Hatches Manutenção Sedãs Toyota

Toyota Etios tem problemas em embreagem por cabo, que não é usada em modelos Toyota desde 1993

toyota-etios-2014-10 Toyota Etios tem problemas em embreagem por cabo, que não é usada em modelos Toyota desde 1993

Proprietários do modelo Toyota Etios estão reclamando da durabilidade do cabo de embreagem. Segundo relatos, colhidos pela revista Quatro Rodas, os donos reclamam que o dispositivo não dura nem mesmo 50.000 km, bem diferente dos mais de 100.000 km já observados no Corolla e até mais de 200.000 km na picape Hilux, por exemplo.



A causa da problema seria o sistema de acionamento por cabo, ao contrário do que ocorre nos modelos citados, que possuem sistema hidráulico. Segundo um consultor técnico especializado em Toyota, o sistema não é utilizado em outros modelos da marca japonesa desde 1993. Com o desgaste do cabo de aço, o acionamento fica prejudicado.

Relatos falam de endurecimento no acionamento da embreagem e desgaste prematuro do conjunto. Um relato diz que o sistema patinava e o pedal ficou duro ao ponto do proprietário ser obrigado a trocar a embreagem num Etios XS 2013 com mais de 30.000 km rodados, pagando R$ 2.600.

Em outro caso, que também gerou uma troca de embreagem muito antes do previsto, um Etios Sedan 2014 com 40.000 km também teve problemas com o dispositivo, que não era coberto pela garantia. O dono diz ter visto vários casos na internet, incluindo carros com menos de 20.000 km. De acordo com a Toyota, os casos mencionados pela revista foram resolvidos sem custo para os proprietários.

O Toyota Etios é um dos modelos de entrada mais vendidos do mercado, tendo acumulado em 2017 um total de 31.053 exemplares da versão hatch, que ocupa a 12ª posição no ranking dos automóveis e 22.794 unidades emplacadas da versão sedã, que está em 19ª colocação. Em setembro, porém, a dupla não vendeu bem e ficou em 21º para o Etios com 2.831 emplacamentos e 2.381 para o Etios Sedan. Além da opção manual, o modelo é conhecido por oferecer câmbio automático (de quatro marchas) para todas as versões.

No mercado nacional, as principais marcas do mercado já abandonaram o sistema de acionamento da embreagem por cabo, utilizando para isso atuadores hidráulicos e pistões para suavizar a força empregada no acionamento do pedal. A vantagem, além de tornar o acionamento mais macio, é proporcionar maior vida útil ao conjunto e evitar dores de cabeça como as citadas acima, bem como a quebra do cabo de aço ou seu desgaste, que pode avariar o sistema de platô e disco por completo.

Outro benefício é dispensar a regulagem, atuando assim de forma automática e mantendo sempre o curso ideal. A recomendação é que esse verifique o nível de fluído do atuador hidráulico da embreagem a cada 50.000 km. Ainda assim, em rápida pesquisa na internet, descobre-se que, mesmo com acionamento hidráulico, existem diversos relatos de problemas de durabilidade do conjunto de embreagem.

[Fonte: Revista Quatro Rodas/Terra]

  • Geraldo Xavier

    Cadê a marca inquebrável?
    Carro feito pra terceiro mundo com falha grotesca. Tudo pra reduzir custo. Essa porcaria horrorosa deveria ser vendida a preço de kwid. Mas é toyota então vale.

    • No_Name

      Ambos custam mais do que deveriam por aqui. Lá na Índia eles custam mixarias.

    • Hodney Fortuna

      Na India o Kwid e Etios devem custar praticamente o mesmo entre si!

      • Mari Silva

        Kwid INR 2,61,800 Etios INR 5,43,700

        • T1000

          dá pra comprar 2 kwids com 1 etios

        • Hodney Fortuna

          Mais do dobro!

  • Wellington Myph13

    Toyota hein…

  • yurieu

    Ninguém foi obrigado a comprar com uma arma apontada na cabeça. O próprio carro já diz “Não me compre”.

