Híbridos Hatches Linha 2018 Toyota

Toyota Prius 2018: detalhes, fotos, equipamentos, consumo, preço

toyota-prius-20-anos-9 Toyota Prius 2018: detalhes, fotos, equipamentos, consumo, preço

Vendido no Brasil há algum tempo, o Toyota Prius 2018 é vendido em versão única e com preço sugerido de R$ 126.600. Antes um híbrido com poucas pretensões no mercado brasileiro, o modelo virou balão de ensaio para um projeto bem mais elaborado por parte do fabricante japonês, que literalmente quer eletrificar seu lineup no país. O produto não só terá versão elétrica, mas será a base para o próximo Corolla e o crossover C-HR.



Nascido como um simpático sedã compacto, que media 4,27 m de comprimento, 1,69 m de largura, 1,49 m de altura e 2,55 m de entre eixos, o Toyota Prius na versão japonesa, foi exclusivo até 2001 e tinha alguns problemas elétricos que não o faziam trabalhar corretamente em altas altitudes e climas quentes. Na versão americana, os problemas foram resolvidos, mas o modelo era um pouco maior (4,30 m) e mais baixo (1,46 m).

O Toyota Prius para os EUA surgiu com a inédita tela digital que mostrava o funcionamento do sistema, o que cativou muitos clientes a andar de forma mais eficiente com o híbrido nipônico, ainda mais porque o modelo utilizava baterias de níquel-hidreto metálico. Mas, só chegou ao mercado americano em 2001, dois anos depois do Honda Insight, que de fato foi o primeiro híbrido para as massas nos EUA.

Seu preço no Japão era equivalente a US$ 16 mil, mas a Toyota gastava US$ 32 mil para faze-lo. Até a versão para os EUA foi vendida com prejuízo na primeira geração. Dois anos depois, surge a segunda geração do híbrido, adotando o estilo liftback, que seria sua marca pelos próximos anos.

Na terceira geração, o Toyota Prius finalmente chegou ao Brasil. Por fim, em 2016, é lançada a quarta geração, agora com plataforma TNGA e versão Plug-In definitiva, já que a anterior ganhou essa opção bem depois do lançamento, podendo assim ser recarregado em fonte externa.

novo-toyota-prius-2016-3 Toyota Prius 2018: detalhes, fotos, equipamentos, consumo, preço

Toyota Prius 2018 – detalhes

O Toyota Prius 2018 evoluiu em tecnologia e design. Apesar de parecer estranho e exagerado em primeiro olhar, o híbrido se converteu em um liftback mais agressivo e chamativo, que atrai os olhares em todo o lugar onde passa. Com conjunto ótico geral em LED, o modelo conta com faróis triangulares duplos e possui luzes diurnas.

Os faróis de neblina também apresentam o mesmo estilo. O capô forma um nariz com o logotipo da marca japonesa e vincos bem pronunciados. Na traseira, o Toyota Prius 2018 possui lanternas em estilo bumerangue, além de vigia dupla, uma característica do modelo desde que virou um liftback. Há um defletor integrado à tampa.

O Toyota Prius 2018 mantém o estilo liftback para reduzir o arrasto e ampliar a eficiente energética, graças ao coeficiente aerodinâmico de 0,24. Com calotas metálicas, até as rodas de liga leve aro 15 são diferentes. Os retrovisores possuem rebatimento elétrico e a antena é em estilo barbatana. Tudo feito para reduzir ao máximo o arrasto aerodinâmico.

Com um ambiente amplo e com informações centralizadas ao condutor, assim como na geração anterior, o Toyota Prius 2018 apesenta instrumentação na parte superior com duas telas TFT de 4,2 polegadas. O condutor tem uma visão do funcionamento do sistema híbrido, bem como diversas outras funcionalidades e ilustrativas.

O velocímetro, gráficos de consumo, histórico de eficiência, registros pessoais de desempenho, entre outros, são apresentados ao motorista. Pode-se até calcular o custo com combustível, bem como verificar a pontuação de eficiência energética, um incentivo à consciência ambiental proposta pelo híbrido desde seu lançamento nos anos 90.

Um HUD colorido com gráfico de eficiência energética, reproduzido a partir do quadro de instrumentos central, se coloca vistoso no topo da visão do motorista. Ele permite ao condutor saber se o veículo está recuperando energia, atuando em faixa de economia (dois níveis) e utilizando mais o motor, a faixa vermelha.

A multimídia com tela de 7 polegadas, além de DVD, GPS, TV Digital, câmera de ré e Bluetooth, além de sistema de som JBL. O ar-condicionado é automático e dual zone, tendo ainda a função S-Flow, que permite interromper a ventilação nos bancos traseiros para poupar energia quando só existe motorista e/ou passageiro dianteiro. O sistema ainda possui três modos de atuação para reduzir consumo no Toyota Prius 2018.

