*Destaque Híbridos Hatches Tecnologia Toyota

Toyota Prius Flex tem protótipo revelado no Brasil

toyota-prius-flex-1 Toyota Prius Flex tem protótipo revelado no Brasil

A Toyota desenvolveu no Brasil o primeiro híbrido flex do mundo. O protótipo com a tecnologia foi apresentado nesta segunda (19) e parte para uma viagem entre São Paulo e Brasília. A missão é avaliar o comportamento do veículo com o derivado da cana-de-açúcar, combustível largamente utilizado por aqui. O foco da marca japonesa é oferecer uma alternativa ao carro comum com grande redução nas emissões de CO2 com o uso de um produto de origem 100% renovável.



Steve St.Angelo, CEO da Toyota para América Latina e Caribe e Chairman da Toyota do Brasil, Argentina e Venezuela, disse: “Estou muito orgulhoso de nossos engenheiros da Toyota do Brasil, que trabalharam em conjunto com a equipe de nossa matriz, no Japão, com objetivo de desenvolver o veículo híbrido mais limpo do mundo, que usa etanol, para nossos clientes brasileiros. A inovação demonstra que a Toyota segue a passos firmes rumo à jornada em prover uma nova sociedade de mobilidade”.

Embora possa manter a gasolina como alternativa, o etanol é o principal combustível para o Toyota Prius Flex, podendo assim atingir níveis elevados de compensação e reabsorção de gases nocivos emitidos na atmosfera. Por ora, ainda não se sabe o quanto ele consome em médias de cidade e estrada, mas o uso do etanol deve favorecer o híbrido diante do governo, que apoia o uso do combustível vegetal.

Isso deverá adiar a necessidade de introdução de carros elétricos por parte da Toyota e, se a tecnologia for amplamente utilizada, também por outras marcas, visto que o etanol por si só já garante uma boa redução nas emissões de CO2. Com 1,5 mil km de percurso para as primeiras avaliações, o Prius Flex deverá acumular ainda mais dados do conjunto motriz para repassar ao projeto principal, que está sendo executado pela Toyota.



Este deverá ser o Corolla Hybrid Flex, que deve unir a grande redução de consumo com o propulsor híbrido e a vantagem ao cliente de poder escolher entre gasolina e etanol, embora a marca foque mais no segundo, logicamente. Se der certo por aqui, provavelmente a Toyota levará a experiência para outros mercados e produtos, ainda mais agora que o portfólio da marca está ressurgindo cada vez mais híbrido e limpo.

Em 60 anos de Brasil, comemorados agora, a Toyota passou do humilde e valente Bandeirante ao best seller incompreendido Corolla, tendo um portfólio pequeno, mas bem emplacado, com exceção de dois modelos. A empresa deixou de produzir veículos em São Bernardo do Campo e atualmente forma um triangulo de fábricas no Vale do Tietê e região Sorocabana.

COMPARTILHAR:
  • delvane sousa

    Vantagem nenhuma para o consumidor, nao pelo carro que e otimo, mas so vai encarecer para o consumidor.

    • Luciano RC

      Muita vantagem… vai melhorar em tecnologia e agora mostrar ser flexivel, compensando em várias regiões o uso de Etanol. Eu prefiro… confesso que quero muito ver o crescimento da tecnologia em várias marcas e modelos.

      • Pedro Henrique

        unica coisa que vai mudar é que você vai ter a opção, pagar 3,70 na gasolina e fazer 16 km/l convencional ou pagar 3,50 no etanol e fazer 15km/l hybrido (supondo)
        para os abastados ok legal, bacana opção
        pro povão tudo igual

        • FrankTesl

          se não começar por algum lugar, mesmo que seja no segmento dos carros mais caros, dificilmente chega para para os segmentos mais populares.

          Por várias décadas carro particular foi coisa de rico – foi preciso várias gerações de carros caros demais para a maioria para que se chegasse ao ponto de produzir carros mais baratos que todos pudessem comprar, ainda mais aqui no Brasil.

        • Luciano RC

          Esse preço do Etanol não é a realidade… hoje, a diferença aqui em Guarulhos chega a 1.50.