    • No_Name

      Ia escrever algo parecido mas o fato é que não importa o quanto um produto seja ou custe, ele tem funcionar bem e não apresentar defeitos grosseiros. A culpa é da Toyota mesmo.

  • V12 for life

    A Toyota economizou mais do que deveria nesse carro.

    • Raul Pereira

      Isso hoje em dia. Lembra da primeira leva/lote deles? Fui na css ver um com meu amigo, era um carro ainda mais espartano com acabamento pior que de carro chinês.

      • Daniel

        Pois é, lembro bem! Quiseram empurrar para o brasileiro um carro com nível de exigência indiano…

      • Wilson Junior

        Isso é verdade, pra ficar ruim, ainda teve que melhorar kkkk

      • ViniciusVS

        Aquela primeira versão era realmente lamentável.

        Eu acho o Etios um carro honesto hoje, na versão X AT é uma boa opção para uso urbano.

        • Raul Pereira

          Porém o AT consome bastante se comparado com os outros AT, não?

          • ViniciusVS

            Sim, mas é a opção mais barata com AT de verdade.

            • Raul Pereira

              Ah, isso sim.

        • T1000

          versão x ninguém merece olhar para isso todo o dia na garagem ou no estacionamento. mais feia que bater na mãe. prefiro um palio 1997.

          • ViniciusVS

            Eu já acho o X mais agradável que o XLS

            Aquele friso cromado na traseira do Etios é totalmente desnecessário.

    • invalid_pilot

      São as economias que ninguém enxerga, o duro é não achar uma peça tão banal pelo fato dela ser ultrapassada.

      • CharlesAle

        Exatamente. Economizam onde ninguém está vendo..Pratica comum dessas montadoras para fazer os carros ficarem mais baratos. Eis uma das razões porquê não compraria um Kwid, hoje, de jeito nenhum.É um carro que se vê economia por todos os lados..

  • Silvio Vasques

    Esse Etios é uma das maiores enganações que eu já vi na vida! E enganação cara!

  • durango

    Aprendi a dirigir num Chevette, tive Brasilia, Fusca, Corcel, Uno, entre outras relíquias.
    Embreagem só troquei quando minha primeira esposa compartilhava.

    • NaoFaloComBandeirantes

      Hahahahaha!
      A mesma coisa aconteceu comigo, amigo.
      Quando comecei a compartilhar com minha esposa, a embreagem de foi!

      • durango

        Sem querer dar indireta, mas com a segunda esposa só alegria!!
        kkkkkkkkkkkkkkk

  • beto

    Achei que só o design era dos anos 90.

    • No_Name

      A mecânica e os componentes também rsrs.

    • thi

      Nao amigo os carros dos anos 90 eram lindos ,posso citar inumeros aqui .

      • joao vicente da costa

        Ein?!

        • thi

          ele disse q achou q ´so o desenho era dos anos 90..mas nem isso..pq esse desenho é mais feio q bater na mae. e sim os anos 90 tivemos linod carros ..ate o corsa wind e o gol bolinha da de 1000 a zero nessa coisa horrivel

          • Gran RS 78

            Não se esqueça do Vectra 97 que foi revolucionário para à época.

      • ViniciusVS

        O Etios não é feio, só tem o Design antigo e vai contra o gosto do Brasileiro.

        Esse carro nos anos 90 seria considerado bonito.

        • Wilson Junior

          É verdade, na Índia não é feio kkkkk

          • ViniciusVS

            É +- isso mesmo kkkkkk

            É que para a década de 90 não seria tão feio, eu acho o Etios mais bonito que o Fiesta dos anos 90 por exemplo…A Toyota errou no design igual a Volkswagen, fizeram um carro muito simples por fora e espartano por dentro. O Brasileiro prefere carros com design mais “moderninho” como HB20, Onix, etc…

      • Janduir

        Eu acho o visual do Fiat Premio Csl mais acertado que o Etios Sedan… esses dias vi um Etios Hatch batido na traseira (só o tampão) e achei que “orno”.