Abaixo da multimídia, fica a alavanca de transmissão com as posições D, N, R e B. Esta última é a Boost, que permita força máxima do propulsor elétrico e motor em caso de necessidade. Entre os bancos, um carregador wireless – somente para smartphones com essa tecnologia – tem acabamento branco, assim como o volante multifuncional, que tem ainda a tradicional alavanca do piloto automático. Já o freio de estacionamento é antigo, sendo acionado por pedal. O botão P (parking) é separado. Ao lado, botões para os modos de condução.

O acabamento tem materiais em soft touch e detalhes em preto brilhante, contrastando com o branco de outras partes.Embora amplo e espaçoso, o interior do Toyota Prius 2018 é um tanto simples e funcional. Há bons porta-copos e garrafas, bem como bancos em couro com aquecimento nos dianteiros e ajuste lombar (condutor).

Atrás, o espaço é muito bom, assim como a altura. Isofix e cintos completos estão presentes. O banco traseiro é bipartido e há saídas de ar-condicionado. O porta-malas tem 412 litros, sendo apenas suficiente para a proposta do modelo, bem como o estepe é de liga leve e na mesma medida que os demais.

novo-toyota-prius-2016-2 Toyota Prius 2018: detalhes, fotos, equipamentos, consumo, preço

Toyota Prius 2018 – novidades

A Toyota já iniciou os testes do Prius com motorização Flex em colaboração de duas universidades públicas do Brasil. A eletrificação por aqui começará pelos híbridos comuns equipados com motores que possam ser abastecidos com etanol, segundo engenheiros e especialistas da área.

Sem infraestrutura para elétricos, o Brasil depende dos combustíveis ofertados, o etanol é uma das matrizes energéticas nacionais que movem grande parte de frota automotiva do país. Por conta disso, a ideia é unir esse produto com a eletricidade, a fim de obter o máximo em redução de emissão. Assim, a eletrificação a partir desse tipo de automóvel é algo mais viável e rápido de se fazer.

Dessa forma, a Toyota decidiu fazer essa mudança de rumo por conta própria, já que o governo federal pouco fez para atenuar a grande carga tributária que incide sobre os elétricos e híbridos, fazendo assim uma parceria com a USP (Universidade de São Paulo) e a UNB (Universidade de Brasília).

O motor Atkinson 1.8 VVT-i de 99 cv e 14,5 kgfm, usado pelo híbrido nipônico, já começou os testes com etanol e as duas instituições de ensino ajudarão na adaptação do combustível vegetal ao propulsor, que foi projetado para usar gasolina apenas. “Com o Prius flex, teremos uma das melhores combinações possíveis, oferecendo grande autonomia e baixas emissões com um combustível proveniente de matriz energética limpa e renovável, que é a cana-de-açúcar”, diz Ricardo Bastos, diretor de relações públicas e governamentais da Toyota do Brasil.

A Toyota iniciou o desenvolvimento da tecnologia em unidades fabricadas no Japão. Em breve, até dois exemplares do Prius deverão começar a rodar com o combustível no país. Dessa forma, quando se alcançar a calibração ideal, o híbrido já poderá utiliza-la de forma comercial, mas isso não ocorrerá de forma imediata, pois a primazia do “Hybrid Flex” deverá ser de outro carro.

Porém, o Toyota Prius Flex passará por pelo menos um ano de validação do uso do etanol e depois pelo processo de homologação junto ao Inmetro, estando liberado apenas em meados de 2019, quando a tecnologia já estará certificada para uso no mercado. Existe a possibilidade de que a Toyota comece pelo crossover C-HR Hybrid, que surge como uma importante alternativa, ampliando o uso do etanol.

A próxima geração do Corolla também usará a mesma plataforma modular TNGA, podendo já chegar com uma versão híbrida flex. Nesse caso, o uso do motor 1.8 VVT-i seria interessante do ponto de vista comercial, pois já equipa Prius e C-HR, no entanto, parece insuficiente para dar a performance que o sedã necessita. Assim, o melhor seria um 2.0 Dual VVT-i de ciclo Atkinson com mais potência. Talvez esse, mas os outros, serão feitos em Porto Feliz-SP, onde a fábrica de motores recebeu investimentos para aumentar a produção até 2019.