          • marcos souza

            no nordeste nunca compensou e nem nunca vai compensar… colocanco o freio de mão dele no lugar certo, já é uma vitoria…

          • Pedro Henrique

            quiser te mando a foto amanha kkkkk
            gasolina ta 4 pila e etanol 3.70 ou 3.79 se não me engano

            • Luciano RC

              Nesse caso, o Etanol está somente ali pra preencher tabela. Aqui em Guarulhos a gasolina é 3,99 e o Etanol 2,49. Isso no posto que tenho convênio.

              • Ernesto

                Em São Paulo, no geral, a diferença é realmente maior. Mas existem Estados que não há vantagem nenhuma do Álcool, como é o caso de onde o Pedro Henrique mora.

              • Pedro Henrique

                pois bem vindo a floripa, aqui o etanol sempre foi só pra preencher tabela kkkkkkk

                • Luciano RC

                  Nem na época que eu ia constantemente era tão igual assim… pelo jeito, o Governo só piorou.

                  • Pedro Henrique

                    interessante que hoje passei por alguns postos com gasolina a 3,59 outros a 3,66, alguns a 3,80
                    ta uma bagunça total os preços (será que ta rolando investigação no cartelzinho?) 3,66 em posto de confiança, 3,59 em posto mais ou menos kkkkk
                    se tirar como base esse preço de 3,66 a gasolina ta mais barata que o etanol (numa média pelos postos)

            • REDDINGTON

              Blumenau não tá diferente não viu….etanol só quem tem carro movido a etanol…

      • REDDINGTON

        Cara alcool hoje compensa mal mal no estado de São Paulo…E olhe lá

  • Munn Rá : O de Vida Eterna

    Gamflex ? ( Gabiarra Flex )

  • Lucas

    Se for o 2.0 ainda tá bom. O duro é se for aquele motor 1.8 usado no Prius.

  • Samluzbh

    A Toyota vai pedir mais incentivos por ser flex, e de novo não vai repassar nada para o consumidor.

    • RTEC30

      E falar que aplicou em P&D no Brasil hahahahaha

  • Erivelton Freitas

    A Toyota poderia ter um pouco de vergonha na cara e trazer para cá a versão ‘bonita’ desse caro, que seria o Toyota Prius Prime, chamado de Prius Plug-In em alguns mercados. Porque o Design desse carro é muito pitoresco e feio!

  • Tochio

    Como assim, orgulhosa agora de seus engenheiro? e o Etioscross ?

    • Guilherme Batista

      Jogaram a culpa nos designers

  • Danillo Santos

    Eita! Sei não hein! Isso não tá me cheirando bem! Ainda não estou convencido da viabilidade financeira dos carros híbridos (não sou cético, apenas ainda não tenho conhecimento suficiente a respeito) muito menos dos flex. Ainda mais quando o governo pretende aumentar o percentual de etanol na gasolina para incentivar o uso do etanol puro; isso tá parecendo lobby do brabo! Será que esse prius flex sairia por menos de 250k? Porque com a Toyota é assim: vender carros com pouco diferencial tecnológico a preço de ouro e carros com algo realmente inovador (ainda que seja uma tecnologia mal alocada pois compradores de carros nessa faixa de preço no Brasil raramente se preocupam com consumo ou emissões) a preço de diamante…

    • Gabriel Franco

      Se eu não me engano isso de aumentar o percentual de etanol na gasolina foi revogado

      • Maycon Farias

        Tomara que sim

    • REDDINGTON

      Também não sou especialista, mas vejo o híbrido comum, não flex e plug-in a solução pro Brasil. Elétrico com um país que sempre está a beira de um apagão não rola. E quem tem carros híbridos estão gostando, o problema é trocar o conjunto de baterias, mas elas tem duração mínima de uns 10 anos, mas com a popularização do sistema vai acabar abaixando o preço. Agora híbrido e flex esse eu desconfio também.

      • FrankTesl

        energia já é possível de ser produzida no telhado de casa. Combustíveis, não.

        • REDDINGTON

          Sim gastando uma pechincha, 25…40…60 mil reais!!! Tá bem fácil e barato pra instalar e já popularizou sim.

          • FrankTesl

            Atualize-se e se livre dos seus preconceitos, kits fotovoltaicos que atendem uma residência média não custam 60 mil reais.

            Só para título de exemplo, Um kit grid tie de 8 placas custa 12 mil reais e se paga em 7 anos.
            Um kit de

            Com 60 mil reais dá para colocar um conjunto grid tie de 50 placas, que abastece um galpão inteiro

            Kits nessa faixa de valor para uma casa residencial, só for daqueles que utilizam baterias, os chamados off-grid.