        • ViniciusVS

          O Uno/Premio tem um design bem feliz mesmo. É o máximo da simplicidade porém com harmonia. Eu gosto bastante do caixotinho. Em xasa tivemos um EP 96 2 portas azul. Apesar de ser pé de boi era uma solução bem legal para a época, a direção mecânica não era pesada… Foi um carrinho bom.

      • CharlesAle

        Um inesquecível: Mitsubishi Eclipse..atemporal o carro.

  • Fanjos

    Ora ora…quem poderia imaginar

    • carroair30

      Vamos ser siceros:quantos deram problema? o que representa isso em um unverso de ETIOS ? toda maquina é passivo de quebrar ,ate aviao quebra!

      • Fanjos

        A Toyota usa sucata na cara de pau para montar esse “carro”, a própria aparência dele já demostra o desdem que a Toyota tem pelos lugares em que vende esse treco.

        • Kiyoshi Yamashiro

          Até o câmbio automático é reciclado, ao invés de usar o cvt, preferiu ressuscitar o câmbio de 4 marchas

      • NaoFaloComBandeirantes

        Certamente uma surpresa para quem pensava que estava pagando mais por mais qualidade.

        Pelo visto, as economias porcas do Etios não se restringiam ao que se vê (acabamento pobre, limpador de parabrisa único, maçanetas com parafuso aparente)…

        • carroair30

          O pessoal usa ainda CORREIA DENTADA pq nao usar cabo de aço na embreangem?? se é pra ser MODERNO entao vamos ser moderno com todas!

          • ViniciusVS

            Tem isso também, dois pesos e duas medidas kkkkkk

            Mas no caso o cabo de aço deveria ser mais robusto, eu tenho um carro antigo com cabo de aço e varão, não vejo problema algum no sistema somente o contra da alavanca vibrar um pouco as vezes na lenta mas isso não me incomoda.

          • Alexandre Maciel

            Eu até concordo. Prefiro que as montadoras usem corrente pelo fato de ela raramente exigir manutenção. A questão é que a correia, salvo engano, contribui para a redução do consumo de combustível. Então há pelo menos um argumento racional para o uso da correia, apesar de eu não simpatizar com o fato de ter que ficar inspecionando um pedaço de borracha que, se rompido, pode levar o motor à morte.

            • TijucaBH

              Alexandre, nao procede a questao de consumo com correia.
              Veja por exemplo nas motos. A transmissão final mais eficiente é por corrente, depois correia e em terceiro por eixo cardã. A correia exige maior tensionamento que a corrente e gera atrito com as polias, por isso em termos de eficiencia, ela perde pra corrente, porém a diferença é mínima!!!

              • Alexandre Maciel

                Eu só reproduzi o que alguns canais replicam. Na verdade eu queria ver um estudo científico sobre essa questão.

        • Wilson Junior

          Isso sem contar o painel de mobilete.
          E Agora colocaram um rádio relógio kkkkkk

    • CharlesAle

      Sim.E o pior, o preço da troca da embreagem é uma paulada, ô loco bicho…Ai o cara chora por ser Toyota( e suas peças de preços absurdos)…

  • Duh

    Não é só o visual que pertence a décadas atrás. Ainda tem gente que defende esse projeto de baixo custo do baixo custo, isso devia valer no máximo 30mil.

  • NaoFaloComBandeirantes

    Tudo mentira da reportagem!
    Inveja e recalque do site! Hahaha

    Os carros são inquebráveis, incapotaveis, indesvalorizaveis, inigualáveis e mais um monte de adjetivos!

    Os proprietários é que usam a embreagem demais ou da forma errada.

    Favor se retratarem e não falarem mal da Toyota!

  • Yuri Lima

    Ué, mas Toyota não é sinonimo de carro inquebrável? Mesmo que para isso seus carros tenham tecnologias ultrapassadas e pessimo custo beneficio?