Toyota Prius 2018 – versões

Toyota Prius 1.8 Hybrid

novo-toyota-prius-2016-4 Toyota Prius 2018: detalhes, fotos, equipamentos, consumo, preço

Toyota Prius 2018 – equipamentos

Toyota Prius 1.8 – Motor 1.8 Dual VVT-i de 98 cv, motor elétrico de 72 cv e CVT, bem como ar-condicionado automático, direção elétrica, vidros dianteiros e traseiros elétricos, retrovisores elétricos com rebatimento automático, alarme, abertura e fechamento de portas sem chave, botão de partida, rodas de liga leve aro 15 polegadas com calotas metálicas, pneus de baixa resistência à rolagem 195/65 R15, freios a disco nas quatro rodas, ABS com EDB, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, faróis de LED, lanternas em LED, luzes diurnas em LED, sensores de estacionamento, câmera de ré, luz ambiente com sensor de presença, bancos em tecido, multimídia Toyota Play com CD/DVD/GPS/Bluetooth/USB/HDTV, cluster digital, coluna de direção ajustável em altura e profundidade, volante multifuncional, carregamento indutivo de smartphone, retrovisor eletrocrômico, aquecimentos dos bancos dianteiros, Isofix, cintos e apoios de cabeça completos, banco traseiro bipartido, lavador e limpador do vidro traseiro, desembaçador de para-brisa e vidro traseiro, sistema de som JBL, modos de condução Power/Eco/Normal, posição de marcha Boost/Drive/Ré/Neutral, difusores automáticos para motorista ou todos os ocupantes e freio de estacionamento no pé.

Toyota Prius 2018 – preços

Toyota Prius 1.8 Hybrid – R$ 126.600

Toyota Prius 2018 – motor

O Toyota Prius 2018 utiliza um motor 1.8 Dual VVT-i de ciclo Atkinson, usado em parte como propulsor e em outra como gerador. Apesar do tamanho, o motor tem números equivalentes aos do 1.5 Dual VVT-i do Etios, entregando 98 cv a 5.200 rpm e 14,2 kgfm a 3.600 rpm. Embora poucos, eles são suficientes para a proposta do híbrido. O motor tem cabeçote, bloco e cárter em alumínio, além de duplo comando de válvulas variável e injeção indireta a gasolina.

Ele trabalha com uma caixa de transmissão CVT com gerenciamento eletrônico, visto que ela serve também ao motor elétrico de 72 cv e 16,6 kgfm, ambos obtidos a partir do zero. Essa força extra, em combinação com o 1.8 Dual VVT-i, confere ao Toyota Prius 2018 cerca de 123 cv. Isso é suficiente para um desempenho bom, mas sem deixar de ser frugal. A Toyota testa uma versão flexível do motor Atkinson, a fim de poder usar o etanol também.

novo-toyota-prius-2016-7 Toyota Prius 2018: detalhes, fotos, equipamentos, consumo, preço

Toyota Prius 2018 – desempenho

Aceleração de 0 a 100 km/h e velocidade máxima final 

Toyota Prius 1.8 2018 – 11 segundos e 165 km/h

O Toyota Prius 2018 pode ser complexo de iniciar com quem não está acostumado, mas com pouco treino, já se aprende tudo sobre ele. Ou quase. Com entrada sem chave física, o híbrido convida ao assento do condutor com tela de boas-vindas. O botão de partida liga somente o sistema elétrico, mas apenas se a bateria estiver acima de 20%. Abaixo disso, o propulsor 1.8 VVT-i entra sem cerimônia, fazendo com que o híbrido pareça de fato um carro comum.

Após colocar em Drive, liberar o freio de estacionamento com o pé esquerdo e deixar o motor elétrico ir levando suavemente o Toyota Prius 2018, o híbrido japonês deslancha suavemente e silenciosamente. Ele é equipado com o chamado HSD (Hybrid Sinergy Drive), composto de um quatro cilindros 1.8 16V DVVT com 98 cv a 5.200 rpm e 14,2 kgfm a 3.600 rpm, além de um elétrico de 72 cv e 16,6 kgfm, ambos sem rotação. Ou seja, entregam tudo de forma instantânea. No combinado, são 123 cv, que o permite ir de 0 a 100 km/h em 11 segundos e tenha máxima de 165 km/h.

Com três modos de operação, Eco, Normal e Power, o Toyota Prius . No Eco, o híbrido é o mais eficiente possível, reduzindo os gastos de energia com sistemas periféricos, incluindo o ar-condicionado, suavizando o funcionamento do HSD a fim de buscar o melhor resultado. Há também o modo EV, onde apenas o motor elétrico é ativado, mas seu tempo de duração depende do pé do motorista e da carga na bateria.

O motor elétrico é utilizado na maior parte do tempo, mas qualquer pisada um pouco mais forte no pedal, o propulsor entra de forma imediata, mas silenciosa.