            Essa solução já deveria ter se popularizado, pois muito caiu de preço de 2012, quando o sistema de geração distribuída foi regulamentado. De lá para cá o preço desses equipamentos caiu, bem como o tempo de retorno de investimento.

            Somente o desconhecimento e a falta de vontade pesquisar por informações atualizadas explica porque muita gente acha que conjuntos fotovoltaicos grid-tie para microgeração doméstica possam custam R$50mil ou R$60mil, quando na verdade já é possível instalar numa casa a partir de R$12mil reais.

            • REDDINGTON

              Mas a discussão foi SOBRE o agora…Me responde aí especialista: Quantos locais públicos temos hoje disponível pra vc colocar um carro na tomada??? Se pouquíssimas casas e empresas tem o sistema de energia solar dirá pra abastecer carros né. 12 mil reais se paga em 7 anos…e quem tem 12 mil reais assim sobrando do nada?? Coloca na ponta do lápis o valor que que vc citou se for mesmo só 12 mil reais, mais o valor de um carro híbrido plug-in…Se é assim tão barato e fácil por que não está presente ao menos na metade das casas do país??? Falo de casa, não de favelas…estranho não acha???

              • FrankTesl

                o que tem de gente se metendo em carnês biblias para comprar carros que serão revendidos em menos de 2 anos assumindo 20% de desvalorização…

                Esse preço é o que me foi passado esse ano pelo empresa que instalou o meu sistema ano passado, para exemplificar como os preços estão baixando.

                Não é preciso esperar que carros elétricos surjam no mercado para um kit fotovoltaico grid tie fazer sentido.
                Com a energia gerada, só se paga a tarifa mínima, e o retorno de investimento vem em 7 anos, e restam mais 18 anos com energia.
                Logicamente quem mora em situação díficil não teria condições, mas por esse valor já está bem acessível para pessoas de classe média para cima.
                Se for esperar primeiro que todos os problemas sociais do Brasil sejam resolvidos para depois quem tem condições comprar um kit fotovoltaico, todo mundo no Brasil deveria estar andando de cavalo em ruas de terra ao invés de comprando carro e andando no asfalto.

                • REDDINGTON

                  Vc distorceu tudo que eu disse, o que eu respondi pro cara lá em cima foi, que na MINHA opinião, o que temos pra HOJE é o híbrido, a solução mais rápida e “barata” pra essa tecnologia, sem precisar instalar nada em casa, na empresa ou qq lugar….Problemas sociais do Brasil???? Cara o que isso tem a ver!!??

          • FrankTesl

            Sem falar que em uma casa, só de instalar um sistema de aquecimento solar de água, já dá para economizar mais de 150 kWh mês na conta, ou seja, já deixa de gastar bastante eletricidade em chuveiros e torneiras elétricas, liberando para o consumo de carro elétrico.

            É tem um custo bem mais barato e não requer autorização junto à distribuidora.

    • Ernesto

      Não faz sentido custar 250k pois o Prius atual é vendido a aproximadamente R$125.000,00.

  • No_Name

    A autonomia será diminuída…
    Por mais que o motor tenha sido preparado para ser alimentado mais com álcool do que gasolina, a média de consumo ainda será inferior e afetará a autonomia, que é algo importante na proposta de carro híbrido, por causa do tanque pequeno.

  • afonso200

    Com o preço do etanol. Nunca tem vantagem….. Pq nao fazem um com gnv

  • Dafomg

    Pra que transformá-lo pra flex se vai diminuir a autonomia? Acho uma tremenda burrice.

  • Mauro Banqueiro

    Sua por 150k

    • Ernesto

      Hoje você encontra Prius 0Km por mais ou menos R$125.000,00. Não faz sentido aumentar R$25.000,00 por ser flex.

  • Bikudin

    Estragou o carro, vai ficar beberrão tb, só vai ser menos por ser hibrido. Quero só ver os problemas q os motores flex com injeção direta vão dar futuramente com esse etanol com água q temos aqui, infelizmente nenhum combustivel no Brasil presta, etanol tem água e a gasolina tem etanol, esse é o nosso combulixo.