  • Tochio

    Pelo menos ele é bonito né !!

    • Preso Por 1 Real

      Pelo menos ele é barato né!!

      • Thales Sobral

        É barato?

        • T1000

          pelo menos é um toyota né

          • Thales Sobral

            Toyota por 5 dígitos, tá barato mesmo. rssss

  • fofis

    Acho engraçado isso. O sistema de atuacao hidraulico tambem da problema (vazamento, ruido), mas agora o sistema a cabo virou um grande problema, uma grande porcaria… se o sistema a cabo é tao ruim, entao prepare-se para ter problemas com outros carros, por exemplo o Kwid usa isso , assim como alguns Fiats com motorizacao Fire ,Sandero, etc.
    A materia entretanto esta correta ao afirmar que a maioria dos novos carros nao sao projetados com esse sistema e que a dona Toyota deveria sim ter sido menos muquirana ao aplicar esse sistema em detrimento ao hidraulico (uma vez que o sistema a cabo é de fato mais barato). Mas dai a insinuar que isso é um problema em massa vai uma grande distancia. Todas as montadoras apresentam seus problemas pontuais (qualquer um que ler o reclame aqui nao compraria carro nenhum em nosso mercado), e a dona Toyota apesar de sua fama tambem nao fica imune a isso.
    E nos tinhamos um Etios na forta da empresa que rodou 150 mil km (foi vendido recentemente) e nao precisou trocar de embreagem nesse periodo. E por outro lado tinhamos um Up que com menos de 1 mes foi parar na concessionaria por causa de ruido no acionador hidraulico.

    • ViniciusVS

      Eu não gosto muito do sistema hidráulico. É bom 0km, depois que troca a embreagem já não fica mais 100% pois fica leve um tempo e depois vai aumentando o peso…

      Mas é questão de gosto…

      • Douglas

        Acredito que isso tenhá relação com o kit de embreagem, não com o acionamento. Será?

        • ViniciusVS

          Comprei o Kit original na Chevrolet.

          • T1000

            O problema chama-se Chevrolet.
            Motores que adoram vazar óleo.

            • ViniciusVS

              O meu deu alguns problemas em periféricos como a ventoinha, o arrefecimento também sujava com frequência…

              Agora luz de injeção e vazamento de óleo ele curiosamente nunca teve apesar de ser comum problemas nesses dois pontos, vendi com 82.000km

    • Douglas

      É muito mimimi desse povo, para mim tanto faz se é a cabo ou hidráulico, o importante é ser bem feito.

      • Thales Sobral

        Pois é, tive um celta com acionamento a cabo, vendo com 5 anos e 50 mil km, macio como novo. Pra carro de baixa potência o acionamento a cabo é muito viável.

  • Allan Barcos Taveira

    Ah se fosse carro francês… mas é Toyota, então não tem problema hahaha

  • RBuriti

    Já vi relatos sobre isso desde ano passado…..Mas é Toyota, inquebrável

  • Luis Carlos K.

    Só um adendo, o sistema era a cabo até o ano passado. Atualmente já possui acionamento hidráulico.

  • Zé Mundico

    Que falta faz uma mão de graxa bem aplicada…..rsrsrsrs

  • SDS SP

    O fato é que esse carro, apesar de bom, não vale o que custa pelas economias porcas que possui.
    Mas como o consumidor comum tem uma percepção de valor diferente quando se trata de um Toyota, acaba vendendo até bem.

  • João Cagnoni

    Caiu a máscara…

  • SDS SP

    Quando eu vejo o preço desse carro na versão top de linha, penso que os concorrentes estão de “graça”…

    • Aristeu Junior

      Uma conhecida que pegou um Platinum se gabou dizendo que era quase o mesmo preço de um corolla de entrada hahaha

      • Edson Fernandes

        Se gabar do preço ao pegar um carro mto inferior? Rapaz…

        • T1000

          brasileiro precisa ser estudado, adora pagar caro em qualquer porcaria.

  • Jefferson Ferreira

    Não passa de um kwid da toyota… feito para o mercado indiano com economias porcas por todos os lados…

  • Daniel

    Isso que dá achar que um carro feito para indianos é um Toyota com a tão propalada qualidade da marca japonesa. Carro projetado originalmente para o mercado indiano eu não quero nem de graça!

  • TijucaBH

    nao defendo nenhuma marca, muito menos a Toyota, mas casos de embreagem que desgastam prematuramente é o que mais tem no mercado. Procure no reclame aqui por embreagem HB20, Palio, Onix, Ka, Gol , etc!!! Nao é o fato de usar cabo que faz a embreagem desgastar. Já tive um Kadett que rodou 98 mil km com o mesmo jogo de embreagem (com cabo). No fim estava bem dura, mas nao patinava nada, porém minha mae rodou 40 mil km com um Celta e teve que trocar a embreagem porque estava patinando. Embreagem depende muito do uso. O que eu mais vejo em Belo Horizonte (só tem morro) é o pessoal segurando o carro na embreagem sem acionar os freios. Depois reclamam que a embreagem dura pouco.

    • T1000

      esse lance da durabilidade da embreagem tem a ver com a falta de habilidade da pessoa.
      as pessoas no geral subestimam sua falta de habilidade, depois falam que o carro é ruim.

  • Baralho

    Estou mais surpreendido que a derrota da SC Cavalo Paraguaio pra Ponte.

  • Hoffmann

    Embreagem com acionamento por cabo apenas nos Etios até 2016, nos 2017 já é sistema hidráulico.

  • Léo Dalzochio

    Cabo de embreagem? Pensei que essa tecnologia havia sido sepultada junto com o carburador, a ignição por platinado, o quebra-vento… Há mais semelhanças entre o Fusca e o Etios do que o próprio design sugere!!!

  • Lucia C.

    Carro japonês não dá manutenção. Mimimi…

  • Racer

    Mentira….Toyota não quebra….(ironic velocidade 5)…

  • Fabão Rocky

    Pensei q a Toyota fosse inquebrável! #sqn

  • Will

    Crendios!!!…(ironic)

  • Retrato do Papai

    e eu já achava porqueira só ter uma cordinha no bagagito da mala e a ausência de alto falantes traseiros… agora vem essa de embreagem acionada por cabo… qual vai ser a próxima? vamos lá toyota, nos surpreenda!

  • Gran RS 78

    Esse Etios é uma vergonha para uma marca como a Toyota e tbm para quem compra, pois esse carro não é vendido em nenhum país de primeiro mundo, e sim para países de terceiro mundo, assim como o Kwid, mas pelo menos o modelo da Renault não esconde isso, inclusive nos preços, diferentemente da Toyota, que cobra preços de Yaris para esse carro indiano aqui no Brasil.

    • carroair30

      HB20 tambem foi feito so para nos BANANEIROS e ninguem fala nada!!!!

      • Gran RS 78

        O Hb20 mesmo sendo desenvolvido no Brasil, é infinitamente melhor que o Etios, e não é um modelo de baixo custo. É um carro com visual, acabamento, mecânica, cambio automático com seis marchas, 4 air bags nas versões mais caras, isofix e etc. O único ponto a favor do Etios em relação ao HB20 é o espaço interno, no mais , é um carro completamente ridículo e caro vendido somente para quem é muito fã da marca.

  • Erick

    “Compre um Corolla, Toyota não quebra!” SQN!

  • Heleno

    Tem o video no youtube de um mecânico falando a respeito, inclusive a Toyota emitiu uma nota interna para reparo e lubrificação do cabo da embreagem, geralmente aos 30mil km rodados. Vale frisar que a partir de 2016 é usado um sistema hidráulico.

  • Chris

    Ah o Etios é feio, mas a mecânica dele… ah não pera..