No modo Eco é fácil alcançar 18,9 km/litro no uso urbano e 17,0 km/litro no rodoviário, que garantem autonomias teóricas de 813 km na cidade e 731 km na estrada. No Normal, a performance melhora em detrimento da eficiência, mas sem prejuízo para o carro. O motor 1.8 é usado mais frequentemente, mas de forma eficiente. A eficiência, porém, cai bastante, mas ainda assim aceitável, no Power, que é o uso para uma condução mais esportiva, onde o torque combinado entrega boas saídas e retomadas de velocidade.

Com velocidade de até 50 km/h, o modo EV utiliza apenas a bateria, mas com pelo menos a metade da carga. A autonomia é bem pequena, mesmo com tudo desativado. No dia a dia, se mostrou pouco eficiente, já que um mínimo de exigência no pedal e adeus emissão zero. No modo Boost, o propulsor elétrico dá um gás a mais na performance, mas pouco necessário.

Com boa visibilidade e posição de dirigir confortável, o Toyota Prius 2018 tem ainda outros recursos para agradar o condutor, entre eles o HUD, que ajuda a manter a visão na estrada, enquanto a direção elétrica proporciona uma pegada melhor. Já os freios são bem eficazes e ajudam na regeneração de energia, especialmente em descidas de serra, onde o maior tempo de desaceleração enche rapidamente as células.

O motor 1.8 chega a impulsionar o carro sozinho, sem transferência de energia para o elétrico ou bateria, mas em alguns momentos. Da mesma forma, o elétrico chega a estar 100% na propulsão, mesmo acima de 100 km/h. A alternância é grande durante a operação normal, estando o motorista – e passageiros – a par de tudo o que acontece por meio do display do cluster com animação referente ao esquema de propulsão.

No Toyota Prius 2018, o silêncio a bordo é muito bom, ainda mais com o elétrico funcionando. A estabilidade também é muito boa, assim como a dirigibilidade. Já a suspensão tem um ajuste firme, mas bem calibrado para a realidade brasileira. O curso é pequeno, porém, não raspa nas lombadas, o que é muito bom.

novo-toyota-prius-2016-5 Toyota Prius 2018: detalhes, fotos, equipamentos, consumo, preço

Toyota Prius 2018 – consumo

Cidade

Toyota Prius 1.8 2018 – 18,9 km/litro com gasolina

Estrada

Toyota Prius 1.8 2018 – 17,0 km/litro com gasolina

Toyota Prius 2018 – manutenção e revisão

O custo de revisão do Toyota Prius 2018 é de R$ 4.009 até 60.000 km. A marca japonesa conta com revisão expressa de até 60 minutos e revisão com preço fechado, mas além disso, vem com revisões programadas que podem ser parceladas em até três vezes e a mão de obra está incluída.

Revisão

Custo

Quilometragem

Preços 1.8

10.000 km

R$ 238

20.000 km

R$ 624

30.000 km

R$ 432

40.000 km

R$ 999

50.000 km

R$ 570

60.000 km

R$ 1.146

Toyota Prius 2018 – ficha técnica

Motor

1.8 Dual VVT-i

Tipo

Dianteiro transversal e Gasolina

Número de cilindros

4 em linha

Cilindrada em cm3

1798

Válvulas

16

Taxa de compressão

13:1

Injeção eletrônica de combustível

Multiponto

Potência Máxima Líquida (ABNT NBR 5484)

Gasolina: 98 cv @ 5200 rpm

Torque Máximo Líquido (ABNT NBR 5484) 

Gasolina: 14,2 kgfm @ 3600 rpm

Transmissão

Tipo

CVT

Elétrico Potência Máxima Líquida (ABNT NBR 5484)

72 cv @ 0 rpm

Elétrico Torque Máximo Líquido (ABNT NBR 5484) 

16,6 kgfm @ 0 rpm

Potência combinada gasolina + elétrico

123 cv

Freios

Tipo

Disco ventilado / Disco

Direção

Tipo

Elétrica

Suspensão

Dianteira

McPherson, barra estabilizadora

Traseira

Multilink

Rodas e Pneus

Rodas

Liga Leve aro 15 polegadas

Pneus

195/65 R15

Dimensões

Comprimento total (mm)

4540

Largura sem retrovisores (mm)

1760

Altura (mm)

1490

Distância entre os eixos (mm)

2700

Capacidades

Porta-malas (litros)

412

Tanque (litros)

43

Carga útil, com 5 passageiros mais bagagem (kg)

390

Peso em ordem de marcha (kg)

1400

Coeficiente de penetração aerodinâmica (Cx)

0,24

Toyota Prius 2018 – fotos

5.0

  • Andre

    O que acho mais feio deste carro, são suas rodas!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend