. Meu deus do céu, mano, pensa um pouco. Concorrência e consumidor bem informado são itens essenciais à precificação correta dos itens comercializados.

    • Vinícius

      Se não conseguiu com Etios e Yaris…

  • Sino Weibo

    Não vai ser tão barato, os preços na Thailandia são: 979.000 Baht, o equivalente a R$ 167.506, enquanto lá um Corolla Altis custa 839.000 Baht, o que seria próximo aos preços daqui hoje, R$ 143.552. Com esses valores acima de 150 mil, talvez não mate ainda o Corolla de vez, e nem faça grandes estragos nesse segmento que devemos lembrar começa entre 120 a 160 mil, o Toyota já vai estar acima, como sempre. Vamos aguardar o SUV compacto deles.

    • Edson Fernandes

      Minha visão diz exatamente como vc diz. Imagino que os preços sejam nessa faixa de valor e aumente se houver uma procura muito alta. (aumente substancialmente, pois o aumento irá ocorrer)

  • radiobrasil

    Powertrain BEM mais ou menos né? 2.0 aspirado hoje em dia dona Toyota?????? Esqueci… o publico-alvo não ligará pra esse detalhe, apenas no “design” altinho. Vai se arrastar como o Compass flex.

    • Edson Fernandes

      Lembre que a maioria de quem gosta de Toyota, quer ter carros com facil manutenção. Segundo o que inclusive alguns daqui já disseram.

      Então a versão flex aspirada cai como uma luva. Eu particularmente quero sobrealimentado como proximo carro, mas cada um, cada um.

      • radiobrasil

        É, vai vender que nem pão quente, não tenho dúvidas. Mas não me convence, eu quando troco de carro sempre procuro um bom “upgrade”, mais tecnologia e principalmente desempenho. Comprei meu primeiro turbo final do ano passado e acho que antes de ter um elétrico ainda terei + uns 2 a combustao com turbo mesmo. Trocar de carro pra andar MENOS, não é comigo.

        • Edson Fernandes

          Penso igual.

          Por isso insisto que na minha troca eu pegarei um sobrealimentado. É mais economico, anda mais, tem diversos pontos no carroq ue conseguem ter mais recursos…… e é assim que eu quero.

          Salvo se amanha não precisar da categoria de carro que to interessado, já que a categoria que sempre me chamouo atenção foi a de hatches médios.

          • radiobrasil

            Falando em haches, assistindo ontem a Deutsh Welle, o programa automotivo RPM, análise do novo Opel Corsa… ô tristeza nosso mercado viu? rss

            • Edson Fernandes

              Nem vou falar do que temos….rs

              Mas por exemplo o 208 se realmente viersem motor turbo, nem precisaria vir no mercado. Porque o motor turbo é oque iria cantar a maior diferença perante os demais carros (além daquilo que ele já oferece)

              E os médios, estou orfão de Focus e Golf. Penso no Cruze, mas ainda me voltando aos sedans médios pelos recursos ofertados e preço menor.

  • zekinha71

    Chegou o matador de Corolla, vão correr pra mudar de carro, mas que continua sendo um Corolla. Boa estratégia da Toyota, mata mas não matar ao mesmo tempo.

  • Fábio Prates Rocha

    Quando vejo o preço desses carros, me sinto mais pobre que já sou. É muito caro priorizar um carro descente num país com tanto custo de vida.

  • Natán Barreto

    Vai chegar aqui entre 150 e 200 mil é jogar O RAV4 Hybrid pra pqp.

    Esse carro vai ocupar o lugar que no mundo todo é do RAV4. Abaixo tem o C-HR.
    Mas como no Brasil sabemos como funciona, por hora o Yaris vende a preços de SUV compacto e o Corolla sedan mantém sua faixa intacta. Esse chegará acima.
    E assim anda a burrice dos toyoteiros pq ainda vai chegar um Frankenstein com cara de anos 90 pra enfrentar Tracker e T-Cross.

    Lembrando que sucesso mesmo a Toyota só tem Hilux e Corolla faz tempo.

    • Ernesto

      Mas o RAV4 já está a partir de 217K.
      E como assim ocupar o lugar que no mundo todo é do RAV4? Ele será lançado em vários mercados, inclusive onde existe o RAV4.

      • Sino Weibo

        É interessante dizer, mas na Tailândia onde esse carro foi lançado inicialmente não tem RAV4 à venda, e o Corolla Cross veio mais barato que o C-HR.

      • Natán Barreto

        O que eu disse é que ele vai chegar a preços que deveriam ser do RAV4 que já tá em mais de 200 mil. Os concorrentes do RAV4 Tiguan e Equinox tem trem de força e mais equipamentos. Aqui o RAV4 vai pra preços onde estavam a SW4 que batera 300 mil

    • Eng. Mecânica 2014

      O Corolla já chega nos 145k. Esse aí na versão GLI com motor aspirado vem com rodas aro 15, ar manual e bancos de tecido na faixa dos 150 e na versão Altis Hybrid, encostando nos 200k. Pode apostar.

    • Sino Weibo

      Na verdade, se vc olhar no site da Toyota Thailand, onde ele foi lançado, o Corolla Cross é mais barato ainda que o C-HR.

  • delvane sousa

    Cara de mitsubishi ASX depois da gripe, a começar por esse motor manco para se arrastar por aí.

    • radiobrasil

      Precisamos saber o peso… MAS se tiver o mesmo powertrain do sedan, peso semelhante (mas eu acho q sera mais pesado), por ter cx aerodinamico PIOR, o cross vai ser mais lento que o irmão. MAS pra quem aceita o desempenho do Compass, o Toyota será uma opção (se for concorrer no preço, mas eu acho que os japas vão meter a faca!).

  • Tiago Vaz

    Legal que essa lanterna traseira já nasce com 20 anos de idade. Que lanterna simples e sem graça.

    • Zé Mundico

      Eu até que achei bem pensada e discreta, bem elegante mesmo. Essas lanternas gigantes e cheias de curvas e babados são meio cafonas.

    • Edson Fernandes

      Eu tbm tive a mesma impressão. Que lanterna feia! Não entendo não criarem um efeito 3d para dar um visual mais renovado já que os concorrentes fazem isso.

  • Zé Mundico

    A frente lembra o Mitsubishi ASX , mas tirando isso tem tudo para vender bem e abrir concorrência na praça. Eu acho que quanto mais modelos, melhor para o consumidor optar e escolher. Concorrência sempre é bem vinda e não acredito que possa tirar venda do Corolão, talvez no início por ser novidade, mas depois a coisa se acomoda.
    Os carros da Toyota são bons, sem susto, todo mundo já sabe disso. Quanto a beleza, isso é apenas uma questão de se acostumar….rsrsrsrs

  • Bruno Luis

    Única coisa que podemos ter certeza é que terá TV tubo no painel.

    • Carlos AM

      Bem observado. Até voltei nas imagens para ver de novo rs

  • Murilo Soares de O. Filho

    Carros Japoneses, em sua maioria são muito bons, porém quando vc olha pra eles, não desperta vontade nenhuma de ter, exceto alguns modelos bem específicos.

  • hinotory O

    Porque anti Compass? Pode ser anti qualquer coisa essa aberração, mas tomar o lugar do Compass?

    • Rael Core

      O nome Corolla “conta muito”…

    • Ernesto

      Será porque o Compass é líder neste segmento, considerando seu tamanho?

  • Guilherme Batista

    Ontem vimos o belíssimo comercial do Ford Bronco e agora comercial totalmente genérico e sem graça desse Toyota.
    Acho que cada comercial combinou bem com cada carro

  • Tibúrcio

    Eu achei o carro bonito! Mas o interior é bem discreto, simples.
    Mas, não há como negar que Toyota não dá dor de cabeça nenhuma!

  • André Pira

    Primeiro a Ford cag* no nome Mustang (SUV Mustang Mach🤦🏻‍♂️), agora a Toyota cag* no nome Corolla. Custa colocar um outro nome?

    • Raimundo A.

      Não é Corolla e sim Corolla Cross. É como a VW com a sua mania de usar nomes iniciados com T tipo T-Cross, Touareg, Tiguan, T-Roc, Tarek, Tarok, Tharu, etc. Custa mudar a letra inicial se for para reclamar?
      A Honda pegou o Fit, ergueu, mudou frente e traseira e chama de WR-V. Ver a semelhança com HR-V e CR-V? O R-V está presente neles. A inicial muda para identificar os veículos.
      O povo acha ruim quando um produto muda de geração e mudam o nome porque perde a oportunidade de fortalecer. Quando é um caso de sucesso, beleza. Reclamam quando mantém o nome de sucesso, mas com sobrenome. É o mesmo caso do Corolla Fielder. Tem marca que não coloca sobrenome para designar uma SW. Os termos hatch, sedan e SW separam os tipos de carrocerias usando único nome.

      • André Pira

        Só acho que usar o nome de um clássico como é o caso do Mustang, referência de esportivo pra colocar num 🤮SUV é uma tremenda bobagem. Corolla é um sedan, clássico também. Mas; ok, que coloquem o nome que bem entenderem, só expressei a minha opinião? Posso? Abraços!

        • Sino Weibo

          A Ford não colocou o nome Mustang no SUV, ela criou uma submarca de elétricos chamada Mustang, é totalmente diferente. E vc iria se surpreender quantas carrocerias o Corolla tem pelo mundo, pq vc acha que ele é o mais vendido, achas que consegue o título vendendo só sedans?

          • André Pira

            Diferente porque é elétrico? Se fizesse um Mustang (o muscle car mesmo) elétrico, eu até entenderia. Mas, ok, não vou comprar nenhum dos dois mesmo…😁😂😂

          • André Pira

            Se fosse um Mustang elétrico (o muscle car mesmo), eu até concordaria. Mas; como você mesmo citou, a Ford criou uma submarca. Não achei legal. Mas é só uma opinião minha, sem julgamentos.

      • Edson Fernandes

        O WRV em nada ergueu sua altura, só tem visual diferente do Fit e só.

    • Vinicius LMS

      A Toyota já fez isso antes, pesquisa por Corolla Verso, Corolla Rumion, Corolla Matrix, Ceres…
      É estratégia deles para manterem o nome em evidência e depois somar tudo para dizer que é o carro mais vendido do mundo.
      Mas realmente eu preferia que esse carro tivesse outro nome.

  • Freaky Boss

    brigas de toyota haters x lovers em 3, 2, 1 e já

  • andinmoraes

    na sua garagem por somente 200 mil

  • Rael Core

    Corolla Cross é menor que o Corolla sedan?!

  • Sedici

    Melhor que as projeções!
    Geralmente é o contrário

    • Freaky Boss

      eu também achei

  • Alexandre Maciel

    Corolla Cross? Quero ser um Lexus. Faltando criatividade à divisão “popular” do grupo Toyota.

  • Guilherme Macieski

    Traseira lembra a Tiguan nova, e os faróis dianteiros do Nissan Kicks. No mais, é um Corolla, o que dispensa comentários, vai vender muito. Com certeza se eu pudesse compraria um.

  • Carlos

    Esse vai matar o Corolla.

  • Freaky Boss

    Se o design for esse mesmo, gostei. Lembra um pouco a linha LExus

  • fsjal

    vai custar o preço de uma Tiguan R-Line com o nível de equipamentos de um Etios.

  • Eng. Mecânica 2014

    Visual bacana e mecânica robusta: aquela velha receita de bolo que não tem como errar. O problema é a precificação de pelo menos uns 20k acima dos concorrentes diretos.

  • Ueldes Damasceno

    Tenho um Compass Trailhawk (diesel) e não me senti nem um pouco tentado a trocar por um Corolla Cross. Já começa que o design não me agradou.

    • fsjal

      sem falar que o seu é diesel né…. é outra conversa.

  • não sei se é só impressão minha, mas as linhas parecem bem datadas e nada conversa com nada..

  • Pedro Duarte

    Poderia vir com teto solar panorâmico.

  • JFX

    Cara de buldogue

  • Fábio

    Lateral de new tucson. Eu gostei

  • Leandro

    Não duvido que a versão GLI com roda aro 16″, sem farol de neblina, banco de tecido, por 150 mil.

  • A-MG

    Sou muito mais o Compass, o design desse Crossrolla não me desceu.

  • Allifen Marques

    Já notaram quantos “anti-Compass” foram lançados e morreram na praia?

    • Hector Bonilla

      Fiquei curioso. Quais?

  • Miguel

    Conhecendo a Toyota como a gente conhece, óbvio que o 2.0 virá. Eles costumam ajustar bem cambio/motor, mas vai ser aquele desempenho anestesiado, né?

    Se usarem o Hibrido do Corolla vai se arrastar na estrada. Se usarem o do Rav-4 vai custar os olhos da cara!

    Competir com Compass já nasce fadado ao fracasso, até pq o único defeito do Jeep (a versão flex) vai ganhar novos motores. Depois disso eu não tenho nada de ruim pra falar desse carro.

    • Edson Fernandes

      Eu tenho sim. Que um carro que custa acima de R$100000 ainda não oferte de série os air bags laterais e de cortina. ISso deveria ser algo padrão para esse segmento que passa dos R$100000.

  • Paulão

    Desculpem o off-topic, mas alguém já reparou matérias sumindo do site?
    Por exemplo, essa semana teve uma falando do etios e agora não tem mais e nem procurando no google consegui achar, é como se eles tivessem excluído a matéria.
    Eu já reparei isso várias vezes aqui, mas agora resolvi perguntar para ver se não sou eu que estou maluco! rsrs

    • Alexandre Maciel

      Sim. Não sei qual o critério, mas, após algum tempo, algumas notícias simplesmente somem.

  • Henrique Gouveia

    Senti um pouco de estranheza com esse console. Achei um pouco sem graça.

  • Pablo Lee Peter

    A projeção era bem melhor! kkk…Modificaram o carro por fora e aumentaram um pouco a altura, só pra fazer frente a concorrência e colocar o preço no espaço…Tô fora!

    • Jim Morris

      Tá fora a anos amigo , como anda os 🚊 e os 🚌.

      • Pablo Lee Peter

        um anda no trilho e o segundo anda no asfalto

  • Marcio Souza

    Mais do mesmo.

  • Cleber

    Tanto Compass quanto Renegade a diesel não possuem concorrentes em suas categorias. Acredito que esse Corolla Cross só possa tentar peitar o Compass a diesel com a versão híbrida (considerando apenas o consumo). Fora isso, acho que não vai nem fazer cócegas nas vendas da Jeep :P

  • wilson

    Calma gente, deixa chegar o lançamento e passar uns dois anos rodando para saber se vai ser um carro competitivo…

    Não esqueçam dos lançamentos de outros veículos o ano que vem…

    • Freaky Boss

      também acho isso. Tarek, Ford Territory, Nissan XTrail (?) etc

  • Fabio Marquez

    Vai seguir os mesmos passos do HR-V que é pior que o Civic em todos os quesitos possíveis, mas vende mais e é mais caro do que ele.

  • Rogerio Venturella

    Acho que a briga é com HRV et outros… com o Compass o RAV da de relho….

  • Junior Siqueira

    Finalmente está explicado porque a RAV4 subiu tanto: Foi pra dar lugar a esse lançamento na faixa dos 150.000 até 200.000…
    Coisas que só acontecem no Brasil, e nós temos que engolir: um carro modificado por fora e mais alto pra satisfazer o mercado.

    • Freaky Boss

      mas o mundo está caminhando para SUV…não é só aqui. E AINDA tem opções que não seja SUV, como corolla, jetta, etc. Basta o consumidor se informar

  • Paulo Lustosa

    Esse carro tá mais pra um Corolla Tourer encurtado com outra traseira e frente e roupagem aventureira… até o interno é exatamente o mesmo do Corolla Tourer

  • Godofredo das Neves

    Mais um toyota horrivel.

    Se fosse hyundai ia ser massacrado. kkkkkkkkk

  • Renato Almeida

    Imaginei que o RAV4 fosse o anti Compass até pesquisar o preço e descobrir que o RAV4 no Brasil custa à partir de R$ 220.000,00 no site da Toyota! Nessa tocada dos concorrentes, a Jeep deve manter o reinado por mais algum tempo.

  • Lucas Melo

    projeção comeu poeira dessa vez, hehehe

  • Armando

    As vendas do Corolla vai ficar próximo das vendas do Civic. O preço do cross no início será baixo, mas será reposicionado como foi feito com Corolla. Tem muitos usuários da Toyota que já está no quarto ou quinto Corolla. Não foi para RAV4 porque é importado, mas agora vão para o Cross porque será fabricado no Brasil.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por 15 anos. Saiba mais.

Notícias por email