  • zekinha71

    Tiveram que inventar um motor exclusivo para o Fozil pra conseguir rodar com a nossa gasolina 100% etanol e água.

  • REDDINGTON

    Vão matar o carro…pra que isso!!

  • Emygdio Carlos

    Sou favorável a essa nova tecnologia. Enquanto outras marcas preferiram usar o turbo para aumentar a potência dos motores e gerar economia, a Toyota continua com os motores aspirados, acredito que com uma mudança no ciclo de funcionamento, e para aumentar a potência e gerar maior economia usarão o motor elétrico, que produz um torque imediato e é muito funcional no “para e anda” dos grandes congestionamentos das grandes cidades.

  • carnero

    Selecione seu “standard comment” aqui:
    1- flex é ruim!!!
    2- troca esse motor manco!!!
    3- ai meu bolso!!!

  • Unknown

    Como é feio este Prius!

    • Supernescau

      Achei que pessoalmente seria melhor, mas é tão feio quanto nas fotos. Está quase empatando com o Etios, que vai melhorar bem com o facelift prometido.

  • Luiz Romeu

    ué, mas não falavam que era o programa inovarauto que garantia investimentos em tecnologia de autos???

  • Luiz Romeu

    Também tenho minhas duvidas quando ao alcool de cana, meu carro só uso gasolina ainda que ela venha misturada de fabrica, o Proalcool é mais uma jabuticaba

  • Luiz Romeu

    do ponto de vista tecnico o eletrico combina melhor com alcool do que com gasolina, pela caracteristica de baixo torque (em baixa rotação) em relação a potencia maxima do alcool (em alta rotação), diferente da caracteristica da gasolina, e que o elétrico vem a suprir e combinar com melhor perfeição por dar torque continuo em qualquer rotação e a dificuldade de gerar potencia e autonomia na velocidade de cruzeiro.

  • yurieu

    O Brasil na liderança da contra mão!

  • Acho uma boa iniciativa da Toyota, mas preferiria que fosse disponibilizada a versão plug-in no nosso mercado. Melhor ter a opção de abastecer na tomada no dia a dia e usar o motor a combustão apenas nas viagens.

  • Leonardo M. G.

    Célula de etanol a 40 G.L. já! Quero abastecer meu carro com pinga/vodca/moonshine logo!

    • FrankTesl

      Se os usineiros gastassem menos com ostentação, sedes nababescas, rendimentos absurdos para os coronés da cana e os feitores das usinas, dessem menos dinheiro lobby no Congresso, Presidência, Ministérios, Governos, Ministérios, e mais dinheiro para investir pesado em pesquisa, desenvolvimento e tecnologia reais, junto com empresas (como a Nissan, que mesmo sendo do Japão onde não tem um pé de cana, investiu na célula de etanol mais que todos os canavieiros e usineiros brasileiros juntos ) e universidades, já teriam dados passos importantes, até mesmo viabilizado a produção de células de etanol para gerar eletricidade para carros com motores elétricos.
      Ou seja, criariam uma utilidade para o produto deles (etanol) melhor que a atual, que se resume a jogar caldo de cana refinado em motores á combustão gambiarras com rendimento de menos de 20% no aproveitamento da energia.

      Mas o Brasil não chegou ao estágio atual à toa, são séculos de expertise no atraso – vale mais gastar para manter tudo como está do que buscar um caminho real de progresso. Barão de Mauá foi só um dos exemplos.

  • Fernando Bueno

    A inovação demonstra que a Toyota segue a passos firmes rumo à jornada em prover uma nova sociedade de mobilidade”…….ah tá…..sei….de que adianta isso se só uma mísera parcela terá acesso…..aff….cada uma

  • Alexandre

    Boa tarde,
    Bela aposta. Etanol + Eletricidade.
    Só falta GNV.
    Turbo e injeção direta.

  • Comentarista

    Em um país de baixo poder aquisitivo onde o mercado de usados é bastante importante, um carro desses é sempre um mico…. podem dizer o que for … esse carro com 10 anos de uso, que é considerado um ‘semi-novo’, o custo de manutenção com bateria é brutal… dizem que a Toyota está cobrando R$10.000,00 … mas pasmem, são 10 mangos + manutenção do motor a combustão…. nós não temos bala para manter esse carro. Talvez quando chegarmos ao nível econômicos dos países ricos… por enquanto passo…

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email

receber-noticias Notícias por email