    • Matheus

      kkkkk ri muito com essa amigo

  • Fael

    Toyota? Hummm

  • Hodney Fortuna

    O Toyota Etios deve ser, na minha opinião o carro mais barato de se produzir no brasil! E o índice de lucro deve ser entre todos o maior! Um carro projetado num país que visa ser um dos mais baratos como a India o Etios é o típico produto para países subdesenvolvidos! Mas, o carro caiu muito no gosto dos brasucas! Mesmo sendo feio é um dos mais vendidos!

  • Daniel

    A Toyota fez a fama com o Corolla, que é do segmento médio e naturalmente já tem mais qualidade (só ver os concorrentes Cruze, jetta, focos, civic…)
    As outras marcas tinham a fama dos modelos mais populares /acessíveis, que, naturalmente, tem menor durabilidade /qualidade…
    Quando a Toyota entrou nesse mercado de carro popular, arriscou muito… Tá aí o Etios mostrando que tem a mesma qualidade dos concorrentes mais baratos.

  • Ygor Soares

    Opa opa Opa! É a melhor marca do mundo, inquebrável e ainda utilizando cabo de embreagem?

  • Austin&Katya

    Meu Siena é de 1997 e já veio com embreagem hidráulica, e olha que a Fiat é atrasadíssima com tecnologia. Espero que essa seja a única mancada da Toyota.

  • Mr. On The Road 77

    Meu Fiesta Street Rocan lá em 2004 já tinha embreagem ‘hidráulica’….

    • bbmp_

      Meu Ford Ka, la em 98 tambem…

    • Maneco

      Tive um Ka com menos de 50 mil K e um Fiesta com uns 60 mil K que romperam o cilindro da emb. hidráilica.

  • thi

    rapaz nem sei como tem debil q bate no peito e fala dessa marca ,esse carro todo mal feito ,eu vi os primeiros, um lixo ..até o motor internamente a parte da lataria era sem pintar..muito tosco

  • afonso200

    metade do preço de trocar oleo e discos da caixa automatica

  • salvibr

    Esse carro eh o Yaris de primeira geracao!! somente com umas mudancas!!!

  • É inquebrável sim, confie.

  • Maneco

    Tive um Ka com menos de 50 mil K e um Fiesta com uns 60 mil K que romperam o cilindro da emb. hidráulica.

  • Jok Jok

    Traços de projeto de baixo custo

  • Andre Henrique Melo

    Nova Palio modelos 2012 a 2014 o cabo não partia. Era no encaixe com peça ao conjunto soltava.A minha 2013 foi com 25 mil KM. Ao trocar o mecânico me mostrou o defeito da peça.A prensa do encaixe era ineficiente.Ao trocar pequei o cabo da marca não utilizada pela Fiat.

  • Marcelo Henrique

    Cara… Isso é notícia velha.
    Desde 2015 o povo já reclamava dessa embreagem.
    Mesma coisa para os bicos da nova Hilux diesel que entopem se o carro for pouco utilizado, mas a Toyota troca os quatro de uma vez só se o veículo estiver em garantia.

  • Eduardo

    “a trocar a embreagem num Etios XS 2013 com mais de 30.000 km rodados, pagando R$ 2.600”.
    O Código de Defesa do Consumidor assegura que peças com vício redibitório [desgaste anormal, muito antes do que é o comum na indústria] é de 90 dias, a partir do momento no qual apareça o defeito. Esses proprietários não precisam de garantia de fábrica, pois tem a garantia da lei. Cobrar em juízo desses salafrários, que lançam produto com problema e deixam os consumidores se ferrarem.

  • Fernando Staatssicherheit

    Só uma vez quebrei o cabo da embreagem. Era um Corcel 1, e o cabo novo custou apenas 30 reais e a instalação fiz eu mesmo em apenas 10 minutos. Bem facilinho com sua mecanica simples!

  • Junio Tavares Silva

    Isso é intriga do oposição, toyota não quebra, não dá defeito, não desvaloriza, trás a pessoa amada em 7 dias, cozinha passa e lava, te faz companhia nas horas difíceis……………… e outras que não recordo agora!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend